P. 1
IMPORTÂNCIA ECOLÓGICA E ECONÔMICA DAS BACTÉRIAS

IMPORTÂNCIA ECOLÓGICA E ECONÔMICA DAS BACTÉRIAS

|Views: 1.698|Likes:
Publicado porMillene Ramos

More info:

Published by: Millene Ramos on Jun 10, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/24/2013

pdf

text

original

Colégio Alfredo Dantas Campina Grande – PB Aluna: Emillyn Secília Silva do Nacimento Nº 14 - 2º ano D – EM - Manhã

IMPORTÂNCIA ECOLÓGICA E ECONÔMICA DAS BACTÉRIAS AS BACTÉRIAS COMO DECOMPOSITORES Os cadáveres dos organismos mortos, assim como os resíduos eliminados por seres vivos (fezes, urina etc), apodrecem e desaparecem rapidamente do ambiente graças à ação de certas bactérias e fungos, genericamente denominados decompositores. Esses organismos degradam a matéria orgânica sem vida, decompondo suas moléculas em substâncias mais simples, que são liberadas no ambiente e podem ser reutilizadas por outros seres. A atividade dos decompositores é essencial à manutenção da vida na Terra, pois esta depende da contínua reciclagem de elementos químicos entre os componentes físicos e biológicos da natureza.

BACTÉRIAS E BIOTECNOLOGIA Embora os microorganismos tenham sido descobertos apenas no século XVII, o homem já os utilizava desde a Antiguidade na produção de alimentos. A indústria de derivados de leite, por exemplo, há séculos se utiliza das bactérias dos gêneros Lactobacillus e Streptococcus para a produção de queijos, iogurtes e requeijões. Na produção de vinagre, são utilizadas bactérias do gênero Acetobacter, que convertem o álcool do vinho em ácido acético. Bactérias do gênero Corynebacterium têm sido utilizadas para a produção do ácido glutâmico (um aminoácido) em larga escala. Esse aminoácido é utilizado em temperos, tendo a propriedade de intensificar o sabor dos alimentos. Hoje, as bactérias também têm sido muito empregadas na indústria farmacêutica para a produção de antibióticos e vitaminas. O antibiótico neomicina, por exemplo, é produzido por uma bactéria do gênero Streptomyces. A indústria química também se utiliza de bactérias para a produção de substâncias como o metanol, o butanol, a acetona etc. Nos grandes centros urbanos, bactérias decompositoras ganham cada vez mais destaque, sendo utilizadas na degradação de matéria orgânica dos esgotos domésticos e do lixo. A tecnologia do DNA recombinante, também chamada Engenharia Genética, tem permitido modificar geneticamente certas bactérias, fazendo-as produzir substâncias de interesse comercial. Já se encontra disponível no comércio hormônio de crescimento e insulina humanos, produzidos por bactérias geneticamente transformadas.

BACTÉRIAS E FERTILIZAÇÃO DO SOLO A maior parte dos átomos de nitrogênio que os seres vivos utilizam em suas proteínas, ácidos nucléicos e outras moléculas, orgânicas importantes é originalmente introduzida no mundo vivo por bactérias. Isso porque certas espécies de bactérias e cianobactérias são os únicos seres capazes de extrair nitrogênio da atmosfera, que é o grande reservatório natural desse elemento. As bactérias capazes de extrair nitrogênio do ar vivem no solo e são denominadas bactérias

fixadoras de nitrogênio. infecção no ouvido médio.causa septicemia e infecção do trato urinário.  Mycobacterium tuberculosis .  Shigella dysenteria . elas fixam o nitrogênio da atmosfera na forma de nitratos.  Enterococcus faecalis . e as doenças associadas a cada uma dela:  Streptococcus pneumoniae .causa septicemia em pacientes com o sistema imune comprometido. como é o caso do amarelinho (Xylella fastidiosa). pneumonia e meningite. IMPORTANCIA DAS BACTERIAS NA ECOLOGIA As bactérias possuem grande importância ecológica. Linhagens resistentes podem levar a epidemias e algumas podem ser tratadas apenas com medicamentos muito caros (fluoroquinolonas).  Neisseria gonorrhoeae . a resistência às drogas limita o seu tratamento principalmente à cefalosporina. A Escherichia coli é um importante componente da nossa microbiota intestinal. Elas incorporam o nitrogênio molecular (N2). Algumas linhagens tem se mostrado muito resistentes a vários antibióticos. finalmente a tetania. infecção do ouvido e meningite principalmente em crianças. produção de toxina. Abaixo algumas das bactérias mais nocivas ao homem. e.causa disenteria (diarréia sangrenta). De outra maneira as bactérias podem causar grandes prejuízos econômicos. Geralmente estão associados a intoxicações por ingestão de palmitos contaminados e podem levar a óbito. principalmente em pessoas com fibrose cística ou com o sistema imune comprometido. Ao morrer. como na indústria de laticínios e na indústria farmacêutica que utiliza bactérias para fabricar antibióticos específicos. diarréia e falência dos rins. principalmente nas vias urinárias. Algumas linhagens ultra resistentes não podem ser tratadas com drogas. que passa a fazer parte das substâncias orgânicas de suas células. infecção nas vias respiratórias e pneumonia.causa septicemia. que provoca o tétano (Clostridium tetani).causa pneumonia.causa infecção do trato urinário. e infecção das vias respiratórias nos pacientes com o sistema imune comprometido.  Haemophilus influenzae . Algumas linhagens são ultra resistentes. que ataca a lavoura da laranja. no entanto. É desse grupo também o produtor da toxina tetânica.causa gonorréia.  Pseudomonas aeruginosa . as bactérias fixadoras liberam o nitrogênio na forma de amônia (NH3). fora do intestino pode causar importantes e graves infecções.  Acinetobacter . . Algumas linhagens super resistentes não podem ser tratadas com drogas. Mas talvez a maior importância das bactérias seja o fato delas serem parasitas humanos. Assim temos o gênero Clostridium que além de esporulado é aneróbio e um potente produtor de toxinas muito prejudiciais ao homem.causa septicemia e pneumonia.  Staphylococcus aureus . em função da ação neurotóxica de suas toxinas.causa tuberculose. Algumas linhagens ultra resistentes não podem ser tratadas com drogas. Seus esporos podem estar presentes em alimentos e resistir a processos de descontaminação podendo causar graves intoxicações como o botulismo (agente Clostridium botulinum). infecção do sangue. levando a infecções muito graves.causa septicemia.  Escherichia coli . levando a germinação. e as bactérias desnitrificantes que devolvem o nitrogênio dos nitratos e da amônia para a atmosfera. As bactérias também são úteis para o homem. O esporo contamina o ferimento profundo que ao fechar gera uma atmosfera com baixa tensão de oxigênio.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->