Você está na página 1de 4

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá.

Professor: Jamily da Silva Jardim

Série: 2° ano

Diluição de soluções

Dissolução é o ato de se para utilizar, sempre haverá estoque


misturar o soluto no solvente das concentrações elevadas das
formando uma solução. Como soluções e a parti delas pode ser
exemplo é interessante utilizar a obter outras soluções menos
água e o açúcar: ao por em um concentradas através do processo
copo com água o açúcar granulado de diluição, adicionando mais
e misturar com uma colher, o açúcar solvente.
se dissolverá na água.
Ao adicionar mais solvente a
Diluição é o processo em uma determinada solução
que se acrescenta mais solvente a concentrada, o soluto não altera o
uma solução, como por exemplo, a seu valor, o que modifica é apenas
diluição pode ser vista quando o volume da solução que passa a
adicionamos mais água a solução ser maior devido o acréscimo de
fazendo com que ela fique menos solvente.
concentrada (ou mais diluída).
Diluição de soluções (cálculos)

Na diluição a quantidade de
Figura 1 dissolução e diluição de uma solução. soluto não se altera então se pode
concluir que a mesma quantidade
de matéria (n) do soluto no inicio
(antes da diluição) é a mesma no
final (depois da diluição). Então:

ni=nf

Dessa forma, quando


(Lana Magalhães. “diluição de soluções”. toda diluímos uma solução, o soluto da
matéria. Acedido a 09 de Setembro de 2018.
https: //www.todamateria.com.br/diluicao-de- solução concentrada não altera,
solucoes/) porém a massa total da solução e o
volume da solução aumentam, e em
consequência disso, a concentração
Quando se está no da solução diminui.
laboratório de química não existem
soluções de todas as concentrações
A quantidade em mols de Vi = 800 ml
soluto é dada por:
Quando a solução foi
𝑛 aquecida o volume da solução
𝑀=
𝑉 reduziu 600 ml de água e o volume
M é a concentração em mol/L da solução diminuiu 200 ml.

N é a quantidade de matéria 800 𝑚𝑙 − 600 𝑚𝑙 = 200 𝑚𝑙

V é o volume da solução (L) O volume final da solução


após o aquecimento é 200 ml.
Então:
Consequentemente, ao
𝑛𝑠𝑜𝑙𝑢𝑡𝑜 = 𝑀 × 𝑉 diminuir o volume da solução com o
aquecimento a concentração em
Sendo assim:
mol/litro da solução inicial altera o
𝑀𝑖 × 𝑉𝑖 = 𝑀𝑓 × 𝑉𝑓 valor. Portanto, calculando a
concentração em mol/litro da
solução final (Mf):

Vamos aplicar os conceitos É importante converter os


aprendidos: valores em ml para L:

(Mackenzie-SP) aquecem-se 800 800 ml: 1000 = 0,8 L


mL de solução 0,02 mol/litro de
fosfato de sódio, até que o volume 200 ml: 1000 = 0,2 L
da solução seja reduzido de 600 𝑀𝑖 × 𝑉𝑖 = 𝑀𝑓 × 𝑉𝑓
mL. A concentração em mol/L da
solução final é: 0,02 × 0,8 = 𝑀𝑓 × 0,2

a) 2,0x10-3 mol/litro
𝑚𝑜𝑙
b) 8,0x10-2 mol/litro 0,02 𝐿 × 0,8 𝐿
𝑀𝑓 =
0,2 𝐿
c) 1,0x10-2 mol/litro

d) 1,5x10-3 mol/litro
𝑀𝑓 = 0,08 𝑜𝑢 8 × 10−2 𝑚𝑜𝑙/𝐿
e) 5,0x10-3 mol/litro
R= alternativa b
Resolução:
Exercício
Então de acordo com o
(Vunesp) O ácido sulfúrico (H2SO4)
enunciado da questão, no inicio da
é um liquido viscoso, muito
solução se tinha 800 ml de volume
corrosivo, oxidante e higroscópico.
de fosfato de sódio a 0,2 mol/litro.
Além da sua utilização em baterias
Mi = 0,2 mol/litro de automóveis, preparação de
corantes, tintas e explosivos, esse
ácido pode ser utilizado, quando
diluído adequadamente, na
remoção de camadas de óxidos
depositados nas superfícies de ferro
e aço (decapante). A solução
aquosa concentrada desse ácido
apresenta densidade igual a 1,80
g/mL, sendo 98% m/m (massa
percentual) e H2SO4. a) Calcule a
concentração, em quantidade de
matéria(mol/L), da solução
concentrada de ácido sulfúrico.
(Massa molar H2SO4 = 98 g/mol)

b) Para se preparar a solução


aquosa de ácido sulfúrico utilizada
como decapante, diluem-se 50 mL
da solução concentrada para um
volume final de 250 mL. Qual a
concentração, em mol/L, que
apresenta essa solução?

Referências

PERUZZO,F.M; CANTO,E.L.
Química na abordagem do
cotidiano.4.ed. São Paulo: Moderna,
2006.