Você está na página 1de 32

PUBLICIDADE

TER09JUL
Terça-feira
9 de Julho de 2019
Ano 44 • N.º 15682

Kz 45,00
Director: VÍCTOR SILVA
Director-Adjunto: CAETANO JÚNIOR
www.jornaldeangola.co.ao

IX ASSEMBLEIA JUNTA LÍDERES PARLAMENTARES

NESTA EDIÇÃO

OSVALDO GONÇALVES
Nascer não é opção
Mobilidade na CPLP
analisada em Luanda
OPINIÃO • 7

GUERRA COLONIAL

A Assembleia Parlamentar da Comunidade debater ainda a proposta de criação da Ins- de financiamento do seu funcionamento.
dos Países de Língua Portuguesa (AP-CPLP) tância de Concertação de Jovens da CPLP. A conferência é aberta pelo Presidente João
reúne-se hoje, em Luanda, na IX sessão Vão também apresentar, discutir e aprovar Lourenço. A AP-CPLP foi criada em 2002,
da organização, para debater, entre outros a proposta de alteração aos Estatutos da AP- na cidade da Praia, Cabo Verde, país que
temas, a mobilidade nos Estados-Membros. CPLP, no sentido da criação do Secretariado detém, desde Janeiro deste ano, a presidência
Os líderes parlamentares da CPLP vão Permanente deste órgão e dos mecanismos do órgão. POLÍTICA • 2

VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO


Missão prepara
transladação de restos
mortais de militares EMBAIXADOR MARLON LABRADOR
portugueses
POLÍTICA • 2

NAÇÕES UNIDAS
Vítimas de homicídios
superam das guerras
MUNDO • 11
A situação
na Venezuela
NOVOS TRABALHOS

Cantora Karina Santos


sofre muita
distorção
está de volta aos palcos
CULTURA • 29

SINPROF
Sindicato defende ajuste
salarial ao tempo
de serviço O embaixador da Venezuela em
SOCIEDADE • 26 Angola, Marlon Peña Labrador,
assegura, em entrevista ao Jornal
TRIBUNAL DE HAIA de Angola, que muito do que é apre-
Ntaganda culpado sentado pela media sobre o seu
de crimes de guerra país não corresponde ao que, real-
e contra a humanidade mente, se passa. São informações
ÁFRICA • 10 distorcidas. ENTREVISTA • 4 | 5

MBANZA KONGO

JOSÉ COLA | EDIÇÕES NOVEMBRO

CAMPEÃO SUB-20 ZEE-VIANA CANGANDALA

Assassinado Filda abre Visitas


ex-futebolista com 750 à Palanca
Chinho expositores em espaço
FestiKongo encerra
com entrega de prémios
ÚLTIMA • 32
DESPORTO • 31
DR A 35ª edição da Feira Inter-
nacional de Luanda (FIL-
protegido
DA) abre hoje as portas, MUNDIAL O espaço vedado de pro-
BÉJI ESSEBSI na Zona Económica Espe- tecção da Palanca Negra
Presidente da Tunísia
já teve alta hospitalar
ÁFRICA • 10
cial (ZEE), em Viana, com
750 expositores. Além de
Angola, estão presentes
Angola Gigante, no Parque de Can-
gandala, em Malanje, vai,
nos próximos meses, estar

GRÉCIA
na maior bolsa de negó-
cios expositores de 21 paí- derrota disponível para visita pú-
blica, anunciou ontem,

França
Kyriakos Mitsotakis ses, entre os quais Portugal em Luanda, o director de
é Primeiro-Ministro e Alemanha, que trazem Biodiversidade e Áreas de
MUNDO • 11 o maior número de repre- Conservação, Aristófanes
sentantes. ECONOMIA • 13 DESPORTO • 30 Pontes. SOCIEDADE • 26
2 POLÍTICA Terça-feira
9 de Julho de 2019

MOBILIDADE NA AGENDA DO ENCONTRO EDUCAÇÃO CÍVICA

MPLA apela

Parlamentos da CPLP à preservação


dos bens
públicos

reunidos em Luanda
O Presidente da República, João Lourenço, procede à abertura do encontro que decorre na Assembleia
O primeiro-secretário do
MPLA na Huíla exortou on-
tem, na cidade do Lubango,
a direcção do partido a inten-
sificar as campanhas de edu-
cação cívica, com vista à
preservação dos bens públicos
Nacional e vai analisar a proposta de criação da instância de concertação de jovens parlamentares colocados à disposição da
colectividade.
Luís Nunes, que falava no
SANTOS PEDRO | EDIÇÕES NOVEMBRO encontro com os membros
Adelina Inácio do comité municipal do partido
do Lubango e os primeiros-
Os presidentes dos parla- secretários dos comités comu-
mentos da Comunidade dos nais e de bairro, na sala de
Países de Língua Portuguesa conferências do Comité Pro-
(CPLP) reúnem, a partir de vincial do Partido, disse que
hoje, em Luanda, para, entre ao mesmo tempo que decor-
outros assuntos, analisarem rem novas obras integradas
o projecto sobre a mobilidade na cidade do Lubango, algumas
no espaço lusófono. infra-estruturas são vanda-
A IX Assembleia Parla- lizadas. “Estamos a fazer um
mentar da Comunidade dos tremendo esforço para limpar
Países de Língua Portuguesa a cidade, mas há cidadãos que
(AP-CPLP) é aberta pelo Chefe continuam a colocar lixo no
de Estado angolano, João Lou- chão”, lamentou o também
renço e, durante o acto, estão governador da Huíla, que soli-
previstas intervenções do citou a colaboração das igrejas
presidente da Assembleia e escolas em acções de pre-
Nacional, Fernando da Pie- servação dos bens públicos.
dade Dias dos Santos, do se- “Somos um partido de
cretário executivo da CPLP, massas. Temos de nos empe-
Francisco Ribeiro Teles, e do nhar na solução dos proble-
presidente da AP-CPLP e da mas sociais dos cidadãos”,
Assembleia Nacional de Cabo exortou Luís Nunes, acres-
Verde, Jorge Pedro dos Santos. A IX Assembleia Parlamentar da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa decorre na sede do Parlamento angolano centando que a governação
Os parlamentares da CPLP da Huíla é inclusiva e parti-
cipativa. Luís Nunes anunciou,
criação do secretariado per- sentante do Congresso Nacional das administrações parlamen- aprovado tivesse um índice para breve, o lançamento do
A Associação dos manente da organização, e os do Brasil. Um representante tares na implementação das de cumprimento conside- novo cartão do militante,
Secretário-gerais mecanismos de financia- da Assembleia Nacional de resoluções da Assembleia Par- rável. “Foi possível reali- salientando que decorre o
dos Parlamentos de mento do seu funcionamento. Cabo Verde vai apresentar o lamentar da CPLP”. zarmos a maior parte das processo de ba-lanço e reno-
Língua Portuguesa A aprovação da proposta tema “O papel da administração Ontem, a Associação dos actividades que constavam vação de mandatos, no qua-
esteve ontem de orçamento de funciona- parlamentar na implementação Secretários-gerais dos Par- do plano e consideramos dro da indicação dos candi-
reunida para mento do secretariado per- das resoluções do Parlamento lamentos de Língua Portu- que foi positivo”, afirmou. datos às eleições autárqui-
analisar o papel manente da AP-CPLP e in- da Comunidade dos Estados guesa reuniu para analisar o A secretária-geral da cas, previstas para o próximo
das administrações formações sobre os processos da África Ocidental”. papel das administrações Assembleia Nacional de Cabo ano. “Os cidadãos a serem
parlamentares eleitorais nos Estados-mem- Moçambique vai abordar o parlamentares na implemen- Verde, Marlene Dias, disse escolhidos para autarcas
na implementação bros da CPLP constam também tema “O papel parlamentar na tação das resoluções de orga- que a associação tem dado devem merecer a confiança
das resoluções da agenda dos parlamentos. implementação das resoluções nizações interparlamentares. um grande contributo para das populações”, defendeu
No encontro, que termina do Parlamento Pan-Africano. O secretário-geral da As- os parlamentos dos Esta- Luís Nunes.
amanhã, os parlamentares vão A Portugal cabe apresentar o sembleia Nacional, Pedro Agos- dos-membros. Marlene Dias O político também dirigiu
vão ainda analisar a proposta debater vários temas, com des- tema “O papel da administração tinho de Neri, afirmou que, ao ressaltou as trocas de expe- um encontro com a comissão
de criação da instância de taque para o papel da admi- parlamentar na implementação longo da presidência de Angola, riência entre os parlamentos executiva municipal do Lu-
concertação de jovens par- nistração parlamentar na das resoluções da União Inter- o Parlamento angolano fez o e disse que as mesmas têm bango e fez visitas aos comités
lamentares da comunidade implementação das resoluções parlamentar”, enquanto seu melhor, buscando expe- servido para o estreitamento dos bairros “A Luta Continua”
lusófona e alteração do Estatuto do Parlamento do Mercosul, a Angola, país anfitrião, vai falar riências de outros parlamentos da cooperação e fortaleci- e “Lucrécia”.
da AP-CPLP, no sentido da ser proferido por um repre- sobre “Reflexões sobre o papel para que o plano de tarefas mento dos laços de amizade. Arão Martins | Lubango

LUTA DE LIBERTAÇÃO EM ANGOLA e Alto das Cruzes, onde estão visitar os 187 lugares do país condições, bem como a con-
sepultados alguns militares. onde estão inumados os res- frontação dos dados previa-
Joaquim Rodrigues reco- tos mortais dos militares mente recolhidos para a sua

Restos mortais de militares nheceu que a acção a ser


desenvolvida é um desafio
extremamente difícil, daí
que vai ser executada em
para a avaliação de todas as confirmação.

ALBERTO PEDRO | EDIÇÕES NOVEMBRO

portugueses são repatriados cinco fases, face aos meios


disponíveis, tanto humanos
como financeiros, que a pró-
pria operação exige.
Edna Dala | Tchikanha. Joaquim Rodri- Joaquim Rodrigues esclareceu Depois da primeira fase,
gues disse que a sua visita ainda que, daquele número, o processo vai continuar no
Os restos mortais de mais de está integrada num programa 817 eram soldados portugueses norte, centro e leste do país,
1.400 militares portugueses global estratégico e estrutu- recrutados em Angola, na época devendo a última fase abran-
tombados durante a guerra rante que a Liga dos Comba- colonial, e 586 saíram de Por- ger o sul. “Cada uma destas
colonial em Angola vão ser tentes de Portugal vem de- tugal continental. Os restos fases vai ter várias operações
exumados e transladados para senvolvendo há 14 anos. mortais dos militares portu- secundárias, o que significa
Portugal, afirmou ontem, em Joaquim Rodrigues frisou gueses encontram-se inuma- que é um programa complexo
Luanda, o presidente da Liga que a finalidade do trabalho dos em 187 lugares de Angola. e demorado”, esclareceu.
dos Combatentes de Portugal, é a localização dos lugares O general português infor- O general, que agradeceu
general Joaquim Rodrigues. onde se encontram inumados mou que o processo de exu- o apoio do Executivo ango-
O general, que se encontra militares portugueses caídos mação vai ser desenvolvido lano, frisou que, para a efec-
de visita a Luanda, fez essa ao serviço das Forças Arma- por fases. A primeira, que já tivação eficaz deste trabalho,
afirmação ao Jornal de Angola das Portuguesas. arrancou e estende-se até vai ser igualmente necessário
depois de um encontro com Dos 1.548 militares previa- ao dia 13 deste mês, cinge- o apoio dos Governos pro-
o secretário de Estado dos An- mente identificados em Angola, se apenas à capital do país, vinciais. Segundo Joaquim
tigos Combatentes, Domingos disse, 90 estão desaparecidos. nos cemitérios de Sant’Ana Rodrigues, vai ser preciso Delegação militar portuguesa está de visita a Angola
POLÍTICA Terça-feira
9 de Julho de 2019 3
BLOCO DEMOCRÁTICO JULGAMENTO DO “CASO CNC”

Partido
cria núcleo
ZONA DE COMÉRCIO AFRICANA
MOTA AMBRÓSIO | EDIÇÕES NOVEMBRO
Supremo retoma hoje
da mulher
autarca audição a declarantes
O Bloco Democrático (BD), Audiências têm sido marcadas por momentos de emoção,
uma das organizações polí- choros e soluços e, também, por uma dinâmica de revelações
ticas que integram a CASA-
CE, apresentou no último AGOSTINHO NARCISO | EDIÇÕES NOVEMBRO
final de semana, na cidade
de Benguela, o seu núcleo
provincial da mulher autarca,
no quadro das eleições autár-
quicas no país, agendadas
para o próximo ano.
A cerimónia de apresen- Ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto
tação do núcleo enquadrou-
se nas comemorações do
nono aniversário da criação
da organização política, assi-
nalado a 6 deste mês.
O vice-presidente do Bloco
Entrada de Angola
Democrático, Luís do Nas-
cimento, afirmou na ceri-
mónia de apresentação do
está para breve
núcleo estarem criadas as O ministro das Relações Exteriores, Manuel
condições para que as acti- Augusto, afirmou domingo, na cidade de Niamey,
vidades do mesmo (núcleo) Níger, estar em curso o processo de ratificação
sejam desenvolvidas em todas de Angola à Zona de Comércio Livre Continental
as localidades da província. Africana (ZCLCA).
Luís do Nascimento lem- O chefe da diplomacia angolana falava à Angop Julgamento está a decorrer na Câmara Criminal do Tribunal Supremo, no Palácio de Justiça
brou que o Bloco Democrático momentos após o encerramento da 12.ª Cimeira
surge na sequência da extinção Extraordinária da União Africana (UA), onde
do partido “Frente para a representou o Chefe de Estado, João Lourenço. João Dias de discussão e julgamento geralmente em dólares ame-
Democracia”, com o objectivo “Angola fará a ratificação do acordo num do réu Augusto da Silva Tomás ricanos, circulava apenas nas
de manter os militantes unidos. futuro muito breve”, garantiu o ministro, salien- incidiu sobre como foi gerido 16 contas do CNC, que tem 26
Apesar de até ao momento tando que o processo encontra-se em andamento, A Câmara Criminal do Tri- o dinheiro arrecadado pelo agentes certificadores no exte-
não ter conquistado nenhum estando já calendarizada a discussão deste dossier bunal Supremo retoma hoje CNC, como tinha sido cana- rior e cinco delegações pro-
assento parlamentar, o BD pela Assembleia Nacional. as sessões de audição de lizado e se usou receitas para vinciais. Quando assumiu o
continua motivado e a trabalhar Manuel Augusto lembrou que Angola foi o declarantes do “Caso CNC”, despesas do ministério ou cargo disse ter encontrado 70
em prol da pátria, fiscalizando terceiro país a assinar o tratado, pelo Presidente que julga desde 31 de Maio para fins pessoais e até sobre contratos celebrados. Destes,
as políticas do Executivo, no da República, João Lourenço, em Kigali, Rwanda, desvios de fundos públicos como ac-tuam os 26 agentes rescindiu 40.
quadro da promoção do bem- a 21 de Março de 2018. de ex-gestores do Conselho certificadores no exterior Rui Moita, ex-director da
estar dos cidadãos. “Cabe agora aos deputados à Assembleia Nacional de Carregadores, (Brasil, Portugal, Estados Uni- Área Técnica do CNC, res-
JOÃO GOMES | EDIÇÕES NOVEMBRO Nacional interpretarem os sentimentos e as órgão tutelado pelo Ministério dos, África do Sul e China). ponsável pela celebração de
necessidades de Angola, no âmbito da sua dos Transportes à data dirigido Neste julgamento, o Tri- contratos e outras atribuições,
inserção no continente”, esclareceu o ministro, por Augusto da Silva Tomás. bunal tem procurado saber se foi ouvido e as suas respostas
acrescentando que este passo vai permitir ao Por ouvir, estão ainda tes- o CNC chegou a transferir, a questões do Tribunal não
Executivo a deposição dos instrumentos a serem temunhas e declarantes, pelo menos por uma vez, estão distantes das dadas por
ratificados na União Africana. além de acareações. No total, receitas para a Conta Única Augusto Tomás e Manuel
A ZCLCA pretende estabelecer o maior mercado o Tribunal Supremo deve do Tesouro. A resposta é que Paulo. Mas, a surpresa veio
do mundo, com um Produto Interno Bruto (PIB) ouvir 31 declarantes, dez dos as receitas arrecadadas sempre do réu Eurico da Silva, ex-
acumulado, que pode chegar aos 2,5 biliões de quais já ouvidos, e 14 teste- ficaram nas contas do CNC, coordenador das participações
dólares norte-americanos. A UA acredita que o munhas, que podem esten- que sempre financiou projectos e investimentos e ex-director
acordo vai levar a um aumento de 60 por cento der-se para 19, caso venha do Ministério dos Transportes. para a Área Administrativa e
do comércio dentro do continente até 2022. a ser necessário. Finanças do CNC, que admitiu,
Ainda no final da 12.ª Cimeira Extraordinária O juiz conselheiro Joel na 15ª sessão de audiência e
da UA, Manuel Augusto destacou o empenho Leonardo preside à sessão, No julgamento, julgamento, que os dinheiros
da Nigéria, por ter aderido de imediato à ZCLCA. que conta com os juízes o Ministério Público de comissões e gratificações,
adjuntos Norberto Sodré e (titular da acção dadas pelas diversas empresas
Luís do Nascimento, João Pedro Fuantoni, no jul- penal) acusa o ex- com as quais o CNC contra-
vice-presidente do BD gamento que tem como réus ministro dos tava, passavam pelas suas
Augusto Tomás, ex-ministro Transportes de contas bancárias.
Luís do Nascimento refe- OBRAS PÚBLICAS dos Transportes, Manuel apropriação ilícita O réu confirmou que, por
riu-se ao combate à corrup- António Paulo, ex-director- de mais de mil orientação do prófugo Agos-
ção, salientando que muito geral do Conselho Nacional milhões de tinho Itembo, serviu de dis-
ainda há por fazer para mini-
mizar os efeitos deste fenó-
meno. Para o político, a
UNITA reforça apelo de Carregadores (CNC), Isabel
Bragança, ex-directora-geral-
adjunta para Administração
kwanzas, de 40
milhões de dólares
e de 13 milhões
tribuidor das gratificações
dadas aos directores do CNC
e que a prática continuou
discussão do Plano Integrado
de Intervenção nos Muni-
cípios (PIIM) não contou
à fiscalização do PIIM e Finanças do CNC, Rui Moita,
ex-director-geral-adjunto
para Área Técnica do CNC e
de euros do CNC com Isabel Bragança, que
fornecia as contas e deter-
minava o valor a depositar.
com a participação dos par- O primeiro secretário da de eventuais desvios de bens Eurico Pereira, ex-coorde- Em cada contrato celebrado,
tidos políticos da oposição. UNITA no Bié, Adérito Can- públicos e da má execução nador das Participações e Depois de Augusto Tomás, o CNC cobrava uma comissão
O secretário do partido dambo, apelou sábado, no de obras públicas. Investimentos do CNC e ex- o Tribunal Supremo ouviu o de 15 por cento. Na sua conta
em Benguela, Zeferino Ku- Cuito (Bié), aos cidadãos para O dirigente da UNITA rei- director das Finanças da ins- ex-director-geral, o réu no banco BAI estavam domi-
vingua, disse, a propósito, fiscalizarem o Plano Inte- terou o apelo aos administra- tituição, acusados de se terem Manuel António Paulo, 69 ciliados quase 22 milhões
que os dez municípios que grado de Intervenção nos dores no sentido de “ganha- apropriado indevidamente anos, que revelou, durante a de kwanzas, no Banco Keve
compõem a província já con- Municípios (PIIM), sob pena rem” a cultura de prestação de dinheiros da organização 11ª sessão de audiência e jul- 21 milhões de kwanzas e 500
tam com núcleos do BD. de fracassar. de contas com os cidadãos por ao longo destes anos. gamento, que o CNC chegou mil dólares, BNI 30 milhões
A par da cerimónia de O PIIM, lançado a 28 de meio deste programa. No julgamento, o Ministério a arrecadar 38 milhões de e BFA 27 milhões de kwanzas.
apresentação do núcleo, de- Junho do ano em curso, prevê Na reunião, foram deba- Público (titular da acção penal) dólares anuais e valores men- Depois de quase uma
correu a sexta reunião ordi- a concretização de 236 pro- tidos assuntos relacionados acusa o ex-ministro dos Trans- sais de dois a três milhões de semana de discussão e jul-
nária do conselho provincial jectos de vias de comunicação, com a convocação do XIII portes de apropriação ilícita dólares. Deste valor, nada foi gamento com o réu Augusto
do partido e a tomada de repartidos pela colocação de Congresso do partido, sobre de mais de mil milhões de transferido para a Conta Única Tomás, o Tribunal passou
posse dos novos membros asfalto, reabilitação e terra- as actividades realizadas no kwanzas, de 40 milhões de do Tesouro (CUT). para Isabel Bragança, ex-
do secretariado provincial. planagem de estradas, a ins- primeiro semestre, perspec- dólares e de 13 milhões de O réu, que foi director da directora para Administração
Os militantes do Bloco De- talação e reparação de pontes, tivas das acções políticas na euros do CNC. Augusto Tomás, instituição de 2015 a finais de e Finanças do CNC. Isabel
mocrático aproveitaram a entre outras obras. província, entre outros. o primeiro a ser ouvido, foi 2017, esclareceu que, no tempo Bragança é uma ré que assu-
ocasião para avaliar o pro- Para Adérito Candambo, Participam no encontro peremptório em afirmar que em que exerceu o cargo e miu falhas na memória por
grama de actividades referente que falava na abertura da VII o segundo secretário do par- “tem a sua vida organizada mesmo no período dos seus não se lembrar de alguns
ao segundo semestre deste Reunião Ordinária do Comité tido no Bié, Enoque Severino, desde cedo e que o seu patri- antecessores, o CNC nunca factos. Estratégia da defesa
ano e aprovar o plano orça- Provincial do partido, a fis- primeiros secretários muni- mónio resulta do negócio transferiu valores para a CUT, ou não, o certo é que a ré dis-
mental para o mesmo período. calização deve incidir fun- cipais, quadros do Comité imobiliário, no qual entrou sublinhando que transcendia se sempre que não se lem-
Maximiano Filipe | Benguela damentalmente na denúncia Provincial, entre outros. desde os anos 1990”. A sessão a sua competência. O dinheiro, brava de algumas questões.
4 ENTREVISTA
VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO Terça-feira
9 de Julho de 2019

MARLON LABRADOR, EMBAIXADOR DA VENEZUELA EM ANGOLA

“O que há no terreno
é muita distorção sobre
o que se passa na Venezuela”
O embaixador da Venezuela em Angola, Marlon Peña Labrador,
concedeu uma entrevista ao Jornal de Angola, para abordar a
cooperação entre os dois países e, fundamentalmente, a situação actual
no país, numa altura em que chovem informações desencontradas
sobre a real situação no terreno. Para o diplomata, muito do que é
apresentado pela media não corresponde ao que realmente se passa e
tudo quanto a Venezuela vive hoje deve-se ao bloqueio imposto pela
Administração Trump, desde 2014. Quanto à “sangria migratória”,
relacionada com milhões de pessoas que atravessam a fronteira, a
explicação está na História comum entre a Venezuela e a Colômbia,
sobre a qual o embaixador discorre nesta entrevista. O diplomata exige
o fim do bloqueio norte-americano como solução para a normalização
da situação no seu país. “O que há no terreno é muita distorção sobre o
que se passa na Venezuela”, avalia o diplomata

Faustino Henrique conseguiu assinar vários Pretendemos aproveitar a quentar cursos aqui em An- dade de vantagens. Angola e abre-se uma janela de opor-
acordos e, no ano passado, experiência e capacidade de gola. Porque não? Temos de Venezuela enfrentam desafios tunidades na área da Petro-
Senhor embaixador, que ava- com a visita do nosso ministro A ngo l a n o d o m í n i o d a s estar abertos para todas as similares no âmbito da diver- química. Sem esquecer a pre-
liação faz das relações diplo- das Relações Exteriores, em minas, porque, apenas para oportunidades que a coope- sificação da economia e pen- sente conjuntura internacio-
máticas e de cooperação entre Fevereiro de 2018, assinou- lembrar, achamos que, como ração bilateral proporciona. samos que nesta altura os nal, que não favorece muito
a Venezuela e Angola? se o acordo de isenção de vistos a Venezuela tem tanto petró- dois países podem tirar pro- os países produtores, por causa
As relações bilaterais foram em passaportes diplomáticos leo, grande parte das minas Nesta altura, com o Presidente veito das oportunidades, valo- da estrutura em que se processa
estabelecidas oficialmente e de serviço, entre a República que possui continuam inex- João Lourenço e no novo man- rizando também assim a o comércio mundial.
no dia 9 de Dezembro de 1986, Bolivariana da Venezuela e a ploradas. Desde então, con- dato do Presidente Nicolás cooperação Sul-Sul. A Organização Mundial do
através de um instrumento República de Angola. Nesta vencionou-se não “mexer” Maduro, que perspectivas exis- Comércio (OMC), o Fundo Mo-
político e jurídico denomi- visita, as autoridades vene- noutros minérios que não o tem para relançar e fortalecer A Venezuela tem uma larga netário Internacional (FMI),
nado “Comunicado Conjunto zuelanas manifestaram o inte- petróleo, mas numa altura a cooperação? experiência na área da Petro- o Banco Mundial (BM), a Orga-
de Estabelecimento de Rela- resse em trabalhar na acti- de crise, e para a diversificação Pretendemos evoluir para a química. O que pode o seu país nização Internacional do Tra-
ções Diplomáticas”, assinado, vidade mineira, dando força da economia, estamos a olhar componente comercial das proporcionar a Angola, para balho (OIT), as potências oci-
na altura, pelo nosso repre- aos entendimentos constantes para outros campos e áreas relações bilaterais, aumentar diversificar a economia, mesmo dentais, depois da Guerra-
sentante permanente na ONU do Memorando de Entendi- em que temos vantagens. E as trocas comerciais, a troca na área dos petróleos? Fria, desenharam uma arqui-
e, do lado de Angola, pelo em- mento para a Constituição de estamos a fazer isso com os de visitas de empresários, De facto, acompanhei a entre- tectura para que países como
baixador Toco Serão, então uma Empresa Conjunta para países amigos, como Angola, para dinamizar o sector pri- vista do Presidente da Repú- os nossos prevaleçam como
encarregado de negócios da a Prospecção, Exploração e que já leva larga experiência vado. Estamos a estudar tam- blica, Sua Excelência João meros fornecedores de maté-
Embaixada na ONU. A partir de Aproveitamento de Diamantes, na área de minas, na certifi- bém a possibilidade de ligação Lourenço, em que falou do rias-primas e que não pro-
então, as relações bilaterais Ouro e Coltão. cação e comercialização. aérea entre os dois países, assunto da refinaria. E deixa- duzam bens acabados. Im-
passaram a fortalecer-se e, mais Há ainda entendimentos no para criar um voo directo entre me dizer-lhe que a Venezuela põem-nos que vendamos
tarde, fundamentalmente sob Em que se vai basear essa campo da cooperação na luta Luanda e Caracas, tal como tem a maior refinaria do mundo as matérias-primas aos pre-
o manto de dois novos docu- parceria? contra as drogas e estupefa- sucede entre Luanda e outras e uma indústria Petroquímica, ços estabelecidos pelo mer-
mentos assinados, que permi- Ela é fruto dos memorandos cientes, do reconhecimento capitais de países da América denominada de Pequiven cado mundial e que os nossos
tiram maior intercâmbio nos assinados, em que Angola dos diplomas e certificados do Sul e Caraíbas. Estamos a (empresa de petróleo e quí- países adquiram os produtos
laços políticos, diplomáticos, vai, por exemplo, formar do ensino superior entre os olhar também para o forta- mico da Venezuela), factos manufacturados aos preços
económicos e culturais. quadros venezuelanos, aju- dois países. A cooperação é lecimento de outras áreas da que, se somarmos aos enten- por eles estipulados. Essa
dar no processo de certifi- tudo isso e temos de estar pre- cooperação, como as do Tu- dimentos e acordos que já relação desigual transfor-
Pode precisar que instrumen- cação dos diamantes e nou- parados para todas as even- rismo, Agricultura, Comuni- temos, não há dúvidas de que mou-se hoje numa nova for-
tos são esses e que vantagens tros aspectos técnicos que en- tualidades, porque acredito cações, Ensino Superior e podemos fazer uma ponte na ma de neocolonialismo e a
recíprocas têm produzido ? volvem o mundo das minas. que vai chegar uma altura em Técnico Profissional e que direcção que interessa aos Venezuela libertou-se disso.
Temos vários acordos e ini- Precisamos da ajuda e da coo- que os estudantes venezue- tudo decorra no âmbito da dois países. No que respeita Temos de mudar e resgatar a
ciativas que confirmam o bom peração com Angola. lanos poderão também fre- cooperação com reciproci- à experiência da Venezuela, soberania plena.
momento das relações bila-
terais, mas permita recuar no
tempo, para ilustrar como tudo
começou. Em 2009, Hugo Cha-
vez realizou a primeira cimeira
“Venezuela não é um país em guerra”
América do Sul-África, tendo Falemos sobre a situação ano, quando deputados da senhor como Chefe de Estado durante os próximos 100 anos celebrem novos contratos
conseguido congregar a maior interna da Venezuela. Estão maioria da oposição, lide- da Venezuela. A larga maioria três milhões de barris por para que a riqueza petrolífera
parte dos líderes africanos. a receber o devido apoio di- rada por Juan Guaidó, que da comunidade internacio- dia! E como somos domina- seja equitativamente dis-
Assim, as relações bilaterais plomático por parte de países se autoproclamou como nal não reconhece essa mu- dos pelos países capitalistas, tribuída ao povo, aí come-
e multilaterais com os países amigos? “Presidente da Venezuela”, dança inconstitucional e os negócios são os alvos pre- çou a confusão ... pelo con-
africanos conheceram um O apoio internacional é numa praça pública com não podemos permitir que, ferenciais, para atacar os paí- trolo dos recursos naturais
novo patamar, particularmente grande e infelizmente a per- cerca de cinco mil pessoas, em pleno século XXI, ocor- ses que pretendem exercer da Venezuela - e não falo
com os produtores de petróleo, cepção de que a comunidade o aproveitamento da media, ram mudanças inconstitu- o poder soberano sobre os apenas do petróleo, porque
como é o caso de Angola. internacional é apenas a local e internacional, bem cionais de poder. seus recursos. Estamos a falar o meu país possui a quarta
Com o Ministério do Ambiente América do Norte e a Europa como nas redes sociais, teve de um país que historica- maior reserva de gás natu-
assinou-se, no dia 4 de Março leva a deturpar muita coisa o impacto que teve. E 30 E porque é que a “confusão mente foi sempre controlado ral, além de minas de ouro,
de 2013, em Caracas, o Memo- que se passa noutras partes minutos depois, a adminis- política” interna continua? por interesses estranhos aos diamante, coltão. Todos os
rando de Entendimento entre do mundo. No que respeita tração Trump encorajou e A resposta é simples: por do seu povo e com uma in- minerais são alvo de mul-
o Ministério do Poder Popular à Venezuela, a maior parte passou a reconhecer este causa dos recursos minerais dústria petrolífera controlada tinacionais de países que
para o Ambiente da República dos países da América, Áfri- senhor como Presidente da da Venezuela. Basta ver o por multinacionais norte- não aceitam que a Venezuela
Bolivariana da Venezuela e o ca, Ásia e Oceânia acom- Venezuela, secundado por “ranking” das principais americanas. Quando o Pre- seja administrada por um
Ministério do Ambiente da panham e apoiam política cerca de 50 países da região. reservas mundiais de petró- sidente Hugo Chavez declara Governo de esquerda. Para
República de Angola. Esse e diplomaticamente a Vene- Mas é preciso ver que o mun- leo, em que a Venezuela se o carácter socialista da revo- eles, é preciso mudar o
Memorando dá continuidade zuela e Angola é um desses do é composto por quase encontra no topo. Estamos lução bolivariana, muda a poder político e, em vez de
ao processo de parceria, for- países. Desde que começou 200 países e a maior parte a falar de um país que tem a lei dos hidrocarbonetos e meios legais, adoptam o
mação de quadros, troca de a confusão, em Janeiro deste deles não reconhece esse capacidade de produzir exige que as multinacionais corta-mato.
experiências, etc. A Venezuela
ENTREVISTA Terça-feira
9 de Julho de 2019 5
Mas a situação actual do país, com saídas mas- Mas enfrenta uma crise política? VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO

sivas de venezuelanos, que, segundo algumas Crise política derivada do que já dissemos aqui e
agências, estimam-se já em cinco milhões, que se conhecem como medidas coercivas uni-
não vai agravar e chegar a um ponto em que laterais, impostas por países que têm o poder de
o Governo vai ter de fazer cedências? assim proceder. A verdade é que a Venezuela é
A situação da migração da Venezuela tem sido um país democrático, que realiza 24 pleitos eleitorais
vista como uma crise humanitária, mas, como em 20 anos com regularidade e em que todas as
disse o nosso ministro das Relações Exteriores, instituições são legitimadas pelo voto popular.
há duas ou três semanas, depois de algumas Quando as eleições são ganhas pela oposição, a
agências noticiosas veicularem os números que comissão eleitoral não hesita em proclamá-la
dizes, não correspondem à verdade. É preciso como vencedora, mas quando são ganhas pelo
entender que historicamente, na fronteira entre actual poder, lá vem a oposição a alegar fraude
a Colômbia e a Venezuela, passam diariamente eleitoral. As eleições são livres, justas e acompanhadas
milhares de pessoas nos dois sentidos, porque por vários países. Angola acompanhou as últimas
há livre circulação e livre comércio. E mais impor- e agradecemos o gesto, no respeito, reconhecimento
tante, lembrar que a guerra civil na Colômbia e cooperação com o nosso país.
levou milhares de colombianos a atravessar a
fronteira em busca de segurança e oportunidades
na Venezuela. E a Venezuela nunca fechou as
portas para o fluxo de colombianos que fugiam “A verdade é que a Venezuela
do conflito armado e do terror dos cartéis de é um país democrático, que
droga. Trata-se de dois povos irmãos ... Embaixador venezuelano realçou que há uma tentativa de desacreditação do Governo
realizou 24 pleitos eleitorais em
Se recuarmos na História, veremos que o projecto 20 anos com regularidade e em
de cidadania de Simon Bolivar envolvia fazer que todas as instituições são nacionais para enfraquecer o sistema político e que há no terreno é muita distorção sobre o que
um só país, a “Grande Colômbia”. Mas, infelizmente, legitimadas pelo voto popular. derrubar o Governo. Na verdade, a presente crise se passa na Venezuela. E muito do que se passa
o projecto não vingou. Com a guerra civil na Quando as eleições são ganhas que a Venezuela vive, que se reflecte no dia-a- parte de representantes da media que se encontram
Colômbia, milhares de colombianos atravessaram pela oposição, a comissão dia das populações, tem muito a ver com o a trabalhar na Venezuela, facto que nunca ocorreria
as fronteiras, sem que a Venezuela pedisse alguma eleitoral não hesita em bloqueio, desde Dezembro de 2014 e Abril de numa ditadura. O Governo da Noruega encorajou
vez ajuda à ONU para assentar tais populações proclamá-la como vencedora, 2019. Os Estados Unidos emitiram decretos e o diálogo entre o Governo e os cerca de 15
no seu território. Muitos passaram a obter também mas quando são ganhas pelo leis através dos quais puniam a economia vene- diferentes partidos políticos que representam a
a nacionalidade venezuelana e, ao longo de actual poder, lá vem a oposição zuelana, aplicando bloqueio de contas, conge- oposição. Nós, da parte da Governo da Venezuela,
várias décadas, deram lugar a várias gerações alegar fraude eleitoral”. lamento de activos do Estado venezuelano, também encorajamos o diálogo, porque enten-
que se revêem como venezuelanos e colombianos. proibição de negociação da dívida soberana, demos que a solução para o problema é político.
Nesta altura de crise, por causa das sanções etc. Hoje, a realidade está pintada ao ponto de Não temos ainda resultados, porque a oposição
ilegais impostas pelos Estados Unidos, milhares Mas o “Grupo de Lima”, constituído por cerca a Venezuela ser encarada como um país pior que anda pressionada por interesses estranhos à
destes cidadãos que possuem dupla cidadania, de 12 países da América Latina, tem alegado o Iémen, que o Afeganistão, quando a realidade Venezuela. Ainda assim encorajamos o diálogo,
naturalmente, estão a decidir atravessar a fronteira que na Venezuela há presos políticos, supressão no terreno é completamente diferente. Mas há porque esta deve ser a saída.
colombiana. E quando o fazem como colombianos das liberdades... um propósito em tudo isso, que é levar a uma
ou descendentes, as autoridades colombianas Quem são esses países do chamado “Grupo de desacreditação do país, uma tentativa de “asfi- Nestas conversações, o que é que o Governo
designam logo como refugiados venezuelanos. Lima” ? Quem governa esses países e que relações xiá-lo” e depois passarem a mensagem de que pede e o que é que a oposição exige?
Logo, grande parte desta cifra que atravessa a têm com Washington? Tudo tem a ver com o o Governo não está a conseguir gerir o país. O Governo exige o levantamento do bloqueio
fronteira, indo para a Colômbia, são, na verdade, roteiro e alinhamento político desses Governos, naval, financeiro e, sobretudo, este último,
cidadãos colombianos ou detentores das duas que, como se sabe, derivam de formações políticas Como é que decorre o diálogo entre o Governo porque hoje enfrentamos dificuldades para
cidadanias. Com isso não se pretende dizer que da direita e ultra-direita. São parceiros naturais e a oposição? fazer pagamentos internacionais relacionados
não haja venezuelanos a procurar segurança e do Governo americano e daí a hostilidade para O diálogo é encorajado pelo Governo do Presidente com medicamentos ou comida para as popu-
melhores oportunidades. Em todo o caso, não com o Governo da Venezuela. Para melhor com- Nicolás Maduro, mesmo sendo atacado de várias lações. O bloqueio deve ser levantado com
se pode apresentar toda essa massa de cidadãos preendermos os contornos desta crise, temos formas. E se Nicolás Maduro é um ditador, como urgência e deve igualmente ser evitada a violência.
que atravessam as fronteiras como refugiados de olhar para a História, numa altura em que a media ocidental gosta de apresentá-lo, como Quanto ao que exige a oposição, ela é livre de
venezuelanos, porque a Venezuela não é um país estamos a ser atacados economicamente e com é que ele aceita dialogar com os seus opositores? fazer as exigências que entender levar para a
em guerra. a participação de grandes grupos económicos Já viu um ditador dialogar com a oposição? O mesa de negociações.

“Os deputados da oposição pretendiam usar o poder maioritário para sabotar o poder Executivo”
O Governo estaria disposto a abraçar a pro- o poder maioritário para sabotar o poder Exe- peração com países amigos, conseguiu que do Estado. Inclusive ao nível da lei de terras,
posta da oposição, para a criação de um cutivo, com medidas para inviabilizar o a UNESCO declarasse a Venezuela território que veio para modificar o quadro em que
Governo de transição, até à realização de exercício do poder Executivo por parte do livre do analfabetismo, em menos de três milhares de hectares de terras estavam nas
novas eleições ? Governo do Presidente Nicolás Maduro. O anos de mandato. A oposição não faz referência mãos de pessoas ou famílias que não a tra-
Não se pode permitir isso, porque assim estado de confrontação aberto entre Assembleia a isso, porque não interessa, mas apenas balhavam e algumas até residiam no exterior
estaríamos em presença de uma mudança Nacional e o poder Executivo levou à inter- interessa falar das coisas negativas. do país. Alguma coisa em nome do povo
inconstitucional da ordem política no país. venção do Poder Judicial em defesa da demo- tinha de ser feita. E por causa disso chegaram
Isto seria um golpe de Estado. Não podemos cracia, que chegou a avaliar a ocorrência de O projecto de Socialismo na Venezuela, no con- a acusar o Governo de roubo ou expropriação
esquecer que houve um pleito eleitoral, em fraudes em três ou quatro distritos, em que a texto actual, tem pernas para andar? indevida de propriedades privadas. Na verdade,
Maio do ano passado, e o poder foi legitimado oposição tinha ganhado o pleito, tendo exi- Na medida em que o povo venezuelano acom- o Estado pretendeu apenas restabelecer a
pelo povo. Logo, não faz qualquer sentido gido a repetição do escrutínio. A oposição não panha e apoia o seu Governo, tem pernas justiça. E voltando à pergunta anterior, deixa-
alterar-se o quadro actual. aceitou e esse facto levou à intervenção do para andar para muito tempo. O assunto tem me dizer-lhe que o histórico de modelo de
Poder Judicial, ao ponto de validar a convo- muito a ver com a defesa da soberania do governação capitalista na Venezuela falhou
Mas seria uma forma de se retirar o país da cação, por parte do Presidente da Assembleia Estado. Como já disse, lembrando um pouco e as conquistas do actual modelo que pre-
situação económica em que se encontra... Constituinte, para resolver o diferendo, que a História, estamos a falar de um país que tendemos estão aí à vista de todos, embora
A situação económica é derivada do bloqueio já envolvia violência. teve sempre um histórico de controlo dos o bloqueio procure denegrir.
imposto, que inviabiliza a regularização da seus recursos por parte de outros países e
vida social, económica, política e cultural... A medida não configurava violação da Cons- multinacionais. Hoje, queremos travar essa As Forças Armadas continuam a respeitar a
tituição da Venezuela? realidade a favor do povo, que é a proprietária sua natureza republicana?
Mas para se resolver internamente a crise Não! É tudo feito com base na legalidade. de todos os recursos naturais da Venezuela. As Forças Armadas têm uma ideologia boli-
política e institucional... O povo é chamado, as várias sensibilidades Vale também esclarecer que não se trata do variana e essa é uma expressão que melhor
É a media que tenta fazer crer que na Venezuela da sociedade são convocadas a nomearem modelo de algum país. Não é um modelo descreve os mais de 125 mil membros que as
há uma crise incontrolável. Mas, na verdade, os seus candidatos, que são votados pelo importado da Europa do Leste, da ex-União compõem. Quando Guaidó se autoproclamou
o Governo do Presidente Nicolás Maduro povo. Trata-se de um processo constitu- Soviética ou de qualquer outro país. Trata- “Presidente da República” não tinha ninguém
tem o controlo absoluto de todas as instituições cional. Essa foi a medida através da qual o se de um modelo social venezuelano, que do seu lado. Tentaram fazer passar a suposta
do país. E mesmo quando existem manifes- Governo conseguiu manter a paz social e consiste na redistribuição equitativa das ajuda humanitária pela fronteira com a Colôm-
tações, não se pode comparar três ou cinco conseguimos. riquezas do país aos venezuelanos. É um pro- bia, com camiões que foram propositadamente
mil pessoas a se manifestarem, num país jecto humanista que visa revolucionar a vida sabotados do lado da fronteira do país vizinho,
que permite que saiam à rua para exercerem A oposição diz que o sistema judicial vene- e acelerar as conquistas sociais. com o propósito de atribuírem as culpas e
o seu direito, com todo um conjunto de 30 zuelano não é independente. responsabilidades ao outro lado. Como fez o
milhões de habitantes de todo o país. Essa A oposição diz muita coisa. Diz que a Vene- Mas estão nacionalizadas todas as empresas jornal americano “The New York Times”, que
franja da população, que, por sinal, ainda zuela é uma ditadura, mas os seus membros privadas? acusava as autoridades venezuelanas de invia-
exerce o direito de se manifestar, porque a lá estão a desempenhar as suas actividades, Algumas empresas foram nacionalizadas bilizar a passagem de ajuda humanitária.
Constituição lhe dá, quando livre e pacifi- algumas mesmo atentando contra a ordem por causa do valor estratégico que as mesmas
camente exercido, não representa a maioria, constitucional e institucional do país. Esse, desempenham. A Venezuela tinha uma rea- O Presidente Maduro estaria disposto a
nem metade da população de todo o país. no fundo, é o recurso para todas as tentativas lidade em que praticamente tudo estava pri- encontrar-se com Donald Trump?
para desacreditar as autoridades venezuelanas; vatizado. O país não tinha uma empresa O Presidente Maduro já chegou a solicitar
E não foi ilegal a convocação da “assembleia é o trabalho da oposição. Ela tenta de tudo pública de telecomunicações, não tinha uma esse encontro, por exemplo, no ano passado,
constituinte”, pelo Presidente Maduro, numa com o apoio de entidades estrangeiras. A empresa pública de electricidade, nem um durante a realização da Assembleia-Geral
altura em que está a decorrer o mandato da oposição não reconhece que, quando Hugo banco público. Todos esses negócios faziam da ONU, em Nova Iorque. Nós continuamos
Assembleia Nacional, maioritariamente con- Chavez chegou ao poder, existiam na Vene- parte de consórcios privados. O Presidente a privilegiar o diálogo com todos aqueles
trolada pela oposição? zuela cerca de 40 por cento de analfabetos Chavez defendia que tinha que haver uma que respeitam a soberania do nosso país
Os deputados da oposição pretendiam usar e que, quando começou a expansão da coo- mudança a favor dos superiores interesses com base na Carta da ONU.
6 OPINIÃO Terça-feira
9 de Julho de 2019

EDITORIAL IMAGEM DO DIA


Quando pode atravessar em condições de segurança na rampa da pedonal, a poucos metros da passadeira, na

Os transportes comunitários Avenida Revolução de Outubro, o trabalhador prefere enfrentar o risco


VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO

Há dias, foi ensaiada, na província do Bengo, numa iniciativa do governo


local, a circulação de transportes comunitários, envolvendo autocarros
que vão ligar as comunidades naquela província, tendo como alvo principal
o apoio a estudantes e professores.
Trata-se de um passo importante porque, como todos sabemos, o país
vive uma escassez enorme relacionada com a ligação inter-localidades,
através dos meios de transporte, sobretudo para apoiar um dos sectores que
mais importância tem no processo de modernização de Angola: o ensino.
O precedente, largamente positivo, que se abre na província do
Bengo, pode servir para “inspirar” mais governos provinciais a embarcar
na ideia inovadora que é posta a funcionar no Bengo, estendendo-se
a outras áreas.
O crescimento económico de numerosas províncias e, dentro delas, de
muitos municípios, comunas e aldeias, tem ficado seriamente condicionado,
atendendo a ausência ou dificuldades de mobilidade humana e de bens.
Urge, eventualmente, um levantamento para aferirmos sobre o impacto da
ausência de uma rede de transportes nas comunidades que ajude as populações
a movimentarem-se entre as várias localidades, com ou sem os seus bens.
Provavelmente, assim, nos vamos certificar sobre o quanto o país
todo perde, como as populações tendem a empobrecer mais na medida
em que não conseguem escoar os seus produtos para os centros de
comercialização e de consumo, bem como o atraso no combate aos
indicadores que se pretende erradicar.
Na província do Bengo, esperamos que as populações façam bom
proveito dos meios para circulação colocados ao serviço das comuni-
dades pelo governo provincial e que as deslocações importantes, no-
meadamente às escolas, hospitais, aos locais de trabalho, às lavras e
aos mercados estejam salvaguardadas.
Numa altura em que as atenções estão a ser dadas, e ainda bem que
assim é, faz todo o sentido que os próximos desafios estejam concentrados
na recuperação, reabilitação e construção de mais estradas e vias pelas
quais as pessoas e os bens poderão circular.
No fundo, procedendo assim, estaremos a reduzir tempo e custos que,
como se sabe, são duas variáveis que incidem pesadamente sobre a compra
por parte dos consumidores. Os transportes comunitários podem jogar um
papel importante numa altura em que crescem as necessidades de circulação
de pessoas e bens de Cabinda ao Cunene.
Por força da crescente produtividade em muitas comunidades, meio por via
do qual as famílias associadas ou não em cooperativas agrícolas pretendem, por
meios próprios, combater a pobreza, o desemprego, e a fome, faz todo o sentido
que nos empenhemos na melhoria das condições de mobilidade. Os transportes
comunitários podem fazer toda a diferença na “revolução” da economia local a
nível das nossas comunidades, aldeias e “bualas” em todo o país.
É, entretanto, aconselhável que se aposte em soluções duradouras,
devidamente auto-sustentadas, para se evitar que passados seis meses
ou um ano a iniciativa fique apenas como saudade, porque ditada pelo
entusiasmo e menos pelo cuidado com os detalhes para perdurar.

CARTAS DOS LEITORES


CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO PROPRIEDADE
Víctor Silva (presidente) Edições Novembro, E.P.
ADMINISTRADORES EXECUTIVOS
Caetano Pedro da Conceição Júnior SEDE:
José Alberto Domingos
Rui André Marques Upalavela Rua Rainha Ginga, 12-26 Príncipe Harry o futuro rei da Inglaterra, um se os referidos valores tinham a
Caixa Postal 1312 - Luanda
Luena Kassonde Ross Guinapo
Redacção: 222 020 174 Li em tempos uma notícia, pu- jovem que vem para um país ver com a mensalidade e ou se di-
ADMINISTRADORES NÃO EXECUTIVOS Telefone geral (PBX): 222 333 344
Filomeno Jorge Manaças Fax: 222 336 073 blicada pelo Jornal de Angola, maioritariamente jovem. Para ziam respeito a pagamentos
Mateus Francisco João dos Santos Júnior Telegramas: Proangola
sobre a preparação da visita terminar, gostaria que as ins- anuais. Presumo que se trata de
do príncipe Harry, o herdeiro tituições do Estado se prepa- valores que o Estado gastava todos
da coroa britânica, no quadro rassem bem para receber a de- os meses para pagar pensionistas
do projecto do Delta do Oka- legação que eventualmente que, como se confirma agora, boa
DIRECTOR: Ferraz Neto (subeditor) e Pereira Dinis vango. Retomando notícias do acompanhará o príncipe Harry, parte deles não passava de falsá-
Víctor Silva
DIRECTOR-ADJUNTO:
EDIÇÕES ESPECIAIS: jornal britânico, TheDaily Mail, na sua visita ao nosso país, nu- rios. Era só o que faltava entre
Adalberto Ceita, André dos Anjos, Domingos dos Santos,
Caetano Júnior
Leonel Kassana e Yara Simão diz-se que o neto da rainha Isa- ma altura em que precisamos pessoas que usurpavam direitos
DIRECTOR EXECUTIVO:
Guilhermino Alberto
FOTOGRAFIA:
bel II vem ao nosso país e acho de “vender” a imagem de An- de verdadeiros pensionistas, mui-
EDITOR EXECUTIVO:
Francisco Bernardo (editor-chefe),
José Cola (editor),
que vai ser uma boa oportuni- gola como um país aberto a to- tos deles ainda em idade econó-
Diogo Paixão Dombele Bernardo, Domingos Cadência, Eduardo Pedro, João Gomes, dade para potenciarmos secto- dos aqueles que podem contri- mica activa a ganharem dinheiro
Maria Augusta, Miqueias Machangongo, Mota Ambrósio, Paulo Mulaza, Kindala
SUB-EDITOR EXECUTIVO:
Cândido Bessa Manuel, Santos Pedro, Agostinho Narciso, Vigas da Purificação, Contreira Pipas res como o do turismo. A ser buir para promover a nova era indevidamente. Isso é extrema-
verdade e a confirmar-se a vin- em que nos encontramos, de mente grave e ainda bem que as
CORRESPONDENTES PROVINCIAIS:
GRANDE REPÓRTER: Adão Diogo (Lunda Sul), da dessa ilustre personalidade, paz, reconciliação, reconstru- instituições do Estado foram a
Luísa Rogério Alberto Coelho (Cabinda),
João Mavinga (Zaire), representante da monarquia ção, e desenvolvimento, para tempo de dar conta dos paga-
Vladimir Prata (Namibe),
EDITORIAS:
POLÍTICA: Esídoro Natalício (Cuanza-Norte), mais antiga do mundo, não há viabilizar o bem-estar de todos. mentos indevidos que fazia a
Luís Pedro (Cuanza-Sul),
Santos Vilola (editor-chefe),
Fonseca Bengui (subeditor) e Bernardino Manje (subeditor) Noé Jamba (Bengo), dúvidas de que podemos apro- HALICE GONÇALVES pessoas que, nalguns casos, nem
Francisco Curinhingana (Malanje)
Adelina Inácio, João Dias, Edna Dala,
Garrido Fragoso e Gabriel Bunga Fernando Cunha (Huambo), veitar para “vender” e bem a CalembaII idade de pensionista tinham. Mas,
OPINIÃO:
João Constantino (Bié),
José Chaves (Andulo), imagem de Angola. A imprensa Falsos pensionistas o importante é que sejam assacadas
Ambrósio Clemente (editor-chefe), Faustino Henrique (subditor) Jaime Azulay (Benguela),
SOCIEDADE: Jesus Silva (Lobito), mundial vai fazer eco da pre- Escrevo pela primeira vez para o todas as responsabilidades e que
Estanislau Costa (Huíla),
Nhuca Júnior (editor),
Alberto Pegado (editor), Joaquim Aguiar (Lunda-Norte), sença do futuro rei da Inglaterra, Jornal de Angola para abordar a as pessoas implicadas sejam le-
Silvino Paulo (Uíge),
José Meireles (editor),
Rodrigues Cambala, André da Costa, Kilssia Ferreira, Manuela Gomes, Lourenço Manuel (Cuando Cubango), com a sua bela mulher, logo, questão dos falsos pensionistas, vadas às barras da justiça. Na ver-
Quinito Kanhamei (Cunene),
Augusto Cuteta, Alexa Sonhi, César André, César Esteves, Edivaldo Cristóvão,
Carla Bumba e Mazarino da Cunha Samuel António (Moxico), acho eu, que vai ser uma opor- que constavam das folhas de sa- dade, julgo que é o mínimo que se
REGIÕES: tunidade soberana para "An- lário do Estado. Segundo infor- pode esperar, precedido obviamente
Sérgio Chivaca (editor-chefe), PAGINAÇÃO E ARTE:
Béu Pombal (subeditor), Salvador Escórcio (Editor), Soares Neto, Eugénia Victor, Augusta Lucéu, Tomás Cruz, gola dar nas vistas". E o nosso mações postas a circular pela im- de um levantamento que consiga
Filipe Eduardo Noé Pungue, Evaristo Sacupalica, João Augusto, Josefa Abreu, Maria Messele, Alberto
ECONOMIA:
Bumba, Inês Quingando, Margarida Zilungo, Maria da Silva, António Saldanha, país merece, agora mais do que prensa, o Estado angolano pagava apurar o tempo em que o Estado
Henrique Faztudo, António Quipuna, Raúl Geremias, João Mundaka, Ana Paula Dias ,
Cristóvão Neto (editor-chefe),
Armando Estrela (sub-editor),
Isabel Fragão, Manuel Cassenda, Francisco da Silva, João Mundaka, Rui Jacinto, nunca que precisamos de re- 270 milhões de kwanzas a falsos foi desfalcado. Seja como for, na
Bruno Bernardo, Luquemba Pedro
Ana Paulo, Kátia Ramos, Madalena José, Natacha Roberto e Victorino Joaquim lançar o nosso turismo. Abro pensionistas. Não pude reter, da verdade, é que se trata de muito
MUNDO:
Bernardino Fançony (editor-chefe), António Canepa
CARTOON E ILUSTRAÇÃO:
Armando Pululo e Casemiro Pedro aqui um parêntesis para dizer informação avançada pela TPA, dinheiro. E sendo assim, espero
DESPORTO: que gostaria que o príncipe que o Estado consiga responsabi-
Amândio Clemente (editor-chefe),
Anaximandro Magalhães (subeditor), António Cristóvão, COPY DESK: aproveitasse homenagear aqui lizar com punições exemplares as
Armindo Pereira, Teresa Luís, Vivaldo Eduardo, Rui Ramos, Arlindo Soares, Esperança Vieira Dias, João Sá.
António de Brito e Honorato Silva a sua mãe, a falecida princesa ESCREVA-NOS pessoas envolvidas desde aqueles
CULTURA: de Gales, que chegou a visitar Cartas recebidas na que auferiam indevidamente aos
António Bequengue (editor-chefe), Adriano Melo (sub-editor), O Jornal de Angola Rua Rainha Ginga, 12-26
Francisco Pedro (subeditor), utiliza os serviços da ANGOP, AFP, Reuters, EFE e Prensa Latina Angola, no quadro dos seus es- Caixa Postal 1312 - Luanda que estavam por detrás da rede
Amilda dos Santos, Manuel Albano, Mário Cohen e Roque Silva
GENTE E FIM-DE-SEMANA: PUBLICIDADE: forços de desminagem. Não é ou por e-mail: de malfeitores.
António Cruz (editor-chefe),
Isaquiel Cori (editor)
(+244) 937 550 262 todos os dias que se tem a opor- MANUEL PANZO
(+244) 949 770 006 e-mail: publicidade@jornaldeangola.com escrevaconnoscoJA@gmail.com Uíge
Edna Cauxeiro (sub-editora), tunidade de receber-se em casa
OPINIÃO Terça-feira
9 de Julho de 2019 7
CRÓNICAS DA LAMBULA NA ALVA DAS
IDEIAS
Osvaldo Gonçalves Adriano Mixinge
CITAÇÕES

“Vimos a
Passeando pelas
Nascer não é opção
necessidade de
revitalizar o
turismo em
Mbanza Kongo,
exposições de Arte
É cacimbo. Apetece estar em lugares resguardados, para
Tanto o Complexo de Édipo quanto o de Electra tens de beber café a qualquer hora”, respondeu-lhe,
assim como a evitar o friozinho da brisa nocturna. É a melhor época para
são difíceis de aceitar, embora sejam muito referidos ao ser confrontada por este. inclusão nos visitar lugares fechados, no centro da cidade de Luanda. In-
e haja alguma facilidade para identificá-los, sobre- Outro caso ocorreu na Inglaterra, em que um manuais escolares teressaram-nos oito exposições que ainda estão patentes.
tudo, quando chamam a atenção pela vertente se- casal negro teve uma filha de cabelos louros e olhos conteúdos sobre Se, por exemplo, estiver ou chegar ao Kinaxixi, o caro
xual. Nos dias de hoje, é mais fácil encarar o facto azuis. Exames de DNA provaram que não se tratou leitor poderá ir ao Museu de História Natural e ver a ex-
de os filhos serem mais chegados às mães e as de um caso que envolvesse contactos extraconjugais monumentos posição de Pedro Pires, uma iniciativa da galeria This is
filhas aos pais pelo lado negativo e, quando acon- e que a pequena Nmachi, que não é albina, é de e sítios que Not a White Cube, com curadoria de Sónia Ribeiro: nela,
tecem casos de ligações carnais, olha-se para a si- facto filha de ambos. simbolizam o mais interessante são o homem, os gradeamentos e a
tuação apenas pelo lado perverso e, se a insanidade Especialistas em genética explicaram que tal pode reutilização da serralharia para evocar tensões sociais
mental for posta de parte, abre-se caminho para o acontecer se um dos pais tiver um ancestral branco.
a história que vêm do Estado Colonial e que persistem no Estado
obscuro. A controvérsia instalou-se mesmo no caso de Jen- e a tradição oral” Pós-colonial.
À parte toda a morte do Minotauro nifer que, tendo recorrido à insemi- Maria Piedade de Jesus Com uma museografia impecável, o título da amostra
por Teseu, a lenda de Ícaro, é mais
bem aceite, já que se ignora todo o
De forma geral, nação artificial e tendo pedido a
amostra de um doador branco, aca-
Ministra da Cultura “Ph7 interfaces – corpo e arquitectura”, causa ruído,
mas desfrutar dos desenhos e das esculturas do artista
passado do monstro, filho bastardo os conflitos bou por engravidar de um negro por- em silêncio, numa sala ampla com umas peças expostas,
de Pasífae, mulher de Mimos e de um que um funcionário trocou um al- “Todos os no fundo, sobre um amarelo mostarda é, no entanto,
touro divino. O que para muitos inte- familiares são garismo no registo e, no lugar do nº momentos são prazeroso.
ressa apenas é que o rapaz, filho de
Dédalo de uma escrava de Peséfone,
abordados com 380, ela recebeu esperma do nº 330.
De forma geral, os conflitos fami-
importantes para Se você for à torre da De Beers, no Espaço ELA coor-
denado por Dominique Tanner, verá “Partículas Encan-
deusa das ervas, flores, frutos e do pouca profundidade, liares são abordados com pouca pro- os dois países tadas” de Joana Taya: num fundo plano, ela mostra uma
perfume, não ouviu os conselhos do
pai e, tomado pelo desejo de voar pró-
nomeadamente fundidade, nomeadamente quando
se trata de desafectos entre pais e fi-
analisarem a série de pinturas de homens e mulheres encantados,
no universo que, de algum modo, surgem do quarto
cooperação e,
ximo ao Sol, acabou por ter derretida quando se trata de lhos. É mais comum falar-se no pro-
na qualidade
que a artista pintou no último “Fuck´in Globo” (2018).
a cera que segurava as asas feitas com genitor que abandona a cria e, quan- Eles são uma “série de galácticos” que, com a cara des-
penas de pássaros, despenhou-se no desafectos entre do tal abandono acontece do lado de membros coberta, falam-nos sobre a vida, o mundo digital, a
mar Egeu e afogou-se.
Actualmente, parricídios e infanti-
pais e filhos. É mais da mãe, as situações ganham con-
tornos bem mais gravosos, sendo
da mesma beleza das cores e das formas, a imensidão do universo
e a profundeza da alma.
cídios ganham destaque nos noticiários comum falar-se no até difíceis de ser julgados ao nível
comunidade Quando sair do Museu de História Natural e for para a
(CPLP), é
policiais. Noutros espaços e meios de
comunicação social, raras vezes pas-
progenitor que do Direito.
Raro é falar-se no assunto ao importante ter
parte de trás, no sentido do espaço “A nossa sombra”,
atravessar a estrada e ir ao Centro Cultural Português, lá
sam de notas de rodapé. abandona a cria e, contrário, ou seja, quando o aban- um alinhamento encontrará duas exposições de arte dignas de realce, pela
A sociedade é muito mais branda dono é de baixo para cima, os pais positiva e pela negativa. “Oikonomos”, a exposição indi-
quando se trata de casos que envolvem quando tal são apartados pelos filhos ou até sobre vidual de Edson Chagas onde os fotografados têm a cabeça
algum tipo de conflito, seja com insti-
tuições, nomeadamente hospitais e
abandono acontece processados por não corresponde-
rem às expectativas destes.
determinadas oculta e, também, a exposição colectiva, com dupla assi-
natura: “To see an elefhant is to travel” de Beatriz Geraldo
questões”
clínicas, públicas ou privadas, seja do lado da mãe, as Num programa de televisão, uma Elsa Pinto e“Flowers in my garden” Lauretta Geraldo.
entre indivíduos.
Casos reportados pela imprensa
situações ganham jovem brasileira negra ameaçou pro-
cessar a mãe por não ter olhos azuis. Ministra dos Negócios
Estrangeiros, Cooperação
Se a de Edson Chagas reflecte a consolidação de um
percurso, que o artista encarregou-se de reforçar com
como curiosos são motivo de chacota contornos bem mais Na Índia, Raphael Samuel, de 27 e Comunidades de São Tomé
e Príncipe
uma outra exposição que acaba de inaugurar na África do
e de interpretações por vezes maldo- anos, processou os pais por não o Sul, a das irmãs Beatriz e Lauretta Geraldo é uma exposição
sas, sobretudo, quando faltam expli- gravosos, sendo até terem ouvido sobre a sua vontade com intenções de transcendentalidade: é a primeira vez
cações científicas ou quando somos
deparados com justificações, no mí-
difíceis de ser de nascer. “Não nos perguntaram
se queríamos nascer […] Nascer não
“Não podemos que, em Angola, uma artista põe dois urinóis cor de rosa
dentro de uma galeria de arte, com todas as implicações
nimo, inusitadas. julgados ao nível foi sua decisão e você não pode ser
estender a que daí podem advir e, este, admitamos, é um “mérito”
discussão do
Pode-se aqui enquadrar o caso de
uma mulher branca que, casada com
do Direito. responsabilizado por algo que não
é uma decisão sua”, disse ele num pacote autárquico
que ninguém poderá negar à Lauretta Geraldo.
Se o caro leitor descer à Mutamba e chegar ao Banco
um indivídio da mesma raça e cor de vídeo publicado no You Tube. para além do Económico verá “Untitled 2”, o show room de Arte Con-
pele, deu à luz na maternidade do Hos- A mãe, após admirar a coragem temporânea, em que os números de artistas e obras im-
pital da Universidade de Valência, Espanha, a um do filho em processá-la e ao marido, ambos advoga- próximo ano pressionam, - Cem obras de cinquenta artistas - mas não
bebé saudável de 4,2 quilos de tez escura. O caso dos, afirmou que aceitaria a sua culpa caso o filho legislativo. Seria assim a qualidade das obras de arte expostas: eu escolheria
ocorreu em Março deste ano e ela atribuiu ao marido inventasse uma forma racional sobre como poderiam muito mau somente as obras de uns quinze artistas.
a causa da situação: “a culpa é dessa mania que ter pedido o seu consentimento para nascer. Limitar-me-ei a citar doze dos artistas que chamaram-
estarmos a me atenção: o gesto pictórico de Uolofe e de Andgraf, as
discutir leis serigrafias de Manuel Ventura, as pinturas de Evan Claver,
EDIÇÕES NOVEMBRO
que vão ser Hedbenezer Roma, Thô Simôes, António Gonga, Pedro
importantes na Tchivinda e de Pemba , as esculturas de Germano, Valeriano
e de Capitango.
definição de Nos Coqueiros poderá ver a exposição “Okufetika”
eleições o próximo de Iris Buchholz Chocolate, na Galeria Jahmek – que,
ano, repetindo neste momento, é a melhor galeria da cidade de Luanda
-, gerida por Mehak Vieira. A bela exposição de Iris si-
o mau exemplo tua-se no mundo da Antropologia de arte: a artista
de 2016” brilha pela força, exactidão, brio e a pureza das obras
Adalberto Costa que apresenta.
Júnior Parando na Marginal, pode visitar a Galeria Movarte
Presidente da bancada de Janire Bilbao, com a prestimosa assistência de Edna
parlamentar da UNITA Bettencourt, e ver a exposição permanente que lá se en-
contra: Ihosvanny Cisnero e Gonzalo Mabunda são alguns
dos artistas representados por esta galeria.
“Todos os passos O ideal seria ir, depois, ao Memorial António Agostinho
dados pelo Irão Neto. Lá você poderá ver “Esplendor e tormento na arte
angolana contemporânea- Colecção Nuno de Hall Pi-
podem ser mentel”: se for um observador atento e tiver alguns co-
revertidos através nhecimentos de arte, dar-se-á conta de todos os debates,
da adesão dos três problemas, dificuldades do coleccionismo e das questões,
países europeus todas elas pertinentes, - do ponto de vista da conservação
das obras de arte, da museografia, do restauro, da cu-
(Alemanha, Reino radoria, do estudo, avaliação e da peritagem-, que a
Unido e França)” amostra suscita.
Mohamad Yavad Zarif
É cacimbo, saia de casa e vá visitar exposições de artes
Ministro iraniano dos visuais e plásticas, no mínimo, elas ajudarão a compreender
Negócios Estrangeiros melhor a complexidade da sociedade luandense actual, os
seus acertos, as suas carências e as suas potencialidades.
8 Terça-feira
9 de Julho de 2019

PUBLICIDADE

(8.360)
REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DO ENSINO SUPERIOR, CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO

CONCURSO PÚBLICO N.º 04/2019


O Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação vem tornar público, nos termos do 10. Propostas Variantes: No presente Procedimento não são admitidas propostas variantes.
disposto no n.º 1 do artigo 69.° e do Anexo VI, da Lei n.º 06/ 16, de 16 de Junho de 2016 - Lei dos 11. Caução Provisória: É dispensada a prestação da caução provisória de manutenção da proposta
Contratos Públicos, que está aberto o Concurso Público para "o fornecimento de computadores de no presente "Concurso Público”.
mesa e portáteis".
CRITÉRIO DE ADJUDICAÇÃO
DADOS DA ENTIDADE PÚBLICA CONTRATANTE (EPC) 12. Critério de adjudicação: A avaliação é feita de acordo com o critério do preço mais baixo (55%)
1. Designação (UO/ OD): Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação e a melhor proposta técnica (45%) dentre as propostas que respeitem as especificações técnicas re-
2. Morada: Rua do Mat, Complexo Administrativo Clássicos de Talatona, Edifício N.º 2, 5.º Andar, queridas.
Luanda - Angola 13. Obtenção dos documentos do concurso: Os documentos relativos ao presente concurso, Ca-
3. Telefone: 00244 916 337 665 derno de Encargos e Programa de Concurso, podem ser obtidos no endereço físico acima mencionado
4. Horário de funcionamento: 8h às 15h30 ou por solicitação através do email: pacmescti@gmail.com, no período compreendido entre 4 a 12
de Julho de 2019, das 8h às 15h30.
INFORMAÇÕES RELATIVAS AO CONTRATO
5. Objecto do Concurso: O presente concurso destina-se ao fornecimento de computadores de mesa PROCESSO
e portáteis no edifício sede do Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação. 14. Prazo para apresentação de propostas: As propostas devem ser apresentadas até às 15horas:30
6. Local de entrega dos bens: Os bens serão entregues, preferencialmente, na sede do MESCTI, minutos do dia 12 de Agosto do corrente ano, na sede do Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tec-
sito na Rua do MAT, Complexo Administrativo Clássicos de Talatona, Edifício n.º 2, Rés do Chão. nologia, Inovação, sito na Rua do MAT, Complexo Administrativo Clássicos do Talatona, Edifício n.º 2,
7. Contrato: O presente concurso é sujeito a contrato escrito. A assinatura do contrato tem lugar nos 5.º Andar. Não serão aceites propostas apresentadas fora do prazo definido.
5 (cinco) dias subsequentes à comunicação da adjudicação.
8. Prazo para o fornecimento dos bens: Os computadores de mesas e portáteis deverão ser entre- 15. Modo de apresentação das propostas: As propostas devem ser apresentadas de acordo com
gues no prazo máximo de dois meses a contar da data de assinatura do contrato, prorrogáveis me- os requisitos definidos no Programa do Concurso. Não serão admitidas propostas para o fornecimento
diante condições acordada pelos contraentes. de parte de serviços objecto do presente procedimento, de acordo com as condições definidas no Pro-
grama do Concurso e Caderno de Encargos.
INFORMAÇÕES RELATIVAS AOS CONCORRENTES E ÀS PROPOSTAS 16. Prazo de manutenção das propostas: Os concorrentes ficam vinculados à manutenção das res-
9. A proposta deve ser acompanhada da seguinte informação e documentos habilitantes: pectivas propostas pelo prazo de 45 dias.
a) Declaração, nos termos do Anexo B, onde consta indicação da denominação social, Número de 17. Acto Público: O acto público de abertura das propostas no mesmo endereço de apresentação de
Identificação Fiscal (NIF), sede, sucursais que devam estar envolvidas na execução do contrato, nomes propostas, no dia 14 de Agosto de 2019, pelas 10h30, podendo no mesmo intervir todos os concor-
dos titulares dos seus órgãos de administração, direcção ou gerência e de outras pessoas com poderes rentes devidamente credenciados para o efeito.
para a obrigarem, Registo Comercial ou equivalente, tratando-se de pessoas colectivas;
b) Certificados de registo criminal dos representantes legais da sociedade; INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES
c) Certificado de Registo Estatístico; 18. Esclarecimentos e informações adicionais: Podem ser solicitadas esclarecimentos sobre os
d) Cópia autenticada dos Documentos de Arrecadação de Receitas (DAR); documentos do concurso até ao dia 7 de Agosto de 2019, através do endereço electrónico:
e) Certidão Contributiva original ou cópia autenticada – Emitida pelo Instituto Nacional de Segurança pacmescti@gmail.com.
Social (INSS); 19. Os pedidos de esclarecimento serão respondidos, também para o correio electrónico indicado pelo
f) Certidão Fiscal original ou cópia autenticada – Emitida pela Repartição Fiscal; interessado até ao dia 9 de Agosto de 2019.
g) Comprovativo da entrega da declaração fiscal mais recente;
h) Modelo de declaração de ausência de impedimentos por parte do concorrente conforme modelo O SECRETÁRIO GERAL
constante do Anexo C;
i) Declaração de autorização de pesquisa de informação, de acordo com o modelo constante do Anexo D; NDILU MANKENDA NKULA
(500.853a)
Terça-feira
9 de Julho de 2019 9
PUBLICIDADE

(700.063a)

REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E DOS DIREITOS HUMANOS
3.ª SECÇÃO DA SALA DO CÍVEL E ADMINISTRATIVO

PROCESSO N.º 1571/16-D


2ª Publicação

Doutora Denise Ventura Paiva, Juíza de Direito do Tribunal Provincial de Luanda,


Sala do Cível e Administrativo, Terceira Secção.

Faz saber que, corre seus regulares termos pela 3.ª Secção da Sala do Cível e
Administrativo, uma Acção Executiva sob a forma de Processo Ordinário para
Pagamento de Quantia Certa em que é Exequente Banco Angola de Investi-
mento S.A., residente em Luanda na rua Major Kanhangulo, N.º 34, matriculado
na Conservatória do Registo Comercial de Luanda, sob o n.º 10/97 e é citado
os Executados SOCI-TRADE-Importação e Exportação, Lda. e António Mosquito
Mbakassy, residente em Luanda na Rua Praceta Ant. M. Noronha, Bairro Ingom-
bota, município da Ingombota.

Nesta acção, o Exequente pede que se procede à citação do representante legal


dos Executados, actualmente em parte incerta querendo deduzir oposição pagar
ou nomear bens à penhora no prazo de 10 (dez) dias, que começa a correr finda
a dilação de 30 (trinta) dias, contados da data da primeira e da segunda publi-
cação do anúncio, com a cominação de que a falta importa a devolução à Exe-
quente do direito de nomear bens à penhora, e que em substância o pedido
consiste na citação dos Executados para pagar, conforme tudo melhor consta
do duplicado que se encontra à disposição no Cartório deste Tribunal.

Luanda, aos 3 de Julho de 2019.


(500.855)

A JUÍZA DE DIREITO A ESCRIVÃ DE DIREITO


DENISE VENTURA PAIVA ANATMIZYA DE MORAIS
(500.831)
10 ÁFRICA Terça-feira
9 de Julho de 2019

INSTABILIDADE NA TUNÍSIA CRIMES DE GUERRA NA RDC


DR
Breves TPI reconhece a culpa
SUDÃO
MILITARES REAFIRMAM
CUMPRIMENTO DO
ACORDO ASSINADO
de Bosco Ntaganda
COM OS CIVIS
O Conselho Militar no poder Tribunal Penal Internacional combates no seio do M23,
no Sudão prometeu, no (TPI), em Haia, reconheceu Ntaganda fugiu então para
domingo, segundo a BBC, ontem a culpa do antigo chefe o Rwanda, refugiando-se na
“aplicar” e “preservar” o de guerra congolês, Bosco Embaixada dos Estados Uni-
acordo alcançado com as Ntaganda, preso desde 2013, dos, em Kigali, de onde pediu
lideranças dos protestos, dos crimes de guerra e contra transferência para o TPI.
que define as principais a humanidade e que agora Bosco Ntaganda é um dos
linhas da futura fase de enfrenta uma possível pena cinco chefes de guerra con-
transição e que levou os de prisão perpétua, de acordo goleses transferidos para o
manifestantes a com a AFP. TPI, fundado em 2002, para
suspenderem a campanha Bosco Ntaganda era acu- julgar os crimes cometidos
de desobediência civil. sado de ter, entre 2002 e 2003, no mundo.
Os generais e as lideranças recrutado crianças-soldado, Em Março de 2012, o Tri-
dos protestos aceitaram incitado a assassinatos, pilha- bunal Penal condenou Tho-
sábado uma Presidência gens e violações, actos supos- mas Lubanga, antigo chefe
alternativa à frente de um tamente cometidos pelas de Ntanganda, nas FPLC, a
O Chefe de Estado tunisino deve começar a preparar as eleições de Outubro e Novembro Conselho Soberano, futura suas tropas, em Ituri, nordeste 14 anos de prisão.
instância encarregada de da RDC. Nos últimos anos o tribunal
dirigir a transição política Na última fase do processo, sofreu vários revezes, com a
durante três anos. em Agosto de 2018, a acusação soltura de vários suspeitos.

Presidente Béji Essebsi A iniciativa, auspiciada


por mediadores da Etiópia
e da UA, representa uma
distensão após vários
apontou Bosco Ntaganda
como tendo tido um papel
preponderante na planificação
das operações da União dos
Num outro assunto, os juí-
zes vão determinar a exis-
tência ou não de provas, para
confirmar as acusações con-

já teve alta hospitalar meses de embates, que


levaram à destituição do
ex-Presidente Omar
al-Bashir, em Abril.
O Conselho será composto
Patriotas Congoleses e do seu
braço armado, as Forças de
Libertação do Congo (FPLC).
Antigo general das Forças
Armadas Congolesas (FARDC),
tra o jihadista maliano, Al
Hassan ag Abdoul Aziz ag
Mohamed Ag Mahmoud, sus-
peito de ter cometido crimes
de guerra e contra a huma-
por cinco militares Ntaganda, de 45 anos, res- nidade, em Tombouctou, entre
A Tunísia está a ser abalada por uma nova onda de atentados, e seis civis. pondia por 13 crimes de guerra 2012 e 2013.
que têm servido para aumentar a instabilidade numa altura e cinco crimes contra a huma-
DR
em que o Presidente Béji Essebsi, que havia sido internado nidade, que já negara em 2015.
de urgência há cerca de três semanas, já teve alta hospitalar, LÍBIA Nascido no Rwanda, onde
PAPA PEDE CORREDORES ingressou na Frente Patriótica
devendo retomar ainda esta semana as funções e assim PARA AJUDAR MIGRANTES do Rwanda (FPR), Ntaganda,
preparar as eleições de Outubro e Novembro, nas quais já EM SITUAÇÃO VULNERÁVEL de etnia tutsi, tinha a repu-
disse que não vai participar O Papa pediu, domingo, a tação de ser um líder caris-
organização de corredores mático. General das FARDC,
humanitários para ajudar os de 2007 a 2012, foi um dos
migrantes mais vulneráveis, membros fundadores do
O Presidente da Tunísia, Béji passada, um extremista fez- Entre os recuperados, oriun- apelando à indignação da movimento rebelde M23,
Caid Essebsi, teve alta hos- se explodir na capital da Tu- dos de Sudão, Eritreia e Chade, comunidade internacional derrotado em 2013.
pitalar no fim-de-semana e, nísia depois de ter sido cer- havia quatro mulheres e dois perante ataques como o do Na sequência das diver-
segundo o filho, a saúde do cado pela Polícia. Um porta- menores. Sete deles tiveram bombardeamento de um gências acompanhadas de Ex-chefe de guerra da RDC
Chefe de Estado está “normal” voz do Ministério tunisino que ser levados para um hos- centro de migrantes,
e prepara-se para regressar do Interior, citado pela agên- pital próximo devido ao deli- ocorrido na semana
ao trabalho ainda esta semana, cia Reuters, anunciou que a cado estado de saúde. passada na Líbia. “Embora
garantiu ontem a AFP. Polícia abriu fogo sobre o ho- A segunda embarcação, tenham passado alguns
Numa foto publicada pela mem, identificado como com seis cidadãos tunisinos dias, convido-vos a rezar ELEIÇÕES NA COSTA DO MARFIM
Presidência no Facebook, Aymen Smiri. com idades entre os 30 e os pelas pobres pessoas
Essebsi, de 92 anos, surge sor-
ridente e rodeado pela equi-
pa médica que o tratou. “O
“Após uma longa perse-
guição, as forças especiais cer-
caram o homem e, quando
45 anos, foi encontrada na
costa da cidade de Chebba,
no centro do país, depois de
assassinadas ou feridas
num ataque aéreo que
atingiu um centro de
Governo adopta projecto
Chefe de Estado já deixou o
hospital militar e voltou para
começaram a disparar, ele fez-
se explodir com o cinto de
três dias à deriva em alto-mar
devido a uma avaria.
migrantes na Líbia”,
convidou Francisco, durante contestado pela oposição
casa, em Cartago, depois de explosivos que usava”, disse o As praias, que se estendem a oração do Ângelus
receber o tratamento neces- porta-voz, acrescentando não entre Tripoli e a fronteira com dominical, de acordo com a O Governo da Costa do Mar- Eleitoral. Pelo contrário, man-
sário e de recuperar”, confir- ter havido mais vítimas. a Tunísia, transformaram- Efe. Perante os fiéis na fim decidiu ontem adoptar tém o controlo da maioria pre-
mou a Presidência em comu- Antes desta recente onda se nos últimos dois anos no Praça de São Pedro, o Papa um projecto de lei sobre a sidencial sobre a Comissão
nicado oficial. de ataques, o último atentado principal reduto das máfias considerou que “a nova Comissão Eleitoral, que Eleitoral Independente (CEI)
Essebsi foi hospitalizado ocorrera em Outubro de do tráfico de seres humanos, comunidade internacional deve entrar em vigor ainda com sete representantes de
precisamente no mesmo dia 2018, quando uma mulher apesar da presença de patru- não pode tolerar este mês, após ter sido ins- um total de 15 membros (47
em que um duplo atentado se fez explodir no centro de lhas europeias. acontecimentos tão graves.” tado pelo Tribunal Africano por cento) contra os três mem-
"terrorista", reivindicado Tunes, ferindo 15 pessoas. Segundo números da Orga- “Rezo pelas vítimas. Que o dos Direitos Humanos e dos bros da oposição (20) e cinco
pelo auto-proclamado Estado A explosão veio interrom- nização Internacional de Deus da paz acolha os Povos para a tornar mais da sociedade civil (30).
Islâmico, provocou um morto per um longo período de Migração (OIM), 597 imigrantes defuntos”. independente. Este desequilíbrio é con-
e vários feridos na capital calma que se seguiu à série morreram no mar enquanto DR Mas enquanto o projecto firmado na composição das
tunisina, Tunes. Os dois ata- de ataques de 2015, que pro- tentavam chegar à Europa de lei aguarda a validação da comissões locais. Além disso,
ques aconteceram no pico vocou dezenas de mortos e desde o início de 2019. Assembleia Nacional e pos- este projecto cria um impasse
da temporada turística e a levou à imposição do estado Das vítimas, 343 morreram teriormente do Senado, se- sobre as atribuições e o fun-
poucos meses das eleições de emergência e ao reforço na chamada “rota central” gundo a AFP, o conteúdo deste cionamento da comissão, que
legislativas de Outubro e das da segurança. do Mediterrâneo, que sai da texto é contestado pela opo- constituem os outros pilares
presidenciais de Novembro. Líbia e é considerada uma sição, que exigiu uma reforma da sua independência, indicou
No início do mês passado, Migrantes resgatados das mais mortais do mundo. profunda e não apenas uma o opositor num comunicado.
o Presidente anunciou que A Marinha tunisina anunciou O número é muito próximo recomposição como parece Bamba Moriféré, presi-
não concorreria a um segundo no fim-de-semana ter res- dos 620 mortos - 383 no Medi- ter sido feito pelo Governo. dente da União do Povo da
mandato, apesar dos apelos gatado 70 pessoas após estarem terrâneo central - registados Para o opositor Pascal Affi Côte d’Ivoire (RPCI), membro
do Nidaa Tounes, partido que à deriva em duas embarcações em todo o ano de 2018, o que Nguessan, presidente da de uma plataforma de 23 par-
fundou em 2012 e que ainda na tentativa de atravessar o evidencia uma mudança de Frente Popular Ivoiriense tidos da oposição em torno
não avançou com o nome de Mediterrâneo e conseguir che- tendência desde que alguns Espero que se organize, de (FPI), “na sua forma actual, do Partido Democrático da
um candidato à sua sucessão. gar à Europa, segundo a im- países proibiram há alguns uma forma ampla e o texto aprovado pelo Con- Côte d’Ivoire (PDCI, ex-alia-
A Tunísia liderou o movi- prensa local. meses o trabalho das ONG concertada, corredores selho de Ministros é uma ini- do do poder) declarou à im-
mento das Primaveras Árabes A primeira operação acon- que ajudam nos resgates. humanitários para os ciativa paralela, pessoal e prensa que “desde o início,
com a deposição, em 2011, teceu na costa da cidade de De acordo com a OIM, migrantes mais solitária do Governo” e que o Governo esteve de má-fé.
do líder autocrático Ben Ali. Sfax, capital económica da 27.834 migrantes consegui- vulneráveis”, acrescentou. só envolve o seu partido, con- Já tinha pré-estabelecido o
Essebsi assumiu a liderança Tunísia, tendo sido salvos 64 ram chegar à Europa de forma Segundo a ONU, 56 pessoas siderando que “as negociações seu programa e queria fazer
do período de transição como migrantes, que tinham saído irregular pelas três rotas prin- morreram e 130 ficaram não terminaram.” passá-lo à força.”
Primeiro-Ministro, tendo sido de uma praia da cidade de cipais nos primeiros seis feridas na sequência de um "Basicamente, este projecto “O Governo acaba de ope-
eleito Presidente em 2014. Zwara, na Líbia, que fica 60 meses do ano, número de 35 ataque aéreo que atingiu, do Governo não fornece uma rar uma passagem à força.
Mas, a instabilidade teima quilómetros ao leste da fron- por cento menor em relação na noite da passada terça- resposta à questão do equilíbrio Vamos organizar a resposta,
em persistir no país. À semana teira com a Tunísia. ao mesmo período de 2018. feira o centro de migrantes. na composição da Comissão porque é a batalha política.
MUNDO Terça-feira
9 de Julho de 2019 11
GRÉCIA RELATÓRIO DA ONU

Kyriakos Mitsotakis Breves


já é oficialmente PM
ALEMANHA AFASTA
POSSIBILIDADE DE ENVIO
DE TROPAS PARA A SÍRIA
O Governo alemão descartou
Homicídios superam
O líderdo partido conservador
Nova Democracia, Kyriakos
Mitsotakis, foi ontem investido
como Primeiro-Ministro da
Os ministros das Finanças
da Europa estiveram reunidos
ontem em Bruxelas para dis-
cutir a Grécia, que ainda tem
ontem o envio de tropas
terrestres para a Síria no
quadro das forças
internacionais que combatem
a organização extremista
os conflitos armados
Grécia numa cerimónia rea- metas fiscais rigorosas para Estado Islâmico, apesar do Cerca de 464 mil pessoas em todo o mundo foram vítimas de
lizada no Palácio Presidencial cumprir, apesar de não receber pedido dos Estados Unidos. homicídios em 2017, número que supera as 89 mil mortes
em Atenas, depois de ter ven- directamente empréstimos Segundo o porta-voz do registadas em conflitos armados durante o mesmo ano, revela
cido as eleições. de resgate. Governo de Berlim, Steffen um relatório divulgado ontem pela ONU
Mitsotakis, de 51 anos, che- “Assumo o Governo do Seibert, a Alemanha vai
gou ao Palácio Presidencial país com plena consciência continuar a colaborar no DR
acompanhado pela mulher e da responsabilidade nacional”, âmbito da coligação que
os três filhos para a cerimónia afirmou no domingo à noite combate o grupo Estado
de posse oficial conduzida Mitsotakis, no discurso de Islâmico com os mesmos
pelo arcebispo de Atenas, vitória. “Sei das dificuldades recursos usados até ao
Jerónimo II. que estão por vir, mas eu momento: com aviões de
Ao contrário do antecessor, extraio força da força das pes- observação e instrutores
Alexis Tsipras, o líder da Nova soas”, garantiu. militares em território
Democracia optou pelo jura- Durante a crise financeira iraquiano. “Quando digo que
mento religioso e fê-lo perante que durou quase uma década, o plano do Governo é
o arcebispo Jerónimo II e vários a economia da Grécia dimi- continuar com as medidas
representantes da Igreja Orto- nuiu para um quarto do que actuais na luta contra o
doxa. O Presidente da Grécia, era e os níveis de pobreza e Estado Islâmico, é evidente
Prokopis Pavlópulos, convidou desemprego dispararam. que, no quadro destas
Kyriakos Mitsotakis a formar Apesar de as finanças esta- medidas, não se inclui o envio
Governo, na sequência da rem a recuperar e as previsões de forças terrestres”, disse
vitória nas eleições anteci- apontarem para um cresci- Seibert. O responsável pela
padas de domingo. mento da economia de 2,2 Comissão Especial dos EUA
O Presidente recebeu por cento este ano, a Grécia na luta contra o EI na Síria
ontem de manhã os resultados tem um longo caminho a per- pediu, no fim-de-semana,
oficiais das eleições, segundo correr até compensar a pro- que as tropas alemãs
os quais o Nova Democracia dução perdida. substituíssem os soldados Director-executivo da agência da ONU para as Drogas e Crimes (Unodc), Yuri Fedotov
obteve maioria absoluta, com A dívida do país é de cerca norte-americanos no terreno.
39,8 por cento dos votos, der- de 181 por cento do Produto O líder do grupo parlamentar
rotando o partido de esquerda Interno Bruto (PIB) anual. da CDU (democratas- O crime organizado foi res- pessoas. Um quarto de século “Mais de um terço (30 mil)
Syriza do até ontem Primeiro- Mitsotakis assegurou no cristãos), Ralph Brinkhaus, ponsável por 19 por cento dos depois, a taxa média de homi- das mulheres foram mortas
Ministro Alexis Tsipras, que domingo que vai manter a manifestou cepticismo sobre homicídios registados em 2017 cídios para cada grupo de intencionalmente pelo par-
teve 31,5 por cento dos votos. promessa de reduzir os impos- o assunto e recordou que o e outra das principais conclu- 100 mil pessoas foi de 6,1. ceiro, actual ou antigo, alguém
Mitsotakis terá de agir rapi- tos, para atrair investimento partido não dispõe da sões do relatório “Global Study Uma das conclusões apre- que normalmente esperariam
damente para lidar com vários e cortar a burocracia para tor- maioria parlamentar on Homicide 2019” é que as sentadas pelo documento é confiar”, destaca o estudo.
problemas que ainda afligem nar a Grécia mais atractiva necessária para uma medida vítimas dos assassínios con- o peso que o crime organi- A agência da ONU observa
a economia grega. para negócios. desta natureza. tabilizados nesse mesmo ano zado tem no número total também que as taxas de
foram maioritariamente do de homicídios registados a homicídio variam muito em
sexo masculino (80 por cento). nível mundial. termos geográficos, indicando
URÂNIO ENRIQUECIDO O documento, da respon- “Só o crime organizado que os continentes americano
sabilidade da agência das foi responsável por 19 por e africano são as regiões do

Produção de Teerão passa os níveis Nações Unidas para as Drogas


e Crimes (Unodc), também
destaca, entre outros aspectos,
cento de todos os homicídios
em 2017”, sublinha o estudo,
destacando ainda que “desde
mundo com a maior inci-
dência deste tipo de crime.
“A taxa média global de

exigidos pela comunidade mundial que as mulheres assassinadas


em 2017, num total de 87 mil,
foram mortas na maioria dos
o início do século XXI” a vio-
lência de grupos criminosos
organizados “matou tantas
homicídios (6,1 em cada
grupo de 100 mil pessoas)
mascara variações regionais
casos de forma intencional pessoas como todos os con- dramáticas”, diz o relatório,
DR
O Irão anunciou ontem que por familiares e pelos res- flitos armados em todo o revelando que a taxa obser-
está a produzir urânio enri- pectivos companheiros. mundo no conjunto.” vada no continente americano
quecido a 4,5 por cento, um “O estudo procura clarificar Ainda neste capítulo, a (17,2) foi a mais alta registada
nível proibido pelo acordo o quadro relativo aos assas- Unodc frisa que, tal como naquela região desde 1990,
internacional de 2015 sobre o sínios relacionados com as ac o nte c e c o m c o n fl ito s ano em que começaram a ser
seu programa nuclear. questões de género, com a armados, o crime organizado recolhidos dados relacionados
“Esta manhã (ontem), o violência de grupos organi- “desestabiliza os países, mina com esta matéria.
grau de pureza do urânio zados e com outros aspectos, o desenvolvimento socioe- A taxa de África (13 em
(enriquecido) produzido (pelo para apoiar a prevenção e as conómico e corrói o Estado cada 100 mil pessoas) tam-
Irão) alcançou 4,5 por cento”, intervenções necessárias para de Direito.” bém estava acima da média
escreveu a agência de notícias reduzir as taxas de homicídio”, global, enquanto os níveis da
Isna, citando Behrouz Kamal- disse o director-executivo da Disparidades Ásia (2,3), Europa (3,0) e
vandi, o porta-voz a Orga- Unodc, Yury Fedotov, citado e particularidades Oceânia (2,8) estavam abaixo
nização de Energia Atómica num comunicado. A agência da ONU também da média global.
do Irão (OIEA). “Os países compromete- mostra as disparidades e as Em tom de conclusão, a
De acordo com Kamal- ram-se com metas, ao abrigo particularidades existentes Unodc diz que a aplicação
vandi, “o Irão cruzou o limiar dos objectivos para o desen- quando a análise é focada na de intervenções direcciona-
de 4,5 por cento para o enri- volvimento sustentável, para questão do género. das e eficazes para combater
quecimento de urânio”. reduzir todas as formas de Globalmente, cerca de 80 a prática deste crime “exige
“Este grau de pureza é violência e as respectivas taxas por cento das vítimas de homi- uma compreensão abran-
perfeitamente adequado para de mortalidade até 2030”, cídios registadas em 2017 eram gente da escala e dos res-
as necessidades do país em Porta-voz do líder supremo do Irão refuta acusações da OIEA lembra o representante. O homens ou jovens adultos e pectivos catalisadores.”
combustível para uma central relatório assinado pela Unodc mais de 90 por cento dos sus- Entre esses “catalisado-
nuclear”, disse Kamalvandi, a urânio enriquecido a 5 por que o Irão tenha material sufi- indica que o número total de peitos deste tipo de crime eram res”, segundo frisa o estudo,
ainda de acordo com a Isna. cento. Este nível permanece ciente para uma bomba ató- pessoas no mundo que foram também do sexo masculino. estão “as desigualdades so-
Teerão avisou no domingo longe dos 90 por cento neces- mica, algo que Irão nega ter assassinadas aumentou nos Já no caso das vítimas do ciais, o desemprego, a insta-
que iria começar a enriquecer sários para o fabrico de uma como objectivo. últimos 25 anos, de 395.542 sexo feminino, e com base bilidade política, a prevalência
urânio a um grau maior do bomba atómica. Concluído em Julho de 2015 em 1992 para 464 mil em 2017. nas estimativas de mais de de estereótipos de género na
que o limite de 3,67 por cento A decisão de enriquecer em Viena, o acordo assinado No entanto, e como realça 40 países, a Unodc refere que sociedade e a presença do cri-
imposto pelo acordo inter- urânio a 4,5 por cento acon- pelo Irão e os cinco membros o documento, uma vez que um total de 87 mil mulheres me organizado.”
nacional de 2015 sobre o pro- tece a menos de uma semana permanentes do Conselho de a população mundial cresceu foram mortas de forma inten- Para reduzir a taxa de cri-
grama nuclear iraniano. após o Irão ter anunciado SegurançadaONU(EUA,França, a um ritmo mais rápido do cional em 2017. mes violentos, a agência da
De acordo com Ali Akbar que tinha quebrado o limite Reino Unido, Rússia e China), que o aumento registado de Mais de metade (58 por ONU considera ser funda-
Velayati, conselheiro do líder da reserva de 300 quilos de mais a Alemanha, determinou vítimas de homicídios, o cento), cerca de 50 mil, foram mental “um modelo de gover-
supremo do Irão, Ayatollah Ali urânio pouco enriquecido. que Teerão aceitasse limitações risco global de uma pessoa mortas pelos respectivos com- nação centrado no Estado de
Kamenei, a necessidade do Especialistas alertam que e maior vigilância internacional ser assassinada tem vindo a panheiros ou familiares, o Direito, um controlo da cor-
país para as “actividades pací- este enriquecimento do urânio do seu programa nuclear em diminuir de forma constante. que significa que, por dia, 137 rupção e um investimento no
ficas”, ou seja, o fornecimento poderia começar a estreitar troca do levantamento das san- Em 1992, a taxa média mulheres em todo o mundo desenvolvimento socioeco-
de combustível à sua única a janela do tempo considerado ções. A situação está a asfixiar global de homicídios registada são mortas por um membro nómico, incluindo na área da
central nuclear corresponde necessário, de um ano, para a economia do Irão. era de 7,2 por cada 100 mil da própria família. Educação.”
12 ECONOMIA Terça-feira
9 de Julho de 2019

PUBLICADA EM DIÁRIO DA REPÚBLICA BENGUELA


DR
DÍVIDA

CFB propõe ligação Mbakassy


ferroviária do litoral notificado
Sampaio Júnior | Benguela afirmou o responsável. O
por aviso
O vice-governadorde Benguela
vice-governador mencionou,
naquele encontro, o elevado
público
para o Sector Técnico e Infra- número de postos de trabalho
estruturas revelou que o Governo e a notável produção das O empresárioAntónio Mos-
Provincial recebeu dos Cami- empresas do país asiático quito Mbakassy e companhia
nhos-de-Ferro de Benguela implantadas naquela pro- Soci-Trade são co-brados
(CFB) uma proposta de inter- víncia, apresentando ao em anúncio divulgado desde
ligação da linha férrea entre diplomata a disponibilidade ontem nas páginas de uti-
aquele município e os do Lobito das autoridades locais para lidade pública do Jornal de
e Baía Farta, com vista a tirar acolherem mais investimen- Angola, pela 3ª Sala do Cível
maior proveito deste segmento tos chineses. e Administrativo do Tribunal
do sector dos transportes. Leopoldo Muhongo enal- Provincial de Luanda.
Leopoldo Muhongo anun- teceu as empresas chinesas A cobrança, declara o
ciou a proposta como parte que operam no sector das documento, está ligada ao
do potencial de negócios de pescas pelos postos de tra- pagamento de “quantia certa”
Gestão de aeroportos passa para a SGA, uma sociedade anónima que emerge do capital da Enana Benguela, num encontro balho e o desempenho no ao Banco Angolano de Inves-
mantido com o embaixador domínio da produção no timentos (BAI) ou à nomea-
da China, Gong Tao, que ter- município da Baía Farta. ção de bens à penhora,

Executivo formaliza divisão minou ontem uma visita de


48 horas à província.
O vice-governador afirmou
“É bom para a província
que os investimentos não se
limitem ao sector pesqueiro
eufemismos que designam
o incumprimento na liqui-
dação de uma dívida e a

da Enana em duas empresas que a proposta do CFB está a


ser objecto de estudos, mas
vai viabilizar o transporte de
produtos como sal e peixe pelo
e que sejam extensivos ao
sector agro-pecuário, já que
aqui existem condições natu-
rais que podem ser úteis à
acção do credor no processo
de obtenção coerciva do
reembolso.
Nessa acção, o BAI pede
Xavier António feridos para a ENNA-EP todos data da sua transformação. O Corredor do Lobito, até países diversificação”, disse Leo- a notificação do advogado
os direitos e obrigações de documento esclarece que a como a Zâmbia e a República poldo Muhongo, prometendo de António Mosquito Mba-
A Enana é substituída na ope- qualquer fonte e natureza, SGA tem o direito de explorar Democrática do Congo. às empresas chinesas uma kassy e da Soci-Trade, que
ração de serviços aeropor- incluindo as posições con- o serviço público aeroportuário “Vamos esperar pelos cooperação das autoridades realça estar “em parte
tuários pela Empresa Nacional tratuais de que era titular a de aviação civil, consubstan- estudos que estão a ser feitos locais baseada na desburo- incerta”, para o caso de pre-
de Navegação Aérea (ENNA- Enana-EP”. ciado no estabelecimento, e, depois disso, analisar antes cratização dos processos de tenderem opor-se ao paga-
EP) e Sociedade Nacional de No domínio da gestão de gestão e desenvolvimento de de remetermos a proposta licenciamento e no “estímulo mento ou à nomeação de
Gestão de Aeroportos (SGA), pessoal, o Decreto sublinha infra-estruturas aeroportuárias ao Conselho de Ministros ao sentido de oportunidade bens à penhora no prazo
nos termos dos Decretos Pre- que os trabalhadores da em que lhe venha a ser entre- para a avaliação e aprovação”, dos empresários”. de dez dias.
sidenciais 206 e 207/19, publi- ENANA-EP que, por efeito da gue pelo Executivo. A falta, adianta o aviso,
M.MACHANGONGO | EDIÇÕES NOVEMBRO
cados a 1 de Julho em Diário cisão, sejam transferidos para “A empresa deve assegurar dá ao BAI o direito de nomear
da República. a ENNA-EP mantêm perante a partida e chegada de aero- bens à penhora, sendo que
Nos documentos, consul- esta empresa todos os direitos naves e o embarque, desem- o que importa na citação é
tados ontem, pelo Jornal de e obrigações de que eram titu- barque e encaminhamento apenas o pagamento. O
Angola, o Executivo reconhece lares na empresa cindida, con- de passageiros, cargas e cor- empresário é detentor do
a necessidade de separar as tinuando a produzir efeitos em reios nos aeroportos, bem Grupo António Mosquito
actividades de navegação relação àqueles trabalhadores como noutras infra-estruturas (GAM), que detinha ope-
aérea, das aeroportuárias exer- o regime jurídico que lhes seja aeroportuárias”, clarifica. rações nos sectores dos
cidas pela Empresa Nacional aplicável à data da entrada em petróleos, automóvel, cons-
de Exploração de Aeroportos vigor do presente diploma. Manutenção e reparação trução civil e media em
e Navegação Aérea (Enana, A ENNA-EP é uma empresa Neste contexto, a empresa é Angola e Portugal, activi-
EP), por cisão simples desta. pública, dotada de persona- ainda a responsável pela dades das quais se vem afas-
O Executivo também en- lidade jurídica, regendo-se manutenção e desenvolvi- tando desde 2013.
tende a necessidade da criação pelos princípios de autonomia mento das infra-estruturas Proposta interligação dos municípios do litoral de Benguela
de uma empresa pública voca- administrativa, financeira, aeroportuárias, bem como de
cionada e com experiência patrimonial e de gestão, sendo outras infra-estruturas que
adquirida, a fim de assegurar qualificada como uma empresa venham a ser designadas DERIVADOS DE PETRÓLEO
o serviço público de apoio à de interesse estratégico, cujo pelo Executivo, assim como ou privado, também faz men-
navegação civil, designada- capital estatutário está avaliado pelo estudo, planeamento, ção aos procedimentos e
mente, a gestão do tráfego aéreo
em todas as suas vertentes e o
em mais de 19 mil milhões de
kwanzas realizado pelo Estado,
construção, exploração e
desenvolvimento de novas
Constituição de reservas regras aplicáveis às obrigações
de serviços públicos e pla-
desenvolvimento, instalação,
gestão e exploração dos ine-
rentes sistemas de comuni-
nos termos da lei, podendo
ser aumentado através de
entradas patrimoniais ou por
infra-estruturas civis.
A SGA - S.A está dotada de
personalidade e capacidade
afecta ao Poder Executivo neamento das instalações do
sistema do sector dos deri-
vados de petróleo.
cações, navegação, vigilância, incorporação de reservas ou jurídica e de autonomia admi- A constituição das reservas parte das reservas de segurança, Assegurar o fornecimento
entre outras infra-estruturas. de outros fundos próprios. nistrativa, financeira e patri- estratégicas de derivados do devendo o volume correspon- de produtos petrolíferos com
O Decreto indica que cabe O Conselho de Adminis- monial, regendo-se pela Lei petróleo como gasolina, gasó- der a 20 dias de consumo médio qualidade e a preços compe-
à ENNA EP assegurar as acti- tração é constituído por sete das Sociedades Comerciais, leo, jet AI, jet B e petróleo ilu- do ano anterior para a gasolina, titivos aos consumidores, faci-
vidades de desenvolvimento, membros, entre os quais pelo Estatuto, a Lei de Bases minante passa a ser da com- gasóleo, Jet-AI, Jet-B e petróleo litar os investimentos e a
instalação, gestão e exploração cinco administradores exe- do Sector Empresarial Público petência do Titular do Poder iluminante e 15 dias para o gás criação de postos de trabalho
dos serviços e infra-estruturas cutivos e dois administra- e normas especiais cuja apli- Executivo, nos termos de um de cozinha. no sector dos derivados de
de navegação aérea relativas dores não executivos no- cação decorra da prossecução Despacho Presidencial publi- A reserva de segurança do petróleos são, entre outros,
aos aeroportos e aeródromos meados por Decreto Presi- do seu objecto e concessão cado a 1 de Julho em Diário gás de cozinha é de 20 dias objectivos previstos. Com uma
públicos, bem como de outras dencial, sob proposta con- de serviço público. da República a estabelecer os do consumo médio do ano produção de 1,49 milhões de
infra-estruturas aéreas em junta do ministro responsável São especialmente aplicá- quantitativos das reservas. anterior, declara o despacho barris de petróleo por dia
que tais actividades lhe sejam pelo Sector Empresarial veis à SGA- SA, entre outros, O documento, citado pela que define quantidades em (bpd), Angola é o segundo
praticadas pelo Executivo. Público e do ministro res- os princípios da concorrência, Angop, confere a competência proporção da posição das enti- maior produtor de petróleo
Ta m b é m é m i s sã o d a ponsável pelo sector da acti- transparência, programação pela fiscalização e execução dades importadoras no mer- da África Subsaariana, depois
empresa certificar os sistemas vidade da empresa. económica, autonomia de ao ministro responsável pelo cado grossista. da Nigéria, mas produz apenas
de navegação aérea, incluindo gestão, rentabilidade finan- sector dos Petróleos e estabe- 20 por cento dos refinados de
aqueles que, nos termos das Competências da SGA-SA ceira, gestão por objectivos, lece como regra a manutenção Refinação de petróleo petróleo, sendo que os res-
convenções internacionais, O documento define a SGA - sendo o capital social avaliado de um volume das reservas A agência refere também um tantes 80 por cento são cober-
respeitem às Regiões de Infor- SA como uma Sociedade em mais de 95 mil milhões de segurança de gasolina, Decreto Presidencial publicado tos com a importação.
mação de Voo (RIV) sob a res- comercial anónima com esta- de kwanzas integralmente gasóleo, Jet-AI, Jet-B e petróleo no mesmo Diário da Repú- Para garantir o aumento da
ponsabilidade de Angola, com tuto de empresa de domínio realizado pelos accionistas. equivalente a 30 dias do con- blica, a estabelecer o regime capacidade de produção
excepção dos que servem público e sucede automática Em Setembro, o Presidente sumo médio do ano anterior. jurídico a que ficam sujeitas interna de combustíveis, está
exclusivamente aeródromos e globalmente à Enana EP, da República exonerou o Con- O documento impõe quan- as actividades de refinação em curso um projecto de cons-
ou aeroportos. mantendo a personalidade selho de Administração da titativos de derivados de petróleo de petróleo bruto, importação, trução das refinarias do Lobito,
À ENNA-EP cabe igual- jurídica desta quanto ao serviço ENANA liderado por Manuel para a constituição de reservas recepção, aprovisionamento, com capacidade para processar
mente o estudo, planeamento, público e aeroportuário de Ceita e criou, sob dependência de segurança e reservas estra- transporte, distribuição, 200 mil bpd, e de Cabinda,
construção e desenvolvimento apoio à aviação civil e a uni- do Ministério dos Transportes, tégicas para evitar períodos de comercialização e exportação com capacidade de 60 mil bpd,
de novos sistemas e infra- versalidade dos direitos e obri- uma Comissão de Gestão escassez como os que em duas de produtos petrolíferos. além da elevação e aumento
estruturas civis de navegação gações, incluindo os relativos encarregada da reestruturação ocasiões, no primeiro semestre, Este regime jurídico, apli- da capacidade de processa-
aérea, bem como a coorde- aos bens de domínio público da empresa com base em assolaram o mercado nacional. cável a pessoas singulares e mento da Refinaria de Luanda
nação nacional e internacional que se encontrem na esfera propostas como a que deu O documento considera as colectivas, bem como a ins- das actuais 280 toneladas por
no mesmo âmbito. “São trans- jurídica da Enana-EP até à lugar à cisão da empresa. reservas estratégicas como tituições de direito público dia, para mil e 200 toneladas.
ECONOMIA Terça-feira
9 de Julho de 2019 13
Breves
FEIRA INTERNACIONAL DE LUANDA

GOVERNO GARANTE
INFORMAÇÃO SOBRE
DÍVIDA A PORTUGAL
Maior bolsa de negócios é aberta
hoje com a presença de 22 países
O Governo garantiu ontem
que, “oportunamente”, será
dado a conhecer o ponto de
situação das dívidas do
Estado a empresas
portuguesas, continuando a
decorrer o processo de Portugal é, depois de Angola, o país com maior número de expositores na FILDA, que, de acordo com
certificação. A garantia foi
dada pelo ministro da
estimativas da organização, cria 1.200 empregos temporários e recebe mais de 17 mil visitantes
Economia e Planeamento,
Pedro Luís da Fonseca, no Roque Silva CONTREIRAS PIPA | EDIÇÕES NOVEMBRO feira é comprado no local ao
final da segunda reunião do preço de dois mil kwanzas.
Observatório de Os menores de 14 anos e estu-
Investimento Angola- A 35ª edição da Feira Inter- dantes têm acesso gratuito
Portugal e Portugal-Angola, nacional de Luanda (FILDA) desde que apresentem um
que decorreu em Luanda na é aberta hoje, na Zona Eco- documento que comprove a
presença do homólogo nómica Especial (ZEE), em idade e a frequência da escola.
português, Pedro Siza Vieira. Viana, onde vão estar presentes, Na cerimónia de encerra-
“Estamos a trabalhar para até sábado, 750 empresas, entre mento da feira, sábado à noite,
apurar a nova situação e, nacionais e estrangeiras. no Hotel de Convenções de
oportunamente, vamos A cerimónia de abertura Talatona (HCTA), vai ser rea-
partilhar com a parte está prevista para começar às lizada a gala “Leões de Ouro
portuguesa” o montante da 10h30 e vai ser presidida pelo FILDA 2019”, na qual são pre-
dívida, disse Pedro Fonseca. ministro de Estado e da Coor- miadas as marcas, empresas
Siza Vieira, por seu lado, denação Económica, Manuel e países que estiverem melhor
sublinhou que Portugal Nunes Júnior, segun-do uma representados.
“está a aguardar” para fonte da organização do evento. Com vista ao incremento
“muito em breve” a Além de Angola, vão estar do emprego, a Eventos Arena
conclusão do processo, presentes na maior bolsa criou uma bolsa de emprego,
salientando, porém, que o nacional de negócios expo- para onde os interessados
caso diz respeito às sitores de 21 países, entre os podem enviar os currículos
entidades públicas quais Portugal e Alemanha, académicos e profissionais,
angolanas e às empresas que trazem o maior número para serem encaminhados aos
portuguesas. de representantes à 35ª edição expositores mediante neces-
da FILDA, que vai decorrer sidade de recrutamento para
sob o lema “Dinamizar o trabalho temporário ou não.
sector privado e promover Vista parcial da 34ª edição da FILDA a primeira realizada na Zona Económica Especial A feira vai estar aberta ao
o crescimento económico”. público logo depois da ceri-
No rol dos 21 países con- mónia de inauguração, de
vidados estão a Alemanha, Portugal, com 21 empresas, banca, telecomunicações, acordo com o programa, que
Indonésia, Suécia, Brasil, é o segundo país com o maior petróleos, transporte, logís- incluiu também a realização
Japão, França, Índia, China, Com vista número de expositores, dis- tica e construção civil. de conferências com debates.
Turquia, Reino Unido, Noru- ao incremento tribuídos pelos sectores de A edição 2019 da FILDA
ATLÂNTICO INTERMEDEIA ega, Suíça, Israel, Uruguai, do emprego, metalomecânica, alimentar, vai ser realizada em duas zonas Ciclo de conferências
EMPRÉSTIMO DE AGÊNCIA Macau e Bielorrússia, estando a Eventos Arena papelaria, equipamentos para distintas, o pavilhão e a área Uma conferência interna-
DO BANCO MUNDIAL o último dos quais a parti- criou uma bolsa a construção civil e obras exterior, num espaço total de cional sobre financiamento
A Corporação Financeira cipar pela primeira vez. de emprego, para públicas. A maioria das 20 mil metros quadrados. De do desenvolvimento econó-
Internacional (IFC), filiada Angola vai estar represen- onde podem empresas portuguesas con- acordo com a organização, mico é realizada de quarta
do grupo Banco Mundial, tada por 65 por cento dos ex- ser enviados vidadas já exporta para o vão ser criados 1.200 empregos a sexta-feira, das 9 às 16h00.
formalizou ontem, em positores, informou a fonte currículos mercado angolano. temporários na edição deste Os oradores, nacionais e
Luanda, a abertura de duas ligada à FILDA, uma realização académicos Embora venham a estar ano da FILDA, que pode vir estrangeiros, vão trocar ideias
linhas de crédito cifradas em conjunta entre o Ministério e profissionais expostos produtos de vários a receber 17.500 visitantes, com os presentes sobre o
100 milhões de dólares a da Economia e Planeamento ramos, os sectores predo- contra os 10.500 do ano pas- desenvolvimento económico.
favor do Banco Millenium e a empresa Eventos Arena. minantes na FILDA são a sado. O bilhete de acesso à Temas como o “Programa
Atlântico, apurou o Jornal de Apoio ao Crédito (PAC)”
de Angola no acto de e as “Modalidades da linha
assinatura dos acordos. de crédito do banco alemão
O valor é repartido em Deutschbank ao Banco de
partes iguais de 50 milhões
STAND DE JORNAIS Desenvolvimento de África
de dólares, uma para apoiar (BDA) vão ser discutidos em
as pequenas e médias mais de 16 painéis.
empresas (PMEs) e outra
para apoiar as transacções
de comércio internacional
Edições Novembro aposta nos anunciantes A programação da FILDA
inclui ainda a realização,
amanhã, de conferências
do BMA, sob a plataforma A Edições Novembro apro- FILDA. Lembrou que, em de tudo que vai acontecer sobre “Angola-Portugal:
EDIÇÕES NOVEMBRO

Global Finance Trade veita a 35ª FILDA para divul- 2010, na 27ª edição, o grupo aqui na FILDA. Será uma investimento e reciprocidade”
Finance Program, da IFC. gar os seus produtos, além foi distinguido com o troféu das formas de contribuirmos e, na sexta-feira, um fórum
O financiamento, concedido a de registar novos clientes "Leão de Ouro", na categoria para atendermos comer- temático sobre os petróleos
sete anos e a uma taxa de juro de acordo com os preceitos de Imprensa, durante a gala ciantes e clientes, anun- e seguros. Especialistas nacio-
não revelada, foi rubricado do IVA e de olhar para o alar- de entrega de prémios às ciando todas as ocorrências nais vão falar sobre a “Con-
pelo administrador do BMA, gamento do mercado de empresas que se destacaram desta bolsa de negócios". tribuição do sector petrolífero
Éder Samuel de Sousa, e por anunciantes do grupo. no certame, num universo Para venda, o Departa- para a dinamização da diver-
Manuel Reyes-Ratana, Segundo o chefe do Depar- de 754 empresas que repre- mento de Marketing e Comer- sificação da economia” e a
director regional da IFC para tamento de Marketing da sentavam 33 países. cialização vai divulgar os “Contribuição do sector
África e Médio Oriente. Edições Novembro, Modesto espaços de publicidade, atra- petrolífero para a dinamização
O representante da IFC Ilunga, a ideia é fazer novos Inovações: O chefe do Departamento vés de uma ampla distribui- da economia na perspectiva
realçou a confiança da clientes preenchendo uma Jornais gratuitos de Marketing da Edições ção das tabelas de preços de dos prestadores serviços” e
instituição em parceiros ficha-modelo em que cons- Diariamente, todos os expo- Novembro considerou como publicidade para os exposi- a “Contribuição do sector pe-
locais como o Atlântico num tem os requisitos exigidos sitores vão receber um uma das inovações a pre- tores e negociar futuras publi- trolífero para a dinamização
país como Angola, onde para activação do IVA, sendo brinde (jornal) assim como sença de um computador cidades (angariamento). da economia na perspectiva
estima que cerca de 92 por os principais: o nome da em- todos os leitores que visi- em que os internautas podem Haverá também um vídeo dos operadores”.
cento das PMEs não tem presa, natureza da actividade tarem o stand da Edições ler esses produtos (jornais) promocional e exposição de No dia anterior, quinta-
acesso a financiamento, o comercial, endereço, NIF Novembro terão acesso gra- em formato digital. jornais antigos e novos como feira, vai ser abordado o tema
que equivale a um défice de (número de contribuinte), tuito de uma das 7 publi- "O computador que trou- forma de despertar a atenção “A importância dos seguros
financiamento de 34 mil código postal e dados do banco. cações, entre Jornal de Angola, xemos aqui na FILDA é táctil, dos visitantes sobre a meta- de responsabilidade civil”.
milhões de dólares. Modesto Ilunga adiantou Jornal dos Desportos, Economia facilita navegar por todos morfose, ou seja a história, A FILDA é um evento anual
Éder de Sousa anunciou que a estimativa do cadastro & Finanças (quinzenário), os títulos e acompanhar as que a empresa sofreu desde e multissectorial de exposição
financiamentos de até cinco ronda em centenas de clien- Jornal Cultural (quinzená- nossas publicações. Além a sua institucionalização, ao e negócios, que junta empre-
milhões de dólares aos tes, entre expositores e visi- rio), Jornal Metropolitano - disso, há uma equipa de jor- longo de 43 anos, incluindo sas nacionais e estrangeiras
sectores que vão contribuir tantes, no decorrer da FILDA. Luanda (mensal), Jornal Ventos nalistas que produzem e jornais da fase “A Província numa plataforma multi-
para a diversificação da Realçou que a Edições do Sul (mensal) e Jornal Planalto lançam periodicamente as de Angola”, antes da Inde- dimensional que propicia o
economia. Novembro sempre esteve na (mensal). matérias em formato digital pendência Nacional”. estabelecimento de contactos
Madalena José e relações comerciais.
14 Terça-feira
9 de Julho de 2019

CLASSIFICADOS
Atendimento Mais informações
Rua Rainha Ginga, 18/24 — Luanda Telefones: 937 550 262 /949 770 006
de Segunda a Sexta-feira, das 8h às 18h, e-mail: publicidade@jornaldeangola.com
aos Sábados e Domingos, das 8h às 14h IMOBILIÁRIO VIATURAS DIVERSOS
VIVENDA T3, no Bairro Azul,
com escritura, S/intermediá- ARRENDA-SE TOYOTA Hilux diesel,
66.000Km., bom estado téc-
TERRENO de 20/10, Via Ex-
pressa, Benfica, Vila Vitória ,
MUDANÇAS de casas, emba-
lamos, formamos, encaixota-
rios. Telefones: 939519628, nico e conservação. Telefones: Akz. 1.000.000. Telefones: mos, montagens e desmonta-
IMOBILIÁRIO 924593821. (9.047b)
APARTAMENTO T3, mobi-
923828351, 926354011.
(8.808a)
924746416,997434992.
(500.836a)
gens e transporte. Telefones:
923538042/ 924269187.
VIVENDA T4 no Alvalade, com lado, na Avenida de Portu- (9.073a)
quintal, óptimo preço (dis- gal, Cond. Zimbo Tower. SUZUKI Jimny, branco, PROMOÇÃO de venda e MÁQUINA gelado, churras-
pensamos intermediário). Telef: 944306575. (8907a) C/avaria na caixa e o diferen- queira carvão, forno, exaus- JOVEM educadora infantil, ba-
VENDE-SE Contacto : 938865788.
(9.073)
cial traseiro. Telefones: SERPENTINA, gelado em
montagem de câmera de
vídeo vigilância, vídeo por-
tor, tostadeira, pipocas, bá, pastelaria , culinária, cabe-
APARTAMENTO T3, em Tala- 923499394, 923306749. balde, serra-ossos, churras- algodão. Telefs: 937493599, leireira, procura emprego. Te-
teiro. Telefones: 937682823,
tona, no Condomínio dos As- (8.908) queira a gás, banho-maria 222773455. (9.042b) lefones: 924608002, 997964455
VIVENDA T6+2 suites, 2 salas, 916893574 (9.058)
APARTAMNTO T3+1, 2.º tros. Telefone: 944306575. para buffet, mesa Inox. Ter- (9.095)
quintal vasto, Bairro Militar TOYOTA Hilux, 2019, zero Km,
andar, Alvalade 300.000.000kz (8.907) minais Telefones: 922799624, TABULEIROS, forno rama-
(Talatona). Telfs: 947775065, diesel, cor branca, manual,
e outro Apart. T3, 3.º andar, 917747359. (8783) lhos anelar 9m², óptimo ARQUITECTURA: ALGASPP:
921116585. (9.101) 16.000.000 Akz, negociáveis.
Serpa Pinto 60.000.000 Akz. MORADIA em bom estado, preço. Telefone: 924234181. elaboramos todo e qualquer ti-
no B.º Mártires, Rua 17. Telef: Telefs: 924348222, 922125446. po de projecto arqueitectónico,
Terminais telefs: 923383744, VIVENDA no Talatona, com 6 (9.004) (9.057)
916793458. (8785) suites, mobilada, nas media- 935202851. (8.981a) ao melhor dos orçamentos. Telf:
ções da TV Zimbo. Telefones: 921475473, 998343925. (9.097)
TOYOTA Fortuner, 2019, zero CARRINHO de picolé, M. de
923620901/998620901. (9.079) IMÓVEL para Loja ou escritó-
Km, 19.000.000 Akz, negociá- sumos, chapa de hambúr-
rio, junto ao Hotel Mundial. RECUPERAMOS e actualiza-
veis. Telefones: 924348222, guer, batedeira, mesa Inox.
CASA inacabada T3, no Zan- Telefone: 935202851. mos a sua contabilidade, fecho
922125446. (9.004a) Telfs: 937493599, 222773455
go-I, 1.450.000,00, no Zango- (8.981) de escrita e abertura do ano
(8.965) (9.042c)
III 2.200.000,00 pagamento à TOYOTA Prado (Luanda da económico. Telefs: 993701520,
prestação Telefones: VIVENDA T3, com anexo e Sorte), motor 5L, 2 depósitos, MÁQUINA de gelado, picolé, 925054803. (9102)
936168547,994871581. (9.077) marquise, no centro do Ma-
CASA T6, na Vila Alice, Akz:
400.000.000. Terminais te-
culusso, dispensamos inter-
Diesel, Akz 4.500.000, nego-
ciáveis. Telefs: 997179915/
algodão-doce, fritadeira,
chapa de hambúrguer, fiam- TANQUE de mil litros por
NEGÓCIOS
lefs: 924458113, 932508847.
mediário. Telef: 942699143.
(8.966)
931496666. (9043) breira e tostadeira. Telefones:
936196882, 917747359.
Akz. 15.999,00, entregue ao
APANHAMOS o tapete, lava-
COMPRA-SE
(8.964) domicílio 10%. Telefones.
HYUNDAI i10, manual, impe- (8.783a) mos e entregamos ao domi-
(8.965) 931789328, 992789328. TODO O TIPO DE OURO,
cável, 2.100.000Kz, Chevrolet cílio. Telefones: 944555513,
(8543a) pagamos na hora (Maianga),
Aveo, manual, a 1.500.000,00 944555514. (7.748)
(8.966 Kz. Telefones: 923575658, Nova Vida e Kilamba. Termi-
VIVENDA T4, de Luxo C/ Pis- 991573142. (9.069a) TERRENOS bem localizados, MONTAGEM e manutenção nais telefónicos: 931753003
cina e Marquise, no Condo- 20x30, Z. Verde 3, Benfica, de ar-condicionado. Telefo- ou 931753005. (7.712)
mínio Pitanga Talatona, por VIVENDA T3, de Luxo c/ quin- Ruas 45, 50 e 58, 650.000. Te-
MITSUBISHI Canter nes: 944555514, 944555513
Akz. 155.000.000. Telefones. tal no Condomínio Atlântico lefone: 926128657.
3.100.000,00Kz, Hyundai Vera (7747)
928366861,915034504.
CASA T2 no Patriota, Zona
Nobre, por detrás da Galeria,
(9.074f)
Sul Talatona, por Akz. 900.000.
Telfs. 928366861, 915034504.
Cruz 2.500.000,00Kz. Telfs:
990328181, 923575658.
(8.916)
PRECISA-SE
Akz: 70.000.000. Terminais (9.074) (9.069b) TERRENOS 20x30, já mura-
MOINHO de fuba de bombó
telefónicos: 924458113 ou dos, Kifica, 11 de Novembro UM Cabeleireiro, Manicuri.
e milho, diesel, C/ ignição e
932508847. (8.964a) APARTAMENTO T3, 3.º NISSAN Urvan, do tipo Qua- e Patriota, água e luz. Telefs: Tels: 936055999, 930155888.
manivela, 25 sacos/hora,
andar, mobilado, no Mira- dradinho, a Akz. 2.300.000,00, 926128657. (8.916a) (8884)
Toyota Corola 2.º modelo, a novo. Telefones: 936196882,
ESPLANADA C/12 quartos, mar, por Akz. 350.000,00.
470.000,00Kzs. Telefone: 922799624. (8.783b)
salão de festas, estaciona- V I V E N DA T 5 , C / Q u i n ta l Telefones: 923351024, TERRENO 30/40, no Benfica COZINHEIRA para trabalhar
Grande no Condomínio Hipi- 915147522. (9.064) 990328181. (9.063) zona do Kifica. Telefone: ELIMINAMOS Pragas, servi- numa residência no Benfica
mento, no Benfica, Akz
c u s Ta l a t o n a , p o r A k z . 921780637. (8.922) ços c/ qualidade, garantia 1 com experiência. Telef:
65.000.000. Terminal telfs:
75.000.000. Telfs. 928366861, ano, sem cheiro. Telefs: 938947071. (8.957)
923783424. (8.964b) 927228183, 997228183
ESTABELECIMENTO/FARMÁ-
915034504 . (9.074a)
TRESPASSE TERRENO 300m2, 10x30,
Benfica Z. Verde no Condo- (7859) EMPREGADA doméstica que
mínio, documentado, AKZ saiba engomar e reside no
CIA 9X6,5m2, Akz 2000.000. A.J. Agência de Mudança: re-
APARTAMENTOS Kilamba, 9.000,000,00, negociáveis. Prenda. Telefone: 91820091.
negociáveis, Quintalão do sidências, escritórios, mon-
(8.965) Vida Pacífica, T4 e T5, 3.º Telfs: 935547612, 922779215. (9.098a)
Petro, Golf II. Terminal tele- tagem de mobília, encaixa-
fónico: 924579762. (9.026)
andar, 12.000,00, Sequele T4
e T5, 3.º andar e R/C, Akz DIVERSOS PADARIA Kit, forno, 3 gave-
(8.936) mento, transporte. Telefs:
929500085,992500085(8288)
COZINHEIRA com experiência
VIVENDA T4, de Luxo C/ Mar- 6.500.000. Telefs: 912605430, PROMOÇÃO de venda e na área, que reside no prenda.
CASA T4, 2 salas, 2 WC, B.º quise e Quintal, no Condomí- 928266548. (8.744) tas, gás, estufa, amassadeira Telef. 918200919. (9.098)
Morro Bento, Akz 37.000.000., 50L, batedeira 20L, carri- montagem de câmara de MÁQUINA de cópia de chaves
nio Reviera Talatona, por
vídeo vigilância, vídeo por-
n ego c i á ve i s . Te l e fo n e s :
923427801, 914716885.
Akz. 380.000.000. Telefones:
928366861, 915034504.
VENDE-SE nho/pão, balança, tabuleiro.
Telfs: 936196882, 917747359. teiro. Telefs.: 937682823 ou
368 à vertical Akz 160.000.00,
c/ desconto de 25%. Telefs:
DOIS Mestres de Pedreira c/
experiência comprovada e
(8.783c) 916893574 (9058) 942519606, 911833020.
(8877) (9.074b) quatro ajudantes. Telfs:
(8685a)
916031391,946694143. (9.105)
TERRENO no Talatona (na
VIVENDA C/7 suites, espaço
Baixa), com 65X100m², pla-
P/2 viaturas, na Ilha de Luanda.
Telefone: 926897910. (9010) VIATURAS nos. Telefone: 923464888.
(9049) OFERECE-SE
APARTAMENTO T3, 3.º andar,
VIVENDA T4, C/ Marquise e TERRENO no Zango 0, de-
mobilado, no Miramar, por
Akz. 350.000,00. Telefones: Piscina, no Condomínio Tun- VENDE-SE fronte ao Banco Bic, MAXABACONSTRUÇÕES:
Construímos, Remodelamos
CONTABILISTA Financeiro Sé-
nior, 15 anos de experiência.
g a v a t a Ta l a t o n a , A k z . c//150x90m2, c/direito a su- Telf. 926452619
923351024, 915147522. e Fazemos Manutenções em
350.000.000. Telfs. 928366861, 6 CAMIÕES Volvo N12, de oca- MÁQUINAS de gelo escama, perfície. Telefs: 922036001. (8.610a)
(9.064) CAMPAS granito e mármore, Residências e Escritórios. Ter-
915034504. (9.074c) sião, bem conservados. Tele- liquidificador, 20/40 L, CX. de (9.078)
montagem, gravação, cabe- minal telefónico:938700747.
fones: 924602161, 990602161 ceiras, fotos. Casa dos Gra- 10 mil palitos/picolé, amas- MOTORISTA Ligeiro profissio-
CASAS evolutivas, inacaba- TERRENO Talatona 100x200, (9.019)
(8777) nitos. Telefones: 921662309, sadeira 130L, divisória 36 nal, procura emprego. Telefs:
das, cobertura em chapa T3, Morro Bento 75x150, Benfica
990591646. (7.424) furos, novos. Telefones: 928701926, 998917043.
no Zango 3, a Akz praça do Artesanato 60x50. INSTALAÇÃO de GPS nas via-
PAJERO curto, gasóleo, 936196882, 917747359. (9099)
3.500.000,00. Telefones: (8.965) Telfs: 923620901/998620901. turas, a 30.000kz. Telefones:
modelo antigo, em bom (8.783d)
931529369/913952026 (9.078a) 942519606, 911833020 JOVEM C/vasta experiência:
(9.046) estado, por Akz. 2.000.000,00. (8685)
Telefone: 921591033. TERRENO de 680 hectares, cozinheira, lavadeira, babá,
VIVENDA T3, Remodelada C/direito de superfície, e pas- engomadeira, governanta,
CASAS evolutivas, inacabadas no Condomínio Brisas Tala- (8.863) DNR - Tratamos: Vistos para
sam 3 rios (Malanje). Termi- procura emprego. Telefones:
T3, no Zango 1, a partir de tona, por Kwanzas. estrangeiros, Cartão de Resi- 946789619, 994818510.
KIA RIO, com 35000Km, AC, nais telefónicos: 934375759
2.100.000Kz. Telefones: 110.000.000,00. Telefones. dente, Nacionalidade. Telefone: (9.030)
ou 993599220.
931529369/ 913952026 928366861, 915034504. em bom estado, por Akz: 940470363, 993923221.
(8756)
(9046a) (9.074d) 3.600.000,00, negociáveis. Te- (8.856) COZINHEIRA, Profissional faz
lefs: 940948612. (8.815)
GERADORES Perkins, 13 a todo tipo de pratos e sobre-
CASAS evolutivas, inacabadas KIT de Talho, S. ossos, ser- ONLY English, Lda., aprenda mesa, procura emprego. Telef:
TOYOTA Carrinha Hilux, die- 1000 KVA, peças óleo Shell e comunicação natural, fluente
T3, cobertas em telha, no Ben- pentina, fogão, gelado, balde, 923791093. (8.949)
sel, A/C, manual, 49.000 Km, v i a t u r a s . Te l e f o n e s :
fica, a partir de 10.500.000Kz. balança, F. hambúrguer. Telfs: em L. Inglesa. Telf: 927883499.
923320418, 943499777.
Telefs: 931529369/913952026. LD-GA, 6.700.000, negociáveis. 937493599, 222773455(9.042) (8.960) SERVIÇO de contabilidade e
(7.960a)
(9.046b) 926724817, 998853558(9133) apoio fiscal. Telefone:
ONLY English, Lda., Tradução 940509939. (8610)
APARTAMENTO T3, de Luxo, LOTES por detrás do Os-
VIVENDA T4, no Condomínio VIATURAS de marcas dife- valdo Serra Van-Dúnem, Via TODO o tipo de material de de documentos formais, qua-
no Condomínio Talatona
Vereda das Flores. Telefones: rentes, em bom estado, a bom Expressa. Terminais telefóni- Xadrez. Telefones: 948079 lidade comprovavél (portu- ENGENHEIRO Informático,
Plaza, por Akz. 115.000.000.
939519628/ 924593821. preço. Telefone: 940948612 cos: 923133813,914463184, 478, 911 841393, 948 073 549 guês/inglês) Telef: 927883499. c/experiência em Help Desk,
Telfs. 928366861, 915034504.
(9.047) (9.074F) (8.815b) 923936359. (8765) e 911 841 392. (8.745) (8960a) procura emprego. Tlf. 934 053
415/990 053 415. (9.085)
VIVENDA T4 e T3, Alvalade e VIVENDA T4 no Benfica, CANTER, Kz: 3.900.000,00, Re- COLCHÕES Kamaflex, cama, TERRENOS c/ vários hecta- PADARIA, B. Maria, salgadi- DNR - Contabilidade, consul-
Maculusso, com escritura, 47.000.000,00Kz, apartamento nault Duster “Automático”, Kz. estrados, bases, berços, almo- res, a 13Km da Via Expressa, nhos, cubas, fiambreira, gelo, toria, auditoria, fecho de contas, JOVEM motorista ligeiro pro-
S/intermédios. Telefones: T3+1, no Kilamba, a Akz 3.800.000,00, Fortuner, Kz. fadas, lençóis, tapetes R. a AKZ 2.000.000 e cubo, escama. Telefones: finanças e R. Humanos. Telfs. fissional c/experiência quer
939519628/ 924593821. 2 6 . 0 0 0 . 0 0 0 . Te l e f o n e s : 4.900.000.00. Telefone: Maianga. Telef: 938910826. 1.500.000,00 discutíveis. Te- 222773455, 937493599. 938742072, 993923218. trabalhar. 925206 966,994 75
(9.047a) 916967796, 923575658. (9.069) 944789955. (8.977) (8921) lefone: 923913464. (8.779) (9.042a) (8.956) 61 99. (9.099)
Terça-feira
9 de Julho de 2019 15
PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA
ANÚNCIO DE VAGA TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA BOLSAS DE ESTUDO
SALA DE FAMÍLIA - 3.ª SECÇÃO
A WELL - TIMED ENGLISH SCHOOL, através do seu pro-
O PAM tem a seguinte vaga: ANÚNCIO jecto Intensive English TALENTOS DE ANGOLA, tem dis-
2.ª PUBLICAÇÃO
ponível 65 bolsas de Estudos para o ensino superior nas
1) Assistente da cadeia de suprimentos Na Terceira Secção da Sala de Família do Tribunal Provincial de Luanda, áreas de Ciências Sociais, Engenharias, Tecnologias e
e nos autos de Regulação do Exercício da Autoridade Paternal, Pro- Ciências da Saúde.
cesso n.º 1253/16-B, que corre seus trâmites nesta Secção, movido pelo
https://career5.successfactors.eu/sfca- Magistrado do Ministério Público, em representação do menor Ro- Requisitos para a candidatura:
reer/jobreqcareer?jobld=106169&com- berto Carlos Maurício Rocha, nascido aos 28 de Outubro de 2005, na- • Nacionalide Angolana
pany=C0000168410P&username= tural de Luanda, Província de Luanda, residente em Luanda, e
• Idade entre 17 e 29 anos
requeridos Maria da Graça João Maurício, solteira, residente em
Luanda, Distrito Urbano do Rangel, Bairro Nelito Soares, e Manuel
• Ensino médio concluído (ou em conclusão em 2019) ou
As senhoras são encorajadas a candidata- Duarte Rocha, residente em parte incerta, para no prazo de 30 (trinta) Frequência universitária.
rem-se. dias, com a dilação de 30 (trinta) dias, a contar da segunda e última pu- • Inscrever-se no projecto Intensive English Talentos de
blicação deste Edital, contestar, querendo, o pedido formulado pela re- Angola.
querente, e que a falta de contestação não importa a confissão dos
Os Termos de Referência, incluindo todas factos articulados na petição inicial, cujo duplicado se encontra na Se- Envie já a sua candidatura (curriculum vitae) para os se-
as responsabilidades e qualificações neces- cretaria deste Tribunal para lhe ser entregue.
guintes endereço até 30 de Setembro de 2019:
sárias estão disponíveis nos links acima. Luanda, 16 de Abril de 2019.
Email: welltimedenglish@hotmail.com
Os interessados deverão submeter as suas A JUÍZA DE DIREITO,
DR.ª EUNICE TIRZA JÚNIOR SEBASTIÃO DIOGO Morada:Estrada do Ginga Shopping - Calemba 2, Centro
candidaturas acessando o site acima até ao A ESCRIVÃ DE DIREITO, Comercial Maria Luísa 2º andar porta nº 67- Viana, Luanda
dia19 de Julho de 2019. (9.148)
EVITA MARIA FORTUNATO A. RODRIGUES
(9.126) (9.136)

RECRUTAMENTO
PARA AS SEGUINTES VAGAS
Uma companhia Internacional de Energia com Foco em Exploração e Produção
de Petróleo & Gás AMOSCO S.A. - Atlantic Mediterranean Oilfield Servi-
Empresa do Ramo Farmacêutico localizada no Patriota, Rua 4,
Casa n.º 344, pretende contratar uma empresa para prestação ANÚNCIO DE CONCURSO PÚBLICO ces Corp. Sucursal em Angola, Empresa de Prestação
se serviços em Gestão de Conteúdo. PARA SERVIÇOS E MATERIAIS de Serviços Mercantis – Indústria Petrolífera.

Local do trabalho: Luanda-Angola N.º de Referência do Concurso Público:


1- ANGSP-19-001- Serviço Mão-de-Obra (Fornecimento de Pessoal Qualificado) Necessita de candidatos para treinamento para Inspector
Função: Gestor de conteúdo 2- ANGSP-19-002- Serviço Internacional de Logística Tubular (Inspector de Inspecção de Tubos Petrolíferos)
3- ANGSP-19-003- Serviço de Segurança Cabinda
Responsabilidades: 4- ANGSP-19-004- Serviço Internacional de Comunicações Inspector MPI (Inspecção de Partículas Magnéticas) e Ins-
• Gerir o site completo, incluindo a loja on-line. 5- ANGSP-19-005- Staffhouse Cabinda pector Lifting (Inspector de Inspecção de Equipamentos
6- ANGSP-19-006- Fornecimento de Combustível e Lubrificante em Cabinda
• Aplicar boas práticas para alcançar bom posicionamento nos 7- ANGSP-19-007- Fornecimento de Químicos de Produção
usados para içagem)
mecanismos de busca (SEO). 8- ANGSP-19-008- Serviço de Catering Cabinda
• Manter o site actualizado de acordo com a visão e os objecti- 9- ANGSP-19-009- Serviço Travel, Hotéis & Transfers
Requisitos:
vos da empresa. 10- ANGSP- 19-0010- Serviço de Máquinas Rodoviárias e Fornecimento de Inerte
11- ANGSP-19-0011- Serviço de Wireline (Open Hole & Cas Hole) 1. Nacionalidade Angolana;
• Revisar os conteúdos produzidos pelo time. 12- ANGSP- 19-0012- Serviço de Fluid and Solids Managment for Drilling Mud and
2. Ter no Mínimo a 12.ª Classe;
Cuttings Disposal
Requisitos: 13- ANGSP-19-0013- Serviço de Cementing 3. Ter conhecimento de Electromecânica;
• Conhecimento em Marketing de Conteúdo 14- ANGSP-19-0014- Serviço de Directional Drilling
4. Falar fluentemente Inglês (falar, escrever e ler);
15- ANGSP- 19-0015- Serviço de Mud Control and Mudd Logging
• Programador 16- ANGSP-19-0020- Serviço de Drill Bits Supply 5. Ter disponibilidade para trabalhar no mar.
• Conhecimento em wordpress 17- ANGSP-19-0021- Vertical Control Servis While Drilling
As Empresas interessadas poderão entrar em contacto até ao 18- ANGSP-19-0022- Serviço de aluguer de Sonda para perfuração
Os interessados deverão enviar o Curriculum
dia 10 de Maio 2019, a partir do N.º 925 530 513, dirigir-se até
A Pluspetrol Angola Corporation é uma Empresa Petrolífera de Angola que actua Vitae, para: angola.am@amosco.com
à nossa recepção ou também, poderão remeter as suas pro- no Bloco Cabinda Sul,
postas para o seguinte endereço:
recrutamento@multieskendra.com, Carta de apresentação e Os interessados devem enviar a sua intenção de participação no endereço elec- O Director-Geral
no mínimo 2 documentos oficiais da Instituição. trónico: concurso_angola@pluspetrol.net, ate ao dia 16 de Julho de 2019.
(9.137)
Bernardo F. Cardenas (9.118)
(9.143)

REPÚBLICA DE ANGOLA
TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA
A Cas, Lda, empresa de prestação de serviços em Isolamento Térmico e
3.ª SECÇÃO DA SALA DO CÍVEL E ADMINISTRATIVO
Frio Industrial, sedeada em Cabinda, pretende recrutar um Engenheiro COMUNICADO
Isopor e 6 Técnicos de Ispor em regime rotativo de 28 a 28 dias.
EDITAL
==== O Excelentíssimo Senhor Doutor, Lucas Lima Júnior, Juiz de Di- REQUISITOS: A NEW CONTINENT, LDA., com sede social na Rua
reito da 3.ª Secção da Sala do Cível e Administrativo do Tribunal Pro- Ter mais de cinco anos de experiência;
Falar e escrever fluentemente a Língua Inglesa; Ho Chi Min, Casa n.º 36, 1.º Andar, Bairro Mártires do
vincial de Luanda.=========================================
==== FAZ SABER QUE, corre seus regulares termos pela 3.ª Secção Ter capacidade de trabalhar em regime de turno. Kifangondo, Distrito Urbano da Maianga, em Luanda,
da Sala do Cível e Administrativo, uma Acção Declarativa de Condena-
ção sob a Forma do Processo Ordinário em que é Autor KUHATRO -
E-mail: gilberto.caunde@cas-cab.com NIF 5417041114, telefone 00244 945 933 933; 00244
Cabinda - Rua da Índia
INVESTIMENTO, SA, com sede em Luanda, Distrito Urbano da 942 763 222, solicita a comparência, no prazo máximo
Telefone: 923373846 (9.141)
Ingombota, Avenida de Portugal, n.º 34, R/C, em que é citado a Ré CAR-
MEN DO ROSÁRIO DA PAIXÃO FRANCO MOURO, residente em de 15 (quinze) dias, a contar desta data, da Senhora
Luanda, Avenida 21 de Janeiro, Morro Bento, Zona 3, Apart. 411, 3.º
Andar, actualmente em parte incerta, para querendo contestar, no prazo
Inês Rossana Machado Gonçalves, a fim de tratar
de 20 (vinte) dias, que começa a correr finda a dilação de 30 (trinta) dias, de assuntos do seu interesse (Recibo de reserva
contados da data da segunda e última publicação do anúncio, sob pena
de serem considerados confessados os factos articulados pelo Autor.== n.º 0000978, Compra da moradia, Lote C136 do Em-
==== Na presente acção é obrigatória a constituição de advo-
preendimento “EXPLENDOR DAS ACÁCIAS RESI-
gado.================================================== DENCE”, Camama, Luanda), para o que deverá
Para constar, passou-se o presente EDITAL e mais dois de igual teor, contactar o escritório da NEW CONTINENT, no horário
que serão afixados nos lugares que a Lei designa.================
normal de expediente.
Luanda, 05 de Julho de 2019.================================

O JUIZ DE DIREITO Luanda, 24 de Junho de 2019.


/Lucas Lima Júnior/
O AJUDANTE DE ESCRIVÃO
/Anderson Rosário/ A Gerência
(8.170) (700.004) (9.119)
16 Terça-feira
9 de Julho de 2019

PUBLICIDADE

COMUNICADO DE IMPRENSA
COBRANÇA DO IMPOSTO DE CONSUMO E DO IMPOSTO DE SELO

Com a publicação das Leis n.º 7/19, de 24 de Abril, que aprova o Código do Imposto sobre o Valor Acrescentado, foi criado o Imposto sobre o Valor
Acrescentado, cuja entrada em vigor estava prevista para 01 de Julho de 2019.

Tendo sido analisadas as preocupações levantadas pelas associações empresariais e visando garantir uma melhor implementação do IVA, foi apro-
vado o Decreto Legislativo Presidencial Provisório n.º 1/19, de 28 de Junho, que suspende a entrada em vigor do Imposto sobre o Valor Acrescentado
e do Imposto Especial de Consumo até à aprovação das Leis que definem o novo prazo para sua entrada e em vigor e implementação respectiva e
mantém em vigor todos os diplomas que seriam revogados pelo Código do IVA.

Assim sendo, enquanto decorre o processo tendente à aprovação da proposta de Lei que altera a Lei n.º 7/19, e até a sua entrada em vigor, continuam
a ser devidos os impostos que o IVA irá substituir, designadamente, o Imposto de Selo previsto nas verbas 15, 16, 17, 21, 22 e 23.3 da tabela anexa
ao Código do Imposto de Selo, revisto e republicado pelo Decreto Legislativo Presidencial n.º 3/14, de 21 de Outubro, e o Imposto de Consumo, nos
termos do Decreto Legislativo Presidencial n.º 3-A/14, de 21 de Outubro.

Face ao exposto, os sujeitos passivos do Imposto de Selo e do Imposto de Consumo devem continuar a cumprir as suas obrigações declarativas e
contributivas até a entrada em vigor da Lei que Altera a Lei n.º 7/19, de 24 de Abril.

A Administração Geral Tributária apela a colaboração de todos os contribuintes, com vista a garantir que este processo seja realizado de modo a sa-
tisfazer os interesses dos contribuintes e do Estado.

Publique-se.

Administração Geral Tributária, em Luanda, aos 4 de Julho de 2019.

O Presidente do Conselho de Administração


Sílvio Franco Burity (8968)

COMUNICADO AOS CANDIDATOS À OCPCA

Prezados Candidatos,

A todos os que fizeram a sua inscrição na OCPCA e que pela ava- “ACADEMIA - CÁLCULO PERSPICAZ”
liação realizada pelo Conselho de Inscrição, ao abrigo dos Art.ºs PROGRAMA DO CURSO: PRÁTICA DE CONTABILIDADE SÉNIOR
45.º, 46.º e 47.ºdo Estatuto, foram considerados não aptos para ad-
missão imediata como membros da Ordem: MÓDULO I - CONTABILIDADE FINANCEIRA NÍVEL II - O Património (perspectiva
económica e financeira), as contas do PGC, Lançamentos no Razão, Elaboração
1. Na sequência dessa avaliação, foram-vos por várias vezes envia- de Balancete, Balanços, e demonstrações de resultados.
dos convites, para os seus endereços de email, para frequentarem MÓDULO II - FISCALIDADE TRIBUTÁRIA - IRT, Inss, Imposto Industrial, Preen-
o estágio, aos quais nunca responderam, aceitando o convite ou chimento do modelo 1, Imposto de Selo, Imposto Predial Urbano, Imposto de Con-
contestando a avaliação. Procedeu-se igualmente a uma série de sumo, Imposto sobre Aplicações de Capitais.
tentativas de contacto por telefone, porém sem sucesso.
MÓDULO III - CONTABILIDADE INFORMATIZADA - criação de empresa no Pri-
mavera, organização dos documentos, lançamento das operações no sistema, Re-
2. Neste contexto, somos a informar que caso não contactem o Con-
conciliação Bancárias e conta de terceiros, realização dos trabalhos de fechos de
selho de Inscrição da Ordem na respectiva sede, por email, telefone
contas, apuramento de resultados, liquidação do imposto na perspectivas contabi-
ou pessoalmente, nos 30 dias seguintes à publicação deste comu-
lísticas.
nicado, as suas candidaturas serão consideradas INACTIVAS e re-
tiradas da Base de Dados. MÓDULO IV - RELATÓRIO TÉCNICO E PREENCHIMENTO DAS DECLARA-
ÇÕES FISCAIS - Balanço, demonstração de resultado e as suas respectivas notas,
3. Este mesmo comunicado vai ser divulgado no Site da OCPCA, modelo 1 do imposto industrial e os seus anexos, mapas de amortizações, mapas
no Jornal de Angola e enviado por Newsletter para os vossos ende- de abates, mapas de imobilizados em curso, declaração dos impostos de selos e
reços de email. consumo e modelo 5 do regime de tributação dos grupos de sociedades e finalmente
apresentação do relatório na nossa secretaria.
Após o prazo acima indicado, e se continuarem a manifestar inte- Data de início: 15/07/2019, preço 200.000,00 Kz.
resse em serem membros da OCPCA, deverão inscrever-se nova- Pagamento por prestação 2X 75.000,00 + 50.000,00 Kz, períodos: Manhã, Tarde.
mente, sempre a partir do Site da Ordem.
OBS: Vagas limitadas, apenas 8 formados por turma.
Ordem dos Contabilistas e Peritos Contabilistas de Angola em IBAN Ao06004000006689771710150.
Luanda, aos 4 de Julho de 2019. Tel.: 222 777 230 | 917708627| 921297593. Morada: Urbanização Nova Vida, Rua 44,
Edifício n.º 812-03, Porta n.º4, Rés-do-chão; Site:www.calculoperspicaz.com
O Conselho de Inscrição da OCPCA E-mail: info@calculoperspicaz.com ou calculoperspicaz@gmail.com
(500.856) (500.856)
Terça-feira
9 de Julho de 2019 17
PUBLICIDADE

(500.810)

Eni Angola SpA – Sucursal de Angola


Edifício Downtown Center, Rua Joaquim Figueiredo, n.º 19, 7.º / 12.º Andares
Caixa Postal 1289, Luanda, Angola
eni.com

ANÚNCIO DE CONCURSO PÚBLICO PARA EMPRESAS

A Eni Angola SpA, sucursal de Eni SpA, uma empresa italiana que opera em Angola na área de Exploração, Desenvolvimento e Produção de Produtos
Petrolíferos, vem, por este meio, anunciar a realização de um concurso público com objectivo de seleccionar empresas qualificadas para a prestação
de bens e serviços conforme a tabela abaixo:

DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS REFERÊNCIA DO CONCURSO

Provisão de aquisição sísmica 4D “Ocean Bottom Node (OBN)” 013-PRO-EOI-15/06-19

As empresas interessadas em participar neste concurso deverão pronunciar-se dentro de um prazo de 7 dias úteis, a contar da data de publicação do
presente anúncio, enviando um email para o endereço electrónico citado abaixo, fazendo menção da referência do concurso na qual pretende participar
e seguir as instruções posteriormente recebidas.

O endereço electrónico no qual deve enviar a sua candidatura, é o seguinte: candidatura.angola@eni.com

Para ser avaliada, a empresa deve ter os seguintes requisitos mínimos e apresentar os comprovativos em anexo a proposta à ser submetida por
e-mail:

• Detalhes de experiência relevante e verificável em serviços similares de aquisição sísmica 3D / 4D “OBN”, na qual o contratante realizou nos últimos
cinco anos em águas profundas dentro ou fora de Angola. Incluir também operações 3D/4D em estreita proximidade com infraestruturas situadas no mar.
• Demonstração bem sucedida de aplicação de tecnologias de processamento 3D / 4D para entrega de dados “Fast Track”
• Demonstrar a disponibilidade de pelo menos 2000 nós, a todo o momento implantados na área da operação por pelo menos uma pesquisa em 3D
• Descrever as operações de ROV para implementar / recuperar nós em uma pesquisa sísmica 3D

Além disso, o e-mail de resposta deverá conter os seguintes requisitos obrigatórios:


• Nome da Empresa;
• Objecto social;
• Endereço postal (incluindo NIF);
• Carta de apresentação da Empresa com descrição da equipe de trabalho e equipamentos;
• Estrutura accionista da empresa;
• Email e contacto telefónico da Empresa e da pessoa a ser contactada.

(500.848a)
18 NECROLOGIA Terça-feira
9 de Julho de 2019

FALECEU FALECEU FALECEU CONDOLÊNCIAS

ARMANDO GUINAPO

Foi com profunda dor e consternação que o Conselho de Admi-


nistração e o colectivo de trabalhadores da Edições Novembro-
E.P. tomou conhecimento do passamento físico do Sr. ARMANDO
GUINAPO, pai da Administradora Luena Kassonde Ross Guinapo,
ocorrido no dia 7/7/2019. Neste momento de luto endereçam à
família enlutada as mais sentidas condolências. (700.069)
JOANA FALCÃO MALHEIROS JOANA FALCÃO MALHEIROS ARMANDO DO CARMO
DOS SANTOS (Janina) DOS SANTOS (Janina) GUINAPO

Altina Francisca (irmã), Admir Heleno, Sandrina, Cássia, Nury, Analiza, Telma, Wazenga, Guajyro, Luena, Sokolov, Lon-
Marcelino dos Santos, Maria Alina (filhos), Janine, Pedro, Filipe, Cátia (netos), sobri- doge, Armando, Jaime (filhos) e Mary,
Carlos Xavier, Luísa, Sílvia, genro, noras, nhos , bisnetos e demais familiares comu- Carla, Rainha, Xanda, Xina (noras) cum-
sobrinhos, netos, bisnetos, familiares e nicam o falecimento de JOANA FALCÃO prem o doloroso dever de comunicar o FALECEU
amigos comunicam o falecimento de JOANA MALHEIROS DOS SANTOS (Janina), falecimento do seu pai ARMANDO DO
FALCÃO MALHEIROS DOS SANTOS(Janina), ocorrido no dia 5/7/2019, por doença. CARMO GUINAPO, ocorrido no dia
ocorrido no dia 5/7/2019. O funeral rea- O funeral realiza-se hoje, dia 9/7/2019, 7/7/2019, no Lubango. O funeral rea-
VANDA ALBERTINA DIAS VAN-DÚNEM DA SILVA
liza-se hoje, dia 9/7/2019, partindo da sua partindo da sua residência, no Bairro liza-se quinta-feira, 11/7/2019, no cemi-
residência, no Bairro Prenda, para cemitério Prenda, para o cemitério do Alto das tério da Mitcha, no Lubango. As famílias Van-Dúnem, Vieira Dias, Lourenço, Condez, Inglês,
do Alto das Cruzes, às 11h00. (9.059) Cruzes, às 11h00. (9.059a) (700.069a) Rodrigues Gonçalves, Ramos da Cruz, Coelho da Cruz, Miranda
Pinto e Bumba comunicam o falecimento de sua querida VANDA
ALBERTINA DIAS VAN-DÚNEM DA SILVA, ocorrido no passado
FALECEU FALECEU FALECEU dia 4/7/2019, em Lisboa. Informam que os restos mortais serão
velados no Quartel General do Exército, Ex- RI20, no dia 9/7/2019,
a partir das 20h00. O cortejo fúnebre será antecedido de Missa
de corpo presente, no dia 10/7/2019, às 8h00, partindo em seguida
para o cemitério do Alto das Cruzes, às 11h00. (9.083)

FALECEU

HENRIQUES EDUARDO MARIA HELENA BARRADAS VANDA ALBERTINA DIAS VANDA ALBERTINA DIAS VAN-DÚNEM DA SILVA
DE FREITAS RESENDE VAN-DÚNEM DA SILVA

Antónia Eduardo (esposa), Henriques Eduardo, Marido, filhas, genros, netos e bisnetos Os familiares de VANDA ALBERTINA DIAS VAN- José Inglês (esposo), Madalena, Ana Rosa, Jambela, Milonga,
FernandaEduardo,FulaEduardo,JaimeEduardo, comunicam o falecimento da sua querida DÚNEM DA SILVA comunicam o seu falecimento, Catarina, José (filhos), Edmundo Bumba, Nuno Pinto (genros) e
Eugénio Eduardo (filhos), Iracelma, Márcia, MARIA HELENA BARRADAS DE FREITAS ocorrido no dia 4/7/2019, em Lisboa. Informam netos comunicam o falecimento de sua querida VANDA ALBERTINA
Ariete, Ariane, Ariela, Arine, Ricardo, Rafael, RESENDE, ocorrido no dia 5/7/2019, na que os restos mortais serão velados no Quartel DIAS VAN-DÚNEM DA SILVA, ocorrido no passado dia 4/7/2019,
Renato, Elika (netos), Cecília, Ecreuza, Jucelina, Clínica Girassol. O funeral realizar-se- General do Exército, Ex- RI20, no dia 9/7/2019, em Lisboa. Informam que os restos mortais serão velados no
Catarina (noras) comunicam o falecimento de á em data a anunciar oportunamente. apartirdas20h00,aondeserãodadoscumprimentos Quartel General do Exército, Ex- RI20, no dia 9/7/2019, a partir
HENRIQUES EDUARDO, ocorrido no dia (9.061) no dia seguinte. O cortejo fúnebre será antecedido das 20h00. O cortejo fúnebre será antecedido de Missa de corpo
7/7/2019, por doença. O velório encontra-se de Missa de corpo presente, no dia 10/7/2019, às presente, no dia 10/7/2019, às 8h00, partindo em seguida para
em Viana, no Condomínio da Sonangol, frente 8h00, partindo em seguida para o cemitério do o cemitério do Alto das Cruzes, às 11h00. (9083a)
ao Shopping Ginga Cristina. (9.111) Alto das Cruzes, às 11h00. (9.084)

MISSA FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU

JACINTA PEDRO GOMES DOS MARIANA MANUEL DA SILVA MARIANA MANUEL DA SILVA PETRA ROSÁRIA PITA GRÓS PETRA ROSÁRIA PITA GRÓS
SANTOS (Tia Jacinta)
Zoraida, Lito (Kassoma), Luís Laplaine, Maria Helena da Silva, Damião Júnior, Marilda Benge, José de Oliveira, Luísa As famílias Pita Grós e Rangel cumprem Maria Amadeu Pita Grós (avó), Maria
Nininho, Jika e Érica (filhos) comunicam Mendes da Silva, Domingas de Sousa Silva, Márcio Silva, Esperança Silva, Anabela o doloroso dever de comunicar o fale- Ferreira Cidade Pita Grós Rangel " Dadi-
que será rezada Missa do 30º Dia, de sua (Mimi), Maria da Conceição Tomás, António Silva, Esperança da Felicidade, Cristina cimento de PETRA ROSÁRIA PITA GRÓS, nha" (mãe), tios, filhos, irmãos, primos,
mãe JACINTA PEDRO GOMES DOS SAN- da Silva e Feliciana da Silva (filhos), genros, Silva, Umbelina Silva, Cremilde Silva ocorrido dia 7/7/2019, por doença. O sobrinhos e demais familiares cumprem
TOS, amanhã, terça-feira, 9/7/2019, às noras, netos e demais familiares comunicam (sobrinhos) e demais familiares comunicam funeral realizar-se-á em data a anunciar o doloroso dever de comunicar o fale-
18h00, na Igreja de São Paulo. (9.045) que o funeral de sua irmã MARIANA que o funeral de sua tia MARIANA MANUEL oportunamente.O Óbito encontra-se cimento de PETRA ROSÁRIA PITA GRÓS,
MATEUS DA SILVA se realiza hoje, terça- DA SILVA se realiza hoje, terça-feira, 9 em casa da sua avó, no Golf dos Correios, ocorrido dia 7/7/2019, por doença.
feira, 9/7/ 2019, pelas 10h00, partindo o de Julho de 2019, pelas 10h00, partindo sub-Zona 9, rua dos colégios D.D. Simão O funeral realizar-se-á em data a anunciar
préstito fúnebre da Igreja de Bethel, para o préstito fúnebre da Igreja de Bethel, para e Luzia Mateus. (9.115) oportunamente. (9.115a)
o cemitério de Sant'Ana. (9.121) o cemitério de Sant'Ana. (9.121a)

FALECEU FALECEU FALECEU RECORDAÇÃO FALECEU

HÉLDER MONTEIRO HÉLDER MONTEIRO HÉLDER MONTEIRO DELFINA JOÃO RODRIGUES MARIANA MANUEL DA SILVA
DE SOUSA (Castanho) DE SOUSA (Castanho) DE SOUSA (Castanho) DE ALMEIDA (Mana Kita)
Antónia Queiroz "Mãezinha" (sogra), Paula Paulo Chagas Rangel, Linda Martins (tios), Yola Queiroz (esposa), Hélder de Sousa, Mana Kita! Era assim que te chamávamos Mateus da Silva (ausente), Benjamim da
Martins, Linda Martins, Lito Cleto Martins, Paula Virgínia Rangel, João Paulo Rangel, Ivanny de Sousa, Igor de Sousa, Marcelo carinhosamente. Hoje completarias mais Silva e Rosa da Silva comunicam que o
Elizabeth Sider, Nelson Ribeiro, Natércia Miriam Rangel, Hugo Inácio Rangel, Leandro de Sousa e Janete de Sousa (filhos) cum- uma risonha primavera, mas infelizmente, funeral de sua irmã MARIANA MATEUS
Pita de Jesus (tios) cumprem o doloroso PintoeKarson Vasconcelos(primos)cumprem prem o doloroso dever de comunicar o o destino tirou-te do nosso seio familiar, DA SILVA se realiza hoje, terça-feira, 9
dever de comunicar o falecimento do seu o doloroso dever de comunicar o falecimento falecimento do seu ente querido HÉLDER mas tenho consolo de saber que estás junto de Julho de 2019, pelas 10h00, partindo
ente querido HÉLDER MONTEIRO DE do seu ente querido HÉLDER MONTEIRO MONTEIRO DE SOUSA (Castanho), do Senhor. Lembraremos sempre de ti o préstito fúnebre da Igreja de Bethel,
SOUSA (Castanho), ocorrido no dia 5 de DE SOUSA (Castanho), ocorrido no dia 5 de ocorrido no dia 5 de Julho de 2019, por com carinho, saudades e amor. Recorda- para o cemitério de Sant'Ana. (8.999R)
Julho de 2019, por doença. O funeral rea- Julho de 2019, por doença. O funeral realiza- doença. O funeral realiza-se hoje, dia te tua mãe Antónia Cordeiro, com ternura.
liza-se hoje, dia 9 de Julho de 2019, pelas se hoje, dia 9 de Julho de 2019, pelas 11h00, 9 de Julho de 2019, pelas 11h00, no cemi- Que a sua alma descanse em paz. Minha
11h00, no cemitério de Viana.(9.062a) no cemitério de Viana. (9.062b) tério de Viana. (9.062) filha, Deus proverá a tua morte. (9.107)
SERVIÇO NECROLÓGICO: DIAS ÚTEIS DAS 9H ÀS 18H, SÁBADOS, DOMINGOS E FERIADOS DAS 9H ÀS 14H
Terça-feira
9 de Julho de 2019 19
FALECEU FALECEU FALECEU AGRADECIMENTO

HENRIQUES EDUARDO VANDA ALBERTINA DIAS TERESA JOÃO PAULO NETO ANA SEBASTIÃO CORREIA VICTOR DA SILVA
VAN-DÚNEM SILVA INGLÊS (Nininha)

Antonica Eduardo (esposa), filhos e Julieta Condez (cunhada), Luís Condez, Domingas Joaquim, Ana António, Sebas- As famílias Correia Victor: filhos, irmãos, sobrinhos, netos, noras, genro, Sebastião
demais familiares cumprem o doloroso Jaime Condez, Bráulio Condez, José Condez, tião António, Bento António, Maria Helena Pilolo e Silva agradecem a todos que manifestaram a sua solidariedade e endereçaram
dever de comunicar o falecimento do Pedro Condez, Rosa Condez e José Gon- Francisco e Álvaro Neto (filhos) cumprem mensagem de conforto e de consolo pelo falecimento de ANA SEBASTIÃO CORREIA
seu ente querido, HENRIQUES EDUARDO, çalves (sobrinhos) comunicam o faleci- o doloroso dever de comunicar o fale- VÍCTOR DA SILVA (Nininha). Sem esquecer os que se dignaram a acompanhá-la
ocorrido dia 7/7/2019, por doença. mento da sua querida cunhada e tia VANDA cimento da sua querida mãe TERESA até à sua última morada. Que a sua alma descanse em paz, entre os resplendores
O funeral realiza-se hoje, dia 9/7/19, ALBERTINA DIAS VAN-DÚNEM SILVA JOÃO PAULO NETO, ocorrido no dia da luz perpétua. (9.151)
com a Missa de corpo presente na Paróquia INGLÊS, ocorrido no passado dia 4/07/2019. 6/07/2019, no Hospital Américo Boavida,
da Nossa Senhora de Fátima, às 9h00, O funeral realiza-se amanhã, 10/07/2019, em Luanda. O funeral realiza-se hoje,
seguindo para o cemitério de Sant'Ana, às 11h00, partindo do RI-20 para o cemi- dia 9/07/2019, às 10h00, no cemitério
às 10h30. (9.142) tério do Alto das Cruzes. (9.071) de Sant'Ana. (9.140)

CONDOLÊNCIAS CONDOLÊNCIAS FALECEU FALECEU FALECEU

JOSÉ MANUEL LIMA JOSÉ MANUEL LIMA VANDA ALBERTINA DIAS FRANCISCO MARTINS HÉLDER MONTEIRO DE
VAN-DÚNEM DA SILVA SOUSA (Castanho)
É com profunda consternação e dor que É com profunda consternação e dor que o Os familiares de VANDA ALBERTINA DIAS VAN- A Comissão Executiva da SonAir Serviço Denise M. da Silva, Dário Monteiro, Agui-
a Direcção do Hospital Militar Principal/Ins- colectivo de trabalhadores, militares e civis DÚNEM DA SILVA comunicam o seu falecimento, Aéreo, S.A. cumpre o doloroso dever de naldo Monteiro, Patrícia Monteiro, Sheila
tituto Superior tomou conhecimento do do Departamento de Imagiologia do Hospital ocorrido no dia 4/7/2019, em Lisboa. Informam comunicar o falecimento do colaborador, Monteiro e Anderson Monteiro cumprem
passamento físico do Sr. Coronel Médico Militar Principal/Instituto Superior tomou que os restos mortais serão velados no Quartel FRANCISCO MARTINS, ocorrido em o doloroso dever de participar o faleci-
JOSÉ MANUEL LIMA. Nesta hora de dor conhecimento do falecimento do Sr. Coronel General do Exército, Ex- RI20, no dia 9/7/2019, Luanda, a 7/7/2019, e informa que o seu mento de seu primo HÉLDER MONTEIRO
e luto, os oficiais generais, superiores, Médico, JOSÉ MANUEL LIMA, ocorrido no apartirdas20h00,aondeserãodadoscumprimentos funeral se realizará em data a anunciar DE SOUSA (Castanho), ocorrido no dia
capitães, sargentos, praças e trabalhadores dia 7/07/2019, em Lisboa, por doença. Nesta no dia seguinte. O cortejo fúnebre será antecedido oportunamente. Paz à sua alma. 5/7/2019, por doença. Mais informam
civis apresentam à família enlutada, pela hora de dor e luto, apresenta à família enlutada, de Missa de corpo presente, no dia 10/7/2019, às (500.867) que o funeral se realiza hoje, terça-feira,
perda irreparável, as suas mais sentidas pela perda irreparável, as suas mais sentidas 8h00, partindo em seguida para o cemitério do 9 de Julho de 2019, às 11h00, no cemitério
condolências. (9150) condolências. (9.150a) Alto das Cruzes, às 11h00. (9.084) de Viana. (9.152)
PUBLICIDADE

(700.052d)
20 Terça-feira
9 de Julho de 2019

PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA REPÚBLICA DE ANGOLA


MINISTÉRIO DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO E HABITAÇÃO TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA
INSTITUTO GEOGRÁFICO E CADASTRAL DE ANGOLA 2.ª SECÇÃO DA SALA DO CÍVEL E ADMINISTRATIVO

DEPARTAMENTO PROVINCIAL DO CUANDO CUBANGO ANÚNCIO


(PROCESSO N.º 0552/16-D)
EDITAL Nº 11/19
PROCESSO DE CONCESSÃO Nº 295 – CC/2017 2.ª SECÇÃO DA SALA DO CÍVEL E ADMINISTRATIVO DO TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA.

Tendo a Empresa QUINTAL TÓMAS, LDA requerido o direito de superfície de uma parcela de ter- ACÇÃO EXECUTIVA PARA PAGAMENTO DE QUANTIA CERTA, SOB A FORMA DE PROCESSO COMUM
reno com uma área de 10.200 (m2), onde será construído um laboratório de análises clínicas e um ORDINÁRIA.
colégio, localizado na Província do Cuando Cubango, município do Menongue, comuna sede. EXEQUENTE: BANCO MILLENIUM ATLÂNTICO
EXECUTADOS: SINCLÉSIA DIAS MARQUES E LUIGI BRESSAM
Feita a demarcação provisória, a mesma ficou com as seguintes confrontações: a Norte com terreno Nos termos e para os efeitos do disposto no art.º 248.º e seguintes do CPC, correm éditos de 30, contados da data
ocupado por terceiro não cadastrado numa extensão de 170 metros; a Sul com terreno ocupado da segunda e última publicação do anúncio, citando os ausentes SINCLÉSIA DIAS MARQUES, residente em
por terceiro não cadastrado numa extensão de 170 metros; a Este com estrada nacional nº 140 Luanda, Zona 6, Bairro Prenda, Distrito Urbano da Maianga; LUIGI BRESSAM, com última residência em Luanda,
numa extensão de 60 metros; e a Oeste com terreno baldio numa extensão de 60 metros. Bairro da Samba Grande. Para no prazo de 10 dias, decorrido que seja o dos éditos, pagarem ou nomearem bens
à penhora, advirta-se que caso não se oponham à execução no prazo supra indicado e não pagarem ou caucionarem
São, por este meio, convocadas todas as pessoas que se julgarem com direito sobre o mesmo ter- a quantia exequenda, seguir-se-ão os termos do art.º 836º do CPC, sendo promovida à penhora dos bens neces-
reno a virem comprová-lo neste Departamento Provincial, no prazo de 30 dias a contar da data da sários para garantir o pagamento da quantia exequenda, acrescida do valor das custas deste processo.
publicação deste Edital. O duplicado do requerimento executivo e a cópia dos documentos encontram-se à disposição do citando na Secre-
taria do Tribunal, sito na Rua Amílcar Cabral, n.º 29, 2.º andar, em Luanda.
DEPARTAMENTO PROVINCIAL DO INSTITUTO GEOGRÁFICO E CADASTRAL DE ANGOLA,
EM MENONGUE, AOS 18 DE JUNHO DE 2019. Luanda, aos 23 de Abril de 2019.

O JUIZ DE DIREITO
O CHEFE DE DEPARTAMENTO Dr. MÁRIO MANUEL
DOMINGOS SAMUEL O AJUDANTE DE ESCRIVÃO
= ENG.º GEOGRÁFICO = JOAQUIM QUIBA
(9.110) (500.846)

NOSSOS SERVIÇOS
A Cálculo Perspicaz – Consultoria, Auditoria e Formação, Lda. é uma empresa de Direito
Angolano, direccionada em Consultoria Contabilística, Económica, Financeira e Fiscal,
e Formação Profissional com colaboradores treinados e capacitados. Somos uma em-
presa membro integrante da Ordem dos Contabilistas e Peritos Contabilistas de Angola
(OCPCA).
Prestamos os seguintes serviços: - Análise e execução de projecto de Inves-
- Organização da contabilidade empresarial timento;
- Instalação, parametrização e formação - Constituição de Empresa;
do software Primavera; - Aplicação de métodos estatísticos para
- Planeamento e Gestão Fiscal; modelagem de dados de grandes dimen-
- Consultoria e acessoria financeira; sões, transformando-os em informação
- Controlo de Gestão e Direcção de em- relevante para tomada de decisão, Aná-
presas; lise e gestão de risco, análise de quali-
- Gestão de Recursos Humanos; dade muito mais...

Morada: Urbanização Nova Vida, Rua N.º 44, Edifício 812-03 | Tel: 222 777 230 –
926 068 837 – 917 708 627 | WhatsApp 926 068 837
(500.864) (9.033)

RECRUTAMENTO ARRENDA-SE
Construção Civil
TERRENO DE 800M2, VEDADO COM MURO, POR-
Precisa-se de trabalhadores para ocupar as vagas abaixo men- COMUNICADO
cionadas, com disponibilidade para trabalhar em Luanda e/ou TÕES, CIMENTADO, COM ESCRITÓRIO, TANQUE
FAR EAST INTERNATIONAL ESTATE Lda., com sede social
no interior, com experiência em Word, Excel e Internet. DE ÁGUA 20 MIL LITROS, WC, SITUADO NO BEN- na Auto-Estrada, Circular Troço Benfica-Viana, S/N, Bairro Ca-
FICA, EM FRENTE À ESTRADA PRINCIPAL, ZONA mama, Município do Kilamba Kiaxi, em Luanda, NIF
1) Engenheiro Civil c/ muita Experiência Director de Produção 5417247545, telefone 00244 945 933 933; 00244 942 763 222,
2) Engenheiro Civil Director de Obra DO EX- MERCADO DO ARTESANATO. requer que, no prazo máximo de 15 (quinze) dias a contar desta
3) Engenheiro Civil c/ Experiência Fiscal de Obras data, a Sra. Assunção Pinto Félix dos Santos Ferreira, por-
TELEF: 998222120 ou 925637497
4) Engenheiro Civil c/ Experiência Projectista tadora do B.I. nº 00325085KS039, que se encontra em parte
(9.034)
5) Engenheiro Civil c/ Experiência Aprovisionamentos
incerta, proceda ao pagamento do remanescente do preço es-
tipulado no Contrato Promessa de Compra e Venda n.º
6) Engenheiro Civil c/ Experiência Orçamentista
PRECISA-SE 20170821180, tendo por objecto a compra da moradia Lote B50
7) Eng.º Electrotécnico c/ Experiência Projectista e Fiscal
do Empreendimento “PARQUE DAS ACÁCIAS”, Camama,
8) Técnico Médio Construção Civil Fiscal de Obras CHEFE DE COZINHA Luanda. Caso a Sra. Assunção Pinto Félix dos Santos Fer-
9) Téc. Méd. Const. Civil c/ Experiência Orçamentista reira não cumpra com este pagamento, no aludido prazo má-
10) Téc. Méd. Const. Civil c/ Experiência Aprovisionamentos
Experiência comprovada na área de Restauração e cozi- ximo de 15 (quinze) dias, a FAR EAST INTERNATIONAL
11) Téc. Méd. Electricidade Experiente Fiscal de Obras
nhas industriais, mínimo de 3 anos, experiência em forma- ESTATE, Lda., na qualidade de Promitente Vendedora proce-
ção de quadros de funcionários, elaboração de Cardápios, derá a rescisão do referido Contrato Promessa de Compra e
12) Encarregado de Obras Com muita experiência
ter domínio da Culinária Brasileira e Portuguesa. Dispo- Venda, o que, desde já, se comunica para os devidos e legais
13) Chefe de Estaleiro Com experiência
nibilidade para trabalhar nas Províncias de Angola. efeitos, sem que haja lugar a qualquer nova comunicação.
14) Mecânico c/ Experiência Viaturas e Geradores
Currículos:
Luanda, 25 de Junho de 2019.
Enviar para: sabordobrasilrestaurante@hotmail.com
Enviar Curriculum Vitae
Email: recruta.conscivil@hotmail.com
Telef.: 931 256 569 A Gerência
(8.970) (8.617) (8.945)
Terça-feira
9 de Julho de 2019 21
PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA
------………------
MINISTÉRIO DAS FINANÇAS
GABINETE DO MINISTRO

Atendendo ao mecanismo de ajustamento automático dos preços do JET A1, aos de mercado, em vigor, ouvido o Instituto Regulador dos Derivados do Petróleo e as
empresas operadoras do sector, o Ministério das Finanças vem tornar público os Preços de Referência do produto acima referido, como preços máximos, para as ca-
tegorias da produção ou importação, distribuição e comercialização, a vigorar de 8 de Julho a 5 de Agosto de 2019, nos termos do artigo 6.º do Decreto Executivo n.º
132/19, de 6 de Junho,combinado com o artigo 9.º do Decreto Presidencial n.º 206/11, de 29 de Julho, conforme as tabelas abaixo:

Preços de Referência do JET A 1 Valor (Kz)


(de 8 de Julho a 5 de Agosto de 2019)

Preço de Paridade de Importação (PPI) 173,76


Preço Base na Costa (Preço de Venda do Importador/Produtor) (PBC) 181,84
Preço de Venda Ex-Logística e Distribuição (PVD) 210,79
Preço da Aeroinstalação do JET-A1 (que inclui impostos e taxas) (PVA) 248,00

Indicadores Anterior (Jun/19) Actual (Jul/19) Variação %

PPI 182,01 173,76 -4,5%


PBC 183,23 181,84 -0,8%
PVD 217,18 210,79 -2,9%
PVA 253,98 248,00 -2,4%

Publique-se.

GABINETE DO MINISTRO DAS FINANÇAS, em Luanda, 4 de Julho de 2019.

Na Ausência do Ministro,
A Secretária de Estado para as Finanças e Tesouro
Vera Daves de Sousa
(500.855)

Anúncio de Concurso Público para Empresas


A Cabinda Gulf Oil Company Ltd (CABGOC), subsidiária da Chevron, figura entre as
principais empresas petrolíferas de Angola, vem, por este meio, anunciar um concurso
público para o fornecimento do seguinte material:

Concurso Público Número: RFBA-030-PRODOPS-2019

Âmbito de Trabalho
A Contratada deverá providenciar mão-de-obra, contingente técnica e altamente qua-
lificada para as Operações da CABGOC com base em suas necessidades de negócios
contínuas.

O âmbito de trabalho incluirá, mas não se limitará à prestação de serviços de mão-de-


obra temporária de engenharia e técnicos em regime temporário, bem como mão-de-
obra temporária para outros serviços relacionados com as operações.

O âmbito de trabalho incluirá fornecimento de pessoal para diferentes departamentos,


tais como:
• Manutenção de Produção
• Operações e Subsea
• Perfuração e Completação
• Engenharia de Instalações
• Recursos Humanos
• Cadeias de aprovisionamento
• Segurança
• Outros

concurso acima descrito, poderão acessar a página www.chevroninangola.com, na


As empresas qualificadas, que estejam interessadas em serem consideradas para o

necedor e remeter para o endereço electrónico concurso@chevron.com no prazo


secção de Fornecedores, Concurso Público; preencher o formulário informativo do for-

definido na página da internet.

Cabinda Gulf Oil Company Limited


Edifício da Chevron – Chicala
Nova Marginal
Caixa Postal 2950 Luanda,
República de Angola
(900.000 f) (500.854)
22 Terça-feira
9 de Julho de 2019

PUBLICIDADE

FACULDADE DE ECONOMIA GABINETE DO DECANO


AVISO DE ABERTURA DO CONCURSO PÚBLICO DE INGRESSO
EDITAL N.º 02/RRH/FEUMN/2019

Considerando que o Despacho Presidencial n.º 314/16, de 22 de Novembro, orienta para a necessicidade de atender com equidade os funcionários do quadro que tenham elevado o seu nível académico,
bem como priorizar os funcionários que prestam serviços à Administração Pública por contrato, em harmonia com os Despaschos n.os 19 e 21 de 15 e 21 de Fevereiro, respectivamente, do Magnífico Reitor
da Universidade Mandume Ya Ndemufayo, e nos termos do disposto nos Decretos Presidenciais n.os 102 e 104/11 de 23 de Maio.
Havendo vagas no SIGFE proveniente da extinção jurídica por falecimento, rescisão de contrato e aposentação, que justificam a abertura do Concurso Público de Ingresso Interno, no prazo de vinte (20)
dias úteis a contar da data da publicação do presente Edital, para o provimento de vagas a nível da Faculdade de Economia da UMN, para as seguintes categorias:
CARREIRA CATEORIA N.º DE VAGAS

DOCENTE ASSISTENTE 3
TÉCNICO SUPERIOR DE 2.ª CLASSE 1
REGIME GERAL TÉCNICO MÉDIO DE 3.ª CLASSE 1
ESCRITORÁRIO-DACTILÓGRAFO 1
AUXILIAR ADMINISTRATIVO DE 2.ª CLASSE 1
TOTAL 7

1. Requisitos: • Duas (2) fotografias tipo passe;


• Para ingresso a Docente; • Atestado médico;
• Assistente: Mestre em Empreendorismo e Desenvolvimento, Contabilidade e Finanças Empresa- • Atestado de Residência.
riais, e em Economia, aprovação em Prova Pública (Artigo 23.º do Estatuto da Carreira Docente) e
experiência comprovada de docência; 3. CORPO DE JÚRI
• Os condidatos a docência deverão ter domínio para, pelo menos leccionar as disciplnas de: Introdu- Para efeito, o júri é composto por quatro (4) membros, sendo:
ção à Economia, Matemática, Álgebra, Introdução à Gestão das Organizações, Sistema de Informação • Presidente – Professor Doutor César Fernando Reis ;
para Gestão, Relato Financeiro, Análise Económica e Financeira, Harmonização Contabilística Inter- • Vice-Presidente Mestre Ernesto Paulo Luciano;
nacional, Processos Tributários e Infracções Fiscais, Gestão de Recursos Humanos, Política Econó- • Vogal Professor Mestre Jelson Francisco Quintino Serafim;
mica, Política Monetária e Financeira, Economia dos Transportes, Economia Africana, Economia do • Vogal Professora Mestre Adília Mendoça da Costa e Silva Gaspar.
Crescimento e Desenvolvimento, Cálculo Financeiro, Informática , Direito do Trabalho, Direito Fiscal, • MÉTODO DE SELECÇÃO
Direito Comercial, Direito Económico e Introdução ao Estudo de Direito. O Concurso Público de ingresso será realizado na modalidade de avalição documental e prova escrita
Para ingresso no Regime Geral de acordo com o n.º 1 do artigo 17.º do Decreto Presidencial n.º 102/11 de 23 de Maio, e Prova Pública
• Técnico Superior de 2ª Classe: entre os cidadãos habilitados com o o grau de Licenciatura; em conformidade com o n.º 1 do artigo 23.º do Decreto Presidencial n.º 191/18, de 08 de Agosto.
• Técnico de Médio de 3ª Classe: entre os cidadãos habilitados com o curso médio; • IMPORTANTE:
• Escriturário-Dactilógrafo: entre os cidadãos habilitados com a 8.ª Classe de escolaridade, conhe- Os interessados deverão contactar a Repartição dos Recursos Humanos da FEUMN, no horário nor-
cimento da actividade desenvolvida na categoria a que se candidata; mal de expediente até ao dia 25 de Julho de 2019, observando os requisitos mencionados anterio-
Auxiliar Administrativo de 2ª Classe: entre os cidadãos habilitados com I Cilclo do Ensino Secun- mente;
dário de escolaridade, conhecimento da actividade desenvolvida na categoria a que se candidata. As listas provisórias ou definitivas dos candidatos serão afixadas na vitrina da Faculdade de Economia
da Universidade Mandume Ya Ndemufayo, sita no edifício Mandume, Rua Dr. António Agostinho Neto,
2.DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA CANDIDATURA AO CONCURSO PÚBLICO n.º 86 - Cidade do Lubango-Huíla- Angola.
• Requerimento dirigido ao Magnífico Reitor da Universidade Mandume Ya Ndemufayo;
• Curriculum Vitae; FACULDADE DE ECONOMIA DA UNIVERSIDADE MANDUME YA NDEMUFAYO, LUBANGO, 20
• Fotocopia do Bilhete de Identidade colorida; DE JUNHO DE 2019.
• Declaração de regularização da situação militar, para os canditados de sexo Masculino;
• Cópia do Diploma ou Certificado de Habilitações Literárias, reconhecido pelo Notário da Huila, O Decano
homologado e reconhecido pelo INAAREES; César Fernando Reis.-Ph.D
• Registo Criminal; Professor Catedrático
(500.869)

FACULDADE DE ECONOMIA

AVISO QUE PUBLICA A LISTA DOS CANDIDATOS AO CONCURSO PÚBLICO

De acordo com os Despachos nºs 19 e 20/2019 de 15 de Fevereiro, do Magnífico Reitor da Universidade Mandume Ya Ndemufayo, e nos termos do n.º 1 do ar-
tigo 16.º do Decreto Presidencial nº 102/11 de 23 de Maio, publica-se a lista dos candidatos admitidos e excluídos para provimento de lugares a que se refere o
aviso publicado no dia 7 de Junho de 2019.
Admitidos Técnicos de 3.ª Classe
Para a cagetoria de Assistente • Adália Bayeta Canjongo
• Edson Manuel de Sousa Bandeira • Almeida Rodrigo Francisco
• Tchibwabwa Sefo Maria Barros • Celestino Francisco Kambundo
• Céu Caholo Cambriquiti Candunda
Para a categoria de Assistente Estagiário • Dulce Inês Luís Tchikalafólia
• Alex dos Anjos José Bernardo • Erica Charony Lopes Moniz
• Altino Isaías Silvano
• Leila Melissa Martins Manuel
• Belmira Natércia Tchitongo
• Ricardina Isabel Kassanga
• Benjamim Gabriel Vilonga Dumba
• Domingos Camilo Celestino Kalumana • Stela Margarete Alexandre Pinto
• Yndira Larisa Ilheu Lopes
Obs: Todos os candidatos supracitados de acordo são excluídos à luz z da Lei n.º 17/16 de
Excluído Outubro , Lei de Bases do Sistema de Educação e Ensino, nos seus artigos 65.º e 68.º,
categoria de Assistente Estagiário Data e local da realização das Provas
• Alfredo António – por falta de média final igual ou superior a 14 (catorze) valores, de acordo Para a carreira Docente as provas públicas serão realizadas no Lubango, na sala de reuinão
ao ponto 3, do artigo 26.º, do Decreto Presidencial n.º 191 /18 de 8 de Agosto. da Faculdade de Economia, no dia 17 de Julho de 2019, às 9 horas e trinta minutos.
Para o Regime Geral as provas escritas e as entrevistas serão relizadas no Lubango, na sala
Carreira Técnica Superior “Socolil” da Faculdade de Economia, no dia 16 de Julho de 2019, às 9 horas e trinta minutos.
Técnicos Superior de 2.ª Classe Conteúdo da Provas
Admitidos De acordo com o n.º 1 do artigo 17.º, do Decreto Presidencial n.º 102/11 de 23 de Maio, o con-
• Edson António Prado teúdo das provas, das entrevistas ou do exame psicológicos atendem às seguintes componetes:
• Ernesto Miguel Afonso Pedro
• Noções gerais sobre a Organização da Administração Pública;
• Genésio dos Santos César Muteca
• Questõs específicas sobre a área que pretende trabalhar e outras relacionadas com as habi-
• Nicolau Agostinho Franque
litações literárias ou profissionais;
• Ruth Edsan B. N. Xavier
• Simão Kimbango Paulo dos Santos • Questões de ética, deontologia profissional e cultura geral.
• Teresa das Dores António Ndala
Faculdade de Economia da Universidade Mandume Ya Ndemufayo, 05 de Junho de 2019.
Obs: os candidatos supracitados deverão entregar com urgência no máximo de cinco (5) dias
os seguintes documentos: Atestado Médico; Registo Criminal; Atestado de Residência e O Presidente do Júri
duas (2) fotografias. César Fernando Reis.- Ph.D
Carreira Técnica Prof. Caledrático
(500.869a)
REGIÕES Terça-feira
9 de Julho de 2019 23
PARTOS CASEIROS NO HUAMBO

até este mês, a morte de 247

Mais de 100 crianças têm VIH-Sida crianças, e atendeu 35 mil


pacientes, com diversas pato-
logias, entre as quais 6.405
foram internados. Em 2018,
em período análogo, morre-
Responsável da Pediatria diz que o número alarmante de crianças seropositivas deve-se à resistência ram na instituição 391 crian-
de muitas mulheres em aderirem às consultas pré-natais e a preferência por terem o bebé em casa ças e 6.174 foram internadas.
Foram registados 1.855 casos
de malária, 1.769 de foro res-
Tatiana Marta / Huambo KINDALA MANUEL | EDIÇÕES NOVEMBRO piratório agudo, 1.338 de diar-
reicas agudas e 265 de anemia
O Hospital Pediátrico do severa. Raquel Catequissa
Huambo diagnosticou, de assegurou que o Hospital tem
Janeiro ao início do mês em medicamentos e materiais
curso, 121 casos de HIV-Sida gastáveis suficientes para
em crianças dos seis meses administrar aos pacientes
aos 14 anos, cujas mães tive- internados. Tem igualmente
ram o parto sem a assistência anti-retrovirais para atender
das autoridades sanitárias, as 121 crianças seropositivas
pelo que não foram subme- que assiste regularmente. “Aos
tidas ao corte de transmissão doentes que não apresentam
vertical, que impede o con- casos clínicos graves são-lhes
tágio do HIV-Sida da mãe receitados fármacos que
para o filho. adquirem na farmácia externa
A informação foi prestada do Hospital e orientados a
ao Jornal e Angola pela chefe fazerem o tratamento ambu-
de Departamento de Pedia- latório”, frisou.
tria do hospital, Raquel Cate- A responsável disse estar
quissa, que revelou que, com- preocupada com a situação de
parativamente ao ano pas- alguns doentes internados,
sado, houve uma diminuição cujas famílias não têm possi-
de 51 casos de crianças sero- bilidade de adquirir medica-
positivas, “graças às cam- Número de crianças infectadas com VIH-Sida na província do Huambo diminuiu consideravelmente este ano mentos nas farmácias externas.
panhas de sensibilização” O Hospital Pediátrico do
promovidas pelo Ministério Huambo conta com 197 camas.
da Saúde, que apelam às mu- tados positivos”, disse a chefe lamentou, “que ainda resis- guem ao Hospital Pediátrico devido ao elevado número O seu funcionamento é asse-
lheres grávidas a aderirem às de Departamento de Pedia- tem e rejeitam efectuar as com malnutrição e diarreia, de crianças que estão a nascer gurado por uma equipa cons-
consultas pré-natais. tria, acrescentando que ”as consultas pré-natais, insis- os quais, imediatamente sub- com esta doença. tituída por dez médicos de
“As campanhas,que visam pessoas estão a reforçar a tem realizar os partos em metidos aos exames médicos nacionalidades angolana, russa,
sensibilizar as mulheres grá- adesão à realização do teste casa, sem possibilidades de são, na maioria dos casos, Balanço cubana e vietnamita. Tem 63
vidas sobre as vantagens de voluntário e ao tratamento se efectuar o corte de trans- diagnosticados com VHI- O Hospital Pediátrico do técnicos de enfermagem, 14
terem os bebés em unidades com anti-retrovirais”. missão vertical, fazendo com Sida”, disse a responsável, Huambo, segundo a respon- catalogadoras e 23 funcionários
sanitárias, têm trazido resul- “Há mulheres grávidas”, que os recém-nascidos che- que manifestou preocupação sável, registou, de Janeiro dos serviços gerais

EM MENONGUE E NO CUCHI DINHEIROS DO PIIM

Empresas chinesa e angolana vão gerar, numa primeira


fase, 25 postos de trabalho
directos, um número que
Nharea vai ter novas
fazem prospecção de cobre
pode aumentar de acordo
com os resultados. Os habi-
tantes das regiões têm de
estradas e edifícios
participar activamente no
êxito do projecto, pois será José Chaves |Nharea mária com sete salas de aula
EDIÇÕES NOVEMBRO
uma mais-valia para o desen- na povoação de Catacala.
Carlos Paulino | Menongue volvimento socioeconómico Vai ser reabilitado ainda
da província ”, disse. O município de Nharea, pro- o Hospital Municipal e cons-
víncia do Bié, vai beneficiar truída uma quadra desportiva
Um projecto de prospecção Província privilegiada de 10 projectos para a cons- na sede municipal. Maria Chi-
de cobre nos municípios de Por sua vez, o director nacio- trução e reabilitação de infra- capa disse que o orçamento
Menongue e Cuchi foi apre- nal dos Recursos Minerais, estruturas, no âmbito do Plano para estes trabalhos está esti-
sentado ontem aos membros André Neto, explicou que o Integrado de Intervenção nos mado em mais de mil milhões
do Governo da província do projecto faz parte do Plano Municípios (PIIM), anunciou de kwanzas.
Cuando Cubango pelos téc- de Desenvolvimento do Sec- a administradora municipal O Plano congrega propostas
nicos do Ministério dos Recur- tor Mineiro para o quinqué- , Maria Chicapa. de necessidades, de iniciativa
sos Minerais e Petróleos. nio 2017/2022. Disse que o A responsável avançou dos municípios, ajustadas às
O projecto, que vai abran- Cuando Cubango tem muitos que serão construídos no prioridades locais e aos anseios
ger uma área de 505.516 hec- recursos minerais, “mas deve município duas escolas de da população.
tares, está avaliado, para a pri- ser feito um trabalho de pros- 12 salas cada, vão ser reabi- Com uma execução de 18
meira fase, em cinco milhões pecção para se saber a locali- litadas e terraplanadas várias meses, o PIIM traz como ino-
de dólares, e vai ser executado zação, quantidade e qualidade estradas na sede municipal vação a utilização de tablets,
pela empresa chinesa “Gene- destes recursos”. e nas comunas de Caieie, para a informação atempada
ral Mining”, que é a parte in- André Neto disse que, Dando e Gamba. Vai ser cons- da execução física dos projectos
vestidora e vai fazer parceria segundo grandes teóricos, truído ainda um centro de que será financiado com os
com a concessionária Fer- em 100 projectos de pros- saúde com capacidade para recursos do Fundo Soberano
rangol, como representante pecção pelo menos dez trans- 30 camas e uma escola pri- de Angola (FSDEA).
do Governo angolano. formam-se em minas de
JOSÉ CHAVES | EDIÇÕES NOVEMBRO
O administrador da Fer- exploração. “Por este facto,
rangol para a área de Prospec- a Ferrangol em parceria com
ção e Produção, João Chimuco, Menongue e Cuchi têm grandes reservas de cobre a empresa General Mining
disse que os trabalhos de pes- vai fazer o levantamento do
quisa vão arrancar nos próxi- cobre existente em Menon-
mos dias e têm como objectivo da Ferrangol vão envidar ger um levantamento pro- gue e no Cuchi para se saber
principal efectuar estudos esforços para que este tempo fundo das minas de cobre até que ponto este minério
topográficos, geofísico e quí- seja reduzido”. existentes nos municípios pode ser utilizado no sector
mico, para a confirmação ou O responsável fez saber de Menongue e Cuchi, tendo industrial”, disse, para acres-
descoberta de minas de cobre. que a Ferrangol, nesta em- em conta que são localida- centar: “O Cuando Cubango
João Chimuco disse que preitada, vai essencialmente des que têm grande poten- tem grande vantagem por
“geralmente os trabalhos dar suporte técnico em função cial no sector mineiro, de ter a linha férrea de Moçâ-
de prospecção deste tipo de da sua experiência de pes- acordo com a carta de recur- medes (CFM), pois terá faci-
projecto decorrem durante quisa e produção de recursos sos minerais de Angola. lidade de escoamento dos
um período de dois anos ou minerais. João Chimuco disse que produtos minerais que são
até dez anos, mas os técnicos A prospecção vai abran- os trabalhos de prospecção explorados na província”. Novas infra-estruturas melhoraram o panorama de Nharea
24 Terça-feira
9 de Julho de 2019

PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DO ENSINO SUPERIOR, CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO

CONCURSO PÚBLICO N.º 03/2019

O Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação vem, tornar público, nos termos do
disposto no n.º 1 do artigo 69.° e do Anexo VI, da Lei n.º 06/ 16, de 16 de Junho de 2016 - Lei dos
Contratos Públicos, que está aberto o Concurso Público para "o fornecimento do ponto electró-
nico para os funcionários do edifício sede do Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecno-
logia e Inovação".

DADOS DA ENTIDADE PÚBLICA CONTRATANTE (EPC)


1. Designação (UO/ OD): Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação
2. Morada: Rua do Mat, Complexo Administrativo Clássicos de Talatona, Edifício N.º 2, 5.º Andar,
Luanda - Angola
3. Telefone: 00244 916 337 665
4. Horário de funcionamento: 8h às 15h30

INFORMAÇÕES RELATIVAS AO CONTRATO


5. Objecto do Concurso: O presente concurso destina-se ao fornecimento de ponto electrónico
para os funcionários do MESCTI, no edifício sede do Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tec-
nologia e Inovação.
6. Local de realização dos bens: Os serviços serão realizados na sede do MESCTI, sito na Rua
do MAT, Complexo Administrativo Clássicos de Talatona, Edifício n.º 2, Rés-do-Chão.
7. Contrato: O presente concurso é sujeito a contrato escrito. A assinatura do contrato tem lugar
nos 5 (cinco) dias subsequentes à comunicação da adjudicação.
8. Prazo de Execução dos Trabalhos: Os serviços deverão ser executados num máximo de um
mês a contar da data de assinatura do contrato, prorrogáveis mediante condições acordadas pelos
contraentes.

INFORMAÇÕES RELATIVAS AOS CONCORRENTES E ÀS PROPOSTAS


9. A proposta deve ser acompanhada da seguinte informação e documentos habilitantes:
a) Declaração, nos termos do Anexo B, onde consta indicação da denominação social, Número de
Identificação Fiscal (NIF), sede, sucursais que devam estar envolvidas na execução do contrato, nomes
dos titulares dos seus órgãos de administração, direcção ou gerência e de outras pessoas com poderes
para a obrigarem, Registo Comercial ou equivalente, tratando-se de pessoas colectivas;
b) Certificados de Registo Criminal dos representantes legais da sociedade;
c) Certificado de Registo Estatístico;
d) Cópia autenticada dos Documentos de Arrecadação de Receitas (DAR); (500.789)
e) Certidão Contributiva original ou cópia autenticada – Emitida pelo Instituto Nacional de Segurança
Social (INSS);
f) Certidão Fiscal original ou cópia autenticada – Emitida pela Repartição Fiscal;
g) Comprovativo da entrega da declaração fiscal mais recente;
h) Modelo de declaração de ausência de impedimentos por parte do concorrente conforme modelo
constante do Anexo C;
i) Declaração de autorização de pesquisa de informação, de acordo com o modelo constante do
Anexo D;

10. Propostas Variantes: No presente Procedimento não são admitidas propostas variantes.
11. Caução Provisória: É dispensada a prestação da caução provisória de manutenção da proposta
no presente "Concurso Público”.

CRITÉRIO DE ADJUDICAÇÃO
12. Critério de adjudicação: A avaliação é feita de acordo com o critério do preço mais baixo (55%)
e a melhor proposta técnica (45%) dentre as propostas que respeitem as especificações técnicas
requeridas.
13. Obtenção dos documentos do concurso: Os documentos relativos ao presente concurso, Ca-
derno de Encargos e Programa de Concurso, podem ser obtidos no endereço físico acima mencio-
nado ou por solicitação através do email: pacmescti@gmail.com, no período compreendido entre 4
a 12 de Julho de 2019, das 8h às 15h30.

PROCESSO
14. Prazo para apresentação de propostas: As propostas devem ser apresentadas até às
15horas:30 minutos do dia 9 de Agosto do corrente ano, na sede do Ministério do Ensino Superior,
Ciência, Tecnologia, Inovação, sito na Rua do MAT, Complexo Administrativo Clássicos do Talatona,
Edifício n.º 2, 5.º Andar. Não serão aceites propostas apresentadas fora do prazo definido.
15. Modo de apresentação das propostas: As propostas devem ser apresentadas de acordo com
os requisitos definidos no Programa do Concurso. Não serão admitidas propostas para o forneci-
mento de parte de serviços objecto do presente procedimento, de acordo com as condições definidas
no Programa do Concurso e Caderno de Encargos.
16. Prazo de manutenção das propostas: Os concorrentes ficam vinculados à manutenção das
respectivas propostas pelo prazo de 45 dias.
17. Acto Público: O acto público de abertura das propostas no mesmo endereço de apresentação
de propostas, no dia 12 de Agosto de 2019, pelas 10h:30 minutos, podendo no mesmo intervir todos
os concorrentes devidamente credenciados para o efeito.

INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES
18. Esclarecimentos e informações adicionais: Podem ser solicitadas esclarecimentos sobre os
documentos do concurso até ao dia 5 de Agosto de 2019, através do endereço electrónico:
pacmescti@gmail.com.

19. Os pedidos de esclarecimento serão respondidos, também para o correio electrónico indicado
pelo interessado até ao dia 7 de Agosto de 2019.

O SECRETÁRIO GERAL
NDILU MANKENDA NKULA
(500.853b) (500.865)
Terça-feira
9 de Julho de 2019 25
PUBLICIDADE

(700.054)
26 SOCIEDADE Terça-feira
9 de Julho de 2019

DENTRO DE DOIS MESES SAÚDE

Parque de Cangandala com espaço Malnutrição


no Huambo
mata 73 crianças
para ver a Palanca Negra Gigante em cinco meses
A Palanca Negra Gigante continua a ter uma reprodução estável, que exige o alargamento do actual O número de crianças mortas
espaço reservado, assegurou o director do INBAC, que não avançou o número das espécies existentes por malnutrição severa de
Janeiro a Maio deste ano, na
província do Huambo, aumen-
Mazarino da Cunha | VIGA DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO tou em 30 porcento, em com-
paração ao igual período do
ano anterior.
O espaço vedado de protec- De acordo com declarações
ção da Palanca Negra Gigante, prestadas ontem à ANGOP
no Parque Nacional de Can- pela supervisora de Nutrição
gandala, na província de Ma- no Planalto Central, Cármen
lanje, vai nos próximos meses Adelaide Agostinho Mosso-
estar disponível para visita vela, no período em referên-
pública, anunciou ontem, em cia faleceram 73 crianças, por
Luanda, o director-geral do malnutrição severa, de um
Instituto Nacional da Biodi- total de mil e 341 doentes aten-
versidade e Áreas de Conser- didos pelas autoridades sani-
vação (INBAC). tárias locais.
Aristófanes Pontes, que A supervisora de nutrição
falava à imprensa à margem mostrou-se preocupada com
do seminário sobre “O impacto o aumento de casos prove-
das alterações climáticas nas nientes, na sua maioria, das
áreas de conservação de An- zonas rurais dos municípios
gola, realizado pelo Ministério do Huambo, Caála, Bailundo,
do Ambiente, disse que estão Mungo, Cachiungo e Londuim-
a ser criadas as condições para bali. Lembrou que durante
que o espaço esteja disponível todo ano de 2018, as autoridades
para visita pública. sanitárias haviam registado
Sem avançar números 123 óbitos, de um universo de
sobre a quantidade de Palan- 1632 casos diagnosticados.
cas existentes no Parque Na- Cármen Adelaide Agosti-
cional de Cangandala, em Ma- nho Mossovela apontou o des-
lanje, o responsável afirmou mame precoce do bebé, por
que a espécie continua a ter negligência ou ignorância das
uma reprodução estável, que mães, a carência dos alimen-
exige o alargamento do actual tos, o consumo de produtos
espaço reservado. industrializados ao contrário
Em relação à caça furtiva, Técnicos do Ministério do Ambiente, do PNUD e parceiros debateram temas sobre a preservação da biodiversidade dos naturais e a guarda do
que colocava a espécie em menor por uma outra pessoa,
risco, o director-geral do INBAC como sendo as principais cau-
tranquilizou e garantiu que o permitirá aos técnicos do Angola, referiu o director- jurídicas, materiais, sociais não constituir risco e forçar sas da malnutrição
fenómeno foi controlado pelas Ministério do Ambiente, do geral do INBAC, a biodiversi- e humanas no sentido de evi- as espécies para outras zonas, Deste modo, apelou às mães
autoridades competentes. “A Programa das Nações Unidas dade nacional é considerada tar a danificação do ecossis- muitas das quais fora do ter- a cumprirem com às regras
cada dia que passa, são usados para o Desenvolvimento estável, por isso, há toda neces- tema e, consequentemente, ritório nacional. de aleitamento materno, que
novos mecanismos de controlo (PNUD) e de outros parceiros sidade de melhorar a acção a migração das espécies para Durante o seminário, foram deve ser obrigatório e exclusivo
e acompanhamento da Palanca analisar e prever problemas humana sobre o clima. outras zonas. analisados temas como a nos primeiros seis meses e,
Negra Gigante”. que venham acontecer daqui Vanessa Falkowski apelou “Velocidade Climática”, posteriormente, introduzir
Aristófanes Pontes realçou a 50 anos. Criar condições ao Ministério do Ambiente “Cobertura Florestal”, “Áreas outros alimentos, em prol do
que a realização do seminário Apesar das alterações cli- A oficial de Biodiversidade e à sociedade em geral no de Conservação e Transições desenvolvimento saudável da
sobre “O impacto das alte- máticas que se registam no do PNUD Vanessa Falkowski sentido de prestarem mais do Ecossistema”, “Distribui- criança, que, por sua vez, deve
rações climáticas nas áreas planeta e da seca que afecta disse ser necessário juntar atenção às zonas com maior ção das Espécies” e de “Terras ser amamentada até aos dois
de conservação de Angola”, algumas províncias do sul de esforços e criar condições vulnerabilidade, a fim de Prioritárias”. anos de vida.

VICTOR PEDRO | EDIÇÕES NOVEMBRO | SUMBE


EDUCAÇÃO
assuntos partidários. Admitiu

Sinprof defende salários que tais situações têm con-


tribuído para a má qualidade
do ensino.
Para ele, um sindicalista

diferentes entre professores deve saber ser e estar para ser-


vir de exemplo para os outros,
incentivando, no seio da sua
escola ou local de trabalho,as-
Victor Pedro | Sumbe deixar-se de olhar para o sec- classe, inglês, e que existem siduidade, pontualidade e
tor da Educação como um docentes do 6º escalão colo- dedicação. Lembrou que o
O Executivo deve considerar enteado que sobrevive de cados na área administrativa. exercício sindical é fortalecido
e fazer constar o tempo de migalhas ou restos dos outros. “Temos ainda professores na base e dentro dos pressu-
serviço dos professores na O responsável diz não en- sem horário e que recebem postos da lei e da Constituição
tabela salarial, para diferenciar tender o porquê que a verba salários. Outros recebem guias da República, o que só é pos-
os que estão prestes a concluir destinada ao sector da Edu- de marcha com dados con- sível com um professor moti-
a carreira de quadros dos que cação continua a ser baixa. traditórios. Os docentes devem vado para exercer a cidadania, Novos membros do sindicato dos professores do Cuanza-Sul
ingressam, pela primeira vez, Admitiu que o Sinprof vai con- deixar a vaidade e a arrogân- como sendo parte básica da
no sector da Educação. tinuar a defender a liberdade cia de lado, pois devem pas- democracia. Manuel Joaquim Kalundo, para aquilo que foram os
A posição foi defendida pelo sindical e o direito à greve, on- sar a dialogar e a ouvir mais, Guilherme Silva pediu que substituiu no cargo o pro- desafios do sindicato na edi-
presidente do Sindicato Na- de os interesses dos professores serem transparentes, exigi- aos delegados presentes para fessor Celestino Kalembe ficação dos secretariados
cional de Professores (Sin- e de alunos, em busca melho- rem rigor no trabalho e deter- aprimorarem os conheci- Lutukuta, garantiu dar con- municipais e os represen-
prof) Guilherme Silva, durante res condições de trabalho e minação”, notou. mentos sobre o uso das novas tinuidade ao programa do tantes comunais.
o encerramento VI assem- remuneração, serão o cavalo O presidente do Sinprof tecnologias, para facilitar a seu antecessor, relativamente Como desafio, anunciou
bleia provincial de renova- de Tróia. pediu aos delegados e gestores comunicação e a informação aos processos que decorrem a construção, ainda este ano,
ção de mandatos do secre- Durante a sua intervenção, escolares no sentido de com- entre os secretariados e os entre o Sinprof e o Gabinete do centro de saúde para os
tariado, realizado na sexta- o presidente do Sinprof refe- baterem os técnicos que pos- associados. Provincial da Educação, Ciên- professores filiados no Sinprof
feira no Sumbe, província do riu-se aos problemas de pro- suem certificações duvidosas cia e Tecnologia. e outros projectos que vão
Cuanza-Sul. fessores com um e dois tempos e os docentes que contratam Novos secretário Manuel Joaquim Kalundo reger o mandato ora assumido.
Guilherme Silva defendeu lectivos semanais, que são for- outros para darem aulas no do Sinprof fez saber que o momento é O Sindicato de Professores
a necessidade de definir-se mados em Gestão de Empresas, seu lugar ou que confundem O novo secretário provincial de consolidar as acções até no Cuanza-Sul controla mais
políticas públicas sociais e mas leccionam a iniciação, 1ª o sector da Educação com do Sinprof no Cuanza-Sul, aqui conquistadas, ao olhar de 10 mil filiados.
SOCIEDADE Terça-feira
9 de Julho de 2019 27
PRIMEIROS SOCORROS CIDADE DO SEQUELE
DR
ROUBO DE CABOS ELÉCTRICOS
Professores
capacitados Baía de Luanda
No âmbito do Programa de
Formação Permanente do Ins-
tituto Nacional de Emergências
Médicas de Angola (Inema),
está sem energia
os professores do I e II ciclo Larápios furtaram, na noite de sexta-feira, as
do ensino deverão ser capa- barras de cobre que sustentam um equipamento
citados sobre primeiros socor- de transformação de electricidade, deixando a
ros, num ciclo de formação Baía de Luanda sem iluminação pública.
que deverá arrancar ainda este Em declarações à Angop, o porta-voz da Empresa
ano na província de Luanda. Nacional de Distribuição de Energia (ENDE), Pedro
A informação foi prestada Bila, disse que a remoção das barras provocou a
à Angop, pelo coordenador queda do equipamento e lembrou que a vandalização
do Centro de Formação Per- ocorreu por volta das 22 horas nas proximidades
manente do Inema, Aníbal do Porto de Luanda, distrito da Ingombota, município
Monteiro, à margem de um de Luanda.
curso de capacitação de 20 De acordo com o responsável, até ao momento,
funcionários de apoio da Clí- não há previsão de reposição do equipamento e a
nica 29 de Novembro, que iluminação está a ser feita por fontes alternativas. A maioria das vítimas é do sexo feminino, à semelhança dos casos anteriores de desmaio
terminou neste fim-de- Em Agosto de 2018, a Baía de Luanda ficou às escuras,
semana, em Luanda. depois de terem sido roubados posto de transformação
EDMUNDO EURICO | EDIÇÕES NOVEMBRO
(PT), cabos eléctricos e o gerador que assegurava
a iluminação da Marginal da capital angolana.
O furto deixa a via do Porto de Luanda até à
entrada do bairro da Ilha do Cabo às escuras.
Novos casos de desmaio
Por outro lado, as obras de construção das
subestações dos distritos Vila Verde e Mundial,
no município de Belas, em Luanda, encontram-
se em 85 e 90 por cento do grau de execução física,
prevendo-se a sua conclusão e inauguração para
foram registados ontem
o próximo mês. As obras vão beneficiar cerca de Pereira Dinis das salas estava em aulas. Alu- bém recolhidas amostras de
50 mil famílias dos bairros da Zona Verde, Salinas, nos contactados pelo Jornal de sangue e saliva para a conti-
Tendas e do Mundial. Angola disseram que entraram nuação do processo de aná-
Pedro Bila disse que as subestações deviam ser Depois de terem desmaiado, em pânico quando viram lises laboratoriais.
concluídas e inauguradas em Dezembro de 2018, na sexta-feira, 226 alunos de colegas a perder os sentidos. “Os técnicos de saúde estão
em breve, entram em fase de ensaios. uma escola da cidade do Carlos Pedro e Salvador a fazer a sua parte, daí ser
O projecto financiado pela Linha de Crédito da Sequele, município de Cacuaco, Carlos estavam no corredor necessário que os de outras
China (LCC) iniciou em 2016, foi repartido pelos província de Luanda, o fenó- quando quatro colegas de áreas, como a Construção
municípios de Luanda, Viana, Belas, Kilamba meno regressou, ontem, à urba- turma caíram desamparados Civil, possam dar a sua opinião
Kiaxi, Talatona, Cazenga, Icolo e Bengo e Cacuaco, nização com o registo de 96 e saíram a correr à procura sobre o material ou coisa pare-
num total de nove subestações de 60/15 kv e 60/30 casos, já em três escolas. de ajuda. “Era horário de aulas cida utilizada na construção
kv. A isto, junta-se ainda a colocação de mil postos Curiosamente, a maioria e quase ninguém estava nos dos complexos escolares”,
de transformação (PT), construção de linhas de das vítimas é do sexo femi- corredores e no pátio”, contou sugeriu a médica.
alta tensão, montagem de contadores pré-pagos nino, à semelhança dos casos Carlos Pedro, ainda visivel- Tal como na passada sexta-
monofásicos e trifásicos. anteriores de desmaio ocor- mente emocionado. feira, ontem não se falava de
ridos na província de Luanda, Encarregados de educação outra coisa na cidade do
Iniciativa do Inema facilita desde 2009. de alunos disseram estar “agas- Sequele, tendo o assunto “des-
cuidados primários de saúde Os desmaios de ontem, tados com episódios de des- maio” dominado as conversas
ÚLTIMO FIM-DE-SEMANA EM LUANDA alguns dos quais registados maios sucessivos” e insistiram nas escolas locais, no próprio
AGOSTINHO NARCISO | EDIÇÕES NOVEMBRO na escola onde perderam os na necessidade de as autori- Centro de Saúde e no mercado,
Acrescentou que o ciclo sentidos na sexta-feira 226 dades falarem sobre o que se que está junto à escola.
de capacitação está abranger alunos, ocorreram quando passa de concreto nas escolas.
pessoas não ligadas à saúde, passavam poucos minutos “É altura de alguém dar Medidas de prevenção
para permitir que um bom das 08h00 da manhã. uma explicação sobre o que Como medida de prevenção,
número de cidadãos esteja As vítimas ficaram desa- está a acontecer de concreto”, as aulas nas três escolas da
munido de manobras fáceis cordadas dentro de salas de d e f e n d e u J o s é Ma n u e l , cidade do Sequele e a activi-
que os permita socorrer sinis- aula, nos corredores e pátios fazendo o seguinte desabafo: dade no mercado do Sequele
trados até à chegada de téc- das escolas do I e II ciclos “se eu tivesse um bom salário foram suspensas, medida que
nicos especializados do Padre Ernesto Rafael (4078) tirava a minha filha desta extensiva às aulas do período
Inema no local do acidente. e Padre Inácio Tambu (4073) escola pública”. da tarde e noite.
Deverão ainda beneficiar e no Instituto Médio de Saúde, Uma médica, que falou O encerramento do mer-
da formação, trabalhadores em actividade no edifício em nome da direcção clínica, cado foi aproveitado pela
de instituições públicas e onde também funciona o disse que as causas dos des- direcção para a realização de
privadas, cuja natureza aglo- Centro de Saúde de Referência maios vão ser apuradas depois uma campanha de limpeza
mera acima de mil pessoas, do Distrito Urbano do Sequele. da conclusão do processo de e desinfestação.
como supermercados. As vítimas foram assistidas análises às amostras de sangue “A situação não é para
“Em locais com grande pela unidade sanitária depois e saliva. menos, porque é uma questão
afluxo é importante que Estradas da capital continuam a criar a dor e o luto às famílias de terem sido transportadas “Até ao momento, está de saúde pública e os encar-
hajam elementos capazes por professores, colegas e por confirmado que nada de grave regados de educação estão
de socorrer pessoas se por técnicos do Serviço de Pro- aconteceu aos alunos”, asse- preocupados com toda a
acaso houver um sinistro,
ou mesmo em caso de um
acidente rodoviário, até che-
14 mortes registadas tecção Civil e Bombeiros.
Os desmaios ocorreram
numa altura em que a maioria
gurou a médica, acrescen-
tando que, relativamente aos
casos de ontem, foram tam-
razão”, reconheceu a técnica
de saúde que falou ao Jornal
de Angola.
gar a equipa do Inema”, disse.
Entretanto, o ciclo de for-
mação visa dotar de conheci-
em acidentes de viação
mentos e técnicas de primeiros André da Costa irregulares, excesso de velo- MINISTÉRIO DO INTERIOR
socorros à pequenas ou grandes cidade e falta de precaução e,
organizações da sociedade, Catorze pessoas morreram lembrou que, das ocorrências,
essencialmente, para permitir
que o acometido tenha logo a
seguir um atendimento pri-
e 23 outras ficaram feridas,
em consequência de 25 aci-
dentes de viação ocorridos
resultou em danos materiais
avaliados em mais de 17 milhões
de kwanzas. Ainda durante o
Governo Provincial de Luanda
mário até a chegada dos ser-
viços especializados.
“Anatomia do corpo hu-
no último fim-de-semana
em vários municípios e dis-
tritos da província de Luanda,
período em causa, a Polícia de
Trânsito aplicou 277 multas a
automobilistas por terem violado
pode ter gestão dos semáforos
mano”, “Biossegurança”, informou ontem o oficial de as normas previstas no Código O Ministério do Interior pre- De acordo com um comu- namente, os semáforos da
“Aspectos Básicos dos pri- informação do Gabinete de de Estrada. Também foram tende entregar a gestão da nicado do Gabinete de Comu- cidade sejam restaurados e
meiros socorros”, “Emergên- Comunicação Institucional apreendidas duas viaturas e plataforma de funcionamento nicação Institucional e Imprensa entrem em funcionamento.
cias médicas” e “Emergências e Imprensa do Comando Pro- mais 74 motorizadas por diversas dos semáforos da cidade ao do Ministério do Interior, que Num encontro realizado
relacionadas ao ambiente”, vincial da Polícia Nacional. infracções ao Código de Estrada, Governo Provincial de Luanda à Angop teve acesso, a dívida na sexta-feira e orientado pelo
são os temas a serem minis- O inspector Euler Matari falta ou caducidade de docu- (GPL) e a Polícia Nacional. com a empresa privada, que secretário de Estado do Inte-
trados aos formandos, cujos esclareceu que os acidentes mentos. O oficial informou que O sistema é actualmente inviabilizava o funcionamento rior, Salvador Rodrigues, ficou
instrutores são profissionais ocorreram por desrespeito às o Serviço de Emergência regis- da responsabilidade da em- dos sinais luminosos, está pra- orientado que técnicos das
do Inema, afectos ao Minis- normas previstas no Código de tou, no final de semana, 229 presa privada de telecomu- ticamente regularizada, o que três partes analisassem o pro-
tério da Saúde. Estrada, como ultrapassagens solicitações de intervenção. nicações Vlatacom. tem permitido que, paulati- cesso de transferência.
28 Terça-feira
9 de Julho de 2019

PUBLICIDADE

MINISTÉRIO DO ENSINO SUPERIOR, CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO


UNIVERSIDADE KATYAVALA BWILA
FACULDADE DE DIREITO
Telefone 222744269/ 929974368/ 992894305
Complexo da Cambanda Benguela – Angola

COMISSÃO DE JÚRI DO CONCURSO PÚBLICO 2019

PUBLICAÇÃO DO RESULTADO DA PROVA DOS CANDIDATOS AO CONCURSO PÚBLICO DE INGRESSO NO REGIME GERAL

Em conformidade com o Despacho n.º 41/R-UKB/2019 de 26 de Março, e 29/R-UKB de 11 de Fevereiro, do Magnífico Reitor da Universidade Katyavala Bwila, bem
como o Edital n.º 001/DSRH-VRAG/UKB/19 de 29 de Março, dos Serviços de Recursos Humanos da Universidade, relacionados com a abertura do concurso público,
publica-se o resultado da prova escrita ao regime geral aprovados e não aprovados.

CANDIDATOS À CATEGORIA DE TÉCNICO SUPERIOR DE 2.ª CLASSE CANDIDATOS A ASSISTENTE ESTAGIÁRIO

N/0 NOME COTAÇÃO RESULTADO N.º Nome Completo Categoria Resultado


01 Felisberto Cláudio dos Santos 16,5 Valores Aprovado 1. Alberto Xavier Soma Meneses Assistente Estagiário Admitido
02 João Baptista 12 Valores Não Aprovado 2. Eugénio Francisco Marcolino Assistente Estagiário Admitido
03 Marta André Figueira Dias da Cunha 16,5 Valores Aprovada 3. Faustino Joaquim Araújo Assistente Estagiário Admitido
4. José Alberto Lufungula Assistente Estagiário Admitido
CANDIDATOS À CATEGORIA DE TÉCNICO DE 3.ª CLASSE 5. José Américo Jobino Assistente Estagiário Admitido
01 José Pacheco Caconda 16 Valores Aprovado 6. Manuel Graça Manjolo Assistente Estagiário Admitido

02 Yolanda Albertina Machado Muenho 12,5 Valores Não Aprovada 7. Osvaldo Kidi Cambundo Assistente Estagiário Admitido
8 Pedro Mutchinda Assistente Estagiário Admitido

Benguela, 14 de Junho de 2019 9 Abel Cláudio do Rosário Sapenga Assistente Estagiário Não Admitido
10 Admar Paulo Sangoi Kalueyo Assistente Estagiário Não Admitido
11 Amélia Ruth Sandrauca Francisco Assistente Estagiário Não Admitido
A Comissão de Júri
12 André Camilo Costa Assistente Estagiário Não Admitido
13 António Albuquerque Domingos Soares Assistente Estagiário Não Admitido
Prof. Doutor Lourenço F. Kambalu - Presidente
14 António Calufele Sapalo Assistente Estagiário Não Admitido
Lic. Hernani Martinho de Melo – Vice Presidente
15 António Manassés Eduardo Fernando Assistente Estagiário Não Admitido
Lic. Eugénia Vaitiára P. Amado das Neves - Vogal
16 Augusto Pacheco Nguenda Francisco Assistente Estagiário Não Admitido
Lic. Carina Andreia da Conceição Fernandes Jerónimo - Vogal
17 Avelino Chimuku Kalungo Assistente Estagiário Não Admitido
18 Benjamim Chikete Sousa Fonte Assistente Estagiário Não Admitido
LISTA DE CLASSIFICAÇÃO FINAL
19 Daniel Hossi Chitumba Daniel Assistente Estagiário Não Admitido
20 Dilson Agnaldo Cupenala Assistente Estagiário Não Admitido
Cumpridos todos os pressupostos estabelecidos para o concurso público, o júri, constituído 21 Dinis Geraldo Sabino Assistente Estagiário Não Admitido
pelo Despacho do Magnífico Reitor N.º 43/R-UKB/2019 de 29 de Março, reuniu-se no dia 22 Eugénio Kananga Kalukembe Assistente Estagiário Não Admitido
6 de Junho de 2019 e deliberou o seguinte: 23 Fonseca Machado Bilo Assistente Estagiário Não Admitido
24 Franklin Chilondo Santureira de Morais Assistente Estagiário Não Admitido
CANDIDATOS A PROFESSOR AUXILIAR 25 Galiano Caputo Kayombo Assistente Estagiário Não Admitido
26 Isabel HetyHotalala Assistente Estagiário Não Admitido
N.º Nome Completo Categoria Resultado 27 Itelvina de Carvalho Correia Pereira Assistente Estagiário Não Admitido
1 Francisco Isaac Jacob Professor Auxiliar Admitido 28 João Luís Abreu Campina Miguel Assistente Estagiário Não Admitido

2 Henrique Tomás Lumango Professor Auxiliar Admitido 29 José Canuela Filipe Assistente Estagiário Não Admitido

3 Nsingi Jorge Weber Professor Auxiliar Admitido 30 Maria Imaculada Miguel Vilombo Assistente Estagiário Não Admitido
31 Moisés Caiango Sanjongo Sachilombo Assistente Estagiário Não Admitido

CANDIDATOS A ASSISTENTE 32 Osvaldo Adão Cordeiro Domingos Assistente Estagiário Não Admitido
33 Sónia Maria de F. A. Barros do Rego Assistente Estagiário Não Admitido
34 Trindade Matias Chitunda Tchikweyeye Assistente Estagiário Não Admitido
N.º Nome Completo Categoria Resultado
35 Vicente Kanga dos Santos Neto Assistente Estagiário Não Admitido
1. Ângelo Major da Silva Denho Assistente Admitido
2. Belchior do Rosário Loya e Sapuile Assistente Admitido
Benguela, aos 6 de Junho de 2019
3. Ditwavava João Gonçalves Assistente Admitido
4. Eduardo Bento Assistente Admitido
A comissão de Júri
5. Eunice Cristóvão Gaspar Assistente Admitido
6. Zeferino Lumbue Pataca Assistente Admitido
Lourenço Flaviano Kambalu (Professor Associado) – Presidente
7. Abel Feliciano Severino Chicunha Assistente Não Admitido
Sónia Cristina Cardoso dos Santos Silva (Professora Auxiliar) – Vice-Presidente
8. Boaventura Tomás Rodrigues Assistente Não Admitido Mário Quintas (Professor Auxiliar) – Vogal
9. João Tobias Cunha Assistente Não Admitido Paulino Lukamba (Professor Associado) – Vogal
10. Peterson Higino Marcelino Maneco Assistente Não Admitido
(9.106)
CULTURA Terça-feira
9 de Julho de 2019 29
NOVOS TRABALHOS FASE PROMOCIONAL

Karina Santos Cantor Jojó Gouveia


prepara CD de estreia
regressa Kindala Manuel a trabalhar com Ricardo Cam-
pos (baixo), Apolinário (bate-

aos projectos
Autora de “Sangue Bom” está a preparar um CD
O músico Jojó Gouveia disse,
ontem, em Luanda, que está a
trabalhar no lançamento do
seu primeiro CD no mercado,
ainda sem data de estreia, devido
ria), Alex (contra baixo),
Yasman (percussão) e Teresa
(coro). Além destes artistas,
Jojó Gouveia está a trabalhar
também com a Banda H2O e
mais maduro e de melhor qualidade técnica à falta de condições financeiras. conta com o apoio técnico dos
e artística na B. Max Produções O autor de “Recado”, tema produtores Lusito Congo, Danji
que conquistou o mercado o José, Rei Weba e Mister Oliveira.
ano passado, adiantou estar Com convites para participar
Manuel Albano balhar com alguns dos nomes actualmente mais focado na em digressões internacionais,
mais sonantes da actualidade, promoção das suas músicas, que passam por Portugal e Fin-
Seis anosdepois de estar afas- como Lutchana e Livongh. de forma a aproximar o seu lândia, o músico disse estar
tada dos palcos, a cantora Muito conhecida no mer- trabalho dos fãs e ter um indeciso quanto a sua ida, por
Karina dos Santos disse, cado pelo sucesso do tema espaço credível aquando da questões financeiras, uma vez
ontem, em Luanda, “Sangue Bom”, a cantora disse apresentação do CD. que tem feito alguns espectá-
que está a preparar que decidiu mudar de pro- Para o músico, que está a culos para poder custear a pro-
o seu regresso ao dutora, tendo deixado a Xicote trabalhar com a empresa VIP dução dos temas do futuro CD.
mercado Produções para regressar à B. Music Produções para o lan- Antigo integrante do grupo
dis- Max Produções, que conhece çamento do CD, nesta nova Dji-Unido, ao lado de Nário
cográfico muito bem e com a qual já era tecnológica, é preciso Sá Pinto, Lusito Congo e Velho
nacional, trabalhou antes em “Só Pra haver uma grande aposta na Panzo, Jojó Gouveia começou
com temas que Mim” (2006) e “Pura Ango- imagem dos artistas. “É preciso a sua carreira em 1996. Ainda
mostram muito do lana” (2012). que o músico seja bem conhe- sem um disco no mercado, o
actual amadureci- A mudança, explicou, é a cido do público, caso queira cantor prima por temas no
mento. sua resposta para poder apre- impor-se no actual mercado estilo zouk, kizomba e semba.
A cantora, que fez sentar aos fãs uma linha nacional”, disse. Ao longo da sua carreira, par-
a sua estreia no mer- temática diferente no seu Actualmente em estúdio a ticipou em vários concursos
cado em 2006 com o próximo CD, mais maduro e gravar dois temas, “Matrimó- musicais, com destaque para
disco “Só Pra Mim”, espelhado na sua actual rea- nio” (bolero) e “Tenho Medo” o Festival da Canção da LAC
esclareceu que nunca lidade. Doravante, contou, (zouk), o músico disse estar e o Feskizomba.
esteve afastada na tota- quer dar aos fãs trabalhos DR
lidade da música, apesar com melhor qualidade de
de ter dado mais atenção, produção acústica e melódica.
nos últimos anos, à ques- “Regresso muito mais adulta,
tão da maternidade e à continuo a ser a mesma can-
consolidação de projectos tora do ‘Sangue Bom’, porém,
familiares. com muita experiência.”
Como uma das grandes Nascida em 1985, Patrícia
apostas da B. Max Produções Karina dos Santos da Piedade
deste ano, a cantora informou iniciou-se na música ainda
ao Jornal de Angola que tem criança, mas só começou a
já prontos dois temas promo- despontar por altura da sua
cionais, “Que Moço É Esse” participação nos concursos
e “Que Deus Perdoe”. Para de imitação Estrelas ao Palco
dar mais qualidade ao seu e Festival da Canção, realizados
próximo projecto, Karina San- em 2004, pela Rádio Luanda
tos adiantou que pretende tra- Antena Comercial (LAC).

Após anos de experiência artista quer conquistar o mercado

ANGOLA E BRASIL

Artistas aumentam intercâmbio FORTE DA QUISSALA

Construções anárquicas
para o fomento da cultura ameaçam o património
O reforço do intercâmbio gratuitas para as comuni- O projecto da Globo da cultura africana no Brasil,
entre artistas angolanos e dades, nos municípios do Dikulo prevê ainda a rea- tarefa que desenvolvem O aumento de construções ao local. O director lamentou
brasileiros é o foco da II Cazenga e Cacuaco, em lização de espectáculos de com base na Lei de Incen- de moradias à volta do Forte ainda o facto de, em 2006,
edição do projecto de coo- Luanda, assim como na dança e música, assim como tivo à Cultura, do Brasil. da Quissala, a quase seis a administração local ter
peração entre os dois paí- Barra do Dande, no Bengo, o lançamento de livros e a Entre a ideia de cons- quilómetros da cidade do aberto um mercado informal
ses, aberto no domingo, no Bailundo, no Huambo, realização de seminários trução e massificação de Huambo, está a colocar em na zona, frequentado por
em Luanda, que este ano e na cidade de Benguela. sobre marketing pessoal e múltiplas artes e da cultura risco a preservação do refe- quase 10 mil pessoas por dia,
inclui a realização de um O grupo de formadores “coaching” de carreira. africana, o projecto do rido monumento histórico, facto que propiciou a invasão
ciclo de formações, acções brasileiros, que inclui além O II ciclo de intercâmbio colectivo Raízes destaca- com a categoria de patri- dos terrenos nos arredores
sociais e actividades cul- de historiadores, escritores, conta ainda com o apoio se com maior amplitude mónio nacional, informou, do monumento.
turais nas províncias do actores, professores, músi- do Colectivo Ombaka, em em actividades ligadas à ontem, a Angop. O Forte da Quissala é o
Bengo, Benguela, Huambo cos e produtores culturais, parceria com a Banga Arte- literatura, por promover A preocupação foi mani- símbolo da luta de resistência
e na capital. vai ser recebido pela Fun- sanato, de Benguela, os títulos de autores africanos, festada pelo director do Gabi- dos povos nativos contra a
Para ministrarem as dação Globo Dikulo, res- Caçadores de Excelência, bem como incentivar a nete da Cultura, Turismo, ocupação colonial em 1902.
acções de formação, um ponsável pela criação do do Bailundo, a Associação integração cultural dos dois Juventude e Desportos, José Além deste, a província do
grupo de 22 artistas bra- projecto. Durante o período Palancas Negras e o Con- povos, através da divulga- Albano Manuel, que con- Huambo passou a contar,
sileiros está, desde domingo de estadia, os formadores sulado Geral de Angola em ção de políticas públicas e firmou já terem conheci- desde 2016, com mais 10 sím-
na capital, para trabalhar, vão também visitar alguns São Paulo. culturais do Brasil. mento das construções, bolos de património nacional,
em sessões de intercâmbio, locais históricos de Angola. A iniciativa facilita ainda iniciadas em 2012, que são com destaque para o Palácio
com os actores angolanos, A sua agenda de activi- Os formadores o acesso às expressões cul- uma contrariedade à Lei do do Governador, o Forte de
destas quatro províncias, dades inclui ainda a rea- Como membros do colec- turais dos países africanos Património Histórico e Cul- Kandumbu, as Ombalas
assim como fortalecer os lização de uma “roda de tivo Raízes, a maioria dos e contribui com o resgate tural Nacional. Grandes dos cinco reinos do
laços entre os dois países, conversa” com artistas e formadores convidados histórico-cultural de uma Entretanto, adiantou, as Povo Ovimbundo, as pinturas
por meio das suas culturas, produtores culturais das desta edição é parte de um África que não parou com autoridades estão a tentar rupestres de Kaninguili e a
muito parecidas. quatro províncias, aos quais grupo de jovens artistas, o processo da escravatura, encontrar formas de conter Estação Arqueológica do Fety.
Durante a sua estadia, vão ser ministrados cursos académicos e activistas assim como mostra um a situação, através da deli- Por classificar, estão 130
os formadores brasileiros de “Economia Criativa” e africanos residentes no Bra- novo continente africano, mitação da zona de conser- monumentos e sítios, cujo
vão ministrar cursos, pales- sobre a “Criação de Oficinas sil. O seu principal objectivo por meio de artistas ligados vação e a demolição das valor é fundamental para a
tras e apresentações cénicas de Artes”. é a promoção e elevação ao colectivo. residências mais próximas memória colectiva da região.
30 DESPORTO Terça-feira
9 de Julho de 2019

ÚLTIMA JORNADA DO GRUPO A DO MUNDIAL DE HÓQUEI


Breves QUALIFICAÇÃO AOS QUARTOS-DE-FINAL

Angola tenta conservar DESEMPENHO SATISFAZ


EMBAIXADOR ANGOLANO
O embaixador de Angola
Resultado diante da
na Espanha, José Luís de
França mantém sonho
terceiro lugar do grupo Matos, está a seguir
atentamente o evoluir
da Selecção Nacional na
fase preliminar desta
Silva Cacuti | V. i la Geltrú o feito de Montreux e sur-
preenda a equipa da casa, então,
edição do Campeonato A Selecção Nacional sénior a selecção nacional segue para
Encontro com Espanha é de elevado grau de dificuldade do Mundo, que decorre na masculina de hóquei em os “quartos” com distinção.
para o combinado angolano, que pretende chegar à outra fase cidade de Vilanova I La patins conquistou ontem o Como se previa, Fernando
Geltrú, marcando primeiro ponto no Campeo- Fallé mexeu no cinco inicial,
presença no pavilhão para nato do Mundo, que decorre onde lançou Payero e Big.
Amândio Clemente | Vilanova i os pupilos de Fernando Fallé. mente, conseguimos aquilo apoiar os jogadores, em Barcelona, Espanha, Os franceses foram os pri-
la Geltrú Mas, jogadores e equipa téc- que queríamos, que era a vitó- equipa técnica mercê do empate, a três golos, meiros a marcar de penálti,
nica acreditam que nada é ria. Agora, vamos esperar e dirigentes da Federação diante da similar de França, por Carlo Di Benedetto. Saídos
A Selecção Nacional sénior impossível e prometem tudo pelos outros jogos, para ver Angolana de Patinagem. obtida no tempo regulamen- do banco, Nery e Pi deram
masculina de hóquei em patins fazer para honrar e dignificar a conjugação de resultados. Como espectador, fez a tar, embora aos penalties outra dinâmica ao jogo, depois
encerra hoje a sua participação o nome e a bandeira do país. Temos de fazer contas e ver seguinte avaliação do tenha ganho por 1-0. do golo sofrido.
na fase regular do Campeonato Para os angolanos é um jogo o que vai dar”, analisou a desempenho do “cinco” Nos novos moldes de dis- Numa jogada bem urdida,
do Mundo, quando defrontar decisivo para as aspirações na situação da selecção. nacional nas duas puta da competição, impu- João Pinto dá pela desmar-
às 19h00 a Espanha, no pavi- competição, pelo que vão lutar Quanto ao jogo com a Espa- partidas já disputadas: nha-se a marcação de grandes cação de Nery em diagonal,
lhão do Centro Desportivo para contrariar ao máximo o nha disse: “vamos jogar de “Uma viagem de dia penalidades para no caso das junto à baliza adversária,
Municipal Isaac Valdez, em favoritismo dos espanhóis que, uma forma tranquila e esperar ganho. Angola conseguiu duas selecções, integrantes endossou e o avançado, com
partida da terceira jornada do a jogarem no seu reduto apoia- pelo que dá o jogo Itália e hoje um bom resultado. Já do Grupo A, recorrer-se ao ligadura na testa, não se fez
Grupo A. dos pelo público, pretendem Espanha e fazer contas com ontem, com a Itália, esteve método de desempate por via rogado, empatou o jogo.
Uma tarefa gigantesca espera justificar o estatuto com uma o ‘goal average’.” a bom nível, mas não do gol-average. A igualdade durou pouco
o “cinco” angolano, que vai vitória e confirmar o primeiro Nas duas jornadas já dis- teve a felicidade do jogo. Com este resultado a equipa pois Roberto Di Benedetto,
tentar evitar um resultado des- lugar do grupo. Mas, apesar putadas, a Selecção Nacional Continuou neste nível orientada por Fernando Fallé fez 2-1, resultado ao intervalo.
proporcional para, no despique do respeito pelo adversário, perdeu na primeira para a Itá- elevado e foi bem depende apenas de si para No reatamento Nery fez o 2-
com a França no coeficiente os angolanos pretendem dar lia, por 5-4, e ontem empatou sucedida. Os jogadores seguir em frente, nos quar- 2. Aos 15 minutos João Pinto
de golos, fugir da última posição o litro dentro de campo, não com a França. No desempate estão engajados e tos-de-final, desde que a “Mustang” colocou Angola à
e evitar o jogo da “liguilha”. virando a cara à luta e, quem através da série de três livres determinados e isto França não a supere na dife- frente do marcador.
Depois de empatar, ontem, sabe, protagonizar a grande directos, venceu por 4-3, o vai fazer com que rença de golos. A faltar três minutos para
a três golos frente à França, a surpresa da competição. que a coloca na terceira posição tenhamos uma Por outras palavras, a pas- o fim, noutra falta com cheiro
Selecção Nacional vai procurar Fernando Fallé reconhece à frente da França. classificação muito boa”. sagem aos quartos-de-final de injustiça, André Centeno
equilibrar o desafio com os o favoritismo do adversário, Mesmo assim, Angola vai Sobre o jogo com a passa por não sofrer muitos vê cartão azul e na execução
actuais campeões do mundo, mas considera que não há jogar de calculadora na mão, selecção da casa, disse: golos na partida de hoje diante do penálti, Carlo Di Benedetto
aliás venceram seis das últimas vencedores antecipados e dependendo do resultado do “espero que a equipa da Espanha , camp eã do voltou a exibir a sua classe,
seis edições, ou no mínimo promete lutar até ao fim do jogo entre franceses e italianos, continue com esta mundo, e esperar que a Itália e obrigou as duas equipas a
procurar empatar, tarefa que tempo regulamentar. para saber se fica com o terceiro determinação e vença os franceses. Caso repita marcação de penalties.
se afigura bastante difícil para “Foi mais uma final. Feliz- ou o quarto lugar. engajamento e, se
assim continuar, acho
DR
que vamos fazer um bom CHINHO ENLUTA FUTEBOL
jogo. Infelizmente, não
JOSÉ COLA | EDIÇÕES NOVEMRO
temos aqui angolanos
para apoiar, mas estamos
aqui para dar o nosso
apoio no que for preciso”,
concluiu.
Amândio Clemente | Vilanova i
la Geltrú

JOGOS MUNDIAIS
DISTANTES DOS JORNAIS
A segunda edição dos jogos
mundiais de patinagem que
se disputa em Barcelona,
está a ser pouco retratada
nos principais jornais que
circulam no país, segundo
constatação da nossa Antigo jogador destacou-se ao serviço do Petro de Luanda
reportagem.
Selecção Nacional quer repetir a proeza do Torneio de Montreux, em que ganhou por 4-3 Os jornais “La Vanguardia”,
“El Mundo Deportivo” e “El
Periódico” dedicam
pequenos espaços ao
Campeão africano Sub-20
PATRÍCIA COSTA evento que reúne mais de 4
mil atletas. morto a tiro em Luanda
Nas páginas são narradas

Árbitra angolana esteve notícias sobre o Tour de


França, mundial de futebol
feminino, pré-época da La
Liga, Eurobasquete
Armindo Pereira

O ex-futebolista do Petro de
Luanda e da Selecção Nacional,
são ainda desconhecidas,
segundo o director do Gabinete
de Comunicação Institucional
e Imprensa do Ministério do

envolvida em três jogos feminino, onde a Espanha


joga a final, e o basquetebol
local com equipas a
reforçarem-se, entre outros.
João dos Santos Almeida “Chi-
nho” foi assassinado ontem,
em Luanda, vítima de disparos
de arma de fogo presumivel-
Interior, Mateus de Lemos
Rodrigues, em declarações à
Rádio Nacional.
“Toda e qualquer informa-
DR
A árbitra angolana Patrícia nhola e Mariella Begueri, As televisões actuam na mente após uma tentativa de ção passada agora é preliminar.
Costa “Tucha” teve ontem um argentina) começou cedo. mesma senda, dando assalto, quando seguia sozi- Tomámos co- nhecimento do
“dia cheio” nos jogos mundiais Esteve às 9h00 como auxi- pouco espaço. A nho, na sua viatura. facto poucas horas depois da
de patinagem que decorrem liar no Brasil-Suíça; às 11h00, inexistência de publicidade Fontes do Serviço de Inves- ocorrência. Temos os técnicos
em Barcelona, Espanha. A foi árbitra principal no Egipto- estática também tigação Criminal (SIC) reve- a trabalhar no local do crime,
juíza apitou jogos da Taça Andorra, em dupla com o ita- é um facto. laram que após sair de casa, com o propósito de colherem
Intercontinental masculina. liano Matteo Galoppi e voltou Na Vilanova i la Geltrú, em Viana, o ex-jogador de o maior número de dados pos-
Patrícia estreou-se a apitar a ser auxiliar no jogo entre muitos dos habitantes 36 anos apercebeu-se que síveis. Tão-logo haja outros
jogos da Intercontinental femi- Austrália e Alemanha, às 13h00. estão alheios à realização estava a ser perseguido por desenvolvimentos, viremos
nina, na abertura da prova, no Ao todo, os jogos mundiais da primeira fase do mundial dois indivíduos numa moto- a público prestar esclareci-
jogo entre a Colômbia e Estados juntam 31 árbitros de hóquei na cidade. O hóquei em rizada. Na tentativa de livrar- mentos”, disse.João dos Santos
Unidos, em que as colombia- em patins. A Espanha lidera o patins não é a principal se dos mesmos, Chinho seguiu Almeida “Chinho” foi cam-
nas golearam por 22-0. Neste quadro com sete, seguido pela modalidade, apesar de por uma estrada de terra peão africano pela Selecção
jogo a angolana fez dupla com Argentina, cinco, e quatro oriun- Árbitra Patrícia Costa haver uma equipa que batida, mas foi alcançado Nacional Sub-20, em 2001,
o português José Pinto. Ontem, dos de Portugal. Nove países participa na OK Liga, pelos supostos marginais. na Etiópia, e no Campeonato
a única africana na arbitra- enviaram árbitros à prova. mente representar o país. Disse principal campeonato De seguida, os meliantes Nacional da I Divisão, Gira-
gem, integrante do trio de Ao deixar Angola, Tucha estar orgulhosa por merecer espanhol. dispararam contra o ex-inter- bola, onde além do Petro de
senhoras inscrito na prova manifestou o desejo de dar o o convite. Silva Cacuti | Vilanova i la nacional angolano, que teve Luanda representou o Sagrada
(outras são Tânia Pardo, espa- melhor de si para condigna- Silva Cacuti | Vilanova i la Geltrú Geltrú morte imediata. As razões Esperança, Santos e Libolo.
DESPORTO Terça-feira
9 de Julho de 2019 31
UNANIMIDADE ORGANIZADOR E CAMPEÃO AFASTADOS
ÀS MARGENS DO NILO
Brilho de Salah
contraria aposta Candidatos ao título caem
dos anfitriões
no colectivismo
sem convencer adeptos Honorato Silva | Cairo

Nigéria e Argélia reforçam a confiança na conquista do troféu apesar


Selva de bichos pequenos
Pela primeira vez, em 24
participações na fase final
da Taça de África das Nações
da oposição de adversários como os Bafana Bafana da África do Sul
EDIÇÕES NOVEMBRO
treinados para domar leões
em futebol, cuja 32ª edição A cada reunião da tribo do futebol africano, para o
organiza até ao dia 19, o desfile das selecções, agora maioritariamente formadas
Egipto, recordista de títulos a partir da Europa, os relvados são transformados em
no continente, com sete tro- verdadeiras passarelas, onde animais de vários tama-
féus conquistados, apresen- nhos, do minúsculo esquilo ao grande elefante, batem-
tou uma estrela unânime se por um lugar de destaque na finta da bola.
para os adeptos. Tem sido assim, de dois em dois anos. África, terra
O percurso vitorioso dos de calor e vida intensa, mostra ao mundo a riqueza
Faraós registou a presença da sua tão cobiçada fauna, população animal con-
de vários nomes que fizeram templada por quem a visita, nos concorridos Safaris,
a diferença entre demais representados no CAN do Egipto pelo Quénia e Tanzânia.
convocados. Mohamed Juntos, publicitam encantos da natureza conservados
Aboutreika, Emad Moteab, nos parques nacionais de Masai Mara, Serengeti e
A h m e d Ho ssa m Ab d e l Ngorongoro, que oferece, além da imagem pitoresca,
Hamid “Mido”, Mohamed uma caldeira vulcânica.
Barakat, Essam El Hadary, Mas a ideia de recrear a bicharada da bola africana,
Hossam Hassan, Wael Go- “Às Margens do Nilo”, tem pouco de original, porque
maa, Ahmed Hassan e Mah- o Caetano Júnior, no seu jeito gozado de dizer coisas
moud Razak Fadlallah sérias, escalonou, aqui no Jornal de Angola, as selecções
“Shikabala” encabeçam a pelo peso e impacto do animal que representam.
lista de jogadores que par- Com queda estrondosa, Mohamed Salah e companheiros falharam qualificação aos “quartos” Ainda não tivemos, julgo eu, “Burros” no CAN.
tilham a confiança dos com- Desconheço o país cuja equipa nacional adoptou tal
patriotas, quanto à consagra- designação, certeza de fracasso a curto prazo. Ainda
ção no CAN. Honorato Silva | Cairo triunfo. Todavia, na noite em impor aos adversários, mesmo assim, a selva do futebol africano tem Zebras (Botswana)
que se apagaram as luzes do com o pleno de vitórias no e Cavalos (Burkina Faso), parentes próximos do pobre
Estádio Internacional do Cairo Grupo A, no qual teve a con- animal, insultado por gostar de trabalhar.
Prestes a completar A eliminação do Egipto, país e gelaram a euforia de mais corrência do Uganda, Congo É sabido que o CAN regressou ao Egipto, país de
27 anos, Mohamed organizador, e dos Camarões, de 90 milhões de habitantes, Democrático e Zimbabwe. cultura milenar, palco da prova pela quinta vez. De
“Salah” Hamed detentor do título, bem como emergiram os Bafana Bafana, parte ficaram os Camarões, detentores do título, devido
Mahrous Ghaly, a queda do favorito Marrocos, verdadeiros “bons rapazes”, Fim da era Aguirre a atrasos comprometedores na máquina organizativa.
nascido a 15 de aos pés do modesto Benin, que, livres de qualquer pres- A queda com estrondo dos Porém, ninguém pensou, mesmo nos momentos
Junho de 1992, são os destaques dos oita- são, souberam explorar até a Faraós produziu consequên- mais fecundos de arrojo mental, que os Faraós seriam
carregou, até vos-de-final da Taça de África sobranceria do adversário, cias imediatas. Depois de assu- “corridos de casa” por uns rapazes (Bafana Bafana),
sábado, dia em que das Nações em futebol, con- pois, chegados à segunda fase, mir a responsabilidade do que no limite da primeira fase estavam de malas feitas
o país voltou à terra, cluídos ontem. à custa do deslize dos Palancas fracasso, no final do jogo, o téc- para regressar a Joanesburgo.
com a eliminação Com base na chave e cru- Negras, eram tidos como saco nico mexicano Javier Aguirre, Antes coitadinhos, mal-encarados por terem bene-
diante da África do zamentos resultantes do sor- de pancada. contratado há quase um ano, ficiado da aselhice dos Palancas Negras, por esses dias
Sul, a fé dos adeptos teio, nada fazia prever que Orientada pelo inglês Stuart em substituição do argentino envolvidos no puxa aqui e empurra ali, do discurso
na ponta das os Faraós egípcios fossem Baxter, a selecção sul-africana Hector Cuper, depois da pre- federativo prenhe de acusações, desmentidos e muitas
chuteiras afastados tão cedo da prova mostrou o futebol até então sença no Mundial da Rússia, não verdades, tudo para justificar a má safra, dizia,
continental que acolhem pela escondido. Com solidez na teve a confirmação da saída os sul-africanos são considerados, hoje, os senhores
quinta vez. Contra todas as defesa e rapidez na saída para do cargo, por incumprimento do Cairo, metrópole que faz menção de dar costas ao
Na quinta passagem da expectativas, a ambição de o ataque, preferencialmente dos objectivos. que resta do CAN, à semelhança do país, depois da
prova pelas terras das pirâ- reforçar a hegemonia do pal- em transições rápidas, após Outro rosto visível na deso- eliminação do dono da casa.
mides, desta vez em subs- marés, por via da conquista o adversário perder a bola em lação egípcia é o craque Moha- Mais equilibrada foi a disputa entre a Nigéria e os
tituição dos Camarões, que do oitavo troféu, acabou frus- acção ofensiva, afastou os med Salah, visto de maneira Camarões. O desfecho, vitória (3-2) dos nigerianos
revelou problemas admi- trada de forma abrupta, por Faraós da sua baliza. intermitente no CAN, ao ponto - não os falsos que nos vendem as peças de imitação
nistrativos, os faraós apre- uma discreta África do Sul, Numa altura em que os de a equipa ser liderada por para prolongar a vida dos nossos carros -, teve tudo
sentaram uma estrela con- o mais improvável “vilão” adeptos desesperavam nas Amr Warda, Mohamed Elne- de normal. Até no mundo animal, porque as Super
sensual, a grande esperança atravessado no caminho dos bancadas e diante dos ecrãs ny e Mahmoud Trezeguet. Águias, no seu voo apurado de ave de rapina, domaram
de mais de 90 milhões de anfitriões. gigantes espalhados pelo país, Para os adeptos, o jogador o Leão, um rei ainda jovem, comandado pelo também
habitantes. A tendência das análises face ao retardar do grito de pagou a factura da época des- inexperiente Clarence Seedorf.
Prestes a completar 27 puxam, quase sempre, para golo Thembinkosi Lorch, iso- gastante ao serviço do Liver- O que custa explicar, na lógica da bicharada, é o
anos, Mohamed “Salah” a perspectiva do favorito que lado por Lebo Mothiba, sen- pool de Inglaterra, que cul- facto de um minúsculo roedor ter derrubado o grande
Hamed Mahrous Ghaly, surpreendeu pela negativa, tenciou, aos 85 minutos, o minou com a conquista do predador. Pendurados na inovação do apuramento
nascido a 15 de Junho de dada a impotência na hora afastamento do Egipto, selec- sexto troféu da Liga dos Clubes dos quatro melhores terceiros, os Esquilos (Benin)
1992, na localidade egípcia de concretizar o esperado ção que nunca conseguiu se Campeões europeus. deixaram pelo caminho os Leões do Atlas (Marrocos)
de Gharbia, carregou, até e as camisas brancas da sorte protectora da competência
sábado, dia em que o país de Hervé Renard.
voltou à terra, com a eli-
minação diante da África
do Sul, a fé dos adeptos na
Leões domados antes do início da competição
ponta das chuteiras.
Foi, a par de Sadio Mané,
Substituídos na organização,
devido aos atrasos registados
Rohr, com o triunfo (3-2), no
jogo mais equilibrado dos oita-
– campeão à frente da Zâmbia
e da Costa do Marfim -, que
Costa do Marfim afasta Mali
colega no Liverpool de In- nas obras dos estádios e falta vos-de-final. deixa assim a prova órfã da Em um duelo envolvendo dar melhor desvio a bola. As
glaterra, ainda em prova ao de capacidade de resposta Diante da força ofensiva dos sua mítica camisa branca. equipas da África Ocidental, duas selecções foram para
serviço do Senegal, a estrela da rede hoteleira, uma vez a nigerianos, bem servidos no A passagem do Madagáscar a Costa do Marfim afastou, ao o balneário empatadas a
de dimensão mundial, no prova ter passado de 16 para ataque por Alex Iwobi e Odion pelo Congo Democrático é vencer por 1-0, o Mali, e garan- zero. O golo dos elefantes
apogeu de uma carreira ini- 24 selecções, os Camarões en- Ighalo, jovens que apoiam o empolada apenas porque os tiu o apuramento para os quar- foi marcado aos 76 minutos,
ciada no El Molawloon do cararam a defesa do troféu experiente Ahmed Musa, no malgaxes fazem a primeira tos-de-final do Campeonato por Wilfried Zaha.
Egipto. algo fragilizado. Arriscaram desafio de conquista do título, aparição no CAN. O futebol Africano das Nações, CAN. Os
IPTO 2019
Subestimado pelo trei- a desqualificação, pela demora como forma de honrar a memó- praticado, com apoio pessoal Eagles podem se culpar por EG

nador português José Mou- na viagem ao Egipto, conse- ria de Stephen Keshi, antigo do Presidente da República, não terem sido capazes de
rinho, no Chelsea de Ingla- quência da greve dos jogado- treinador, os reflexos do seguro Andry Rajoelina, líder do “movi- marcar depois de tantas opor-
terra, episódio que originou res, a reivindicar o pagamento guarda-redes André Onana, do mento espontâneo” que traz tunidades no primeiro tempo.
o empréstimo à Fiorentina de prémios. Ajax de Amsterdão, de nada adeptos do país ao Egipto, deixa Os Elefantes defrontaram na OITAVOS-DE-FINAL
de Itália, a porta aberta para Num estágio embrionário valeram aos Camarões. os Bareas à vontade, diante etapa seguinte a Argélia.
o firmamento na Roma, da carreira de treinador, Cla- Estrondosa foi igualmente dos adversários. Os malianos dominara a MALI 0
também clube italiano, Salah rence Seedorf, antigo médio a queda dos Leões do Atlas de Esperado foi também o apu- primeira parte do jogo e aos
transformou-se num ídolo defensivo holandês, referen- Marrocos, 100 por cento vito- ramento da Argélia, na discus- 42 minutos, estiveram pró-
C. MARFIM 1
de milhões, elevado, pelos ciado ao serviço do AC Milan, riosos no Grupo D. A organi- são do passe com a Guiné ximo de marcar Moussa Dje-
compatriotas, à dimensão assumiu o desafio de conduzir zação defensiva dos Esquilos Conacri. Os argelinos vincaram nepo conseguiu passar pelo OITAVOS-DE-FINAL
de Lionel Messi e Cristiano os Leões Indomáveis ao su- do Benin, orientados por Michel supremacia sob o peso de um defesas contrários e fez o GHANA 1 4
GP

Ronaldo, as estrelas do topo cesso. O objectivo foi frustrado Dussuyer, contrariou o favo- contundente 3-0, enquanto o passe para Moussa Marega,
da pirâmide. pelas Super Águias da Nigéria, ritismo da armada de Hervé Senegal ficou pela margem avançado do FC Porto de TUNÍSIA 1 5
GP

Honorato Silva|Cairo às ordens do alemão Gernot Renard, o caçador de troféus mínima (1-0), diante do Uganda. Portugal, que não conseguiu
PUBLICIDADE

TER09JUL

MBANZA KONGO CELEBROU ONTEM O SEU DIA ENCONTRO COM CHINESES

ALTO
FestiKongo encerra com música Empresários da CPLP
e reconhecimento a destacados pedem mais intercâmbio
Homens de negócios da plataforma estratégica e
Bruno Fernando J.Mavinga e V.Mayala DR China e dos Países de Língua de suporte no golfo da
Elevar o nome de Angola Portuguesa começaram Guiné”, afirmou o Pri-
ontem, em São Tomé e Prín- meiro-Ministro, Jorge Bom
Depois de muita desinformação, O Festival Internacional cipe, contactos para relançar Jesus, na abertura do en-
eis a confirmação: o angolano de Cultura e Artes (Festi- a cooperação económica e contro empresarial.
Bruno Fernando é jogador do kongo) encerrou, ontem, comercial. Na abertura do fórum
Atalanta Hawks. O jovem me-
receu a confiança dos dirigentes
em Mbanza Kongo, com Inaugurado pelo Pri- empresarial com os países
e equipa técnica e assinou con- a realização de um con- meiro-Ministro são-to- de língua portuguesa, o
trato com o clube da NBA. A tra- certo musical com cantores mense, Jorge Bom Jesus, o Secretário-Geral Adjunto
jectória deste atleta, que eleva nacionais e estrangeiros, encontro empresarial é do Fórum Macau, descreveu
o nome de Angola, deve obrigar além da entrega de pré- considerado rampa para a supremacia chinesa no
a uma reflexão sobre o que pre- mios a personalidades que transformação do arqui- relacionamento comercial
tendemos com o Desporto. O se destacaram durante o pélago num centro estra- e económico com os países
mundo hoje ficou a conhecer processo de elevação da- tégico de negócios e de pres- de língua portuguesa.
um pouco mais de Angola, atra- quela cidade histórica a tação de serviços na região
vés de Bruno Fernandes. É pre- Património Mundial da do Golfo da Guiné, além de Mais comércio
ciso aproveitar este momento
e fazer com que mais Brunos
Humanidade. uma oportunidade para O volume de trocas co-
cheguem à principal montra do O encerramento do Fes- empresários dos países que merciais entre o gigante
Basquetebol mundial. tikongo ocorreu no dia da falam português melho- asiático e o espaço de Lín-
cidade, que desde o ano rarem o intercâmbio com gua Portuguesa registou
passado é comemorado a os chineses. um recorde no ano pas-
8 de Julho, em homenagem “Gostaria que o vosso sado, ultrapassando os 147
à elevação da cidade a Patri- Terminou o Festival Internacional de Cultura e Artes faro clinicamente empre- mil milhões de dólares.
mónio Mundial da Huma- sarial descortinasse o le- O investimento privado
BAIXO nidade, pela UNESCO. que de oportunidades que chinês na CPLP também
Entre os premiados estão os pratos típicos das pro- incluiu, entre outras acti- São Tomé e Príncipe ofe- não pára de crescer e ultra-
o embaixador de Angola víncias do Zaire, Uíge e vidades, workshops que rece, desde os projectos passou 50 mil milhões de
na UNESCO, Sita José, que Cabinda, além de iguarias versaram sobre “Os desafios estruturantes, porto, aero- dólares. As empresas chi-
recebeu um galardão com da RDC e Congo Brazzaville. da protecção e circulação porto, estradas e serviços, nesas têm no seu activo,
imagens das ruínas de O Festikongo proporcio- dos bens culturais em nomeadamente as tele- actualmente, contratos de
Kulumbimbi, a primeira nou, igualmente, Oficinas África", assim como o Pro- comunicações, zona fran- obras com valores supe-
Igreja Católica construída de Teatro, Artes Plásticas jecto a Rota de Escravos- ca, turismo, agro-indús- riores a 90 mil milhões de
Seguradoras em África, a Sul do Equador. e Música, uma oportuni- 400 Anos da Chegada dos tria, exploração petrolí- dólares, o que evidencia
Demora em ressarcir A diversidade artística dade de iniciação às artes Primeiros Escravos na Amé- fera, sectores sociais como o grande potencial na coo-
Começa a ser preocupante o nú- também esteve patente para crianças e jovens, se- rica do Norte”. educação e saúde, etc, para peração empresarial entre
mero cada vez crescente de pes- durante os quatro dias do gundo disse ao Jornal de Uma exposição docu- transformação de São a China e os países de lín-
soas que se queixam da demora
Festikongo (regiões que Angola o director nacional mental intitulada “ Reino Tomé e Príncipe, numa gua portuguesa.
das seguradoras em ressarcir os
automobilistas pelos danos cau- integravam o Reino do do Instituto Nacional de do Kongo-Património e
sados às viaturas envolvidas em Kongo). Na Feira de Artes Indústria Cultural e Criativo Memória”, sessões de
acidentes. Ainda não se está a e Bens Culturais, realizada do Ministério da Cultural cinema nacional, dança
no Largo António Agostinho (INID), Gabriel Cabusso. tradicional, oficinas de DINHEIRO DADO POR ANGOLA
falar de restituição de viatura no-
va, mas apenas de reparação. Neto, estiveram expostas “Nestes espaços, as crian- dança, música, teatro e artes
Em muitos casos, são as próprias
seguradoras que escolhem as
peças de artistas nacionais
e estrangeiros, da República
ças aprendem o ABC das
artes e as boas práticas de
plásticas, assim como expo-
sições de livros de autores
Mário Vaz pede à PGR
oficinas. Se o papel das segura-
doras é ajudar a minorar o im-
pacto dos danos, não faz sentido
Democrática do Congo
(RDC), Congo e Gabão.
cultura, que podem ocupar
os seus tempos livres, depois
nacionais e estrangeiros
fizeram também parte da resposta sobre desvios
das actividades escolares”, programação. O FestiKongo,
que para reparar uma viatura,
porexemplo,levemeses,criando Arte e gastronomia indicou o responsável. cuja cerimónia de abertura “É uma boa altura para o do ex-Primeiro-Ministro”,
ainda mais transtornos ao segu- Os visitantes tiveram ainda O artista plástico Tomás foi presidida pelo Vice-Pre- Ministério Público escla- disse José Mário Vaz em
rado. A prática já tinha sido de- acesso a uma vasta gama Ana “Etona”, presente no sidente da República, Bor- recer o desaparecimento entrevista à Lusa e à RTP.
nunciada pelo INADEC, que tem de títulos bibliográficos, Festikongo, elogiou o Go- nito de Sousa, consta das dos 12 milhões de Angola", O Presidente guineense
as seguradoras entre as institui- além de peças de arte escul- verno pela coragem na rea- nove recomendações da afirmou o Presidente da considerou que a sua deten-
ções de que os cidadãos mais pidas em madeira e quadros lização do evento, mas cri- UNESCO, no âmbito da ins- República da Guiné-Bissau, ção durante 72 horas tinha
se queixam. Se o seguro é obri- que retratam a africanidade. ticou o facto de outras co- crição do Centro Histórico referindo-se a um processo como objectivo impedir o
gatório, não será já tempo de se A gastronomia da comu- munidades de matriz Bantu da capital do antigo Reino em que chegou a ser detido. seu posicionamento polí-
estabelecerem regras claras so- nidade Kongo esteve, igual- não estarem representadas. do Kongo na lista do Patri- José Mário Vaz foi detido tico, explicando que na
bre as seguradoras, inclusive pra-
mente, em evidência, com O programa do FestiKongo mónio Mundial. pela justiça, em 2013, num altura tinha a ambição de
zos para ressarcir os lesados?
processo de averiguações ser candidato à presidência
relacionado com o alega- do Partido Africano para a
do desaparecimento de Independência da Guiné e
SUL-AFRICANO TINHA 30 ANOS dinheiro relativo a apoio Cabo Verde (PAIGC).
orçamental entregue por “É um ajuste de contas
Primeiro “afronauta” morre ao volante de moto Angola à Guiné-Bissau na
altura em que era ministro
que me deixou profunda-
mente magoado porque
Mandla Maseko, um sul-afri- O "afronauta" (como lhe a vida. Para chegar a esse das Finanças (entre 2009 não é possível o ministro
cano de 30 anos, ia ser o pri- chamavam), de 30 anos, patamar, o jovem sul-afri- e 2012), no governo liderado das Finanças [cargo que
meiro negro africano a viajar ganhou em 2013 o direito de cano superou vários testes por Carlos Gomes Júnior. ocupava na altura} ter rou-
no espaço, mas foi ao volante realizar um voo de 103 quiló- de aptidão físicos e psico- “Estamos no melhor bado 12 milhões de dólares
de uma mota que perdeu essa metros no espaço a bordo do lógicos no quadro do con- momento para o Ministério na presença da secretária
e todas as oportunidades. Mor- vaivém espacial norte-ame- curso organizado pela Público averiguar essa situa- de Estado do Orçamento,
reu no sábado à noite, comu- ricano Lynx Mark, noticiou a Academia Espacial Apollo ção, porque os protagonistas do ex-secretário de Estado
nicou a família. AFP. Bateu então um milhão AXE, patrocinado pela estão todos no país. Estou do Tesouro, do primeiro-
Depois de bater um milhão de candidatos oriundos de 75 empresa britânico-holan- eu, está a ex-secretária de ministro e da filha do pri-
de candidatos de 75 países, países e acabou seleccionado desa Unilever e por uma Estado do Orçamento e meiro-ministro que tra-
Mandla Maseko deveria ter com outros 22 astronautas para empresa de turismo espa- Assuntos Fiscais, está o ex- balhava no banco onde esta-
voado em 2015, mas o momento realizar a viagem de uma hora cial, a Space Expedition secretário de Estado do vam os 12 milhões e em que
foi adiado. Agora, para sempre. que seria recordada para toda Corporation (SEC). Tesouro, está o ex-Pri- o primeiro-ministro era
meiro-Ministro e está a filha accionista”, salientou.