Você está na página 1de 64

ACESSÍVEL

PROJETO PILOTO DE

HISTÓRICO
ACESSIBILIDADE

CENTRO
LIVRO PELOURINHO.indd 1
CENTRO HISTÓRICO
DE SALVADOR
17/12/2013 12:23:51
A P

H
C
LIVRO PELOURINHO.indd 2 17/12/2013 12:23:51
ACESSÍVEL PROJETO PILOTO DE

HISTÓRICO
ACESSIBILIDADE

CENTRO CENTRO HISTÓRICO

Salvador
2013
DE SALVADOR

LIVRO PELOURINHO.indd 3 17/12/2013 12:23:51


Governador do Estado da Bahia Equipe de Execução
Jaques Wagner Alexandre Matos – Arquiteto/Urbanista CONDER
Daniel Oliveira Junior – Engenheiro Civil SJCDH
Vice-Governador do Estado da Bahia Etelvina Rebouças – Arquiteto/Urbanista CONDER
Otto Alencar Fernando Brandão – Engenheiro Civil CONDER

Chefe de Gabinete do Governador Apoio Administrativo


Denise Oliveira
Edmon Lucas

Estagiários de Arquitetura e Urbanismo


Secretário da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos
Adriele Carneiro
Almiro Sena
Camila Faustino
Erika Barbosa
Chefe de Gabinete Fábio Pereira de Souza
José Reginaldo Silva Fernanda Loureiro
José Carlos Forte
Diretor Geral Nina Taddei
Lauro Ramos Nuno Moreira
Otaviano Neto
Diretor Administrativo Rebeca Bulhões
Lázaro Jezler Filho

Superintendente dos Direitos da Pessoa com Deficiência Equipe de Elaboração da Publicação


Alexandre Baroni
Capa - Nuno Moreira
Projeto gráfico - Nuno Moreira, Wesley Miranda
Diretora de Acessibilidade e Políticas Públicas
Texto - Marília Cavalcante
Marília Cavalcante
Tradução - Rebeca Daltro Ferrari Bulhões
Fotos - Daniel Oliveira Junior, Rúbia de Oliveira, Cleiton Libra
Coordenação de Projeto
Ilustrações e mapas - Adson Costa Ribeiro
Adson Ribeiro
Assessoria - Veruska Lula Ferraz
Marília Cavalcante

Equipe de Projeto
Adson Ribeiro – Arquiteto/Urbanista SJCDH
Aline Costa – Arquiteta/Urbanista FMLF
Eloá Mattos – Arquiteta/Urbanista ERCAS
Marília Cavalcante – Arquiteta/Urbanista SJCDH
Marivalda Coutinho – Arquiteta/Urbanista FMLF
Raimundo Nonato – Engenheiro Civil FMLF
Silvana Martinez - Arquiteta/Urbanista FMLF
Teresa Moutinho – Arquiteto/Urbanista SJCDH

LIVRO PELOURINHO.indd 4 17/12/2013 12:23:52


“Um escritor, um artista ou qualquer pessoa deveria ver nas coisas que lhe sucedem uma

ferramenta, deveria pensar que tudo lhe é dado com alguma finalidade. O que lhe acontece,

inclusive as humilhações, fracassos, desgraças, é-lhe dado como uma argila, como matéria para

sua arte. É preciso tentar beneficiar-se disso. Tais coisas nos foram destinadas para as

transformarmos, a fim de que, a partir das circunstâncias dolorosas de nossas vidas, possamos

fazer algo de eterno ou que aspire a sê-lo. Se um cego pensar dessa maneira, estará salvo. A

cegueira é uma dádiva.

Pense no crepúsculo. Ao cair da noite, as coisas mais próximas desaparecem, exactamente como

o mundo visível se afastou de mim, talvez para sempre. A cegueira não é uma desgraça total. É

mais um instrumento que o destino ou a sorte colocou em nosso caminho.”

"A writer, an artist or anyone should see in the things that succeed them a tool, one should think that

everything is given to them with a purpose. What happens to you, including humiliations, failures,

misfortunes, is given to you as a clay, as material for your art. You need to try to benefit from it.

Such things were meant to transform, so that, from the painful circumstances of our lives, we can

do something eternal or that aspire to be so. If a blind man thinks that way, he will be saved.

Blindness is a gift.

Think about twilight. By nightfall, the closest things disappear, just as the visible world is far from

me, maybe forever. Blindness is not a total disgrace. It's a tool that fate or luck put in our way. "

Jorge Luis Borges, Elogio da Sombra

LIVRO PELOURINHO.indd 5 17/12/2013 12:23:52


LIVRO PELOURINHO.indd 6 17/12/2013 12:23:52
LIVRO PELOURINHO.indd 7 17/12/2013 12:23:52
LIVRO PELOURINHO.indd 8 17/12/2013 12:23:53
SUMÁRIO
INTRODUÇÃO
INTRODUCTION 13
ARTICULAÇÃO
ARTICULATION 19
E será que o IPHAN vai permitir?
Would IPHAN allow it? 22
A primeira vitória
The first victory 25
PROJETO
PROJECT 29
A segunda vitória
The second victory 38
EXECUÇÃO
EXECUTION 41
DEPOIMENTOS
STATEMENTS 53

LIVRO PELOURINHO.indd 9 17/12/2013 12:23:53


PRESENTATION

I present the documental register of the whole process of execution of this achiviment with great plesure. The Pilot
Project of Acessibility to the Historic Center of Salvador was made and coordenated by Secretaria de Justiça,
Cidadania e Direitos Humanos with the institutional partnership of Escritório de Referência do Centro Antigo –
ERCAS/Governorship and Mario Leal Ferreira Foundation – FMLF. This iniciative counted with the support of the
Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional na Bahia – IPHAN, Companhia de Desenvolvimento da Bahia
– CONDER and Secretaria de Cultura da Bahia through the Instituto do Patrimonio Histórico Cultural da Bahia –
IPAC.

It is a symbolic action to Governo do Estado da Bahia for two reasons. In the first place, because it is the first
accessible route of the State of Bahia and, in second place, because it breaks with the myth that the promotion of
accessibility is not compatible with historic sites.

This pilot project of accessibility located in a place full of challenges brings the centain that dreams can be reached.
The architecture without barriers starts a new paradigm in the execution of spaces designed following the principles
of human rights. Over the time, it is found that the elaboration of urban space prioritizes the automobiles over
pedestrians. And if the movement conditions do not provide comfort and security of the pedestrian, for those with
disabilities, this condition can be translated as a barrier to the right to come and go to the city.

The Universal Accessibility is a Human Right. It is a condition to the right to come and go to be enjoyed with justice
and equality. Accessible City can be translated as a city to all and, in the perspective, we hope that this Accessilble
Module can be expanded and replicated in other urban spaces to ensure the exercise of citizenship.

ALMIRO SENA
Secretary of Justice, Citizenship and Human Rights

LIVRO PELOURINHO.indd 10 17/12/2013 12:23:55


APRESENTAÇÃO

É com imenso prazer que apresento o registro documental de todo o processo de construção desta grande con-
quista. O Projeto Piloto de Acessibilidade para o Centro Histórico de Salvador foi elaborado e coordenado pela Sec-
retaria da Justiça Cidadania e Direitos Humanos em parceria interinstitucional com o Escritório de Referência do
Centro Antigo – ERCAS/Governadoria e a Fundação Mário Leal Ferreira – FMLF. Esta iniciativa contou com apoio
decisivo do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional na Bahia – IPHAN, Companhia de Desenvolvim-
ento da Bahia – CONDER e Secretaria de Cultura da Bahia através do Instituto do Patrimônio Histórico Cultural da
Bahia - IPAC .

Trata-se de uma ação emblemática para o Governo do Estado da Bahia por dois motivos. Em primeiro lugar,
porque é a primeira rota acessível implantada no Estado da Bahia e em segundo lugar porque rompe definitiva-
mente com o mito de que a promoção da acessibilidade não é compatível com sítios históricos.

Este projeto piloto de acessibilidade implantado em uma área repleta de desafios traz consigo a certeza de que
todos os sonhos são possíveis. A arquitetura sem barreiras inaugura um novo paradigma na produção de espaços
projetados a partir dos princípios dos direitos humanos. Ao longo do tempo verifica-se que a produção do espaço
urbano tem priorizado a circulação de automóveis em detrimento à circulação do pedestre. E se as condições de
circulação não propiciam conforto e segurança ao pedestre, para aqueles com deficiência, esta condição pode ser
traduzida como uma barreira ao direito de ir e vir e ao direto à cidade.

A Acessibilidade Universal é um Direito Humano. Ela é condição para que o direito de ir e vir seja usufruído com
justiça e igualdade. Cidade acessível pode ser traduzida como uma cidade para todos e, nesta perspectiva, deseja-
mos que este módulo de acessibilidade seja ampliado e replicado em outros espaços urbanos de forma a assegurar
o pleno exercício da cidadania.

ALMIRO SENA
Secretário da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos

LIVRO PELOURINHO.indd 11 17/12/2013 12:23:55


LIVRO PELOURINHO.indd 12 17/12/2013 12:23:55
INTRODUÇÃO
LIVRO PELOURINHO.indd 13 17/12/2013 12:23:56
Te

O
S
um
ch

P
C
en
ca
pe
us

O
es
pa
fo
so
fin

A
ex
M
ar
co
se

LIVRO PELOURINHO.indd 14 17/12/2013 12:23:57


INTRODUÇÃO
Terreiro de Jesus: final do caminho e início de um sonho.
Terreiro de Jesus: the end of a path and the start of a dream.

O Projeto de Acessibilidade do Centro Histórico de The Project of Acessibility of the Historic Center of
Salvador nasceu de um sonho inimaginável. Após Salvador was born as an unimaginable dream. After a
uma visita técnica ao Centro Antigo de Salvador, technical visit to the Old Center of Salvador, we have
chegamos ao Terreiro de Jesus: parada obrigatória. arrived at Terreiro de Jesus: mandatory stop.

Parada obrigatória não apenas para admirar a Mandatory stop not only to admire the Cathedral, the
Catedral, a Escola de Medicina e todo seu belíssimo Medical School and all the beautiful surrounding, but
entorno, mas também porque aquele era o final do
also because it was the end of the path. From this
caminho. A partir daquele ponto, para todas as
point, to all the disabled people, it was not possible to
pessoas com deficiência, não era mais possível
enjoy the beauty of the Patrimony of Humanity.
usufruir do Patrimônio da Humanidade.
The first steps of SUDEF were strategically planned.
Os primeiros passos da SUDEF foram
Instigated, specially by passion of changing the world,
estrategicamente planejados. Movida, sobretudo pela
gradually a team was made of those who were given
paixão de mudar o mundo, paulatinamente,
the power to dream and the tough job to do it with the
formou-se uma equipe a quem se deu o poder de
sonhar e a árdua tarefa de fazê-lo com os pés feet on the ground.

fincados no dia a dia. The strategy on planning is essential to execute the


A estratégia no planejamento é fundamental para goals of Governo do Estado da Bahia. Although, when
executar as metas do Governo do Estado da Bahia. it comes to removing architectural and urban barriers
Mas quando se trata de remover barreiras and using the power of persuasion of our partners,

15
arquitetônicas e urbanísticas e usar o poder de every action must be carefully planned.
convencimento dos nossos pares, cada ação precisa
ser milimetricamente planejada.

LIVRO PELOURINHO.indd 15 17/12/2013 12:23:57


16
A acessibilidade ainda não é entendida como um Accessibility is not yet understood as a guaranteed
direito humano assegurado pela legislação brasileira human right by the Brazilian law, but as a “grant” or a
e sim como uma “concessão” ou um “ato caritativo”. “act of charity”.

Quando Milton Santos pergunta “Quantos habitantes, When Milton Santos asks “How many inhabitant, in
no Brasil, são cidadãos?” (2007, p.19) podemos Brazil, are citizens?” (2007, p.19) we can certainly
certamente responder que 45.623.910 de cidadãos answer that 45.623.910 of the Brazilian citizens can
brasileiros não podem exercer plenamente os seus not plainly exercise their rights due to the absence of
direitos devido à ausência de acessibilidade em accessibility in our cities. Among these people with
nossas cidades. Entre estas pessoas com deficiên- disabilities, 3.558.895 are born in Bahia and 699.101
cia, 3.558.895 são baianos e 699.101 são soteropoli- are from Salvador.
tanos.
The Pilot Project of Accessibility to the Historic Center
O Projeto Piloto de Acessibilidade para o Centro of Salvador has the purpose to implant an accessible
Histórico de Salvador tem como objetivo a implanta- route in the Historic Center of Salvador, designed
ção de uma rota acessível no Centro Histórico de from the concept of accessibility module, which
Salvador, concebido a partir do conceito de módulo provides the promotion of universally accessible
de acessibilidade, que prevê a promoção de espaços space, capable to promote full access to all the
universalmente acessíveis, capazes de promover o citizens. This concept is contrary to many urban
acesso pleno a todos os cidadãos. Esta concepção é interventions which do not promote the actual access
contrária a muitas intervenções urbanas que, por se because they are punctual interventionist.
tratarem de intervenções pontuais, não promovem,
This pilot project is called accessibility module in order
de fato, o acesso.
to expand this conception in other spaces of the
Este projeto piloto é chamado módulo de acessibili- Historic Center of Salvador, to guarantee the
dade na perspectiva de ampliar esta concepção a accessibility rights to all. Although it does not reach all
outros espaços do Centro Histórico de Salvador, the historic site, the design of this route is based in the
garantindo o direito à acessibilidade a todos. Ainda principles established by the Convention on the
que não alcance todo o sítio histórico, a concepção Rights of Persons with Disabilities, by NBR-9050/04,
desta rota parte dos princípios estabelecidos pela the Law 10.098/00 and Decree 5296/04. The
Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Defi- NBR9050/04 defines accessible routes as:
ciência, pela NBR-9050/04, pela Lei 10.098/00 e pelo
Decreto 5296/04. A NBR9050/04 define rotas aces- "Continued, unobstructed and signaled path,
síveis como: that connects external or internal ambiences of
spaces and buildings, and where ramps can be
used , etc.. The internal accessible route can
“Trajeto contínuo, desobstruído e sinalizado,
incorporate corridors, floors, ramps, stairs,
que conecta os ambientes externos ou
elevators etc. "(NBR9050/04)
internos de espaços e edificações, e que
possa ser utilizado rampas, etc. A rota
acessível interna pode incorporar corredores,
pisos, rampas, escadas, elevadores etc”
(NBR9050/04)

LIVRO PELOURINHO.indd 16 17/12/2013 12:23:58


17
ed Entendemos que o direito à acessibilidade permeia We understand that the right to accessibility
a outros direitos fundamentais da pessoa humana, tais permeates other fundamental human rights such as
como o direito de ir e vir, direito à educação, ao trans- the right to come and go, right to education,
porte, à qualificação profissional, ao trabalho, dentre transportation, professional qualifications, work,
in
nly outros. É importante enfatizar que mais de 80% do among others. It is important to emphasize that more

an contingente das pessoas com deficiência estão situa- than 80% of the quota of disabled people are situated
of das abaixo da linha da pobreza. A estas pessoas são below the poverty line. All the rights mentioned above
th negados todos os direitos acima referidos na medida are denied to these people when the city excludes the
01 em que a cidade as exclui de toda e qualquer opor- opportunity to experience the urban space because of
tunidade de experenciar o espaço urbano em função its architectural and urban barriers. Thinking about the
das barreiras arquitetônicas e urbanísticas. Pen- inclusion, autonomy and safety of these people with
er
sando na inclusão, autonomia e segurança destas disabilities, who depend on universal acessibility to
le
pessoas com deficiência, que dependem da acessibi- urban environment, transportation and buildings to
ed
lidade universal ao meio urbano, ao transporte e às develop their activities, we made efforts to establish
ch
le edificações para desenvolver suas atividades, envi- partnerships to make this project executable.

he damos esforços no sentido de construir parcerias


It is important to emphasize that the subjects related
an para viabilizar este projeto.
to accessibility are situated far beyond the universe of
ss
É importante enfatizar que as questões relacionadas people with disabilities. We can not forget that the
à acessibilidade estão situadas muito além do Brazilian society has displayed an increasing number
er universo das pessoas com deficiência. Não podemos of elderly people, justified by the growth of life
he esquecer que a sociedade brasileira tem apresentado expectancy, who, spite of having a great health, will
he um número cada vez maior de pessoas idosas, have their mobility reduced because of the age. To
all proveniente do aumento da expectativa de vida, as this universe can be added people with temporary
he quais, ainda que gozem de perfeita saúde, terão sua disabilities,people carrying luggage, pregnant
he mobilidade reduzida em função da idade. A este women, children, among others, which means that
4,
universo somam-se pessoas com deficiência tem- accessibility includes a great deal of the Brazilian
he
porária, pessoas portando malas, grávidas, obesos, population and eventually visitors. For this reason it is
crianças, dentre outros, o que significa que a acessi- important that all the architectural and urban projects
bilidade atende a uma parcela significativa dos mora- are designed in consonance with the principles of
h,
dores das cidades brasileiras e de eventuais visitan- universal design which provides:
of
be tes. Por este motivo é importante que todos os proje-
an tos arquitetônicos e urbanísticos sejam concebidos
rs, em consonância com os princípios do desenho
universal que prevê:

LIVRO PELOURINHO.indd 17 17/12/2013 12:23:58


18 “a concepção de espaços, artefatos e produtos
que visam atender simultaneamente todas as
pessoas, com
antropométricas
autônoma,
diferentes
e
segura
características
sensoriais,
e
de forma
confortável,
“the conception of spaces, artifacts and
products that aim to meet simultaneously all
people, with different anthropometric and
sensory characteristics , in an autonomous,
safe and comfortable way, constituting on the
constituindo-se nos elementos ou soluções elements or solutions that make accessibility”
que compõem a acessibilidade” (cf. Decreto (cf. Decreto 5296/04)
5296/04)

A acessibilidade no Centro Histórico de Salvador é Accessibility in the Historic Center of Salvador is a


uma ação emblemática. Emblemática por duas symbolic action. Symbolic for two reasons: because
razões: porque esta é a primeira rota acessível this is the first accessible route located in Bahia and
implantada na Bahia e porque rompe com o because it breaks the paradigm that accessibility and
paradigma de que acessibilidade e patrimônio são patrimony are incompatible. It also serves as an
temas incompatíveis. Além disso serve como example to be replicated throughout the city.
exemplo a ser replicado por toda a cidade.
The record of the construction of Accessible Route of
O registro do processo de construção da Rota the Historic Centre of Salvador will be presented here
Acessível do Centro Histórico de Salvador será aqui in three parts: the first one consists in registering all
apresentado em três partes: a primeira consiste no joints necessary for the viability of this project, the
registro de todas as articulações necessárias à second part deals with the drafting of the accessibility
viabilização deste projeto, a segunda parte trata da project and the third part presents the record of the
elaboração do projeto de acessibilidade e a terceira process of execution.
parte, apresenta o registro do processo de execução
da obra.

LIVRO PELOURINHO.indd 18 17/12/2013 12:24:01


nd
all
nd
us,
he
ty”

a
se
nd
nd

ARTICULAÇÃO
an

of
ere
all
he
ity
he

LIVRO PELOURINHO.indd 19 17/12/2013 12:24:01


No
Pr
de
em
Sa

Alé
pin
rec
pa
ne
ca
so
fei

Em
en
SE
ge
tom

LIVRO PELOURINHO.indd 20 17/12/2013 12:24:03


ARTICULAÇÃO
No ano de 2011, o Governo do Estado da Bahia e a In the year 2011, the Governo do Estado da Bahia and
Prefeitura Municipal de Salvador celebraram um Termo the Prefeitura Municipal de Salvador signed a Term of
de Responsabilidade objetivando a realização de obras Responsibility with the purpose of the execution of
emergenciais para revitalização do Centro Histórico de emergency works to the revival of the Historic Center
Salvador. of Salvador.

Além de diversas ações como recuperação de telhado, Beyond many actions such as retrieving roof, painting, “É preciso que as pessoas

pintura e outras estavam previstas nesta parceria a etc, was also predicted in this partnership the recov- incorporem o conceito de
recuperação da pavimentação e calçadas. O primeiro ery of paving and sidewalks. The first step to perform deficiência como parte da
passo a ser dado para viabilizar este projeto seria incluir this project would be include in this document the diversidade humana se
neste documento a obrigatoriedade de construção de obligation to construct accessible sidewalks to attend tornando desta forma
calçadas acessíveis de forma a atender a todas as pes- all people including those with disabilities. And that is verdadeira a efetividade do
soas, incluindo àquelas com deficiência. E assim foi what was done.
direito, sem que haja
feito.
On August 19th, 2011 the first meeting between necessidad de frequentes e
Em 19 de agosto de 2011 aconteceu primeira reunião SJCDH, IPHAN, IPAC, CONDER, ERCAS, SECOPA repetidas adequações na
entre a SJCDH, IPHAN, IPAC, CONDER, ERCAS, and FML occurred. In this occasion, general questions legislação, uma vez que, o
SECOPA e FML. Na ocasião foram discutidas questões related to the right of access to heritage spaces were Direito estará assegurado
gerais relacionadas ao direito de acesso ao patrimônio discussed.
na teoria e na vida diária da
tombado.
população brasileira.”

Ana Paula Crosara

21
LIVRO PELOURINHO.indd 21 17/12/2013 12:24:03
22
Nesta reunião definiu-se uma comissão técnica para This meeting set up a technical committee to elabo-
elaboração do novo projeto que deveria ser discutido rate the new project that should be discussed step by
passo a passo com os órgãos envolvidos. step with the partners involved.

FO

FOTO 1: Reunião realizada na SJCDH com representantes da FOTO 2: Reunião realizada na SJCDH com representantes
FMLF/PMS, CONDER, SEDUR em 31/08/2011. da FMLF/PMS, CONDER, SEDUR em 31/08/2011.

E será que o IPHAN vai permitir? Would IPHAN allow it?

Além de eliminar as barreiras ao acesso universal ao In addition to eliminating the barriers to universal
Centro Histórico de Salvador esta intervenção que- access of the historic center of Salvador this interven-
brou o paradigma de que acessibilidade e patrimônio tion broke the paradigm that accessibility and patri-
são inconciliáveis. Antes de iniciar o processo de mony are irreconcilable. Before starting the process of
articulação para a criação das parcerias necessárias articulation for the creation of necessary partnerships,
buscou-se identificar as experiências similares já similar experiences already implemented in Brazil
FO
implantadas no Brasil. A equipe da SUDEF realizou were searched. The SUDEF team interviewed Mrs.
entrevistas com Dra. Ângela Cunha, coordenadora do Angela Cunha, coordinator of the accessibility project
projeto de acessibilidade da cidade de Olinda, em of the city of Olinda, Pernambuco, and, until 2011, the
A p
Pernambuco, e, até 2011, Coordenadora de Acessibi- Coordinator of Accessibility of Secretaria Nacional de
hist
lidade da Secretaria Nacional de Direitos Humanos Direitos Humanos da Presidência da República.
que
da Presidencia da República.
After these events, there was a technical visit in order od
A partir daí realizou-se uma visita técnica com obje- to meet the Project of Accessibility in the Town of de
tivo de conhecer o Projeto de Acessibilidade da Olinda. At the time, it was made a photographic 200
Cidade de Olinda. Na ocasião foi feito um levanta- survey and an analysis of the solutions adopted for red
mento fotográfico e análise das soluções adotadas the site, with the project team and the team IPHAN/PE pro
para o local, junto à equipe responsável pelo projeto e team, to seek for similar solutions to the historic center à In
à equipe do IPHAN/PE na perspectiva de buscar of Salvador. His
soluções similares para o Centro Histórico de Salva- de
dor.

LIVRO PELOURINHO.indd 22 17/12/2013 12:24:16


23
o-
by

FOTO 3: Reunião com IPHAN/Pe. FOTO 4:Travessia elevada em Olinda.

al
n-
ri-
of
s,
zil FOTO 6: Travessia elevada em Olinda.
FOTO 5: Alargamento de Calçada em Olinda
s.
ct
he
A promoção da acessibilidade universal em sítios The promotion of universal accessibility in heritage
de
históricos tombados coloca frente a frente duas historic sites puts face to face two issues: the preser-
questões: a preservação do patrimônio de um lado e vation on one side and the right to equality of opportu-
er o direito à equiparação de oportunidades e de fruição nities and enjoyment of cultural goods on the other
of de bens culturais por outro lado. O Decreto 5296 de side. The 5296 of 2004 Decree, in its article 30 relates
ic 2004 em seu artigo 30 relaciona a eliminação,
to elimination, reduction and overcoming of barriers
or redução e superação de barreiras necessárias à
needed to promote accessibility to all cultural goods to
PE promoção da acessibilidade a todos os bens culturais
Instruction No. 01 of the Instituto do Patrimônio
er à Instrução Normativa nº 01 do Instituto do Patrimônio
Histórico e Artístico Nacional- IPHAN of November
Histórico e Artístico Nacional – IPHAN de novembro
2003.
de 2003.

LIVRO PELOURINHO.indd 23 17/12/2013 12:24:18


24
A Instrução Normativa nº 01 do IPHAN estabelece The Normative Instruction No. 01 of IPHAN
diretrizes, critérios e recomendações para que sejam establishes guidelines, criteria and recommendations
efetivadas as condições necessárias à promoção da that grant the conditions necessary to promote the
acessibilidade de forma universal, com equiparação accessibility in a universal form, with equalization of
de oportunidades para as pessoas com deficiência e opportunities for people with disabilities and reduced
com mobilidade reduzida. Entretanto, as soluções mobility. However, the solutions adopted to eliminate
adotadas para eliminação de barreiras arquitetônicas architectural barriers must be compatible with the
devem compatibilizar-se com a preservação, preservation of historical heritage, ensuring access,
assegurando o acesso, a orientação e a comunicação orientation and communication for people in general.
para as pessoas de forma geral. Se, de um lado as Despite interventions should ensure full accessibility,
intervenções devem garantir a acessibilidade plena e recognized as a present action, there is no overall rule
legível como ação do presente, por outro não há uma to be applied in all cases. Each one is to be treated as
regra para todos os casos de intervenção. Cada a specific situation and the solution to accessibility
intervenção é tratada como um caso específico e a must be tied to the "commitment of the testimonial
solução para acessibilidade está atrelada ao value" whose approval depends on the final results of
“comprometimento do valor testemunhal”, cuja the structural integrity of the property.
aprovação depende do resultado da integridade
This legal condition adds subjectivity to the defense of
estrutural do bem imóvel.
accessibility when it comes to the historical patrimony.
Esta condição legal agrega subjetividade à defesa da Undoubtedly, it is certain that one can not demeaning
acessibilidade quando se trata do patrimônio the testimonial value of a building or architectural
histórico. Sem dúvida alguma, é certo que não se ensemble, however, the patrimony can not be placed
pode desmerecer o valor testemunhal de um imóvel above citizen rights.
ou um conjunto arquitetônico, entretanto, o
When it comes to citizens rights, besides the
patrimônio não pode ser colocado acima dos direitos
reference to the fundamental right to come and go, it
do cidadão.
is also the consumption right, the right to leisure etc..
Quando se fala em direitos do cidadão, além da It is very often the existence of trade and services in
referência ao direito fundamental de ir e vir, trata-se historic sites and therefore, added to contemplation
também do direito ao consumo, o direito ao lazer etc. and leisure there is a consumer relationship. As
É muito frequente a existência de comércio e serviços previously stated, the right to accessibility permeates
nos sítios históricos e, assim sendo, imbricado à a great number of other rights and, by itself, becomes
contemplação e ao lazer existe aí uma relação de a condition for them to take effect.
consumo. Como já foi dito anteriormente, o direito à
acessibilidade permeia uma série de outros direitos e,
por si só, torna-se condição para que eles se
efetivem.

LIVRO PELOURINHO.indd 24 17/12/2013 12:24:20


A PRIMEIRA VITÓRIA THE FIRST VICTORY

25
AN
ns
Apesar da obrigatoriedade legal a acessibilidade Despite the legal requirement, accessibility still gener-
he
ainda gera polêmica. A invisibilidade das pessoas ates controversy. The invisibility of people with
of
com deficiência na vida urbana e nos espaços públi- disabilities in urban life and public spaces contributes
ed
cos contribui para a crença de que estas pessoas são to the belief that these people are a minority. Unfortu-
ate
uma minoria. Lamentavelmente este discurso ainda nately, this speech is still present in the academy and
he
está presente na academia e finda por influenciar a ends up influencing professionals in many fields of
ss,
formação dos profissionais de diversas áreas do con- knowledge.
al.
hecimento.
ty, The guarantee to equality for people with disabilities is
ule A garantia à igualdade a pessoas com deficiência não not a charitable act but respect to the constitutional
as constitui um ato caritativo e sim respeito ao manda- commandment. The right to be equal, even though
ity mento constitucional. O direito de ser igual, mesmo different, ensured by the right to locomotion, repre-
ial sendo diferente, garantido pelo direito à locomoção, sents the fulfillment of the Fundamental Principles of
of representa o cumprimento dos Princípios Fundamen- the Federal Constitution, relating to citizenship (Article
tais da Constituição Federal, referente à cidadania 1, II) and human dignity (Article 1, III).
(Art. 1º, II) e à dignidade da pessoa humana (Art. 1º,
of To Teresa Costa d’Amaral (2000:494):
III).
ny.
ng Para Teresa Costa d’Amaral (2000:494):
“First difficulty comes from fear. Fear of
ral
“A primeira dificuldade é resultante do medo, recognizing in the person with disability
ed
do medo de olhar a pessoa portadora de something that makes he or she different from
deficiência no que ela nos é diferente, no que us. Something that reminds us of a loss,

he ela nos mostra de perda, no que nos ameaça something that threatens us with the
de morte. A segunda dificuldade é que a remembrance of death. Second difficulty is the
, it
enorme discriminação imposta ao problema understanding that the huge discrimination
c..
passa indiscutivelmente pela questão da associated with this issue concerns our
in
alteridade, de entendermos a diferença, de inability to deal with “the other”, recognizing
on
nos confrontarmos com ela. A sociedade tem and accepting each other’s differences when
As
certamente uma enorme dificuldade em confronted with them. Our society has
es
entender o outro, o diferente, e aceitá-lo.” enormous difficulty on understanding the other,
es
the odd, to accept and embrace the unusual.”

LIVRO PELOURINHO.indd 25 17/12/2013 12:24:22


26
A pessoa com deficiência, seja ela qual for, é, antes A disabled person, whoever they may be, is, first of all,
de tudo, um indivíduo dotado de direitos an individual endowed with fundamental rights
fundamentais garantidos pela Constituição Brasileira, guaranteed by the Brazilian Constitution, which
que não deve ser rotulado por um atributo que lhe should not be labeled by an attribute that they lack.
falta. A inserção do indivíduo na sociedade depende The insertion of the individual in society depends on
da sua realidade econômica, social, física e cultural. its economic, social, physical and cultural reality. The
A relevância da discussão sobre o tema reside no relevance of the discussion on the topic lies in
entendimento de que a pessoa com deficiência é, não
understanding that the disabled person is not only a
apenas uma pessoa desprovida de alguma
person devoid of any physical or intellectual capacity,
capacidade física ou intelectual, mas também uma
but also a person who is unable to resolve issues
pessoa que se encontra impossibilitada de resolver
related to their everyday life because of social and
questões relacionadas à sua vida cotidiana por
space barriers.
barreiras sociais e espaciais.
The permission to carry on with this project was the
A permissão para realizar este projeto foi resultado de
result of a great battle between technicians,
uma grande batalha entre técnicos, gestores e
arquitetos vinculados ao Governo do Estado da Bahia managers and architects linked to the Governo do

e Prefeitura Municipal de Salvador. Para muitos Estado da Bahia and to the Prefeitura Municipal de
destes profissionais não se pode sacrificar a estética Salvador. For many of these professionals, sacrificing
arquitetônica em função da promoção do acesso para architectural aesthetics due to the promotion of
“uma meia dúzia de cadeirantes”. Frase dita ao longo access to "half a dozen wheelchair" could not be
dos infindáveis debates com intuito de consolidar done. Phrase said over the endless debates aiming to
parcerias para fazer deste sonho realidade. Este consolidate partnerships to make this dream a reality.
discurso conservador e limitado revela, além do This limited and conservative speech reveals, besides
preconceito, a certeza de impunidade pelo prejudice, the impunity for the breach of the law. Fir
descumprimento da lei. ac
The creation of accessible route was established
do
A criação da rota acessível foi estabelecida entre as between the liability assumed by the State
do
responsabilidade assumidas pelo Governo do Estado
Government Disclaimer signed between the Governo ge
no Termo de Responsabilidade firmado entre
do Estado da Bahia and Prefeitura Municipal de Sa
Governo do Estado da Bahia e Prefeitura Municipal
Salvador in order to facilitate the prompt recovery of pro
de Salvador com o objetivo de viabilizar a
the Old Centre of Salvador.
recuperação imediata do Centro Antigo de Salvador. Ne
dis
FM
eq

LIVRO PELOURINHO.indd 26 17/12/2013 12:24:30


27
l, “DAS RESPONSABILIDADES "RESPONSIBILITIES
s
h CLÁUSULA SEGUNDA – Constituem SECTION TWO – These are responsibilities of
k. responsabilidades das Entidades envolvidas the entities involved with this disclaimer:
n com o presente Termo de Responsabilidade:

e
I - DO ESTADO I - OF STATE
n
a
1) Recuperar a pavimentação, o calçamento, 1) Recover the pavement, sidewalks and
y,
os passeios e os meio-fios, das ruas curbs, of the streets Guedes de Brito,
s
Guedes de Brito, Saldanha, São Saldanha, São Francisco, Gregorio de
d
Francisco, Gregório de Matos, João de Matos, João de Deus, Miolo, 3 de Maio,
Deus, Miolo, 3 de Maio, Oração, Beco do Oração, Becodo do Seminário , Bispo, 28
e Seminário, Bispo, 28 de Setembro, Alfredo de Setembro, Alfredo de Brito, Laranjeiras,
s, de Brito, Laranjeiras, São Miguel, São Miguel, Açouguinho, Leovigildo de

o Açouguinho, Leovigildo de Carvalho, Carvalho, Carmo, Passo,Ladeira do


Carmo, Passo, Ladeira do Carmo, Santo Carmo, Santo Antonio Além do Carmo, and
e
Antonio Além do Carmo, e Terreiro de Terreiro de Jesus,Praça da Sé and Largo
g
Jesus, Praça da Sé e Largo do Pelourinho do Pelourinho and run a accessible route
of
e executada uma rota de acessibilidade à for wheelchair to the streets Gregorio de
e
cadeirantes nas ruas Gregório de Matos, Matos, Alfredo de Brito, part of the Terreiro
o
Alfredo de Brito, parte do Terreiro de Jesus de Jesus and Largo do Pelourinho"
y.
e Largo do Pelourinho” (grifo nosso) (emphasis added)
s
Firmadas as parcerias e incluída a obrigatoriedade da Entered into partnerships and included the require-
acessibilidade no Termo de Parceria entre Governo ment of accessibility in the Partnership Agreement
d
do Estado da Bahia e Prefeitura Municipal de Salva- between the Governo do Estado da Bahia and Prefei-
e
dor, foram alocados recursos para as ações emer- tura Municipal de Salvador, in which were allocated
o genciais para revitalização do Centro Histórico de resources for emergency actions to revitalize the
e Salvador, iniciou-se o processo de elaboração do Historic Center of Salvador, the process of drafting the
of projeto piloto de acessibilidade. pilot project of accessibility began.

Neste processo projetual os mínimos detalhes foram In the design process the smallest details were
discutidos entre técnicos da SJCDH, do ERCAS e da discussed between the technical of SJCDH, ERCAS
FMLF. É preciso destacar aqui o empenho de toda a and FMLF. It is worth noting here the commitment of
equipe da SJCDH. the whole team SJCDH.

LIVRO PELOURINHO.indd 27 17/12/2013 12:24:30


28
Este projeto utilizou como referência os levantamen- This project used as a reference surveys and studies
tos e estudos contitdos no Plano de Reabilitaç ão Par- contained in the Participatory Rehabilitation Plan for
ticipativo para o Centro Antigo de Salvador, elaborado the Old Town of Salvador, developed and coordinated
e coordenado pelo Escritório de Referência do Centro by the Escritório de Referência do Centro Antigo -
Antigo – ERCAS. ERCAS.

A participação e inestimável parceira com a Funda- The participation and invaluable partnership with the
ção Mário Leal Ferreira, órgão da Prefeitura Municipal Mario Leal Ferreira Foundation, part of Prefeitura
de Salvador, viabilizou o desenvolvimento deste Municipal de Salvador, made possible the develop-
trabalho. ment of this work.
Vale ressaltar que, ao longo deste processo, o IPHAN
It is noteworthy that, throughout this process, IPHAN
foi um parceiro decisivo. Sempre de portas abertas, a
was a key partner. Always with doors opened, IPHAN
equipe do IPHAN não apenas avaliou o projeto, mas
staff evaluated not only the project, but also contrib-
sobretudo contribuiu em busca das soluções mais
uted in searching for the best solutions to every detail
adequadas para cada detalhe por meio de frequentes
through frequent meetings and visits to the work
encontros e visitas à obra.
place.
A equipe da CONDER conduziu o processo de
execução da obra com a competência e comprometi- CONDER team successfully conducted the execution
mento. Este comprometimento com a promoção do of the tasks thanks to the commitment and efficiency.
acesso universal contagiou os operários da Metro This commitment with universal access was conta-
Engenharia coordenados pelo mestre de obra gious to all workers of Metro Engenharia, lead by
Jobson Lafayete, verdadeiro artífice desta obra. master handicraftsman Jobson Lafayete, truly an
Este trabalho é resultado do esforço conjunto de artisan of this masterpiece. This work is the result of
todos os que acreditaram neste sonho. the sum of the efforts of all people who believed in this
dream.

LIVRO PELOURINHO.indd 28 17/12/2013 12:24:33


ies
for
ted
o -

the
ura
op-

AN
AN
rib-
tail
ork

ion
cy.
ta-
by
an
of
his

PROJETO
LIVRO PELOURINHO.indd 29 17/12/2013 12:24:33
O
pa
Hi
pr
cit
é
alc
im

LIVRO PELOURINHO.indd 30 17/12/2013 12:24:51


PROJETO
O Projeto Piloto de Acessibilidade constitui a primeira
parte do Plano de Acessibilidade para o Centro
Histórico de Salvador, onde estão previstas as
primeiras intervenções concebidas a partir do já
citado conceito de Módulo de Acessibilidade. A idéia
é que este módulo seja ampliado até que seja
alcançado a acessibilidade a todas as edificações,
implantação de maquetes táteis etc. FOTO 9: Acessos a edificações. 2011

FOTO 7: Desafio: Soleira a 70 cm de altura. 2011 FOTO 10: As edificações e os desníveis. 2011

The Pilot Project of Accessibility is the first part of the


Accessibility Plan for Salvador Historic Center, where
are provided the first interventions designed from the
concept of accessibility module already mentioned.
The idea is that this module is expanded until it

31
reaches the accessibility to all buildings, insertion of
tactile models etc.
FOTO 8: Levantamento em Campo. 2011

LIVRO PELOURINHO.indd 31 17/12/2013 12:24:52


32
Nesta primeira etapa de implantação do Projeto In this first stage of implementation of the Pilot Proj-
Piloto de Acessibilidade ainda que não seja pos- ect of Accessibility, although it is not guaranteed the
sível garantir o acesso a todas as edificações exis- access to all existing buildings on the route, this proj-
tentes na rota, este projeto assegura o acesso ect ensures access to those of most relevance to the
àquelas de maior relevância para o interesse coletivo, collective interest, such as public institutions, the City
tais como as instituições públicas, o Museu da Museum , Casa de Jorge Amado Foundation and
Cidade, a Fundação Casa Jorge Amado e o Solar
Solar Ferrão. Moreover, this first accessible route lets
Ferrão. Além disso, esta primeira rota acessível
citizens percept the architectural features and all
permite ao cidadão a apreensão do conjunto
characteristics of its ambience that add historical and
arquitetônico e todas as características da sua
cultural value to this space.
ambiência que agregam valor histórico e cultural a
este espaço.

A
de
in
R
ao
ac
à
co

O
pa
iz
pr
qu
da
ac
R
FOTO 11: Cadastro soleira a soleira. 2011
P
Te
pa

LIVRO PELOURINHO.indd 32 17/12/2013 12:25:04


33
oj-
he
oj-
he
ity
nd
ets
all
nd

FOTO 12: Cadastro soleira a soleira. 2011

Ao longo da execução da obra surgiram solicitações Throughout the execution, requests of expanding the
de ampliação da Rota acessível proposta. O percurso proposal for the accessible route came. The initial
inicial do projeto da Rota acessível estendeu-se até a design of the accessible route was extended to the
Rua das Laranjeiras, conectando o estacionamento Laranjeiras Street, connecting the parking lot to the
ao Terreiro de Jesus e em segundo momento foi Terreiro de Jesus and, the second time, was
acrescido o trecho que conecta a Rua das Laranjeiras increased the stretch that connects the Laranjeiras
à Igreja de São Francisco, popularmente conhecida Street to São Francisco Church, popularly known as
como “Igreja de Ouro”. "Church of gold ".
O projeto da rota acessível constitui um circuito que
The design of the accessible route is a circuit that
parte do Cruzeiro de São Francisco, onde estão local-
departs from the Cruzeiro de São Francisco, where
izadas as duas passarelas de granito cerrado,
are located the two granite walkways, proposed by
propostas pelo escritório da Arquiteta Lina Bo Bardi e
the office of the architect Lina Bo Bardi and that repre-
que representam uma intervenção para acessibili-
sents an intervention for accessibility in the area of the
dade na área do Centro Histórico. Inicialmente a rota
historic center. Initially the accessible route proposed
acessível proposta constituía o percurso ao longo da
Rua Gregório de Matos, chegando ao Largo do along the street Gregorio de Matos, coming to Largo

Pelourinho e seguindo pela Rua Alfredo de Brito até o do Pelourinho and following the street Alfredo de Brito
Terreiro de Jesus, onde fecha o circuito no ponto de to Terreiro de Jesus, where the circuit is closed at its
partida. point of departure.

LIVRO PELOURINHO.indd 33 17/12/2013 12:25:04


34

LIVRO PELOURINHO.indd 34 17/12/2013 12:26:40


35

LIVRO PELOURINHO.indd 35 17/12/2013 12:27:08


36

FOTO 13: Reunião técnica para discutir o acesso ao Museu da Cidade e à Fundação Casa de Jorge Amado. 2012.
FO

A
O projeto propõe a manutenção das calçadas exis- The project proposes keeping existent sidewalk, by
dis
tentes, com alargamento em uma das laterais das enlarging one of the street’s side, by using high resis-
ne
ruas, utilizando como pavimentação concreto lavado tance washed concrete as pavement material, with
à
de alta resistência, com juntas de madeira e wood joints, and keeping the existent granite curbs.
po
manutenção do meio fio de granito existente. Para os For the intersections of this route, the proposed solu-
Ci
pontos de cruzamento à rota foram propostas traves- tion consists of crossing points based on cyclopean mu
sias com base em concreto ciclópico revestido pela
concrete, coated with “cabeça de nego” stone. All “e
pedra conhecida como “cabeça de nego”. Ao longo
along the streets this stone is seated over a sand trid
das ruas, esta pedra é assentada sobre uma base de
base, which induces some unevenness on its surface. en
areia, o que provoca uma certa irregularidade na
The idea of using cyclopean concrete is to keep the ad
superfície. A idéia de utilizar o concreto ciclópico é
street layout without losing pavement regularity, thus me
manter a linguagem do arruamento sem perder a
avoiding ripples on the surface, which could compro- du
regularidade do pavimento, evitando desta forma a
mise the movement of disabled or reduced mobility
trepidação capaz de comprometer o deslocamento de
pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. people.

LIVRO PELOURINHO.indd 36 17/12/2013 12:28:39


37

FOTO 14: Reunião técnica para discutir o acesso ao Museu da Cidade e à Fundação Casa de Jorge Amado. 2012.

A foto 14 mostra reunião técnica com objetivo de The picture 14 shows a technical meeting with the
y
discutir soluções para cada um dos pontos existentes purpose to discuss solutions for each point existent on
-
nesta rota. A primeira grande questão foi relacionada this route. The first great question was related to the
h
à drenagem de águas pluviais. E a segunda grande drainage of pluvial water. Another polemic problem
s.
polêmica girou em torno da escadaria do Museu da was about the stairs of Museu da Cidade and the
-
Cidade e da Fundação Casa Jorge Amado. Foram Casa Jorge Amado Foundation. There were many
n muitos estudos até que se chegou à solução da
studies until the solution of “escarrampa” (mix of stairs
ll “escarampa”, desenvolvida em modelos
and ramps) came, developed in three-dimensional
d tridimensionais. A idéia é manter a escadaria
models. The idea of keeping the stair as the natural
e. enquanto arquibancada natural para as pessoas que
bleacher for people to admire the view of Largo do
e admiram a paisagem no Largo do Pelourinho e ao
Pelourino and, at the same time, allow universal
s mesmo tempo permitir o acesso universal a estas
access to those symbolic buildings.
- duas edificações emblemáticas.
y

LIVRO PELOURINHO.indd 37 17/12/2013 12:29:03


38
A SEGUNDA VITÓRIA:

O PARECER DO IPHAN E APROVAÇÃO DO PROJETO

A nossa segunda grande vitória aconteceu no dia 25 de outubro de 2011 com a aprovação do projeto pelo Insti-
tuto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional – IPHAN, com autorização para execução da obra, por meio do
parecer nº 0388/11.

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DA INTERVENÇÃO PROPOSTA

“Trata-se de proposta de implantação de um projeto piloto composto de uma rota acessível no centro Histórico de Salvador,
desenvolvido pela Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Governo do Estado em parceria com a Funda-
ção Mário Leal Ferreira , Escritório de Referência do Centro Antigo, com o apoio institucional do IPHAN, CONDER, SEDUR,
SECOPA, e IPAC. A proposta busca “promover a acessibilidade universal a todos os cidadãos, garantindo à cidadania e o
respeito aos direitos humanos. A proposta é acompanhada de memorial descritivo, considerações técnicas a respeito do
projeto, fotomontagens, e do projeto propriamente dito. A rota acessível proposta constitui um caminho que parte do
Cruzeiro de São Francisco, desenvolvendo-se pela Rua Gregório de Matos até o Largo do Pelourinho, retornando pela Rua
Alfredo de Brito até o Terreiro de Jesus, fechando o circuito acessível. O projeto propõe o alargamento de calçada em uma
das laterais das ruas, mantendo-se o meio e fio existente e complementando a largura com concreto lavado.Segundo os
autores, a manutenção do meio-fio existente permite a identificação proposta e a utilização do concreto lavado contribui
para uma leitura harmônica do espaço.Para os pontos de cruzamento da rota com as ruas transversais, são propostas
faixas elevadas, permitindo o acesso em nível. Estas faixas serão executadas com o mesmo material utilizado noinvesti-
mento das ruas – as pedras conhecidas como cabeça de nêgo. Na parte superior da faixa será executada uma passagem
em granito serrado com objetivo de manter a regularidade para o deslocamento de pessoas com deficiência e mobilidade
reduzida. Segundo os autores, ainda que não seja possível neste momento garantir o acesso a todas as edificações exis-
tentes na rota, o projeto busca assegurar o acesso aquelas de maior relevância para o interesse coletivo, tais como as insti-
tuições públicas, o Museu da Cidade, a Fundação Casa de Jorge Amado, dentre outras.”

CONSIDERAÇÕES

“Julgo que a proposta totalmente viável a passível de aprovação, dado que a interferência no traçado do logradouro é
pequena, quando comparado ao benefício trazido pelo projeto. As soluções adotadas buscam uma harmonização com o
conjunto especialmente protegido pelo IPHAN. No entanto, deve-se adotar especialmente atenção à manutenção da
calçada existente e a simples adição de uma ampliação em concreto levado. O efeito desejado, neste caso, pode não ser
alcançado (identificação da intervenção proposta e a utilização do concreto levado contribuindo para uma leitura harmônica
do espaço). As calçadas existentes são intervenções mais recentes e na maior parte dos casos já bastante desgastadas e
com meio-fio irregular. Parece-me que seria mais adequada a uniformização do material a ser utilizado no alargamento,
estendendo-se a intervenção ao revestimento já existente, o que traria ao observador uma sensação de menor “poluição
visual” no aumento. Desde que a cor e textura do revestimento se harmonize aquela do piso da rua (em pedras), julgo não
haver problemas nesta uniformização.”

A partir desta autorização do IPHAN iniciou-se o processo da execução da obra apresentado a seguir.

LIVRO PELOURINHO.indd 38 17/12/2013 12:29:13


39
THE SECOND VICTORY:

IPHAN OPINION AND THE PROJECT APPROVAL

Our second major victory occurred on October 25th, 2011 with the approval of the project by the Instituto do Pat-
sti- rimônio Histórico Artístico Nacional - IPHAN with authorization for execution of the work, through the opinion No.
do 0388/11.

DESCRIPTION OF PROPOSED INTERVENTION

"It is proposed to implement a pilot project consisting of an accessible route in the Historical Center of Salvador , developed
by the Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos of the Government State in partnership with Mario Leal Ferreira
or,
Foundation , Escritório de Referência do Centro Antigo, with the institutional support of IPHAN , CONDER, SEDUR ,
da-
SECOPA and IPAC . The proposal seeks to “promote universal accessibility to all citizens, guaranteeing citizenship and
R,
respect for human rights. The proposal is accompanied by specifications, technical considerations about the project, photo-
eo
montages, and the project itself. The accessible route proposal is a way that starts on the Cruzeiro de São Francisco , goes
do
through Gregorio de Matos Street to the Largo do Pelourinho , returning by Alfredo de Brito street to the Terreiro de Jesus ,
do
closing the accessible circuit. The project proposes to extend the sidewalk on one side of the street, keeping the existing
ua
curbs and complementing the width with washed concrete. According to the authors, the maintenance of existing curb
ma
proposal allows the identification of the old sidewalk and the use of washed concrete contributes to a harmonious space. To
os
the crossroads of the route elevated tracks are proposed, allowing access in level. These tracks will be executed with the
bui
same material used in the coating of the streets - the stones known as cabeça de nêgo. At the top of the track runs, a
as
passage will be executed in granite in order to avoid ripples for the movement of people with disabilities and reduced mobility
sti-
. According to the authors , although it is not possible to ensure access to all existing buildings on the route at this time , the
em
project seeks to ensure access to those most relevant to the collective interest , such as public institutions , the City Museum
de
, the Casa de Jorge Amado Foundation , among others."
is-
sti- CONSIDERATIONS

"I think that the proposal is a fully viable subject to approval, given that the interference in tracing the street is small com-
pared to the benefits brought by the project . The solutions adopted seek harmonization with the set specifically protected
by IPHAN. However, one should take particular attention to maintaining the existing sidewalk and simple addition of an

expansion in washed concrete. The desired effect, in this case, may not be reached (identification of the proposed interven-
mo
tion and use of washed concrete contributing to a harmonic space). The existing sidewalks are latest interventions and in
da
most cases already quite worn and with irregular curb. It seems to me that it would be appropriate to standardize the material
ser
which will be used in the extension, expanding the intervention to the existing coating, which would bring to the viewer a
ca
feeling of minor " visual pollution " on the increase. Since the color and texture of the coating harmonize with the floor of the
se
street (on stones), I think there is no problem in this uniform ."
to,
ão From the IPHAN approval the process of execution started as presented below.
ão

LIVRO PELOURINHO.indd 39 17/12/2013 12:29:24


LIVRO PELOURINHO.indd 40 17/12/2013 12:29:29
EXECUÇÃO
LIVRO PELOURINHO.indd 41 17/12/2013 12:29:29
A
20
Gr
ob
fes
for
Po
ca
ati
Al

Si
via
ala
1,5

LIVRO PELOURINHO.indd 42 17/12/2013 12:30:01


EXECUÇÃO
A execução da rota acessível iniciou-se em abril de The execution of the accessible route began in April
2012 partindo do ponto de interseção entre a Rua 2012 starting from the point of intersection between
Gregório de Matos e o Cruzeiro de São Francisco. A the streets Gregorio de Matos and the Cruzeiro de
obra foi organizada considerando o calendário de São Francisco. It was organized considering the local
festas do local e a alta estação para o turismo de festival dates and high season for tourism in order not
forma a não criar transtornos para o comércio local. to create inconvenience for local commerce. For this
Por este motivo a recuperação e alargamento das reason, the recovery and expansion of sidewalks was
calçadas foi executada em cada quarteirão e, após performed on each block and, after reaching the full
atingir toda a extensão das Ruas Gregório de Matos e extent of the Streets Gregorio de Matos and Alfredo
Alfredo de Brito foram feitas as travessias. de Brito, the crossings were made.

Simultaneamente à recuperação da pavimentação da Simultaneously to the recovery of the paving of the


via ocorreu o deslocamento do meio fio existente para road, the displacement of the existing curb was
alargamento da calçada que passa de 0,60 m para extended from 0.60m to 1.50m wide to enlarge the
1,50m de largura. sidewalk. “Se essa rua, se essa rua
fosse minha, eu mandava
ladrilhar, com pedrinhas de
brilhante...”

(canção popular)

FOTO 15: Início da execução da obra. 2012


43
LIVRO PELOURINHO.indd 43 17/12/2013 12:30:02
44

FO

FOTO 16: Início da execução da obra. 2012

Como já foi citado anteriormente, a luta para aprova- As mentioned earlier, this battle to approve the project
ção deste projeto e execução desta obra contou com and the execution counted on the commitment of very
o empenho de pessoas muito especiais, sem as quais special people, and without them it would not be pos-
não seria possível chegar ao resultado que chega- sible to reach the result we got. The daily supervision
mos. A fiscalização diária da equipe da of team SUDEF / SJCDH by the Civil Engineer Daniel
SUDEF/SJCDH Engenheiro Civil Daniel de Oliveira de Oliveira Junior, CONDER team represented here
Junior, a equipe da CONDER aqui representada pela by Engineer Fernando Brandão and Etelvina
Engenheiro Fernando Brandão, Etelvina Rebouças Rebouças work of the entire team coordinated by
trabalho de toda a equipe coordenada por Jobson Jobson Martins dos Santos.
Martins dos Santos.
The work of these artisans, by choosing each stone,
O trabalho destes operários, ao escolher cada uma seemed more intended, as the popular song say, “to
das pedras, parecia muito mais destinado, como diz a pave streets with shiny pebbles” than cover them with
canção popular, a ladrilhar ruas com pedrinhas de stones “cabeça de nego”. Each stone was carefully
brilhante, que revestí-las com pedras cabeças de chosen, by observing its irregular shape and the regu-
nego. Cada pedra foi cuidadosamente escolhida, larity of its surface, so that the coating of cyclopean
observando a irregularidade da sua forma e a regu- concrete on the crossings did not cause any trepida- FO
laridade da superfície, de modo que, ao revestir o tion.
concreto ciclópico nas travessias, não causasse qual- Ao
quer trepidação. las
rel

LIVRO PELOURINHO.indd 44 17/12/2013 12:31:32


45

FOTO 17: Recomposição pavimentação. 2012 FOTO 18: Recomposição pavimentação. 2012

oject
very
pos-
ision
aniel
here
lvina
d by

one,
y, “to
with
efully
egu-
pean
pida- FOTO 19: Passarelas amenizam transtornos para comerciantes. 2012.

Ao longo da execução da obra foram feitas passare- During the execution, wood walkways were made to
las de madeira, de forma a minimizar os transtornos minimize problems related to commercial activities.
relacionados às atividades comerciais da área.

LIVRO PELOURINHO.indd 45 17/12/2013 12:31:35


46 A primeira travessia executada entre a Rua das
Laranjeiras e a Rua Gregório de Matos foi refeita por
três vezes. E, depois de muita investigação com
encontros na obra, chegou-se à solução adotada:
concreto ciclópico revestido com a mesma pedra
The first crossing, executed between the streets
Laranjeiras and Gregorio de Matos, was remade
three times. And, after a lot of research and meetings
at work place, we came to the solution adopted: cyclo-
pean concrete coated with the same stone used in the
utilizada no revestimento da rua, também conhecida lining of the street, also known as cabeça de nego.
como cabeça de nego. As fotos 21 e 22 mostram um The photos 21 and 22 show one of these days with
destes dias com a presença de representantes da the presence of representatives of SJCDH, IPHAN,
SJCDH, IPHAN, FMLF e CONDER. FMLF e CONDER.

FOTO 20: Reunião no local. Representantes do IPHAN, FOTO 21: Reunião no local. Representantes do IPHAN,
SJCDH, CONDER e FMLF. 2012 SJCDH, CONDER e FMLF. 2012

FOTO 22: Aplicação do concreto ciclópico revestido com a mesma pedra utilizada no revestimento da rua, também conhecida como
cabeça de nego.

LIVRO PELOURINHO.indd 46 17/12/2013 12:32:56


47
ets A passarela feita pelo escritório da Arquiteta Lina Bo The walkway designed by the office of the architect
de Bardi no Largo do Cruzeiro representava uma opção Lina Bo Bardi in Largo do Cruzeiro represented an
ngs de piso mais regular, entretanto encontrava-se com option of a more regular floor, though already found
lo- as juntas bastante desgastadas. Para este trecho with the joints pretty worn. For this section we opted
he optou-se pela requalificação do rejunte das pedras, for the requalification of the grout stones, in order to
go. com objetivo de dar mais regularidade a este piso. give more regularity to this floor.
with
AN,

FOTO 23: Passarela antes da requalificação. 2012 FOTO 24: Passarela depois da requalificação. 2012

HAN,

como FOTO 25: Passarela durante a requalificação. 2012

LIVRO PELOURINHO.indd 47 17/12/2013 12:33:48


48
As caixas de drenagem de águas pluviais foram The drains for pluvial water where relocated to be
remanejadas para o alinhamento da nova calçada. A aligned to the new sidewalk. The photo 26 shows part
foto 26 mostra o trecho da calçada antiga com a caixa of the old sidewalk with the drain box and the photo 27
de drenagem e a foto 27 mostra as caixas de drena- shows the drain boxes that goes along with the
gem que acompanham a calçada já alargada. expanded sidewalk.

FOTO 26: Drenagem de águas pluviais. 2012 FOTO 27: Nova drenagem. 2012

FOTO 28: Passeio estreito e meio fio recolocado. 2012

LIVRO PELOURINHO.indd 48 17/12/2013 12:34:12


49
Na ocasião do Campeonato Regional Nordeste de During the Northeast Regional Basketball Champion-
Basquete em Cadeiras de Rodas reuniram-se em ship for Wheelchairs more than 350 disabled athletes
Salvador mais de 350 paratletas. got together in Salvador.

A Presidente da Confederação Brasileira de


The President of Confederação Brasileira de
Basquete em cadeira de Rodas, Naíse Pedrosa, o
Basquete em cadeira de Rodas, Naíse Pedrosa, and
Presidente da Associação de Atletas Baianos com
the President of Associação de Atletas Baianos com
Necessidades Especiais, Osmar Nascimento,
Necessidades Especiais, Osmar Nascimento, went to
acompanharam a equipe da SJCDH na visita à obra.
visit the execution with SJCDH team.

FOTO 29: Presidente da Confederação Brasileira de Basquete em cadeira de Rodas, Naíse Pedrosa e Presidente da Associação
de Atletas Baianos com Necessidades Especiais, Osmar Nascimento em visita à Rota Acessível. 2011

LIVRO PELOURINHO.indd 49 17/12/2013 12:34:37


50

FOT
Direi

FOTO 30: Secretário da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Estado da Bahia,


Almiro Sena, em visita à Rota Acessível.

Em 10 de agosto 2012 foi registrado o acompanha- On August 10, 2012 the execution was visited by the
mento da obra de acessibilidade pela Secretaria da Secretary of Justice, Citizenship and Human Rights.
Justiça Cidadania e Direitos Humanos. Na ocasião, o On the occasion, the Secretary talked to all traders of
Secretário conversou com todos os comerciantes das the shops bordering the route, to emphasize the
lojas lindeiras à rota, enfatizando a importância da importance of taking care of the new sidewalks, keep-
cuidar das novas calçadas, mantendo-as livres de ing them free of obstacles.
obstáculos.

LIVRO PELOURINHO.indd 50 17/12/2013 12:35:39


51

FOTO 31: Visita à Rota Acessível pelo Governador do Estado da Bahia, Jaques Wagner e do Secretário da Justiça, Cidadania e
Direitos Humanos, Almiro Sena.

he
hts.
of
he
ep-

LIVRO PELOURINHO.indd 51 17/12/2013 12:35:39


LIVRO PELOURINHO.indd 52 17/12/2013 12:35:40
DEPOIMENTOS
LIVRO PELOURINHO.indd 53 17/12/2013 12:35:40
LIVRO PELOURINHO.indd 54 17/12/2013 12:36:17
DEPOIMENTOS

FOTO 33: Visita do Secretário Adjunto dos Direitos da Pessoa com Deficiência do
Estado de São Paulo, Marco Antônio Pellegrini. 2013.

FOTO 34: Visita do Ex-Secretária Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa


com Deficiência, Izabel Maior. 2013.
55
LIVRO PELOURINHO.indd 55 17/12/2013 12:36:19
56 I met Salvador in the 80's. I used to have great curiosity and admiration that can only be explained by the obvious “Co
genetic inheritance. In that time, the distance was bigger, phone call was very expensive and e-mail were stamped exp
mail. That built a mith about every distant place, the story told verbally by migrants and tourists was the one that eo
prevailed. In my imagination it was the capital of music, predominantly black, of eletric trios and wonderful ver
beaches. na

A music festival was a great opportunity, I camped in the village of Arembepe enjoying the foreign music to the Um
city, Blitz, Paralamas and other intruders. An interesting thing was that my origin from São Paulo caused est
strangeness, people over there only knew white people from São Paulo. I made good friendships, figured my est
myths, met the postcards and gained a little bit of intimity with the people that welcomed me very well. Have no vis
money in the first week put me in the lap of charity and the affection of Bahia. I called home to ask for money that fur
I only used in the return, I spent my vacation on the other's bills. Never stopped been Bahian. pe
Nu
I came back many times, but after my incident in 1991, that got me tetraplegic, I lost the interest. In wheelchairs,
I could not go almost anywhere, I went, but carried all the time. Vo
de
In the militancy for the civil rights of people with disabilities I participated on the foundation of Centro de Vida
Independente Araci Nallin side by side with emblematic figures as Alexandre Baroni, Lia Crespo, Romeu Sassaki, Na
Ana Rita de Paula and others. The law achivements in this 20 years where many, but between the militants no de
one believed that it would be implemented, that we would desfruit of a inclusive society in this life. Rit
nin
It is a miracle that, in one life, we participated on a revolution and we enjoyed the good results, accessible public
da
transportation is a reality, the investiments in sports and education are perceptible, entering a restaurant or in the
movies became a commonplace. We meet each other on the streets, we are no longer invisible. Ac
fru
Coming back to Pelourinho this year, visiting the place not carried around, having the opportunity to enter in Casa
ed
de Jorge Amado Foundation and having lunch there was the same feeling of meeting Bahia for the first time, I
en
enjoyed the affection and cosiness.
Ter
Congratulations to my friend Alexandre Baroni that, on the front of Superintendência dos Direitos da Pessoa com
Fu
Deficiência – SUDEF, has been making autonomy and the consolidation of the Movement of Independent Life
me
come true. I thank them for giving me back the plesure to move around Pelô.
Pa
–S
Marco Antonio Pellegrini me

LIVRO PELOURINHO.indd 56 17/12/2013 12:36:34


57
us “Conheci Salvador na década de 1980. Eu tinha grande curiosidade e nutria uma admiração que só pode ser
ed explicada pela óbvia herança genética. Naquela época a distância era maior, a ligação telefônica era caríssima
at e o e-mail ainda era a carta selada. Isto construía um mito a respeito de todo local distante, era a história contada
ful verbalmente pelos migrantes e turistas que prevaleciam. Na minha imaginação era a capital da música, predomi-
nantemente negra, dos trios elétricos e das praias maravilhosas.

he Um festival de música foi a boa oportunidade, fiquei acampado na aldeia de Arembepe curtindo música
ed estrangeira à cidade, Blitz, Paralamas e outros invasores. Interessante que a minha origem paulista causava
my estranheza, o povo de lá só conhecia paulistas brancos. Me misturei e fiz boas amizades, desvendei meus mitos,
no visitei os cartões postais e um pouco da intimidade das pessoas que me acolheram muito bem. Ter a carteira
at furtada na primeira semana colocou-me no colo da solidariedade e carinho dos baianos. Liguei para casa
pedindo que me enviassem dinheiro que só busquei no momento de retorno, passei as férias na conta alheia.
Nunca mais deixei de ser baiano.
rs,
Voltei muitas vezes, mas após meu incidente em 1991, que me deixou tetraplégico, perdi o gosto. Em cadeiras
de rodas não conseguia ir a quase lugar nenhum, fui, mas era um sufoco ser carregado o tempo todo.
da
ki, Na militância pelos direitos civis das pessoas com deficiência participei da fundação do Centro de Vida Indepen-
no dente Araci Nallin ao lado de figuras emblemáticas como o Alexandre Baroni, Lia Crespo, Romeu Sassaki, Ana
Rita de Paula e outros. As conquistas de lei nestes mais de 20 anos foram muitas, mas entre os militantes
ninguém acreditava que de fato fossem ser implementadas, que desfrutaríamos, ainda nessa vida, de uma socie-
lic
dade mais inclusiva.
he
Acontece que em uma espécie de milagre em uma mesma vida participamos de uma revolução e estamos usu-
fruindo dos bons resultados, o transporte público acessível já é uma realidade, os investimentos no esporte e
sa
educação são perceptíveis, entrar em um restaurante ou no cinema passou a ser corriqueiro. Estamos nos
,I
encontrando nas ruas, saímos da invisibilidade.

Ter esse ano voltado ao Pelourinho, circulado sem precisar ser carregado tendo a oportunidade de entrar na
m
Fundação Casa de Jorge Amado e almoçar por ali foi a mesma sensação de chegar pela primeira vez na Bahia,
fe
me misturei e curti o carinho e aconchego.

Parabéns ao amigo Alexandre Baroni que a frente da Superintendência dos Direitos da Pessoa com Deficiência
– SUDEF vem tornando realidade a autonomia e consolidando o Movimento de Vida Independente. Agradeço ter
ni me devolvido o prazer de circular pelo Pelô.”

Marco Antonio Pellegrini

LIVRO PELOURINHO.indd 57 17/12/2013 12:36:35


58 “Clear affernoon in Salvador and an animadoluch with fricudis. After that we we would visit the historic witer of the “Ta
city wich priscrers the origin of Brasil. his

It would not be a roteiro médito to me that had been in tow before for job and leisure. Mowever, I had runned it all Nã
as a citizens from Rio de Janeiro, but I had became a Salvador 's atizen by generanty os a land where i have dear tur
friends and job panthers. My nice is to increase the contact with the city and the characters of Bahia's lifractive. ero
com
The mertation to come back to the historic witer merprised me and the expectation was huge the start pint was
the cruzeiro and in a few me thers from the São Francisco lunrch. The technical tcaam os the start O
superintendence would show us the criative solutions. cru
mo
It is important to remember that people in anhee aplied chairs and friquently denies to adaptation by the public
organs responsable for the preservation os historic neripage, though, had met historic places outsid the country Ép
known that there cities and people with reduced mobility. tes
his
We went down the acessible sidwalks and crassings whid soon be came secondary, because what high lights is
san
the calonial enviroment and we fell like we were in Brasil in XVI centary. The witcrmention was, so swtix and high
quality that desapears bitweers the stones withant affecting theen. The shoke slittle and and does not bother who Fo
wants to move with manual or motuarised whellduail. It is really good to know that the comcuption of acess and éo
cultural rights to all has arrived in Bahia. pa
cad
In the middle of the slope we saw a group of kids in a cultural excursion organized by some scool. It would not be
tod
inuseal except for true presence of three disabled students in their adapted wellchaims. We stopped to met this
students and enjoy a litle be 7 wore of this unescpected and eciting sifration. No
col
To those who pelang to the socio political movement of desabled people thet meeting meant a lot. The acessible
de
patu made possible not only the trip but our meeting with the students of air inclusive school in the historic center
ine
os Salvador. The experience of freendom and equality made me want to come back realy soon t meet a lot more
acessible spaces in Bahia. Congratolations to all.” Pa
O
Izabel Maior
cen
mu

LIVRO PELOURINHO.indd 58 17/12/2013 12:36:49


59
he “Tarde clara em Salvador e um animado almoço com amigos. Logo depois iríamos fazer uma visita ao centro
histórico da cidade que guarda a essência da origem da Brasil.

all Não seria exatamente um roteiro inédito para mim que estive na cidade outras vezes a trabalho e também como
ar turista. Entretanto,, antes havia percorrido tudo como carioca e agora me tornara cidadã soteropolitana por gen-
. erosidade de uma terra onde tenho queridos amigos e parceiros de trabalho Minha vontade é aumentar o contato
com a cidade e os personagens que povoam a literatura baiana.
as
art O convite para voltar ao centro histórico me surpreendeu e a expectativa era grande. O ponto de início foi o
cruzeiro a poucos metros da Igreja de São Francisco. A equipe técnica da superintendência estadual iria nos
mostrar as soluções criativas realizadas.
lic
ry É preciso lembrar que cadeirantes e pedras coloniais não costumam conviver bem. A barreira vem das constan-
tes negativas de adaptação por parte dos órgãos públicos responsáveis pela preservação do patrimônio
histórico. Entretanto, quem já conheceu locais históricos fora do país sabe que há muitos recursos capazes de
is
sanar os conflitos de compatibilidade entre cidades tombadas e visitantes com mobilidade reduzida.
gh
ho Fomos descendo por calçadas e travessias acessíveis que logo se tornaram secundários, pois o que sobressai
nd é o ambiente colonial e nos sentimos no Brasil do século XVI. A intervenção foi tão sutil e de qualidade que desa-
parece entre as pedras sem afetá-las. A trepidação é pequena e não incomoda quem quer passar com sua
cadeira de rodas manual ou motorizada. É muito bom saber que a concepção de acesso e direito cultural para
be
todos chegou à Bahia.
his
No meio da ladeira nos deparamos com um grupo de crianças em uma excursão cultural organizada por seu
colégio. Não seria na incomum se não fosse pela presença de três estudantes com deficiência em suas cadeiras
le
de rodas adaptadas. Paramos para conhecer melhor aqueles alunos e aproveitar um pouco mais da situação
er
inesperada e emocionante.
re
Para quem pertence ao movimento sociopolítico das pessoas com deficiência aquele encontro significou muito.
O trajeto acessível propiciou tanto o passeio quanto nosso encontro com alunos de uma escola inclusiva no
or
centro histórico de Salvador. A experiência de liberdade e igualdade me faz querer voltar logo para conhecer
muito mais ambientes acessíveis na Bahia. Congratulações a todos”.

Izabel Maior

LIVRO PELOURINHO.indd 59 17/12/2013 12:36:49


60 “I have to congralate the team os Secretaria da Justiça Cidadania e Direitos Humanos - SJCDH. It is work to “Só
remenber that there were many solutions for acessibility in CHS before, that hever came true, and correctey qu
reproved by IPHAN. raz

In the beggining, when the idea resurged, I was affrand that it would be another proposal that a negative impact No
to this place. Ho never, to bring the proposed intervention resumbled wifw the pre-existend, it was like the pave- pa
ment of the houses were always there, really imperceptible. Golpe de Mestre nevertheless, the biggest reward, to cas
me, was the nices and the jay of child stamped in the Superintended when circlud for the first the with acessible mim
route, this moment made all the work, rework, disasnon, presneres, negative critcs dir the city newspapers and all vez
the battle to show that this actran was worthy.” crí

Etelvina Rebouças

“The execution of the architectural project of accessibility accomplished in Pelourinho and its surroundings, in “A
Salvador/BA, is the unquestionable proof of the validity of the inclusive thesis which says it is indispensable that Sa
places visited by the general public must be changed into accessible spaces for people with disabilities or reduced os
mobility (elderly people, pregnant women and people with lap children), even if there is restrictions traditionaly mo
determined when they are located in steep places and be considered untouchable heritage (which, in that case, me
should be transformed without been changed and demaged). The secret to succes is political will.” pa
fica
Romeu Kazumi Sassaki

“One day, as a good person born in Minas Gerais, I crossed, in slow steps, with my walker and the sun of Salva-
dor, a square crowded and rich of life of Bahia people. I returned to search for the land of Gregório de Matos, of "Um
Jorge Amados, of Zélias and of Castros Alves, top of Brazilian culture. I was happy to see how it is possible to take er
accessibility as far as culture is rooted. I went to see the removal of centenary barriers, stone by stone, that had Ca
been in the way of people with disabilities. The Pelourinho way now has another conquered path, and the word on
inaccessible has been modified... The stones are respected and, as S. Freud used to say, they talk, because they est
bring a new history to be known for all, and there we should include accessibility as an indispensable way to com
unable people with walkers,like me, could cross over this barriers.The job done until now already deserves praise. com
The other barriers that could reach Pelourinho will definitely be removed in the city of Salvador and the Bahia ace
State. Congratulations on your performance and determination, and on the political will of Secretaria de Justiça, sar
Cidadania e Direitos Humanos do Estado da Bahia...” Pe
Jorge Márcio Pereira de Andrade em
do

LIVRO PELOURINHO.indd 60 17/12/2013 12:37:11


61
to “Só tenho a parabenizar a equipe da Secretaria da Justiça Cidadania e Direitos Humanos. Vale a pena lembrar
ey que houveram anteriormente várias idéias proposta para acessibilidade no CHS, que não vingaram, e com
razão sempre foram reprovadas pelo IPHAN.

act No princípio quando ressurgiu a idéia, tive receio de ser mais uma proposta que trouxesse impacto negativo
e- para o local, entretanto a intervenção proposta mimetizou-se com a pré existência, foi como se os passeios das
to casas sempre estivessem no local, realmente imperceptível. Golpe de Mestre!, porém a maior recompensa,para
ble mim, foi o sorriso e a alegria de criança estampada no rosto de Alexandre Baroni quando circulou pela primeira
all vez na rota de acessibilidade, esse momento fez valer a pena todo o trabalho, retrabalhos, discussões, pressões,
críticas negativas em jornais da cidade, e toda a luta para mostrar na prática que essa ação valeu a pena.”

as Etelvina Rebouças

in “A execução do projeto de acessibilidade arquitetônica realizada no Pelourinho e em seus arredores, em


hat Salvador/BA, é uma prova inquestionável da validade da tese inclusivista segundo a qual é imprescindível que
ed os locais frequentados pelo público em geral sejam tornados acessíveis para pessoas com deficiência ou com
aly mobilidade reduzida (idosos, gestantes e pessoas com criança de colo), mesmo que haja a restrição tradicional-
se, mente determinada quando eles se situarem em logradouros muito íngremes e/ou serem considerados
patrimônios históricos intocáveis (que, neste caso, devem ser acessibilizados sem ficarem desfigurados ou dani-
ficados). O segredo do sucesso é a vontade política.”
aki
Romeu Kazumi Sassaki

a-
of "Um dia, como bom mineiro, atravessei, a passos lentos, com meu andador e o sol de Salvador, uma praça cheia
ke e rica da vida baiana. Retornava à busca da terra de Gregório de Matos, dos Jorge Amados, das Zélias e dos
ad Castros Alves, ápices da cultura brasileira. Pude, me alegrar ao ver como é possível levar a acessibilidade até
rd onde a cultura se enraiza. É que fui ver o trabalho de remoção das barreiras seculares, pedra sobre pedra, que
ey estiveram assentadas no meio do caminho de pessoas com deficiência. O caminho do Pelourinho aogra já conta
to com novo trajeto conquistado, e o verbo inacessibilizar está sendo modificado... as pedras são respeitadas, e
se. como dizia S. Freud falam, pois trazem uma história a ser conhecida por todos e todas, e aí devemos incluir a
hia acessibilidade como caminho indispensável para que, pessoas como eu usando uma andador, possam ultrapas-
ça, sar essas barreiras. O trabalho até agora realizado já merece louvor. As outras barreiras que possa ir até o
Pelourinho com certeza serão removidas na cidade de Salvador e no estado da Bahia. Parabéns pelo seu
de empenho e sua determinação, e pela vontade política da Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos
do Estado da Bahia..."
Jorge Márcio Pereira de Andrade

LIVRO PELOURINHO.indd 61 17/12/2013 12:37:11


LIVRO PELOURINHO.indd 62 17/12/2013 12:37:11
LIVRO PELOURINHO.indd 63 17/12/2013 12:37:11
AC PR
A

LIVRO PELOURINHO.indd 64
SUDEFSUPERINTENDÊNCIA DOS
DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

CE
17/12/2013 12:37:28