Você está na página 1de 16

Publicação

mensal da
Mais notícias em www.jornalobasto.com
adbasto

Director - Gonçalo de Meirelles Director Adjunto - Albino Antunes Sub-Director - Marco Gomes
Ano VII - N.º 75 - 20 de Março de 2011 Preço: 0,60 €

Carnaval do Arco de Baúlhe


com muitas críticas ao Poder
Deputado Altino Bessa
questiona Governo Político Municipal
sobre fecho do SAP de
Celorico Pág. 3

Desemprego volta a
subir em Cabeceiras
e Celorico Pág. 9

Pág. 3

“Temperatura Política” Nova Escola de


sobe em Mondim após Cabeceir as só no
Assembleia Municipal próximo ano lectivo
Prof. Mário Leite polémica
quer credibilizar
PSD/Cabeceiras Pág. 5

Pág. 9

Ribeira de Pena exige


mais médicos no
Médico China Pereira Centro de Saúde
é o “sucessor” de
Barreto Pág. 5 Pág. 4

Alma Nova
Vinho Verde
Distribuidor: Almaverde S.A., Lda
Rua do Paraíso, 73 4000 - 377 Porto Denominação de Origem Controlada
Eduardo A. P. Valente Leal (Sub-Região de Basto)
Tel 22 339 0303 - Tel/Fax. 22 3322635 Quinta das Carvalhas - Cavez Pág. 4
O semáforo de Basto Por Marco Gomes Jovem Cabeceirense realiza
A XV edição da Festa da Orelheira
e do Fumeiro de Cabeceiras de
notável trabalho académico
Basto foi visita por dezenas de
milhares de pessoas, gerou 150 mil
sobre televisão/crianças
euros e promoveu a venda de 15 Ricardo Leite, um jovem cabeceirense, foi um dos seis
toneladas de produtos derivados finalistas do Mestrado Integrado de Medicina, na Faculdade
de porco bísaro. A organização e de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa, que
os produtores podem legitima- realizaram o estudo “Agressividade e violência em ecrãs e
mente congratular-se com estes na vida real – atitudes e intenções em crianças do 1º ciclo”.
resultados. Este estudo sobre televisão e violência em crianças que
frequentam o Ensino Básico, coordenado pelo reputado
pediatra Mário Cordeiro, revelou que quase metade dos
A equipa de profissionais de inquiridos (foram ouvidas 165 crianças) já assistiu a um
saúde do centro de Saúde de programa com “bolinha vermelha” e que a esmagadora
Mondim de Basto foi reforçada maioria viu violência no pequeno ecrã.
com a aquisição, através de uma Os resultados deste estudo, pela sua importância e Ricardo Leite, futuro
empresa prestadora de serviços, oportunidade, foram amplamente focados na imprensa Médico
de mais um clínico. Assim, o nacional.
número de utentes daquele centro Ao futuro médico Ricardo Leite, nosso conterrâneo e amigo, endereçamos-lhe os
sem médico de família atribuído nossos parabéns pelo sucesso deste trabalho académico.
irá diminuir. No entanto, esta
questão (a falta de clínicos em zonas do interior) sensível, infelizmente,
continuará a marcar a “interioridade” de muitos concelhos deste país. Falta Câmara de Cabeceiras promove
saber até quando.
Concurso Literário
A Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, através da Biblioteca Municipal Dr. António
Foram várias as notícias que este Teixeira de Carvalho organiza durante o ano de 2011 um Concurso Literário Nacional
jornal, na edição “on line”, destinado a promover o Conto Infantil. Os objectivos deste concurso são entre outros,
disponibilizou sobre um acidente criar e/ou consolidar hábitos de leitura e de escrita, promover a escrita criativa e valorizar
ocorrido numa sessão da a expressão literária, divulgar autores portugueses e aspectos relativos à cultura literária
Assembleia Municipal de Mondim e valorizar a cultura cabeceirense. Os trabalhos a concurso deverão ser entregues,
de Basto. Parece que o acidente presencialmente ou via correio, até às 17h00m do dia 31 de Maio de 2011.
Presencialmente, na Biblioteca Municipal - Dr. António Teixeira de Carvalho - Arco de
foi o resultado de uma atmosfera
Baúlhe durante o horário de funcionamento, de segunda a Sexta-feira, das 09h00m-
partidária pouco, digamos, cordial. 12h30m/14h00m-17h30m. - Via correio: através de carta registada com aviso de
Quando o respeito dá lugar à falta recepção, indicando VI Concurso Literário - Conto Infantil, dirigida ao Sr. Vereador do
dele, o resultado é evidente: perda de alguma credibilidade dos constituintes Pelouro da Cultura - Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Praça da República,
daquele órgão municipal. 4860-355 Cabeceiras de Basto.

Ajudamos a vender
Com o apoio

Licença AMI: 7508 | APEMIP : 3835


R. 25 de Abril-Nº 17-R/C B | 4860-350 Cabeceiras de Basto

Painzela Refojos Outeiro Arco de Baúlhe Basto


Tlf.|Fax. 253 768 027 | Tlm. 961 403 167
geral@domusbasto.com

Moradia tipo T3, toda em pedra, Moradia localizada a 2 passos Casa com 2 habitações Apartamentos T3 bem loca- Bonita moradia com boas
restaurada recentemente. da vila e terreno c/ 2.500m2 independentes e garagem par lizados c/ garagem individual. áreas, localizada entre Arco –
Óptimo preço! viável a construção. 1 carro. Venha conhecer… Boa exposição solar! Cabeceiras. Visite!

Riodouro Painzela Basto Faia Refojos

Campo todo vedado com uma Quinta muito soalheira. Moradias tipo T3 com Quinta com 6hectares, local Terreno localizado no lugar da
dependência agrícola. Bom 3,5hectares de terreno e casa excelentes áreas. Inseridas muito sossegado e abundante Freita, 1001m2 de área e
preço. toda em pedra restaurada. em condomínio fechado. em água. viabilidade construtiva.

Jaime Barros | Tlm. 968 876 427 www.domusbasto.com

2 20 de Março de 2011
Carnaval saiu à rua em Arco de Baúlhe com
muitas críticas ao Poder Político Municipal
Cumprindo mais uma vez a tradição, saiu à rua no passado dia 8 de Março o Desfile de Carnaval de Arco de Baúlhe, uma tradição que já há muitos anos
atrai a esta vila cabeceirense numeroso público. Organizado pela ARCA (Associação Recreativa e Cultural de Arco de Baúlhe), no corrente ano de 2011 a
iniciativa fica marcada pelas relações tensas entre a referida associação, que pretende abrir um Lar/Creche e a Câmara Municipal que não passa licença,
fundamental para a abertura do equipamento social.

O poder político municipal foi o “bombo


da festa”, do cortejo, como se costuma
dizer.
E motivos não faltaram: o encerramento
do Agrupamento de Escolas, a
criação de uma associação de pais
na esfera do poder e a falta de
licenciamento do lar e creche da
ARCA. Carros alegóricos e muitas
mensagens críticas deram o tom
sarcástico enquanto os bombos e a
escola de samba deram o ritmo e o
colorido ao desfile.
Não obstante os aguaceiros que
ameaçaram “cair” ao longo de todo o
desfile, a iniciativa foi mais uma vez
um êxito, contando com vários carros
alegóricos, numa mistura de brilho, cor É carnaval, ninguém leva a mal! Será mesmo assim?
e som. Largas centenas de pessoas
não deixaram mais uma vez de desconhecemos o patrocínio mone- excelentes relações entre a Câmara e ainda não dispomos de qualquer
comparecer a este desfile, compro- tário que a Câmara Municipal deu para a ARCA, este Desfile de Carnaval informação sobre o apoio financeiro
vando mais uma vez que o Carnaval apoio aos elevados encargos com esta chegou a ser presenteado com várias que a Câmara concedeu à organi-
do Arco está vivo. Neste momento iniciativa. Nos tempos em que havia centenas de euros. No corrente ano, zação.

Em causa encerramento da Urgência no Centro de Saúde de Celorico, por fax, às 17.58 horas…

Deputado Altino Bessa quer que o Presidente da


ARS/Norte dê explicações no Parlamento
“O CDS solicitou à Comissão de
Saúde que requeira a presença do
Presidente da Administração
Regional de Saúde do Norte”, pode ler-
se num comunicado enviado à nossa
redacção. “Esta solicitação deve-se à
forma como o processo de
reorganização dos serviços de saúde
do Norte tem vindo a ser conduzido,
com grande insatisfação das
populações locais. O último episódio
deste controverso processo ocorreu
em Celorico de Basto, com um fax
enviado às 17.58h pelo sr. Presidente
da ARS Norte comunicando à Câmara
Municipal que o SAP de Celorico de
Basto encerraria neste mesmo dia das
24:00h às 08.00h”. Assim, não podemos
interpretar a atitude do Presidente da ARS
Norte de outra forma, que não seja uma
tremenda falta de respeito por uma
população que necessita deste serviço de
urgência e que não tem outro serviço a
que possa recorrer. Importa não
esquecer que, a somar a estes factos,
e de acordo com o comunicado da
Administração Regional de Saúde do Reorganização dos serviços de Saúde com encerramento de urgências na região, preocupa Deputado Altino Bessa
Norte, “no Centro de Saúde de Celorico
de Basto estão inscritos 21.599 utentes, meios complementares de diagnóstico, encerrar o serviço, quando está prevista a de Guimarães, que seria uma solução
com uma média de inscritos de 1.479 nem sempre inócuos para aqueles e a abertura do novo hospital de Amarante e positiva para a melhoria dos cuidados de
utentes por Médico de Família, eventual mudança da terapêutica, a requalificação das urgências do Hospital saúde, conclui.
existindo 7.703 utentes sem Médico de gerando um sentimento de confusão e
Família (…)”, ou seja, mais de 35% resultado em prejuízos clínicos e
desta população não tem médico de
família. Do comunicado da ARS Norte
ressaltam fortes incoerências entre a
económicos graves para os utentes”,
o que em nosso entender é
contraditório com a afirmação de que
Compro Velharias
análise da situação actual e a solução de ““ As situações clínicas agudas, no Objectos de Porcelana, Paliteiros, Pinturas, Pago de Imediato
encerramento do SAP, desde logo ao âmbito do ambulatório, continuarão a Mobílias, Arte Sacra, Presépios, Notas e Moedas em Dinheiro!
afirmar que “ Quando os utentes não são ser atendidas pelos médicos de serviço, Portuguesas e Outros Artigos Contactos: 964 153 248
atendidos pelo seu médico de família, no horário atrás indicado”. A população Depois das 19 Horas
pode ocorrer o recurso à repetição de não percebe esta pressa do governo em

20 de Março de 2011 3
População de Ribeira de Pena PSD acusa Laura Ínsua de “falta de respeito e
incapacidade na coordenação dos trabalhos”
exige mais médicos no Centro
de Saúde local “Temperatura Política”
Centenas de habitantes de Ribeira Pena, no distrito de Vila
Real, concentraram-se no passado dia 21 de Fevereiro junto ao centro de
sobe em Mondim após
saúde e exigiram “mais médicos” ao Governo. Os manifestantes alegam
que ”mais de 3.000" utentes da unidade local, num universo de cinco mil, Assembleia Municipal
estão “sem médico”.
A médica de família de 1.500 utentes pediu, polémica
em Outubro, a demissão do Serviço
Nacional de Saúde (SNS) e o contrato de A Socialista Laura Ínsua negou ter deixado o cargo de Presidente da
um outro médico, que ali prestava serviço Assembleia Municipal de Mondim de Basto, após uma acesa reunião da
através de uma empresa, não foi renovado. Assembleia Municipal em Bilhó, que dava conta da renúncia ao cargo no
Além disso, há cerca de um mês, foi final da sessão, de acordo com a notícia publicada pelo JN na edição do
encerrado o internamento no centro de passado dia 1 de Março, à qual o Jornal “O Basto” teve acesso.
saúde local. O Presidente da câmara de
Ribeira de Pena, Agostinho Pinto, mostrou- Para o povo de Ribeira de Pena, a Laura Ínsua explicou que perto do
se “solidário” com a população e disse que paciência esgotou-se. Não há Médicos final da reunião, abandonou a sala
o concelho “está indignado por ter sido levado por se sentir incapaz de coordenar
suficientes e o Estado esqueceu-se que os trabalhos, isto após o
ao esquecimento pelo Governo”. Esta
o concelho existe Presidente da Junta de Mondim,
manifestação é, para o autarca, “uma forma
de mostrar ao Governo” que os habitantes no concelho são “portugueses de primeira, com Fernando Gomes, a ter interpelado
direito à saúde”. Agostinho Pinto considera que o interior está a ficar “cada vez mais de uma forma incorrecta. “Entrou
desertificado” porque o Governo “quer concentrar todos os serviços no litoral”. num tom calunioso, brejeiro, e
Mas, “aqui, no interior, também se pagam impostos e se cria riqueza para o país”, frisou. com anedotas de carácter
Com o fecho de o internamento do centro de saúde, o edil acredita que “está na eminência racista”. Quando o interpelei pelo
o encerramento de outros serviços”. Para resolver a falta de clínicos, o Agrupamento de tom que estava a usar entrou em
Centros de Saúde (ACES) do Alto Tâmega anunciou, no início de Janeiro, a contratação diálogo comigo e insinuou coisas
de uma empresa para garantir mais 50 horas de cuidados médicos. Apesar desta que não pode fazer a um
“promessa”, “mais de 3.000” utentes continuam sem médico, num universo de “cerca de Presidente a Mesa da Assembleia
5.000” pessoas que são abrangidas pelo centro de saúde de Ribeira de Pena. O autarca Municipal” explicou a autarca
adiantou ainda que as pessoas para serem consultadas por um clínico têm de se deslocar referindo: “em momento algum
a Vila Pouca de Aguiar ou Cabeceiras de Basto, o que é “um transtorno”. Em comunicado, me demiti das minhas funções
a Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte adianta que, a partir de hoje, “todos n a A s s e m b l e i a M u n i c i p a l . Assembleia Municipal de Mondim
os utentes sem médico de família podem contar com o reforço em Medicina Geral e A p e n a s m e e x a l t e i f a c e à caracterizada por um ambiente de
Familiar, correspondente a dois médicos”. António Afonso, da comissão de utentes do i n t e r v e n ç ã o i n j u r i o s a d o “crispação” entre PS e a oposição CDS e
centro de saúde de Ribeira de Pena, adiantou que “a população tem direito à indignação Deputado do CDS/PP”, situação PSD
porque paga impostos e não tem acesso à saúde”. Depois da redução de médicos e de que a levou a abandonar a
o encerramento do internamento, António Afonso receia o “fecho” do centro de saúde de sessão de trabalhos que decorria em Bilhó. Laura Ínsua afirmou que se
Ribeira de Pena. Por isso, acrescentou, “a população não pode ficar impávida e serena pretende manter como Presidente da Assembleia Municipal de Mondim até ao
perante esta situação”. Ivone Machado, utente do centro de saúde local, referiu à Lusa fim do mandato.
que tinha consultas marcadas e foram anuladas porque a “médica foi embora”. Outra Entretanto, o CDS-PP de Mondim de Basto, através de um comunicado à
das utentes, Lídia Prado, tem de pagar o valor total dos medicamentos porque “não tem” imprensa, critica que o site da Câmara Municipal de Mondim de Basto esteja a
médico para “passar as receitas médicas e assim para obter a comparticipação devida”. ser usado como um “veículo de divulgação de posicionamentos ou
reposicionamentos políticos de candidatos do Partido Socialista”. Após as notícias
Academia de Cultura da Santa Casa da que referiam o “abandono” da Presidente da Assembleia Municipal de Mondim de
Basto e o desmentido apresentado no site da Câmara de Mondim de Basto, o
Misericórdia de Cabeceiras de Basto comunicado do CDS-PP de Mondim de Basto realça que estes acontecimentos
“Mantemos em actividade pessoas visam “iludir, assim, a verdadeira dimensão, ou interesse dos problemas e,
sobretudo, (...) esconder e modificar a realidade das ocorrências. “Em relação
ao “excesso de linguagem” que esteve presente na polémica sessão do
que ainda têm muito para dar” órgão da Assembleia Municipal em Bilhó, o termo “xenofobia” foi
Na tentativa de reavivar a história e a cultura sublinhado pelos populares ao afirmar que ao “tentar usá-lo para
não só de Cabeceiras, mas de todo o país, transformar os erros que se cometem em armas de arremesso político(...)
surgiu a Academia de Cultura da Santa Casa é [uma] perfeita desonestidade política”. O CDS-PP de Mondim de Basto
da Misericórdia de Cabeceiras de Basto, um afirma que “não vai enveredar por tecer (...) quaisquer considerações sobre
local de reunião e convívio entre algumas o que esta atitude revela ao tentar ocultar os antecedentes excessos de
dezenas de cidadãos com idades linguagem proferidos na mesma Assembleia Municipal por representantes
compreendidas entre os 55 e os 85 anos. A socialistas”.
academia visa a troca de conhecimentos
Por seu turno, A comissão política do PSD Mondim de Basto após uma reunião
entre os membros que a constitui. Os
membros são na sua maioria aposentados com os seus membros da Assembleia Municipal de Mondim de Basto e Vereador
e partilham entre si as suas experiências A Academia de Cultura da Santa Casa é eleito pelo PSD, elaborou um comunicado em que acusa a actual presidente da
de vida e o seu conhecimento (pois o grupo um espaço de convívio e lazer, mas onde Assembleia de “falta de respeito pelo órgão que representa” e “incapacidade
inclui pessoas formadas em diferentes também se aprende na coordenação dos trabalhos”.
áreas), numa espécie de tertúlia cultural. O assunto refere-se aos acontecimentos realizados numa sessão da Assembleia
Um dos objectivos primordiais desta instituição é a necessidade de “alargar horizontes” Municipal, na freguesia de Bilhó, em que a presidente da Assembleia Municipal
àqueles que, sem a Academia, praticamente não saíam da sua terra. O grupo já visitou, abandonou a sessão. Sobre esta situação, o PSD de Mondim de Basto, enuncia
entre outros, o Nordeste Transmontano, a Beira Interior, Sintra e, posteriormente, irão várias razões para a acusação de “falta de respeito” e “incapacidade na
sair do país e viajar até à Galiza. Estes passeios ocorrem com o intuito de visitar património
coordenação dos trabalhos”. Nomeadamente, centram-se na “forma como o
histórico e cultural e, simultaneamente, dar dinamismo aos elementos do grupo. “Com
o avançar da idade, as pessoas vão perdendo vontade de sair de casa e assim, presidente da Câmara e a presidente da Assembleia renunciaram, durante a
passeiam, visitam e tornam-se activas”, revelou o coordenador da Academia de Cultura sessão, aos cargos que assumem, ausentando-se da sala” e “os
da Santa Casa da Misericórdia, José Avelino Lima Leite. “Desta forma, mantemos em esclarecimentos dados pela presidente da Assembleia, veiculados na
actividade pessoas que ainda têm muito para dar”, acrescentou o mesmo. comunicação social, revelam arrogância, demagogia e desconhecimento
A academia integra ainda uma outra actividade, a “dançoterapia”, que para além do esforço da lei, ao considerar que a sua eleição depende só da vontade do voto
físico, exige uma determinada concentração. “A finalidade não é aprender a dançar, mas popular, pois é aos membros da Assembleia Municipal que deve a
permitir aos elementos uma actividade que os enriqueça física e intelectualmente”, afirmou confiança”. Para finalizar, o comunicado do PSD, conclui desejando que “o
o coordenador. O grupo, inserido na Santa Casa da Misericórdia de Cabeceiras de Basto, cargo de presidente da Assembleia seja assumido no futuro com
reúne-se duas vezes por semana e “cada elemento do grupo paga uma propina de 50
ponderação, não se deixando pressionar ou influenciar, centrado na
euros de quatro em quatro meses para fazer face às despesas da academia (renda, luz,
água e empregada da limpeza)”, declarou José Lima Leite. O mesmo sublinhou ainda que coordenação dos trabalhos da Assembleia e no respeito por todas as
“a Santa Casa da Misericórdia não tem qualquer despesa com a Academia e, ainda assim, intervenções, permitindo a fiscalização da Câmara Municipal que à
conseguimos ter um saldo positivo (392 euros), no ano transacto.” Teresa Magalhães Assembleia compete”.

4 20 de Março de 2011
Social-Democratas de Cabeceiras vão a votos a 2 de Abril…

Professor Mário Leite avança para “renovar


e credibilizar o partido”
“O Professor Mário Leite será o próximo líder concelhio do Partido Social Democrata”, apurou o Jornal “O Basto”. As eleições internas agendas para o
próximo dia 2 de Abril, Sábado, terão apenas uma única lista concorrente aos órgãos concelhios, liderada por aquele militante do PSD, que é também
dirigente dos TSD (Trabalhadores Social-Democratas) e membro da Direcção da Associação Nacional de Professores.

De acordo com o Blogue de candidatura estruturar o funcionamento dos órgãos do


criado na Internet, denominado partido (CPS, MAG, Autarcas , JSD,
“Renovar o PSD Cabeceiras” já é TSD); Estabelecer uma rede de
possível “desvendar” o projecto que a contactos e apoios nas freguesias, definir
lista a apresentar pelo futuro Presidente um plano para obter os recursos
da Comissão Política Política propõe aos humanos e materiais necessários às
militantes. tarefas partidárias e negociar os apoios
Assim, no mesmo Blogue é referido que necessários, com as estruturas
“a pouco mais de dois anos das distritais e nacionais do PSD. Ao nível
próximas eleições autárquicas e do reforço da influência do Partido,
numa altura decisiva de mudança de Mário Leite propõe “a angariação de
lideranças, torna-se imperioso que o 100 novos militantes e recuperação
PSD se assuma como alternativa e de antigos, a definição de um
para isso é absolutamente essencial projecto de trabalho, que envolva os
que o partido esteja reorganizado, os militantes, os simpatizantes e a
militantes se revejam numa nova sociedade e a passagem da mensa-
equipa, num programa de acção e gem do PSD junto dos militantes e
que seja apresentado um projecto dos eleitores (plano de comuni-
para o concelho que dê respostas cação).
Professor Mário Leite avança com lista única para a Presidência do PSD/
aos múltiplos problemas que os O terceiro pilar da candidatura passa por
Cabeceiras. Renovar e credibilizar o partido, preparando-o para as eleições
cabeceirenses sentem, de modo a criar um projecto autárquico ganhador.
de 2013 é o grande objectivo do seu projecto
que o PSD possa apresentar um Para isso, preconiza “a criação de um
projecto e uma equipa ganhadores”. Gabinete de Estudos e Planeamento concelho, com propostas claras, que tenha as melhores condições
No âmbito da organização do PSD a autárquico, a elaboração de um objectivas e exequíveis e a para que o PSD ganhe as eleições
nova Comissão Política propõe-se projecto mobilizador para o apresentação da equipa autárquica autárquicas de 2013”.

Está escolhido o sucessor de Joaquim Barreto…!

Médico China Pereira será o candidato do PS


nas eleições autárquicas de 2013
O Médico China Pereira será o candidato do Partido Socialista a Presidente da Câmara de Cabeceiras de Basto nas próximas eleições autárquicas, que
terão lugar em Outubro de 2013, dentro de pouco mais de dois anos.
Ao que o Jornal “O Basto” conseguiu apurar de fonte segura, Barreto terá conseguido convencer um “renitente China” a assumir o desafio de se candidatar
pelo Partido Socialista à autarquia. Nesse cenário, Barreto transitará para o cargo de Presidente da Assembleia Municipal e, ao que conseguimos saber,
instalar-se-á diariamente no edifício dos Paços do Concelho, para daí controlar ao minuto, todos os actos da gestão municipal.

Recorde-se que, com a saída do Cabeceiras terá, então, neste cenário,


Tribunal Judicial de Cabeceiras de Basto uma “Presidência Bicéfala” com
para as novas instalações no Palácio China a ser formalmente o Presidente
da Justiça, o antigo espaço situado no da Câmara, mas na prática caber a
edifício dos Paços do Concelho, foi Barreto, tomar todas as decisões que
reconvertido num “luxuoso espaço”, se relacionam com a gestão do
onde Barreto quer instalar o município.
Gabinete do Presidente da “O Basto” conseguiu saber que foi esta
Assembleia Municipal e onde já a forma que Barreto encontrou para
existem gabinetes para os Partidos contornar a lei de limitação de mandatos,
Políticos representados na Assembleia que o impede de se recandidatar ao cargo
Municipal. nas próximas eleições autárquicas, em
O acordo firmado entre Barreto e China, Outubro de 2013.
passará por um cenário em que, caso o Recorde-se que “O Basto” tinha
PS vença as eleições, a até agora anunciado que Jorge Machado, actual
Presidente da Câmara, apesar de transitar Vice-Presidente da Câmara era o mais
para Presidente da Assembleia Municipal, provável candidato do PS à sucessão
na prática controlará e ditará todas as de Joaquim Barreto, mas nos últimos
decisões tomadas pela Gestão de China meses essa solução foi posta de parte
Pereira, que não querendo abandonar a pelo “velho autarca”, que quererá na
sua profissão, colocará a possibilidade de Presidência da Câmara alguém
assumir a Presidência da Câmara, totalmente “submisso e da sua inteira
exercendo Medicina ao mesmo tempo. confiança política”. Jorge Machado é

ESTAÇÃO DE China no lugar de Barreto, mas com o segundo a fazer de Presidente da


SERVIÇO Câmara é um cenário adquirido no PS/Cabeceiras

Telef./Fax: visto no Partido Socialista e nas Jorge na Presidência da Câmara,


instituições que lidera (Bombeiros e Barreto não teria a garantia de
253 663 325 Fundação A. J. Gomes da Cunha) como controlar a seu bel prazer, todos os
* Comércio de Pneus Novos e Reconstruídos um homem com um perfil moderado mas assuntos e decisões da Câmara
* Calibragem de Rodas com ideias próprias. Ao conseguimos Municipal. Ora, com China, isso é
* Alinhamento de Direcções
saber junto de fonte do PS local, “com perfeitamente possível”, conclui.

20 de Março de 2011 5
IRS 2010 Errata
Por Miguel Coelho Na edição de Janeiro de 2011 deste Jornal, noticiamos que os Bombeiros de Cabeceiras
Os prazos para a entrega do IRS, referente ao ano de 2010, é o e Celorico receberam 50 mil euros do Governos Civil. Vimos por este meio corrigir a
seguinte: Para rendimentos da categoria A e H, entrega em papel notícia publicada, pois não foram 50 mil euros, mas sim 5 mil euros a quantia
durante o mês de Março, e entrega pela Internet durante o mês de distribuídas às duas corporações de bombeiros.
Abril; Para os restantes rendimentos, entrega em papel durante o A Direcção
mês de Abril e entrega pela Internet durante o mês de Maio.
Recorde-se que é possível a cada contribuinte atribuir 0,5% do IRS que pagou ao Estado
(sem encargos adicionais para o contribuinte) a uma das mais de 900 instituições sem fins
Direito de resposta
lucrativos que constam da lista oficial divulgada no Portal das Finanças. Da referida lista Na edição n.º 74, do dia 20 de Fevereiro de 2011, do Jornal o Basto, no editorial
constam três instituições do concelho de Cabeceiras de Basto: Associação Humanitária assinado pelo Sub-Director Marco Gomes, com o titulo “Ciclogate”, na parte final do
Bombeiros Voluntário Cabeceirenses - NIPC 501302093; Centro Social de Cabeceiras de
texto do editorial, nomeadamente:
Basto - NIPC 501392823; Fundação António Joaquim Gomes da Cunha - NIPC 500850747.
Para atribuir 0,5% do IRS que pagou ao estado (em 2010) basta que, aquando do preenchimento «…o silêncio quase “ensurdecedor” das forças politicas locais. As forças políticas
da declaração anual de IRS de 2011, identifique o NIPC da entidade beneficiária no campo em Cabeceiras de Basto estão, aparentemente, num estado “comatoso”. Estamos
901, no quadro 9, no anexo H da declaração modelo 3 do IRS, conforme a imagem seguinte: perante um estado em que há uma ausência de reacções a este e a outros estímulos
políticos. Não conheço, sobre este e outros assuntos polémicos um único
comunicado, posição ou mesmo opinião dos responsáveis políticos e organizações
políticas. Claramente, PSD, PCP, CDS-PP e PS (…) não estão a desempenhar o
seu papel no escrutínio ao poder autárquico. Resta, portanto, os cidadãos efectuarem
este papel e exigir o que a ética e a consciência de cada um deveriam impor a estes
governantes.»
A Comissão Concelhia do PCP de Cabeceiras de Basto, por discordar das afirmações
acima referidas, vem ao abrigo do direito de resposta, expor o seguinte:
- Como é do conhecimento desse jornal, o deputado do PCP eleito na Assembleia
da República pelo distrito de Braga, Agostinho Lopes, questionou o Ministério das
Assembleia Geral Finanças sobre as obras de remodelação da escola EB 2,3 de Cabeceiras, tendo
sido publicado um artigo sobre o assunto na página 3 da edição n.º 74 de 20 de
Convocatória Janeiro de 2011; bem como na edição online do Jornal O Basto (não tendo obtido,
Gonçalo Calado Cortes de Meirelles, na qualidade de Presidente da Mesa da
até esta data, qualquer resposta);
Assembleia Geral, vem de acordo com o estipulado nos estatutos da adbasto
(Associação de Desenvolvimento Técnico – Profissional das Terras de Basto),
- O PCP não possui qualquer eleito nos órgãos autárquicos concelhios (nem
convocar os associados desta instituição, para uma reunião deste órgão, que se vereadores nem deputados municipais), em resultado do escrutínio realizado aquando
realizará no próximo dia 29 de Abril de 2011, Sexta-Feira, a partir das 21 horas, na das últimas eleições autárquicas. Isto apenas para dizer que não se pode comparar
sede social da adbasto, situada no lugar da Quinta da Mata, freguesia de Refojos, o desempenho, no escrutínio ao poder autárquico, do PSD, CDS-PP ou PS com o
concelho de Cabeceiras de Basto, com a seguinte ordem de trabalhos: do PCP, uma vez que os outros partidos possuem eleitos nos órgãos autárquicos
Ponto 1 – Apresentação, discussão e votação do relatório e contas da Direcção relativo concelhios, os quais além das responsabilidades inerentes aos partidos da oposição,
ao ano de 2010. têm a responsabilidade e a obrigação acrescida de fiscalizar a actividade autárquica
Ponto 2 – Exposição da actividade desenvolvida pela Direcção. dentro e fora dos órgãos autárquicos, em conformidade com a confiança que lhes foi
Ponto 3 – Eleição dos corpos gerentes da adbasto (Direcção, Assembleia Geral e
dada pelos cabeceirenses.
Conselho Fiscal) para o mandato 2011/2014.
Se à hora marcada não estiverem presentes a totalidade dos associados, a reunião
- No entanto, estamos à inteira disposição do Jornal O Basto para podermos expressar
terá início trinta minutos depois, com o número de associados presentes. as nossas opiniões sobre esse e muitos outros problemas do Concelho.
Eng. Gonçalo Calado Cortes de Meirelles A comissão concelhia do PCP de Cabeceiras de Basto

O MENDIGO DA ESQUINA A isso que eu chamo uma Anschluss à


portuguesa: o assumir voluntarioso da
nossa menoridade política e económica,
Por Alexandre Vaz a admissão da incapacidade para resolver
“É pacífico que Sócrates anda a enganar ou se ía pura e simplesmente a despacho os problemas da casa e a nossa absoluta
o país” (António Barreto). da Chanceler alemã. Como é natural numa dependência da caridade alemã.
matéria tão delicada, não chegaram a Não deixa de ser invulgar que este
Sócrates foi no início de Março, com o nenhuma conclusão brilhante, mas os encontro de 45 minutos, anunciado com
coração nas mãos, a Berlim para afirmar portugas atentos e perspicazes pompa e circunstância, se tenha reduzido
que um país com oito séculos de história perceberam muito bem que o chefe do a um chazinho com bolos, o tempo de tirar
(caramba!) não se vergará perante governo não tinha outro remédio senão uma fotografia, mostrar o trabalho de casa,
ninguém, muito menos perante a submeter-se. ouvir uma reprimenda paternalista
Conchinchina. Com distinta lata, a Economistas, adeptos, a santa irmandade chanceler (“sim, o menino tem-se
Chanceler Merkel agradeceu os e opositores ao governo, tradutores de esforçado, mas precisa de trabalhar um
“esforços” do governo português para alemão e outras luminárias da Pátria, pouquinho mais”) e a senhora Merkel ter
curar a doença maligna, mas depois pediu fartaram-se de analisar as palavras da de engolir mais uma exibição da
mais, quando acabou de tomar o chá com senhora Merkel. profundidade intelectual do nosso querido mito alemão, mas o nosso homem não
Sócrates. A vampira insistiu em secar-nos. Depois de muitas horas de profundos primeiro, o qual, chegado à Pátria de tem alcance para entendê-lo.
Para nossa desgraça, o engenheiro debates, neurónios a ferver de tanto Camões, voltou-se a jurar a pé-junto, que O Dr. Fausto, conta a história, faz um pacto
Sócrates preferiu juras de obediência pensar, três jornais nacionais decidiram não necessita de ajuda externa para nada, com Mefistófeles, entregando-lhe a alma
eterna. O que permite pensar que, na crise informar os seus leitores, não só do que se amanha sozinho, cerrando os em troca de conhecimento ilimitado e
do atoleiro sem fim à vista, o nosso querido acontecido encontro, como do que olhos, baixando a cabeça e seguindo em prazeres terrenos. Fausto, o médico,
e amado governo está disposto a tudo: efectivamente se passou na ansiada frente-marcha. acaba mal, como acontece sempre com
primeiro, a espremer, só os do costume, conferência de imprensa. A Alemanha não é nenhuma “vaca sagrada” os pactos com o diabo. O mito deu origem
até ao tutano; e, depois, se os alemães Um desses jornais garantiu que Ângela “para aqueles que não têm juízo. Eu, se a muitos livros e filmes e teria ajudado o
assim o desejarem, a transformar Portugal Merkel e Sócrates afastaram o fantasma o fosse alemão, infelizmente não sou, primeiro-ministro a perceber o buraco onde
multissecular num protectorado da Europa, FMI, mas omitiu se ela abria ou não os estaria cansado de o meu país ser o motor está metido.
sem soberania ou independência, e com cordões à bolsa. Outro jornal, mais da Europa”. O novo pacto para a competitividade que
Berlim a controlar as nossas pobres e pequerricho, não teve dúvidas em afirmar A pergunta que os alemães fazem é a Merkel quer impor é muito violento e vai
tristes vidas. que “Merkel disse que Portugal estava no mesma que cada um de nós deve fazer: obrigar-nos a atravessar desérticos e
Para o bem e para o mal, a senhora Merkel bom caminho, mas não garantiu ajuda”. O Vamos pagar todo esse forrobodó, dramáticos anos até que possamos ver
manda na Europa e nos seus obscuros jornal do meio da tabela, nem grande nem indefinidamente? um pirilampo no fim do túnel. Sócrates
destinos. É natural. Quem paga, e com pequeno, foi mais extraordinário e opinou Não, não vamos. assinou esse pacto de cruz e não
língua de palmo, manda como quer e lhe “que a senhora Merkel nunca disse que Mas, então se gastamos à tripa-forra e não percebeu o óbvio, que está entalado como
apetece, é na psicologia caseira e da Portugal não precisava de pedir ajuda damos sinal algum, tímido que seja, de o Dr. Fausto e já não tem escolha. O nosso
História. Principalmente nos países que externa”, seja como for, parece que estamos querer mudar a agulha da nossa vida, futuro está traçado e o de Sócrates
gastam o que não têm, endividam-se para todos fodidos. O resto foram palavras como é que vamos esperar que nos também.
manter os níveis de vida dos plutocratas amáveis, mas ninguém vive ou sobrevive emprestem dinheiro. Como dizia o Zé António Barreto escreveu, preto-no-
que são mágicos em fazer toda a sorte de de paleio. Povinho, de Rafael Bordalo Pinheiro: branco:
truques, para mascarar as miseráveis Um diário de peso e fortuna brincou com “Queres fiado? Toma!” “Qualquer dia Sócrates olha para trás e
contas públicas. Como Portugal. coisas sérias e escreveu que José Sócrates Ou, então, que alguém se lembre de ir a praça não tem ninguém, e ainda resiste
O debate sobre esta viagem-relâmpago a foi a Berlim conversar com Ângela Merkel buscar o palhaço brasileiro Tiririca porque quer ser vítima”.
Berlim deu azo a que politólogos, do mesmo jeito que um adolescente (deputado federal): Eu, por mim, julgo que o último tango de
comentadores e analistas discutissem irresponsável vai até ao quarto da mamã “Com o Tiririca pior não fica”! Sócrates a dançar com Merkel vai ser
com ardor se o nosso primeiro ministro explicar-lhe que estourou a mesada toda e José Sócrates devia ter aproveitado voo em Berlim, com o primeiro-ministro a
tinha sido convidado, intimado, convocado o final do mês ainda vinha longe. para Berlim para meditar o mais célebre cair de pernas para o ar. Triste fim!

6 20 de Março de 2011
Ao Meu Pai “Casa Mortuária do Arco de Baúlhe
Placas indicativas de Lar/
Arco é inestética e Creche e Campo de Tiro
com pouco espaço” “iludem e enganam”
automobilistas
A informação existente nas placas
indicativas camarárias no Lugar da
Portela em Arco de Baúlhe, junto
Jaime de Lima
ao cruzamento para a Igreja e
Alves Leite Cemitério da freguesia, são tudo
menos verdadeiras. Uma das
Vi o teu retrato, parei um momento Placas indica a direcção de um
Um longo suspiro, um pensamento Ai! “suposto” Lar/Creche. Quem
Turvo o olhar e o pensamento passa por ali e não conheça a
Hoje é o teu dia, é o Dia do Pai! realidade de Cabeceiras de Basto
e, porventura, necessite de
prestação de serviços de um
19 Março, mas que lindo dia! equipamento com essa desi-
E levo por ti minhas orações: gnação, ao seguir aquela direcção
Atrás do Pai Nosso uma Ave Maria (sentido Igreja e cemitério), será
Mundo de lembranças, oh! enganado e iludido. Isto porque,
Recordações!... apesar de o edifício do Lar/Creche
existir e estar aparentemente
Lágrima que corre, enorme saudade! Para vários arcoenses contactados pelo nosso jornal, a pronto, não consegue abrir, porque
Ás vezes confuso, outras vezes Casa Mortuária da freguesia parece um “Depósito de a Câmara não emite a licença. O
Água”. Lá parecenças, tem mesmo se passa relativamente à Placas que enganam e iludem
desperto,
placa sinalizadora de um campo as pessoas, para arcoense
Mais de trinta anos, uma de tiro em Arco de Baúlhe. Também ver. Parque empresarial onde
eternidade! A nova Casa Mortuária de Arco de Baúlhe, recentemente
é sabido que em tempos chegou fica e quantas empresas lá
Sinto-te tão longe, mas sempre edificada pela Câmara de Cabeceiras nas imediações da Igreja a haver um Campo de Tiro em estão sedeadas?
tão perto!... e cemitério está a provocar reacções pouco positivas junto Arco de Baúlhe e uma popular associação da localidade que era
dos munícipes de Arco de Baúlhe. Segundo queixas que proprietária do mesmo. Hoje, sabemos que o terrenos do Campo
Vejo-me crescer com tanto carinho! chegaram ao nosso jornal, o edifício para além de inestético, de Tiro está à venda e ao que nos garantiram “já não se ouve um
Tanto amor me deste, como será pouco funcional. Segundo um munícipe do Arco de Baúlhe único tiro naquele equipamento há muito tempo”! Portanto, o
agradecer-te? contactado pelo nosso jornal “se morrerem duas pessoas Campo de Tiro também está encerrado.
na freguesia no mesmo dia, é difícil ficarem as duas Com efeito, no dizer de um arcoense indignado “dois equipamentos
Pouso no retrato, um longo
dentro do mesmo espaço, uma terá provavelmente que que poderiam funcionar, mas não funcionam, simbolizando o
beijinho, atraso a que o Arco de Baúlhe tem sido votado nos últimos tempos,
Com uma promessa: NUNCA ficar cá fora, por falta de espaço”.
pelo poder político “sedeado em Cabeceiras”. Os automobilistas
ESQUECER-TE. A falta de espaço da nova Casa Mortuária será mesmo uma são pois enganados e iludidos pelas placas camarárias
das maiores acusações que se fazem à obra, para além de indicativas. Já há quem diga em tom de brincadeira que “enganar
Os Filhos ser arquitectonicamente pouco estética. Obras feitas à pressa e iludir, não é nada a que já não estejamos habituados na gestão
e sem planeamento? Responda quem souber. socialista, seja a nível nacional e agora também a nível local”.

SUPERMERCADO Saber Comprar...


Saber Viver...
Rua Prof. Emídio Guerreiro
Cabeceiras de Basto
(Junto ao Centro de Saúde)

“Texteis/Lar e
arranjos de
costura”
Pão Quente a toda a hora

199 € 225 € 235 € 32,50 €

Mini
Aspirador
3 Baterias
Maquina de lavar roupa Maquina de lavar Louça Sem Cabo
5kg 600 Rt A JBC Aqua Stop Classe A
Maquina de secar roupa
6 kg evaporação
Segunda a Domingo - 9h00 às 20h00
20 de Março de 2011 7
O CDS-PP quer esclarecimento público sobre a localização Um momento de reflexão que se impõe…!
“provisória” da actual feira em Salvador, localizada num espaço
que envolve o Gimnodesportivo, Piscinas Cobertas Municipais adbasto promove Jantar
e o novo Centro Escolar de Ribeira de Pena
da Liberdade a 21 de Abril
Em causa está a actuação dos À semelhança do que tem sucedido em anos anteriores, a adbasto com o apoio do
Jornal “O Basto” promove no próximo dia 21 de Abril, Quinta-Feira, véspera de Sexta-
meios de socorro aos edifícios Feira Santa, pelas 20 horas no Restaurante Nariz do Mundo em Moscoso, um Jantar
comemorativo dos 37 anos de Liberdade e Democracia em Portugal.
A Comissão Política Concelhia do CDS-PP de Ribeira de Pena,
através de um pedido de esclarecimento público dirigido ao edil de O Jantar tem entrada livre e como
Ribeira de Pena, Agostinho Pinto, destaca que existe um local (junto é prática na adbasto, este
à rua Camilo Castelo Branco disponível há um ano e meio) que momento de reflexão sobre o
possui as condições suficientes para receber a feira. Segundo o estado da Liberdade em
Partido Popular de Ribeira de Pena, a deslocalização desta feira Portugal e nas Terras de Basto
permitiria remover os obstáculos à actuação dos meios de socorro não tem protocolos definidos,
nos três edíficios públicos garatindo, assim, a “salvaguarda da podendo usar da palavra e deixar
integridade física dos munícipes”.
o seu testemunho, quem o
O mesmo pedido instiga o actual Presidente de Câmara de Ribeira
entenda fazer.
de Pena a esclarecer, publicamente, a razão pela qual a localização desta feira é
“provisória” naquele local há cerca de oito anos. O Jantar da Liberdade é uma
prática que a adbasto com o
Agostinho Lopes do PCP visitou Feira da Orelheira… apoio do Jornal “O Basto” tem
vindo a promover nos últimos
Encerramento da urgência nocturna anos, com o objectivo de que a
efeméride que se comemora a
adbasto promove Jantar da Liberdade, dia 21 de
Abril em Moscoso”
de Celorico e acessibilidades à 25 de Abril não caia no
esquecimento.
região preocupam Deputado No corrente ano, este momento de convívio e reflexão surge num contexto difícil
para o País e também para as Terras de Basto, onde há centenas de famílias em
“Agostinho Lopes, deputado do PCP, eleito pelo situação de pobreza como consequência do elevado desemprego e políticas
distrito de Braga, deslocou-se no passado dia
municipais desadequadas.
5 de Março a Cabeceiras de Basto para visitar
a Festa da Orelheira e do Fumeiro. Este Jantar surge num momento de deterioração progressiva da Liberdade, a nível
Acompanhado de membros da Comissão local, visível nas tentativas bem sucedidas de controlo e asfixia do movimento
Concelhia do PCP, entre outros militantes e associativo e instituições educativas.
amigos”, pode ler-se num comunicado enviado A Direcção da adbasto convida todos os seus associados e amigos, bem como
à nossa redacção pela estrutura local do PCP. todos aqueles que lutam por uma maior democracia e liberdade na sua terra e na
Na circunstancia o deputado do PCP conversou Agostinho Lopes visitou Feira do Fumeiro sua região acreditando na expressão e na força da cidadania, a participarem neste
com alguns dos expositores e visitantes, tendo- de Cabeceiras e criticou encerramento Jantar.As inscrições para o Jantar podem ser feitas pelos seguintes números –
lhe sido levantadas várias questões e de urgências e acessibilidades não 925796790; 965738864; 966665995.
preocupações, principalmente ligadas à realizadas
agricultura e aos produtores de pequena
dimensão. A visita ao certame terminou com um lanche na “Tasquinha” da feira. ARDCA com baixa de vulto
Agostinho Lopes deslocou-se ainda à Rádio Voz de Basto, onde além da visita Festa da
Orelheira e do Fumeiro, abordou vários temas da actualidade, nomeadamente quanto à
preocupação sobre o encerramento do SAP em Celorico de Basto, bem como o possível
encerramento do SAP em Cabeceiras de Basto. A situação destes concelhos do interior
Demitiu-se o rosto do
agrava-se com o encerramento destes equipamentos e em contrapartida as promessas
eleitorais e compromissos assumidos pelos sucessivos governos continuam na gaveta,
Oural Summer Party
como é o exemplo da via do Tâmega (ligação entre Celorico, Mondim e Cabeceiras) e da Através de um comunicado endereçado à redacção do jornal “ O Basto”,
construção do nó na A7, junto à Vila da Gandarela. Lembrou que a saúde, de acordo com a
Vítor Carvalho, Presidente da Direcção da ARCDA (Associação Recreativa
constituição, deverá ser tendencialmente gratuita, no entanto com o encerramento dos SAP
no interior está-se a aumentar significativamente os custos para muitos doentes. A título
Desportiva Cultural de Abadim), comunica que apresentou um pedido de
de exemplo um morador na cidade de Braga desloca-se para o Hospital com relativa demissão tendo como motivo a “falta de disponibilidade profissional” para
facilidade. No entanto um cidadão de Celorico ou de Cabeceiras para se deslocar ao mesmo continuar a desempenhar as funções delegadas.
Hospital, de forma a obter os mesmos cuidados de saúde, terá de gastar uma quantia
muito superior, pois alem das taxas e exames, terá de pagar a respectiva deslocação. O Comunicado:
Eu, Vítor Manuel Pereira de
E a Semana do Cabrito? Carvalho, Presidente da Direcção da
ARDCA, venho por este meio
“Semana da Primavera e da comunicar a todos os sócios e
simpatizantes desta associação, o
Floresta em Cabeceiras” meu pedido de demissão. Decidi
tomar esta decisão pelo motivo de
“A Semana da Primavera e da Floresta arranca dia 21 de Março em Cabeceiras de Basto não ter mais disponibilidade
e promete envolver mais de um milhar e meio de crianças numa mega acção de
profissional para continuar a
sensibilização ambiental”, informa a Câmara Municipal. Esta iniciativa realizada próximo
desempenhar as minhas funções
da Páscoa era frequente estar associada à Festa do Cabrito e da Floresta, que se realizou
ao longo de muitos anos e pretendia assumir-se como um cartaz turístico na região, para com a dedicação e entrega que tive
além de promover o “cabrito das terras altas do Minho” um produto muito procurado apreciado. durante todos estes anos. Saio com
No entanto e segundo informações de que um sentimento já de saudade mas
dispomos, no corrente ano a Câmara de dever cumprido e principalmente
Municipal terá posto de lado a realização da com a consciência totalmente
Semana do Cabrito, “pois a mesma ter-se-á tranquila. Dei tudo de mim sempre
tornado um fiasco económico e com pouca baseado na razão, confiança,
adesão. No âmbito desta Semana da
profissionalismo, amizade e
Primavera está prevista a realização de um
honestidade.
conjunto diversificado de acções de cariz
Loja 1 - Av. Cap. Elisio de Azevedo,
ambiental e lúdico a desenvolver em vários As maiores provas do meu trabalho Vítor Carvalho, demitiu-se da
R/C Lj3 Arco de Baúlhe
www.parasempredigital.com locais e espaços verdes do concelho, e do meu grupo foram o patamar a presidência da ARDCA e deixou trabalho
Tlm. 960 056 584 nomeadamente no Centro de Educação que o Oural Summer Party chegou feito!
Loja 2 - R. Central, 83 B - Salto Ambiental de Vinha de Mouros (CEAVM), no e o sucesso do passeio TT para jipes pela Serra de Abadim.
Centro Hípico e nos Parques ‘Floresta Verde’, Tudo aquilo que a ARDCA hoje é e têm, foi resultado de muito trabalho e entrega
em Chacim - Refojos de Basto e Vila Nune, das pessoas que estiveram na sua coordenação desde Dezembro de 2005 até aos
entre as quais visitas guiadas aos desportos dias de hoje.
radicais, oficinas criativas, demonstrações
Termino agradecendo todo o apoio dado durante estes últimos 6 anos pela Câmara
de equitação no Centro Hípico e na
Municipal, EmuniBasto, JFreguesia, C. Baldios, BV Cabeceirenses, GNR,
promoção de ateliers de artes plásticas.
Estão previstas plantações de árvores, Patrocinadores, Imprensa e por ultimo mas não menos importante a todos os amigos
podas, limpeza de matos e acções de e conhecidos que directa ou indirectamente me ajudaram a chegar a “bom porto”.
sensibilização. Não digo um Adeus mas sim um Até Logo.

8 20 de Março de 2011
“Jornal oficial da Câmara” anunciava em Janeiro “mudança em Março para novas salas de aula mas…
Nova escola de Cabeceiras só no próximo ano lectivo!
O Jornal “Ecos de Basto” anunciava no final do passado mês de Janeiro, na sua primeira página que “Em Março prevê-se o início da mudança para as
novas salas de aula da Escola Básica de Cabeceiras de Basto. Depois de um ligeiro abrandamento, as obras avançam a bom ritmo”.

Praticamente no final do mês de condições de receber os alunos, no início


Março e ao contrário do que é do próximo ano lectivo”.
referido pelo mesmo jornal, “O Até lá, os professores e alunos da escola
Basto” está em condições de continuarão em contentores, sem o
informar que dificilmente se mínimo de condições para a
materializará a mudança anunciada implementação do ensino/aprendizagem.
dos alunos, que até agora têm tido Recorde-se que as obras da remodelada
aulas em contentores, para as novas Escola Básica de Cabeceiras, iniciadas
salas de aula, até ao final do presente em Junho de 2009, deveriam estar
ano lectivo. O nosso jornal conseguiu concluídas na Páscoa 2010, mas o
saber que “as obras apesar de terem concurso público para a empreitada, só
retomado normalmente, estão ainda viria a ser lançado pela autarquia em
muito longe da sua finalização”. De Outubro de 2010. Uma obra que conforme
acordo com informação fidedigna, “será foi tornado público, terá trabalhos a mais
praticamente impossível inaugurar a nova no valor de três milhões e oitenta mil
escola, antes do final do ano lectivo, que euros.
Escola Nova em Cabeceiras só no início do próximo ano lectivo
ocorrerá em finais de Junho, pelo que, Os atrasos significativos na concretização
só se prevê que o mesmo edifício esteja desta obra, associados às condições de professores indignados, principalmente inexistência de espaços condignos para
completamente operacional e em trabalho sofríveis, deixaram alunos e devido à chuva, ao frio e também, à a prática de Educação Física.

Cabeceiras regista mais 34


Guerra de Associações de
desempregados no mês de
Pais em Cabeceiras de Basto
Janeiro
De acordo com dados disponibilizados pelo Instituto de Emprego e Formação
é notícia no JN
Profissional aos quais o Jornal “O Basto” teve acesso, no primeiro mês do
Segundo o Jornal de Notícias de hoje, dia 3 de Março de 2011, “está
ano Cabeceiras de Basto registou mais 34 desempregados. Em Celorico de
envolta em polémica a designação dos representantes do pais e
Basto, mais 11 pessoas ficaram sem trabalho, recorrendo desta forma ao
encarregados de educação para o Conselho Geral do Agrupamento de
Centro de Emprego de Basto.
Escolas de Cabeceiras, órgão que vai eleger o futuro Director do
No que ao distrito diz Agrupamento.
respeito ao distrito de As associações de Pais de Cabeceiras e Arco, formalizadas há vários
Braga, o desemprego anos e em legitimidade de funções foram afastadas e nasceu uma
atingiu, em Janeiro, “nova” associação, aparentemente legitimada” O Agrupamento de
53.311 pessoas, ou Escolas surgiu em 2010, pela fusão dos antigos agrupamentos de
seja, mais 746 que no Refojos e Arco de Baúlhe, cada um deles com Associações de Pais
mês anterior, mas formalizadas. Nesta altura, a Comissão Administrativa Provisória do
menos 1886 pessoas Agrupamento de Escolas de Cabeceiras, está a liderar o processo
que em igual período que levará à composição do Conselho Geral que, posteriormente,
do ano passado, o elegerá o Director.
que representou me-
nos 3 por cento de “Tinhamos duas associações representadas no Conselho Pedagógico
desempregados do através da Presidente da Associação de Pais de Refojos e agora chegaram
que em Janeiro de à conclusão que as duas associações não estão aparentemente legitimadas
2010. A nível do para este processo de designar os pais para o Conselho Geral” afirmou ao
continente a variação Desemprego em Cabeceiras e Celorico continua a subir, JN, Bela Abreu, Presidente da Associação de Pais do Agrupamento de Refojos
também baixou, mas arrastando dezenas de famílias para a precariedade (APAER).
para 1 por cento. “Ao invés, a CAP ( Comissão Administrativa Provisória), considerou legítima
Tendo em conta os dados do mês anterior é possível concluir que se registou uma apenas uma nova associação de pais, que nasceu em 2011. “A 12 de
subida do desemprego em grande parte dos concelhos do distrito: Amares (+7); Barcelos Fevereiro foram convocados 40 pais – e não a totalidade – via sms, sem
(+129); Braga (+243); Cabeceiras de Basto (+34); Celorico de Basto (+11); Esposende convocatória afixada e todos ligados à Câmara de (maioria socialista),
(+83): Fafe (+154); Guimarães (+121); Póvoa de Lanhoso (+4); Terras de Bouro (+17); ou a instituições próximas do poder. Elegeram corpos sociais e
Vieira do Minho (+40); Vila Verde (+76). Somente em dois concelhos registaram uma ratificaram os estatutos sem convocar a maioria dos pais do
descida: Vila Nova de Famalicão (-112) e Agrupamento”, afirmou a mesma dirigente.
Vizela (-61). A dirigente sente-se indignada pela sua associação estar legitimada para pertencer
Por sua vez, e tendo em conta os dados ao Conselho Pedagógico até há uma semana e já não o estar para designar os 4
do mês homólogo do ano anterior, regista- encarregados de educação para o Conselho Geral.
se agora uma diminuição do número de
desempregados em praticamente todos Associação de Pais de Arco de Baúlhe
os concelhos do distrito: Amares (+36); acusa nova Associação de ilegalidade
Barcelos (+260); Braga (+1.031);
De: Paula Cristina Oliveira L. Rodrigues
Cabeceiras de Basto (+177); Celorico de
ESPECIALIDADES Já Margarida Carvalho, Presidente da Associação de Pais do Agrupamento de
Posta à Grelhados & Companhia Basto (+10); Esposende (+84); Póvoa de
Arco de Baúlhe, entende que “o processo de constituição de uma nova
Bochechas de Porco Preto Lanhoso (+90); Terras de Bouro (+22); Vila
associação de pais foi feito à pressa e com muitos atropelos. A nova
Lagartos Porco Preto Verde (+57). Amares (-42); Barcelos (-16);
associação de pais nasceu sem o conhecimento de todos os pais e isso
Secretos de Porco Preto Celorico de Basto (-87); Fafe (-161);
Entrecosto de Porco Preto parece-nos ilegal”, assumiu.
Guimarães (-1.238); Vieira do Minho (-27);
Bifinhos com Alho Maria do Céu Caridade não comenta e DREN diz que cabe à actual Direcção do
Vila Nova de Famalicão (-731); Vila Verde
Costeleta de Novilho Agrupamento assegurar a legalidade do processo. Maria do Céu Caridade,
(-7); Vizela (-235) .Nos restantes
Pita Shoarma Presidente da CAP não comentou o assunto e apenas referiu que a decisão de
concelhos verifica-se agora uma subida
Delicie-se com as nossas não legitimar as duas associações é da responsabilidade da DREN, que assumiu
especialidades na companhia dos desempregados face ao ano anterior,
por seu turno, ter sido confrontada pela CAP com a situação e se limitou a dar um
de quadros da Pintora Mieke Qualm abrangendo 5 concelhos: Braga (+482);
parecer, onde revelava que os órgãos sociais das duas associações mais antigas
Rua 25 de Abril, nº 14 Lj 3 Tlf. Cabeceiras de Basto (+33); Esposende
(Junto ao Tribunal)
tinham já “expirado”.
253 666 221
(+91); Póvoa de Lanhoso (+40) e Terras
Cabeceiras de Basto de Bouro (+30).

20 de Março de 2011 9
Manuel Joaquim
N. Oliveira

Fotografia - Vídeo
WEB
Tlm. 93 425 5895
www.pixceldigital.com
E-mail
pixceldigital@gmail.com Parque Industrial
geral@pixceldigital.com de Olela
[912 475 078] Rua Serpa Pinto, Edifício Herbasto,
Fracção B, R/C 4860 Cabeceiras
[255 323 223] 4890 - 238 CELORICO DE BASTO
de Basto

SERBASTO
GABINETE DE SERVIÇOS, LDA Com os cartões: PADARIA E PASTELARIA
« A BIJOU »
RUA DE CAMÕES
TELEFONE: 255 321 211
FILIAL: PÃO QUENTE AVENIDA
CAMPO DO SECO - REFOJOS
4860 - 353 CABECEIRAS DE BASTO
TELEFONE: 255 321 244
serbasto@serbasto.mail.pt AV. JOÃO PINTO RIBEIRO
TELEFONE: 253 664 557 TELEMÓVEL: 914 161 971
ESTAMOS ABERTOS
4890 CELORICO DE BASTO
CONTACTE LUÍS MEIRELES E ANA MARIA, TÉCNICOS 24 HORAS!
OFICIAIS DE CONTAS INSCRITOS NA ORDEM DOS
TÉCNICOS DE CONTAS. Entre as 23H -7H Habasteça
com o seu cartão
multibanco
Menos 2 cêntimos Parque Industrial
(4 escudos) por litro sete Fontes
De: Rosa Gonçalves Ferreira Leite Rebelo
Telef. 253 665 710 Lote 9 4710 - 349 Braga
Com mais de 25 anos de tradição, o Talho Rebelo trabalha
a pensar em si: Com produção biológica de bovinos e Fax 253 665 711
suínos, assim como enchidos tradicionais. Tlfs: 253 262 615 / 253 216 300
Visie-nos aqui: Lug. Tujeirinhas - Arco de Baúlhe (Junto Parque Industrial de Lameiros 4860
ao Centro de Saúde). Tlf 253 665 913 - Tlm 963 856 974 - Cabeceiras de Basto Fax: 253 617 463

Av. Dr. Francisco Sá Carneiro

BASDROGA Cabeceiras
de Basto

Drogaria,lda
Tlf. 253 768 356

CYBER CAFE
VISITE-NOS De: Manuel Teixeira
Na Praça do Mercado! Tlm. 960 013 439
Tel./Fax 253 662 039 Telem. 962 947 245
Quinchoso - Refojos
Rua Emídio Guerreiro, Lote 57 - Loja 1
4860 CABECEIRAS DE BASTO 4860 - Cabeceiras de Basto

Costa Alves Reparações Pichelaria


& Barbosa, Lda. Eléctricas em DJALMA,LDA
MONTAGEM DE CASAS DE BANHO EM
Automóveis, TUBO INOX E PPR, COBRE E
Materiais de AQUECIMENTO CENTRAL, ETC. RUFOS
E CALEIROS EM COBRE, ZINCO PURO
Construção Camiões e E CHAPA ZINCADA CHAPA
INOXIDÁVEL COM TODOS OS AUTO PEÇAS DE BASTO
Tractores ARTIGOS SANITÁRIOS
Venda de Lotes Parque Industrial
COLOCAÇÃO DE PAINÉIS
SOLARES POR PROFÍSSIONÃIS
Chaparia * Pintura
Mecânica * Electricista
de Lameiros FABRICO PRÓPRIO E COLOCAÇÃO DE Lote 1 - Zona Indutrial de Olela - Basto
Ferrã - S. Clemente 4860-102 - Cabeceiras CALEIROS EM ALUMÍNIO LACADO NA 4860 - 105 Cabeceiras de Basto
PROPRIA OBRA
Vila de Gandarela de Basto de Basto Telef./Fax: 253 665 024
Telefs. 253 655 236
Telef./Fax: 253 663 573 Tlm. 967 017 949
Telefone: 253 655 076 253 655 311 / 253 655 380
Telm.: 961 894 241 Telmv. 968 012 666 / 969 084 366 E-mail: autopeçasdebasto@iol.pt

10 20 de Março de 2011
 NECROLOGIA  O Basto – 20 de Março de 2011 – Nº 75
---Que o referido prédio está omisso no registo predial, mas está inscrito
na matriz em nome do justificante que o adquiriu, já na constância do
--------------------------------------CERTIFICADO----------------------------------------- matrimónio, por contrato de compra e venda verbal, por volta do ano de
---Isabel da Conceição da Silva Magalhães Mato, colaboradora autorizada, mil novecentos e oitenta e oito a João de Magalhães, e mulher, Conceição
Carvalho, à data residentes no lugar de Petimão, da dita freguesia de
D. Arminda nº 35/1, pela notária, Maria Cristina Azevedo Pinho Sousa, no seu cartório,
Alvite, tendo entrado nessa data na posse do referido prédio;---------------
na Urbanização Montenegro, 90 e 98, na cidade de Fafe, publicado no site
---Que, apesar das várias diligências feitas, não foram encontrados os
Alves Teixeia da ordem dos notários em 31 /01 /2010, certifica que, para efeitos de
vendedores, nem quem os substituísse ou lhes sucedesse, pelo que
publicação, que em dois de Março de dois mil e onze, foi lavrada a folhas
102, do livro 117-A, deste Cartório, uma escritura de Justificação Notarial, estão impossibilitados de, pelos meios normais, registar no registo predial,
(Cavez) tendo nela outorgado como justificante:---------------------------------------------- em seu nome, o mesmo prédio;--------------------------------------------------------
---Jaime Teixeira de Magalhães, C. F. 161 637 850, casado com Maria da ---Que, esse contrato verbal não teve a virtualidade jurídica de transmitir
Conceição Pereira Teixeira, C. F. 185 388 159, sob o regime da comunhão o domínio de tal prédio, mas o certo é que por via dele os justificantes
passaram a usufrui-lo, pagando os respectivos impostos, colhendo os
Nasceu a 01/05/1933 de adquiridos, residentes no lugar de Portela, freguesia de Alvite, concelho
correspondentes frutos, gozando todas as utilidades por ele proporcionadas,
de Cabeceiras de Basto, donde são naturais (b.i.8199434, de 25/07/2001,
Faleceu a 10/02/2011 dos SIC de Braga); - intervem POR SI e na qualidade de PROCURADOR com ânimo de quem exercita direito próprio, de boa fé, por ignorar lesar
de sua referida mulher.-------------------------------------------------------------------- direito alheio, pacificamente porque sem violência, continua e
publicamente, com conhecimento de toda a gente e sem oposição de
Agradecimento ---DECLARA O OUTORGANTE, por si e na dita qualidade:--------------------
---Que e ele e a sua representada, são donos e legítimos possuidores, ninguém e isto por lapso de tempo superior a vinte anos;---------------------
com exclusão de outrem, do seguinte prédio:-------------------------------------- ---Que, dadas as enunciadas características de tal posse, o primeiro
A família enlutada, na impossibilidade de o ---Rústico - Terreno inculto com mato, com mil metros quadrados, no lugar outorgante e a sua representada adquiriram aquele prédio por usucapião
título esse que, por natureza, não é susceptível de ser comprovado pelos
fazer pessoalmente, vem por este único meio, de Sto António, freguesia de Basto, concelho de Cabeceiras de Basto, a
meios normais.------------------------------------------------------------------------------
expressar muito reconhecidamente a sua mais confrontar de norte com estrada camarária, sul com Francisco Manuel e
---Fafe, dois de Março de dois mil e onze.------------------------------------------
profunda gratidão para com todos quantos Felismina Faustino, nascente com caminho público e poente com estrada
camarária, inscrito na matriz sob o artigo 404, com o valor patrimonial de Por delegação da Notária, a colaboradora
se dignaram participar no funeral e •250, 00 e o atribuído de MIL E QUINHENTOS EUROS:----------------------- (Isabel da Conceição da Silva Magalhães Mato)
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido.
 NECROLOGIA  O Basto – 20 de Março de 2011 – Nº 75
-------------------------------CERTIFICADO----------------------------
---Certifico que, no dia sete de Março de dois mil e onze, perante
Joaquim Teixeira D. Laura mim, notária, Leonor da Conceição Moura, com cartório sito Campo
Machado Magalhães Mota do Quinchoso, Refojos, Cabeceiras de Basto, foi outorgada uma
escritura de JUSTIFICAÇÃO NOTARIAL, iniciada a folhas 113 livro
55-A, intervindo como outorgante-------------------------------------
(Pedraça) (Pedraça) ---Sónia Maria de Carvalho Gonçalves NIF 228 739 950 solteira,
maior, natural da freguesia de Bucos, deste concelho onde reside
no lugar de Devesa.-----------------------------------------------------
Nasceu a 15/12/1940 Nasceu a 22/01/1937 ---Mais certifico que foi declarado:------------------------------------
Faleceu a 02/03/2011 Faleceu a 25/02/2011 ---Que é dona e legitima possuidora, e com exclusão de outrem, do
seguinte prédio sito na referida freguesia de Bucos, lugar da Devesa:-
---Rústico - Terreno de cultivo com uma dependência agrícola com
Agradecimento Agradecimento a área global de trezentos e sessenta e dois metros quadrados, a
confrontar de norte com caminho público, de sul com Maria Silva,
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o de nascente com Maria Gonçalves Lomba e caminho público e de
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, poente com Maria da Silva e caminho público, omisso na
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais conservatória e inscrito na matriz em nome da justificante sob o
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos artigo 1389, e com o valor patrimonial e atribuído de • 100,00.-----
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e ---Que, a justificante, no ano de mil novecentos e noventa, adquiriu
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do por doação verbal de Maria Luísa Pereira, solteira, maior e residente
seu ente querido. seu ente querido. que foi na rua Caldeireiros, Pousada, S- Domingos, 60, nº 1 Porto,
e agora ausente em parte incerta, o referido prédio, tendo entrado
nessa data na posse do mesmo,’ pelo que está impossibilitada de
suprir a referida aquisição não titulada pelos meios normais, e
D. Maria D. Maria Cândida registar na conservatória, em seu nome, o mesmo prédio.--------
---Que, esse contrato verbal não teve a virtualidade jurídica de
Augusta Martins Pimenta transmitir o domínio e propriedade de tal prédio, mas o certo e que
por via dele, a justificante passou a usufrui¬-lo, limpando-o,
(Cavez) realizando obras de beneficiação, utilizando a dependência para
Arosa - Cavez arrecadar matérias e utensílios agrícolas, e gozando todas
utilidades por ele proporcionadas, com ânimo de quem exercita
Nasceu a 12/06/1925 Nasceu a 24/05/1902 de direito próprio, de boa fé, por ignorar lesar direito alheio,
pacificamente porque sem violência, continua e publicamente,
Faleceu a 04/02/2011 Faleceu a 06/02/2011 com conhecimento de toda a gente e sem oposição de ninguém -
e isto por lapso de tempo superior a vinte anos.--------------------
Agradecimento Agradecimento ---Que, dadas as enunciadas características de tal posse, a justificante
adquiriu aquele prédio, por usucapião - título esse que, por natureza,
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o não é susceptível de ser comprovado pelos meios normais.----------
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, ---Está conforme o original.--------------------------------------------
expressar muito reconhecidamente a sua mais ---Cabeceiras de Basto, sete de Março de dois mil e onze.-------
expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos A NOTÁRIA
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e (Leonor da Conceição Moura)
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido.  NECROLOGIA 

D. Sara Oliveira D. Teresa José


de Magalhães de Jesus Borges Gonçalves Dias
(Faia) (Arco de Baúlhe) (Carrazedo - Bucos)

Nasceu a 16/10/1933 Nasceu a 06/04/1922 Nasceu a 18/01/1931


Faleceu a 13/02/2011 Faleceu a 10/03/2011 Faleceu a 01/02/2011
Agradecimento Agradecimento Agradecimento
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. seu ente querido.

Todos os serviços fúnebres estiveram a cargo da Todos os serviços fúnebres


Pompas estiveram a cargo
Dignidade
Prestígio fúnebres
exclusivas
Funerária Casa Sousa
Profissionalismo S. Nicolau - Cabeceiras - Tlf. 253 662 175
Email: funeraria.carvalho@sapo.pt
Telefone/Fax 253 768 028 - Telemóveis 966110549 / 96116183 Tlm.s 96 611 0549 / 96 116 1683

20 de Março de 2011 11
 NECROLOGIA   NECROLOGIA   NECROLOGIA 

D. Albina António Barroso Armindo Leite


de Andrade Dourado Gonçalves
(Teixugueiras - (Água Redonda -
(Cucana - Passos)
Riodouro) Refojos)
Nasceu a 07/04/1928 Nasceu a 01/03/1935 Nasceu a 19/08/1934
Faleceu a 20/02/2011 Faleceu a 01/03/2011 Faleceu a 12/02/2011
Agradecimento Agradecimento Agradecimento
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. seu ente querido.

D. Deolinda D. Deolinda Domingos


Fernandes de Magalhães Antunes
(Toninha - Riodouro) (Terreiros - Painzela) (Vilela - Riodouro)
Nasceu a 26/09/1954 Nasceu a 11/05/1917 Nasceu a 28/10/1922
Faleceu a 15/02/2011 Faleceu a 06/03/2011 Faleceu a 15/02/2011
Agradecimento Agradecimento Agradecimento
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. seu ente querido.

Manuel Manuel José D. Maria


Gonçalves Mouta dos Santos Barroso
(Teixugueiras - (Casa da Costa -
(Cambezes - Riodouro)
Riodouro) Riodouro)
Nasceu a 12/12/1938 Nasceu a 05/03/1932 Nasceu a 22/08/1921
Faleceu a 26/02/2011 Faleceu a 06/03/2011 Faleceu a 07/03/2011
Agradecimento Agradecimento Agradecimento
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. seu ente querido.

D. Maria da Conceição D. Maria da Conceição Paulino Marques


de Jesus Freitas Teixeira Mateus

(Paredes - Refojos) (Sobreira - Refojos) (Cachada - Refojos)

Nasceu a 06/07/1936 Nasceu a 26/12/1939 Nasceu a 23/02/1935


Faleceu a 02/03/2011 Faleceu a 21/02/2011 Faleceu a 02/03/2011

Agradecimento Agradecimento Agradecimento


A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
seu ente querido. seu ente querido. seu ente querido.

FUNERÁRIA CABECEIRENSE, LDA


Agradecimento
GERÊNCIA DE PAULINO FERREIRA E ISIDRO FERREIRA

Tlm: 968 081 863 - 969 009 619 Telef: 253 662 203 - 253 662 365

12 20 de Março de 2011
Na

Blogue do Professor O Balde furado


http://bloguedoprofessor.blogspot.com Mais um pacote de austeridade, mais um furo
no cinto. Sob a batuta de Sócrates e Teixeira
Renovar o PSD - No muito difíceis, para encetar um processo de dos Santos, o Estado impõe-nos austeridade,
meu último artigo, aqui reafirmação do PSD em Cabeceiras de Basto. mais e mais austeridade. Pedem-nos que
publicado, assumi o desafio Vamos ter essas pessoas! ajudemos a encher um balde furado: todo o
de apresentar uma can- Entendo que é tempo de renovar o partido. Novas dinheiro que arrecada nunca chega, pois as
didatura aos órgãos da caras, novos protagonistas irão aparecer. necessidades de financiamento perma-
Mário Leite* Enfim, a lista que terei o privilégio de apresentar, Paulo Pinto* necem e os juros (furos) da dívida absorvem
Secção de Cabeceiras de
(Professor) será uma lista de união geracional, que permitirá (Professor) praticamente tudo o que com tanto sacrifício
Basto do PSD, para o que
solicitei a convocação das aliar a experiência, a disponibilidade e a damos. O balde nunca poderá encher.
respectivas eleições. dedicação, dos mais antigos militantes às dos Sacrificam-se cordeiros atrás de cordeiros – agora é a vez dos
Tal facto constituiu “uma pedrada no charco” da mais ovos. pensionistas -, mas o papão dos mercados nunca está saciado.
apatia em que se vinha atolando o PSD ao longo Nós todos queremos o melhor para Cabeceiras. Este caminho levará a algum lado? Se o rendimento das pessoas
dos últimos tempos. Sei que os militantes do PSD darão uma resposta diminui, o consumo logicamente também cai, a economia afunda-
No próximo dia 2 de Abril, vamos ter eleições e positiva. se na recessão, fecham empresas e aumenta o desemprego. Com
eleger aqueles que se espera sejam os Eu procuro cumprir o desafio a que me propus. isso, as receitas de impostos diminuem, as necessidades de apoio
protagonistas da mudança, que se deseja e exige, social aumentam, e o Estado vê-se obrigado a cortar mais ainda e
Carnaval - Realizaram-se, como é hábito, os
a espoliar ainda mais os bolsos dos que ainda podem pagar. Ou
para o partido e para o concelho. desfiles de Carnaval das Escolas, quer no Arco,
Desde o início que me propus criar condições para seja, isto conduz ao desastre, ao ponto em que a fome e a miséria
quer em Cabeceiras, com o brilho a que já nos grassarão e o Estado social terá implodido.
a apresentação de uma lista consensual, suportada habituaram e com mensagens pedagógicas de
por um programa de actuação natural: organizar, O Governo está gasto e desorientado. A conjuntura internacional é
louvar. muito desfavorável, é verdade, e José Sócrates afadiga-se em
renovar e reforçar o partido e construir uma proposta No dia de Carnaval, o Arco saiu à rua com o seu
ganhadora para as autárquicas de 2013. contactos e persiste numa teimosa recusa de pedir socorro ao
tradicional corso. FEEF e ao FMI, no que provavelmente tem razão. Mas a teimosia
Os tempos não estão para o divisionismo do PSD, Variados carros alegóricos parodiavam a política
quando mais se lhe exige unidade, cooperação e fica apenas mau carácter quando o primeiro-ministro passa para
local, donde sobressaíam as críticas à autarquia cá da fronteira: desvaloriza ou rebaixa as vozes discordantes,
empenho. É importante uma solução partilhada que por causa do encerramento do Agrupamento de
possa construir as bases de um projecto político mistifica e engana os Portugueses, e nem na ironia consegue ser
Escolas, a criação de uma associação de pais e simpático, como se viu em Viseu quando o jantar do PS foi
para o concelho, com ambições ganhadoras. a falta de licenciamento do lar da ARCA.
Espero que todos consigamos atingir esse interrompido por um grupo de jovens. Sempre pressuroso a
Carnaval é isso mesmo, criticar porque nessa recolher os tostões dos que pouco têm, deixa incólumes os milhões
objectivo. Por isso, entendo que é preciso contar altura ninguém leva a mal…
novamente com pessoas que já deram provas, dos que muito possuem. Já não inspira nem motiva ninguém, a
Será que é mesmo assim?! não ser os seus correligionários que tenham muito a perder com a
que têm experiência, que viveram no partido horas * Colaborador
sua partida.
É essa partida que, cada vez mais, parece necessária e inevitável.
O QUE OS OLHOS MORTAIS Existem momentos em que, mesmo que as políticas
desgraçadamente não mudem ou não possam ser mudadas, a
simples mudança de rostos, de estilos, de processos, pode fazer a
NÃO ENXERGAM (CAPÍTULO LXXII) diferença e romper o círculo vicioso. No poço onde caímos, agarrar-
nos-emos a qualquer corda para subir.
Neste capítulo vou fazer a o mais difícil é vivermos em comunidade neste Duas palavras para o protesto da chamada «geração à rasca». O
abordagem possível sobre o mundo onde reina a mentira, a inveja e o ódio. Deus rótulo de comodistas e alienados, tantas vezes colado aos jovens,
Albino Antunes* processo a seguir para não nos ia deixar num beco sem saída. Para isso mostrou ser precipitado e injusto. Muitos, talvez a maioria, cresceram
ascender quando nos abriu canais energéticos e Portugal tem um dos desafogadamente. Mas hoje enfrentam a exploração dos contratos
encontramos em estado refractário. maiores canais deste Mundo que se situa junto da precários e dos baixos salários, o desperdício das qualificações, as
Muito boa gente anda à deriva fora da estrada da Capelinha das Aparições em Fátima. Os espíritos vidas adiadas, a indignidade da eterna dependência de mesadas,
Luz. O medo impera. Consternados e irados pela em estado refractário podem dirigir-se a esse local as portas do futuro fechadas. E têm o direito, ou mesmo o dever, de
má gestão da sua passagem pela Terra, atormenta- e deixarem-se ir por essa energia que os conduz expressar a sua justa revolta. E o dever, que também é um direito, de
os agora o receio de um castigo perpétuo. É a ao plano espiritual ou podem ascender por mobilizarem as suas energias e capacidades para a construção
ignorância que cultivaram e levaram, que apenas intersecção, isto é, através de um encarnado de fé, colectiva de um futuro mais fecundo. *Colaborador
serve para causar danos aos encarnados e atrasar que tenha a capacidade de fazer transcender a sua
o seu avanço evolutivo. mente através dos canais energéticos e conduzir o
Como não há rosas sem espinhos, também como é óbvio quem exerce
Estou a falar de gente que já abandonou o corpo, espírito com a própria mente ou então uma pessoa
a mediunidade sofre muito, porque recolhe muitas vezes os sintomas
mas que ainda estão a circular por aqui, isto é, ainda com protecção de entidades superiores que façam
do paciente.
não ascenderam ao seu plano vibratório ou a condução desses espíritos. Tudo muito simples,
Para os cépticos tudo isto é treta, porque só acreditam naquilo que
espiritual, como lhe queira chamar, por medo de não é preciso curso universitário e até pode ser
vêm. No entanto acreditam no vento e nunca o viram, mas vêm as
sofrerem qualquer castigo. Tudo tem de ser feito, analfabeto, apenas tem de ter fé e conectar-se com
árvores a abanar. Quando sentem sintomas que a medicina ainda não
então só devemos entender por castigo ter de fazer a energia Universal. Também como é óbvio tem de
consegue diagnosticar, acreditam no que sentem, mas não naquilo
aquilo que ainda não foi feito e que faz falta para o saber identificar a presença da energia do espírito
que pode provocar esses sintomas sem haver qualquer patologia
nosso processo evolutivo, não entendam o castigo que está a necessitar de ajuda ou que está a
física. Como é evidente a medicina faz parte da nossa qualidade de
como consta no velho vocabulário do fogo do inferno. perturbar terceiros para não fazer transcendências
vida, sem ela haveria uma grande mortalidade precoce, mas temos de
Os erros pagam-se com retornos aos mundos em vão e poder aconselhar o espírito refractário
ter em conta o equilíbrio do físico e espírito. Existe uma vivência em
duais, onde existe o trabalho e a dor. Nós dos inconvenientes de se encontrar nesse estado.
simbiose que é ressentida quando uma das partes está doente. Para
actualmente encontramo-nos no mundo dual “Terra” A identificação da presença de espíritos é o mais difícil
a doença do físico temos os médicos, para a doença do espírito temos
cada um com a sua dor e o seu trabalho que pode para quem não tem poder mediúnico, porque existem
outros especialistas que são formados pelo fluído Universal, embora
estar ou não em conformidade com o seu caminho outras energias avulsas que causam os mesmos
também possam ser médicos místicos.
original. (Falei do caminho original no capítulo LV). sintomas. A presença de um ou mais espíritos podem
No próximo capítulo vou falar sobre as causas que levam os espíritos
Como deve proceder esta gente que anda por aqui também produzir sintomas parecidos com doenças
ao estado de refractários.
para saírem do estado de refractários? Deus não físicas, é nestes casos que os medicamentos não
nos indica direcções difíceis, todo o processo é fácil, têm êxito por se tratar de uma dor ou mau estar fictício. *Colaborador

 NECROLOGIA   NECROLOGIA  e-mail:


dc-cci@netc.pt
Armando  D. Eva Maria Antonia
Ferreira de Oliveira Martins Lugar de Sobreiro - Real
N
E
C
RO
A
O
LG
I Telefone 253 625 644
Coelho Telef. Fax. 253 662 661 4700 - 272 BRAGA
(Beçós - Salto) 
(Painzela)
Nasceu a 01/02/1921
Faleceu a 23/01/2011 Faleceu a 10/01/2011

Agradecimento Agradecimento
A família enlutada, na impossibilidade de o A família enlutada, na impossibilidade de o
fazer pessoalmente, vem por este único meio, fazer pessoalmente, vem por este único meio,
expressar muito reconhecidamente a sua mais expressar muito reconhecidamente a sua mais
profunda gratidão para com todos quantos profunda gratidão para com todos quantos
se dignaram participar no funeral e se dignaram participar no funeral e
assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do assistiram à missa do 7º dia, em sufrágio do
Os artigos de opinião publicados são exclusivamente da responsabilidade
seu ente querido. seu ente querido.
dos seus autores, não vinculando o Jornal “ O Basto”.

20 de Março de 2011 13
Editorial Opinião ALERTA
Tem a palavra o Presidente Cavaco Silva
“Politicos” Qual estadista comiserado, José Socrates entra pelas nossas ainda
casas adentro, tentando explicar-nos porque razão se obrigou a
No dia 12 de Março, centenas de milhares de pessoas vender os portugueses ao clube dos países ricos da Europa.
mostraram o seu descontentamento. Naquele dia, os Chegou a reunião do conselho europeu de guarda chuva pendurado
participantes mostraram as razões que os levaram à rua. no dorso e mãos estendidas aos senhores.
Desde a contestação da precariedade nas relações laborais Numa das mãos, colocou a condição da sua continuidade como
Marco Gomes
até ao rumo político que orienta a governação do país, tudo primeiro ministro de Portugal, enquanto que, na outra, aceitou
(Sub-Director) Ilídio Santos* hipotecar a condição de povo livre e a soberania dos portugueses.
isto contribuiu para fundamentar o quão legítimo foi esta
Para conseguir alcançar as metas do défice nos anos de 2011, 2012 e 2013, uma prole
manifestação. A maioria de nós concordará que não se tratou de acto egoísta por de inteligentes e iluminados, entendeu ser razoável certificar a pobreza dos portugueses.
parte de uma geração. “Isto é política”, “somos todos políticos”, foram algumas Ressalta-se como imperativo patriótico as medidas de austeridade como única via capaz
das frases proferidas no protesto. A política não é exclusiva ao âmbito partidário e de nos levar ao paraíso.
governativo. Se me pedirem para identificar a principal razão que justifica o Do mesmo modo que nos convenceram de que ao povo cabe a responsabilidade por
“alheamento” das pessoas perante a política, eu, provavelmente, identificaria a este descalabro, nada mais natural de que fazerem o mesmo em relação aos sacrifícios
falácia que é julgar a política como um jogo restrito ao campo de actuação dos e quem os deve suportar.
partidos e governantes. Os políticos fazem fileiras e atropelam-se para que a mensagem passe e seja absorvida.
“Politikós” (dos cidadãos, pertencente aos cidadãos), era o político grego na Como dizem Augusto Santos Silva e Vieira da Silva, são medidas absolutamente
necessárias, não se cuidando tão pouco de respeitar a nossa inteligência.
antiguidade, ou seja, eram todos os cidadãos constituintes de uma cidade-estado.
Acenam-se, em momentos cirurgicamente escolhidos, as bandeiras do costume, como
Transpondo para a actualidade, todos os cidadãos são políticos (se não o sentem se exemplifica com estudo que decorre sobre as regiões ou ainda acerca do mapa
como tal, deveriam, porque é seu dever). autárquico e do seu necessário redimensionamento.
A manifestação concretizou-se. Agora, o que fazer? É a pergunta que predomina, Não faz qualquer sentido avançar com medidas de austeridade que esmagam o
mas já está a ser respondida. Muitos cidadãos, ou seja, políticos, estão a reunir- rendimento do cidadão comum, enquanto se admite o aumento da despesa caso se
se, a elaborar propostas e a definir acções para mudar o rumo da governação avance para a criação das regiões, do mesmo modo que não se põe cobro aos
deste país. Temos o dever de participar e ajudar. Todos temos uma palavra a dizer desmandos de certos autarcas que se passeiam em potentes carros por esse pais,
na política que queremos para todos. Mesmo que a voz trema por dentro, há que sem se preocuparem com os gastos de combustível, portagens, telemóveis, etc.
fazê-la sair firme e serena. Já agora, despachem-se, com assinatura de secretario de estado amigo ou diligente e
ao arrepio da opinião do PGR, uma verba de 72 000 euros para a conta de uma
procuradora adjunta.
Castre-se o juiz Carlos Alexandre. Pelos vistos, mete-se onde não deve…
Memórias do Padre João Barroso Fátima Felgueiras foi acusada em 22 processos. Com absolvições e prescrições?
Responde por uma apropriação de 177 euros…
de Salto Por Mamede Mendes Já todos percebemos que os dias deste governo estão contados e que as eleições
estão para breve.
Lembrei-me, para hoje, de dar a conhecer algumas Impõe-se uma observação cuidada das possíveis soluções resultantes da antecipação
curiosidades extraídas do Livro de lembranças do de eleições legislativas. Em desespero de causa poderão encaminhar-nos para
Padre João Barroso Pereira, que foi da vizinha freguesia soluções que, no mínimo, poderão trazer-nos mais do mesmo, ou, mais grave ainda,
de Salto. darem-nos um ultimo empurrão para o abismo. Já se percebeu que se luta politicamente
Assim, ele dizia: Santa Senhorinha no baptismo lhe pelo poder e tudo serve para o manter ou lá chegar, sendo que, um novo poder trará
chamaram Donstila Genoveva, filha de Adulfo Relfagel e consigo o FMI e, com ele, um redobrado castigo para os portugueses.
de sua mulher D. Teresa Condes, da Beira e Vieira e Julgo ser chegado o momento de o Presidente da Republica sujar as mãos na lama e
terras de Basto. Nasceu no ano de 924. Tomou o hábito assumir as responsabilidades que lhe cabem, assegurando a constituição de um governo
no Mosteiro de S. Bento. Foi de nobre geração e desta de salvação nacional onde caibam todos os partidos.
descendeu os Sousas. A tarefa comporta sacrifícios variados, mas, maior será o erro se insistirmos num modelo
Nestes tempos saíram as freiras a pregar ao povo e a pedir escolas por cuja causa foi desgastado que tem vivido da alternância, com os resultados que se conhecem.
a Santa murmurada com seu irmão S. Gervásio, porque este deixando as guerras, Tem a palavra o Presidente Cavaco Silva. * Colaborador
andava desconhecido com sua irmã pelo mundo a modo de ermitão. Estiveram ao Atei
e Cunhas e andavam por todos os lugares do concelho de Basto, benzeram a fonte de
Cunhas e Trais nos limites da Seara onde beberam a outra em Ferreiros, além de
outras em mais partes. Teve um recolhimento em S. Jorge de Abadia, onde tinham Se não podem ser castos,
alguns parentes famosos. Foi abadessa no seu Mosteiro de Vieira, muitos anos, onde
teve o mesmo posto sua tia Santa Godina, que foi quem a criou.. Santa Senhorinha, sejam limpos!...
sendo abadessa no Mosteiro de Vieira, fez muitos milagres.
O primeiro, foi que havendo falta, converteu um tonel de água em vinho, e havendo falta de Caro leitores, manda-me meu espírito inquieto que, com esta
pão mandou fazer oração a todas e pela manhã acharam à sua porta grande quantidade prosa audaciosa, vos confie a denúncia de um caso pouco
de sacos de pão, com que remediaram todo o povo do lugar, além da sua família. Noutra recomendável…acompanhem-me!´
ocasião, afugentou uma trovoada de pedra que vinha destruindo os remorsos daquele À aproximação da primavera, nova roda de jovens de idade
lugar e a fez desviar para uma serra. Numa ocasião, a veio visitar, sendo ela abadessa do
*António Basto núbil automobiliza-se. Uns quantos desses, guiados apenas
Mosteiro de Vieira, seu primo S. Rosendo, Bispo de Sella Nova, na Galiza. Entretanto, ele pelas suas pulsões, pressurosos correm a apagar os incêndios do corpo nessa
no Mosteiro, a tempo que andavam sobre o convento dos retilhadores a consertar as morada volante que lhes serve mesmo na medida, à falta de melhor tecto, ao gozo e
telhas, secretamente disseram um para o outro que aquele senhor não vinha de tão longe fruição dos prazeres manifestos da impudicícia.
somente para visitar, julgando mal destes santos, e imediatamente vieram ambos abaixo Ora, a via de acesso à ETAR de Cabeceiras de Basto vem recolhendo o acordo
mortos. Juntando-se a gente para os sepultar, a santa os mandou levantar que logo unânime daqueles fogosos jovens como sendo local de bom recato para que o viril
ficaram diante do povo tornado a subir sem lesão alguma. condutor e virginal donzela se dêem à mútua fruição mesmo até aos próprios
Grande milagre que andaram durante oito dias a tremer com estes sucessos. Esta santa caudalosos prazeres de Vénus.
determinou deixar Vieira e mudar-se para Basto, onde tinha muitos parentes, no local que Não fosse dessas actividades voluptuárias serem descartadas porta fora papéis e
hoje chamam Santa Senhorinha, aonde já lhe tinham preparado um bom acolhimento, no outros artigos, incluso “corpus delicti” dos actos acima aludidos, pejando aquela via
qual se aposentaram todas as religiosas. Abençoou toda a terra de Basto dizendo que de testemunhos da varonil lubricidade auto móvel, o caso, concedo, seria (nos perdoem
tivessem confiança que a gente seria sempre Lusida e a terra abundante de frutos, as que as mães delas…) de somenos gravidade. Assim, porque o ambiente reclama mais
bastassem para o seu sustento. Nessa ocasião amaldiçoou o concelho de Vieira, dizendo alto, convido, pois, tais jovens, não à castidade, hoje pelos vistos fora de moda, mas
que agasalhassem as mulheres difamadas na sua terra e em castigo do seu pecado o à contenção, cuidando de depor no lixo mais próximo os sobrantes da função…,
Mosteiro arruinou-se e a igreja paroquial da freguesia em que assiste o reitor. Saindo enfim, se não podem ser castos, sejam limpos!
Santa Senhorinha do Mosteiro de Vieira com toda a comodidade num grande dia de sol e Bem hajam! * Colaborador
cansadas já do calor ardente, chegaram ao lugar de Carrazedo aonde chamam os charcos
e sendo já tarde descansaram debaixo de um frondoso carvalho.
Querendo fazer as suas orações foi tamanha a gritaria das rãs naqueles lameiros que já não
se entendiam umas às outras. A Santa amaldiçoou-os dizendo que se calassem da parte de
Armazém Aluga-se Loja
Deus e tanto é que ainda ali há muitas vivas mas nunca mais gritaram nem fazem alarido Com instalações Com 94 m2. Perto da
algum. As freiras rezaram à vontade e prosseguiram o seu caminho chegaram aos campos aprovadas para indústria. Vila de Refojos
de Bastelo já de noite. Aí lhe tinham preparado já um convento e nele se recolheram todas e Com 170 m2. Bons acessos.
no qual foi abadessa. Nessa igreja foi sepultada juntamente com sua tia Godina e seu irmão
Contactos: 969 378 800 - 0033 545 692 597
S. Gervásio e assim se mudou o nome de Santa Senhorinha e é hoje abadia e Igreja Paroquial.

Nome: O Basto | Registado no Instituto da Comunicação Social com o n.º 124655 | Nº de Depósito Legal: 293509/09 | Propriedade: adbasto-Associação de Desenvolvimento
Técnico- Profissional das Terras de Basto | NIF: 506 749 509 | Conselho de Administração: Celestino Vaz, Ilídio dos Santos, Fernando Meireles, José Manuel Marques, Gaspar
Miranda Teixeira e Manuel António| Director:Gonçalo de Meirelles | Director-Adjunto: Albino Antunes| Sub-Director e Editor: Marco Gomes | Colaboradores: Sérgio Mota,
Carlos Sousa, Helder Vaz, José Marinho, Luís Meireles, Júlio Pires, Joaquim Teixeira, Augusto Costa, Manuel Gonçalves, Francisco Pires, Fernando Felix, António Basto, Miguel
Coelho, Artur Coelho.| Paginação: João André Teixeira | Sede do Editor, Redacção e Publicidade: Largo Barjona de Freitas s/n - Refojos, 4860-909 Cabeceiras de Basto |
Contactos: Telef./Fax: 253 662 071; Telemóvel:96 5738864/ 96 9597829 | e-mail: obasto@sapo.pt | Assinatura Anual: 15,00 Euros (Continente e ilhas) 20,00 Euros (Estrangeiro)
| Impressão: CIC-CORAZE, Oliveira de Azeméis, Telefone: 256 661 460, Fax: 256 673 861, e-mail: grafica@coraze.com | Tiragem: 3500 xemplares.

14 20 de Março de 2011
Discurso Directo! SERRALHARIA
“Como seriamos imensamente mais felizes se os
órgãos do poder central e local deste País, fossem
devidamente oleados…” “O BOTA” Unipessoal, Lda.

A alma de uma organização (tal como a de uma pessoa) * Estruturas Metálicas


Gaspar Miranda é aquilo que ela tem de mais profundo e que estrutura a sua
Teixeira* identidade. A alma de uma organização anda próxima do * Portões e Gradeamentos Rústicos
conceito de cultura, isto é, do conjunto de valores, práticas enraizadas,
competências reconhecidas, formas de fazer as coisas que caracterizam uma * Todo o tipo de trabalho em ferro
organização e a distinguem de todas as outras.
Mas não se confunda cultura e “clima” organizacionais.
A melhor forma que até hoje encontrei de explicar esta diferença é comparando Tel: 253 665 060/1Fax: 253 665 062 Telm: 961 957 435
a organização com uma pessoa, correspondendo a cultura ao carácter da pessoa Zona Industrial de Olela - Cabeceiras de Basto
e o “clima” ao seu estado de humor. A cultura consolida-se através de um demorado
processo de sedimentação e demora muito a mudar. O clima varia com grande
facilidade. A cultura é uma ferramenta que serve, entre outros fins, para definir os
limites de actuação, reforçar o sentimento de pertença e unidade e sobrepor o
interesse colectivo ao individual. Há também quem a compare a espécie de cola
organizacional, que aglutina os colaboradores, reforçando a estabilidade e a
coesão. Eu gosto mais de a descrever como o óleo de um motor. Ninguém
o sente ou valoriza, mas a verdade é que o óleo (como a cultura) está
sempre presente e sem a sua contribuição não há motor (ou organização)
que funcione eficazmente.
Como seriamos imensamente mais felizes se os órgãos do poder central
e local deste País, fossem devidamente oleados… * Colaborador

PADARIA Tlms.
PASTELARIA 963 847 865 / 914 736 139
-Animais de Estimação; Telef.: 253 655 076 / 253 665 433
De: Albano Oliveira da Silva & Filhos, Lda Tlf. 253 664 136
-Artigos de Caça e
Pesca; Sede: R. Stº André, 49 - 4710 Braga Tel 253 277 996/ Gandarela
-Rações para Animais; Fax: 253 636 014 Filial 1: Centro Comercial Lafayete Bairro João Paulo II - Refojos 4890 542 Celorico de Basto
- Braga Filial 2: Rua Rosaldo de Almeida - Braga
Tlm. 96 39 132 45 Filial 3: R. Dr. Elísio de Noura - Braga 4860 Cabeceiras de Basto Fax: 253 665 653
Quinchoso 4860 Cabeceiras de Basto Tel 253 251 282

Cafetaria
PLACA BASTO
Placô Magalhães, Unipessoal, Lda. “Acácias”
Montagem de tecto, falsos em placô, Tlf.
metálicos, decorativos 253 661 789
e divisórias
Tlf. 253 662 787 Tlm. 96 331 9534 Rua Dr. Agostinho Moutinho (Acácias)
Urbanização de Conselheiros 4860 - Cabeceiras de Basto
Pereiras
4860 - 338 Cabeceiras de Basto

AUTO ELÉCTRICA
GUEDES

REPARAÇÕES ELÉCTRICAS
Venda de plantas e
produtos de jardinagem
Tlf: 253 666 087 - Tlm: 96 524 5770
Tlm. 96 914 4448
Freita - Refojos
LUGAR DAS PEREIRAS DE BAIXO - REFOJOS
4860 - 337 CABECEIRAS DE BASTO 4860 Cabeceiras de Basto

Material Eléctrico, iluminação,


Aquecimento Eléctrico

Tel/Fax 253 665 871 Tlf./Fax: 253 661 333


Tlm 96 828 3947 luxarco@gmail.com Tlm. 96 195 3743
www.prc.pt | geral@prc.pt
Tlf. 253 665 077 | Fax. 253 665 092 Avenida Capitães de Abril Edifício Basto XXI - 1º Andar - Refojos
Lugar do Paço, AP1 (Junto ao acesso à A7| 4860 - 074 Arco de Baúlhe 4860 - 041 Cabeceiras de Basto 4860 - 363 Cabeceiras de Basto

20 de Março de 2011 15
circunstancia o deputado do PCP conversou com alguns dos expositores e visitantes,
tendo-lhe sido levantadas várias questões e preocupações, principalmente ligadas à
agricultura e aos produtores de pequena dimensão. A visita ao certame terminou com um
lanche na “Tasquinha” da feira.
Agostinho Lopes deslocou-se ainda à Rádio Voz de Basto, onde além da visita Festa da
Orelheira e do Fumeiro, abordou vários temas da actualidade, nomeadamente quanto à
preocupação sobre o encerramento do SAP em Celorico de Basto, bem como o possível
encerramento do SAP em Cabeceiras de Basto. A situação destes concelhos do interior
agrava-se com o encerramento destes equipamentos e em contrapartida as promessas
eleitorais e compromissos assumidos pelos sucessivos governos continuam na gaveta,
como é o exemplo da via do Tâmega (ligação entre Celorico, Mondim e Cabeceiras) e da
construção do nó na A7, junto à Vila da Gandarela. Lembrou que a saúde, de acordo com a
constituição, deverá ser tendencialmente gratuita, no entanto com o encerramento dos SAP
no interior está-se a aumentar significativamente os custos para muitos doentes. A título
de exemplo um morador na cidade de Braga desloca-se para o Hospital com relativa
facilidade. No entanto um cidadão de Celorico ou de Cabeceiras para se deslocar ao mesmo
Hospital, de forma a obter os mesmos cuidados de saúde, terá de gastar uma quantia muito
superior, pois alem das taxas e exames, terá de pagar a respectiva deslocação.

Contactos: 968 039 756 - 962 768 019 - 962 372 147 * Vilar de Ferreiros - 4880 Mondim de Basto
16 20 de Março de 2011