Você está na página 1de 2

Inter-Relao da economia com as demais cincias

Em que pese recorrer de maneira crescente e sistemtica matemtica, a economia continua a ser, fundamentalmente, uma cincia social. Um fato econmico no passa de um aspecto particular de um fato social mais complexo e plural, com o qual se encontra em estreita inter-relao e dependncia. Assim, a economia diz respeito a todas as cincias sociais -- sociologia, poltica, histria etc. -- e, do mesmo modo, recebe delas numerosas contribuies tericas. Economia e Poltica Essa interdependncia secular, sendo a poltica uma arte de governar, ou exerccio do poder, natural que esse poder tenda a exercer o domnio sobre a economia. Pelas instituies, atravs do Estado, os grupos de dominao procuram interferir numa distribuio de renda que lhes seja conveniente. Economia e Histria Os sistemas econmicos por si s esto condicionados evoluo histrica da civilizao. As idias que constituem as teorias so formuladas num contexto histrico onde as atividades e as instituies econmicas so desenvolvidas. A pesquisa emprica sobre os fatos econmicos desenvolvida com base no registro histrico das informaes sobre a realidade que se prope a analisar. Economia e Geografia A geografia interfere no desempenho das atividades econmicas, por meio de acidentes geogrficos assim, como as divises regionais so utilizadas para estudar as questes ligadas aos diferenciais de distribuio de renda, de recursos produtivos, de localizao de empresas, dos efeitos da poluio sobre o meio ambiente, dos custos de transporte, das economias de aglomerao urbana, entre outras. Economia e Sociologia Quando a poltica econmica visa atingir certas classes sociais, ela interfere diretamente no objeto da sociologia, isto , a dinmica da mobilidade social entre as diversas classes de renda. Economia, Matemtica e Estatstica A economia se utiliza tambm da lgica matemtica e das probabilidades estatsticas. Muitas relaes de comportamento econmico podem ser expressas por funes matemticas, por exemplo, a quantidade demandada Q por um indivduo uma funo linear da renda disponvel R, do preo do bem P, dos preos do substituto S e do complementar C.

Fontes: http://professoragiuliana.blogspot.com.br/2011/03/autonomia-e-interrelacao-com-as-demais.html http://www.sosestudante.com/historia/economia.html