Você está na página 1de 9

Procuradoria-Geral de Justiça

PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS


29 de novembro de 2015

CADERNO DE PROVAS - Psicologia


• Para cada questão existe apenas uma resposta correta.
• A resposta deve ser marcada no CARTÃO RESPOSTAS que será entregue a você.
• Leia atentamente as instruções presentes no CARTÃO DE RESPOSTAS.
• A marcação de mais de uma alternativa no CARTÃO DE RESPOSTAS implicará a
anulação da questão.
• A prova terá duração de 3 (três) horas.
• Ao terminar a prova, entregue o CADERNO DE PROVAS e o CARTÃO DE RESPOS-
TAS ao FISCAL da sala.
• Você só poderá ausentar-se do local de provas portando este CADERNO DE PRO-
VAS durante os 30 (trinta) minutos finais de aplicação.

IMPORTANTE

Em hipótese alguma será permitida qualquer tipo de consulta, seja em folhetos,


apostilas ou meios eletrônicos, como celulares, rádio, etc.

1
PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS 2015
LÍNGUA PORTUGUESA

Nossas futilidades a obrigação de nos preocupar o tempo inteiro só com


o divino e o absoluto. Na época, alguém deveria ter
Contardo Calligaris dito a São Paulo: “Get a life”, vá viver sua vida, que é
(psicanalista e doutor em psicologia clínica) melhor...
No dia do enterro de meu avô, que eu adora-
Hoje à noite, viajo a Nova York para estar va, voltando do cemitério, meus sobrinhos e eu (todos
na entrega dos prêmios do Emmy International, que pré-adolescentes) fomos despachados para o cinema
acontece na segunda (23). O seriado “Psi”, que criei perto de casa. Eu hesitei. Como assim, ir ao cinema
para o canal HBO (com equipes e colaboradores mui- depois do funeral? Meu pai me lembrou que o avô era
tas vezes extraordinários), é um dos indicados ao quem mais me levava ao cinema: assistir a um filme
prêmio de melhor série dramática. Emilio de Mello, o naquele dia talvez fosse o melhor jeito de honrar sua
protagonista, é indicado ao prêmio de melhor ator de memória.
série dramática. Pois bem, no ataque contra Paris, os lugares
Agora mesmo, pensando na viagem, sou toma- escolhidos foram cafés, restaurantes, um show de
do por uma sensação de futilidade –como quando le- rock (todos num bairro boêmio) e um estádio de fute-
mos, no jornal, uma notícia atroz e enxergamos, logo bol: são lugares de prazer – de futilidade, não é?
embaixo, a propaganda de uma bolsa, de um relógio Os jihadistas atacam em nós o que mais os
ou de um cruzeiro. Estarei num jantar de gala, que seduz. O que eles odeiam são os atos e os pensamen-
celebra o entretenimento, enquanto, por exemplo, o tos que eles precisam destruir dentro de si. Os mortos
Exército Islâmico escraviza as mulheres do povo yazi- de Paris, para os jihadistas, não são pessoas (sequer
di do Curdistão ou, então, massacra jovens sentados “infiéis”): eles são os representantes de suas próprias
num café ou numa casa de show de Paris. tentações internas. Como sempre, os moralistas per-
Justamente, os jihadistas do Estado Islâmico seguem (e até exterminam) seus próprios desejos re-
nos desprezam porque, aos olhos deles, somos todos beldes.
fúteis. O bizarro é que nós possamos, de uma certa Esse, aliás, é o ponto de partida para enten-
forma, concordar com eles, ou seja, menosprezar nos- der os jovens ocidentais que se alistam no Exército
sa própria cultura e sua aparente “futilidade”. Islâmico. Como ocidentais, aprenderam a se odiar por
Um romance, um seriado, um namoro no bar serem “fúteis” e “hedonistas”. Eles apenas transfor-
ou um show de metal talvez sejam menos fúteis do mam o ódio de si mesmos em ódio da gente.
que um ritual religioso qualquer. Mas nem deveríamos O que fazer para que as coisas mudem? Talvez
querer justificar nossas diversões, nossa liberdade e fosse a hora de sermos menos inimigos de nós mes-
nosso prazer de viver. mos. Ou seja, a hora de pensar que nossa grandeza
No campo cristão, São Paulo (não a cidade, está no fato de que gostamos do mundo onde vivemos.
que é ótima, mas o autoproclamado apóstolo) é quem E podemos defender com orgulho não tanto nossas re-
engajou o cristianismo numa cruzada contra a futili- ligiões ou grandes ideias, mas o que somos de melhor,
dade e o prazer. sem ironia: uma saída para escutar uma banda legal,
Claro, Paulo fez que o cristianismo fosse uma papo furado entre amigos à mesa de um café na rua e,
religião universal, ótima para a diversidade do Impé- às vezes, uns beijos escondidos na porta de um prédio
rio Romano, e ótima para a cultura moderna. O filóso- da rua de Charonne. Ou de qualquer rua de nossas
fo Alain Badiou, em “São Paulo – A Fundação do Uni- cidades.
versalismo” (Boitempo, 2009), é convincente: Paulo
fundou uma religião que podia ser universal porque [FONTE: http://www1.folha.uol.com.br/colunas/
não era mais a verdade exclusiva de um povo, de uma contardocalligaris/2015/11/1708040-nossas-futilida-
cidade, de um território ou de uma classe social. des.shtml]
Mas isso não me basta para gostar dele. Fico
com Nietzsche, achando que Paulo odiava o humano
nele mesmo e propôs o mesmo ódio aos cristãos da 1. Observe os itens a seguir e marque a opção correta:
época e do futuro. Vou ser irreverente (é um bom dia
para o espírito de “Charlie Hebdo”): Paulo inaugurou I. Segundo o autor, no campo cristão, São Paulo é o
o mecanismo projetivo quando caiu do cavalo e, para responsável por podermos sentir culpa ao aproveitar o
não admitir sua imperícia como cavaleiro, achou que prazer e a futilidade.
Deus o tinha jogado no chão para convertê-lo.
Ele continuou no mecanismo projetivo: inventou um II. Segundo o autor, os jihadistas do Estado Islâmico
cristianismo sombrio na ilusão de que, perseguindo os não queriam apenas matar pessoas em Paris, mas ani-
“pecadores”, ele conseguiria controlar seus desejos quilar o modo de agir e pensar dos franceses, pois
carnais. representam suas próprias tentações internas.
Resultado: para nós, o prazer e a futilidade
são sempre um pouco culpados, como se tivéssemos III. Segundo o autor, os jihadistas são a consequência

2
MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO PIAUÍ
da fundação do cristianismo feita por São Paulo. únicas músicas.

IV. Segundo o autor, gostar do mundo em que vivemos, a) A vírgula foi usada adequadamente em I, II e III.
com seus prazeres e futilidades, é nossa grandeza. b) A vírgula não foi usada adequadamente em II e III.
c) A vírgula não foi usada adequadamente apenas em
a) Todos os itens são verdadeiros. III.
b) Apenas III é falso. d) A vírgula não foi usada adequadamente em I, II e III.
c) Apenas I e III são falsos. e) A vírgula não foi usada adequadamente apenas em
d) I, II e III são verdadeiros. I.
e) Nenhum item é verdadeiro.

5. Observe:
2. Analise os itens abaixo sobre vocábulos tirados do
texto e assinale a opção correta: I. Daniel, meu amor, eu enviei um e-mail. As fotogra-
fias estão ...... .
I. As palavras “relógio” e “apóstolo” são acentuadas II. Seguem ......... as músicas do violonista Josué Cos-
pela mesma regra. ta que prometi.
II. As palavras “tivéssemos” e “época” não são acen- III. Vamos abandonar essas frituras e comer algo com
tuadas pela mesma regra. ....... calorias.
III. As palavras “memórias”, “próprias” e “ódio” são
acentuadas pela mesma regra.
A opção que completa adequadamente a sequência é:
a) Todos os itens são verdadeiros.
b) Apenas III é falso. a) em anexo – anexas – menos.
c) Apenas I e II são verdadeiros. b) em anexo – anexos – menas.
d) Apenas I é falso. c) em anexos – anexos – menos.
e) Apenas III é verdadeiro. d) em anexo – anexas – menas.
e) em anexos – anexos – menas.

3. Considere as opções a seguir e marque a correta:


6. Observe os itens abaixo:
a) Na frase “Ela ajeitará hoje; você, amanhã”, a vír-
gula foi usada inadequadamente. A gramática norma- I. As exibições custavam caro.
tiza a explicitação do verbo “ajeitará” na segunda II. A cortina, meia aberta, deixava ver o casal namo-
parte da frase. rando.
III. Ela falava ser boa delegada porque conhecia bas-
b) Para separar núcleos do sujeito composto, a vírgula tantes mulheres.
não é usada. Exemplo: “Os parques as lanchonetes os
bares foram fechados no dia de finados”. a) apenas I está escrito adequadamente.
b) apenas II está escrito inadequadamente.
c) A maioria das portarias é escrita de forma inade- c) apenas II e III estão escritos adequadamente.
quada. Poucos sabem que a vírgula, usada em datas, d) nenhum item está escrito adequadamente.
não separa o lugar. Exemplo: “Teresina 15 de agosto e) apenas I e II estão escritas inadequadamente.
de 1982”.

d) O uso da vírgula não é obrigatório se as conjunções 7. Observe os itens a seguir:


“e”, “ou” e “nem” estiverem repetidas e ligar termos
na frase. Exemplo: “Tarciana queria fazer alguma coi- I. Na frase “Quando ele estudar o feminismo, não dirá
sa: ou mentir ou esconder ou desmaiar”. essas bobagens”, o verbo destacado está no indicati-
vo, pois expressa uma dúvida.
e) Na frase “Ela é uma pessoa pequena eu não”, é II. É errado afirmar que o modo verbal subjuntivo in-
facultativo o uso da vírgula porque o final da frase dica uma certeza. Exemplo: “Se nós apoiássemos os
“eu não” é curto. Isso também acotnece com alguns movimentos sociais, as desigualdades diminuiriam.”
advérbios de tempo. Exemplo: “Hoje não estou bem”. III. Na frase “Nós devemos respeitar a identidade de
gênero e a orientação sexual de todas as pessoas”, o
verbo destacado está no indicativo, pois expressa uma
04. Observe os trechos abaixo e marque a opção cor- certeza.
reta:
a) Apenas I é falso.
I. James demoradamente, abraçava, Mauro na recep- b) Apenas II é falso.
ção. c) Apenas III é falso.
II. Piauí, terra do sol, é um estado de bons poetas. d) Apenas I e II são falsos.
III. O grupo tocou seus sucessos, ou melhor, suas duas e) Todos os itens são falsos.

3
PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS 2015
8. Julgue os itens abaixo e marque a opção correta:
NOÇÕES DE INFORMÁTICA
I. Com o Novo Acordo Ortográfico, deixaram de exis-
tir os acentos nos ditongos abertos das palavras pa-
roxítonas. Os vocábulos “estréia”, “paranóia”, “as-
sembléia” devem ser escritos “estreia”, “paranoia”,
“assembleia”. 11. No disco rígido (HD) de um computador que utiliza
o Windows 7, podem ser criadas pastas para armaze-
II. O Novo Acordo Ortográfico não mudou as regras nar e organizar arquivos. Estas pastas podem
para o uso do trema. Continuará sendo usado na lín- a) conter arquivos, mas não outras pastas.
gua portuguesa. b) ser excluídas, mas nesse caso, não são enviadas
para a lixeira.
III. Quanto ao uso do acento diferencial, com o Novo c) conter qualquer tipo de software, exceto sistemas
Acordo Ortográfico, continuam existindo nas palavras operacionais.
“pôde” (do verbo poder no passado), para se diferen- d) ter um nome composto por qualquer caractere dis-
ciar de pode (usado no presente), e “pôr” (verbo), ponível no teclado. 
para se diferenciar da preposição por. e) ser copiadas ou movidas para outros dispositivos,
como pen drives.
a) Apenas I é falso.
b) Apenas II é falso. 12. Nos navegadores (browser) de internet típicos,
c) Apenas III é falso. quando são acessados alguns sites específicos, é apre-
d) Apenas I e II são falsos. sentado um ícone com um cadeado junto à Barra de
e) Todos os itens são falsos. endereços do navegador. A apresentação desse cade-
ado indica que

9. Analise os itens a seguir e marque a opção correta: a) o conteúdo do site acessado é livre de vírus.
b) há a necessidade de possuir uma senha para acessar
I. Quanto ao emprego do hífen na Nova Ortografia, es- o conteúdo do site.
tas palavras estão escritas incorretamente: “co-her- c) o conteúdo do site tem acesso privado.
deiro”, “anteontem”, “sobre-humano”, “subumano”. d) a conexão do navegador com o site é segura.
e) o site apresenta restrição de acesso.
II. Com o prefixo “vice”, usa-se sempre o hífen: “vive-
versa”, “vice-almirante”, etc. 13. Cada arquivo criado nos pacotes office, tais como
Microsoft Office e LibreOffice, sempre são salvos com
III. Não se usa hífen quando o prefixo termina em vol- extensões. Relacione as extensões da coluna da es-
gal e o segundo elemento começa por “r” ou “s”: “ul- querda com o seu respectivo aplicativo da coluna da
trassom”, “contrarregra”, “minissaia”. direita: 
(1) .ods             (A) Writer
a) Todos os itens são verdadeiros. (2) .docx           (B) Word
b) Todos os itens são falsos. (3) .odt             (C) Calc
c) Apenas I é falso. (4) .odp          (D) Impress
d) Apenas II é verdadeiro. (5) .xlsx           (E) Excel 
e) Apenas III é verdadeiro. Marque a alternativa em que está correta a relação: 
a) 1A, 2B, 3C, 4D, 5E 
b) 1C, 2B, 3A, 4D, 5E
10. Observe: c) 1E, 2B, 3A, 4D, 5C 
d) 1C, 2A, 3B, 4E, 5D 
I. Buscando melhoria salarial, o professor apresentou e) 1B, 2A, 3C, 4E, 5D 
argumento e emoção justos.
II. Quando terminou a palestra, a travesti agradeceu: 14. A utilização de teclas de atalho pode facilitar a re-
muito obrigada. alização de diversas operações. Dentro das ferramen-
III. A ativista ambiental estava meia preocupada com tas do Microsoft Office, um conjunto bem definido de
a poluição no Rio Parnaíba. atalhos foi criado, culminando nos seguintes códigos:
1) ctrl + C.
Quanto ao emprego da concordância nos itens acima, 2) ctrl + V.
marque a opção certa: 3) ctrl + L.
4) ctrl + A.
a) Apenas I e III estão corretas.
b) Nenhum item está correto. A partir disso, assinale a alternativa que contempla,
c) Apenas II está incorreto. corretamente, na ordem, as operações que serão rea-
d) I, II e III estão corretos. lizados com os atalhos:  
e) Apenas III está incorreto.
a) 1-copiar, 2-recortar, 3-ler, 4-selecionar tudo.  

4
MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO PIAUÍ
b) 1-colar, 2-localizar, 3-ligar, 4-abrir.   a) escolher o Corregedor Geral do Ministério Público.
c) 1-colar, 2-copiar, 3-encaminhar, 4-abortar.   b) destituir o Corregedor Geral do Ministério Público
d) 1-copiar, 2-colar, 3-localizar, 4-selecionar tudo.   em caso de abuso de poder, conduta incompatível ou
e) 1-copiar, 2-cortar, 3-localizar, 4-selecionar tudo. grave omissão nos deveres do cargo, assegurada am-
pla defesa.
15. Thiago, do setor de Comunicação Social, quer c) decidir o processo administrativo disciplinar quan-
enviar um e-mail para um numeroso grupo de pesso- do o acusado for Promotor de Justiça e o relatório da
as, mas não quer que seus destinatários saibam para Comissão Processante concluir pela aplicação das pe-
quem esse e-mail está sendo enviado. Uma opção rá- nas de admoestação verbal, advertência ou censura.
pida e prática para Thiago nesse caso é: d) aprovar o quadro geral de antiguidade do Ministério
Público e decidir sobre reclamações formuladas a esse
a) colocar todos os destinatários como Cco; respeito.
b) colocar todos os destinatários como Cc; e) decidir sobre reingresso de membros do Ministério
c) enviar os e-mails um a um; Público.
d) usar pseudônimos de e-mail;
e) criptografar as mensagens de e-mail. 19. Conforme as disposições da Lei nº 8.625/93 (Lei
Orgânica Nacional do Ministério Público), é um dever
do membro do Ministério Público:

a) fiscalizar diariamente o conteúdo de acesso da in-


LEGISLAÇÃO DO ternet pelo estagiário.
b) exercer a advocacia em favor dos hipossuficientes e
MINISTÉRIO PÚBLICO excluídos socialmente.
c) requerer judicialmente o arquivamento de um in-
quérito policial quando houver determinação expres-
sa nesse sentido por parte do Procurador-Geral de
16. Analise as afirmações abaixo: Justiça.
d) acatar, no plano administrativo, as decisões dos ór-
I - O Ministério Público é instituição permanente, es- gãos da Administração Superior do Ministério Público.
sencial à função jurisdicional do Estado, incumbin- e) cronometrar diariamente o tempo útil da jornada
do-lhe a defesa da ordem jurídica, do regime demo- de trabalho dedicado pelo estagiário ao serviço.
crático, dos interesses sociais e titularizar os direitos
individuais disponíveis. 20. Conforme as disposições da Lei Complementar es-
II - São princípios institucionais do Ministério Público a tadual nº 12/93 (Lei Orgânica do Ministério Público do
descentralidade, a indivisibilidade e a independência Estado do Piauí), o exercício da atividade de estagiá-
funcional. rio, bem como avaliação de seu
III - Ao Ministério Público é assegurado autonomia fun- aproveitamento serão regulamentadas pelo(a):
cional e administrativa.
a) Coordenadoria de Recursos Humanos.
Dentre essas afirmações marque a alternativa abaixo b) Divisão de Estagiários.
que contempla o(s) item(s), cuja afirmação esteja de c) Conselho Superior do Ministério Público, por meio
acordo com a Lei Complementar estadual nº 12/93 (Lei de deliberação de 2/3 de seus membros.
Orgânica do Ministério Público do Estado do Piauí): d) Conselho Superior do Ministério Público, por meio
de deliberação da maioria absoluta de seus membros.
a) III e) Procurador-Geral de Justiça.
b) I e III
c) II
d) II e III
e) I

17. Conforme as disposições da Lei nº 8.625/93 (Lei


Orgânica Nacional do Ministério Público), é um órgão
de execução do Ministério Público:

a) os Centros de Apoio Operacional.


b) o Conselho Superior do Ministério Público.
c) o Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional.
d) os órgãos de apoio administrativo.
e) os estagiários.

18. Conforme as disposições da Lei Complementar es-


tadual nº 12/93 (Lei Orgânica do Ministério Público do
Estado do Piauí), cabe ao Procurador-Geral de Justiça:

5
PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS 2015
CONHECIMENTO ESPECÍFICOS - PSICOLOGIA

21. A respeito do quadro de alextimia, assinale a afir- b) tempo de atendimento, demanda, idade e sexo do
mativa correta. examinando e nível cultural dos pais do examinando.
c) o solicitante, a idade e o nível cultural do avalian-
a) Nos quadros de alextimia, o problema focal é a di- do, possíveis deficiências, o momento vital, o contex-
ficuldade de identificar sentimentos e diferenciá‐los to espaço-temporal da avaliação e elementos da per-
das sensações corporais. sonalidade a investigar.
b) Não parece haver modificações significativas em d) base teórica do psicólogo, tempo de atendimento,
relação à presença deste quadro em diferentes níveis idade e sexo do avaliando, escolaridade da família e
sociais. motivo do atendimento.
c) É comparável ao conceito de pensamento operató- e) formação e linha teórica do psicólogo, sexo e ida-
rio de Christophe Dejours. de do avaliando, demanda do atendimento, aspectos
d) Na atualidade, muitos estudos estabelecem relação culturais e diagnóstico do avaliando.
entre quadros de somatizações e alextimia.
e) É comum pacientes portadores de alextimia apre- 25. Ao realizar um psicodiagnóstico, o psicólogo in-
sentarem deficiência na área cognitiva. cluiu em seu planejamento a aplicação do Inventário
de Depressão Beck (BDI), uma vez que o indivíduo ava-
22. A respeito dos distúrbios de memória que estão liado referia sintomas depressivos. Antes da aplicação
presentes em muitos quadros psicopatológicos, assi- do Inventário, o psicólogo consultou o Manual da ver-
nale a afirmativa correta. são em português das Escalas Beck e confirmou que o
BDI se tratava de uma escala de autorrelato de
a) A Síndrome de Korsakoff se caracteriza pela perda
da memória antiga, pela desorientação têmporo‐es- a) 21 itens, cada um com 4 alternativas, subentenden-
pacial e pela presença de confabulação. do graus crescentes de gravidade da depressão, com
b) No quadro de Alzheimer, o início é insidioso e a escores de 0 a 3.
evolução costuma ser rápida. b) 11 itens, cada um com 3 alternativas, subenten-
c) Os quadros depressivos apresentam, muitas vezes, dendo graus crescentes de gravidade da depressão,
comprometimento de memória que não costuma ser com escores de 0 a 10.
revertido, mesmo após o tratamento bem‐sucedido da c) 15 itens, cada um com 2 alternativas, subentenden-
depressão. do graus crescentes de gravidade da depressão, com
d) O diagnóstico diferencial da síndrome demencial escores de 0 a 8.
deve considerar os quadros de depressão, delirium e d) 8 itens, cada um com 5 alternativas, subentenden-
retardo mental. do graus crescentes de gravidade da depressão, com
e) A evolução das demências vasculares é similar à escores de 0 a 15.
evolução das demências degenerativas, como no qua- e) 10 itens, cada um com 6 alternativas, subenten-
dro de Alzheimer. dendo graus crescentes de gravidade da depressão,
com escores de 0 a 6.
23. A Escala de Inteligência Wechsler para Adultos
(WAIS III) oferece a oportunidade de se obterem me- 26. O abuso sexual contra crianças e adolescentes
didas para as seguintes escalas e índices fatoriais: pode promover danos psicológicos, físicos e sexuais
ao longo de muitos anos. Sobre o dano secundário e a
a) Atenção concentrada, habilidade manual e habili- vitimização de crianças e adolescentes que sofreram
dade digital. abuso sexual, assinale a alternativa incorreta.
b) QI Verbal, QI de Execução e QI Total.
c) Controle emocional, de agressividade e de impul- a) A estigmatização social que crianças, adolescentes
sividade. e suas famílias sofrem após a revelação do abuso pode
d) Introversão, extroversão e relacionamento inter- ser considerada um dos danos secundários da violên-
pessoal. cia sexual.
e) Memória verbal, memória auditiva e memória vi- b) O “Depoimento Sem Dano” de crianças e adoles-
sual centes vítimas de violência sexual tem como objeti-
vo minimizar a revitimização; possui respaldo ético e
24. Sobre a elaboração de uma bateria de testes para normativo do Conselho Federal de Psicologia e tem
um processo avaliativo, Arzeno caracteriza como as- sido implantado em vários estados brasileiros.
pectos importantes o fato de o psicólogo atentar para: c) Conflitos institucionais entre condenação ou absol-
vição do autor e proteção da vítima podem promover
a) demanda, frequência de encontros, elementos da a revitimização de crianças e adolescentes.
personalidade a serem investigados e o sexo do exa- d) Pode haver traumatização secundária no processo
minando. individual, quando crianças e adolescentes, por meio

6
MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO PIAUÍ
de seu comportamento sexualizado, tornam-se mais des de inclusão escolar.
vulneráveis a novas violências sexuais. c) O objetivo principal do atendimento é a remissão
e) Por vezes, as famílias das crianças e dos adoles- total dos problemas.
centes vítimas de abuso sexual podem culpabilizá-los d) O tratamento deve ter sempre estratégias e objeti-
pelas consequências da revelação, como a separação vos múltiplos, preocupando-se com a atenção integral
conjugal, a prisão do agressor, entre outros, promo- a essas crianças e adolescentes, o que envolve ações
vendo a revitimização. não somente no âmbito da clínica.
e) A participação da família é condição obrigatória
27. A Síndrome de Alienação Parental consiste num para a inclusão da criança ou adolescente.
processo em que a criança é programada para odiar
um de seus genitores. 30. Sendo a existência de equipe interprofissional de-
A respeito dos aspectos psicológicos ligados a essa sín- terminada pelo ECA – Estatuto da Criança e do Adoles-
drome, considere as afirmativas abaixo. cente – nos casos de Justiça da Infância e da Juventu-
de. É uma competência da referida equipe:
I – A criança vive um conflito de lealdade exclusiva
frente aos seus genitores. a) Conhecer as representações promovidas pelo Minis-
II – Há, por parte de um ou ambos os genitores, confu- tério Público.
são entre conjugalidade e parentalidade. b) Desenvolver trabalhos de aconselhamento, orienta-
III – A criança sofre as consequências do sentimento de ção, encaminhamento e prevenção.
vingança do ex cônjuge em relação ao outro. c) Expedir notificações.
IV – O filho reproduz com o guardião algo similar a Sín- d) Determinar acolhimento institucional, quando ne-
drome de Estocolmo, na qual o sequestrado se identi- cessário.
fica com o sequestrador. e) Substituir o conselheiro Tutelar nos casos especifi-
cados em lei.
Estão corretas as afirmações
a) I e II, apenas. 31. Assinale a alternativa incorreta.
b) I e III, apenas. a) Se o idoso ou seus familiares não possuírem condi-
c) II e III, apenas. ções econômicas de prover o seu sustento, impõe-se
d) I, II e III, apenas. ao Poder Público prover alimentos, no âmbito da as-
e) I, II, III e IV. sistência social.
b) É assegurada a atenção integral à saúde do idoso,
28. As residências terapêuticas são modalidades pro- por intermédio do Sistema Único de Saúde – SUS.
postas pela Reforma Psiquiátrica para auxiliar a rein- c) Ao idoso sob internação hospitalar ou em observa-
serção social do paciente que teve longas internações ção não é assegurado o direito a acompanhante, sen-
e não manteve laços sociais que permitam sua reinte- do avaliados critérios como idade e dependência de
gração à família. terceiros.
A esse respeito, assinale a afirmativa correta. d) A prevenção e a manutenção da saúde do idoso
serão efetivadas por meio de reabilitação orientada
a) Cada residência terapêutica não deve ter mais do pela geriatria e gerontologia, para redução das seque-
que seis participantes. las decorrentes do agravo da saúde.
b) A cada seis meses, um dos pacientes moradores da e) Ao idoso que esteja no domínio de suas faculdades
residência fica responsável pela casa, o que é decidido mentais é assegurado o direito de optar pelo trata-
pelos profissionais de saúde com os outros moradores. mento de saúde que lhe for reputado mais favorável.
c) Cada residência deve contar com profissionais de Contudo, não estando o idoso em condições de proce-
saúde, que fazem o acompanhamento terapêutico em der à opção, esta poderá ser feita pelo curador, quan-
grupo dos pacientes, bem como organizam oficinas do o idoso for interditado.
nos moldes do CAPS.
d) O processo de reabilitação psicossocial deve buscar 32. De acordo com o Estatuto da Criança e do Ado-
de modo especial a inserção do usuário na rede de lescente, o Conselho Tutelar é um órgão permanen-
serviços, organizações e relações sociais da comuni- te e autônomo, não jurisdicional, encarregado pela
dade. sociedade de zelar pelo cumprimento dos direitos da
e) O cuidador não deve ter inserção no cotidiano da criança e do adolescente. Sobre esse órgão, assinale a
casa. alterativa incorreta.

29. Para o atendimento terapêutico de crianças e ado- a) O candidato a conselheiro tutelar deve ter idade
lescentes, a rede de atenção psicossocial disponibiliza superior a 21 anos e residir no município da candida-
os CAPSI. tura.
A respeito dos CAPSI, assinale a afirmativa correta. b) Compete ao Conselho Tutelar encaminhar ao Mi-
nistério Público notícia de crime contra os direitos da
a) O atendimento realizado é destinado a crianças e criança e do adolescente.
adolescentes portadores de autismo e psicoses. c) A escolha dos membros do Conselho Tutelar ocorre-
b) Dada a gravidade dos problemas das crianças e ado- rá em data unificada em todo o território nacional a
lescentes atendidos, não há preocupação com ativida- cada 4 (quatro) anos.

7
PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS 2015
d) Compete ao Conselho Tutelar aplicar as medidas Está correto o que se afirma em:
protetivas e socioeducativas quando os direitos da a) somente III.
criança e do adolescente forem ameaçados ou viola- b) somente I e II.
dos. c) somente II e III.
e) A advertência a pais ou responsáveis da criança e d) todas.
do adolescente consiste em medida possível de ser e) nenhuma.
aplicada pelo conselheiro tutelar.
36 – A atuação dos psicólogos no Ministério Público Es-
33. O Art. 6º do Código de Ética do Psicólogo indica tadual alarga o campo de atuação da Psicologia na
que, no relacionamento com profissionais não psicólo- interface com o Direito. Dentre as possíveis modali-
gos, o psicólogo encaminhará a profissionais ou enti- dades de trabalho do psicólogo nesta instituição não
dades habilitados e qualificados demandas que extra- está correta a assertiva:
polem seu campo de atuação e
a) Atuação Preventiva: realiza palestras abordando
a) Compartilhará todas as informações para qualifi- temas relacionados à saúde física e mental e questões
car o serviço prestado, com a intenção de oferecer relacionadas ao aprimoramento pessoal e profissional.
conhecimento e interagir de forma franca e aberta b) Assessoria técnica às Promotorias: o psiscólogo é
com os demais profissionais envolvidos na demanda designado para participar da perícia do juízo para
indicada. acompanhar, analisar e criticar a perícia, auxiliar na
b) Compartilhará somente informações relevantes interpretação de laudos psicológicos para facilitar a
para qualificar o serviço prestado, resguardando o compreensão da linguagem técnica aos profissionais
caráter confidencial das comunicações, assinalando a jurídicos.
responsabilidade, de quem as receber, de preservar c) Perito Oficial: psicólogo nomeado pelo juiz através
o sigilo. da compreensão psicológica do caso, responde a uma
c) Não deverá compartilhar informações, reservando, questão legal específica, utilizando-se de instrumen-
assim, o sigilo que é exigido para sua profissão. tos e técnicas para confecção de laudo pericial.
d) Mediará, sempre que necessário, a orientação dos d) Assessoria técnica à Procuradoria: oferece suporte
demais profissionais não psicólogos visando, desta for- técnico para a avaliação psicológica dos promotores
ma, garantir a integridade do sigilo das informações. e elaboração de seu perfil profissiográfico, indicando
e) Responsabilizar-se-á por compilar todas as informa- características de personalidade importantes que de-
ções e garantir que estas sejam tratadas com o devido vem possuir aqueles que almejam ingressar na car-
sigilo, posto que a orientação do Conselho Federal de reira.
Psicologia é a de se preservar a integridade dos seres e) Assessoria ao setor de Recursos Humanos: elabo-
humanos. ra psicodiagnóstico de servidores com dificuldades de
relacionamento ou de execução de suas atividades e
34. No Manual de Elaboração de Documentos Escri- em casos em que apareçam queixas quanto ao desem-
tos produzidos pelo psicólogo (Resolução CFP no penho profissional.
007/2003) consta que o relatório ou laudo psicológico
deve conter, no mínimo, os seguintes itens: 1. Identi- 37 – Segundo o Código de Ética dos Psicólogos, é veda-
ficação; 2. Descrição do ao profissional psicólogo:

a) da demanda; 3. Procedimento; 4. Análise; 5. Con- a) Ser adepto de instituição mística – religiosa.


clusão. b) Não se importar com os erros técnicos de colegas
b) das entrevistas; 3. Processos avaliativos; 4. Discus- psicólogos.
são; 5. Análise. c) Exercer atividades sem a escolha de uma aborda-
c) de aspectos metodológicos; 3. Tarefas de avalia- gem teórica exclusiva.
ção; 4. Interpretação; 5. Parecer. d) Exercer atividades em todas as áreas de abrangên-
d) da execução; 3. Evolução; 4. Avaliação; 5. Conside- cia da Psicologia.
rações Finais. e) Trabalhar com o psicólogo fora da área de jurisdi-
e) da avaliação; 3. Método; 4. Aspectos conclusivos; ção de seu CRP de origem.
5. Indicação Terapêutica.
38 - Sobre a atuação do psicólogo jurídico marque a
35. Sobre o papel desenvolvido pelo assistente técni- alternativa correta:
co, leia as alternativas a seguir.
a) Em casos de destituição do poder familiar ocasiona-
I. Tem como objetivo principal garantir o direito ao dos por maus tratos à criança, o psicólogo deve nor-
contraditório. tear sua avaliação na identificação de psicopatologia
II. O principal documento elaborado pelo assistente causadora quando em contato com os pais em ques-
técnico é o parecer. tão.
III. Precisa formalizar seus serviços por meio de Termo b) No procedimento de adoção é importante que o
de Compromisso firmado em cartório onde está trami- psicólogo verifique quais são as fantasias do casal
tando o processo, com anuência da parte. adotante em relação à criança ou adolescente a ser
adotado. Exceção quando o casal já possui filhos, pois

8
MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO PIAUÍ
já possuem as competências necessárias para receber
um novo integrante na família.
c) O psicólogo no Hospital de Custódia e Tratamento
Psiquiátrico avalia a evolução de cada paciente\pre-
so, desenvolvendo ações para melhoria de seu proces-
so de evolução, visando a sua desinternação.
d) Atuando no âmbito das medidas socioeducativas o
psicólogo pautará suas ações exclusivamente na ela-
boração de pareceres e relatórios sobre os adolescen-
tes, enfocando a motivação da prática infracional.
e) Na avaliação psicológica de famílias em disputa ju-
dicial a entrevista é o recurso mais apropriado, tendo
em vista a necessidade de individualização das situa-
ções analisadas. Portanto, os testes psicológicos nessa
área de atuação não devem ser utilizados, sob o risco
de desumanização do litígio.

39 - Segundo a Resolução 007/03 do Conselho Federal


de Psicologia, o psicólogo, no exercício profissional,
elabora documentos. Sobre essa atividade, analise as
afirmativas a seguir.

I. Parecer é documento que resume uma questão focal


do campo psicológico, com a devida fundamentação.
II. Declaração é documento que informa a ocorrência
de um fato do campo psicológico, analisando sintomas
e o estado do paciente.
III. Atestado é o documento que indica se o solicitante
está apto ou não para realizar atividade específica,
sendo usado para justificar faltas ou impedimentos.

Assinale:
a) se somente a afirmativa I estiver correta.
b) se somente a afirmativa II estiver correta.
c) se somente a afirmativa III estiver correta.
d) se somente as afirmativas I e II estiverem corretas.
e) se somente as afirmativas I e III estiverem corretas

40 – No contexto do trabalho da perícia psicológica


jurídica é correto afirmar:

a) O objetivo final da avaliação pericial é o diagnósti-


co e a necessidade de tratamento psicológico do exa-
minando.
b) Na maioria das vezes o periciando, por seu papel
dentro do processo judicial, assume diante do psicó-
logo postura colaborativa e aberta.
c) Pela peculiaridade da avaliação pericial o psicólogo
deve dar preferência por procedimentos menos pa-
dronizados que garantam a diversidade de informa-
ções para construção do laudo.
d) Durante a avaliação pericial o profissional de psico-
logia deve atentar-se para a confidencialidade exigi-
da, utilizando sempre os princípios que regem a rela-
ção terapêutica.
e) A preocupação com a exatidão da informação exige
do psicólogo durante a atividade pericial uma atitude
mais ativa e o uso de entrevistas mais estruturadas.

9
PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS 2015