Você está na página 1de 3

PROJETO CENTOPEIA

VIAJANTE

Senhores responsáveis,

Nosso projeto visa a interação e responsabilidade do aluno e a participação da


família nesse processo. Dessa forma, contamos com a sua colaboração

. Seu filho (a) deverá ter a responsabilidade de cuidar da centopeia e levá-la em


seus passeios, em seguida registrar sua experiência com sua (seu) nova (o) amiga(o).

Para os alunos alfabéticos (que já sabem escrever), o registro deverá ser


escrito por eles mesmos no caderno de registro, assim o aluno terá a possibilidade de
explorar a escrita e a organização do pensamento.

Para os alunos não alfabéticos (que não escrevem), o relato deverá ser feito
oralmente em sala de aula, criando a possibilidade de explorar a organização do
pensamento através da oralidade.

É importante a participação dos pais, que poderão registrar o seu próprio relato
de experiência com a visita da centopeia.

Após a experiência vivida com a centopeia o aluno deverá trazê-la e socializar


suas experiências com seus colegas de sala.

O prazo máximo para a entrega da centopeia será de dois dias, contados a


partir da data que for levada, sem prorrogação de tempo.

Cuidados com a centopeia:

 Não comer com a centopeia perto, para evitar manchá-la;


 Não colocar em lugares sujos ou empoeirados;
 Não molhar a centopeia;
 Devolver a centopeia em perfeito estado.

Não esqueçam: “um dos objetivos desse projeto é criar responsabilidades”!


PROJETO CENTOPEIA
VIAJANTE
PROJETO DE ESCRITA E ORALIDADE

Tema- Centopeia viajante

Público alvo: alunos do 1º ano B, do ensino fundamental

Área do conhecimento: alfabetização

PROBLEMÁTICA

É possível ser um bom escritor sem treinar práticas de escrita e leitura?

Para ser alfabetizado é necessário que o sujeito seja capaz de dominar e


atender as demandas de leitura e escrita.

A escola pode contribuir no contato com a escrita e com a formação do aluno?


Escola e família podem trabalhar em parceria, fazendo acontecer o processo de
alfabetização?

JUSTIFICATIVA

Diante da preocupação com o desenvolvimento da escrita e organização do


pensamento do aluno, justifica-se que indispensavelmente essas práticas assumam
desde cedo, ainda na infância um papel fundamental na formação de futuros
escritores.

Acredita-se que este projeto promoverá meios de trazer para a sala de aula
fatos do cotidiano do aluno, que servirão de estímulo para a prática de escrita em
momentos prazerosos, aguçando o imaginário e a organização do pensamento para
que os alunos se tornem bons escritores.

OBJETIVO GERAL:

 Integrar escola e família

OBJETIVO ESPECÍFICO

 Envolver a família nas práticas de escrita;


 Desenvolver a linguagem oral do aluno;
 Encantar e motivar o aluno para práticas de escrita;
 Promover aproximação aluno / escola e família.
 Desenvolver praticas de escrita e organização do pensamento.