Você está na página 1de 8

HOM E BL OG S JO S É A PA RE C I DO P SI C O L O G I A & C O MP O R T A ME NT O

Neuroteologia: a Neurociência da Religião e da Espiritualidade


 JOS É APARE CI D O  0 2 JA N 2 01 7 0 9H 0 2

    

        Há tempos, Nietzsche, lósofo alemão, ao fazer a famosa declaração “Deus está
morto”, quis expressar sua descrença de que Deus houvesse, realmente, existido. Grande
era, até então, a expectativa de muitos lósofos de que, quando os níveis educacionais
elevassem, e as Ciências fornecessem, explicações mais realísticas sobre os mistérios da
Ciência, o apelo irracional à Religião simplesmente desapareceria, ocasionando, com isso,
que, Deus, em todas as suas personi cações, simplesmente deixasse de existir. Deus,
todavia, não tem desaparecido. E, apesar de termos entrado numa Era de grandes
prodígios cientí cos e desenvolvimentos tecnológicos, Religião e Espiritualidade
continuam efervescentes. Religião, não sendo, exatamente, somente algo adicionado a
nossa vida pessoal, trabalha, sim, na organização e perpetuação de uma determinada
ordem social. Motivo pelo qual Voltaire tenha, talvez, a rmado que “Se Deus não existisse,
Ele teria de ser inventado”. O que ele quis dizer com isso? Que a sociedade não se
manteria agregada se as pessoas não tivessem algum conjunto central de crenças que as
mantivesse próximas, unidas e funcionais em um grupo social, o qual, tal como um todo
orgânico, representasse muito mais que um agregado de indivíduos auto-interessados.

Para ele, a função primária da Religião seria a promoção da solidariedade grupal.

          Não obstante, Religião não tem uma face exclusivamente positiva, pois, é do
conhecimento de todos, o outro, extremamente obscuro, lado da moeda. Em nome da

Religião, aproximadamente, um bilhão de pessoas têm sido mortas ao longo da História.
Mais que isso: a famigerada Guerra Santa parece nunca conseguir chegar a um m. Ao
que Daniel Dennett sugere que muitos religiosos são mais leais à fé do que a Deus. E,
acreditar “na fé” em Deus, ao que lhes parece, con gura ser mais importante que
acreditar “em” Deus. Na virada do novo milênio, tem sido observada a emergência da
Neuroteologia, a saber, Neurociência Espiritual, campo de investigação cientí co-
multidisciplinar, incorporador de conhecimentos da Psicologia, Religião, Espiritualidade e
Neurociência. Em essência, trata-se de um novo campo do saber que busca compreender
a relação entre o cérebro humano e a religião. Usando várias técnicas de exploração da
estrutura e funcionamento do cérebro, pesquisadores têm procurado determinar quais
áreas cerebrais são mais ativas no momento em que as pessoas experienciam uma
profunda conexão com o divino. A questão, portanto, sendo “Há um lugar para Deus no
cérebro”, ou, “Há Deus no cérebro?”. Pesquisadores no assunto vêm tentando, através do
estudo dos mecanismos neurais, revelar o que acontece no cérebro quando pessoas
experienciam o despertar místico durante o orar, o meditar, bem como, durante o
envolvimento espontâneo inspirado pelo fervor religioso.

          O resultado de mais de uma dezena de estudos, ao longo dos últimos dez anos,
sugerindo que várias são as regiões e sistemas cerebrais que mediam aspectos da
experiência religiosa e espiritual, implicando, com isso, que, tais experiências são
complexas e multifacetadas, envolvendo mudanças na percepção, cognição e emoção.
Iguais a muitas outras funções corticais de alta ordem, tais experiências místicas também
envolvem muitas partes cerebrais, de modo que nenhum correlato neural especí co
pareça existir para as experiências religiosas e espirituais. Em outras palavras, “Não existe,
precisamente, um lugar único, por mais simples que seja, no cérebro, designado ser Deus
no ser”.    A despeito da tentativa dos estudiosos para integrar diferentes resultados
visando identi car correlatos neurais comuns da experiência religiosa e espiritual, os
mesmos não lograram sucesso. O que, em geral, eles encontraram? Foi o fato de várias
regiões cerebrais mostrarem atividade aumentada, indicando o papel importante
daquelas regiões nas experiências religiosas, tais como, o córtex pré-frontal, os lobos
parietais, o gânglio basal e o sistema límbico. Importa ressaltar, entretanto, que, tais

resultados são, apenas, correlacionais por natureza, nada revelando sobre as relações
causais. Ainda que as experiências religiosas e espirituais sejam associadas com
mudanças em atividades cerebrais regionais, não é claro se essas mudanças causavam
aquelas experiências ou se respondiam às mesmas.

          Neuroteólogos, baseados em instrumentos da moderna Neurociência, e analisando


a experiência religiosa e espiritual durante a oração e a meditação, têm concebido que:
(1ª) a experiência religiosa surge da atividade neural emanando de uma secção especí ca
do cérebro, a lóbulo-temporal, ainda que muitas outras áreas cerebrais da complexa rede
neural também se mostrem bases biológicas da espiritualidade; (2ª) esses esforços para
revelar os correlatos neurais do divino têm fomentado uma nova disciplina, a
Neuroteologia ou Neurociência Espiritual que, não apenas, tentam reconciliar Religião e
Ciência, mas, também, ajuda a apontar as maneiras de eliciar sentimentos prazerosos em
pessoas que não têm tido a oportunidade de tê-los. A nal, achar uma fonte cerebral para 
a experiência espiritual pode servir, igualmente bem, para identi car o meio pelo qual
Deus alcança a Humanidade. A Ciência, na verdade, dá-nos uma grande razão para nisso
acreditar.

Compartilhar:

    

Curtir Compartilhar 2 pessoas curtiram isso. Seja o primeiro de seus amigos.

0 comentários Classificar por Mais recentes

Adicione um comentário...

Plugin de comentários do Facebook

||| Blog Psicologia & Comportamento


POR JOSÉ APARECIDO

Áreas de interesse: Percepção, Inteligência, Felicidade e Avaliação da Dor, e-mail:jadsilva@ clrp.usp.br
VER TODAS AS POSTAGENS DE JOSÉ APARECIDO 

||| LEIA TAMBÉM < >

Avanços na medicina mente- Avanços na Medicina Mente- Cérebro, c


corpo (2) Corpo (1) comportam
 0 5 AGO 2 0 19 10 H08  0 5 AG O 2 0 1 9 1 0 H 0 7  0 5 AG O 2 0 19 10

Escolha a seção e pesquise no portal Revide

N OT IC I AS   E D I TO R I AS   BLO G S   V I D EO S  

     

||| PUBLICIDADE

||| FILTRO

 TO D OS


Digite seu e-mail ENVIAR

||| EDIÇÃO ATUAL

A revista Revide é distribuída gratuitamente em Ribeirão Preto e região: Altinópolis, Araraquara, Barretos, Batatais,
Bebedouro, Brodowski, Cajuru, Cássia dos Coqueiros, Cravinhos, Franca, Ibitinga, Ituverava, Jaboticabal, Jardinópolis,

Mococa, Monte Alto, Morro Agudo, Orlândia, Pontal, Santa Rita do Passa Quatro, Santa Rosa do Viterbo, Santo Antônio
da Alegria, São Carlos, São Joaquim da Barra, São José do Rio Pardo, São Simão, Serrana e Sertãozinho.

||| NOTÍCIAS
Agronegócio

Artigo
Brasil
Cidades
Clima
Comportamento
Cultura
Curiosidades
Economia
Educação
Empregos
Erramos
Esporte
Gastronomia

Kids
Meio Ambiente
Mundo
Operação Sevandija
Patrulha Revide
PET
Política
Publieditorial
Revide 30 Anos
Saúde
Tecnologia
Teen
Transporte
Turismo
Veículos
Violência contra mulher

||| EDITORIAS A – G

Aniversariantes
Arte
Artigo
Bastidores da Política
Caderno Especial
Capa
Cidade
Comunicação
Cotidiano
Cultura
Economia
Educação

Em memória
Entrevista
Especial
Especial 33 anos
Esportes
Fashion RP
Garimpo
Gastronomia
Gourmet
Guia Cultural

||| EDITORIAS H – Z


Gula
Imóvel
Impressões
Inclusão
Lista da semana
Meio ambiente
Meu Pet
Moda
Novidade
Patrulha Revide
Política
Portal Revide
Publieditorial
Radar
Re exões do Cotidiano
Revide Solidária
Saúde
Seleção Gourmet
Serviços
Social
Superação
Sustentabilidade
Visão do Front

||| BLOGS A – L

Ana Cândida Tofeti


Andrea Berzotti
Carla Caetano
Elaine Assolini
Fábio Itasiki

Felício Bombonato
Hilário Bocchi Neto
Isabel de Farias
João Flávio de Almeida
João Roberto
José Aparecido
Luís Fernando S. Pinto
Luiz Cláudio Jubilato
Máisa Valochi

|||  BLOGS M – Z

Márcia Carneiro
Mônica Silvestre Santos
Murilo Carneiro
Murilo Pinheiro
Myrna Coelho Matos
Nelson Jacintho
Paula Zuliani
Pedro Gomes
Raissa Sche er
Renato Aguiar
Thell de Castro
Universo de Saia
Valdir Domeneghetti
Wlaumir Souza

ED IÇ Õ E S 
ON DE E N C ONT R AR 
N O TÍ CIA S 
GUIA CULTURAL 
G U I A G AS T R O NÔ M IC O 
SO C I AL 
C ON T A T O 

REV I D E RM 
RE V ID E R D

Desenvolvido por E S T E V AN S O A R E S e G I L SO N L E I T E .