Você está na página 1de 1

FARMACOLOGIA DO SISTEMA NERVOSO AUTÔNOMO

ESTUDO DA AÇÃO DE FÁRMACOS COLINÉRGICOS E ADRENÉRGICOS SOBRE A PRESSÃO ARTERIAL DE RATOS

Software desenvolvido por John Dempster, 1993, University of Strathclyde, Scotland.


Objetivo: Observar o efeito de agonistas e antagonistas de receptores colinérgicos e adrenérgicos sobre a pressão
arterial e frequência cardíaca de ratos desmedulados.
O modelo experimental do rato desmedulado foi desenvolvido para investigar os mecanismos de controle do
Sistema Nervoso Autônomo Simpático e Parassimpático sobre o sistema circulatório. Desmedulação refere-se à
destruição das vias medulares espinhais, abolindo todas as conexões com o cérebro e removendo os reflexos
barorreceptores do SNC que poderiam interferir com a interpretação dos resultados.
O software utilizado na aula prática permite-nos simular a administração de diferentes concentrações de
agonistas e antagonistas colinérgicos e adrenérgicos a ratos com secção da medula espinhal, através de uma cânula
inserida na veia jugular. A pressão arterial é registrada a partir de um transdutor de pressão inserido na artéria carótida.
Os procedimentos para a operação do programa serão explicados pelo professor. A sequência definida no protocolo
experimental deverá ser seguida corretamente
Os traçados dos registros deverão ser desenhados e interpretados pelos estudantes sob orientação do
professor.

Administrar os fármacos na sequência abaixo:


Ordem Fármaco Dose
1 Acetilcolina 10 µg/kg
2 Adrenalina 5 µg/kg
3 Noradrenalina 5 µg/kg
4 Isoprenalina 2 µg/kg
TROCAR O ANIMAL
5 Atropina 1 mg/kg
6 Acetilcolina 10 µg/kg
7 Acetilcolina 500 µg/kg
TROCAR O ANIMAL
8 Fentolamina 2 mg/kg
9 Adrenalina 5 µg/kg
10 Noradrenalina 5 µg/kg
11 Isoprenalina 2 µg/kg
TROCAR O ANIMAL
12 Propanolol 2 mg/kg
13 Adrenalina 0,5 µg/kg
14 Noradrenalina 5 µg/kg
15 Isoprenalina 2 µg/kg

Após a interpretação dos resultados obtidos na aula prática, responder as seguintes questões:
1 – Como explicar a vasodilatação generalizada responsável pela queda da pressão arterial que ocorre após a
administração da acetilcolina?
2 – Quais são os receptores colinérgicos que necessitam ser ativados para que ocorra bradicardia observada após a
administração da acetilcolina? Como eles funcionam?
3 – Um rato não desmedulado, após injeção I.V. de 5 µg/kg de noradrenalina apresenta bradicardia. O mesmo efeito
não é observado quando da administração da mesma dose de adrenalina.
a) Qual é o efeito causado pela adrenalina sobre a frequência cardíaca do rato? Em qual receptor este efeito é
produzido?
b) Explicar as diferenças nas respostas à administração destas duas substâncias simpatomiméticas sobre a
frequência cardíaca do animal.
c) Citar uma manobra farmacológica para impedir os efeitos vasculares da noradrenalina e da adrenalina
4 – Explicar o aumento da pressão arterial produzido por grandes doses de Acetilcolina no animal atropinizado.