Você está na página 1de 24

4.

Testes tipo exame


e respetivos critérios
de correção

“Quando os homens têm força de von-


tade, às vezes, os deuses dão uma ajuda.”

Ésquilo
Matriz de estruturação dos testes

Matérias de Número e tipo de


GRUPOS Cotação
incidência questões
Matéria do
Tronco Comum: 2 ou 3 questões
(podendo ser
• O tempo desdobradas em duas ou
três alíneas, no máximo)
Grupo I • O espaço de resposta rápida, de
30 Pontos
verdadeiro/falso, escolha
• O local múltipla, associação ou
completação.
• As sínteses
Matéria do
Tronco Comum:
2 questões (podendo ser
desdobradas em duas ou
• Biografia
três alíneas, no máximo):
1 questão de resposta
Grupo II • Acontecimento
curta ou de médio
40 Pontos
desenvolvimento; 1 de
Matéria dos casos
associação ou
práticos que não
identificação.
são das artes
visuais
3 ou 4 questões
Matéria do (podendo ser
Tronco desdobradas em duas ou
Específico: três alíneas, no máximo)
as artes de desenvolvimento
(arquitetura, médio (2) e de
Grupo III escultura, etc.) desenvolvimento 130 Pontos
orientado (2), incluindo
+ análises comparativas
entre as artes das várias
Casos Práticos épocas/estilos.
das Artes Visuais
TESTE

1
GRUPO I

1. Observe a figura 1.
1.1 Entre as frases abaixo apresentadas selecione a
que melhor corresponde ao que vê na imagem.
a) Grande cidade de casario apertado,
organizada concentricamente em torno de
uma praça central.
b) Pequena povoação murada, fechada e
concêntrica, cuja praça central funciona como
centro orgânico.
c) Povoação agrícola, murada por questões
defensivas.

Cidade de Arles, França, reproduzida numa gravura do século XVII.

1.2 Mencione as atividades económicas a que se dedicavam os habitantes dos burgos medievais.

2. Tendo em conta as características do tempo histórico abrangido pelos módulos 3 e 4, complete os


espaços em branco no quadro que a seguir se apresenta.

Itens em Módulo 3 Módulo 4


análise Séculos IX a XII Do século XII a inícios do XV
Nos séculos XII e XIII: agricultura
excedentária, cada vez mais virada
para a comercialização.

Estabelecimento de grandes redes


internacionais (terrestres e fluviais,
Vida
principalmente, mas também
económica marítimas) de comércio.

Nascimento das atividades


financeiras –câmbios e bolsas.

No século XIV: crise e depressão.


Nascimento dos reinos feudais;
descentralização administrativa.
Vida
Instabilidade militar causada por
político-militar guerras entre reis e/ou entre
grandes senhores feudais (guerras
privadas).
A cultura escrita e literária resume-
se quase exclusivamente ao clero.
Principais
centros
Os mosteiros são os principais
culturais centros culturais (escolas, produção
de livros, bibliotecas).
GRUPO II
1. Leia atentamente o texto que se segue.

«Xerxes – Desventurado de mim, terrível e inesperada foi a sorte que me


coube! Com que crueza o destino feriu a raça dos Persas! [...] Quebram-se-me
os membros na presença dos venerandos homens da cidade. Porque não
partilhei eu, ó Zeus, a sorte dos meus guerreiros que o destino mergulhou
na morte?
Corifeu – Ai de nós, ó rei! Deploro o nosso soberbo exército, glória do
império persa; deploro esta veste de guerreiros que o Destino ceifou.
Coro – O país chora a juventude que brotou do seu solo, massacrada por
Xerxes, fornecedor do Hades que abasteceu de Persas. [...] Choremos, cho-
remos os nossos valentes defensores! A Ásia, ó rei desta terra, lastimavel-
mente, lastimavelmente dobrou os joelhos.»
Excerto do Diálogo entre o Coro e Xerxes, na tragédia Os Persas, 472 a. C.

1.1 De que acontecimento se lastimam Xerxes e o coro no texto acima transcrito?

1.2 O que é uma tragédia?

1.3 Quem escreveu a tragédia Os Persas?

2. Leia as frases seguintes e identifique a personagem, o facto/acontecimento ou o local a que cada uma
alude.

a) Intelectual do século XVI que fez a demonstração matemática da teoria heliocêntrica.

b) Monge francês do século XII, reformador da Ordem de Cister.

c) Primeiro imperador romano.

d) Século em que viveu o estratego Péricles.

e) Grande mecenas renascentista que nasceu, viveu e governou em Florença, nos finais do século XV.

f) Letrado italiano que escreveu A Divina Comédia.

g) Epidemia que devastou a Europa na segunda metade do século XIV.

h) Centro cívico e económico das cidades romanas.

i) Primeiro imperador cristão do Ocidente após a queda de Roma.

j) Canto religioso que acompanhava as liturgias na Idade Média.


GRUPO II
1. Observe as figuras 2 e 3.

Perfil da ordem dórica Perfil da ordem jónica

1.1 Faça a legenda dos pontos assinalados nas figuras 2 e 3.

1.2 Estabeleça entre as duas ordens arquitetónicas quatro diferenças observáveis nos desenhos.

2. Analise a figura 4.

O Imperador Justiniano I, Igreja de São Vital de Ravena, Itália, c. 547

2.1 Identifique a técnica em que está executado este mural.

2.2 Caracterize a expressão formal e a composição patentes nesta obra (enuncie duas características
para cada item pedido).
3. Analise as figuras 5 e 6.

David, c. 1430-40, bronze, 158 cm de altura. David, 1501-03, mármore, 250 cm de altura.

3.1 Identifique os autores das obras das figuras 5 e 6.

3.2 Explicite duas semelhanças e duas diferenças entre as duas obras e justifique-as face ao contexto
histórico-artístico da época em que foram feitas.

4. Pondere o conjunto arquitetónico a seguir apresentado.

Igreja de Cedofeita, Porto. Capela dos Pazzi, Florença, Itália. Fachada da Biblioteca de Celso, na cidade de
Éfeso, atual Turquia.

4.1 Identifique o estilo e/ou a época artística a que pertence cada uma das obras das figuras 7 a 9.

4.2 Diga o nome do arquiteto da obra da fig. 8.

4.3 Mencione duas características patentes na imagem da fig. 7 que permitem a identificação artística
que dela fez em 4.1.

Cotações

GRUPO I 1.1 5 pontos; 1.2 10 pontos; 2. 15 pontos.


GRUPO II 1.1 5 pontos; 1.2 7 pontos; 1.3 8 pontos; 2. 20 pontos (10 x 2).
GRUPO III 1.1 12 pontos; 1.2 20 pontos; 2.1 5 pontos; 2.2 20 pontos (2 x 10); 3.1 8 pontos (2 x 4); 3.2 30 pontos;
4.1 15 pontos; 4.2 5 pontos; 4.3 15 pontos.;
TESTE

2
GRUPO I
1. Tome em consideração os factos que a seguir se mencionam.
a) Início da religião islâmica
b) Estabelecimento do comércio à escala mundial
c) Início da República em Roma
d) Guerra do Peloponeso na Grécia
e) Início da centralização régia na Europa
f) Instauração da democracia em Atenas
g) 1.ª cruzada cristã contra o Islão
h) Início do movimento monástico no Ocidente
i) Início da Reforma Protestante
j) Chegada dos Árabes à Península Ibérica

1.1 Sequencie por ordem cronológica crescente (do mais antigo ao mais recente) os
acontecimentos/factos acima enunciados.

1.2 Diga o que entende por “Reforma Protestante”.

2. Observe a figura 1.

2.1 Selecione, entre as frases abaixo apresen-


tadas, a que melhor define o espaço e a
função do fórum.
a) Centro fortificado das cidades romanas,
onde se instalavam as autoridades das
mesmas.
b) Praça central das cidades romanas, ponto
de encontro dos cidadãos nos seus
momentos de lazer.
c) Praça que, pelos edifícios e equipamentos
que comportou, funcionou como centro
cívico, social, religioso e económico das
Vista das ruínas atuais do antigo Fórum em Roma. cidades romanas em todo o Império.

2.2 Enumere quatro tipo de construções que se poderiam encontrar nos fóruns romanos.
GRUPO II
1. Observe o mapa da figura 2.

Mapa da Batalha de Salamina, travada em 480 a. C.

1.1 Qual o nome do conflito bélico durante o qual se travou a Batalha de Salamina?

1.2 Indique duas consequências importantes resultantes desta batalha.

2. Leia com atenção o texto que se segue.

Todo o Mundo: Eu hei nome Todo o Mundo


E meu tempo todo enteiro
Sempre é buscar dinheiro
E sempre nisto me fundo.
Ninguém: E eu hei nome Ninguém
E busco consciência
Berzabu: Esta é boa experiência
Dinato escreve isto bem.
Dinato: Que escreverei companheiro?
Berzabu: Que Ninguém busca consciência
E Todo o Mundo dinheiro.

Auto da Lusitânia,
“Diálogo de Todo o Mundo e Ninguém” 1532
,
2.1 Diga o nome do autor da obra a que pertence o excerto acima transcrito.

2.2 Identifique a intencionalidade simbólica deste “Diálogo”.


Grupo III
1. Observe as figuras 3 e 4.

Cratera ática do século V a. C. Fresco da Casa dos Vetti, Pompeia, século I.

1.1 Por ser realizada com materiais mais perecíveis, a pintura clássica quase não chegou ao
conhecimento atual. Que acontecimento permitiu a sobrevivência de frescos como o da figura 4?

1.2 Caracterize estilisticamente o vaso da figura 3.

1.3 Enquadre a imagem da figura 4 num dos quatro estilos da pintura pompeiana. Justifique com pelo
menos duas razões.

2. Observe a figura 5.

Anfiteatro de Mérida, Espanha, século I.

2.1 Caracterize os teatros romanos quanto às técnicas e materiais construtivos empregues e quanto à
decoração da fachada exterior.

2.2 Faça a legenda dos pontos assinalados na imagem.


3. Analise a imagem da figura 6.

Tímpano do portal sul da Igreja da Colegiada de Santo Isidoro, século XII, Leão, Espanha.

3.1 Identifique o tema central representado neste tímpano.

3.2 Analise a linguagem artística dos relevos deste tímpano, anotando duas características importantes
para cada um dos seguintes tópicos: tratamento técnico-formal; estrutura compositiva; expressividade.

3.3 Situe esta obra no estilo ou período artístico a que pertence.

4. Analise a figura 7.

4.1 Usando elementos visíveis na figura 7, analise esta


iluminura quanto a:
• uso da cor;
• composição da cena;
• enquadramento da cena na página.

4.2 Relacione esta iluminura com o contexto histórico e


artístico da sua época na Europa.

São Francisco recebendo os estigmas, página iluminada do


Livro de Horas de D. Duarte, século XV.

Cotações

GRUPO I 1.1 10 pontos; 1.2 7 pontos; 2.1 5 pontos; 2.2 8 pontos


GRUPO II 1.1 5 pontos; 1.2 15 pontos; 2.1 10 pontos; 2.2 10 pontos
GRUPO III 1.1 5 pontos; 1.2 15 pontos; 1.3 15 pontos; 2.1 15 pontos (10 + 10); 2.2 5 pontos 3.1 5 pontos;
3.2 25 pontos; 3.3 5 pontos 4.1 20 pontos; 4.2 20 pontos
TESTE

3
GRUPO I
1. Leia, com atenção, as frases que se seguem.
a) A acrópole era o verdadeiro centro cívico das cidades gregas.
b) O Senado foi o órgão mais importante da administração romana no
período imperial.
c) Os mosteiros, a partir do século VI, eram pequenos mundos
autónomos e autossuficientes, onde os monges seguiam o ideal
ascético da fuga mundi.
d) Na Baixa Idade Média, ergueram-se igrejas de grandes dimensões
que por isso se chamaram catedrais.
e) Na cidade de Florença, século XV, o palácio era a habitação das elites
e o local de tertúlias da intelectualidade.

1.1 Classifique as frases de verdadeiras (V) ou falsas (F).

1.2 Corrija todas as falsas.

2. Analise as expressões abaixo transcritas e procure nelas as respostas para as questões que se seguem.

A. Latinização F. Cruzadas K. Comunas


B. Ágora G. Senado L. Hansas
C. Helenização H. Romanização M. Humanismo
D. Monaquismo I. Acrópole N. Individualismo
E. Cristandade J. Universidades O. Mecenato

a) Que nome tem a parte alta e muralhada das cidades gregas, onde se situam os locais para o culto
religioso e cívico?

b) Como se chama o ato de aculturação exercido sobre os diferentes povos do Império Romano?

c) Qual a designação dada às expedições religioso-militares destinadas a libertar os lugares sagrados da


Terra Santa do poder do islamismo?

d) Como eram chamadas, na Idade Média, as cidades com autonomia administrativa e com um estatuto
de maior liberdade?

e) Que nome teve o movimento cultural renascentista que se interessava pelo Homem e pelas suas
características e potencialidades?
Grupo II
1. Atente nas seguintes frases.
a) Rei franco coroado no ano 800 como imperador do Ocidente.
b) Intelectual florentino que escreveu A Divina Comédia.
c) Catástrofe que atingiu Roma, em 64.
d) Batalha que iniciou o fim do conflito entre Gregos e Persas.
e) Príncipe e mecenas florentino do século XV.

1.1 Identifique a personagem ou acontecimento a que se alude em cada uma das frases acima
transcritas.

1.2 Focalize-se na pessoa coroada em 800 e descreva a sua ação governativa na cultura.

2. Ésquilo escreveu, em Os Persas, o Diálogo entre o Coro e Xerxes.

2.1 Resuma o conteúdo deste diálogo.

2.2 Que sentimentos nos provocam as descrições que Ésquilo fez dos Persas e dos Gregos?

Grupo III
1. Observe as figuras 1 e 2.

Fachada do Pártenon. Planta do Pártenon.

1.1 Faça a análise do Pártenon quanto a:


• planta;
• elementos de sustentação;
• decoração: locais, tipo, temas e função.

1.2 Os Romanos inspiraram-se no modelo dos templos gregos, mas modificaram-no. Compare os
templos gregos e romanos do mesmo tipo quanto aos itens indicados em 1.1.
2. Analise as figuras 3, 4, 5 e 6.

2.1 Identifique a época ou estilo a que pertencem as imagens.

2.2 Compare e interprete as quatro imagens quanto a:

• materiais e técnicas de trabalho;


• formas;
• composição;
• temática.

3. Observe a figura 7.

Anunciação, Leonardo da Vinci.

3.1 Redija sobre esta obra um comentário crítico que passe pela análise dos seguintes itens:

• linguagem técnico-formal;
• composição;
• significado.

3.2 Demonstre como esta obra representa o contexto cultural em que foi criada.

Cotações

GRUPO I 1.1 5 pontos; 1.2 15 pontos; 2. 10 pontos


GRUPO II 1.1 10 pontos; 1.2 10 pontos; 2.1 10 pontos; 2.2 10 pontos
GRUPO III 1.1 20 pontos; 1.2 20 pontos; 2.1 20 pontos; 2.2 40 pontos 3.1 15 pontos; 3.2 15 pontos
TESTE

4
GRUPO I
1. Associe (ligando números e letras) os dados da coluna A aos séculos da coluna B.

Coluna A Coluna B
1. O século de Péricles foi o…. A) Séc. XII
2. As universidades apareceram no… B) Séc. XII
3. A Idade Média começou no… C) Séc. V d. C.
4. O abade Suger viveu no… D) Séc. V a. C.
5. O século de Augusto corresponde ao… E) Séc. I a. C.
6. As descobertas geográficas dos Portugueses e Espanhóis foram no… F) Sécs. XV a XVIII
7. O apogeu da língua latina aconteceu a partir de… G) Séc. V a. C.
8. O aparecimento da imprensa deu-se no… H) Sécs. XV e XVI
9. A Idade Moderna abarca… I) Séc. XV
10. Sócrates viveu no… J) Séc. I a. C./d. C.

2. Atribua os termos: ágora (1); senado (2); mosteiro (3); catedral (4) e palácio (5) às seguintes definições
ligando números e letras.

a) Assembleia de magistrados que governavam todos os assuntos da vida política, com carácter
deliberativo e normativo.

b) Símbolo das cidades, obra da comunidade e reflexo da sua vitalidade e afirmação económica, política
e social.

c) Comunidade religiosa entregue à oração e ao serviço de Deus.

d) Praça pública e centro cívico das cidades.

e) Habitação das elites renascentistas.

3. Complete as frases seguintes.

a) Os construtores da democracia ateniense foram...

b) A Lei Romana define-se pelas seguintes características...

c) Os scriptoria eram...

d) A elite cortesã dos séculos XII a XV era formada por...

e) O aparecimento da imprensa, na Europa, foi obra de...


Grupo II
1. Responda às seguintes questões em apenas 3 linhas.

1.1 O que foi a Peste Negra?

1.2 Quem foi São Bernardo?

1.3 Quem foi Dante Alighieri?

1.4 Que consequências urbanísticas teve o incêndio de Roma, em 64?

1.5 Que fez Péricles pela democracia grega?

2. Gil Vicente, no Auto da Lusitânia, apresenta o Diálogo de Todo o Mundo e Ninguém.

2.1 Quem era Todo o Mundo? E quem era Ninguém?

2.2 Que acontecimento comemora Gil Vicente neste auto?

Grupo III
1. Observe as figuras 1, 2, 3, 4 e 5.
1.1 Situe no tempo, arte ou estilo as obras das figuras 1 a 5.

1.2 Caracterize a planta da figura 3.


2. Observe as figuras 6, 7, 8, 9 e 10.

2.1 Classifique, estilisticamente, cada um dos capitéis.

2.2 Analise a sua decoração, atendendo ao talhe, à composição e aos temas.

3. Relembre a Coluna de Trajano e comente a seguinte frase: «A gigantesca coluna de Trajano é uma
reportagem bélica».

4. Observe a figura 11.

4.1 Em que suportes e técnicas se desenvolveu


a pintura romana?

4.2 Descreva as características do fresco da


figura 11.

Villa dos Mistérios, Pompeia.

Cotações

GRUPO I 1. 10 pontos; 2 10 pontos; 3. 10 pontos


GRUPO II 1. 20 pontos (5 x 4); 2.1 10 pontos; 2.2 10 pontos
GRUPO III 1.1 15 pontos; 1.2 25 pontos; 2.1 20 pontos; 2.2 30 pontos 3. 10 pontos; 4.1 15 pontos; 4.2 15 pontos
TESTE

5
GRUPO I

1. Analise a figura 1 e as frases que se seguem. Selecione aquela que entende definir melhor o Império
Romano em termos de ocupação de território.

a) O Império Romano limitou-se a ocupar os territórios à volta do mar Mediterrâneo.


b) O Império Romano correspondeu ao território da atual Itália.
c) O Império Romano foi muito vasto, um dos maiores de todos os tempos, tendo sido formado por
um enorme conjunto de povos e civilizações diferentes.

2. A figura 2 reproduz uma inscrição em latim.

2.1 Qual a origem desta língua?

2.2 Qual a importância do latim para o Império Romano?


GRUPO II

1. Observe a figura 3.

Abadia de Fontenay, Borgonha, França, 1119-47.

1.1 Quem foi São Bernardo de Claraval? Que ideias tinha acerca da vida monástica?

1.2 A abadia da figura 3 pertenceu à Ordem de Cister. Refira o pensamento de São Bernardo quanto à
arte. Comprove com exemplos da imagem.

2. Foi durante o reinado de Nero que ocorreu um grande incêndio na cidade


de Roma. Entre a lenda e a realidade dos relatos que são feitos desse
acontecimento há algumas conclusões que podemos retirar.

2.1 Refira a atuação do imperador face à catástrofe.

2.2 De que modo o incêndio da cidade foi pretexto para uma


requalificação urbana de Roma?

Busto do imperador romano Nero.


GRUPO III

1. Leia atentamente o texto que se segue e imagine-se na posição do historiador de arte (Venturi) ao
entrar numa catedral gótica.

A vista humana não sabe, a princípio, onde fixar-se: se olha os tetos, estão
floridos como tecidos brilhantes; se se vira para as paredes, são uma espécie de
delicioso jardim; se é ofuscado pelos jorros de luz que entram pela parede, admira
a inestimável beleza do vidro e a variedade do mais precioso trabalho.

Lionello Venturi, História da Crítica de Arte, Lisboa, Edições 70

1.1 Retire do texto de Venturi as frases que melhor caracterizam o interior de uma igreja gótica.

1.2 Justifique o papel dos vitrais na catedral gótica.

2. Observe a figura 5.

2.1 Legende os pontos assinalados na imagem.

2.2 Identifique entre eles os elementos estruturais da arquitetura gótica.


3. A partir da observação das imagens 6 e 7, caracterize e fundamente as plantas usadas na arquitetura
gótica.

4. A figura 8 representa o exterior da janela da Sala do Capítulo do Convento de Cristo, em Tomar.


Identifique o estilo a que pertence e caracterize-a na sua decoração.

Cotações

GRUPO I 1. 10 pontos; 2.1 5 pontos; 2.2 15 pontos


GRUPO II 1.1 10 pontos; 1.2 10 pontos; 2.1 10 pontos; 2.2 10 pontos
GRUPO III 1.1 15 pontos; 1.2 20 pontos; 2.1 22 pontos (2 x 11); 2.2 8 pontos 3. 35 pontos; 4 30 pontos
TESTE

6
GRUPO I

1. Leia atentamente o texto e as frases que se seguem.

Surgida na Toscânia no início do século XV, a arte coberta da Antiguidade. Nascido do humanismo,
do Renascimento estendeu-se a toda a Itália antes coloca o Homem no centro da representação do
de impregnar a arte europeia no seu conjunto. mundo.
Revolução na história do pensamento, vira as
costas aos valores medievais apoiando-se na des- Gerard Legrand, A Arte do Renascimento,
Lisboa, Edições 70

1.1 Partindo das sugestões do texto, selecione entre as frases que abaixo se apresentam a que melhor
define o seu sentido.

a) O Renascimento foi um tempo marcado por uma profunda religiosidade.


b) O Renascimento foi um tempo de consolidação das formas de arte medieval.
c) O Renascimento foi um tempo marcado pelo antropocentrismo.

2. Diga o que entende por “humanismo”.

GRUPO II

1. Leia com atenção as frases que se seguem. Elas são exemplos do pensamento de São Bernardo de
Claraval.

Há quem busque o saber por si mesmo, conhecer por conhecer:


é uma indigna curiosidade.

Há quem busque o saber para poder exibir-se: é uma indigna


vaidade. Estes não escapam à mordaz sátira que diz: 'Teu saber
nada é, se não há outro que saiba que sabes'.

Há quem busque o saber para vendê-lo por dinheiro ou por


honras: é um indigno tráfico.

Mas há quem busque o saber para edificar, e isto é amor. E há


quem busque o saber para se edificar, e isto é prudência.
São Bernardo de Claraval

1.1 Quem foi São Bernardo de Claraval?

1.2 De que forma o seu pensamento marcou a religiosidade na Idade Média?


2. No dia 25 de dezembro de 800, Carlos Magno foi coroado imperador (figura 2).

Carlos Magno

2.1 Que razões levaram o Papa Leão III a coroar Carlos Magno Imperador do Ocidente e qual o
significado desse título?

2.2 O que entende por “renascimento carolíngio”?

GRUPO III

1. A Igreja de São Pedro de Rates (figura 3), também referida como Igreja Românica de Rates, localiza-se no
concelho da Póvoa de Varzim, distrito do Porto. Constitui um dos mais importantes monumentos
românicos medievais no então emergente Reino de Portugal.

1.1 A partir da observação da figura 3, caracterize arquitetonicamente esta igreja.


2. Observe a figura 4.

A Anunciação, Leonardo da Vinci (1473-75).

2.1 Que características técnicas, formais e cromáticas apresenta esta pintura, que a identificam com a
restante obra pictórica de Leonardo?

2.2 Quais são os seus principais elementos de composição?

3. A figura 5 representa a fachada principal da igreja maneirista de Il Gesú, de Vignola, em Roma.

Igreja de Il Gesú, Vignola, 1568.

3.1 O que se entende por “Maneirismo”?

3.2 Que características estão presentes na fachada desta igreja que fazem dela uma obra maneirista?

Cotações

GRUPO I 1.1 10 pontos; 2 20 pontos


GRUPO II 1.1 5 pontos; 1.2 10 pontos; 2.1 10 pontos; 2.2 15 pontos
GRUPO III 1.1 20 pontos; 2.1 30 pontos; 2.2 30 pontos 3.1 20 pontos; 3.2 30 pontos