Você está na página 1de 37

CONHECIMENTOS

ESPECÍFICOS

EDUCA FAR
CONCURSOS
Materiais em
PDF
PREPARATÓRIO
EXÉRCITO 2019

www.educafar.com.br
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

MÓDULO = SIMULADO 1

AULA EXTRA
OBSERVAÇÃO IMPORTANTE: ESTE MATERIAL É PROTEGIDO POR DIREITOS AUTORAIS
(COPYRIGHT), NOS TERMOS DA LEI 9.610/98, QUE ALTERA, ATUALIZA E CONSOLIDA A
LEGISLAÇÃO SOBRE DIREITOS AUTORAIS E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

GRUPOS DE RATEIO E PIRATARIA SÃO CLANDESTINOS, VIOLAM A LEI E PREJUDICAM OS


PROFESSORES. NOSSA EQUIPE ESTÁ IDENTIFICA E COMBATE ESTA PRÁTICA
EMBASADA NA LEGISLAÇÃO VIGENTE!

VALORIZE O TRABALHO DOS PROFESSORES ADQUIRINDO OS CURSOS HONESTAMENTE


ATRAVÉS DO SITE EDUCA FAR.

Página 1 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

CONSIDERAÇÕES INICIAIS

Olá concurseiros!

Sejam bem-vindos ao EDUCA FAR CONCURSOS! Estamos muito felizes


com sua presença aqui. Que tal já conseguir um tempinho nessa primeira
semana e já fazer esse simulado diagnóstico. Faça o simulado e nos envie o
seu resultado. Queremos saber como está o seu conhecimento prévio e
utilizar essas informações para subsidiar estratégias focalizadas para o
preparatório ser mais personalizado disponível à sua necessidade 

Antes de iniciar o simulado, leia abaixo um tira-dúvidas do concurso


EXÉRCITO PARA FARMACÊUTICOS.

Página 2 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

PERGUNTAS E RESPOSTAS FREQUENTES

 Como posso me inscrever para o Concurso de Admissão ao Curso de


Formação de Oficiais do Serviço de Saúde do Exército Brasileiro?

Resposta: As inscrições somente poderão ser realizadas por intermédio do site da EsSEx.

 Como obter todas as informações a respeito do concurso?

Resposta: O documento oficial que regula todas as etapas do concurso é o seu edital. Ele
é publicado no Diário Oficial da União. É desejável que o candidato leia TODAS as
informações contidas no edital e no Manual do Candidato, ambos estarão disponíveis no
site da EsSEx.

 Qual a idade limite para ingressar na Escola de Saúde do Exército?

Resposta: O candidato deverá possuir idade de, no máximo, 36 (trinta e seis) anos,
completados no período de 1o de janeiro a 31 de dezembro do ano da matrícula na
Escola de Saúde do Exército, conforme a lei 12.705 de 2012, artigo 4º inciso V do edital do
concurso.

 Para realizar a inscrição no Concurso de Admissão, é necessário que o


candidato esteja inscrito no Conselho Regional da Classe Profissional ?

Resposta: Não, porém, para realizar a matrícula, é necessário estar registrado no


órgão fiscalizador da profissão a que concorre. Para a comprovação deste requisito, por
ocasião da efetivação da matrícula, será exigido o registro profissional expedido pelo
órgão fiscalizador da profissão, assim como a documentação comprobatória da
especialidade na qual se inscreveu.

 Há exigência de altura mínima para os candidatos?

Resposta: Sim, ter, no mínimo, 1,60m (um metro e sessenta centímetros) de altura, se
do sexo masculino, ou 1,55m (um metro e cinquenta e cinco centímetros) de altura, se do
sexo feminino, devido as especificidades da carreira militar.

Página 3 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

 O candidato(a) poderá possuir tatuagens pelo corpo?

Resposta: Sim, desde que suas tatuagens que, nos termos de detalhamento
constante de normas do Comando do Exército, não faça alusão à ideologia terrorista ou
extremista contrária às instituições democráticas, à violência, à criminalidade, à ideia ou
ato libidinoso, à discriminação ou preconceito de raça, credo, sexo ou origem ou, ainda,
à ideia ou ato ofensivo às Forças Armadas.

 Como fazer para realizar o pagamento da taxa de inscrição do concurso?

Resposta: O pagamento da inscrição será feito através da GRU(Guia de


Recolhimento da União), que será impresso diretamente do link da plataforma de
inscrição e deverá ser pago até o último dia do período de inscrição.

 Haverá restituição da taxa de inscrição?

Resposta: Em hipótese alguma haverá restituição de taxa de inscrição.

 Poderá haver isenção do pagamento da taxa de inscrição?

Resposta: Sim, tendo o(a) candidato(a) atendido TODOS os requisitos exigidos,


perfeitamente comprovados, constantes no Artigo 22 do edital do concurso.

 Quais são as condições de movimentação após a conclusão do curso na


EsSEx?

Resposta: I - decorrerá de escolha individual do futuro aluno(a), em estrita


observância ao critério do “mérito intelectual” (por ordem de classificação na turma),
independentemente do seu estado civil ao término do curso;

II - se o concluinte for cônjuge de outro militar do Exército, e este estiver residindo em


localidade diferente daquela para a qual for feita a movimentação (o que caracterizaria
a separação dos mesmos), o cônjuge não concluinte poderá requerer sua transferência,
por interesse próprio, para a mesma guarnição ou sede, a fim de permitir o
restabelecimento da união conjugal;

III - no caso de classificação de cônjuges, ambos concluintes, em localidades


diferentes, um deles poderá requerer, após um ano de efetivo serviço nas guarnições ou
sedes de destino, sua transferência, por interesse próprio, para a mesma guarnição ou
sede, a fim de permitir o restabelecimento da união conjugal;

Página 4 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

IV - a movimentação do militar, concluinte do curso ou não, após a observância dos


itens I, II ou III, estará condicionada à existência de cargo vago correspondente a seu
posto/graduação, em organização militar da guarnição desejada; não havendo vagas
e, após um ano de efetivo serviço do concludente na guarnição ou sede para a qual este
for movimentado, outra opção será ofertada a um dos cônjuges, para transferência, por
interesse próprio, visando conciliar os interesses do serviço e do casal.

 Caso eu seja aprovado(a) no exame intelectual e convocado(a), qual o


procedimento para a inspeção de saúde?

Resposta: Por ocasião da Inspeção de Saúde, o(a) candidato(a) convocado(a)


deverá comparecer ao local determinado pela Guarnição de Exame portando o seu
documento de identificação e carteira de vacinação, caso a possua. Terá, ainda, que
apresentar, obrigatoriamente, os laudos dos exames médicos complementares
relacionados no Edital e no Manual do Candidato, com os respectivos resultados, cuja
realização é de sua total responsabilidade. Serão aceitos os exames datados de, no
máximo, 2 (dois) meses antes do último dia previsto no Calendário Anual do Concurso de
Admissão para a realização da Inspeção de Saúde.

 Posso escolher a sede de meu interesse para realizar o Exame de Aptidão


Física (EAF) e a Inspeção de Saúde (IS)?

Resposta: O Exame de Aptidão Física (EAF) e a Inspeção de Saúde (IS) serão


centralizados e realizados na cidade do Rio de Janeiro, em local a ser posteriormente
divulgado.

 Quais os requisitos ou diplomas para a matrícula para as vagas de


Farmacêuticos?

Resposta: As vagas para farmacêutico só poderão ser preenchidas por candidatos


com diploma de graduação em Farmácia, sendo obrigatória a apresentação do mesmo
durante a etapa de comprovação dos requisitos para matrícula. Não há necessidade de
certificado de especialização para farmacêuticos, já sendo suficiente para a inscrição o
diploma de graduação em Farmácia.

Página 5 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

SIMULADO DIAGNÓSTICO

01. De acordo com Farmacopeia Brasileira, 5ª edição - Primeiro Suplemento,


a rotação óptica é a propriedade que apresentam algumas substâncias
líquidas ou solutos em solução de girar o plano de polarização da luz
polarizada que sobre elas incide. Sobre esse assunto e os seus
conhecimentos de química farmacêutica julgue os itens abaixo:
I – Esta propriedade é característica de muitas substâncias que
apresentam centros quirais, constituídos muito frequentemente por
átomos de carbono com quatro substituintes semelhantes (centro
simétrico).
II – O número máximo de isômeros ópticos possíveis de uma
molécula é de 2n, sendo n o número de centros assimétricos.
III – As substâncias quirais cujas moléculas não são superponíveis,
mas são imagens especulares denominadas enantiômeros.
IV – Os polarímetros são aparelhos que detectam a rotação óptica
de modo visual (ao igualar a intensidade da luz sobre dois campos)
ou por meio de um sistema fotoelétrico, sendo estes últimos mais
exatos e precisos que os de medição visual.

(A) Somente os itens II e III estão corretos


(B) Somente os itens I, II e III estão corretos
(C) Somente II, III e IV estão corretos
(D) Todos os itens estão corretos

02. Conforme a Farmacopeia Brasileira, 5ª edição - Primeiro Suplemento,


muitas substâncias se encontram na forma de hidrato ou contêm água
adsorvida, por isso é relevante sua determinação por métodos específicos.
Um dos métodos que estão descritos nesse compêndio é o que se baseia na
determinação volumétrica de água por uma reação quantitativa da água
com uma solução anidra de dióxido de enxofre e iodo na presença de uma
solução tamponante, que reage com os íons hidrogênio, segundo a seguinte
reação:

O método descrito é:

Página 6 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

(A) MÉTODO DE KARL FISCHER.


(B) MÉTODO AZEOTRÓPICO - DESTILAÇÃO COM TOLUENO.
(C) EPIFLUORESCÊNCIA DIRETA.
(D) TÉCNICA MALDI-TOF.

03. Considerando os seus conhecimentos sobre os parâmetros essenciais


para a validação de métodos microbiológicos em laboratórios, assinale a
alternativa que apresenta o parâmetro que representa “o grau de
reprodutibilidade dos resultados obtidos no teste por análise da mesma
amostra com variações das condições normais do teste, tais como:
instrumentos, lotes de reagentes e laboratórios. Possibilita estabelecer a
viabilidade da técnica face às variações deliberadas nos parâmetros
operacionais”
(A) Robustez
(B) Exatidão
(C) Precisão
(D) Limite de detecção

04. Considerando o documento “Boas práticas de farmacovigilância para as


Américas” da OPAS, é incorreto afirmar que
(A) A farmacovigilância é definida como a ciência e atividades
relativas à detecção, avaliação, compreensão e prevenção dos efeitos
adversos ou de quaisquer outros problemas relacionados a
medicamentos.
(B) Entre os objetivos da farmacovigilância encontra-se o de: velar pelo
cuidado e segurança dos pacientes no tocante ao uso de
medicamentos e quaisquer intervenções médicas.
(C) A farmacovigilância estuda os efeitos indesejados ou reações
adversas provocados exclusivamente pelos medicamentos, ficando
outros gêneros como os dispositivos médicos, vacinas, hemoderivados a
cargo de tecnovigilância, hemogivilância, etc.
(D) A metodologia utilizada pelos centros participantes do Programa
Internacional de Farmacovigilância da OMS baseia-se em um sistema
de notificações espontâneas baseado na identificação e detecção
das suspeitas de reações adversas pelos profissionais da saúde em sua
prática diária e no envio desta informação a um organismo que a
centraliza.

Página 7 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

05. Considerando o documento “Boas práticas de farmacovigilância para as


Américas” da OPAS, é incorreto afirmar que:
(A) Uma documentação completa e atualizada é fundamental para o
sistema de garantia da qualidade e para as boas práticas em
farmacovigilância. A importância disto é devida ao fato de que as
notificações podem gerar sinais, e, portanto, sua qualidade é decisiva
para uma avaliação apropriada da possível relação causal entre o
medicamento e os eventos adversos.
(B) Os métodos de farmacovigilância ativa são tão importantes quanto
a notificação espontânea, pois fornecem dados pertinentes de
populações especiais e medicamentos específicos.
(C) Bactérias patogênicas são frequentemente encontradas em
biofilmes, especialmente as micobactérias.
(D) A definição de notificação individual de caso em farmacovigilância
jamais se refere especificamente a um paciente que apresentou um
acontecimento médico adverso (ou alteração laboratorial) suspeito(a)
de ter sido ocasionado(a) por um medicamento.

06. As cefalosporinas foram introduzidas na década de 60, pelo fato de as


penicilinas não serem mais efetivas contra estafilococos. São classificadas
em cefalosporinas de 1ª, 2ª, 3ª e 4ª geração. Atualmente o grupo mais
abrangente das cefalosporinas é o das de terceira geração, devido às suas
características farmacocinéticas e ao seu ampliado espectro de ação. É
considerado um exemplo de cefalosporina de 3ª Geração:
(A) Cefaclor.
(B) Cefazoline.
(C) Cefepime.
(D) Ceftriaxone.

07. Os antibióticos beta-lactâmicos se caracterizam pela presença, em sua


estrutura química, do anel β-lactâmico, responsável pela sua ação
antimicrobiana. A ligação do anel βlactâmico com outros diferentes anéis,
como anel tiazolidínico, nas penicilinas, ou o anel di-hidrotiazina, nas
cefalosporinas, compõem as estruturas básicas que caracterizam as
diferentes classes de antibióticos beta-lactâmicos, com base nisso a
nomenclatura correta das seguintes classes é:

Página 8 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

I).
II).

(A) Penicilinas e Monobactams.


(B) Cefalosporinas e Carbapenêmicos.
(C) Penicilinas e Cefalosporinas.
(D) Cefalosporinas e Monobactams.

08. A malária é uma doença infecciosa cujo agente etiológico é um parasito


do gênero Plasmodium. As espécies associadas à malária humana são:
Plasmodium falciparum, P. vivax P. malariae e P. ovale. Considerando o tema
julgue os itens abaixo:
(A) No Brasil, nunca foi registrada transmissão autóctone de P. ovale,
que é restrita a determinadas regiões da África.
(B) A infecção inicia-se quando os parasitos (esporozoítos) são
inoculados na pele pela picada do vetor.
(C) Os ciclos eritrocitários repetem-se a cada 48 horas nas infecções por
P. malariae e a cada 72 horas nas infecções por P. vivax e P. falciparum.
(D) Os hipnozoítos são responsáveis pelas recaídas da doença que
ocorrem após períodos variáveis de período de incubação.

09. Laboratorialmente, o diagnóstico da malária a técnica que é a mais


utilizada para o diagnóstico laboratorial da malária e continua sendo
considerada como o “padrão ouro” para a confirmação específica da
doença:
(A) Gota espessa.
(B) Hemograma.
(C) Esfregaço Sanguíneo.
(D) ELISA.

Página 9 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

10. “Mulher, 55 anos, apresenta distúrbio de marcha e dormência nas pernas.


Recebeu um diagnóstico de deficiência de vitamina B12. Ao analisar a
lâmina do esfregaço sanguíneo dessa paciente no microscópio óptico,
identificou‐se presença de corpúsculos de Howell‐Jolly, poiquilositose,
macrositose e coloração normais das hemácias.” Assinale o tipo de anemia
que esta paciente apresenta.
(A) Anemia de Fanconi (macrocítica normocrômica).
(B) Anemia sideroblástica (macrocítica normocrômica).
(C) Anemia megaloblástica (macrocítica normocrômica).
(D) Anemia hipoproliferativa (macrocítica normocrômico).

11. Acidose e alcalose são termos clínicos que definem um distúrbio primário
ácido-base. Eles podem ser utilizados até mesmo quando a [H+] está dentro
do limite normal, ou seja, quando as desordens estão completamente
compensadas.

 Acidose metabólica = a desordem primária é a redução na concentração


de bicarbonato.
 Alcalose metabólica = a desordem primária é um aumento no bicarbonato.
 Acidose respiratória = a desordem primária é um aumento na PCO2.
 Alcalose respiratória = a desordem primária é a redução na PCO2

Sobre o termo e cada afirmativa, é correto:

(A) V-V-V-V
(B) F-F-F-F
(C) V-V-F-F
(D) F-F-V-V

12. As pancreatopatias crônicas são tratadas com a reposição de enzimas


pancreáticas. Assinale a alternativa a seguir que apresenta enzimas
pancreáticas.
(A) Lipase, amilase, tripsina.
(B) Amilase, pepsina, colina.
(C) Tripsina, lipase, gastrina.
(D) Pepsina, gastrina, amilase.

Página 10 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

13. Do ponto de vista da toxicologia, sabe-se que a intoxicação por salicilato


pode causar acidose metabólica grave, a partir da qual o paciente pode não
mais se recuperar. A investigação da presença desse fármaco comum deve
ser realizada caso houver alguma probabilidade de ele ter sido ingerido. Uma
forma de tratamento para intoxicação por salicilato é pela administração
intravenosa de _______________, que aumenta a excreção de salicilato e
ajuda na correção da acidose.
(A) carvão ativado
(B) bicarbonato
(C) cloreto de sódio 20%
(D) N-acetilcisteína

14. O metanol pode estar presente como adulterante do álcool combustível


e como contaminante na fabricação de bebidas clandestinas. Também
utilizado em fluidos de limpadores de para-brisa e como um dos
componentes em mistura de solventes. A intoxicação ocorre pela
biotransformação do metanol em ácido fórmico, levando à acidose
metabólica, cegueira e morte. É a principal causa de intoxicação por álcoois,
é um exemplo de antídoto:
(A) citrato de sódio
(B) N-acetilcisteína
(C) Agentes quelantes
(D) Etanol

15. Um paciente com doença crônica, em acompanhamento ambulatorial,


precisou ser internado. Foi solicitado aos familiares que trouxessem os
medicamentos de uso crônico, que estavam em sua residência, para que ele
pudesse dar continuidade ao tratamento. Ao receber a receita na farmácia,
para reposição do tratamento, o farmacêutico constatou que as doses
estavam muito divergentes e a correção foi providenciada para
fornecimento adequado. Nesta situação identifica-se a promoção do uso
racional, a orientação farmacêutica, o seguimento/acompanhamento
farmacoterapêutico e a dispensação, que são componentes gerais da:
(A) Atenção Farmacêutica
(B) Farmácia Clínica
(C) Assistência Farmacêutica
(D) Educação Farmacêutica

Página 11 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

16. A atenção farmacêutica é a provisão responsável do tratamento


farmacológico com o propósito de alcançar resultados concretos que
melhorem a qualidade de vida do paciente. Diante do enunciado, assinale a
resposta INCORRETA referente ao método Dáder.
(A) O método Dáder se baseia na história farmacoterapêutica do
paciente, isto é, os problemas de saúde que ele apresenta e os
medicamentos que ele utiliza.
(B) A intervenção farmacêutica é uma ação do farmacêutico que tem
como objetivo melhorar o resultado clínico dos medicamentos,
mediante a modificação de utilização destes.
(C) Na etapa de oferta de serviço do método Dáder, o objetivo é
sensibilizar o paciente sobre a corresponsabilidade e colaboração, em
relação à participação dele na tomada de decisões relacionadas ao
tratamento com medicamento.
(D) O método Dáder de atenção farmacêutica surgiu nos EUA e
expandiu suas ações para Espanha, por meio de grupo de pesquisa em
Granada.

17. Solução aquosa de certa viscosidade de aplicação tópica em cavidade


bucal e orofaringe:
(A) Elixir.
(B) Xarope.
(C) Colutório.
(D) Emulsão.

18. Assinale a alternativa CORRETA sobre farmacocinética:


(A) A dose “padrão” sempre é adequada a todos os pacientes.
(B) A depuração de um fármaco relaciona a quantidade do fármaco
no organismo com a concentração do fármaco no sangue ou plasma.
(C) A dose “padrão” de um fármaco baseia-se em estudos realizados
em voluntários saudáveis e pacientes com capacidade média de
absorver, distribuir e eliminar o fármaco.
(D) A evolução do fármaco no organismo depende exclusivamente da
depuração.

Página 12 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

19. Numere a COLUNA II de acordo com a COLUNA I, associando


corretamente os pares de antineoplásicos com o grupo ao qual pertencem:
Coluna I Coluna II
(___) Agentes hormonais
Mercaptopurina e citarabina
1. Mostarda nitrogenada e ciclofosfamida
2. Mercaptopurina e citarabina (___) Agentes antibióticos
3. Tamoxifeno e flutamida Tamoxifeno e flutamida
4. Doxorubicina e bleomicina
(___) Antimetabólitos
Doxorubicina e bleomicina

(___) Agentes alquilantes

(A) 1, 3, 4, 2.
(B) 2, 1, 3, 4.
(C) 3, 4, 2, 1.
(D) 4, 2, 1, 3.

20. A Portaria SVS/MS nº. 344/1998 aprova o regulamento técnico sobre


substâncias e medicamentos sujeitos a controle especial e dispensa os
estabelecimentos hospitalares de notificação de receita.
Diante do exposto, relacione as listas à sua devida descrição.

(A) Substâncias entorpecentes de uso permitido apenas em


concentrações especiais.
(B) Substâncias retinóicas.
(C) Substâncias entorpecentes.
( D) Substâncias psicotrópicas.

( ) Lista A1
( ) Lista A2
( ) Lista B1
( ) Lista C2.
(A) B – D – A – C
(B) D – A – B – C
(C) C – A – D – B
(D) B – A – D – C
Página 13 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

21. Assinale a definição correta, de acordo com a RDC 17 de 2010.


(A) Amostra de referência é a quantidade de amostra estatisticamente
calculada, representativa do universo amostrado, tomada para fins de
análise para liberação do lote do material ou produto.
(B) Área segregada é uma área com controle ambiental definido em
termos de contaminação por partículas viáveis e não viáveis, projetada,
construída e utilizada de forma a reduzir a introdução, geração e
retenção de contaminantes em seu interior.
(C) Controle em processo são as verificações realizadas durante a
produção, de forma a monitorar e, se necessário, ajustar o processo
para garantir que o produto se mantenha conforme suas
especificações.
(D) Validação prospectiva é a evidência documentada que atesta,
com um alto grau de segurança, que um processo específico produzirá
um produto de forma consistente, que cumpra com as especificações
pré-definidas e características de qualidade.
(E) Data de validade é a data estabelecida pelo fabricante do insumo,
baseada em estudos de estabilidade, após a qual o material deve ser
reanalisado para garantir que ainda está adequado para uso imediato.

22. Nas boas práticas de fabricação de medicamentos, a verificação


documentada de que o equipamento ou sistema apresenta desempenho
consistente e reprodutível, de acordo com parâmetros e especificações
definidas, por períodos prolongados, denomina-se qualificação de
(A) projeto.
(B) operação.
(C) desempenho.
(D) documentação.

23. O Código de Ética Farmacêutica contém as norma que devem ser


observadas pelos farmacêuticos e o demais inscritos nos Conselhos Regionais
de Farmácia no exercício do âmbito profissional respectivo, inclusive nas
atividades relativas ao ensino, à pesquisa e à administração de serviços de
saúde, bem como quaisquer outras atividades em que se utilize o
conhecimento advindo do estudo da Farmácia, em prol do zelo pela saúde.
Segundo o código de Ética Farmacêutica:
(A) É permitido ao farmacêutico exercer a profissão em
estabelecimento não registrado, desde que a promoção, prevenção e
recuperação da saúde sejam seus objetivos.
(B) É dever do farmacêutico comunicar ao CRF a recusa em se
submeter à prática de atividade contrária à lei ou regulamento, bem
Página 14 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

como a desvinculação do cargo motivada pela necessidade de


preservar os interesses da profissão.
(C) Prescreve em 12 meses a constatação fiscal de ausência do
farmacêutico no estabelecimento para efeito de instauração de
processo ético
(D) O profissional condenado por sentença criminal transitada em
julgado poderá exercer as atividades da profissão provisoriamente na
prisão.

24. Diversas são as espécies bacterianas envolvidas em infecções


nosocomiais. Na clínica médica é comum a utilização da sigla MRSA,
derivada da expressão em inglês, como referência à bactéria
Staphylococcus aureus resistente à meticilina – e que tem sido
frequentemente envolvida em casos de infecções em ambiente hospitalar.
Assinale a alternativa que apresenta as características morfológica e tintorial
(pelo método de Gram) do microorganismo:
(A) bastonetes gram-positivos.
(B) cocos gram-positivos.
(C) bastonetes gram-negativos.
(D) cocos gram-negativos.

25. Com relação ao preconizado na RDC 222/2018:


(I) O gerenciamento dos RSS deve abranger todas as etapas de
planejamento dos recursos físicos, dos recursos materiais e da
capacitação dos recursos humanos envolvidos.
(II) Para obtenção da licença sanitária, caso o serviço gere
exclusivamente resíduos do Grupo E, o PGRSS pode ser substituído
por uma notificação desta condição ao órgão de vigilância
sanitária competente, seguindo as orientações locais.
(III) Caso o serviço gerador possua instalação radiativa,
adicionalmente, deve
atender às regulamentações específicas da CNEN.
(A) Somente I e II são verdadeiras
(B) Somente I e III são verdadeiras
(C) Somente I é verdadeira
(D) Somente I e III são verdadeiras

Página 15 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

GABARITO

01 C 02 A 03 A 04 C 05 D


06 D 07 D 08 C 09 A 10 C
11 A 12 A 13 B 14 D 15 A
16 D 17C 18 C 19 C 20 C
21 C 22 C 23 B 24 B 25 D

LISTA DE QUESTÕES COMENTADAS

01. De acordo com Farmacopeia Brasileira, 5ª edição - Primeiro Suplemento,


a rotação óptica é a propriedade que apresentam algumas substâncias
líquidas ou solutos em solução de girar o plano de polarização da luz
polarizada que sobre elas incide. Sobre esse assunto e os seus
conhecimentos de química farmacêutica julgue os itens abaixo:
I – Esta propriedade é característica de muitas substâncias que
apresentam centros quirais, constituídos muito frequentemente por
átomos de carbono com quatro substituintes semelhantes (centro
simétrico).
II – O número máximo de isômeros ópticos possíveis de uma
molécula é de 2n, sendo n o número de centros assimétricos.
III – As substâncias quirais cujas moléculas não são superponíveis,
mas são imagens especulares denominadas enantiômeros.
IV – Os polarímetros são aparelhos que detectam a rotação óptica
de modo visual (ao igualar a intensidade da luz sobre dois campos)
ou por meio de um sistema fotoelétrico, sendo estes últimos mais
exatos e precisos que os de medição visual.

(A) Somente os itens II e III estão corretos


(B) Somente os itens I, II e III estão corretos
(C) Somente II, III e IV estão corretos
(D) Todos os itens estão corretos

Página 16 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

COMENTÁRIO:
O item (I) está INCORRETO, pois, no carbono quiral a denominação correta
é CENTRO ASSIMÉTRICO, uma vez que o carbono nesse caso possui os quatro
ligantes diferentes.

Os demais itens estão corretos.

GABARITO C

02. Conforme a Farmacopeia Brasileira, 5ª edição - Primeiro Suplemento,


muitas substâncias se encontram na forma de hidrato ou contêm água
adsorvida, por isso é relevante sua determinação por métodos específicos.
Um dos métodos que estão descritos nesse compêndio é o que se baseia na
determinação volumétrica de água por uma reação quantitativa da água
com uma solução anidra de dióxido de enxofre e iodo na presença de uma
solução tamponante, que reage com os íons hidrogênio, segundo a seguinte
reação:

O método descrito é:

(A) MÉTODO DE KARL FISCHER.


(B) MÉTODO AZEOTRÓPICO - DESTILAÇÃO COM TOLUENO.
(C) EPIFLUORESCÊNCIA DIRETA.
(D) TÉCNICA MALDI-TOF.

COMENTÁRIO:
Conforme está na Farmacopeia:

Página 17 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

GABARITO A

03. Considerando os seus conhecimentos sobre os parâmetros essenciais


para a validação de métodos microbiológicos em laboratórios, assinale a
alternativa que apresenta o parâmetro que representa “o grau de
reprodutibilidade dos resultados obtidos no teste por análise da mesma
amostra com variações das condições normais do teste, tais como:
instrumentos, lotes de reagentes e laboratórios. Possibilita estabelecer a
viabilidade da técnica face às variações deliberadas nos parâmetros
operacionais”
(A) Robustez
(B) Exatidão
(C) Precisão
(D) Limite de detecção

COMENTÁRIO:
A ROBUSTEZ é o grau de reprodutibilidade dos resultados obtidos no teste
por análise da mesma amostra com variações das condições normais do
teste, tais como: instrumentos, lotes de reagentes e laboratórios. Possibilita
estabelecer a viabilidade da técnica face às variações deliberadas nos
parâmetros operacionais.

GABARITO A
Página 18 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

04. Considerando o documento “Boas práticas de farmacovigilância para as


Américas” da OPAS, é incorreto afirmar que
(A) A farmacovigilância é definida como a ciência e atividades
relativas à detecção, avaliação, compreensão e prevenção dos efeitos
adversos ou de quaisquer outros problemas relacionados a
medicamentos.
(B) Entre os objetivos da farmacovigilância encontra-se o de: velar pelo
cuidado e segurança dos pacientes no tocante ao uso de
medicamentos e quaisquer intervenções médicas.
(C) A farmacovigilância estuda os efeitos indesejados ou reações
adversas provocados exclusivamente pelos medicamentos, ficando
outros gêneros como os dispositivos médicos, vacinas, hemoderivados a
cargo de tecnovigilância, hemogivilância, etc.
(D) A metodologia utilizada pelos centros participantes do Programa
Internacional de Farmacovigilância da OMS baseia-se em um sistema
de notificações espontâneas baseado na identificação e detecção
das suspeitas de reações adversas pelos profissionais da saúde em sua
prática diária e no envio desta informação a um organismo que a
centraliza.

COMENTÁRIO:
O item incorreto é o (C), visto que, conforme o documento da OPAS sobre
as BOAS PRÁTICAS EM FARMACOVIGILÂNCIA (pág. 3):

A farmacovigilância estuda os efeitos indesejados ou reações adversas


provocados principalmente, embora não exclusivamente, pelos
medicamentos, já que as incumbências desta disciplina foram estendidas
aos
fitoterápicos,
medicamentos complementares,
hemoderivados e produtos biológicos,
vacinas,
dispositivos médicos,
erros de medicação,
falta de eficácia e outros.

GABARITO C
Página 19 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

05. 04. Considerando o documento “Boas práticas de farmacovigilância para


as Américas” da OPAS, é incorreto afirmar que:
(A) Uma documentação completa e atualizada é fundamental para o
sistema de garantia da qualidade e para as boas práticas em
farmacovigilância. A importância disto é devida ao fato de que as
notificações podem gerar sinais, e, portanto, sua qualidade é decisiva
para uma avaliação apropriada da possível relação causal entre o
medicamento e os eventos adversos.
(B) Os métodos de farmacovigilância ativa são tão importantes quanto
a notificação espontânea, pois fornecem dados pertinentes de
populações especiais e medicamentos específicos.
(C) Bactérias patogênicas são frequentemente encontradas em
biofilmes, especialmente as micobactérias.
(D) A definição de notificação individual de caso em farmacovigilância
jamais se refere especificamente a um paciente que apresentou um
acontecimento médico adverso (ou alteração laboratorial) suspeito(a)
de ter sido ocasionado(a) por um medicamento.

COMENTÁRIO:
Na verdade, conforme esse documento da OPAS sobre BOAS PRÁTICAS
EM FARMACOVIGILÂNCIA (Pág. 11):

A definição de notificação individual de caso em farmacovigilância


sempre se refere a um paciente que apresentou um acontecimento
médico adverso (ou alteração laboratorial) suspeito(a) de ter sido
ocasionado(a) por um medicamento. A notificação é feita por meio de
um formulário de cor amarela (vide modelo no Anexo II), assim como
outros impressos internacionais para notificação de efeitos adversos, para
indicar atenção, cuidado ou precaução. Quaisquer suspeitas de falha
terapêutica associada aos medicamentos comercializados na região
também são notificadas nestes impressos. O conteúdo das fichas pode
variar de acordo com o país, mas todas têm quatro seções que devem ser
preenchidas: dados do paciente, descrição do evento, dados do
medicamento e do notificador.

GABARITO D

Página 20 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

06. As cefalosporinas foram introduzidas na década de 60, pelo fato de as


penicilinas não serem mais efetivas contra estafilococos. São classificadas
em cefalosporinas de 1ª, 2ª, 3ª e 4ª geração. Atualmente o grupo mais
abrangente das cefalosporinas é o das de terceira geração, devido às suas
características farmacocinéticas e ao seu ampliado espectro de ação. É
considerado um exemplo de cefalosporina de 3ª Geração:
(A) Cefaclor.
(B) Cefazoline.
(C) Cefepime.
(D) Ceftriaxone.

COMENTÁRIO:
(A) Cefaclor. = 2ª Geração
(B) Cefazoline. = 1ª Geração
(C) Cefepime. = 4ª Geração
(D) Ceftriaxone. = 3ª Geração

GABARITO D

07. Os antibióticos beta-lactâmicos se caracterizam pela presença, em sua


estrutura química, do anel β-lactâmico, responsável pela sua ação
antimicrobiana. A ligação do anel βlactâmico com outros diferentes anéis,
como anel tiazolidínico, nas penicilinas, ou o anel di-hidrotiazina, nas
cefalosporinas, compõem as estruturas básicas que caracterizam as
diferentes classes de antibióticos beta-lactâmicos, com base nisso a
nomenclatura correta das seguintes classes é:

I).
II).

Página 21 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

(A) Penicilinas e Monobactams.


(B) Cefalosporinas e Carbapenêmicos.
(C) Penicilinas e Cefalosporinas.
(D) Cefalosporinas e Monobactams.

COMENTÁRIO:
Estes antibióticos se caracterizam pela presença, em sua estrutura
química, do anel β-lactâmico, responsável pela sua ação antimicrobiana. A
ligação do anel βlactâmico com outros diferentes anéis, como anel
tiazolidínico, nas penicilinas, ou o anel di-hidrotiazina, nas cefalosporinas,
compõem as estruturas básicas que caracterizam as diferentes classes de
antibióticos beta-lactâmicos.

Conforme ilustra a figura abaixo, onde o anel β-lactâmico está marcado


com a seta vermelha que é a parte em comum de todas as classes de
betalactâmicos.

GABARITO D

Página 22 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

08. A malária é uma doença infecciosa cujo agente etiológico é um parasito


do gênero Plasmodium. As espécies associadas à malária humana são:
Plasmodium falciparum, P. vivax P. malariae e P. ovale. Considerando o tema
julgue os itens abaixo:
(A) No Brasil, nunca foi registrada transmissão autóctone de P. ovale,
que é restrita a determinadas regiões da África.
(B) A infecção inicia-se quando os parasitos (esporozoítos) são
inoculados na pele pela picada do vetor.
(C) Os ciclos eritrocitários repetem-se a cada 48 horas nas infecções por
P. malariae e a cada 72 horas nas infecções por P. vivax e P. falciparum.
(D) Os hipnozoítos são responsáveis pelas recaídas da doença que
ocorrem após períodos variáveis de período de incubação.

COMENTÁRIO:
Na fase sanguínea do ciclo, os merozoítos formados rompem a hemácia
e invadem outras, dando início a ciclos repetitivos de multiplicação
eritrocitária. Os ciclos eritrocitários repetem-se a cada:
48 horas nas infecções por P. vivax e P. falciparum

e a cada 72 horas nas infecções por P. malariae.

GABARITO C

09. Laboratorialmente, o diagnóstico da malária a técnica que é a mais


utilizada para o diagnóstico laboratorial da malária e continua sendo
considerada como o “padrão ouro” para a confirmação específica da
doença:
(A) Gota espessa.
(B) Hemograma.
(C) Esfregaço Sanguíneo.
(D) ELISA.

COMENTÁRIO:
A GOTA ESPESSA é a técnica mais utilizada para o diagnóstico
laboratorial da malária e continua sendo considerada como o “padrão ouro”
para a confirmação específica da doença.

Após coleta de sangue, por meio de punção digital e sua distribuição


adequada em lâmina de vidro, é realizada a coloração e leitura ao
Página 23 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

microscópio. Essa técnica é importante, pois permite a visualização do


parasito, identificação da espécie e o estágio de desenvolvimento e
quantificação, imprescindíveis para a avaliação clínica e controle de cura
do paciente.

O exame da gota espessa deve ser de 100 campos microscópicos


examinados com aumento de 600 a 700 vezes, o que equivale a 0,25ml de
sangue.

GABARITO A

10. “Mulher, 55 anos, apresenta distúrbio de marcha e dormência nas pernas.


Recebeu um diagnóstico de deficiência de vitamina B12. Ao analisar a
lâmina do esfregaço sanguíneo dessa paciente no microscópio óptico,
identificou‐se presença de corpúsculos de Howell‐Jolly, poiquilositose,
macrositose e coloração normais das hemácias.” Assinale o tipo de anemia
que esta paciente apresenta.
(A) Anemia de Fanconi (macrocítica normocrômica).
(B) Anemia sideroblástica (macrocítica normocrômica).
(C) Anemia megaloblástica (macrocítica normocrômica).
(D) Anemia hipoproliferativa (macrocítica normocrômico).

COMENTÁRIO:
A anemia megaloblástica resulta da inibição da síntese de DNA na
produção de hemácias. Ocorre devido à deficiência de vitamina B12 ou
ácido fólico. A deficiência de vitamina B12 por si só não causa a síndrome na
presença de ácido fólico suficiente, o mecanismo é a perda de reciclagem
de vitamina B12 dependente, seguida pela deficiência de folato e perda na
síntese de ácidos nucleicos, levando a defeitos de síntese de DNA.

Quando não causada pela hipovitaminose, a anemia megaloblástica


pode ser causada por antimetabolitos que interferem diretamente na
produção de DNA, como alguns agentes quimioterápicos (por exemplo,
azatioprina ou trimetoprim).

Caracterizada por glóbulos vermelhos grandes, imaturos e disfuncionais


(megaloblastos) na medula óssea, pela presença de neutrófilos
hipersegmentados, além da presença de corpúsculos de Howel Jolly nas
hemácias.

GABARITO C
Página 24 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

11. Acidose e alcalose são termos clínicos que definem um distúrbio primário
ácido-base. Eles podem ser utilizados até mesmo quando a [H+] está dentro
do limite normal, ou seja, quando as desordens estão completamente
compensadas.

 Acidose metabólica = a desordem primária é a redução na concentração


de bicarbonato.
 Alcalose metabólica = a desordem primária é um aumento no bicarbonato.
 Acidose respiratória = a desordem primária é um aumento na PCO2.
 Alcalose respiratória = a desordem primária é a redução na PCO2

Sobre o termo e cada afirmativa, é correto:

(A) V-V-V-V
(B) F-F-F-F
(C) V-V-F-F
(D) F-F-V-V

COMENTÁRIO:
Todas as definições estão corretas!

GABARITO A

12. As pancreatopatias crônicas são tratadas com a reposição de enzimas


pancreáticas. Assinale a alternativa a seguir que apresenta enzimas
pancreáticas.
(A) Lipase, amilase, tripsina.
(B) Amilase, pepsina, colina.
(C) Tripsina, lipase, gastrina.
(D) Pepsina, gastrina, amilase.

COMENTÁRIO:
Os principais exames laboratoriais no diagnóstico da pancreatite são as
dosagens de amilase e lipase séricas.

A hiperamilasemia é o marcador clássico da pancreatite. Apresenta alta


sensibilidade, mas é pouco específica, já que em diversas situações - tais
como insuficiência renal, parotidite, após a realização de CPRE, perfuração
esofágica e gravidez - pode haver aumento de amilase sem a presença de
pancreatite.

Página 25 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

A dosagem da lipase sérica é considerada o exame laboratorial primário


para o diagnóstico de pancreatite, já que apresenta alta sensibilidade e
especificidade e se mantém elevado por vários dias, superando assim a
dosagem de amilase como exame diagnóstico.

GABARITO A

13. Do ponto de vista da toxicologia, sabe-se que a intoxicação por salicilato


pode causar acidose metabólica grave, a partir da qual o paciente pode não
mais se recuperar. A investigação da presença desse fármaco comum deve
ser realizada caso houver alguma probabilidade de ele ter sido ingerido. Uma
forma de tratamento para intoxicação por salicilato é pela administração
intravenosa de _______________, que aumenta a excreção de salicilato e
ajuda na correção da acidose.
(A) carvão ativado
(B) bicarbonato
(C) cloreto de sódio 20%
(D) N-acetilcisteína

COMENTÁRIO:
O bicarbonato de sódio pode ser utilizado para tratamento da acidose
metabólica advinda de diversas condições clínicas, inclusive intoxicação de
substâncias com caráter ácido como é o caso de salicilatos

GABARITO B

14. O metanol pode estar presente como adulterante do álcool combustível


e como contaminante na fabricação de bebidas clandestinas. Também
utilizado em fluidos de limpadores de para-brisa e como um dos
componentes em mistura de solventes. A intoxicação ocorre pela
biotransformação do metanol em ácido fórmico, levando à acidose
metabólica, cegueira e morte. É a principal causa de intoxicação por álcoois,
é um exemplo de antídoto:
(A) citrato de sódio
(B) N-acetilcisteína
(C) Agentes quelantes
(D) Etanol

Página 26 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

COMENTÁRIO:
Tanto o etanol como o fomepizol são indicados para o tratamento da
intoxicação. O etanol é o disponível e utilizado rotineiramente no Brasil, como
produto formulado;

Ambos saturam a enzima álcool-desidrogenase prevenindo a formação


de metabólitos tóxicos a partir do metanol, que será eliminado por via renal
inalterado;

GABARITO D

15. Um paciente com doença crônica, em acompanhamento ambulatorial,


precisou ser internado. Foi solicitado aos familiares que trouxessem os
medicamentos de uso crônico, que estavam em sua residência, para que ele
pudesse dar continuidade ao tratamento. Ao receber a receita na farmácia,
para reposição do tratamento, o farmacêutico constatou que as doses
estavam muito divergentes e a correção foi providenciada para
fornecimento adequado. Nesta situação identifica-se a promoção do uso
racional, a orientação farmacêutica, o seguimento/acompanhamento
farmacoterapêutico e a dispensação, que são componentes gerais da:
(A) Atenção Farmacêutica
(B) Farmácia Clínica
(C) Assistência Farmacêutica
(D) Educação Farmacêutica

COMENTÁRIO:
Não confundir

Atenção Farmacêutica trata-se de uma abordagem do farmacêutico


diante do paciente e equipe de saúde, na qual o foco principal do trabalho
muda do medicamento para o paciente, e o farmacêutico assume o
compromisso e a responsabilidade sobre a farmacoterapia do paciente.

Assistência farmacêutica Trata de um conjunto de ações voltadas à


promoção, proteção e recuperação da saúde, tanto individual como
coletivo, tendo o medicamento como insumo essencial e visando o acesso e
ao seu uso racional. Assistência Farmacêutica trata-se de um conceito
amplo, que envolve um conjunto de ações que findam por ter como objetivo
o ACESSO e o USO RACIONAL.

GABARITO A

Página 27 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

16. A atenção farmacêutica é a provisão responsável do tratamento


farmacológico com o propósito de alcançar resultados concretos que
melhorem a qualidade de vida do paciente. Diante do enunciado, assinale a
resposta INCORRETA referente ao método Dáder.
(A) O método Dáder se baseia na história farmacoterapêutica do
paciente, isto é, os problemas de saúde que ele apresenta e os
medicamentos que ele utiliza.
(B) A intervenção farmacêutica é uma ação do farmacêutico que tem
como objetivo melhorar o resultado clínico dos medicamentos,
mediante a modificação de utilização destes.
(C) Na etapa de oferta de serviço do método Dáder, o objetivo é
sensibilizar o paciente sobre a corresponsabilidade e colaboração, em
relação à participação dele na tomada de decisões relacionadas ao
tratamento com medicamento.
(D) O método Dáder de atenção farmacêutica surgiu nos EUA e
expandiu suas ações para Espanha, por meio de grupo de pesquisa em
Granada.

COMENTÁRIO:

(D) INCORRETA, pois na verdade o método Dáder de acompanhamento


farmacoterapêutico surgiu na ESPANHA proposto pelo Grupo de
Investigação em Atenção Farmacêutica da Universidade de Granada em
1999.

GABARITO D

17. Solução aquosa de certa viscosidade de aplicação tópica em cavidade


bucal e orofaringe:
(A) Elixir.
(B) Xarope.
(C) Colutório.
(D) Emulsão.

COMENTÁRIO:

A saber, outro conceito para colutório é: forma farmacêutica líquida


destinada à higiene bucal (anti-sépticos orais). Não devendo ser engolido.

Página 28 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

GABARITO C

18. Assinale a alternativa CORRETA sobre farmacocinética:


(A) A dose “padrão” sempre é adequada a todos os pacientes.
(B) A depuração de um fármaco relaciona a quantidade do fármaco
no organismo com a concentração do fármaco no sangue ou plasma.
(C) A dose “padrão” de um fármaco baseia-se em estudos realizados
em voluntários saudáveis e pacientes com capacidade média de
absorver, distribuir e eliminar o fármaco.
(D) A evolução do fármaco no organismo depende exclusivamente da
depuração.

COMENTÁRIO:
(C) CORRETO, de fato, segundo Katzung et AL(2010), a dose “padrão” de
um fármaco baseia-se em estudos realizados em voluntários saudáveis e
pacientes com capacidade média de absorver, distribuir e eliminar o
fármaco.

GABARITO C

19. Numere a COLUNA II de acordo com a COLUNA I, associando


corretamente os pares de antineoplásicos com o grupo ao qual pertencem:
Coluna I Coluna II
(___) Agentes hormonais
Mercaptopurina e citarabina
1. Mostarda nitrogenada e ciclofosfamida
2. Mercaptopurina e citarabina (___) Agentes antibióticos
3. Tamoxifeno e flutamida Tamoxifeno e flutamida
4. Doxorubicina e bleomicina
(___) Antimetabólitos
Doxorubicina e bleomicina

(___) Agentes alquilantes

(A) 1, 3, 4, 2.
(B) 2, 1, 3, 4.
(C) 3, 4, 2, 1.
(D) 4, 2, 1, 3.

Página 29 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

COMENTÁRIO:

Tamoxifeno e flutamida = AGENTES HORMONAIS


Doxorubicina e bleomicina = AGENTES ANTIBIÓTICOS
Mercaptopurina e citarabina = ANTIMETABÓLITOS
Mostarda nitrogenada e ciclofosfamida = AGENTES ALQUILANTES

GABARITO C

20. A Portaria SVS/MS nº. 344/1998 aprova o regulamento técnico sobre


substâncias e medicamentos sujeitos a controle especial e dispensa os
estabelecimentos hospitalares de notificação de receita.
Diante do exposto, relacione as listas à sua devida descrição.

(A) Substâncias entorpecentes de uso permitido apenas em


concentrações especiais.
(B) Substâncias retinóicas.
(C) Substâncias entorpecentes.
( D) Substâncias psicotrópicas.

( ) Lista A1
( ) Lista A2
( ) Lista B1
( ) Lista C2.
(A) B – D – A – C
(B) D – A – B – C
(C) C – A – D – B
(D) B – A – D – C

COMENTÁRIO:

 A Lista A1 refere-se a lista das substâncias entorpecentes e estão sujeitas


a Notificação de Receita "A".

 A Lista A2 refere-se a lista das substâncias entorpecentes de uso


permitido somente em concentrações especiais e também estão
sujeitas a Notificação de Receita "A".

Página 30 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

 A Lista B1 refere-se a lista das substâncias psicotrópicas e estão sujeitas


a Notificação de Receita "B".

 A Lista C2 refere-se a lista de substâncias retinoicas e estão sujeitas a


Notificação de Receita Especial.

GABARITOC

21. Assinale a definição correta, de acordo com a RDC 17 de 2010.


(A) Amostra de referência é a quantidade de amostra estatisticamente
calculada, representativa do universo amostrado, tomada para fins de
análise para liberação do lote do material ou produto.
(B) Área segregada é uma área com controle ambiental definido em
termos de contaminação por partículas viáveis e não viáveis, projetada,
construída e utilizada de forma a reduzir a introdução, geração e
retenção de contaminantes em seu interior.
(C) Controle em processo são as verificações realizadas durante a
produção, de forma a monitorar e, se necessário, ajustar o processo
para garantir que o produto se mantenha conforme suas
especificações.
(D) Validação prospectiva é a evidência documentada que atesta,
com um alto grau de segurança, que um processo específico produzirá
um produto de forma consistente, que cumpra com as especificações
pré-definidas e características de qualidade.
(E) Data de validade é a data estabelecida pelo fabricante do insumo,
baseada em estudos de estabilidade, após a qual o material deve ser
reanalisado para garantir que ainda está adequado para uso imediato.

COMENTÁRIO:
Como já falei em questões anteriores as bancas examinadoras possuem
uma predileção por conceitos e definições legais. Neste exercício o único
conceito totalmente correto é o apresentado em (C).
(A) INCORRETO, pois o conceito é de AMOSTRA REPRESENTATIVA.
(B) INCORRETO, pois o conceito é de ÁREA LIMPA.
(D) INCORRETO, pois o conceito é de VALIDAÇÃO DE PROCESSO.
(E) INCORRETO, pois o conceito é de DATA DE RETESTE.

GABARITO C

Página 31 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

22. Nas boas práticas de fabricação de medicamentos, a verificação


documentada de que o equipamento ou sistema apresenta desempenho
consistente e reprodutível, de acordo com parâmetros e especificações
definidas, por períodos prolongados, denomina-se qualificação de
(A) projeto.
(B) operação.
(C) desempenho.
(D) documentação.

COMENTÁRIO:
Vejamos o embasamento teórico que responde este exercício:
CAPÍTULO IX
ESTÁGIOS DA QUALIFICAÇÃO
Art. 496. Existem quatro estágios de qualificação:
I - qualificação de projeto (QP);
II - qualificação de instalação (QI);
III - qualificação de operação (QO); e
IV - qualificação de desempenho (QD).
Art. 497. Todos os procedimentos para operação, manutenção e calibração
devem ser preparados durante a qualificação.
Art. 498. Devem ser realizados treinamentos dos operadores e os registros
devem ser mantidos.
Seção I
Qualificação de Projeto
Art. 499. A qualificação de projeto deve fornecer evidências documentadas
de que as especificações do projeto foram atendidas de acordo com os
requerimentos do usuário e as Boas Práticas de Fabricação.
Seção II
Qualificação de Instalação
Art. 500. A qualificação de instalação deve fornecer evidências
documentadas de que a instalação foi finalizada de forma satisfatória.
Art. 501. Especificações de compra, desenhos, manuais, listas de partes dos
equipamentos e detalhes do fornecedor devem ser verificados durante a
qualificação de instalação.
Art. 502. Instrumentos de controle e medidas devem ser calibrados.
Seção III
Qualificação de Operação
Art. 503. A qualificação operacional deve fornecer evidências
documentadas de que as utilidades, sistemas ou equipamentos e todos os
seus componentes operam de acordo com as especificações operacionais.

Página 32 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

Art. 504. Os testes devem ser desenhados para demonstrar operação


satisfatória nas faixas normais de operação, bem como nos limites de suas
condições operacionais (incluindo condições de pior caso).
Art. 505. Os controles de operação, alarmes, interruptores, painéis e outros
componentes operacionais devem ser testados.
Art. 506. As medidas realizadas de acordo com uma abordagem estatística
devem ser minuciosamente descritas.
Seção IV
Qualificação de Desempenho
Art. 507. A qualificação de desempenho deve fornecer evidências
documentadas de que as utilidades, sistemas ou equipamentos e todos os
seus componentes demonstrem desempenho consistente de acordo com as
especificações de uso em rotina.
Art. 508. Os resultados dos testes devem ser coletados durante um período de
tempo para demonstrar consistência.

GABARITO C

23. O Código de Ética Farmacêutica contém as norma que devem ser


observadas pelos farmacêuticos e o demais inscritos nos Conselhos Regionais
de Farmácia no exercício do âmbito profissional respectivo, inclusive nas
atividades relativas ao ensino, à pesquisa e à administração de serviços de
saúde, bem como quaisquer outras atividades em que se utilize o
conhecimento advindo do estudo da Farmácia, em prol do zelo pela saúde.
Segundo o código de Ética Farmacêutica:
(A) É permitido ao farmacêutico exercer a profissão em
estabelecimento não registrado, desde que a promoção, prevenção e
recuperação da saúde sejam seus objetivos.
(B) É dever do farmacêutico comunicar ao CRF a recusa em se
submeter à prática de atividade contrária à lei ou regulamento, bem
como a desvinculação do cargo motivada pela necessidade de
preservar os interesses da profissão.
(C) Prescreve em 12 meses a constatação fiscal de ausência do
farmacêutico no estabelecimento para efeito de instauração de
processo ético
(D) O profissional condenado por sentença criminal transitada em
julgado poderá exercer as atividades da profissão provisoriamente na
prisão.

Página 33 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

COMENTÁRIO:
(A). INCORRETA, pois, é uma proibição.
CAPÍTULO IV, Art. 14 - É proibido ao farmacêutico:
XVI - exercer a profissão em estabelecimento não registrado, cadastrado e
licenciado nos órgãos de fiscalização sanitária, do exercício profissional, na
Junta Comercial e na Secretaria de Fazenda da localidade de seu
funcionamento.

(B). CORRETA.

(C). INCORRETA, pois, como vimos na aula, o prazo prescricional nesse


caso é de 24 meses.

(D). INCORRETA, pois, o profissional condenado em sentença criminal


será SUSPENSO.

GABARITO B

24. Diversas são as espécies bacterianas envolvidas em infecções


nosocomiais. Na clínica médica é comum a utilização da sigla MRSA,
derivada da expressão em inglês, como referência à bactéria
Staphylococcus aureus resistente à meticilina – e que tem sido
frequentemente envolvida em casos de infecções em ambiente hospitalar.
Assinale a alternativa que apresenta as características morfológica e tintorial
(pelo método de Gram) do microorganismo:
(A) bastonetes gram-positivos.
(B) cocos gram-positivos.
(C) bastonetes gram-negativos.
(D) cocos gram-negativos.

COMENTÁRIO:
Uma das mais conhecidas bactérias = Staphylococcus aureus = cocos
GRAM+

GABARITO B
Página 34 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

25. Com relação ao preconizado na RDC 222/2018:


(I) O gerenciamento dos RSS deve abranger todas as etapas de
planejamento dos recursos físicos, dos recursos materiais e da
capacitação dos recursos humanos envolvidos.
(II) Para obtenção da licença sanitária, caso o serviço gere
exclusivamente resíduos do Grupo E, o PGRSS pode ser substituído
por uma notificação desta condição ao órgão de vigilância
sanitária competente, seguindo as orientações locais.
(III) Caso o serviço gerador possua instalação radiativa,
adicionalmente, deve
atender às regulamentações específicas da CNEN.
(A) Somente I e II são verdadeiras
(B) Somente I e III são verdadeiras
(C) Somente I é verdadeira
(D) Somente I e III são verdadeiras

COMENTÁRIO:
Item I. VERDADEIRO.

Item II. FALSO. Pois, a possibilidade de não ter que elaborar um PGRSS é se o
resíduo gerado for todo exclusivamente do Grupo D.

Item III. VERDADEIRO.

GABARITO D

Página 35 de 36
EDUCA FAR CONCURSOS MATERIAIS EM PDF

DESPEDIDA
Pessoal, esse simulado foi gratuito, a intenção dele é servir de um auxílio
na sua preparação. Se gostou da nossa aula, de nossos cursos vá ao nosso
site e escreva um comentário, nos dê o seu feedback.
ABRAÇOS ;)

Página 36 de 36