Você está na página 1de 8

1

Conteúdo Temático da disciplina

2
Capitulo I - Considerações da Adopção
das IFRS ou NIRF em Moçambique
Os primeiros passos da normalização contabilística em
Moçambique culminou com a criação do Decreto nº70/2009, de 22
de Dezembro, que aprova o Sistema de Contabilidade para o
Sector Empresarial em Moçambique, designada por SCE e a
publicação do novo Plano Geral de Contabilidade dotado de
IFRS/NIRF.

Porquê da adopção das IFRS/NIRF em Moçambique?

3
Capitulo I - Considerações da Adopção
das IFRS ou NIRF em Moçambique
Contabilidade é a principal linguagem dos negócios e se não houver
harmonização de normas contabilísticas essa comunicação não será
possível (difícil) já que não permite a comparabilidade das informações

A harmonização contabilística nos dias de hoje é um dos temas


responsável de debates muito interessantes na comunidade contabilística.

A internacionalização e a globalização das economias, em particular dos


mercados financeiros, conferem uma grande urgência à necessidade de
comparabilidade das demonstrações financeiras a nível internacional e,
consequente necessidade de harmonização das normas de contabilidade.

4
Capitulo I - Considerações da Adopção
das IFRS ou NIRF em Moçambique
Moçambique sendo um pais globalizado viu se na obrigatoriedade de
criar um novo PGC designado por PGC-NIRF baseado nas Normas
Internacionais de Relato Financeiro – IFRS/NIRF.

A harmonização contabilística acompanhou, tanto no âmbito nacional


como internacional, a disciplina contabilística ao longo de todo século
XX. De acordo com Tau(2000), o início da harmonização internacional
da informação financeira começa a gerar-se nos Congressos Mundiais
de profissionais de Contabilidade realizado em San Louis nos EUA em
1904.

5
Âmbito de Aplicação do PGC-NIRF
O PGC-NIRF aplica-se a todas empresas de grande e
média dimensão que cumpram disposições do Código
Comercial.

Para as pequenas dotou-se um plano específico


designado de PGC-PE.

6
Entrada e vigor
E o período de vigência da aplicação do PGC-NIRF é no exercício
económico que se inicia em 1 de Janeiro de 2010 para as empresas de
grande dimensão e para as empresas de médias e pequena dimensão a
aplicação do PGC-NIRF e PGC-PE no exercício económico que se inicia
em 1 de Janeiro de 2011.

7
Plano Geral de Contabilidade com base
nas NIRF (PGC-NIRF)
O novo Plano Geral de Contabilidade com base nas Normas
Internacionais de Relato Financeiro – PGC-NIRF, é um documento
completo de princípios, regras e procedimentos que passam a constituir o
normativo contabilístico aplicável em Moçambique às entidades que o
Governo determina através de diploma legislativo.

O PGC-NIRF é um normativo baseado em Normas Internacionais de


Relato Financeiro emitidas pelo IASB. De referir que os textos das NCRF
que constam no PGC-NIRF não uma tradução oficial nem integral das
NIC’s e NIRF’s emitidas pelo IASB.