Você está na página 1de 38

Prova COMPLETA do PSU/MG 2018

“Processo Seletivo Unificado”

(31) 9 9737-9020 | (31) 3245-4025


www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

Cirurgia

1) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Lavrador de 72 anos procurou auxílio médico com queixa de astenia com cerca de dois
meses de evolução e coloração amarelada da pele e mucosas que foi percebida há 20
dias. Nega etilismo atual e pregresso. Nega doença hepática e não está em uso de
qualquer medicamento. O exame físico está dentro dos parâmetros da normalidade, a
não ser pela presença de ictericia (++/4+). Os exames complementares revelam anemia
normocítica e normocrômica (hemoglobina 10,1g/dL), aminotransferases dentro dos
limites da normalidade e bilirrubina total no soro = 9,8mg/dl. Urinálise evidencia a
presença de bilirrubina (+++/4+), mas a pesquisa de urobilinogênio é negativa. Dentre
as opções abaixo, qual é o exame complementar MAIS ADEQUADO como próximo
passo na elucidação do diagnóstico nesse caso?
A. Contagem de reticulócitos
B. Pesquisa, no soro, de anticorpo anti-músculo liso
C. Sorologia para hepatites virais
D. Ultrassonografia ou tomografia computadorizada do abdome

2) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

FGH, 68 anos, sexo masculino, aposentado, deu entrada no serviço de urgência após
ser encontrado desfalecido, em seu domicílio, em meio a grande quantidade de sangue
evacuado. Apresentava PA de 100x60mmHg, pulso de 112bpm, descorado (2+/4+).
Após estabilização, foi encaminhado para propedêutica. A esse respeito, assinale a
alternativa CORRETA:
A. A colonoscopia tem a vantagem sobre a arteriografia por ser, potencialmente, também
terapêutica
B. A presença de sangue na luz intestinal implica em íleo funcional, prejudicando o preparo
intestinal para a realização de colonoscopia
C. Angiografia esclarecedora necessita de, pelo menos, sangramento ativo de cerca de
0,5mL/min
D. Cintiografia tem o inconveniente de detectar somente sangramento arterial

3) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação às hérnias da parede abdominal, assinale a alternativa CORRETA:


A. As hérnias de deslizamento são exclusivas da hérnias do tipo direto
B. As hérnias inguinais indiretas emergem medialmente aos vasos epigástricos inferiores
C. Caracteristicamente, as hérnias da linha semilunar (Spiegel) não têm risco de
estrangulamento
D. Hérnia inguinal indireta, com frequência, está associada à persistência do conduto
peritoneovaginal

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 2
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

4) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Pacientes candidatos à cirurgia fazem uso, com frequência, de medicamentos para o


controle de doenças crônicas. Dos fármacos abaixo, qual deles NÃO deve ser
suspenso no pré-operatório por reduzir a morbimortalidade no perioperatório?
A. Amiodarona
B. Betabloqueador
C. Digitálico
D. Diurético

5) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação à retocolite ulcerativa, assinale a alternativa ERRADA:


A. A colectomia em paciente com retocolite ulcerativa geralmente não altera a progressão da
doença hepática (colangite esclerosante primária), quando presente
B. O eritema nodoso é a mais responsiva das lesões extraintestinais e sua persistência
geralmente indica controle inadequado da doença intestinal
C. Pioderma gangrenoso ocorre mais comumente na região pré-tibial
D. Tanto a episclerite quanto a uveíte devem ser tratadas precocemente devido ao risco
iminente de cegueira

6) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

GHI, residente de cirurgia geral, estava saindo do seu estágio de traumatologia quando
se deparou com um atropelamento em frente ao hospital. Foi a primeira pessoa a
chegar para socorrer a vítima. Imediatamente identificou que a via aérea da mulher
atropelada estava obstruída, mas sem sinais de sangramento ou corpos estranhos na
cavidade oral e sua respiração era muito ruidosa. Estava desacordada, não respondia
aos chamados ou estímulos dolorosos e posicionada em decúbito dorsal. Qual deve
ser a PRIMEIRA CONDUTA do médico residente?
A. Cricotireoidostomia por punção utilizando o jelco que sempre traz consigo em sua pasta
de trabalho
B. Realizar estímulos dolorosos no tórax anterior para que a paciente retome a consciência
e volte a respirar normalmente
C. Realizar manobras de elevação do mento ou tração da mandíbula, com cuidados de
imobilização da coluna cervical
D. Transportar, com a ajuda dos outros pedestres, a paciente ao hospital para que o
atendimento seja realizado o mais rápido possível

7) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

IJK, 20 anos, chega ao hospital com relato de agressão por arma branca em flanco
esquerdo durante assalto (golpe único). Queixa dor abdominal moderada. Ao exame:
A. vias aéreas pérvias; B. Eupneico, FR 20irpm; C. FC 84bpm, pulsos amplos, PA
120x80mmHg; D. Glasgow 15, sem deficit; E. abdome doloroso à palpação,

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 3
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

principalmente próximo ao ferimento, pelve estável, sem sinais de traumas ou lesões


em outras partes do corpo. Recebeu oxigênio suplementar, iniciou monitorização
eletrocardiográfica, foi puncionado acesso venoso periférico, passada sonda vesical
de demora (urina clara) e realizado toque retal com sangue vivo em dedo de luva. Qual
a conduta CORRETA a ser tomada pelo cirurgião, neste momento?
A. Providenciar FAST (focussed Assessment with Sonography for Trauma) para avaliar a
presença de líquido livre intra-peritoneal e em saco pericárdico
B. Realizar laparotomia exploradora o mais precocemente possível para avaliação e
tratamento de lesões abdominais
C. Fazer lavado peritoneal diagnóstico para busca de possível hemoperitôneo
D. Solicitar tomografia computadorizada de abdome e pelve com triplo contraste para
avaliação de vísceras ocas

8) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

HIJ, 30 anos foi vítima de acidente automobilístico em via de alta velocidade (colisão
de carro contra objeto fixo). Era o passageiro e usava cinto de segurança. À admissão
no Hospital de Pronto Socorro, encontrava-se com as vias aéreas pérvias, FR 32irpm,
SatO2 93% com oxigênio suplementar, FC 148 bpm, pulsos periféricos ausentes, PA
60x40mmHg, hipocorado 3+/4+, Glasgow 14 (AO3 RV5 RM6), abdome distendido, pelve
dolorosa à palpação, sem deformidades em membros. Mesmo com reposição de
1.000ml de cristaloides, o quadro permaneceu inalterado. Os exames de imagem
realizados estão reproduzidos a seguir: Assinale a conduta sequencial CORRETA
neste caso:

A. Drenagem torácica bilateral, reposição volêmica e tomografia de crânio, tórax e abdome


B. Drenagem torácica, transfusão sanguínea, laparotomia exploradora e fixação externa da
pelve
C. Reserva de hemoderivados e encaminhamento imediato ao centro cirúrgico para
laparotomia exploradora
D. Transfusão sanguínea com concentrado de hemácias, plasma e plaquetas, imobilização
da pelve com lençol seguida de fixação externa da bacia

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 4
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

9) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

DEF, 38 anos, sexo masculino, brigadista, foi vítima de queimadura de terceiro grau
em cerca de 35% do corpo, principalmente em tórax e membros superiores. Em relação
a este caso e a este tipo de lesão, assinale a alternativa CORRETA:
A. A pressão coloidosmótica intersticial fica bastante diminuída em relação ao intravascular,
podendo acarretar perda proteica e choque
B. Deve-se aguardar a formação de tecido de granulação, que é um ótimo leito receptor para
o enxerto cutâneo, com bom resultado estético
C. Nas lesões de terceiro grau, em que ocorre grande destruição local, é mais intensa a
reação inflamatória celular intralesional
D. O paciente corre risco de desenvolver hemólise tardia e hemoglobinúria

10) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A propósito das intoxicações exógenas, assinale a alternativa ERRADA:


A. A hipertermia, eventualmente fatal, pode ser observada na intoxicação por anfetaminas,
em especial na intoxicação pela 3,4-metilenodioximetanfetamina (ECSTASY)
B. A meta-hemoglobinemia, passível de ser causada por drogas como a dapsona e o
nitrobenzeno, pode ser tratada com o azul de metileno, que favorece a conversão da meta-
hemoglobina em hemoglobina, na medida em que aumenta a atividade da meta-hemoglobina
redutase
C. A n-acetilcisteína está indicada na intoxicação pelo paracetamol, sendo mais efetiva
quando administrada até 8 a 10 horas após a ingestão do analgésico
D. A vitamina K reverte a ação dos anticoagulantes, em especial dos novos agentes
disponíveis por via oral como a dabigatrana, a rivaroxabana e a apixabana

11) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

CDE, 26 anos, sexo masculino, lavrador, foi vítima de picada de cobra em MIE. Cerca
de 1 hora depois, apresentou no local da picada dor intensa, edema, equimose
importante e formação de bolhas. Nega parestesias, dificuldades visual e respiratória.
Ao exame não se constatou ptose palpebral. O aspecto macroscópico da urina sugere
hematúria. Em relação aos acidentes ofídicos e a este particularmente, assinale a
alternativa CORRETA:
A. A dose do soro deve ser proporcional ao peso do paciente
B. A realização prévia de garroteamento do membro acometido e realização de um corte no
local para sucção são medidas recomendadas
C. A dose do soro deve ser aplicada na região da picada
D. Há risco de insuficiência renal aguda e síndrome de compartimento

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 5
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

12) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Numa tentativa de desobstrução por engasgo em lactente de nove meses de idade,


assinale a alternativa ERRADA:
A. Administrar cinco pancadas firmes entre as escápulas usando a base das mãos
B. Fazer compressões abdominais (manobra de Hermelich)
C. Não tentar varredura digital à procura do corpo estranho na boca da criança
D. Segurar a criança em seu antebraço com o abdômen para baixo e a cabeça mais abaixada
que o tórax

Clínica Médica

13) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação à avaliação cardiológica de pacientes a serem submetidos a cirurgia de


grande porte, assinale a alternativa ERRADA:
A. A fração de ejeção do ventrículo esquerdo é um importante parâmetro de avaliação
funcional cardíaca
B. A presença de quarta bulha indica redução da complacência ventricular
C. As cirurgias eletivas benignas devem ser adiadas quando a pressão arterial diastólica for
superior a 110mm Hg
D. O estudo pelo teste de esforço com mapeamento do miocárdio com tálio 201 é
determinante para se estabelecer, com precisão, a época de infarto prévio

14) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Assinale a alternativa que apresenta o tipo de choque caracterizado por pressão


venosa central elevada, débito cardíaco diminuído e resistência vascular sistêmica
elevada:
A. Cardiogênico
B. Hipovolêmico
C. Neurogênico
D. Séptico

15) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Mediante a análise do traçado eletrocardiográfico abaixo representado (paciente de 45


anos, do sexo masculino), seria lícito esperar qual das seguintes alterações à
manometria (pressões aferidas durante cateterismo cardíaco) e à ausculta cardíaca:

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 6
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

A. Pressão sistólica = 190mmHg no ventrículo esquerdo (VE) e na aorta (AO); hiperfonese


do componente aórtico da segunda bulha (B2)
B. Pressão sistólica = 220mmHg no ventrículo esquerdo (VE) e na aorta (AO); hipofonese do
componente aórtico da segunda bulha (B2)
C. Pressão sistólica = 26mmHg no ventrículo direito (VD) e na artéria pulmonar (AP);
hipofonese do componente pulmonar da segunda bulha (B2)
D. Pressão sistólica = 90mmHg no ventrículo direito (VD) e na artéria pulmonar (AP);
hiperfonese do componente pulmonar da segunda bulha (B2)

16) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Sobre os tumores tireoidianos, assinale a alternativa CORRETA:


A. A incidência de carcinoma de tireoide vem apresentando queda nas últimas décadas
devido à suplementação de iodo no sal de cozinha
B. A ultrassonografia dos nódulos tireoidianos permite avaliar fatores associados a maior
risco de malignidade, a partir dos quais pode ser indicado o estudo citológico
C. No tratamento adjuvante do carcinoma medular de tireoide, é necessária a estratificação
do risco de recorrência para avaliar indicação de radioiodoterapia
D. O carcinoma papilar de tireoide apresenta metastatização preferencialmente por via
hematogênica.

17) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

LMN, 68 anos, sexo feminino, doceira, diabética em uso de insulina NPH (30UI pela
manhã e 10UI à tarde, via subcutânea) e metformina (850mg 2x/dia) com bom controle
da glicemia. Vai ser submetida à histerectomia para tratamento de miomatose. Sobre
o preparo do paciente diabético para cirurgias, assinale a alternativa ERRADA:
A. A metformina deve ser suspensa 24 a 48 horas antes do ato operatório
B. A insulina NPH deve ser suspensa e substituída por insulina regular
C. A meia vida prolongada da insulina regular permite sua infusão em bolus com segurança
D. As infusões de glicose, insulina e potássio têm o inconveniente da adsorção da insulina
às paredes de frascos e cateteres, dificultando o controle glicêmico

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 7
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

18) Código: 1213334ZC [ 5.00 ] [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A insuficiência suprarrenal primária (doença de Addison) caracteriza-se pelas


seguintes manifestações clínico-laboratoriais:
A. Aumento da gordura subcutânea, hipopigmentação cutânea, náuseas, hipertensão
arterial, eosinopenia, hipernatremia, hipercalemia, aumento do ACTH plasmático
B. Obesidade visceral, hiperpigmentação cutânea, náuseas, hipertensão arterial, eosinofilia,
hiponatremia, hipocalemia diminuição do ACTH plasmático
C. Perda de peso, hipopigmentação cutânea, náuseas, hipotensão ortostática, eosinofilia,
hiponatremia, hipercalemia, aumento do ACTH plasmático
D. Perda de peso, hipopigmentação cutânea, vômitos, hipotensão ortostática, eosinopenia,
hipernatremia, hipocalemia, diminuição do ACTH plasmático

19) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Homem de 25 anos apresenta-se com dor torácica ventilatória dependente de início


súbito, associada a dispneia aos mínimos esforços e hemoptise. Durante o
atendimento, informa que o irmão teve diagnóstico recente da presença do fator V de
Leiden após episódio de trombose venosa profunda em membro inferior direito. Ao
exame físico, há edema em membro inferior esquerdo associado a dor à palpação em
topografia de veias profundas. Frequência cardíaca mensurada = 110bpm.
Considerando-se este quadro clínico assinale a alternativa ERRADA:
A. Alcalose respiratória aguda ocorre secundariamente à hiperventilação e o gradiente
alvéolo-capilar aumenta
B. Angiografia por tomografia computadorizada helicoidal de tórax possui sensibilidade alta
para detecção de defeitos de enchimento em artérias pulmonares subsegmentares
C. Atelectasia, infiltrados parenquimatosos e imagens compatíveis com derrame pleural não
são achados incomuns à radiografia de tórax
D. Elevação do peptídeo natriurético correlaciona-se com desfechos adversos tais como
necessidade de ventilação mecânica, internação prolongada e morte

20) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Sobre o tromboembolismo pulmonar pós-operatório é ERRADO afirmar:


A. A maior parte dos casos tem sintomatologia exuberante e é diagnosticada clinicamente
B. Pode ser fatal já em sua primeira manifestação
C. Dentre os sintomas associados estão dispneia, taquipneia e/ou dor torácica
D. O uso de contraceptivos orais aumenta o risco de sua ocorrência

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 8
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

21) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A radiografia do tórax abaixo reproduzida (Figura 1) é de um trabalhador rural com


tosse, hiporexia e emagrecimento; os microrganismos que aparecem na Figura 2
foram identificados em linfonodo cervical do mesmo paciente. Tais achados permitem
que se formule o diagnóstico de:

A. Aspergilose (infecção por Aspergillus fumigatus)


B. Nocardiose (infecção por Nocardia asteroides ou Nocardia brasiliensis)
C. Paracocciodioidomicose (infecção por Paracoccidioides brasiliensis)
D. Pneumocistose (infecção por Pneumocystis jiroveci)

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 9
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

Clínica Médica + Pediatria

22) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Homem de 61 anos foi submetido a ressecção transuretral da próstata devido a


hiperplasia prostática benigna. Pesava 65kg e não apresentava comorbidades. Sem
passado mórbido de importância. Aproximadamente 18 horas após a cirurgia,
apresentou crise convulsiva tônico-clônica generalizada. O exame físico realizado
após a convulsão não mostrou alterações, a não ser pelo rebaixamento do sensório.
Dentre os exames complementares, chamou atenção a presença de hiponatremia
(sódio sérico =118mEq/L). Hemograma e função renal dentro dos limites da
normalidade. Dentre as opções abaixo, assinale a abordagem MAIS ADEQUADA da
hiponatremia apresentada pelo paciente:
A. Administração de furosemida por via endovenosa
B. Administração de solução salina hipertônica (3%)
C. Administração de vasopressina
D. Hemodiálise de emergência

23) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Paciente de 22 anos, do sexo feminino, portadora de diabetes mellitus do tipo 1, deu


entrada em serviço de pronto atendimento com quadro de cetoacidose diabética
devido à descontinuação do uso da insulina e transgressão dietética. Exames
laboratoriais evidenciaram elevação significativa dos níveis séricos de glicose e o pH
do sangue arterial era 7,27. Qual dos achados relacionados abaixo se espera encontrar
no traçado eletrocardiográfico dessa paciente?
A. Aumento da amplitude da onda P
B. Ondas T apiculadas
C. Ondas U
D. Redução da duração do intervalo PR

24) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Adolescente de 10 anos de idade, sexo feminino, há três dias apresenta febre alta
(39ºC) e odinofagia. Nega tosse e coriza. Ao exame, apresenta certa prostração,
halitose, hiperemia de orofaringe, presença de exsudato com pontos esbranquiçados
nas amígdalas, edema de úvula e petéquias no palato mole. Fígado e baço não
palpáveis. Restante do exame normal. Qual o diagnóstico MAIS PROVÁVEL e seu
RESPECTIVO TRATAMENTO?
A. Doença de Kawasaki - imunoglobulina endovenosa
B. Faringoamigdalite estreptocócica - amoxicilina oral
C. Herpangina- medicação sintomática
D. Mononucleose infecciosa -medicação sintomática

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 10
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

25) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

BCD, 42 anos, sexo feminino, comerciante, sabidamente diabética, apresentou dor em


membro inferior esquerdo (MIE) com manifestações sistêmicas como febre elevada,
cefaleia, mal estar e calafrios. A dor era em "queimação", na porção distal do MIE, que
ao exame apresentava calor, rubor, com bolhas confluentes. Informa dor à
deambulação. Foi coletado líquido das bolhas e o exame revelou a presença de
Staphilococcus aureus. O médico suspeitou de erisipela. Qual das alternativas abaixo
está CORRETA em relação a esta doença?
A. Aparecimento de lesões bolhosas é incompatível com este diagnóstico
B. Claudicação intermitente não faz parte do quadro de erisipela
C. Na erisipela não ocorrem manifestações sistêmicas
D. O Staphilococcus aureus não é agente etiológico de erisipela

26) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação à cicatrização de feridas, assinale a alternativa ERRADA:


A. A histamina e serotonina são alguns dos elementos que atuam aumentando a
permeabilidade dos vasos, favorecendo a exsudação de plasma e a migração de células para
o espaço extracelular
B. Níveis baixos de lactato, pH ácido e aumento da tensão de oxigênio estimulam a
angiogênese
C. Os leucócitos são responsáveis pela produção de colagenase e elastase, que promovem
a limpeza da ferida
D. Os macrófagos fagocitam leucócitos degradados e bactérias e secretam diversos fatores
de crescimento e quimiotáxicos

27) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

EFG, 42 anos, sexo masculino, empresário, notou lesão escura em região deltóide há
cerca de 1 ano, mas não deu maior importância. Há 20 dias notou pequena ulceração
na borda, com sagramento discreto. Ao exame, foi constatada lesão hipercômica de
1,2cm, irregular, com ulceração mínima em uma das bordas. A biopsia incisional
revelou melanoma Breslow de 0,8mm com presença de mais de 1 mitose por mm².
Sobre este caso e com seus conhecimentos sobre melanoma, assinale a alternativa
ERRADA:
A. A presença de mitoses é típica de crescimento vertical
B. Está indicado realizar a pesquisa de linfonodo sentinela
C. Linfonodo sentinela é o linfonodo acometido por metástase
D. Ulceração da lesão é um importante fator de mau prognóstico

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 11
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

28) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Mulher de 65 anos relata dor intercostal à esquerda sucedida pelo aparecimento de


lesões vesiculares agrupadas ocupando um único dermátomo na mesma região e tem
o diagnóstico confirmado de infecção por herpes zoster. Acerca desta afecção,
marque a alternativa ERRADA:
A. Corticoides orais reduzem prevalência, gravidade e duração da neuralgia pós-herpética
B. Erupções persistem por 2 a 3 semanas, contudo quando há envolvimento motor, pode
ocorrer paralisia temporária.
C. É desejável que a terapia antiviral seja precoce e agressiva (dentro das primeiras 72 horas
após o início do quadro)
D. Vacinação contra o agente infeccioso destas lesões está recomendada mesmo após a
ocorrência da doença

29) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação ao manejo da diarreia aguda é ERRADO afirmar:


A. A administração de zinco é preconizada pelo Ministério da Saúde
B. Nos pacientes com sangue nas fezes, o agente etiológico mais provável é a Shigella
C. O uso de metoclopramida como antiemético deve ser evitado
D. O uso de probiótico tem demonstrado efeito benéfico, nos casos de etiologia bacteriana e
quando iniciado nos primeiros três dias da doença

30) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Assinale o patógeno abaixo cujo mecanismo de indução da diarreia se dá pela invasão


do epitélio das vilosidades, principalmente do duodeno e jejuno proximal, levando à
redução das células absortivas e da lactase:
A. Rotavírus
B. Salmonela
C. Shigela
D. Vibrião colérico

31) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Lactente de 7 meses de idade, sexo masculino, hígido, estava em uso de leite materno
exclusivo quando, há um mês, foi iniciada fórmula láctea. Duas semanas após, surgiu
diarreia de fezes líquidas com rajas de sangue, perda de peso e distensão abdominal.
Está afebril. O diagnóstico MAIS PROVÁVEL é:
A. Alergia à proteína do leite de vaca
B. Infecção intestinal por bactérias, sendo a mais provável a salmonela
C. Intolerância a lactose
D. Pólipo intestinal

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 12
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

32) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Lactente, sexo masculino, quatro meses de idade, nascido a termo com peso de 3.200
gramas. Está em aleitamento materno exclusivo. Há dois meses vem apresentado
regurgitações após as mamadas e vômitos esporádicos, mas está ganhando peso
adequadamente. Seu sono é tranquilo à noite. Durante o dia mãe observa irritabilidade
após as mamadas. Em relação à propedêutica para o caso, é CORRETO afirmar:
A. Está indicado a pHmetria esofagiana de 24 horas, que é o padrão ouro para este
diagnóstico
B. Indicar, inicialmente, a realização de ultrassonografia abdominal
C. Não é necessário solicitar exames complementares
D. Solicitar radiografia contrastada de esôfago, estomago e duodeno (REED)

33) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]


Homem de 48 anos com diagnóstico de diabetes mellitus tipo1 há 26 anos, mal
controlado, evoluiu nos últimos anos com elevação progressiva e insidiosa dos níveis
de creatinina. Atualmente, o ritmo de filtração glomerular é de 18mL/min/1,73m² e
apresenta ultrassonografia que evidencia rins ecogênicos menores que 9cm
(diminuídos). Considerando-se a condição atual do paciente e suas repercussões
clínicas, assinale a alternativa ERRADA:
A. Anticoagulantes devem ser evitados na suspeita de derrame pericárdico, que, em geral, é
hemorrágico
B. Calcificação vascular urêmica envolvendo desordens da homeostase do fósforo e outros
mediadores associam-se a maior risco de complicação cardiovascular
C. Hipertensão arterial sistêmica é complicação comum e tende a ser progressiva e sal-
dependente
D. Osteíte fibrosa cística e doença óssea adinâmica resultam da maior atividade osteoclástica
a partir do aumento da síntese de paratormônio

34) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Qual alternativa está ERRADA em relação à síndrome nefrótica por lesões mínimas?
A. A pressão arterial, geralmente, está elevada
B. Hematúria macroscópica poucas vezes está presente
C. O edema de membros inferiores (MMII) é depressível, às vezes chegando a prejudicar a
deambulação
D. Sua maior incidência ocorre entre 2 e 3 anos de idade

35) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Uma adolescente de 15 anos desenvolveu quadro de amigdalite, motivo pelo qual lhe
foi prescrito amoxicilina. Vinha evoluindo bem, sendo que a odinofagia e a febre que
acompanhavam a amigdalite desapareceram rapidamente após ter começado o
tratamento. Porém, uma semana após o início do antibiótico, passou a apresentar rash

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 13
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

cutâneo, reaparecimento da febre, mal estar e redução do volume urinário. Procurou


serviço de pronto atendimento e, ao exame, apresentava-se com temperatura axilar =
38,8ºC, pressão arterial = 115x75mmHg, frequência de pulso = 92ppm e frequência
respiratória = 16ipm. Demais aspectos do exame físico sem alterações. Os exames
complementares evidenciaram títulos elevados de antiestreptolisina O, moderada
eosinofilia, uréia = 51mg/dL e creatinina = 2,37mg/dL. O exame de urina revelou
microhematúria sem cilindros hemáticos, leucocitúria com numerosos eosinófilos e
raros cilindros leucocitários. Dentre as opções abaixo, qual é o diagnóstico MAIS
PROVÁVEL?
A. Glomerulonefrite pós-estreptocócica
B. Necrose tubular aguda
C. Nefrite intersticial aguda
D. Pielonefrite aguda

36) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Criança do sexo feminino, seis anos de idade, previamente saudável, apresenta, há


três dias, febre (até 38,5ºC) associada a disúria, polaciúria e dor na região hipogástrica.
Dentre os exames abaixo, qual deve ser solicitado para confirmação diagnóstica de
infecção urinária e qual a forma adequada de coletar a urina para
o exame?
A. Urina rotina, coleta de jato médio espontâneo
B. Urina rotina, coleta por sonda vesical
C. Urocultura, coleta por saco coletor
D. Urocultura, coleta por sonda vesical

37) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Criança do sexo feminino, seis anos de idade, previamente saudável, apresenta, há


três dias, febre (até 38,5ºC) associada a disúria, polaciúria e dor na região hipogástrica.
Considerando o caso clínico descrito, e tendo sido confirmada infecção do trato
urinário inferior, assinale qual deve ser a MELHOR CONDUTA:
A. Deve ser solicitada cintilografia renal depois de iniciar o tratamento
B. Não solicitar nenhum exame inicialmente pois foi o primeiro episódio de infecção
C. Solicitar ultrassonografia de vias urinárias antes de iniciar o tratamento
D. Solicitar uretrocistografia miccional e tratar a infecção

38) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]


Paciente de 38 anos, solteira, executiva, gravidez não planejada, foi transferida de São
Paulo para Belo Horizonte e procura um pré-natalista. Está assintomática e apresenta
exames realizados há quinze dias com os seguintes resultados: Grupo sanguíneo AB
Rh negativo, teste de Coombs indireto negativo, glicemia de jejum 90mg/dL,
hemoglobina 11,6g/dL, sorologia para toxoplasmose lgG positivo e lgM negativo,

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 14
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

pesquisa de antiHIV-1 e 2 negativa, HbsAg negativo, VDRL não reator, urocultura


positiva, acima de 100.000 unidades formadoras de E.Coli. Considerando essas
informações e os resultados de exames desta paciente, assinale a alternativa
CORRETA:
A. A urocultura é indicativa de bacteriúria assintomática e seu tratamento poderá ter impacto
na prevenção de prematuridade
B. O HbsAg não reator indica susceptibilidade á infecção pelo HBV e justifica a vacinação
após o parto
C. O norfloxacino (categoria B) é amplamente usado nas infecções urinárias não complicadas
na gravidez, sendo o mais indicado nesse caso
D. O teste de Coombs indireto foi corretamente solicitado, mas será necessário também
solicitar o grupo sanguíneo com fator Rh e teste de Coombs indireto do pai

39) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Paciente de 29 anos, G2PN1A0, com gestação de 33 semanas e 4 dias, sendo


acompanhada no pré-natal de risco habitual, teve como única intercorrência um
episódio de infecção do trato urinário (ITU) quando tinha 28 semanas de gestação. O
diagnóstico da ITU foi realizado em Pronto-Atendimento de uma maternidade, tendo a
paciente queixas de disúria e polaciúria e exame de urina rotina com poucos epitélios,
10 piócitos/campo e flora bacteriana aumentada. O Gram de gota de urina não
centrifugada evidenciou bactérias Gram positivas em cadeias. Paciente fez tratamento
com cefalexina (500mg de 6/6 horas por sete dias). A urocultura após o tratamento não
detectou crescimento bacteriano. Em relação a este caso, assinale a alternativa
CORRETA:
A. A antibioticoterapia foi desnecessária, pois o quadro descrito é mais sugestivo de ser
contaminação da amostra de urina do que uma infecção
B. A paciente deve ter tido infecção por Escherichia coli que é a bactéria mais prevalente nas
ITUs em gestantes
C. Deveria ter sido mantida uma profilaxia para ITU após o uso da cefalexina
D. Há indicação de profilaxia para sepse neonatal precoce intraparto, não sendo necessário
colher swab vaginal e perianal entre 35 e 37 semanas de gestação para cultura

40) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

No que concerne à hemorragia subaracnoidea espontânea, decorrente, em geral, da


ruptura de aneurisma sacular ou malformação arteriovenosa intracranianos, assinale
a alternativa ERRADA:
A. Bloqueadores dos canais de cálcio, como a nimodipina, devem ser evitados, pois o
vasoespasmo que acompanha o sangramento é bem-vindo e, por conseguinte, deve ser
preservado
B. Em aproximadamente 70% dos casos, identificam-se expressivas alterações
eletrocardiográficas representadas por elevação ou depressão do segmento ST,

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 15
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

prolongamento do intervalo QT e inversão de ondas T, às vezes com o surgimento de ondas


T negativas, profundas e simétricas
C. O exame clínico costuma revelar rigidez de nuca e outros sinais de irritação meníngea
mas, com frequência, não se detectam sinais neurológicos focais
D. Os pacientes acometidos podem apresentar febre, independentemente da concomitância
de infecção; ademais, o hemograma não raro revela leucocitose, ao passo que o exame de
urina costuma revelar glicosúria transitória

41) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Qual das alterações abaixo não é frequente em crianças com paralisia cerebral?
A. Anormalidades oftalmológicas
B. Diarreia crônica
C. Distúrbio de deglutição
D. Refluxo gastroesofágico

42) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Lactente de 18 meses de idade, sabidamente com drepanocitose SS sem caderneta de


acompanhamento, há dois dias apresentada dor sem localização precisa, dispneia,
aumento da palidez, prostração taquicardia sem 3ª bulha, febre até 38,5ºC. Fígado
palpado a 3cm do rebordo costal direito e baço grau II de Boyd à palpação. Presença
de crepitações esparsas nas bases de ambos os hemitórax. Saturação de O2: 89%. O
hemograma revela: hemoglobina: 6,5g/dl; hemácias 2.800.000/mm³; hematócrito:
21,5%; leucócitos: 22.200/mm³, bastonetes: 10%; Segmentados: 60%; linfócitos: 30%.
Plaquetas - 200.000/mm³ e reticulócitos: 9%. A radiografia de tórax mostra pequena
condensação pulmonar em ambas as bases. Em relação a este caso, assinale a
conduta considerada ERRADA:
A. Hiperidratação, uma vez e meia a necessidade hídrica diária
B. Iniciar antibioticoterapia
C. Oxigenioterapia
D. Transfusão de glóbulos vermelhos

43) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Mulher de 34 anos passou a apresentar nas últimas seis semanas equimoses


espontâneas principalmente nas pernas. Informa também sangramento excessivo na
última menstruação e episódio de epistaxe volumosa há cinco dias. Diz que está se
sentindo bem e continua trabalhando normalmente. Sem passado mórbido de
importância. Não há história familiar de doença hemorrágica. Não é tabagista e ingere
bebida alcoólica apenas socialmente. Nega uso atual e recente de qualquer
medicamento. Ao exame, observam-se múltiplas equimoses nas suas pernas e, em
menor número, no abdome e braços. Há sangramento espontâneo nas gengivas. O
exame de fundo de olho não evidencia hemorragias. Os dados vitais e o restante do

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 16
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

exame físico estão dentro dos limites da normalidade. Hemoglobina 12,9g/dL


(hematoscopia sem achados dignos de nota); leucócitos totais 5.300/mm³ (contagem
diferencial dentro da normalidade); plaquetas 5.000/mm³; e RNI, PTT, função renal,
íons, glicemia e bioquímica hepática dentro dos limites da normalidade. Fator
antinuclear (FAN), anti-HIV e anti-HCV (vírus da hepatite C) negativos. Considerando-
se o diagnóstico mais provável, é possível afirmar que plaquetopenia apresentada pela
paciente é resultante de:
A. Consumo excessivo de plaquetas
B. Destruição de plaquetas por autoanticorpos e possível inibição da produção/liberação
dessas células pelos megacariócitos
C. Redução da produção de plaquetas devido à deficiência de ácido fólico e/ou vitamina B12
D. Redução da produção de plaquetas devido a infiltração da medula óssea por neoplasia

44) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

JKL, 67 anos, sexo feminino, balconista, está em uso de dose terapêutica de


enoxaparina por trombose venosa profunda após artroplastia de joelho. Após 6º dia
de uso da referida medicação, a contagem de plaquetas é de 66.000/mm³ (contagem de
plaquetas antes da anticoagulação era de 212.000/mm³). Não está em uso de outros
medicamentos e apresenta-se assintomática. Diante deste contexto, assinale a
alternativa ERRADA:
A. Deve-se evitar o uso de fondaparinux (inibidor indireto de fator Xa)
B. Esta condição resulta da formação de anticorpos contra complexo heparina/fator-4-
plaquetário
C. Inibidores diretos da trombina constituem-se em opção terapêutica
D. Trombose (arterial ou venosa) é complicação frequente

45) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

No que diz respeito ao linfoma de Hodgkin, assinale a alternativa ERRADA:


A. A afecção, cuja incidência atinge o pico por volta dos 30 anos, inicia-se mais
frequentemente nos linfonodos cervicais, progredindo por contiguidade
B. Do ponto de vista histopatológico, o linfoma de Hodgkin clássico, tipo celularidade mista,
caracteriza-se por aspecto celular heterogêneo e, particularmente, pela ausência de
eosinófilos
C. Em jovens com linfoma de Hodgkin clássico, tipo esclerose nodular, é frequente o
acometimento do mediastino
D. Nas células de Hodgkin e nas células de Reed-Sternberg, é frequente a expressão imuno-
histoquímica de uma proteína do vírus Epstein-Barr

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 17
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

46) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Homem de 47 anos com diagnóstico de linfoma não Hodgkin encontra-se em


tratamento quimioterápico ( ciclofosfamida doxorrubicina, vincristina, prednisona e
rituximabe) e comparece a serviço de pronto atendimento acompanhado de familiares
com quadro de cefaleia e alteração do estado mental. Tomografia computadorizada
realizada em caráter de urgência, sem injeção de contraste, não evidenciou alterações
significativas e o estudo do líquor constatou presença do antígeno do polissacarídeo
capsular do Cryptococcus spp. Acerca desta infecção assinale a alternativa ERRADA:
A. É adquirida por inalação
B. Hidrocefalia comunicante é considerada uma forma de complicação
C. Pleocitose variável, hiperproteinorraquia e hipoglicorraquia são outros achados no estudo
do líquor
D. Recorrência é baixa quando acomete pacientes HIV positivos

47) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Adolescente de 11 anos de idade, sexo masculino, apresenta adenopatia cervical,


detectada há cinco dias. Dentre as alternativas abaixo, assinale aquela que não é
considerada como alerta para doença maligna:
A. Linfonodo acima de 3cm de diâmetro
B. Localização supraclavicular
C. Presença de febre alta (> 38,5ºC)
D. Valor elevado de LDH

48) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em geral, NÃO se esperam resultados favoráveis com a administração de


glicocorticoides em pacientes acometidos por:
A. Arterite de células gigantes (arterite temporal)
B. Dermatopolimiosite
C. Esclerodermia (esclerose sistêmica)
D. Polimialgia reumática

49) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Mulher de 47 anos assintomática apresenta elevação dos níveis séricos de fosfatase


alcalina e gamaglutamiltransferase, associada a anticorpo anti-mitocôndria positivo
(1/320) e elevação dos níveis séricos de IgM. O médico assistente opta pela realização
da biópsia hepática que evidencia lesão ductal florida associada a inflamação portal,
mas sem sinais de fibrose. Considerando a hipótese diagnóstica mais provável,
assinale a alternativa ERRADA:
A. Apresenta início insidioso
B. Há risco aumentado de apresentar baixa densidade óssea

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 18
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

C. Não se associa a doenças reumatológicas


D. Podem ocorrer lesões xantomatosas na pele e tendões

50) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação ao resfriado comum na infância, verifique se as afirmativas abaixo são


VERDADEIRAS (V) ou FALSAS (F) e marque a alternativa com a sequência CORRETA:
( ) A coriza pode tornar-se purulenta nos últimos dias da doença sem,
necessariamente, ser devida a infecção bacteriana;
( ) A febre é um sinal clínico que não deve ser usado isoladamente para diferenciar a
infecção viral da bacteriana;
( ) A principal forma de transmissão dos vírus causadores do resfriado comum é o
contato direto e não a via inalatória;
( ) O período de incubação, geralmente, é de 1 a 3 dias
A. F V F V
B. F F V F
C. V F F F
D. V V V V

51) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

As infecções respiratórias agudas são frequentes na infância e apresentam,


comumente, sintomas como rinorreia, tosse e obstrução nasal. Qual das medidas
abaixo está indicada e tem mais eficácia no controle destes sintomas?
A. Higiene nasal com solução salina isotônica
B. Uso de mucolíticos e expectorantes
C. Uso tópico de descongestionante nasal com anti-histamínico
D. Vaporização com inalação de água aquecida

52) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação ao diagnóstico de sinusite bacteriana aguda na infância é CORRETO


afirmar:
A. É necessário confirmação diagnóstica pela radiografia simples dos seios da face
B. O diagnóstico deve ser sempre confirmado pela tomografia computadorizada da face.
C. O Diagnóstico é baseado em critérios clínicos: febre e tosse diurna que piora à noite,
acompanhada de obstrução e secreção nasal esverdeada ou amarelada persistente por
mais de sete dias
D. Obstrução nasal acompanhada de tosse, independentemente do tempo de duração,
associada a velamento dos seios maxilares confirmam o diagnóstico.

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 19
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

53) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Homem de 47 anos vem apresentando, há 48 horas, febre, tosse produtiva com


expectoração purulenta e dor subcostal à esquerda que piora com a inspiração.
Informa que no início do quadro apresentou episódio de calafrio que não voltou a se
repetir. Não é tabagista e nem etilista. Pressão arterial: 150x80mmHg, frequência de
pulso: 100ppm; frequência respiratória: 28irpm; temperatura axilar: 39,9ºC. Presença
de crepitações teleinspiratórias finas na base do hemitórax esquerdo, onde se observa
aumento do frêmito tóraco-vocal. Sem outras alterações ao exame físico. Radiografia
de tórax evidencia opacidade com broncograma aéreo na base do hemitórax esquerdo.
Ele trouxe consigo Gram de escarro, realizado por amigo que é técnico de laboratório,
que evidencia menos de 10 células epiteliais e inúmeros leucócitos por campo.
Considerando-se o quadro clínico deste paciente, assinale a alternativa que apresenta
o agente que deverá estar predominando na coloração pelo Gram:
A. Bastonetes Gram negativos
B. Bastonetes Gram positivos
C. Diplococos Gram negativos
D. Diplococos Gram positivos

GO

54) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Paciente de 42 anos, com exame colposcópico normal, teve resultado de citologia


oncótica cervical com células glandulares atípicas. Marque o próximo passo que está
indicado para esta paciente:
A. Realizar biópsia do colo uterino.
B. Fazer curetagem do canal cervical.
C. Repetir a Citologia após seis meses.
D. Iniciar tratamento hormonal com Progesterona.

55) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

As infecções no colo uterino pelo HPV são responsáveis por até 90% das neoplasias
intraepiteliais. Quando o médico da Unidade Básica de Saúde recebe o laudo do exame
citopatológico do colo uterino de uma paciente de 32 anos, infectada pelo HIV,
informando "lesão intraepitelial de baixo grau associado a HPV", qual deve ser a
conduta, de acordo com as Diretrizes de Rastreamento do Câncer do Colo Uterino do
Ministério da Saúde publicada em 2016?
A. Encaminhar a paciente para colposcopia.
B. Manter o rastreio a cada três anos após um resultado negativo para células atípicas.
C. Programar nova coleta em seis meses.
D. Tratar a infecção pelo HPV e realizar nova coleta em seis meses.

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 20
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

56) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação à secreção vaginal normal, assinale a alternativa que contém a afirmativa


ERRADA:
A. A coloração pelo Gram da secreção vaginal fisiológica mostra células epiteliais superficiais
normais.
B. A flora vaginal é, predominantemente, aeróbica e os lactobacilos são produtores do
peróxido de hidrogênio.
C. A secreção vaginal normal é de cor branca e consistência flocular.
D. As variações cíclicas na quantidade da secreção vaginal também ocorrem nas mulheres
usuárias de contraceptivos.

57) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Paciente de 25 anos, G2P2, casada, procura o ginecologista com o objetivo de iniciar


método contraceptivo seguro. Ela tem história familiar positiva para trombose venosa
profunda e queixa-se de ter fluxo menstrual muito intenso. Qual dos seguintes
métodos contraceptivos está MELHOR INDICADO para esta paciente?
A. Anticoncepcional oral combinado
B. Coito interrompido
C. Dispositivo intrauterino liberador de levonorgestrel (Mirena)
D. DIU T de cobre

58) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Qual dos hormônios abaixo NÃO é produzido pelo corpo lúteo:


A. Contractina
B. Inibina
C. Progesterona
D. Relaxina

59) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação à avaliação da cavidade endometrial pela ultrassonografia endovaginal de


paciente pós-menopausa e com sangramento vaginal, assinale a alternativa
CORRETA:
A. A interpretação da medida da espessura do eco endometrial independe da idade e da fase
de vida da mulher
B. Um eco endometrial com espessura de 10mm afasta a possibilidade de câncer de
endométrio.
C. O diagnóstico de câncer do endométrio é confirmado se sua espessura for maior que
15mm.
D. Espessura endometrial menor que 5mm torna a presença de câncer de endométrio muito
remota.

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 21
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

60) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

O estrogênio presente no organismo da mulher após a menopausa é resultado de


processo de aromatização. Assinale a alternativa que contém a substância, o produto
da aromatização e o tecido responsável pelo processo que leva à produção de
estrogênio nessa faixa etária:
A. Androstenediona em estradiol pelas células da granulosa dos ovários.
B. Androstenediona em estrona pelo tecido adiposo.
C. Estradiol em estrona pelo tecido adiposo.
D. Testosterona em estradiol pelas adrenais.

61) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A incontinência urinária de esforço (IUE) é o tipo de perda de urina mais comum em


mulheres, podendo o tratamento ser cirúrgico ou não cirúrgico. Em relação ao
tratamento para a incontinência urinaria de esforço, assinale a alternativa ERRADA:
A. As intervenções no estilo de vida reduzem a ocorrência de IUE
B. O tratamento cirúrgico pode ser realizado com slings por via retropúbica ou
transobturatória
C. Os exercícios da musculatura do assoalho pélvico não devem ser indicados como primeira
linha de tratamento
D. Os pessários com suporte podem ser indicados como tratamento conservador

62) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Os miomas uterinos são a indicação mais frequente de histerectomia no Brasil. Em


relação aos miomas uterinos, assinale a alternativa ERRADA:
A. O risco é maior se a história familiar é positiva para miomas em parentes de primeiro grau.
B. Os intramurais diminuem a taxa de fertilidade.
C. São tumores monoclonais.
D. Tanto o estrogênio quanto a progesterona podem promover seu aparecimento.

63) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação aos traumas na gestante, assinale a alternativa ERRADA:


A. A partir de 16 semanas de gestação, o risco de descolamento prematuro de placenta
justifica a ausculta intermitente do BCF (batimento cardio fetal)
B. Na prevenção de traumas em acidentes automobilísticos, o cinto de segurança é de suma
importância quando usado corretamente: a tira inferior deve passar abaixo da projeção
abdominal do útero e sobre as protuberâncias ilíacas e a tira superior passando na porção
média da clavícula, entre os seios, mantendo-se lateralmente ao útero
C. No trauma maior, a atenção prioritária é para as vias aéreas, a respiração e a estabilidade
hemodinâmica da gestante

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 22
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

D. O teste de Kleihauer permite a identificação de hemácias fetais na corrente sanguínea


materna em casos de hemorragias materno-fetais, porém é pouco disponível na prática
clínica

64) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

KLM, 28 anos, sexo feminino, que se encontra na 23ª semana de gestação, apresentou
dor abdominal de forte intensidade, mais precisamente em fossa ilíaca direita, seguida
de náuseas e vômitos. O plantonista que atendeu solicitou alguns exames, pensando
em provável tratamento operatório. Ao exame físico, na interpretação dos exames
complementares e na condução do caso, deve-se levar em consideração algumas
alterações que são próprias da gravidez. Entre as opções abaixo, assinale aquela que
apresenta o item que se encontra REDUZIDO durante a gestação:
A. Atividade da colinesterase plasmática
B. Contagem de leucócitos
C. Concentração plasmática de fibrinogênio
D. Frequência respiratória

65) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Paciente de 37 anos, G2PN1A0, procura serviço de pré-natal com idade gestacional


(IG) de 12 semanas e 3 dias calculada pela data da última menstruação. Informa que é
portadora de hipertensão arterial sistêmica, fazendo uso regular de Captopril (50mg de
12/12h) até uma semana atrás, quando o suspendeu ao saber do resultado positivo
para gravidez através do exame de Beta HCG. Ao exame físico: PA 150 X 100mmHG
em duas medidas com intervalo de 30 minutos, FC 74bpm, útero pouco aumentado de
volume (compatível com IG calculada); colo uterino longo, posterior e fechado. Dentre
as opções abaixo, assinale a conduta MAIS ADEQUADA neste momento para este
paciente:
A. Encaminhar para pronto atendimento em obstetrícia para realizar propedêutica para
síndrome HELLP
B. Iniciar Metildopa ou Nifedipina, orientar a paciente a medir a pressão arterial diariamente
e retornar em uma semana para reavaliação ou antes deste prazo em caso de elevação da
pressão arterial
C. Prescrever Nifedipina sublingual para tratamento da crise hipertensiva
D. Reiniciar Captopril nas doses em que já usava e encaminhar paciente para ser
acompanhada em pré-natal de alto risco

66) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A indução do parto pode diminuir a morbi-mortalidade materna em casos como


gestação prolongada, bolsa rota e pré-eclâmpsia. O sucesso da indução de parto
depende de um bom conhecimento do tema. Em relação à indução do parto, assinale
a alternativa ERRADA:

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 23
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

A. A escolha do método farmacológico para a indução deve se basear no escore de BISHOP:


quanto maior este escore, maior a probabilidade de boa resposta à ocitocina
B. Deve ser evitada em caso de feto morto
C. É necessário certificar-se da vitalidade fetal antes de iniciar esse procedimento nos casos
em que o feto estiver vivo
D. Podem ser utilizadas medidas farmacológicas (misoprostol e ocitocina) ou mecânicas
(sonda de Folley)

67) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Paciente com 18 anos de idade relata atraso menstrual de sete semanas e queixa-se
de dor hipogástrica com sangramento vaginal discreto, estando hemodinamicamente
estável. A dosagem de beta HCG foi de 700mUI/mL e o Ultrassom pélvico endovaginal
não detectou a presença de saco gestacional intrauterino e nem massas anexiais.
Assinale a alternativa que contém a próxima etapa indicada na conduta desta paciente:
A. Iniciar tratamento com metotrexato
B. Realizar videolaparoscopia de urgência
C. Repetir dosagem de beta HCG em 48 horas
D. Repetir Ultrassonografia em 24 horas

68) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

O parto operatório via vaginal é um procedimento que requer grande domínio do


obstetra e permite o sucesso do parto vaginal em muitos casos. Em relação ao parto
operatório via vaginal, assinale a alternativa ERRADA:
A. Em geral, o fórceps apresenta menor risco de trauma para o bebê do que o vácuo-extrator
B. Fórceps e vácuo-extrator são instrumentos importantes na resolução de estado fetal não
tranqüilizador no período expulsivo e em apresentação cefálica
C. O parto operatório vaginal apresenta maior morbidade e mortalidade que a cesariana
D. O vácuo-extrator não deve ser usado antes de 34 semanas de idade gestacional, enquanto
o fórceps pode ser usado em qualquer idade gestacional

69) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Nos últimos anos, importantes maternidades públicas brasileiras instituíram como


protocolo a internação para parto de gestantes com 41 semanas completas de
gestação. Sobre este tema, assinale a alternativa ERRADA:
A. A gestação é considerada a termo até 41 semanas e 6 dias de gestação
B. A indução de parto em gestações de 41 semanas ou mais está associada à redução da
mortalidade perinatal quando comparada à conduta expectante
C. No acompanhamento da indução do parto, devemos aguardar um período de até 12 horas,
caso o parto não seja possível neste prazo, deve-se realizar a cesariana
D. O descolamento manual das membranas amnióticas entre 38-39 semanas de gestação é
uma conduta recomendada e que reduz a incidência de gestações prolongadas

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 24
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

70) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Uma paciente primigesta com gestação a termo, concepto adequado para a idade
gestacional e pré-natal sem intercorrências, é internada às 9 horas com duas
contrações de 30 segundos em 10 minutos. Ao exame, o colo uterino inicia-se a
construção do partograma: apresentação cefálica, bolsa íntegra, 140bpm de FCF,
plano de De Lee-3. A avaliação das 14 horas mostrou colo fino central, permeável para
8cm, plano de De Lee zero, traçado cardiotocográfico tranquilizador. Às 15 horas
ocorreu a ruptura da bolsa com líquido meconial fluido e, às 16 horas, a dilatação do
colo uterino está completa, plano de De Lee zero e 3 contrações em 10 minutos,
durando 40 segundos. Às 17 e às 18 horas, observou-se a mesma condição anotada
na avaliação das 16 horas, mas agora com bradicardia fetal durante as contrações.
Qual o diagnóstico MAIS PROVÁVEL neste caso?
A. Fase ativa prolongada
B. Hipocinesia uterina
C. Parada secundária da descida da apresentação
D. Parada secundária da progressão da dilatação

71) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Sobre a hemorragia puerperal, assinale a alternativa ERRADA:


A. As principais causas são os chamados "quatro Ts", que, em ordem decrescente de
importância, correspondem a: Tecido, Tônus, Trauma e Trombina
B. É a principal causa de morte materna no mundo, especialmente em países em
desenvolvimento
C. Pode levar à Síndrome de Sheehan por isquemia da haste hipofisária
D. São fatores de risco: macrossomia fetal, polidrâmnio e trabalho de parto prolongado

Pediatria

72) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Você está no plantão de pediatria na UPA e atende a um recém-nascido com 15 dias


de vida que iniciou febre (dois picos de 37,9ºC e 38,2ºC nas últimas 24 horas) que cedeu
após uso de antitérmico. Sem outras queixas. A mãe nega alterações durante a
gestação. A criança nasceu de parto vaginal, a termo, com peso de 3.000 gramas e
comprimento de 50cm. Recebeu alta com 36 horas. Ao exame físico: bom estado geral,
afebril no momento, corado, hidratado, acianótico, boa perfusão capilar, otoscopia e
oroscopia sem alterações. Sons respiratórios normais. FR = 45irpm. RCR2T, BNF sem
sopros. FC = 130bpm. Abdômen sem alterações. A conduta MAIS ADEQUADA neste
caso é:

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 25
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

A. Internar para realização de hemograma, exames de urina (rotina, GRAM de gota e


urocultura), hemocultura e punção lombar
B. Internar para observação rigorosa e realização de exames somente em caso de piora do
estado geral, ou febre persistente
C. Orientar observação domiciliar rigorosa e retorno se surgimento de novos sintomas ou
ausência de melhora do quadro em 72 horas
D. Solicitar exames de urina (rotina e GRAM de gota), e orientar retorno no dia seguinte para
reavaliação, ou antes em caso de piorar

73) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Recém-nascido (RN) com 39 semanas de idade gestacional, parto vaginal. APGAR


9/10, peso de nascimento 3.120 gramas. Recebeu alta hospitalar junto com a mãe após
36 horas de vida, sem intercorrências. Foi a primeira gestação da mãe, que fez seis
consultas de pré-natal, sem anormalidades, sendo do grupo sanguíneo O, fator RH
positivo, Coombs indireto negativo. O recém-nascido retornou ao hospital no quinto
dia de vida com icterícia moderada visível até os tornozelos, em aleitamento materno
exclusivo. Dentre as opções abaixo, assinale a CONDUTA MAIS ADEQUADA neste
caso:
A. Indicar fototerapia preventiva devido aos fatores de riscos presentes para a icterícia
neonatal
B. Liberar o recém-nascido para observação no domicílio e retornar ao hospital para
reavaliação após 48 horas
C. Realizar exames do recém-nascido: grupo sanguíneo, fator Rh, dosagem de bilirrubinas
Coombs direto e hemograma com contagem de reticulócitos
D. Suspender o leite materno por 48 horas, sem necessidade de solicitar exames

74) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação às recomendações do Ministério da Saúde sobre a alimentação de crianças


nascidas a termo, nos primeiros dois anos de vida, assinale a alternativa CORRETA:
A. A partir de um ano de idade oferecer alimentação complementar, incluindo fórmulas
lácteas
B. É aconselhável a prática de gratificações (prêmios) para conseguir que a criança coma o
que seja necessário para ela
C. É recomendado leite materno até o sexto mês de vida sem oferecer chás ou qualquer
outro alimento
D. Nos primeiros meses de vida, a preferência é para o sabor salgado, sendo necessário,
após o desmame, a adição de açúcar em pequenas quantidades para estimular o paladar

75) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A sífilis voltou a ser prevalente no Brasil nos últimos anos e, por este motivo, é grande
a preocupação dos obstetras durante a assistência pré-natal com a possível

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 26
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

transmissão vertical. Em gestantes não tratadas ou tratadas inadequadamente para a


sífilis, a taxa de transmissão pode ser de até 80%, sendo, mais frequentemente,
intraútero, apesar de também poder ocorrer na passagem do feto pelo canal do parto.
Em relação à sífilis, assinale a alternativa ERRADA:
A. A Reação de Jarisch-Herxheimer é definida como um quadro autolimitado de exacerbação
das lesões cutâneas e que pode ocorrer após a início do uso de penicilina, não sendo
necessário descontinuar o tratamento
B. A transmissão vertical é maior quando a gestante tem sífilis primária ou secundária
C. Testes treponêmicos são testes que detectam anticorpos reativos a antígenos do T.
pallidum, sendo os primeiros a se tornarem detectáveis, sendo importantes na confirmação
do diagnóstico
D. Em caso de alergia à penicilina, é uma boa opção tratar com ceftriaxona

Preventiva

76) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Lactente, sexo masculino, um ano de idade, assintomático. Mãe relata que a criança
manteve contato com o pai que, há um mês, teve exame de escarro com resultado
positivo para a tuberculose, tendo iniciado o tratamento imediatamente. O exame físico
da criança é normal, sua radiografia de tórax sem alterações e seu PPD de 7mm.
Apresenta boa marca de BCG intradérmico no braço esquerdo. Assinale a conduta
ADEQUADA para o lactente:
A. Acompanhar e manter observação na Unidade Básica de Saúde
B. Considerar infecção latente e indicar quimioprofilaxia com isoniazida
C. Iniciar tratamento completo com isoniazida, pirazinamida e rifampicina
D. Repetir o PPD em quatro semanas

77) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em se tratando da malária, assinale a alternativa ERRADA:


A. A gravidade da doença correlaciona-se sobretudo com a porcentagem de eritrócitos
infectados e com a presença de pigmento malárico em mais de 5% dos neutrófilos à
hematoscopia
B. A infecção por Plasmodium malariae pode acompanhar-se de síndrome nefrótica
decorrente de glomerulopatia por imunocomplexos
C. Na vigência da deficiência de glicose-6-fosfato desidrogenase, a primaquina, uma das
drogas utilizadas no tratamento da protozoose, pode provocar, em seus usuários, hemólise
decorrente de estresse oxidativo sobre os eritrócitos
D. Os pacientes com traço falciforme (hemoglobina AS) são particularmente suscetíveis à
infecção por Plasmodium falciparum que, nesses pacientes, se reveste de maior gravidade

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 27
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

78) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

No que concerne às doenças infecto-parasitárias, assinale a alternativa ERRADA:


A. Na fase aguda da doença de Chagas, além do chamado complexo oftalmo-linfonodal
("sinal de Romaña"), podem surgir manifestações de meningoencefalite que, em geral, são
discretas, mas podem, eventualmente, dominar a sintomatologia, sobretudo em crianças
B. Na febre chikungunya, causada por um alfavírus de origem africana transmitido ao ser
humano pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus, ocorre evidente poliartrite na
maioria dos casos; mas, a exemplo do que acontece com a febre, as manifestações
articulares são fugazes e regridem inteiramente dentro de, no máximo, 15 dias
C. Na leptospirose íctero-hemorrágica, mesmo na vigência de insuficiência renal aguda,
costuma ocorrer hipocalemia, em razão do intenso acometimento tubular, acompanhado de
aumento da caliurese; ademais, observam-se, com frequência, dores nas panturrilhas e
aumento dos níveis séricos da creatinofosfoquinase decorrentes da necrose hialina das fibras
musculares esqueléticas
D. Na salmonelose septicêmica prolongada, que habitualmente se associa à
esquistossomose hepatoesplênica, as bactérias se abrigam no trato digestivo do
Schistosoma mansoni, nesses casos, o tratamento da helmintíase pode acompanhar-se da
cura da infecção bacteriana

79) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

"(...) conjunto de ações que proporciona o conhecimento, a detecção ou prevenção de


qualquer mudança nos fatores determinantes e condicionantes de saúde individual ou
coletiva, com finalidade de recomendar e adotar as medidas de prevenção e controle
das doenças ou agravos." A definição acima se refere a:
A. Avaliação de serviços de saúde.
B. Epidemiologia.
C. Vigilância Epidemiológica.
D. Vigilância Sanitária.

80) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Foi realizado um estudo por Araújo et al (2000), em Caxias do Sul, com o objetivo de
descrever perfil dos neonatos do Estado e estudar a mortalidade neonatal precoce,
suas causas e as variáveis a esta relacionadas. Foram incluídos no estudo 5.545
recém-nascidos e eles foram acompanhados por até sete dias de vida. Calculou-se a
probabilidade de morte neonatal precise (PMNP), utilizando-se a regressão logística
múltipla para relacionar as variáveis estudadas com a mortalidade neonatal precoce.
A PMNP observada foi de 7,44 por mil nascidos vivos. Parte dos resultados deste
estudo encontram-se descritos na tabela abaixo: Fonte: J Pediatr (Rio J)
2000;76(3):200-6 Com relação a estes dados, foram emitidas algumas conclusões;
I) A medida de associação adequada para este estudo é o OddsRatio, já que se trata
de um estudo retrospectivo;

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 28
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

II) O risco de morte prematura foi maior para os recém-nascidos do sexo masculino;
III) As variáveis que mostraram associação com a PMNP foram: número de consultas
pré-natal, ganho de peso na gestação, tipo de parto, idade gestacional de 37-38
semanas e tamanho do RN para idade gestacional;
IV) A medida de frequência obtida por este tipo de estudo é a incidência
V) A medida de associação utilizada neste estudo não permite avaliar o risco de morte
entre os recém-nascidos.
Assinale a alternativa CORRETA:

A. Apenas a afirmativa I é falsa


B. As afirmativas I, III e V são verdadeiras
C. As afirmativas I, IV e V são verdadeiras
D. As afirmativas II e IV são verdadeiras

81) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Os estudos de caso-controle constituem uma forma de pesquisa que avalia se os


indivíduos selecionados por possuírem uma determinada doença (casos) se diferem,
significativamente, de um conjunto de indivíduos comparáveis, mas que não possuem
a doença (controles) em relação à exposição a determinado fator de risco. Trata-se de
uma forma simples e eficiente de estudo que permite a confirmação de associação
entre fatores de risco e doenças.
Com relação a estes estudos, é CORRETO afirmar que:

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 29
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

A. Exigem amostras grandes para acumular eventos raros.


B. Não apresentam limitações quanto aos vieses de seleção e informação.
C. O tempo gasto e os custos associados são relativamente altos.
D. São particularmente adequados para o estudo de doenças raras.

82) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Marque a alternativa que apresenta a sequência dos estudos descritos abaixo que
correspondem aos delineamentos epidemiológicos na seguinte ordem:
TRANSVERSAL, CASO-CONTROLE, COORTE E ENSAIO CLÍNICO.
1) Para testar o efeito de um medicamento fitoterápico no controle da hipertensão
arterial, 200 pacientes hipertensos foram divididos em dois grupos, sendo que o
primeiro utilizou o medicamento existente no mercado e o segundo grupo fez uso do
fitoterápico. Durante seis meses de acompanhamento, a pressão arterial foi
monitorada e os resultados dos dois grupos foram comparados;
2) Durante o ano de 2005, identificou-se, diariamente, uma criança nascida na cidade
de Pelotas e procedeu-se à revisão dos registros de nascimento com o objetivo de
conhecer, entre outras variáveis, o peso ao nascer. As crianças foram classificadas
em dois grupos (peso normal >=2.500g e baixo peso <2.500g), sendo seguidas por um
ano. Ao final deste período, comparou-se a taxa de mortalidade infantil nos dois
grupos;
3) Estudo realizado em uma amostra de alunos ingressantes nas escolas públicas de
um determinado município, em 2016. Realizou-se a avaliação antropométrica e a
ocorrência de desnutrição foi associada com sexo, idade, local de residência e
escolaridade do pai;
4) Todos os óbitos por infarto do miocárdio ocorridos no Hospital das Clínicas da
UFMG no período de 2008 a 2012 foram selecionados e os prontuários médicos foram
revisados. Uma amostra dos óbitos por outras causas, em pacientes da mesma idade,
foi selecionada, revisando-se também os prontuários. Os dados obtidos nos dois
grupos foram comparados Assinale a sequência CORRETA:
A. 3, 4, 2, 1
B. 2, 4, 1, 3
C. 4, 3, 2, 1
D. 3, 4, 1, 2

83) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Considerando a Lei 8080 que dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e
recuperação da saúde e também da organização e o funcionamento dos serviços
correspondentes, é CORRETO afirmar que constitui atividade do Sistema Único de
Saúde (SUS) no âmbito da saúde do trabalhador:
A. Aprovação das instalações de toda empresa nova, antes que esta inicie suas atividades
B. Avaliação da incapacidade para o trabalho do indivíduo vítima de doença profissional e do
trabalho

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 30
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

C. Fiscalização do pagamento dos adicionais de insalubridade pelas empresas


D. Participação na fiscalização e controle dos serviços de saúde do trabalhador nas
instituições e empresas públicas e privadas

84) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Considerando a Resolução nº 1.488/1998 do Conselho Federal de Medicina (CFM) que


dispõe sobre normas específicas para médicos que atendam ao trabalhador, é
CORRETO afirmar que, independentemente de sua especialidade, cabe aos médicos
que trabalham em empresas:
A. Adaptar o trabalhador para as condições de trabalho existentes na empresa
B. Atuar visando a proteção jurídica da empresa
C. Dar conhecimento aos empregadores sobre os trabalhadores vítimas de acidentes
relacionados ao trabalho ocorridos na empresa
D. Notificar, formalmente, ao órgão público competente quando houver suspeita ou
comprovação de transtornos da saúde atribuíveis ao trabalho

85) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador (RENAST) integra a rede


de serviços do Sistema Único de Saúde. Qual das ações abaixo é contemplada por sua
implementação?
A. Caracterização de Estados Sentinela em Saúde do Trabalhador
B. Estabelecimento de Parceria Público-Privada (PPP) para a implementação de ações de
vigilância nos ambientes de trabalho
C. Implementação de assistência jurídica aos trabalhadores
D. Inclusão das ações de saúde do trabalhador na atenção básica

86) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Três pessoas morreram em consequência de uma explosão em uma usina siderúrgica


localizada no município de Ouro Branco, Região Central de Minas gerais, distante 116
quilômetros de Belo Horizonte. O acidente aconteceu em 15 de agosto deste ano e
ocorreu quando um grupo trabalhava na manutenção da parte inferior da coqueria 2
da usina - essencial à fabricação do aço. Duas pessoas, um funcionário da empresa e
um integrante de uma empreiteira, morreram na hora e um terceiro trabalhador morreu
18 dias após o acidente. Outras 10 pessoas foram encaminhadas para hospitais em
Ouro Branco e em Belo Horizonte. Considerando serem as vítimas trabalhadoras com
contratos de trabalho regidos pela Consolidação das leis do Trabalho (CLT), é
CORRETO afirmar que:
A. A assistência médica dos trabalhadores vítimas do acidente deve, nos termos da lei, ser
custeada pela empresa
B. As empresas contratantes devem emitir a Comunicação de Acidentes de Trabalho para
as vítimas fatais imediatamente à ocorrência do óbito

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 31
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

C. As viúvas dos trabalhadores mortos têm direito ao pecúlio por acidente de trabalho pago
pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)
D. Caso o Ministério do Trabalho comprove, na investigação do acidente, que houve
negligência da empresa com as condições de segurança no trabalho, esta será obrigada a
indenizar as famílias dos trabalhadores mortos

87) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

O IBGE realizou em setembro de 2013, junto à Pesquisa Nacional por Amostra


Domiciliar (PNAD), o suplemento da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) em
colaboração com o Ministério de Saúde. Esta pesquisa gerou as informações contidas
na tabela abaixo: Distribuição de pessoas com 18 anos ou mais de idade estimadas na
PNS que referiram ter sofrido acidente de trabalho nos últimos 12 meses e número de
acidentes de trabalho registrados na Previdência Social, segundo sexo, 2013. Os
dados apontam um relato de acidentes de trabalho quase sete vezes superior ao
número de acidentes registrados pela Previdência Social. Com relação aos motivos
para esta discrepância é CORRETO afirmar:

A. A notificação de acidentes de trabalho para o INSS mediante Comunicação de Acidentes


de Trabalho não é obrigatória para trabalhadores com carteira assinada
B. As estatísticas de acidentes de trabalho da Previdência Social não contemplam acidentes
de trajeto e mortes por acidentes de trabalho
C. O Nexo Técnico Epidemiológico descaracteriza aproximadamente 45% das notificações
de acidentes de trabalho notificadas
D. Os registros da Previdência Social não abrangem trabalhadores informais, autônomos e
servidores públicos

88) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A tabela a seguir apresenta os agravos à saúde do trabalhador mais notificados no


Sistema de Informações de Agravos de Notificação entre 2012 e 2014. Número de
notificações de agravos relacionados ao trabalho, por tipo, Brasil Verifica-se que as
Lesões por Esforços Repetitivos/Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao
Trabalho (LER/DORT) corresponderam ao grupo de doenças mais notificadas do
período estudado. Com relação às LER/DORT é CORRETO afirmar:

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 32
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

A. Atingem, principalmente, as mulheres às quais são destinadas as tarefas mais repetitivas


no mercado de trabalho
B. Raramente geram incapacidade para o trabalho
C. São agravadas pela excessiva variabilidade das tarefas
D. Tem como principal causa as fragilidades muscular e/ou tendinosa de alguns
trabalhadores

89) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

O modelo médico assistencial hegemônico no Brasil entre os anos 1950 e 1980 é


denominado de privatista e foi financiado pela Previdência Social. Com relação a este
modelo é CORRETO afirmar que:
A. Decorreu das transformações na economia nacional que de um modelo agrário-exportador
passou para o industrial, com mudanças na postura liberal do Estado e a cisão entre o setor
de saúde pública com o de assistência médica
B. Estava alinhado à necessidade de controle sanitário, com ênfase no saneamento das rotas
de circulação de mercadorias para exportação e o controle de doenças que prejudicassem
esta atividade
C. Organizava-se de forma a garantir resolução com base local dos problemas de saúde a
partir da oferta de serviços de baixos custos pelas Santas Casas de Misericórdia
D. Visava oferecer assistência médica, assistência médico-hospitalar, saneamento básico e
educação sanitária a toda população.

90) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

O Sistema Único de Saúde ainda está em construção do Brasil. Contudo, muitos


avanços ocorreram nas últimas duas décadas. Qual dos eventos abaixo NÃO faz parte
desses avanços?
A. Ampliação do Programa de Saúde da Família
B. Conquista de autonomia frente ao setor privado no nível secundário e terciário de atenção
à saúde
C. Implantação do sistema pré-hospitalar para urgências e emergências
D. Reforma Psiquiátrica

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 33
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

91) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Nos termos da constituição federal, uma das diretrizes do SUS "é a descentralização
com direção única em cada esfera de governo". Qual das alternativas abaixo NÃO
mostra a ação que traduz esta diretriz?
A. A gestão do sistema passa para os municípios.
B. As decisões sobre o SUS estão centralizadas em Brasília, no Ministério da Saúde.
C. O Ministério da Saúde coordena a atuação do sistema no âmbito federal.
D. Ocorre transferência de recursos financeiros da União para os estados e municípios.

92) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A constituição federal de 1988 reconhece a saúde como direito social e define no


Artigo 200 as atribuições do Sistema Único de Saúde. Qual dentre as opções abaixo
NÃO faz parte destas atribuições?
A. Amparar, com benefícios financeiros, o cidadão incapaz para o trabalho por problemas de
saúde
B. Colaborar na proteção do meio ambiente, nele compreendido o do trabalho
C. Ordenar a formação e recursos humanos na área de saúde
D. Participar da produção de medicamento, imunobiológicos, equipamentos de
hemoderivados

93) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

O modelo de sistema de saúde adotado no Brasil baseia-se na concepção de


Seguridade Social. Com relação às características deste modelo, assinale a alternativa
CORRETA:
A. É financiado por toda a sociedade, solidariamente, por meio de contribuições e impostos
B. Faz restrições à intervenção do estado na organização dos serviços de saúde
C. Garante serviços apenas àqueles que contribuem com a previdência social
D. O atendimento está voltado àqueles que comprovam situação de pobreza

94) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Marque a alternativa que apresenta um dos princípios que a Organização Mundial da


Saúde preconiza para embasar a construção da atenção primária nos sistemas de
saúde, tendo em vista sua preocupação com as iniquidades em saúde:
A. Centralidade nas necessidades dos serviços e de seus profissionais.
B. Direcionamento para a assistência à saúde com ênfase em enfermidades específicas.
C. Financiamento sustentável, para permitir a cobertura universal e o acesso equitativo.
D. Foco na qualidade, incluindo a incorporação dos melhores equipamentos e medicamentos
disponíveis.

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 34
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

95) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Com relação à atenção primária em saúde, é CORRETO afirmar:


A. Caracteriza-se pela atenção intermitente à saúde dos indivíduos
B. Constitui o nível no serviço de saúde que oferece a entrada no sistema para todas as
novas necessidades e problemas
C. É ordenada e coordenada pelos níveis secundários e terciários de atenção à saúde
D. Está focada na cura ou controle das condições de maior prevalência na comunidade, não
realizando atividades de vigilância à saúde

96) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

A figura abaixo mostra as curvas de Nelson de Moraes para o Estado do Amazonas


nos anos de 1990 e 2005. Com base no gráfico, é CORRETO afirmar:

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 35
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

A. A curva do gráfico de 1990 pode ser classificada como tipo II (nível de saúde baixo) e a
curva do gráfico de 2005 de tipo III (nível de saúde regular).
B. Houve aumento na mortalidade de maiores de 50 anos, indicando uma piora no acesso a
serviços de saúde destes indivíduos no local avaliado.
C. O indicador de Swaroop e Uemura mostra que houve melhora nas condições de saúde da
população no período avaliado.
D. O nível de saúde do Estado do Amazonas seria classificado em 1990 como em estágio
atrasado de desenvolvimento econômico e de saúde e em 2005 como típico de países
desenvolvidos.

97) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Foi realizado um estudo com 502 adolescentes com idade entre 12 e 18 anos e
residentes no Município do Rio de Janeiro. O objetivo do estudo era verificar a validade
do Índice de Massa Corporal (IMC) como marcador de sobrepeso nesse grupo de
indivíduos. Foram coletados dados antropométricos relativos ao peso, altura e dobra
cutânea. O peso foi obtido com os adolescentes usando roupas leves e sem sapatos.
A estatura foi aferida duas vezes e a dobra subcutânea, registrada em milímetros, três
vezes. A dobra subcutânea subescapular foi utilizada como "padrão-ouro". Os dados
obtidos foram os seguintes: Com base nos dados oferecidos, assinale a opção
CORRETA:

A. A prevalência de sobrepeso nessa amostra foi de 40%.


B. A sensibilidade do IMC para detectar sobrepeso foi de 91% e a Especificidade foi de
aproximadamente 85%.
C. O IMC se mostrou mais eficaz se utilizado como teste de confirmação para sobrepeso e
não como teste de rastreio.
D. O valor preditivo negativo do IMC foi maior que a sensibilidade.

98) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Durante os primeiros cinco dias após o início dos sintomas (fase virêmica) da febre
amarela, é possível realizar a detecção do RNA viral em soro, mediante técnicas
moleculares. O laboratório AXY está comercializando um kit baseado na detecção
quantitativa do RNA do vírus da Febre Amarela por método da PCR em tempo real. O

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 36
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

teste produziu 37 resultados positivos em 18.000 amostras de sangue de pessoas


sadias e 120 positivos em 130 pacientes comprovadamente com febre amarela. Qual a
sensibilidade deste teste?
A. 0,92
B. 1,08
C. 0,002
D. 0,99

99) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

ABC, 44 anos, sexo masculino, agricultor, foi vítima de acidente com enxada na capina
da horta. No hospital, contatou-se fraturas expostas do segundo e terceiro dedos do
pé esquerdo, com a ferida repleta de terra. Informou vacinação anti-tetânica completa
(3 doses) aos 20 anos. Em relação a este caso, assinale a alternativa CORRETA:
A. A limpeza rigorosa das lesões é suficiente para a prevenção do tétano
B. Deve-se administrar imunoglobulina humana antitetânica
C. Deve ser acompanhado por 10 dias, que é o tempo máximo de incubação do tétano
D. Não há necessidade de vacinação, já que recebeu as 3 doses anteriormente

100) [ Residência Médica ] [ PSU ] [ 2018 ]

Em relação às normas de imunização recomendadas pelo Ministério da Saúde, marque


a alternativa ERRADA:
A. Crianças prematuras que tiveram enterocolite necrosante não devem ser vacinadas contra
rotavírus
B. Recomenda-se reforço da vacina para a meningite C aos 12 e 13 anos de idade
C. Está recomendado aplicar uma dose da vacina para hepatite A aos 15 meses ou até 4
anos 11 meses e 29 dias
D. A vacina oral contra a poliomielite está indicada aos 2,4 e 6 meses de idade

Tenha acesso a mais 2.500 QUESTÕES COMENTADAS em nosso material


do Curso Superintensivo. http://www.grupometa.med.br/superintensivo

CLIQUE NO LINK ABAIXO E TENHA ACESSO A MAIS PROVAS!!!


www.grupometa.med.br/materialgratuito

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 37
www.grupometa.med.br PROVA PSU 2018

GABARITO

1-D 22 - B 43 - B 64 - A 85 - D

2-C 23 - B 44 - A 65 - B 86 - B

3-D 24 - B 45 - B 66 - B 87 - D

4-B 25 - B 46 - D 67 - C 88 - A

5-D 26 - B 47 - C 68 - C 89 - A

6-C 27 - C 48 - C 69 - C 90 - B

7-B 28 - A 49 - C 70 - C 91 - B

8-C 29 - D 50 - D 71 - A 92 - A

9-D 30 - A 51 - A 72 - A 93 - A

10 - D 31 - A 52 - C 73 - C 94 - C

11 - D 32 - C 53 - D 74 - C 95 - B

12 - B 33 - D 54 - B 75 - D 96 - C

13 - D 34 - A 55 - A 76 - A 97 -
C,Questão
14 - A 35 - C 56 - D 77 - D
anulada
15 - D 36 - D 57 - C 78 - B
98 - A
16 - B 37 - B 58 - A 79 - C
99 - B
17 - C 38 - A 59 - D 80 - D
100 - D
18 - C 39 - D 60 - B 81 - D

19 - B 40 - A 61 - C 82 - A

20 - A 41 - B 62 - B 83 - D

21 - C 42 - A 63 - A 84 - D

Rua Rio Grande do Norte, 63 sala 41 - Bairro Santa Efigênia - 30.130-130 - BH/MG - Tel.(31) 3245-4025 38