Você está na página 1de 4

Formação Complementar CLC

RVCC Secundário
Formadora: Joana Pimentel

Leis e Modelos Científicos

“É necessário que a Ciência evolua numa nova Ciência, para impedir a destruição da Ciência pela
própria Ciência.”( Mário Vieira)

As descobertas científicas têm sido inúmeras ao longo dos tempos. Ao modo como estas
descobertas são convertidas em algo prático chama-se tecnologia. A palavra tecnologia costuma ser
associada facilmente à conotação de uma mudança historicamente determinada, no sentido de uma
evolução.
A tecnologia mudou muito o nível do desenvolvimento científico e económico: sistemas
informáticos, telescópios, satélites e microscópios, cada vez mais sofisticados, são bons exemplos
desta realidade.
O desenvolvimento científico e tecnológico tem trazido muitos benefícios para a Humanidade, para
a qualidade de vida do Homem, mas muitas vezes a má utilização da tecnologia tem consequências
negativas para o nosso planeta pondo em perigo a vida na Terra, colocando em risco seres vivos e
ambiente.
Conclui-se que a tecnologia é óptima pois ajuda o homem em muitos campos, por exemplo, na
medicina, na informática, na indústria, na agricultura, na exploração espacial, no ensino, etc., mas,
no entanto, se for mal utilizada poderá contribuir para a destruição da Humanidade a curto, médio
ou longo prazo, através da poluição que destrói os ecossistemas naturais(…).
Como recorda Milton Vargas, a ciência deriva do epistéme theoretiké grego – isto é, daquele saber
que é teórico, adquirido com os “olhos do espírito” (Vargas,1985:13-25). Por outro lado, o conceito
grego de techné gerou a “técnica” no sentido ocidental de “prática”. Finalmente, o termo tecnologia
é “o estudo e conhecimento científico das operações técnicas” (Gama,1987:30).

1/4
“A Concepção do Universo”

Teoria Geocêntrica – Esta teoria sustenta que a Terra é o centro do Universo e que o sol e todos os
outros Corpos celestes (=Astros) giram à sua volta.
– Defensores: Aristóteles, Ptolomeu...

Teoria Heliocêntrica – Esta teoria sustenta que o Sol (e não a Terra) é o centro do Universo e que
todos os outros Astros (=Corpos celestes) giram à sua volta.
– Defensores: Copérnico, Galileu...

Teoria Atual – Esta teoria sustenta que o Universo é Infinito, não se conhecem os seus limites e,
logicamente, não se sabe qual o seu centro. O que sabemos é que o Sol é o centro de um sistema de
astros que giram em seu redor denominado SISTEMA SOLAR.

1. Elabore um texto expositivo acerca de uma destas teorias ou de um dos seus defensores e inclua-
o no seu portefólio.

2/4
HUMOR
Partido apresenta discurso político de duplo sentido
O nosso partido cumpre o que promete.
Só os néscios podem crer que
Não lutaremos contra a corrupção.
Porque, se há algo certo para nós, é que
A honestidade e a transparência são fundamentais
Para alcançar os nossos ideais
Mostraremos que é grande estupidez crer que
As máfias continuarão no governo , como sempre.
Asseguramos sem dúvida que
A justiça social será o alvo de nossa ação.
Apesar disso, há idiotas que imaginam que
Se possa governar com as manchas da velha política.
Quando assumirmos o poder, faremos tudo para que
se termine com os marajás e as negociatas.
Não permitiremos de nenhum modo que
As nossas crianças morram de fome.
Cumpriremos os nossos propósitos mesmo que
Os recursos económicos do país se esgotem.
Exerceremos o poder até que
Compreendam que
Somos a nova política.
(Agora, leia o mesmo discurso linha por linha, de baixo para cima!)

Atividade:
 Produzir um texto expositivo-argumentativo sobre as mudanças que implementaria
na sociedade atual se desempenhasse um cargo político, como por exemplo o de primeiro-
ministro.

3/4
Ficha Formativa

Texto argumentativo

O texto argumentativo tem como objetivo interferir ou transformar o ponto de vista do leitor
relativamente ao mundo que o rodeia. Esse ponto de vista assenta num conjunto de normas ou
valores. Argumentar consiste em apresentar razões, argumentos, para se defender uma tese. O texto
argumentativo organiza-se, de uma maneira geral, nos seguintes momentos: tese, premissas,
argumentos e conclusão. As qualidades principais do discurso argumentativo são o rigor, a clareza,
a objetividade, a coerência, a sequencialização e a riqueza lexical.
Há três fases na produção de um texto argumentativo.
O texto argumentativo deve começar por uma introdução que ocupa normalmente um
parágrafo; segue-se o desenvolvimento, em parágrafos que contêm os argumentos e os contra-
argumentos, seguidos de exemplos; finalmente, uma conclusão, de parágrafo único, que retoma a
afirmação inicial provada ou contrariada. Os vários parágrafos devem estar encadeados uns nos
outros pelos articuladores do discurso ou conectores lógicos (de causa-efeito-consequência,
hipótese-solução, etc.). As conjunções coordenativas e subordinativas são alguns dos mecanismos
de junção ao serviço da coerência e coesão textual.

É importante:
• Usar argumentos adequados;
• Recorrer à exemplificação, à citação, às relações causa-efeito (sempre que possível);
• Apresentar uma correta estruturação e ordenação das frases;
• Usar corretamente os articuladores do discurso;
• Respeitar as regras da concordância;
•Usar, de forma adequada, pronomes ou sinónimos, para evitar as repetições.

4/4