Você está na página 1de 5

3ª LISTA DE EXERCICIO ELASTICIDADE DE MERCADO

1. Em janeiro, um bar cobrava R$ 2,00 por uma cerveja e vendia 100 quantidades por dia. Em fevereiro, passou a
cobrar R$ 4,00 por uma cerveja e vendeu 80 cervejas por dia. Pede-se:
a) Qual a elasticidade preço-demanda da cerveja?
b) Qual o tipo de elasticidade da cerveja: elástica, inelástica ou unitária?
2. Uma determinada companhia aérea vendeu em 2006 1000 passagens aéreas ao preço de R$ 100,00. Em 2007, o
preço passou para R$ 150,00 e a companhia diminuiu suas vendas pela metade. Pede-se:
a) Qual a elasticidade preço-demanda da venda de passagens?
b) Qual o tipo de elasticidade da passagem aérea: elástica, inelástica ou unitária?
3. Ao aumentar o pereço da tarifa por um determinado serviço de R$8,00 para R$10,00, uma rede bancária
observou uma queda na demanda, que era de 20 serviços prestados por dia, para 12. Nestas circunstâncias, pede-
se
a) Construa uma tabela e um gráfico demonstrando a situação:
b) Qual a elasticidade preço-demanda e qual o seu tipo?
4. Uma determinada empresa vendia 3 unidades/mês de seu produto quando praticava um preço de R$ 5,00. Num
determinado momento, passou a praticar o preço de R$ 4,00, vendendo 4 unidades/mês do produto. Pede-se:
a) b) Qual a elasticidade preço-demanda e qual o seu tipo?
9. Dada à função Q = 1.600 - 20p, pede-se:
a) A quantidade demandada quando o preço é de R$ 32,00,
b) A quantidade demanda diante de uma alteração no preço para R$ 31,80.
c) Encontre o coeficiente e o tipo de elasticidade para esta alteração de preço.
5. Conhecidas às variações de renda do consumidor e das quantidades demandadas de dois produtos, determine o
valor e o tipo de elasticidade renda, bem como o tipo de produto analisado.
Produto 1 Renda Produto 2
Qo = 2.680 Ro = 165,00 Qo = 2.680
Q1 = 2.850 R1 = 182,00 Q1 = 3430,4
6. Os dados abaixo, fornecem o comportamento da demanda por discos.
No período 1, são comprados 6 discos por mês, quando a renda mensal
é de R$ 400,00. No período 2 a renda mensal aumenta para R$ 600,00 e a quantidade de discos demandados por
mês aumenta para 8. Calcule a
elasticidade-renda da demanda diante deste aumento de renda.
7. Suponha que o preço do bem Y aumentou de R$ 2 para R$ 3, e a quantidade demandada do bem X, aumentou
de 2 para 4. Dê exemplos
de bens. Pede-se:
a) Qual o coeficiente da elasticidade cruzada da demanda?
b) Que tipo de bem é esse?
8. Construa um gráfico mostrando a seguinte relação: o preço do bem Y
aumentou de R$ 2 para R$ 3, e a quantidade demandada do bem X,
diminuiu de 4 para 3. Pede-se:
a) Qual o coeficiente da elasticidade cruzada da demanda?
b) Que tipo de bem é esse?
9. O preço do bem Y aumentou de R$ 10 para R$ 25, e a quantidade demandada do bem X, permaneceu a mesma.
Pede-se:
a) Qual o coeficiente da elasticidade cruzada da demanda?
b) Que tipo de bem é esse?
10. Suponha que o governo querendo reduzir o consumo de gasolina no curto prazo resolva promover um aumento
de 40% no preço. Percebeu-se que este aumento provocou uma redução de 8% no consumo. Pede-se:
a) Calcule o coeficiente de elasticidade-preço por gasolina.
b) diante do coeficiente de elasticidade, supondo que o governo queira atingir uma redução de 30% no consumo de
gasolina, o aumento de preço requerido deveria ser de aproximadamente quanto?

11 Uma série de eventos no fim de 1973 revolucionou a indústria do petróleo mundial. Em alguns meses, os treze
membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) mais que quadruplicaram o preço, em dólares,

Economia e Mercado Prof. Ms. Kennedy Carvalho Lopes


3ª LISTA DE EXERCICIO ELASTICIDADE DE MERCADO
do barril do petróleo bruto (o preço foi de US$ 2,59 para US$ 11,65). Os países exportadores de petróleo ficaram ricos
(...) quase que da noite para o dia [pois a receita auferida com a exportação de petróleo aumentou consideravelmente],
(...) LINDERT, Peter H., International Economics. 9th edition. 1991. Irwin. pp. 234-235
Com base no texto acima, é correto supor que, no curto prazo, a elasticidade-preço da demanda por petróleo é:
(A) maior do que 1 (demanda elástica).
(B) menor do que 1 (demanda inelástica).
(C) 1 (unitária).
(D) positiva.
(E) infinita.
12 Elasticidade é o tamanho do impacto que a alteração em uma variável ex.: preço) exerce sobre outra variável
(ex.: demanda).
"Em sentido genérico, é a alteração percentual de uma variável, dada a alteração percentual em outra, coeteris
paribus. Assim, elasticidade é sinônimo de sensibilidade, resposta, reação de uma variável, em face de mudanças
em outras variáveis". Uma variável "elástica" responde bastante a pequenas mudanças de outras variáveis. Do
mesmo modo, uma variável "inelástica" não responde a mudanças em outras variáveis.
Acerca da elasticidade-renda da demanda (Erd), assinale a alternativa correta.
a) A mercadoria é um bem normal quando Erd< 0, portanto negativa, ou seja, com um aumento da renda, a quantidade
demandada da mercadoria diminui.
b) A mercadoria é um bem inferior quando Erd> 1, portanto positiva, isto é, ocorre quando a quantidade demandada da
mercadoria sobe proporcionalmente mais que a renda.
c) O bem é normal quando Erd = 0, pois variações na renda não alteram o seu consumo.
d) A situação em que, 0 <Erd< =1, ocorre quando um aumento na renda ocasionar um aumento na quantidade consumida
em uma proporção menor ou igual à do aumento na renda; nessa condição, portanto, a mercadoria é um bem superior.
e) A Erd é a razão entre a variação percentual da quantidade demandada da mercadoria e a variação percentual da renda
do consumidor, coeteris paribus.
13. INSTITUTO RIO BRANCO [2008] A elasticidade preço da demanda de um bem é fundamental para se
compreender a reação da quantidade demandada a mudanças em seu preço. Com relação a esse tema, julgue (C
ou E) os itens seguintes.
A) Quando o módulo da elasticidade preço da demanda de um bem é igual a 1, a receita total não se altera quando há
variações no preço.
B) Quando o módulo da elasticidade preço de demanda de um bem é superior a 1, esse bem tem demanda elástica, e a
receita total se reduz quando seu preço se eleva.
C) Bens que têm pequena participação no orçamento tendem a ter uma demanda inelástica em relação ao preço.
D) Bens essenciais têm demanda elástica em relação ao preço.
a) Certo, Errado, Errado, Certo;
b) Errado, Errado, Certo, Certo;
c) Certo, Certo, Certo, Errado;
d) Errado, Certo, Certo, Errado;
e) Errado, Certo, Errado, Certo.
14. A elasticidade renda da demanda pelo bem X é igual a 1. Um aumento de 10% na renda dos compradores de
X levará, no mercado desse produto, a um aumento de:
a) preço de 5%
b) preço de 10%
c) preço de 20%
d) quantidade vendida de 10%
e) quantidade vendida de 20%
15. (Enade 2009, nº 32) A elasticidade-preço da demanda captura a resposta da demanda de um determinado bem
ou serviço às variações em seu preço. A elasticidade tende a ser maior:
a) Para carnes em geral do que para carnes de frango
b) Para colégios privados do ensino médio do que para escolas privadas de língua inglesa
c) Para gasolina no curto prazo do que para gasolina no longo prazo
d) Para ingressos para partidas de futebol do que ingressos para partidas de basquete, no Brasil

Economia e Mercado Prof. Ms. Kennedy Carvalho Lopes


3ª LISTA DE EXERCICIO ELASTICIDADE DE MERCADO
e) Para produtos do setor de bebidas do que para os produtos de higiene pessoal
16 Suponha que os produtos A e B tenham ambos um aumento de preço de R$ 10,00. Em consequência, a
quantidade demandada de A cai 10%, e a quantidade demandada de B cai apenas 5%. Nesse caso:
b) A demanda por A é mais elástica em relação ao preço do que a demanda por B.
c) A demanda por B é mais elástica em relação ao preço do que a demanda por A.
d) A e B têm a mesma elasticidade-preço da demanda.
e) Nada se pode dizer em relação à elasticidade-preço da demanda dos dois produtos.
17 (Cesgranrio ANP 2008 – Especialista em Regulação) No caso da produção de álcool e açúcar, a partir da cana,
um aumento do preço internacional do açúcar tende a:
A) diminuir a produção de açúcar.
B) diminuir a produção de álcool.
C) reduzir o lucro dos produtores de açúcar.
D) reduzir as compras de cana por parte das usinas.
E) aumentar os custos fixos dos produtores de açúcar.
18 Se um aumento no preço do bem Y provocar uma diminuição na quantidade demandada do bem X então:
I. A elasticidade-preço cruzada entre esses dois bens é negativa.
II. A elasticidade-preço cruzada entre esses dois bens é igual a zero.
III. A elasticidade-preço cruzada entre esses dois bens é positiva
IV. A elasticidade-preço cruzada entre esses dois bens será maior que zero, porém menor que um.
Assinale a opção correta:
A) somente I é verdadeira.
B) somente II é verdadeira.
C) II e III são verdadeiras.
D) II e IV são verdadeiras.
E) I e III são verdadeiras.
19 A elasticidade preço da demanda de um bem é fundamental para se compreender a reação da quantidade
demandada a mudanças em seu preço. Com relação a esse tema, julgue (C ou E) os itens seguintes e assinale a
opção correta:
I - Quando o modulo da elasticidade preço da demanda de um bem é igual a 1, a receita total não se altera quando há
variações no preço.
II - Quando o modulo da elasticidade preço de demanda de um bem é superior a 1, esse bem tem demanda elástica, e a
receita total se reduz quando seu preço se eleva.
III - Bens que tem pequena participação no orçamento tendem a ter uma demanda inelástica em relação ao preço.
IV - Bens essenciais tem demanda elástica em relação ao preço.
A) somente I, II e III.
B) somente I, III e IV.
C) somente II e III.
D) somente IV.
E) somente I e III.
20 O Sr. Eutério, que é dono de uma loja localizada num centro comercial onde existe um cinema, recentemente
leu um artigo na secção de economia do jornal Espesso sobre o aumento esperado do preço do cinema em 15%.
Dado que na sua loja vende bilhete de teatro, e que a elasticidade procura preço cruzado deste bem com o cinema
é 0,15, determine a variação percentual esperada da quantidade procurada do bilhete de teatro.
a) -0,0775
b) 0,225
c) 1
d) 0,0225
e) 0,0775
21 (Cesgranrio TJ - Rondônia 2008 – Economista Júnior) Se o preço da maçã aumentar 10%, nada mais se
alterando, e a elasticidade preço da demanda por maçãs for menos 0.5, então a quantidade demandada de maçãs:
A) diminuirá 20%.
B) diminuirá 5%.
C) permanecerá inalterada.

Economia e Mercado Prof. Ms. Kennedy Carvalho Lopes


3ª LISTA DE EXERCICIO ELASTICIDADE DE MERCADO
D) aumentará 5%.
E) aumentará 20%.
22 (AFTN)-A elasticidade-preço da demanda de um bem é 1,8 e a quantidade demandada ao preço atual de
mercado é de 5.000 unidades. Caso o preço do bem sofra uma redução de 5%, a quantidade demandada passará a
ser:
A) 4550
B) 5550
C) 5000
D) 5450
E) 4250
23 Suponha que, em uma determinada feira num final de semana, quando o preço do brócolis aumenta em 2%, a
quantidade vendida de couve-flor aumenta 4%. Ceteris paribus, isto significa que:
A) A elasticidade-renda da demanda de couve-flor é 2 e que os bens são complementares
B) A elasticidade-preço cruzada da demanda entre os bens é 2 e que os bens são substitutos
C) A elasticidade-preço da demanda de couve-flor é 0,5 e que os bens são substitutos
D) A elasticidade-preço cruzada da demanda entre os bens é –0,5 e que os bens são complementares
E) A elasticidade-preço da demanda de brócolis é –0,2 e que os bens são substitutos
24 A elasticidade cruzada da demanda mede a variação percentual na quantidade demandada de um bem dado
uma variação percentual no preço de outro bem. O coeficiente da elasticidade-cruzada da demanda entre os bens
a e b é de -1,3. Logo, podemos afirmar:
A) a e b são bens complementares
B) a e b são bens substitutos
C) a e b são bens de luxo
D) a e b são bens inferiores
E) a e b são bens normais
25 Para um preço de R$30,00 a quantidade demanda de macaxeira é de 60. Uma redução de R$2,00 no preço faz
com que a quantidade demandada de macaxeira aumente 4 unidades. Logo, podemos afirmar que o coeficiente da
elasticidade-preço da demanda é:
A) 1,2
B) 1
C) 1,5
D) 0,5
E) 0,2
26 O coeficiente de elasticidade-preço da demanda:
I. É negativo porque quantidades e preços variam em direção oposta.
II. É sempre positivo.
III. Ele é negativo, mas convencionou-se abandonar o sinal negativo já que os preços e quantidades variam na mesma
direção.
IV. Ele é positivo, mas convencionou-se abandonar o sinal negativo já que preços e quantidades variam em direções
contrárias.
Assinale a opção correta.
A) somente I é verdadeira.
B) somente II é verdadeira.
C) II e III são verdadeiras.
D) II e IV são verdadeiras.
E) I, II e IV são verdadeiras.
27 Calcular o coeficiente de elasticidade cruzada entre a procura dos produtos A e B, em certa localidade, sabendo-
se que toda vez que há um acréscimo de 10% no preço de um, sua quantidade procurada diminui 8%, enquanto a
quantidade procurada do outro, se seu preço permanece constante, aumenta 10%. O coeficiente será igual a:
A) 10%
B) 1
C) 2
D) ½

Economia e Mercado Prof. Ms. Kennedy Carvalho Lopes


3ª LISTA DE EXERCICIO ELASTICIDADE DE MERCADO
E) 11%
28 Dada a seguinte situação: Se um aumento no preço do bem Y provocar uma diminuição na quantidade
demandada do bem X, então:
A) A elasticidade-preço cruzada entre esses dois bens é negativa.
B) A elasticidade-preço cruzada entre esses dois bens é igual a zero
C) A elasticidade-preço cruzada entre esses dois bens é positiva
D) A elasticidade-preço cruzada entre esses dois bens será maior que zero, porém menor que 1
E) Nenhuma das alternativas estão corretas.
29. O quadro a seguir apresenta a demanda do bem X.
PREÇO R$ QUANTIDADE DEMANDADA (U.N)
7 20
5 50
Com base apenas nessas informações, assinale a alternativa correta.
(A) Quando o preço aumenta de $ 5 para $ 7, a receita total aumenta.
(B) A demanda do bem é inelástica.
(C) Quando o preço cai de $ 7 para $ 5, há uma perda de receita de $ 140 e um aumento de $ 150, resultando em um
aumento líquido da receita total de $ 110.
(D) A elasticidade é menor que 1.
(E) A receita gerada pelas unidades adicionais demandadas em decorrência da redução do preço de $ 7 para $ 5 é menor
que a receita total gerada ao preço de $ 7.
30. Aponte a alternativa correta:
a) Quando o preço aumenta, a receita total aumenta, se a demanda for elástica, coeteris paribus.
b) Quando o preço aumenta, a receita total diminui, se a demanda for inelástica, coeteris paribus.
c) Quedas de preço de um bem redundarão em quedas da receita dos produtores desse bem, se a demanda for elástica,
coeteris paribus
d) Quedas de preço de um bem redundarão em aumentos de receita dos produtores desse bem, se a demanda for inelástica,
coeteris paribus.
e) Todas as alternativas anteriores são falsas.
31 A elasticidade-renda da demanda é o quociente das variações percentuais entre:
a) Renda e preço.
b) Renda e quantidade demandada.
c) Quantidade e preço.
d) Quantidade e renda.
e) Quantidade e preço de um bem complementar.
32. Quando o preço do produto A aumentou de R$ 300,00 para R$ 330,00, a quantidade demandada do produto A
diminuiu de 1000 para 870. O valor da elasticidade preço da demanda de A e sua classificação serão,
respectivamente:
a) 1,3 e elástica
b) 0,957 e elástica
c) 1,3 e inelástica
d) 1 e unitária
e) 0,957 e inelástica
33. Os medicamentos possuem demanda inelástica, enquanto que o computador tem demanda elástica. Admita que
ocorra um avanço tecnológico que duplique a produção. Qual produto sofrerá maior variação de preços?
a) Embalagem de medicamento
b) Computador
c) Chips de computador
d) Medicamentos
e) Não haverá variação em nenhum dos preços.

Economia e Mercado Prof. Ms. Kennedy Carvalho Lopes