Você está na página 1de 4

1.

A inteligência emocional tem demonstrado estar positivamente relacionada ao desempenho no


trabalho em todos os níveis, mas parece ser mais relevante nas funções que demandam um alto grau
de interação social. Os grandes líderes demonstram sua inteligência emocional exibindo

a) inteligência prática, orientação para metas, capacidade de falar em público e justiça.


b) autoconsciência, autogerenciamento, automotivação, empatia e habilidades sociais.
c) liderança para mudanças, pensamento inovador, pensamento lógico e orientação para metas.
d) senso democrático, liderança carismática e sensibilidade para com as necessidades do outro.

2. A expressão “Inteligência Emocional” ganhou popularidade com a publicação do livro Inteligência


Emocional de Daniel Goleman, em 1995. Porém, este tema já é alvo de pesquisas desde o início da
década de 90, com a publicação de artigos em jornais acadêmicos, por Peter Salovey e John D. Mayer
(2000). NÃO é um tipo de habilidade envolvida com a inteligência emocional, a habilidade
a) para a percepção de emoções.
b) no uso das emoções.
c) de liderança das emoções.
d) de entendimento das emoções.
e) de controle e transformação das emoções.

3. Dê o significado das expressões abaixo:


a) Autoconhecimento
_______________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________

b)Controle emocional
_______________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________
c) Automotivação
_______________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________

d) empatia
_______________________________________________________________________________________
_______________________________________________________________________________________

e) sociabilidade
_______________________________________________________________________________________
______________________________________________________________________________________

4. Como podemos diferenciar “moral” e “ética”?


a) Não podemos diferenciar, são palavras sinônimas.
b) Moral é um conjunto de valores, e Ética é a reflexão sobre esses valores.
c) Moral é a prática da Ética no nosso dia a dia.
d) Moral é sinônimo de “ética aplicada”.

5. Leia o fragmento abaixo:


“Os homens não são maus, mas submissos aos seus interesses... Portanto, não é da maldade dos homens
que é preciso se queixar, mas da ignorância dos legisladores que sempre colocam o interesse particular em
oposição ao geral. […] Até hoje, as mais belas máximas morais não conseguem traduzir nenhuma mudança
nos costumes das nações. Qual é a causa? É que os vícios de um povo estão, se ouso falar, escondidos no
fundo de sua legislação.” Helvetius

Quais são as ideias principais contidas no fragmento acima?


a) Não há nenhuma relação entre as leis e os costumes, pois sãos os homens que fazem as leis que os
beneficiam.
b) Para limitar os interesses humanos particulares, é preciso haver leis que prefiram os interesses gerais.
c) Os homens buscam seus interesses e isso não significa que eles sejam maus;
d) Há uma relação entre as leis e os costumes, pois as leis permitem ou impedem que os homens cometam
erros.

6. Tradução: “Como a ética é importante na sociedade hoje?”

“Se eu perguntar se você é ético, provavelmente dirá que sim! E, se eu


perguntar a definição de ética, saberá me responder? Provavelmente não!
Faz sentido? Não! Mas é natural, a maioria dos seres humanos são éticos
sem ter a mínima idéia do que significa ser ético. Isso ocorre porque a ética
nos é condicionada pela sociedade, você aprende desde pequeno com seus
pais, na escola, com seus amigos e normalmente não nota isso. Meus pais
me orientavam sobre o que era certo ou errado, mas pensando bem, acho
que eu só aprendia ética depois que era castigado.”

Considerando a imagem, o texto e o que você aprendeu sobre ética e moral, é correto afirmar que:
a) A ética tem por objetivo desregulamentar os padrões morais de uma sociedade.
b) A ética é um conjunto de certezas invioláveis, que devem ser seguidas pelas comunidades locais de um
país.
c) A consciência ética é adquirida com o passar do tempo, sendo que o indivíduo deve estar inserido em uma
comunidade para vivenciar as experiências em coletivo.
d) A ética não é condicionada pela sociedade, é adquirida de forma individualizada sem o convívio coletivo.
e) Todas as alternativas estão erradas.

7. Ética e moral são termos que a filosofia utiliza para:


a) Não dar significado a nada.
b) Referir-se ao modo como as pessoas devem agir.
c) Designar o modo como se organiza um espaço público.
d) Desorganizar ações comunitárias.
e) Todas as alternativas estão erradas.

8. Leia a tirinha e responda.

Ao ler esta tirinha, é possível afirmar que no dia a dia:


a) Bandidos e médicos possuem o mesmo código de ética.
b) Só na periferia a ética e a moral são desrespeitados.
c) A imoralidade e a falta de ética podem estar presentes, independente da classe social.
d) Não há nesta tirinha nenhuma conexão com ética e moral.
e) Todas as alternativas estão corretas.

9. O brasileiro tem noção clara dos comportamentos éticos e morais adequados, mas vive sob o espectro
da corrupção, revela pesquisa. Se o país fosse resultado dos padrões morais que as pessoas dizem
aprovar, pareceria mais com a Escandinávia do que com Bruzundanga (corrompida nação fictícia de
Lima Barreto).
O distanciamento entre “reconhecer” e “cumprir” efetivamente o que é moral constitui uma ambiguidade
inerente ao humano, porque as normas morais são
a) decorrentes da vontade divina e, por esse motivo, utópicas.
b) parâmetros idealizados, cujo cumprimento é destituído de obrigação.
c) amplas e vão além da capacidade de o indivíduo conseguir cumpri-las integralmente.
d) criadas pelo homem, que concede a si mesmo a lei à qual deve se submeter
e) cumpridas por aqueles que se dedicam inteiramente a observar as normas jurídicas.

10. Em linhas gerais, a censura é um mecanismo normativo que tem por objetivo inibir determinado
comportamento ou a divulgação de ideias. Ao longo da história da humanidade, esse mecanismo foi
amplamente utilizado por algumas instituições religiosas e governos ditatoriais. Nesse sentido, podemos afirmar
que a censura subtrai do homem, exceto:

a) liberdade de expressão
b) liberdade de voto
c) liberdade de ir e vir
d) liberdade de pensamento
e) liberdade religiosa

11. O direito de manifestar é fundamental, inerente a todas as pessoas, sendo indispensável em uma sociedade
democrática, como meio de expressão das necessidades do povo, visando assegurar o bem comum.
Em relação ao exercício deste Direito fundamental, tema central da charge,
analise as assertivas a seguir:

I - Não é necessário autorização para realizar o ato, tão pouco aviso prévio às
autoridades.
II - O direito à livre expressão não pode abrigar, em sua abrangência,
manifestações de conteúdo imoral que implicam ilicitude penal.
III - A liberdade de pensamento e de reunião não pode sobrepor à liberdade de
locomoção, ao direito à segurança, ao direito à propriedade, seja pública ou
privada.
IV - A liberdade de imprensa, enquanto projeção das liberdades de comunicação
e de manifestação do pensamento, reveste-se de conteúdo abrangente, por
compreender, entre outras prerrogativas relevantes que lhe são inerentes, o
direito de informar, o direito de buscar a informação, o direito de opinar e o direito de criticar.
V - Não é permitido ao poder público frustrar a realização de manifestação, ainda que haja outra previamente
convocada para o mesmo local.

Estão corretas as assertivas:


a II, III e IV.
b I, III e V.
c I e V.
d Nenhuma das alternativas.
e I e IV.

12. A Liberdade em Filosofia é um dos temas mais estudados, pensados e analisados ainda hoje. De acordo com
o proposto por Nicola Abbagnano em seu Dicionário de Filosofia, assinale a alternativa que não apresenta um
dos significados fundamentais correspondentes às três concepções que se entrecortaram no decurso da história
filosófica do tema.
a) Liberdade é um dom gratuito de Deus, mas seu uso tem consequências. O melhor é entregar sua Liberdade a Ele.
b) Autodeterminação ou autocausalidade, segundo a qual a Liberdade é ausência de condições de limites.
c) Absoluta, incondicionada; portanto, não sofre limitações e não tem grau.
d) Liberdade como necessidade – que se funda sobre o conceito da autodeterminação, mas atribui a própria
autodeterminação à totalidade a que o homem pertence.
e) Liberdade é possibilidade ou escolha, mas finita, uma vez que limitada e condicionada.