Propriedade dos polímeros

O grande tamanho de sua massa molecular garante suas melhores proriedades mecânicas Polímeros com alta massa molecular possuem melhores propriedades mecânicas, pois , quanto maiores as macromoléculas , melhores suas propriedades mecânicas.

Os polímeros idéias para o comercio devem apresentar massa molecular superior a 10.000 Constituição do polímero: são formados por moléculas originadas pelo encadeamento de milhares de átomos.

A grande resistência mecânica dos polímeros possibilita seu uso na confecção dos mais diversos objetos . essa elevada resistência se deve ao longo tamanho de suas cadeias que se entrelaçam , originando um emaranhado que interage fortemente.

Essa resistência mecânica pode ser ainda maior se as cadeias das macromoléculas estiverem unidas por ligações cruzadas,permitindo a confecção de objetos capaz de suportar choques , atritos ou tração. Alem disso, as ligações cruzadas dão estabilidade e resistência térmica aos polímeros. Vantangens das ligações cruzadas em uma macromolécula: Estabilidade, resistência térmica e aumento da resistência mecânica. Os fatores que determinam a utilização de um polímero são suas propriedades,como resistência mecânica, térmica, elétrica , permeabilidade a gases , estabilidade frente a substancias químicas, etc.

Quanto ao comportamento mecânico os polímeros podem ser: elastômeros , fibras, plásticos rigidou ou flexíveis. Através dos controle sistemático das reações de polimerização é possível obter polímeros com propriedades e características tecnológicas pré estabelecidas. Fatores como condições de reação (temperatura , pressão, catalizadores, etc.) introdução de substancias capazes de promover reticulaçoes ou copolimerizações soa determinantes. A adição de aditivos em polímeros que lhes conferem propriedades especias a resina polimérica é uma pratica bastante comum nas industrias.

eles possuem uma maior resistência a corrosão por oxigênio ou produtos químicos do que no caso dos metais (ligação metálica) Porem . São mais leves que metais ou cerâmicas. os polímeros são vulneráveis a ação de solventes orgânicos de estrutura similar a eles. Isso motivou seu uso na industria de transportes. Elas apresentam alta resistência a deformação. pois .tornando os polímeros fracamente condutores . por isso os polímeros são indicados para aplicações onde se queira isomaneto elétrico. e diminui com o aumento da temperatura. Borracha natural:é um elastômero que apresenta propriedades elásticas. Essa baixa condutividade térmica se torna desvantajosa no processameto dos polímeros. os polímeros posuem uma densidade relativamente baixa.etc. A condutividade elétrica dos polímeros: sua condutividade elétrica depende da temperatura . Condutividade térmica e elétrica: esta característica se deve a ausência de elétrons livres no material. São utilizados geralmente em roupas. o polietileno é três vezes mais leve que o alumínio e oito vezes mais leve que o aço. A condutividade térmica dos polímeros é mil vezes menor que a dos metais. embalagens etc.Fibras:são matérias termoplásticas que possuem cadeias poliméricas posicionadas paralelamente em sentido longitudinal. ou seja. Porosidade . sola de sapatos . Densidade: comparado a outros materiais. o calor deve ser introduzido lentamente e no final do processamento. mas podem sofrer alongamentos. Por exemplo. Esse condutibilidade pode ser melhorada introduzindo pos metálicos nesses materiais. O processo de vulcanização . Elastômero:polímero que pode sofrer alongamento reversível muito grande. expandindo seu uso pelo mundo. similares diluem similares. É extraído do látex da seingueira. Por isso são recomendados em aplicações que requeiram isolamentos térmicos na forma de espuma. São utlizados em peneus . Algumas considerações particulares sobre as propriedades dos polímeros. por Charles Goodyear em 1839 conferiu a borracha propriedades como resistência mecânica e térmica. Permeabilidade a luz Resistencia a corrosão Devido as ligações químicas presentes nos plásticos. evitando o acumulo de eletricidade estática que é perigoso em algumas aplicações.

Apenas plásticos consumidos em massa apresentam bom potencial econômico para reciclagem. Preparação de alguns polímeros .baixa temperatura de processamento.. No caso dos termorrígidos. Por outro lado estes grandes espaços acaba limitando a utilização de plásticos como embalagem.ajuste fino de propriedades através de aditivação.comunidadeemprego. A reciclagem dos termoplásticos apesar de tecnicamente possível . onde a recilclagem não é possível. recilabilidade alguns polímeros como termorigidos e borrachas . o que é um vantagem em cetos aspectos. os plásticos reciclados são tidos como material de segunda classe.com.estes polímeros são queimados e aproveitados em forma de energia em incineradores e alto-fornos. devido ao seu baixo preço e densidade.por gerar gases tóxicos . Porem . http://www.Os espaços existente entre as macromoléculas dos polímeros lhes confere baixa densidade. que fica com prazo de validade mais curto no caso de bebidas acondicionadas em garrafa pet. onde o carbono do polímero será usado na redução do minério.pois não há como refundi-los ou despolimeriza-los. os plásticos que contem halogênios. devem antes passar por uma dehalogenação. Essa abertura entre as moléculas permite uma alta difusão de gases através dos plásticos. muitas vezes . diferente do alumínio que é totalmente reciclável e não perde qualidade. Alem de que.br/ propriedades mecânicas interessantes alta resistência ao impacto. não podem ser reciclados de forma direta. é economicamente inviável.

. dificultam muito o processo de podução do polímero. poliadiçoes e policondensaçoes. Mecanismo de reação : a forma como os monômeros irão se comportar para a polimerização coniderando a presença de catalizadores ou não e insumos necessários.Tipos de reação: pode envolver reações de adição ou condensação. . respectivamente. Velocidade do crescimento da cadeia:geralmente é rápida após iniciação da reação. mas é necessário o entendimento e moitoramento de todo o processo para explicar e calcular viabilidde. Formação e subprodutos micromoleculares: em certas reações .