Você está na página 1de 4

TÉCNICAS DE AMOSTRAGEM E REGISTRO

GERAL
● Para amostragem é necessário averiguar três aspectos: núm de indivíduos(C), qual
será a natureza do registro(A) e o planejamento das sessões(B)

ENFOQUE NO REGISTRO(A)
● deve ser entendido como o observador focaliza o comportamento
● TIPOS
○ Estado ou evento
● ESTADO
○ O comportamento é visto de maneira contínua, em todo o seu ato em si
● EVENTO
○ O comportamento é visto de maneira instantânea e unitária. Por exemplo,
fulano andou, se eu registrar apenas o fato dele ter andando, caí na
categoria de evento, por outro lado, caso registre o percurso, tempo do
processo, ele entra na categoria de estado

PLANEJAMENTO DAS SESSÕES DE AMOSTRAGEM(B)


● É necessário definir os critérios para o início e término de uma sessão
● tipos de critérios para início
○ ocorrer num tempo certo(uma vez em uma hora, toda hora, todas as horas
de recreio)
○ ter um número fixo de amostras por hora, começando no tempo escolhido
randomicamente em cada hora
○ Ocorrer após um tempo fixo do término da amostra anterior
○ Ocorrer quando um particular comportamento for apresentado
● tipos de critérios para o fim
○ Por um período de fixo de tempo
○ Por um número fixo de comportamentos, após uma classe particular de
interação ter terminado
○ Até o sujeito não ser mais visto

NÚMEROS DE INDIVÍDUOS FOCALIZADOS(C)


● Tipos
○ focalizado
○ varredura
○ episódios
● Focalizado
○ Escolhe-se um indivíduo aleatoriamente ou por algum critério
● Varredura
○ Todos os indivíduos são observados suficientemente para identificá-los.
● Episódio
○ O registro de um determinado comportamento é feito por tempo variável

AS TÉCNICAS DE REGISTRO
● O registro é feito mediante a observação, havendo dois tipos, sendo essas:
observação direta e observação indireta
● Observação direta busca focalizar o comportamento em determinado período de
tempo e espaço delimitados
● Observação indireta é quando você estuda os produtos decorrentes dos
comportamentos, em outras palavras, no primeiro, você observa o processo de
geração dos produtos, no outro, é registrado apenas os produtos
● TIPOS DE TÉCNICAS DE OBSERVAÇÃO DIRETA
○ As técnicas são divididas por dois aspectos, sendo estes: a forma de registro
e a forma como tempo é trabalhado
○ FORMAS DE REGISTRO
■ registro cursivo
● O observador registra os eventos sem modificá-los, há apenas
a descrição com uso de uma linguagem científica, isto é, sem
haver inferências infundadas
■ registro categorizado
● o observador já parte de categorias definidas anteriormente
○ RELAÇÃO AO PERÍODO
■ registro contínuo
● registrar as coisas em período de tempo, tipo filmagem
■ registro por amostra de tempo
● registros são realizado por períodos de tempos
○ “de 20 em 20 segundos”

REGISTRO REGISTRO POR
CONTÍNUO AMOSTRA DE TEMPO

REGISTRO CURSIVO registrar os eventos de em intervalos de tempo


forma a obedecer pré-definidos, o
sequência temporal e o observador anota o
uso da linguagem que o sujeito faz
científica

REGISTRO *a, *b, *c *A, *B, *C, *D


CATEGORIZADO
○ *a
■ É registrado as categorias seguindo a ordem temporal. Exemplo:
categorias: 1- andar 2- pular 3- peidar; registro: 1,1,2,3,2,1
○ *b=registro de evento
■ buscar analisar a frequência do comportamento
períodos 0 |--------- 2 2 |--------- 3 3 |--------- 4 total

limpeza ** * * 4

locomoção *** ** 4

○ *c=registro de duração
■ é registrado o tempo, duração que o comportamento categorizado
anteriormente é apresentado
■ exemplo
● utilizando o cronômetro: 10’’ - 5’’ - 12’’- 8’’ - 9’’ = 44seg
● utilizando um relógio: 10-20, 26-31, 42-54, 56-04, 25-34 = 44
seg
○ *A= Lista para assinalar

categorias/tempo 10 20 30 40 50 60

abraço V V

pegada V V V

tapa na cara V V V

○ *B = Registro de intervalo
■ busca identificar a ocorrência, e não a frequência, isto é, é mensurado
se ocorreu ou não e não o quanto ocorreu

1 min 0/10 10/20 20/30 30/40 40/50 50/60

falar x x x x

pegar x x x

cheirar x x x

1 min 0/10 10/20 20/30 30/40 40/50 50/60

falar x x x

pegar x x x

cheirar x x

■ A duração dos intervalos de tempo é definida de acordo com o quão


longo é a duração do comportamento

○ *C = Verificação de atividade planejada


■ Partindo-se de categorias e intervalos de tempos definidos, o
pesquisador registra quantos indivíduos apresentam o
comportamento x em um intervalo de tempo y e também registra o
total
■ 10/15 -> t0; 5/15 ->t1
■ em seguida é registrado as porcentagens do comportamento

○ *D = Registro de memória
■ Quando não é possível observar e registrar simultaneamente, o
registro é feito a posteriori
■ Duas maneiras
● diário
○ é registrado o que o sujeito fez
● relato anedótico
○ é registrado sucintamente alguns episódios
que ocorreram na vida do sujeito