Você está na página 1de 3

GRADUAÇÃO EM COMPUTAÇÃO - LICENCIATURA

POLÍTICAS DA ANÁLISE E PROJETOS DE SISTEMAS


PORTIFÓLIO CICLO 2

BELO HORIONTE
2019
2

PORTIFÓLIO CICLO 2

Nas Unidades 1, 2 e 3, estudamos três modelos de métodos de análise de


sistemas e iniciamos a contextualização do modelo orientado a objeto. Nesta
atividade, apresentaremos algumas abordagens e ferramentas dos modelos para a
modelagem.
Após rever os conceitos apresentados no material e em pesquisas extras que achar
necessário, você deverá responder às questões a seguir, com o objetivo de entender
melhor a diferença entre tais modelos e quando optar pelo uso de um ou outro.

1- Por que a análise estruturada não atende aos requisitos de modelagem de


sistemas atuais/complexos?
Porque ela só aborda 2 perspectivas função e dados, em quantos os sistemas
atuais possuem 3 função, dados e controle.
2- Quais são as diferenças que podemos citar entre a modelagem estruturada e
a orientada a objeto?

Na Análise Estruturada o particionamento é feito através da abordagem


top-down, enquanto na orientada a objeto, o particionamento é por eventos.

A orientada a objeto começa pelo modelo essencial, o que equivale, na


Análise Estruturada, começar diretamente pelo modelo lógico proposto.

Continuando a atividade, um modelo é uma visão abstrata de um sistema


que ignora alguns detalhes do sistema. Modelos de sistema complementares podem
ser desenvolvidos para mostrar o contexto, as interações, a estrutura e o
comportamento do sistema. Um DFD (Diagrama de Fluxo de Dados) é uma
representação gráfica do modelo funcional de um sistema.
Um caixa eletrônico, caixa automático, também conhecido como sistema
ATM (Automated Teller Machine) é um dispositivo eletrônico já bem conhecido
que permite que clientes de um banco retirem dinheiro e verifiquem o saldo de
suas contas. Pois bem, a atividade consiste em modelar esse sistema utilizando o
DFD, em especificamente duas ações do usuário no sistema: retirada de dinheiro
(saque), consulta de movimentação (extrato). Após realizar a modelagem responda
as seguintes questões:
3

a) Que funções o sistema deve executar?


Permitir o saque e emitir o extrato atualizado.
b). Quais são as interações entre os sistemas?

c). Quais as transformações que o sistema deve executar?


Depósito de dados da conta
d). De onde vêm os dados e para onde vão as saídas de processamento?

A representação gráfica do DFD pode ser feita utilizando a ferramenta de


sua preferência, apenas gere as imagens e junte-as com as respostas para as
perguntas e poste no Portfólio no formato doc ou pdf.