P. 1
Utilização das TIC no Processo Ensino Aprendizagem

Utilização das TIC no Processo Ensino Aprendizagem

|Views: 1.644|Likes:
Relatório final de uma acção de formação
Relatório final de uma acção de formação

More info:

Published by: Francisco Pereira Nunes on Feb 01, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/29/2013

pdf

text

original

CENTRO DE FORMAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO DE ESCOLAS DO CONCELHO DE SEIA

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

Formadora: Fernanda Tavares Formando: Francisco Pereira Nunes Datas: Fevereiro a Junho de 2007

ÍNDICE

1. Introdução ................................................................................................3 1.1 Motivações para a frequência desta oficina de formação...............................................3 1.2 Descrição breve do conteúdo do relatório.............................................................3 2. Descrição dos recursos/trabalhos criados durante a Oficina de Formação ....................................4 2.1 Temas abordados......................................................................................4 2.2 Público-alvo.........................................................................................4 2.3 Finalidades..........................................................................................4 3. Planificação do trabalho a desenvolver em sala de aula ....................................................4 3.1 Capacidades a desenvolver............................................................................4 3.2 Conteúdos disciplinares envolvidos...................................................................5 3.3 Desenvolvimento das estratégias/actividades..........................................................5 4. Descrição pormenorizada do trabalho desenvolvido em contexto de sala de aula ..............................6 5. Avaliação do trabalho desenvolvido ........................................................................6 5.1 Instrumentos de avaliação utilizados.................................................................6 5.2 Feedback dos alunos..................................................................................7 5.3 Resultados obtidos...................................................................................7 5.4 Nível de satisfação do professor.....................................................................7 6. Reflexão Crítica/Memória Final ............................................................................7 6.1 Quadro de Referência:................................................................................7 6.2 Programa da Oficina..................................................................................8 6.3 A importância das TIC e a plataforma Moodle..........................................................8 6.4 Apreciação dos trabalhos e balanço da experiência....................................................9 7. Anexos ...................................................................................................10 7.1 Anexo 1: Ficheiro Word fornecido aos alunos.........................................................10 7.2 Anexo 2: Webquest e Sitio da Turma – Relato da implementação em contexto de sala de aula............10 7.3 Anexo 3: Grelha de observação dos alunos............................................................11 7.4 Anexo 4: Questionários de avaliação dos alunos......................................................12 7.5 Anexo 5: Apresentação do Relatório..................................................................14

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 2 de 14 Págs.

CENTRO DE FORMAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO DE ESCOLAS DO CONCELHO DE SEIA

ACÇÃO DE FORMAÇÃO (na modalidade de Oficina de Formação): A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

RELATÓRIO FINAL

1. Introdução
1.1 Motivações para a frequência desta oficina de formação Não houve motivações especiais para o formando frequentar esta acção de formação. A inscrição resultou de o plano de formação pessoal passar por obter aproveitamento numa acção por ano lectivo. No entanto, os conteúdos da acção constituíram uma motivação adicional para a sua frequência, apesar de o formando já possuir experiência como utilizador de algumas ferramentas informáticas.

1.2

Descrição breve do conteúdo do relatório O relatório pretende fazer uma descrição tão fiel e completa quanto possível, das actividades realizadas pelo formando nas sessões presenciais com os outros participantes na acção, nos trabalhos não presenciais e nas tarefas desenvolvidas com os alunos. Contém ainda uma reflexão final sobre todo o trabalho efectuado, tendo em vista o quadro de referência da formação contínua de professores e o programa da oficina de formação, a importância das TIC, a pertinência do Moodle, a apreciação dos trabalhos elaborados e os resultados alcançados.

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 3 de 14 Págs.

2. Descrição dos recursos/trabalhos criados durante a Oficina de Formação
2.1 Temas abordados Dos vários materiais apresentados para estudo na oficina de formação, (plataforma Moodle, webquests, hot potatoes, blogues, websites, powerpoint, banda desenhada), o formando seleccionou para utilizar com os alunos a construção de uma webquest e de um sitio de Internet. A escolha teve em atenção as características dos alunos que se encontram a iniciar um curso profissional. O formando analisou também todos os trabalhos produzidos pelos outros participantes e, sempre que lhe foi possível, efectuou comentários sobre os mesmos.

2.2

Público-alvo Alunos do 10º ano do Curso Profissional de Manutenção Industrial/Electromecânica, que se espera venham a concluir o curso em 3 anos, apesar das grandes dificuldades de aprendizagem que revelam, da sua desmotivação constante e de alguns problemas de comportamento, nomeadamente nas relações com os restantes membros da comunidade educativa e com os próprios colegas.

2.3

Finalidades Mostrar aos alunos ferramentas que podem contribuir para uma melhor aprendizagem de conteúdos específicos das disciplinas curriculares e ainda servir para partilhar informações entre todos os intervenientes no processo educativo. Utilizar com os alunos as ferramentas seleccionadas, procurando que eles o façam por entenderem que lhes facilita o trabalho pedagógico de aprendizagem.

3. Planificação do trabalho a desenvolver em sala de aula
3.1 Capacidades a desenvolver Potenciar as experiências individuais de procura de informação na Internet e a sua selecção, tendo sempre em vista a melhoria dos conhecimentos dos alunos sobre os conteúdos da disciplina.

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 4 de 14 Págs.

Utilizar um sitio web como local de procura de informação e de partilha dessa informação, que possa eventualmente ser útil para o grupo turma e para os docentes envolvidos no seu processo ensino aprendizagem.

3.2

Conteúdos disciplinares envolvidos Sub-tema Fundição Injectada, do Tema Outros Processos de Fabrico, do Módulo 4 do Programa da disciplina de Tecnologia e Processos, da Formação Técnica do 10º ano do Curso Profissional de Manutenção Industrial/Electromecânica.

3.3

Desenvolvimento das estratégias/actividades

3.3.1 Webquest Na sequência das propostas transmitidas na oficina de formação e da opção atrás referida, o formando elaborou uma webquest referente ao conteúdo disciplinar específico mencionado em 3.2. No início da primeira aula de estudo do sub-tema, o professor apresentou a actividade aos alunos, explicando-a e fornecendo em documento Word a cada um deles, o respectivo endereço (Anexo 1). Os alunos leram a informação contida na webquest e durante o tempo previamente definido, duas semanas, fizeram as pesquisas indicadas, recolheram a informação necessária e elaboraram o trabalho sugerido em suporte de papel. Posteriormente, alguns alunos colocaram na sua página uma versão do trabalho em formato Word.

3.3.2 Sitio da Turma O sitio web da turma, que se pretende venha a manter-se durante os três anos do curso, foi entretanto sendo construído pelo formando com as fotografias dos professores, fornecidas pelos serviços administrativos, com os respectivos nomes e outras informações disponíveis. A informação de que o sitio estava a ser construído foi transmitida aos alunos, a quem foi dada também a seguinte tarefa. Por uma página Web não ser nada de novo para os alunos, foi-lhes pedido que preparassem um texto, durante um período de três semanas, com as informações

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 5 de 14 Págs.

pessoais e trabalhos mais importantes que quisessem partilhar com os outros alunos da turma e com os professores, ou outros visitantes do sitio. Logo que a informação ficou disponível, o formando explicou pessoalmente a cada um dos alunos os procedimentos necessários para colocá-la na respectiva página, online, entrando no sitio http://pages.google.com, após fazer o necessário acesso em https://www.google.com/accounts/Login, o que os alunos realizaram sem grandes dificuldades, com a sua ajuda. Nesta fase foi também explicada aos alunos, de modo individual, a utilização do software Google Page Creator na criação do sítio e das páginas.

4. Descrição do trabalho desenvolvido em contexto de sala de aula
O trabalho em contexto de sala de aula encontra-se descrito no anexo 2.

5. Avaliação do trabalho desenvolvido
5.1 Instrumentos de avaliação utilizados A avaliação dos trabalhos foi efectuada durante a sua implementação e também no final. Quando a webquest e o sitio da turma foram apresentados aos alunos, foi-lhes fornecido em suporte de papel o questionário sugerido pela formadora, para que os mesmos pudessem avaliar a sua implementação. Foram também colocados na plataforma Moodle os endereços electrónicos dos dois trabalhos, para permitir que os restantes participantes na acção pudessem avaliálos, dando assim informações importantes ao formando. Não foi utilizada pelo formando nenhuma grelha de observação dos alunos, específica para as actividades desenvolvidas na oficina, pois o trabalho foi realizado em simultâneo com os restantes conteúdos do módulo. As observações efectuadas foram por isso registadas na grelha de observação do módulo, de que se apresenta uma imagem: Anexo 3.

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 6 de 14 Págs.

5.2

Feedback dos alunos A avaliação feita pelos alunos incidiu sobre os dois trabalhos que vêm sendo referidos: webquest e sitio da turma. A leitura dos questionários de avaliação referidos em 5.1, mostra que quatro alunos (28,6%) ficaram razoavelmente

satisfeitos com as actividades, oito alunos (57,1%) ficaram satisfeitos e dois alunos (14,3%) ficaram muito satisfeitos. Como exemplo, apresentam-se no final dois questionários: Anexo 4.

5.3

Resultados obtidos Os resultados obtidos são bons, tendo em conta os trabalhos desenvolvidos. Todos os alunos aprenderam efectivamente a utilizar uma webquest como sendo um possível instrumento orientador da sua aprendizagem. Aprenderam também como se constrói um sitio de Internet e como se colocam nele os conteúdos, partindo de um recurso online para esse efeito.

5.4

Nível de satisfação do professor O formando considera que o trabalho realizado para os alunos e com os alunos lhe permitiu sentir-se ainda mais útil no desempenho das suas funções como docente. Considera-se ainda muito satisfeito com a utilização de novos instrumentos de trabalho pelos alunos, que adquiriram assim também novas experiências com as TIC.

6. Reflexão Crítica/Memória Final
6.1 Quadro de Referência: O trabalho desenvolvido na oficina e com os alunos teve como primeiro objectivo o reforço da utilização das TIC por estes, nas várias situações de aprendizagem da disciplina que é leccionada pelo formando. Durante as sessões, como seria de esperar, as situações de auto formação estenderam-se para além dessa vertente, abrangendo os restantes formandos, nas intervenções que foram sendo feitas e nas observações que foram servindo de base aos comentários sobre os trabalhos. Em termos de contextualização com o trabalho quotidiano do docente, os saberes adquiridos na oficina reforçam os caminhos até agora seguidos por si e pelos seus

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 7 de 14 Págs.

alunos, apesar da resistência que estes oferecem a instrumentos de trabalho não directamente relacionados com música, telemóveis ou jogos.

6.2

Programa da Oficina Em termos de programa da oficina, o formando adquiriu conhecimentos e competências que não possuía à partida, relacionados com a utilização da plataforma de gestão de formação, embora já conhecesse a sua existência. A sua aprendizagem foi efectuada como aluno, mas como teve oportunidade de acompanhar algum trabalho feito por outros formandos que a utilizaram como docentes, acabou por adquirir também algumas competências nessa área. Adquiriu ainda conhecimentos e competências na utilização das ferramentas de construção de instrumentos de avaliação das aprendizagens, apesar de não ter construído nenhum para os actuais alunos. Reconhece, no entanto, que podem ser aliados eficazes em situações de aprendizagem em que não haja falta de tempo e em que os recursos disponíveis sejam suficientes para todos os alunos.

6.3

A importância das TIC e a plataforma Moodle Um aspecto que pode contribuir para esta reflexão, é sem dúvida a crescente importância das TIC nas interacções professor aluno. Além de serem facilitadoras das aprendizagens, por tornarem os conteúdos mais simples, permitem também aos intervenientes mais possibilidades de trabalho de grupo e que eles comuniquem e se entendam entre si com maior rapidez, independentemente do sítio em que se encontrem e da hora a que o façam. Neste sentido, as plataformas de gestão de formação são um bom exemplo, enquanto extensões da componente presencial. Permitem, para além da aquisição de

competências para auto formação, a interacção entre os actores da formação e a partilha de recursos entre todos. Permitem ainda uma apreciação dos trabalhos elaborados e da participação nas sessões conjuntas. Os resultados que se alcançam serão sempre provavelmente bons, se os tempos e os recursos forem qb.

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 8 de 14 Págs.

6.4

Apreciação dos trabalhos e balanço da experiência Os trabalhos desenvolvidos na acção, disponíveis no fórum da plataforma, são na opinião do formando e na sua maioria, muito interessantes. Dirigidos aos alunos correspondentes aos níveis de ensino em que cada professor lecciona, vão com certeza ser entendidos e utilizados por aqueles com resultados muito positivos e com o entusiasmo próprio de ver e sentir coisas novas. O formando entende ainda que a experiência vivida na oficina de formação correspondeu à sua expectativa inicial e considera-a como muito positiva. Durante o processo não sentiu dificuldades de aprendizagem e participou em todas as sessões conjuntas. Os conteúdos tratados permitiram-lhe aprofundar, e noutros casos adquirir conhecimentos, sobre recursos a utilizar no seu dia a dia com os alunos, o que considera como bastante útil.

Escola Secundária de Seia, 5 de Junho de 2007

O Formando

___________________ (Francisco Nunes)

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 9 de 14 Págs.

7. Anexos
7.1 Anexo 1: Ficheiro Word fornecido aos alunos

7.2

Anexo 2: Webquest e Sitio da Turma – Relato da implementação em contexto de sala de aula Breve caracterização da turma: Alunos com insucesso no Ensino Básico, que pretendem obter conhecimentos e competências que lhes permitam ingressar no mercado de trabalho ao terminarem este ciclo de formação de 3 anos. A maioria dos alunos tem dificuldades económicas e os seus pais possuem reduzidas habilitações académicas. Sumário e tempos: Não foram utilizados tempos específicos para as actividades, porque elas foram sendo desenvolvidas ao longo do trabalho principal do módulo, correspondente ao tema «produção de peças por fundição». Os sumários referem os conteúdos relacionados com esse mesmo tema. Recursos materiais: os trabalhos foram realizados utilizando os materiais de cada um dos alunos, os nove computadores com ligação à Internet e a impressora da sala M5, os ficheiros de informação fornecidos pelo professor e papel fornecido pela Escola. A apresentação final do trabalho foi da responsabilidade de cada um dos alunos.

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 10 de 14 Págs.

Observações e resultados: Aspectos positivos – a motivação e o interesse que foram demonstrados por alguns alunos, para quem as actividades constituíram por certo, uma experiência a repetir. Principais dificuldades encontradas – as normais quando se trabalha com alunos com estas características, sempre muito desmotivados para as aprendizagens escolares, que consideram quase sempre menos atraentes que as não escolares. Sugestões de melhoria – introduzir progressivamente no processo ensino aprendizagem os instrumentos de avaliação e de controlo estudados, acompanhando sempre que possível a evolução dos recursos materiais da Escola e dos alunos.

7.3

Anexo 3: Grelha de observação dos alunos Utilizada durante o trabalho de grupo, nas aulas de pesquisa de bibliografia e de outra informação relacionada com os temas em estudo.

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 11 de 14 Págs.

7.4

Anexo 4: Questionários de avaliação dos alunos

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 12 de 14 Págs.

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 13 de 14 Págs.

7.5

Anexo 5: Apresentação do Relatório

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

Motivações para a frequência desta oficina de formação

Recursos/trabalhos criados durante a Oficina de Formação 1. Dos vários materiais apresentados para estudo na oficina de formação, (plataforma Moodle, webquests, hot potatoes, blogues, websites, powerpoint, banda desenhada), o formando seleccionou para utilizar com os alunos a construção de uma webquest e de um sitio de Internet. 2. A escolha teve em atenção as características dos alunos, que se encontram a frequentar o 10º ano do Curso Profissional de Manutenção Industrial/Electromecânica. 3. O formando analisou também todos os trabalhos produzidos pelos outros participantes e, sempre que lhe foi possível, efectuou comentários sobre os mesmos.
FORSEIA - FRANCISCO NUNES

RELATÓRIO FINAL

• Não houve motivações especiais para o formando frequentar esta acção de formação. • A inscrição resultou de o plano de formação pessoal passar por obter aproveitamento numa acção por ano lectivo.

Formadora: Fernanda Tavares Datas: Fevereiro a Junho de 2007

• No entanto, os conteúdos da acção constituíram uma motivação adicional para a sua frequência, apesar de o formando já possuir alguma experiência como utilizador de ferramentas informáticas.

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

Trabalho em Sala de Aula (1-Capacidades a desenvolver)

Trabalho em Sala de Aula (2-Desenvolvimento das actividades)
Na sequência das propostas transmitidas na oficina de formação, o formando elaborou uma webquest referente a um conteúdo disciplinar específico. No início da primeira aula de estudo desse conteúdo, o professor apresentou a actividade aos alunos, explicou-a e forneceu em documento Word a cada um deles, o respectivo endereço Os alunos leram a informação contida na webquest e durante o tempo previamente definido, duas semanas, fizeram as pesquisas indicadas, recolheram a informação necessária e elaboraram o trabalho sugerido em suporte de papel. Posteriormente, alguns alunos colocaram na sua página uma versão do trabalho em formato Word.

Trabalho em Sala de Aula (3-Desenvolvimento das actividades)
O sitio web da turma, que se pretende venha a manter-se durante os três anos do curso, foi entretanto sendo construído pelo formando com as fotografias dos professores, fornecidas pelos serviços administrativos, com os respectivos nomes e outras informações disponíveis. Por uma página Web não ser nada de novo para os alunos, foi-lhes pedido que preparassem um texto, durante um período de três semanas, com as informações pessoais e os trabalhos mais importantes que quisessem partilhar com os outros alunos da turma e com os professores ou outros visitantes do sitio. Logo que a informação ficou disponível, o formando explicou pessoalmente a cada um dos alunos os procedimentos necessários para colocá-la na respectiva página, on- line, entrando no sitio http://pages.google.com, após fazer o acesso em https://www.google.com/accounts/Login, o que os alunos realizaram sem grandes dificuldades.
FORSEIA - FRANCISCO NUNES

Potenciar as experiências individuais de procura de informação na Internet e a sua selecção, tendo sempre em vista a melhoria dos conhecimentos dos alunos sobre os conteúdos da disciplina. Utilizar um sitio web como local privilegiado de informação e de partilha dessa informação, que possa eventualmente ser útil para o grupo turma e para os docentes envolvidos no seu processo ensino aprendizagem.

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

Trabalho em Sala de Aula (4-Imagens do Trabalho)

Instrumentos de avaliação utilizados
– A avaliação dos trabalhos foi efectuada durante a sua implementação e também no final. Quando a webquest e o sitio da turma foram apresentados aos alunos, foi-lhes fornecido em suporte de papel o questionário sugerido pela formadora, para que os mesmos pudessem avaliar a sua implementação. – Foram também colocados na plataforma Moodle os endereços electrónicos dos dois trabalhos, para permitir que os restantes participantes na acção pudessem avaliá-los, dando assim informações importantes ao formando.

Feedback dos alunos

• A avaliação feita pelos alunos incidiu sobre os dois trabalhos que vêm sendo referidos: webquest e sitio da turma. • A leitura dos questionários de avaliação mostra que quatro alunos (28,6%) ficaram razoavelmente satisfeitos com as actividades, oito alunos (57,1%) ficaram satisfeitos e dois alunos (14,3%) ficaram muito satisfeitos.

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

OFICINA DE FORMAÇÃO: A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem

Nível de satisfação do professor

Endereços e Comentários
WEBQUEST

Imagens

♦ O formando considera que o trabalho realizado para os alunos e com os alunos lhe permitiu sentir-se ainda mais útil no desempenho das suas funções como docente.
SITIO DA TURMA

♦ Considera-se ainda muito satisfeito com a utilização de novos instrumentos de trabalho pelos alunos, que adquiriram também novas experiências com as TIC.

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

FORSEIA - FRANCISCO NUNES

_________________________________________________________________________________________ FORSEIA – Oficina de Formação «A utilização das TIC nos processos de ensino/aprendizagem» Francisco Pereira Nunes – RELATÓRIO FINAL – Pág. 14 de 14 Págs.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->