Você está na página 1de 17
TPM TPM Forma Forma ç ç ão ão B B á á sica sica Pilar

TPMTPM

FormaFormaççãoão BBáásicasica PilarPilar 11

Forma ç ç ão ão B B á á sica sica Pilar Pilar 1 1 TPM
Forma ç ç ão ão B B á á sica sica Pilar Pilar 1 1 TPM
TPM
TPM
Forma ç ç ão ão B B á á sica sica Pilar Pilar 1 1 TPM

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

1

TPM OsOs PilaresPilares dodo TPMTPM 5 S TPM – Pilar 1 - 5S Autor: J.
TPM
TPM
OsOs PilaresPilares dodo TPMTPM 5 S
OsOs PilaresPilares dodo TPMTPM
5 S

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

2

1 1 - - 5S 5S – – O O que que é é e

11-- 5S5S OO queque éé ee comocomo comecomeççouou 22-- 11ºº SS SeiriSeiri

ou … … 2 2 - - 1 1 º º S S – – Seiri
ou … … 2 2 - - 1 1 º º S S – – Seiri

33-- 22ºº SS SeitonSeiton

Seiri Seiri 3 3 - - 2 2 º º S S – – Seiton Seiton

44-- 33ºº SS SeisoSeiso

Seiton Seiton 4 4 - - 3 3 º º S S – – Seiso Seiso

55-- 44ºº SS SeiketsuSeiketsu

Seiso 5 5 - - 4 4 º º S S – – Seiketsu Seiketsu 6

66-- 55ºº SS ShitsukeShitsuke

Seiketsu 6 6 - - 5 5 º º S S – – Shitsuke Shitsuke 7

77-- OsOs 5S,5S, aa QualidadeQualidade ee oo TPMTPM ContactosContactos dodo AutorAutor

e e o o TPM TPM Contactos Contactos do do Autor Autor TPM – Pilar 1
e e o o TPM TPM Contactos Contactos do do Autor Autor TPM – Pilar 1

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

TPM
TPM

3

1 1 - - 5S 5S – – O O que que é é e

11-- 5S5S OO queque éé ee comocomo comecomeççouou

que é é e e como como come come ç ç ou ou … … TPM
TPM
TPM

A prática dos “5 Sensos” tem sua origem no Japão. Através dela os pais ensinavam aos seus filhos prin cípios que deveriam acompanhá-los por toda a vida pais ensinavam aos seus filhos princípios que deveriam acompanhá-los por toda a vida

No pós-guerra, na década de 50, as indústrias japonesas, destruídas e arrasadas, adoptaram os 5S como prát ica de gestão com a intenção de reestruturar a arrasadas, adoptaram os 5S como prática de gestão com a intenção de reestruturar a sua economia, visando principalmente:

Evitar o desperdício e avarias dos equipamentos devido ao mau uso

Evitar o desperdício e avarias dos equipamentos devido ao mau uso

A prevenção de paragens inesperadas, estimulando a manutenção preventiva

A

prevenção de paragens inesperadas, estimulando a manutenção preventiva

O combate a todas as formas de poluição

O

combate a todas as formas de poluição

Redução do risco de acidentes

Redução do risco de acidentes

A melhoria na qualidade dos seus produtos e serviços

A

melhoria na qualidade dos seus produtos e serviços

Uma relação positiva entre a empresa e o trabalhador

Uma relação positiva entre a empresa e o trabalhador

A saúde mental e física dos trabalhadores

A

saúde mental e física dos trabalhadores

Mais qualidade de vida para todos

Mais qualidade de vida para todos

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

4

TPM se transformou numa filosofia de gestão empresarial Hoje é reconhecidamente utilizada como um programa
TPM
TPM

se

transformou numa filosofia de gestão empresarial

Hoje é reconhecidamente utilizada como um programa gerador da Qualidade Qualidade Total Total , uma vez que está baseada na busca da qualidade em QualidadeQualidade TotalTotal, uma vez que está baseada na busca da qualidade em todos os sentidos: dos produtos, do trabalho e, sobretudo, da qualidade de vida

O ProgramaPrograma 5S5S é assim conhecido, pois está baseado em cinco conceitos básicos (todos começados origináriamente em japonês pela letra “SS”) que, utilizados na prática, constituem a base da sua filosofia:

utilizados na prática, cons tituem a base da sua filosofia: Foi assim, naturalmente, que esse modelo

Foi

assim,

naturalmente,

que

esse

modelo

de

vida

japonês

Foi assim, naturalmente, que esse modelo de vida japonês Seiri Seiri , Seiton Seiton , Seiso

SeiriSeiri, SeitonSeiton, SeisoSeiso, SeiketsuSeiketsu e ShitsukeShitsuke

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

5

TPM Como o idioma japonês se expre ssa através de ideias e conceitos, não existe
TPM
TPM

Como o idioma japonês se expressa através de ideias e conceitos, não existe tradução literal para essas palavras. Em português ssa através de ideias e conceitos, não existe tradução literal para essas palavras. Em português os cinco conceitos são interpretados como: Senso de Utilização (Seiri), Senso de Ordenação (Seiton), Senso de Limpeza (Seiso), Senso de Saúde (Seiketsu) e Senso de Autodisciplina (Shitsuke)

A escolha da palavra “senso senso ” para preceder cada conceito é bastante apropriada, já que o seu significado sensosenso” para preceder cada conceito é bastante apropriada, já que o seu significado está ligado à faculdade de sentir, apreciar e julgar, essenciais para uma profunda reflexão e mudança sugeridas pelo Programa 5S

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

6

2 2 - - 1 1 º º S S – – Seiri Seiri TPM

22-- 11ºº SS SeiriSeiri

2 2 - - 1 1 º º S S – – Seiri Seiri TPM O
TPM
TPM

OO primeiro primeiro “ “ S S ” ” – – SEPARAR SEPARAR - - O primeiroprimeiro SSSEPARARSEPARAR -- SEGREGARSEGREGAR é um método para libertar espaço nos locais de trabalho, eliminando objectos desnecessários tais como ferramentas obsoletas, recipientes inúteis, resíduos, excessos de matérias primas, documentos/papel, dados e ficheiros informáticos

A existência destes materiais provoca:primas, documentos/papel, dados e ficheiros informáticos TPM – Pilar 1 - 5S Ocupação desnecessária de espaço

informáticos A existência destes materiais provoca: TPM – Pilar 1 - 5S Ocupação desnecessária de espaço

TPM – Pilar 1 - 5S

Ocupação desnecessária de espaço útilA existência destes materiais provoca: TPM – Pilar 1 - 5S Obstáculos à livre circulação e

Obstáculos à livre circulação e operação– Pilar 1 - 5S Ocupação desnecessária de espaço útil Informações incorrectas e atrasos Acidentes de

Informações incorrectas e atrasosespaço útil Obstáculos à livre circulação e operação Acidentes de trabalho SOMENTE SOMENTE OS OS MATERIAIS

Acidentes de trabalhoe operação Informações incorrectas e atrasos SOMENTE SOMENTE OS OS MATERIAIS MATERIAIS NECESS NECESS

SOMENTESOMENTE OSOS MATERIAISMATERIAIS NECESSNECESSÁÁRIOSRIOS DEVERÃODEVERÃO PERMANECERPERMANECER NOSNOS LOCAISLOCAIS DEDE TRABALHOTRABALHO UMUM LUGARLUGAR PARAPARA CADACADA COISACOISA

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

7

TPM 3 3 - - 2 2 º º S S – – Seiton Seiton
TPM
TPM

33-- 22ºº SS SeitonSeiton

TPM 3 3 - - 2 2 º º S S – – Seiton Seiton O

OO segundo segundo “ “ S S ” ” – – ARRUMAR ARRUMAR - - O segundosegundo SSARRUMARARRUMAR -- ORGANIZARORGANIZAR consiste em organizar os objectos, ferramentas e dados de forma racional, permitindo facilidade de fluxo de pessoas e utilização dos mesmos com rapidez e segurança, a qualquer momento

B e n e f í c i o s : Benefícios:

Rapidez e facilidade para encontrar documentos, materiais, ferramentas e outros objectos materiais, ferramentas e outros objectos

Facilidade na operação dos equipamentosdocumentos, materiais, ferramentas e outros objectos Economia de tempo Evacuação rápida em caso de perigo TPM

Economia de tempoe outros objectos Facilidade na operação dos equipamentos Evacuação rápida em caso de perigo TPM –

Evacuação rápida em caso de perigoFacilidade na operação dos equipamentos Economia de tempo TPM – Pilar 1 - 5S • •

Economia de tempo Evacuação rápida em caso de perigo TPM – Pilar 1 - 5S •

TPM – Pilar 1 - 5S

ORGANIZEMOSORGANIZEMOS OO NOSSONOSSO LOCALLOCAL DEDE TRABALHOTRABALHO NÃONÃO ANDEANDE ÀÀ PROCURAPROCURA DASDAS COISASCOISAS

UMUM LUGARLUGAR PARAPARA CADACADA COISA COISA

CADACADA COISACOISA NONO SEUSEU LUGARLUGAR

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

8

TPM 4 4 - - 3 3 º º S S – – Seiso Seiso
TPM
TPM

44-- 33ºº SS SeisoSeiso

TPM 4 4 - - 3 3 º º S S – – Seiso Seiso O

OO terceiro terceiro “ “ S S ” ” – – LIMPAR LIMPAR consiste em O terceiroterceiro SSLIMPARLIMPAR consiste em manter os locais de trabalho isentos de sujidades proporcionando um ambiente agradável, desenvolvendo a consciência de que o importante não é só limpar, mas sim eliminar as fontes de contaminação

Bernefícios:é só limpar, mas sim eliminar as fontes de contaminação Melhoria do bem-estar pessoal e do

Melhoria do bem-estar pessoal e do local de trabalhomas sim eliminar as fontes de contaminação Bernefícios: Maior segurança e controlo dos equipamentos Prevenção de

Maior segurança e controlo dos equipamentosMelhoria do bem-estar pessoal e do local de trabalho Prevenção de acidentes e preservação do meio

Prevenção de acidentes e preservação do meio ambientede trabalho Maior segurança e controlo dos equipamentos Eliminação de desperdicío • • LIMPEZA LIMPEZA

Eliminação de desperdicíoPrevenção de acidentes e preservação do meio ambiente • • LIMPEZA LIMPEZA PROFUNDA PROFUNDA • •

preservação do meio ambiente Eliminação de desperdicío • • LIMPEZA LIMPEZA PROFUNDA PROFUNDA • •

LIMPEZALIMPEZA PROFUNDAPROFUNDA ELIMINARELIMINAR FONTESFONTES DEDE CONTAMINACONTAMINAÇÇÃOÃO FACILITARFACILITAR AA INSPECINSPECÇÇÃO,ÃO, CRIANDOCRIANDO ACESSOSACESSOS AA ZONASZONAS DIFDIFÍÍCEISCEIS MAISMAIS IMPORTANTEIMPORTANTE DODO QUEQUE LIMPARLIMPAR ÉÉ NÃONÃO SUJARSUJAR

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

9

TPM 5 5 - - 4 4 º º S S – – Seiketsu Seiketsu
TPM
TPM

55-- 44ºº SS SeiketsuSeiketsu

TPM 5 5 - - 4 4 º º S S – – Seiketsu Seiketsu O

OO quarto quarto “ “ S S ” ” – – NORMALIZAR NORMALIZAR consiste em O quartoquarto SSNORMALIZARNORMALIZAR consiste em garantir a sistematização das actividades dos 3 primeiros S’s e a melhoria da saúde a nível físico, mental e emocional.

Benefícios:a melhoria da saúde a nível físico, mental e emocional. Local de trabalho agradável/salutar e seguro

Local de trabalho agradável/salutar e segurosaúde a nível físico, mental e emocional. Benefícios: Prevenção de acidentes e doenças profiisionais Aumento da

Prevenção de acidentes e doenças profiisionaisBenefícios: Local de trabalho agradável/salutar e seguro Aumento da satisfação e motivação pessoais TPM – Pilar

Aumento da satisfação e motivação pessoaise seguro Prevenção de acidentes e doenças profiisionais TPM – Pilar 1 - 5S • •

profiisionais Aumento da satisfação e motivação pessoais TPM – Pilar 1 - 5S • • NORMAS

TPM – Pilar 1 - 5S

NORMASNORMAS PARAPARA LIMPEZALIMPEZA SASAÚÚDEDE NONO TRABALHOTRABALHOEQUILEQUILÍÍBRIOBRIO FFÍÍSICO,SICO, MENTALMENTAL EE EMOCIONALEMOCIONAL SATISFASATISFAÇÇÃOÃO EE MOTIVAMOTIVAÇÇÃOÃO

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

10

TPM 6 6 - - 5 5 º º S S – – Shitsuke Shitsuke
TPM
TPM

66-- 55ºº SS ShitsukeShitsuke

TPM 6 6 - - 5 5 º º S S – – Shitsuke Shitsuke O

OO quinto quinto “ “ S S ” ” – – RESPEITAR RESPEITAR – – O quintoquinto SSRESPEITARRESPEITAR DISCIPLINARDISCIPLINAR consiste na prática dos S’s anteriores, procurando o seu constante aperfeiçoamento. É a procura do auto-desenvolvimento e da melhoria contínua

Benefícios:a procura do auto-desenvolvime nto e da melhoria contínua Cumprimento dos procedimentos e regras Consciencialização

Cumprimento dos procedimentos e regras Consciencialização da responsabilidade das tarefas Consciencialização da responsabilidade das tarefas

Melhoria das relações e do trabalho em equiperegras Consciencialização da responsabilidade das tarefas Melhor qualidade, produtividade e segurança no trabalho

Melhor qualidade, produtividade e segurança no trabalhodas tarefas Melhoria das relações e do trabalho em equipe Valorização e desenvolvimento pessoal • •

Valorização e desenvolvimento pessoalMelhor qualidade, produtividade e segurança no trabalho • • INSTRU INSTRU Ç Ç ÕES ÕES E

no trabalho Valorização e desenvolvimento pessoal • • INSTRU INSTRU Ç Ç ÕES ÕES E E

INSTRUINSTRUÇÇÕESÕES EE REGRASREGRAS DEDE TRABALHOTRABALHO AUTODISCIPLINAAUTODISCIPLINA MELHORIAMELHORIA PERMANENTEPERMANENTE CONSOLIDACONSOLIDAÇÇÃOÃO DODO TRABALHOTRABALHO EMEM EQUIPEEQUIPE

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

11

7 7 - - Os Os 5S, 5S, a a Qualidade Qualidade e e o

77-- OsOs 5S,5S, aa QualidadeQualidade ee oo TPMTPM

Os Os 5S, 5S, a a Qualidade Qualidade e e o o TPM TPM TPM O
TPM
TPM

OO Programa Programa 5S 5S busca a qualidade total de uma forma muito simples e O ProgramaPrograma 5S5S busca a qualidade total de uma forma muito simples e diferente de outros programas, pois não é um programa por um tempo determinado, mas sim para ser compreendido e praticado naturalmente como um hábito, por todos, no trabalho e na vida pessoal

A gestão pela Qualidade nas organizações processa-se em direcção da mudança, portanto o Programa 5S actua como alavanca da implantação nizações processa-se em direcção da mudança, portanto o Programa 5S actua como alavanca da implantação de sistemas de gestão de qualidade pois promove a quebra de resistência das pessoas ao processo de mudança, produzindo novos padrões de comportamento e propiciando o surgimento de um clima favorável à implantação da QualidadeQualidade TotalTotal

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

12

Porquê Porquê os os 5S 5S no no TPM? TPM? TPM • Se os locais

PorquêPorquê osos 5S5S nono TPM?TPM?

TPM
TPM

Se os locais de trabalho estiverem desorganizados, os problemas não podem ser facilmente visíveis.

A limpeza e o organização dos locais de trabalho ajudam a descobrir os problemas.

A visibilidade dos problemas é o primeiro passo para a melhoria dos equipamentos e processos.

ISTOISTO CONSEGUECONSEGUE--SESE COMCOM OSOS 5S5S

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

13

TPM Benef Benef í í cios cios do do Programa Programa 5 5 S S
TPM
TPM

BenefBenefíícioscios dodo ProgramaPrograma 55 SS

Locais de Trabalho organizados e mais eficientes que permitem melhorar a produtividade e facilitar a manutenção permitem melhorar a produtividade e facilitar a manutenção

Locais de trabalho mais limpos que melhoram a segurançapermitem melhorar a produtividade e facilitar a manutenção Ganhar espaço nos locais de trabalho Contribuir para

Ganhar espaço nos locais de trabalhoLocais de trabalho mais limpos que melhoram a segurança Contribuir para que todos se sintam melhor

Contribuir para que todos se sintam melhor nos seus postos de trabalho de trabalho

Permite que a empresa esteja sempre pronta para as visitas de Clientes e outros visitantes, aj udando a promover o negócio. Clientes e outros visitantes, ajudando a promover o negócio.

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

14

Contactos Contactos do do Autor Autor TPM José Pedro Amorim Rodrigue s da S ilva

ContactosContactos dodo AutorAutor

Contactos Contactos do do Autor Autor TPM José Pedro Amorim Rodrigue s da S ilva Lisboa
TPM
TPM

José Pedro Amorim Rodrigues da Silva Lisboa - Portugal jparsilva@sapo.pt

Tel. +351 218 124 609 Tm. +351 919 729 496

http://www.freewebs.com/leanemportugal/

http://leanemportugal.blogspot.com/

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

15

TPM SEMPRE SEMPRE QUE QUE TENTAMOS TENTAMOS PÔR PÔR EM EM PR PR Á Á
TPM SEMPRE SEMPRE QUE QUE TENTAMOS TENTAMOS PÔR PÔR EM EM PR PR Á Á
TPM
TPM

SEMPRESEMPRE QUEQUE TENTAMOSTENTAMOS PÔRPÔR EMEM PRPRÁÁTICATICA ALGOALGO DEDE NOVO,NOVO, ENCONTRAMOSENCONTRAMOS UMAUMA GRANDEGRANDE RESISTÊNCIARESISTÊNCIA NOSNOS OUTROSOUTROS EE DENTRODENTRO DEDE NNÓÓSS PRPRÓÓPRIOS.PRIOS.

SESE NÃONÃO FORMOSFORMOS CAPAZESCAPAZES DEDE VENCERVENCER ESSEESSE INIMIGO,INIMIGO, NÃONÃO HAVERHAVERÁÁ PROGRESSOPROGRESSO

Kaoru Ishikawa Percursor dos círculos de Qualidade no Japão

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

16

TPM – Pilar 1 - 5S Autor: J. P. Rodrigues da Silva 17
TPM – Pilar 1 - 5S Autor: J. P. Rodrigues da Silva 17
TPM – Pilar 1 - 5S Autor: J. P. Rodrigues da Silva 17

TPM – Pilar 1 - 5S

Autor: J. P. Rodrigues da Silva

17