Você está na página 1de 27

LÍNGUA PORTUGUESA

Ensino Fundamental, 9º Ano

Efeitos de sentido decorrentes do uso


dos sinais de pontuação, notações e
outros recursos gráficos
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Existe um jeito “certo” ou “errado” no momento de pontuar


o texto?

Quando produzimos textos temos algumas dúvidas no


momento da pontuação, pois nossa intenção ao escrevermos
é atribuirmos sentidos e significados coerentes através da
linguagem escrita.
Na aula de hoje, vamos desenvolver habilidades de fazer
pausas, expressar sentimentos, perguntar, interromper
pensamentos, destacar expressões utilizando os sinais
gráficos que são os “causadores” da expressividade, e dos
efeitos de sentido que a escrita dispõe para suprir as
entonações típicas da oralidade.
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Para darmos início a nossa aula, vejamos uma


delimitação desses sinais gráficos:

Os sinais de pontuação que delimitam unidades com


entonações específicas e de sentido expressivos na fala
são: a interrogação, a exclamação, as reticências, as aspas.

E os que indicam pausas entre unidades de forma e


sentido são: o ponto final, a vírgula e os dois pontos.
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Para uma melhor compreensão textual alguns vocábulos foram destacados da


seguinte forma: na cor vermelha vocábulos cacofônicos e na cor azul,
vocábulos de Portugal. Antes da leitura do texto leia a legenda abaixo com
atenção.
Portugal Brasil
bica café pequeno
bicha fila
rapariga feminino de rapaz (moça)
telemóvel celular
A confusão de seu José com o Português do português.
Seu José , um idoso que morava num sítio isolado com sua família. Magarete, filha do seu
José, comprou um celular e começou a se comunicar com um rapaz de Portugal. Conversa
vai, conversa vem, o português resolve vir comhecer a jovem e sua família no Brasil.
Magarete, com todo carinho, começa seus afazeres domésticos. O pai, assustado com a
coragem da filha em fazer tantas tarefas a questiona:
___ Porque você tá arrumando a casa desse modo?
___ Pai, aquele celular que comprei me ajudou a arrumar um namorado, ele está
chegando aqui amanhã para me conhecer!
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

___ Donde ele é?


___ De Portugal, lá do exterior...
___Tá certo minha fia, deve ser um rapai bom e trabaiador... Quero que você se case
nova, não quero lhe vê no “caritó”.
O dia passa rapidamente, o rapaz chega à casa da futura noiva, namorada.
___ Bom dia!
___ Bom dia! O Senhor é o moço que conheceu minha fia pelo celular?
___ Sim, senhor, sou eu mesmo. Desde o momento que vi ela, me apaixonei ...
Muito obrigado pelas honras que me já dão aqui em sua casa.
___ Pelo visto me agradei de você de“peitada”... Espere um pouco que minha fia foi ali
na casa da vizinha e já tá voltando.
O semblante de seu José era só alegria e bem maior era o do seu futuro genro que não
segurou a emoção e disparou a falar:
___ Seu José , a viagem me custou muito, mas todos os obstáculos me são válidos.
Peguei um voo Portugal /Brasil e quando desembarquei antes de tomar uma bica, (café
pequeno) fui informado de terem extraviado minha mala. Para resolver o problema tive
que pegar uma grande “bicha”, fila, sem falar no buzão lotado que me trouxe até aqui, mas
isso só aumenta o amor por sua filha.
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Seu josé, inpactado ao escutar o vocabulário do futuro genro, muda "d'água para o
vinho", não conseguindo disfaçar tamanha descepção em seu rosto, mas o português não
cansava de falar os sentimentos do seu coração.
___ Não esqueço das doces palavras no telemóvel... ela é muito sábia, sabia imitar a
sabiá, e tudo isso me fascinou. Não vejo a hora de vê a rapariga e beijar a boca dela!
Neste momento seu José não suportou ouvir tudo aquilo e embargando a voz soltou o
verbo:
___ Como é essa história seu "caba safado“ ? Rapariga? Rapariga é a... E pode "chispar"
daqui seu..., se não lhe “quebro de ripa”! “Quê...qui...mermu,” arrespeite minha fia que ela
é uma "donzela formosa"! Todo mundo na comunidade conhece a moral dela.
O português, desapontado com tantas palavras ofensivas, percebeu que corria risco de
morte pela fisionomia do seu José. Imediatamente jogou as malas nas costas e tomou o
caminho... Sem esperança, triste e desiludido teve um insight:
___ MARGARETE, EU CONTINUO TE AMANDO!

Antes de mais nada é interessante tratarmos de algumas expressões usadas


durante nossa aula:
Contexto é o elemento do texto responsável pelo que compreendemos das
situações vividas , quem diz o quê? , onde? Quando? Para quem ? Com que
finalidade etc...
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Explorando a pontuação expressiva do texto

Os sinais de pontuação que delimitam unidades com entonações


específicas e de sentido expressivos na fala, a interrogação, a
exclamação, as reticências, as aspas deram“um show” na
exploração da compreensão textual. Vejamos no slide seguinte o
efeito de sentido causado por cada um deles.

Situação 1,
O português, rapaz aparentemente nobre , apaixonado, que carregava consigo toda
tradição de seu pais, costumes, língua etc, na qual algumas palavras, por exemplo,
“rapariga” que em Portugal indica o feminino de rapaz, usada de forma respeitosa
no tratamento às senhoritas. Chegando ao Brasil, onde também se fala a língua
portuguesa, usou a expressão normalmente. Todavia acabou gerando um sentido
reprovável, pois esse termo (rapariga), no Brasil, violenta o trato com mulheres, ou
seja, indica tipo de mulher promíscua, sem valores morais na sociedade. Obsevando
a verdadeira intenção do português ao falar, “ não vejo a hora de vê a rapariga e
beijar a boca dela”, faremos um estudo minuncioso sobre o efeito de sentido que a
pontuação gerará à frase.
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Observando o efeito de sentido do ponto de exclamação, qual foi o efeito gerado


pela intenção do português, quando sua expressividade foi falada assim: “não
vejo a hora de vê a rapariga e beijar a boca dela! “?

A expressividade da entonação do jovem, dar-se pela emoção, pelo desejo de conhecer


pessoalmente sua amada poder beijá-la.

Observando o efeito de sentido na reticência , qual foi o efeito de gerado pela


intenção do português se sua expressividade fosse falada assim: “não vejo a hora
de vê a rapariga e beijar a boca dela ... ”?

A expressividade do português assumiria outro rumo, ou seja, dar-se a entender que o


português estava , pensativo ou quem sabe, cansado pela situação de não ter encontrado a
jovem em casa , mostrando um certo medo de ter que esperar mais um pouco para beijá-la .
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Observando o efeito de sentido da interrogação ,qual o efeito gerado pela


intenção do português se sua fala fosse dita dessa forma: “ não vejo a hora de
vê a rapariga e beijar a boca dela?

O jovem português mostraria dúvidas sobre os seus sentimentos, insegurança


na emissão da voz e na ação de beijar, ou não beijar a jovem.

Situaçao 2 ,
Seu josé idoso, carregava toda aquela tradição de bons costumes etc, morava aqui
no Brasil onde a palavra “rapariga “ tem o sentido pejorativo, mulher que possui
valores imorais, sentindo-se desapontado, ofendido pela situação revidou, pois
percebeu tamanha malícia nas palavras do português em relação à sua filha. Por
esse ângulo observaremos o efeito de sentido que a frase, “ não vejo a hora de vê a
rapariga e beijar a boca dela” causou no seu José:
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Observando o efeito de sentido do ponto de exclamação, o que seu José


entenderia da fala do português, “não vejo a hora de vê a rapariga e beijar a boca
dela ! ” nesse enunciado?

Seu José deduziria que ele estivesse dizendo que ela era uma moça sem valores morais e ao
mesmo tempo cheio de sentimentos vulgares querendo vê-la rapidamente para aproveitar-
se do momento, da situação e com isso soltar-lhe um beijo na boca.

Observando o efeito de sentido das reticências, o que seu José entenderia da fala
do português: “não vejo a hora de vê a rapariga e beijar a boca dela ...“ nesse
enuciado?

Seu josé deduziria que o português estivesse imaginando a quantidade da


imoralidade dela a e ao mesmo tempo tramando uma situação para beijá-la.
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Observando o efeito de sentido do ponto de interrogação, o que seu José


entenderia da fala do português, “não vejo a hora de vê a rapariga e beijar a boca
dela ? “, nesse enunciado?

Seu josé entenderia que o jovem estivesse repudiando e se sentido forçado a vê-la e
também sendo obrigado a beijá-la.

Vejamos aqui a fala de seu José:


“ ___ Como é essa história seu "caba safado“ ? Rapariga? Rapariga é a...
E pode "chispar" daqui seu..., se não lhe “quebro de ripa”! “Quê ... qui...
mermu”, arrespeite minha fia que ela é uma "donzela formosa“! Todo mundo
na comunidade conhece a moral dela.”

Pela situação, percebemos que seu José estava furioso, esbravecido. O que ele
quis perguntar, ( __rapariga? ) e o que ele quis responder (__rapariga é a... ) ao
jovem português?
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Pois bem, percebemos também que as reticências e as aspas deram um “show” de uso
no texto.
 As reticências foram usadas para que o leitor completasse o pensamento:
“___ Rapariga é a...”
“___"chispar" daqui seu..., “
 para indicar hesitação, surpresa gagueira:
“___‘’Quê ... qui mermu”...”

As aspas foram usadas no texto para:


 destacar, dar ênfase o falar de uma determinada região:
"caba safado“, "chispar,“ “quebro de ripa,”
 para indicar gagueira na voz:
“Quê ... qui... mermu”
 indicar palavra antiga, arcaísmo:
"donzela formosa,“ “caritó”
 indicar gíria:
“peitada” “bicha”, gíria usada em Portugal, significa fila grande.
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Vejamos os sinais de pontuação responsáveis pelas


pausas entre unidades de forma e sentido: O ponto final, a
vírgula e os dois pontos.

1- O ponto final como unidade se sentido marca o fim de uma frase.


Exemplo:
“ Seu José , um idoso, morava em um sítio isolado com sua família”.

2- A vírgula marca as pausas e as inflexões da voz na leitura. Exemplo:


“O dia passa rapidamente, o rapaz chega a casa da futura noiva, namorada.”

Enfatiza e/ou separa expressões e orações. Exemplo:


“... ela é muito sábia, sabia imitar a sabiá, e tudo isso fascinou meu coração...”
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

2- A vírgula (continuação)
Esclarece o significado da frase, afastando qualquer ambiguidade. Exemplo:
“Para resolver o problema tive que pegar uma grande bicha, fila ,sem falar no
buzão lotado que me trouxe até aqui”.

3_ Os dois pontos usados no texto para introduzir a fala do personagem.


Exemplo:

“O semblante de seu José era só alegria e bem maior era o do seu futuro genro que não
segurou a emoção e disparou a falar:
___ Seu José , a viagem me custou muito, mas todos os obstáculos me são válidos.
Peguei um voo Portugal /Brasil e quando desembarquei antes de tomar uma bica, (café
pequeno) fui informado de terem extraviado minha mala. Para resolver o problema tive
que pegar uma grande “bicha”, fila, sem falar no buzão lotado que me trouxe até aqui,
mas isso só aumenta o amor por sua filha.”
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Outros recursos gráficos como parênteses, travessão, tipos de letras


estiveram presentes:

1- parênteses - para explicar ao leitor o sentido de uma palavra de Portugal no texto.


Exemplo:

“Peguei um voo portugal /Brasil e quando desembarquei antes de tomar uma bica
(café pequeno) fui informado de terem extraviado minha mala.”
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

2_ Travessão - usado para indicar que o personagem estava dialogando no


texto. Exemplo:
“___ Bom dia!
___ Bom dia! O Senhor é o moço que conheceu minha fia pelo celular?
___ Sim, senhor, sou eu mesmo. Desde o momento que vi ela, me apaixonei ... Muito
obrigado pelas honras que me já dao aqui em sua casa.”

3_ Quando utilizamos o texto digitado, além das aspas, podemos também


utilizar outros recursos como: letras em itálico ou negrito (para destacar) e em
CAIXA ALTA, (letra maiúscula) Exemplo:
“Sem esperança, triste e desiludido teve um insight:”

A frase escrita no texto digitado em CAIXA ALTA, ( letra maiúscula) representa o


grito. Exemplo:
“___ MARGARETE, EU CONTINUO TE AMANDO! ”
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

4- Durante o diálago no texto do jovem português percebeu-se a cacofonia,


ou seja, um efeito sonoro desagradável, que se produziu pela
proximidade / semelhança nas palavras semelhantes dentro do discurso.
Exemplos:

“___Sim, senhor, sou eu mesmo... Desde o momento que vi ela , me apaixonei ... Muito
obrigado pelas honras que me já dão aqui em sua casa.”
“___ Não esqueço das doces palavras no telemóvel... ela é muito sábia, sabia imitar a
sabiá, e tudo isso me fascinou. Não vejo a hora de vê a rapariga e beijar a boca dela!”

 Qual ambiguidade ou efeito sonoro estas palavras traz no texto?


Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Para melhor compreensão de efeito de sentido no uso da pontuação,


divirtam-se com a leitura do texto abaixo:
Pontos de Vista
Os sinais de pontuação estavam quietos dentro do livro de Português quando estourou
a discussão.
— Esta história já começou com um erro — disse a Vírgula.
— Ora, por quê? — perguntou o Ponto de Interrogação.
— Deveriam me colocar antes da palavra "quando" — respondeu a Vírgula.
— Concordo! — disse o Ponto de Exclamação. — O certo seria:
"Os sinais de pontuação estavam quietos dentro do livro de Português, quando
estourou a discussão".
— Viram como eu sou importante? — disse a Vírgula.
— E eu também — comentou o Travessão. — Eu logo apareci para o leitor saber que
você estava falando.
— E nós? — protestaram as Aspas. — Somos tão importantes quanto vocês. Tanto que,
para chamar a atenção, já nos puseram duas vezes neste diálogo.
— O mesmo digo eu — comentou o Dois-Pontos. — Apareço sempre antes das Aspas e
do Travessão.
— Estamos todos a serviço da boa escrita! — disse o Ponto de
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Exclamação. — Nossa missão é dar clareza aos textos. Se não nos colocarem corretamente,
vira uma confusão como agora!
— Às vezes podemos alterar todo o sentido de uma frase — disseram as Reticências. — Ou
dar margem para outras interpretações...
— É verdade — disse o Ponto. — Uma pontuação errada muda tudo.
— Se eu aparecer depois da frase "a guerra começou" — disse o Ponto de Interrogação —
é apenas uma pergunta, certo?
— Mas se eu aparecer no seu lugar — disse o Ponto de Exclamação — é uma certeza: "A
guerra começou!"
— Olha nós aí de novo — disseram as Aspas.
— Pois eu estou presente desde o comecinho — disse o Travessão.
— Tem hora em que, para evitar conflitos, não basta um Ponto, nem uma Vírgula, é preciso
os dois — disse o Ponto e Vírgula. — E aí entro eu.
— O melhor mesmo é nos chamarem para trazer paz — disse a Vírgula.
— Então, que nos usem direito! — disse o Ponto Final. E pôs fim à discussão.

(Conto de João Anzanello Carrascoza)


Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Atividades

1º-Leia o texto abaixo:


O Mistério da Herança.
Um homem rico estava muito mal, agonizando. Dono de uma grande fortuna, não
teve tempo de fazer o seu testamento. Lembrou, nos momentos finais, que precisava
fazer isso. Pediu, então, papel e caneta. Só que, com a ansiedade em que estava para
deixar tudo resolvido, acabou complicando ainda mais a situação, pois deixou um
testamento sem nenhuma pontuação. Escreveu assim: 'Deixo meus bens a minha irmã
não a meu sobrinho jamais será paga a conta do padeiro nada dou aos pobres.'
Morreu, antes de fazer a pontuação.

 Dos quatros concorrentes a quem deixava ele a fortuna? A partir de agora você
pontuará o texto agindo como se fosse o advogado dos herdeiros.
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

a)Primeira situação, você defenderá o sobrinho.


b)Segunda situação, você defenderá a irmã.
c)Terceira situação, você deverá fazer com que o padeiro herde a riqueza.
d)Quarta situação, você será responsável para que a riqueza do falecido
chegue às mãos dos pobres.

2º Observe que os sinais desta anedota de Ziraldo foram retirados, para que o texto
garanta seu verdadeiro sentido use a pontuação adequada:
Mãe coruja encontra a amiga __
__Como vai seu filho __
Um gênio __Ele é precoce __
Imagine que está andando a seis meses __
__ Verdade __Diz a outra __
Então já deve estar bem longe __hein __
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

3º_Explique o uso da pontuação nas seguintes orações:


a)Deixou tudo: mulher, filhos, emprego ...
b)Ayrton Senna, brilhante piloto de Fórmula 1, morreu tragicamente.
c) O meu tio trabalha, quer dizer, trabalhava na rua de trás.
d)Campinas, 05 de Julho de 2012.
e) Sinto muito, colega, mas esse livro acabou.

4º-Explique a diferença de sentido entre as frases de cada um dos pares a seguir:


a) Marcos joga bola.
Marcos, joga bola

b) Os motoristas, irresponsáveis, usam o celular enquanto dirigem.


Os motoristas irresponsáveis usam o celular enquanto dirigem.
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

c) A escola tem duzentos alunos que moram na zona rural.


A escola tem duzentos alunos,que moram na zona rural.

d) O órgão enviará fiscais às cidades em que há construções clandestinas.


O órgão enviará fiscais às cidades, em que há construções clandestinas.

5º) Identifique a alternativa que corresponde ao período de pontuação correta:

a) O pai chorando de emoção conheceu, seu primeiro filho.

b) O pai, chorando de emoção conheceu seu primeiro filho.

c) O pai chorando de emoção, conheceu seu primeiro filho.

d) O pai, chorando de emoção, conheceu, seu primeiro filho.

e) O pai, chorando de emoção, conheceu seu primeiro filho.


Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Feias, sujas e imbatíveis


(Fragmento)

As baratas estão na Terra há mais de 200 milhões de anos, sobrevivem tanto no deserto
como nos pólos e podem ficar até 30 dias sem comer. Vai encarar?
Férias, sol e praia são alguns dos bons motivos para comemorar a chegada do verão e
achar que essa é a melhor estação do ano. E realmente seria, se não fosse por um único detalhe:
as baratas. Assim como nós, elas também ficam bem animadas com o calor. Aproveitam a
aceleração de seus processos bioquímicos para se reproduzirem mais rápido e, claro, para
passearem livremente por todos os cômodos de nossas casas.
Nessa época do ano, as chances de dar de cara com a visitante indesejada, ao acordar
durante a noite para beber água ou ir ao banheiro, são três vezes maiores.

(Revista Galileu. Rio de Janeiro: Globo, Nº 151, Fev. 2004, p.26).

6º)-No trecho “Vai encarar?” (l.2), o ponto de interrogação tem o efeito de


(A) apresentar.
(B) avisar.
(C) desafiar.
(D) questionar.
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Resoluções das atividades


1°-1)O sobrinho fez a seguinte pontuação:
Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho. Jamais será paga a conta do padeiro. Nada dou aos pobres.

2) A irmã chegou em seguida. Pontuou assim o escrito :


Deixo meus bens à minha irmã. Não a meu sobrinho. Jamais será paga a conta do padeiro. Nada dou aos pobres.

3) O padeiro puxou a brasa pra sardinha dele:


Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais! Será paga a conta do padeiro. Nada dou aos
pobres.

4) Então, chegaram os pobres da cidade. Espertos, fizeram esta interpretação:


Deixo meus bens à minha irmã? Não! A meu sobrinho? Jamais ! Será paga a conta do padeiro? Nada! Dou aos
pobres.

2º : /?/ !/ !/ !/ ?! /./ ,/ ?!
3º a) em enumeração de termos coordenados
b) no aposto
c) em expressões explicativas
d)separando nome do lugar da data
e) no vocativo
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

4º a) sem a vírgula, marcos é o sujeito da oração, afirma-se que ele é um bom jogador. Com a vírgula,Marcos
passa a ser um vocativo.Faz-se um apelo para que ele jogue bola.
b) com as vírgulas, informa-se que todos os motoristas de um determinado universo são irresponsáveis...Sem
as vírgulas, são irresponsáveis apenas os que usam..
c) Sem a vírgula, afirma-se q a escola tem, mais de 200 alunos dos quais 200 moram na zona rural. Com a
vírgula afirma-se que a escola tem exatamente 200 alunos e que todos moram na zona rural.
d) na primeira frase, diz-se que os fiscais serão enviados apenas às cidades onde há construções clandestinas.
Na segunda, afirma-se que em todas às cidades há construções clandestinas e receberão a visita dos fiscais.
5ºc
6°-c
Língua Portuguesa, 9º Ano , Efeitos de sentido decorrentes do
uso dos sinais de pontuação, notações e outros recursos gráficos

Dados Bibliográficos

ABAURRE, Maria Luiza M. ABAURRE, Maria Bernadete. PONTARA. Marcela. Português: contexto, interlocução e
sentido. Vol. 3. São Paulo: Moderna, 2008.
CEREJA, William Roberto. MAGALHÃES, Thereza Cochar. Português Linguagens, 8 º Ano. 5 ed. Reformada – São
Paulo: Atual, 2009.
Revista Galileu. Rio de Janeiro: Globo, Nº 151, Fev. 2004
SOARES, Magda. Português: Uma proposta para Letramento. 1 ed. São Paulo: Moderna, 2002.
Sites consultados:
https://pt.wikipedia.org/wiki/Caixa_alta_e_caixa_baixa
http://portuguesaplicado.blogspot.com.br/2010/08/notacoes-lexicas.html
http://www.puc-rio.br/ensinopesq/ccpg/normas/aspas_italico_negrito.html
http://www.significados.com.br/cacofonia/
http://educador.brasilescola.com/estrategias-ensino/a-pontuacao-os-efeitos-sentido.htm
http://revistaescola.abril.com.br/lingua-portuguesa/pratica-pedagogica/prova-brasil-9o-ano-procedimentos-
leitura-510853.shtml
https://jucienebertoldo.wordpress.com/category/atividades-com-descritores-lp/