Você está na página 1de 52

FUNDAMENTOS DAS

CIÊNCIAS SOCIAIS
ARTUR GOMES
CONTEÚDO DESTA AULA

A questão do conhecimento: senso


comum e ciência
As assim chamadas Ciências
Sociais.

A análise antropológica da cultura.


Diversidade cultural, globalização e
multiculturalismo.
O contexto histórico da formação da
Sociologia
O positivismo de Augusto Comte.
Fundamentos das Ciências Sociais
Por que estudar
Fundamentos das
Ciências Sociais?

Fundamentos das Ciências Sociais


No momento inicial do curso, busca-se construir os alicerces sobre os quais
se assentam os cursos das áreas das Ciências Humanas, localizando o
estudante no tempo e no espaço.

Fundamentos das Ciências Sociais


A disciplina Fundamentos das Ciências Sociais serve de base para a
compreensão dos elementos que constituem a sociedade.

A compreensão da realidade social numa perspectiva científica favorece a


construção de conhecimentos nas demais ciências humanas e sociais
aplicadas.

A disciplina contribui para o desenvolvimento de um olhar crítico-analítico,


científico, humanista e voltado para o exercício pleno da cidadania.

Fundamentos das Ciências Sociais


A questão do
conhecimento: senso
comum e pensamento
científico.

Fundamentos das Ciências Sociais


O conhecimento como característica do ser humano

O homem é o único animal que vive no


Linguagem: capacidade de
mundo e pensa sobre o mundo em que
tornar esse sentido manifesto.
vive. Ao pensar, ele formula explicações
acerca da realidade e dos fenômenos que
Pode-se dizer, então, que as
o cerca. Portanto, é no ato de pensar
coisas não têm um sentido em
que o homem conhece a si e o mundo,
si, os homens é que lhes dão
manifestando isso através da linguagem.
sentido, através do
pensamento e da palavra, que,
Pensamento: capacidade de, ao articular
sistematizados de alguma
acontecimentos, coisas e fatos, instaurar
maneira, formam o
um sentido.
CONHECIMENTO.
Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


O conhecimento como característica do ser humano

O homem é o único animal que vive no


Linguagem: capacidade de
mundo e pensa sobre o mundo em que
tornar esse sentido manifesto.
vive. Ao pensar, ele formula explicações
acerca da realidade e dos fenômenos que
Pode-se dizer, então, que as
o cerca. Portanto, é no ato de pensar
coisas não têm um sentido em
que o homem conhece a si e o mundo,
si, os homens é que lhes dão
manifestando isso através da linguagem.
sentido, através do
pensamento e da palavra, que,
Pensamento: capacidade de, ao articular
sistematizados de alguma
acontecimentos, coisas e fatos, instaurar
maneira, formam o
um sentido.
CONHECIMENTO.
Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Senso comum e pensamento científico

Quando alguém se
dispõe a preparar um
bolo, sabe que tem
que adicionar uma
quantidade X de Mas como e por
fermento à receita, que o fermento o
para que o bolo faz crescer só é
cresça. Esse explicado por
conhecimento foi alguns indivíduos
transmitido por detentores de um
gerações a gerações conhecimento
e, de fato, resulta metódico.
verdadeiro.
Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Senso comum

[...] é algum sentido dado coletivamente às


coisas vividas. Para se orientar no mundo, o
ser humano assume como certas e seguras
diversas coisas, situações e relações entre
fatos, coisas e situações. Estabelece, assim,
sistemas de discursos sobre o que tem
vivido, sobre nossas experiências concretas.

as Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Pensamento Científico

A ciência é uma forma de conhecimento, ou seja, é


refere a algo bastante especificado. Não se faz
ciência sobre a vida em geral ou o mundo em geral.
Faz-se ciência quando se delimita aquilo que se
quer estudar, o objeto de que se quer tratar. O
objeto não é apenas delimitado, é construído, pois
trata-se de algo ideal, de uma representação.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Complemente a sua preparação
examinando outras formas de
conhecimento, tais como o mito, o
conhecimento religioso e o
conhecimento filosófico, constantes
do Plano de aula 1.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


As assim
chamadas
Ciências
Sociais.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Por Ciências Sociais entende-se o conjunto de
saberes relativos às áreas da Antropologia,
Sociologia e Ciência Política. Assim, o objeto de
estudo das Ciências Sociais é a sociedade em suas
dimensões sociológicas, antropológicas e
políticas. As Ciências Sociais fazem parte do grupo
de saberes intitulado Ciências Humanas, e
apresentam métodos próprios de investigação dos
fenômenos que analisam. Neste sentido, em geral,
são postas em contraste com as Ciências Naturais e
Exatas, já que essas podem ser avaliadas e
quantificadas pelo método científico e na área social
os métodos utilizados são outros.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


As Ciências Sociais nos ajudam a "limpar a
lente" para enxergarmos melhor as
diferentes realidades com que convivemos.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


A Sociologia analisa as inter-relações
entre os diversos fenômenos sociais.
Neste campo de conhecimento, a vida social
é analisada a partir de diferentes
perspectivas teóricas, notadamente as que
têm como base conceitual os estudos
desenvolvidos por Émile Durkheim, Max
Weber e Karl Marx. A partir dessas matrizes
teóricas, estudam-se os fatos sociais, as
ações sociais, as classes sociais, as
relações sociais, as relações de trabalho, as
relações econômicas, as instituições
religiosas, os movimentos sociais etc.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Na Antropologia privilegiam-se os aspectos
culturais do comportamento de grupos e
comunidades. Questões cruciais para o
entendimento da vida em grupo, como
alteridade, diversidade cultural,
etnocentrismo, relativismo cultural são
tratadas por essa ciência, que, em seus
primórdios estudava povos e grupos
geográfica e culturalmente distantes dos
povos ocidentais. Assim, em sua história, a
Antropologia revelou estudos notáveis sobre
sociedades indígenas e sociedades
camponesas, identificando suas diferentes
visões de mundo, sistemas de parentesco,
Fundamentos das Ciênciascosmologias
Sociais etc.
Fundamentos das Ciências Sociais
A Antropologia também desenvolveu uma série de estudos sobre
grupos sociais urbanos, enfatizando a diferenciação entre seus
indivíduos, com base em critérios de raça, cor, etnia, gênero,
orientação sexual, nacionalidade, regionalidade, afiliação
religiosa, ideologia política, sistemas de crenças e valores, estilos
de vida etc.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Na Ciência Política analisam-se as
questões ligadas às instituições políticas.

Conceitos de poder, autoridade,


dominação, entre outros, são estudados
por essa ciência.

Analisam-se também as diferenças entre


povo, população, nação e governo, bem
como o papel do Estado como instituição
legitimamente reconhecia como a
detentora do monopólio da dominação e do
Fundamentos das Ciênciascontrole
Sociais de determinado território.

Fundamentos das Ciências Sociais


Agora que você consolidou a sua
percepção que as Ciências Sociais
constituem ferramenta importante
para o desenvolvimento de
compreensão crítico-reflexivo da
realidade, pense nas possíveis
contribuições para o exame das
questões que lhe serão submetidas
no Direito e em outras áreas do
conhecimento.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Complemente a sua preparação
examinando temas “Problemas sociais e
sociológicos” e “Indivíduo e sociedade”,
constantes do Plano de aula 2.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


A análise
antropológica da
cultura.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Edward Tylor sintetizou os termos Kultur e Civilization no
vocábulo inglês Culture, que “tomado em seu amplo
sentido etnográfico é este todo complexo que inclui
conhecimentos, crenças, arte, moral, leis, costumes ou
qualquer outra capacidade ou hábitos adquiridos pelo
homem como membro de uma sociedade”.

Mas de onde surge a preocupação com o


tema da cultura?

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Toda construção científica nasce na Europa.

A reflexão teórico-científica sobre a


humanidade se iniciou neste ambiente e
nesta perspectiva.

Logo, a noção de ser humano de referência


para todas as Ciências Humanas e Sociais é
a do homem europeu e da sociedade
europeia.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


O olhar eurocêntrico sobre a cultura

A partir dos esforços de conquista de outros continentes, os europeus


encontraram-se com seres diferentes o suficiente para causarem estranhamento,
mas parecidos o suficiente para produzirem o seguinte incômodo: serão estes
seres humanos?

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Etnocentrismo
Segundo Everardo Rocha, em O que é Etnocentrismo, trata-
se da visão do mundo onde o nosso próprio grupo é tomado
como centro de tudo e todos os outros são pensados e
sentidos através dos nossos valores, nossos modelos, nossas
definições do que é a existência.

No plano intelectual, pode ser visto como a dificuldade de


pensarmos a diferença.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Relativismo cultural

É a postura, privilegiada pela Ainda segundo Roberto da


Antropologia contemporânea, de Matta, antes de cogitar se
buscar compreender a lógica da aceitamos ou não esta outra
vida do outro. forma de ver o mundo, a
antropologia nos convida a
compreendê-la, e verificar que
ao seu jeito outra vida é
vivida, segundo outros
modelos de pensamento e de
costumes (...) pois cada
sociedade humana conhecida
é um espelho onde nossa
Fundamentos das Ciências Sociais própria existência se reflete.

Fundamentos das Ciências Sociais


“Os antropólogos estão totalmente convencidos de que as
diferenças genéticas não são determinantes das diferenças
culturais.”

Exemplifica-se: se uma criança brasileira for criada na África, ela


crescerá como uma criança africana, aprendendo a língua, os
hábitos, crenças e valores dos africanos. Por outro lado, se uma
criança africana for criada no Brasil, ela crescerá como uma
criança brasileira, aprendendo a língua, os hábitos, crenças e
valores dos brasileiros.

Complemente a sua preparação examinando o método


etnográfico com o
Plano de aula 3.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Diversidade cultural,
globalização e
multiculturalismo.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Em todas as sociedades
humanas percebemos a
Como consequência das
existência de diversos
grandes transformações
hábitos, costumes,
verificadas com a
linguagem, estilos de
expansão do processo
vida. Essa multiplicidad
de globalização nas
e de formas de ver,
últimas décadas, o
sentir e se inserir no
mundo tornou-se, cada
mundo
vez mais, marcado pela
denomina-se
diversidade cultural e a
diversidade cultural.
convivência de
diferentes formas de
agir, de padrões
culturais, de estilos de
Fundamentos das Ciências Sociais vida.
Fundamentos das Ciências Sociais
Multiculturalismo

Preconiza a interação entre as diferentes culturas, sem


hierarquização de saberes e modos de vida.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Você pode refletir sobre a relação existente entre o
tema multiculturalismo e o desenvolvimento de
políticas públicas na área educacional voltadas
para a efetivação da universalização do acesso ao
ensino superior, por exemplo, bem como a
inclusão do estudo da história e da cultura afro-
brasileira e indígena nos currículos da Educação
básica brasileira, demonstram a importância para o
ensino da diversidade cultural no Brasil.

Complemente a sua preparação


com o Plano de aula 4.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


O contexto
histórico da
formação da
Sociologia.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Iluminismo
Século XVIII - Europa (começou na Inglaterra e na
França)

Ideia de valorizar a ciência e a racionalidade no


entendimento da vida social tornou-se ainda mais
forte.
Combate ao Estado absoluto, ou absolutismo (que
começou a surgir na Europa ainda no final da Idade
Média, no século XV, em que o rei concentrava
todo o poder em suas mãos e governava sendo
considerado um representante divino na terra, uma
voz de Deus, a qual até a igreja, não raramente, se
sujeitava).
Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


A influência do Iluminismo para o surgimento da
Sociologia pode ser a partir das teorias sobre a
sociedade que surgiram no período Iluminista,
contribuindo para a ideia da existência de uma
ciência que pudesse ajudar a interpretar os
movimentos da própria sociedade.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Revolução Francesa e Revolução Industrial

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


A influência da Revolução Francesa (França, 1789) e da
Revolução Industrial (Inglaterra, 1780 a 1860) para o
surgimento da Sociologia guardam relação com a mesma
ideia já apontada em relação ao Iluminismo, ou seja, a
importância da existência de uma ciência que pudesse
ajudar a interpretar os movimentos da própria sociedade.

Tais acontecimentos históricos resultaram em grandes


mudanças na vida das pessoas, com grande impacto
social, por conta do processo de industrialização e
urbanização da sociedade Capitalista que ali se
implantava.
Interpretar cientificamente tais mudanças sociais era o
desafio que se apresentava.
Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


NEOCOL0NIALISMO E DARWINISMO
SOCIAL

O século XIX foi marcado pela Revolução Industrial e pelo


Neocolonialismo, cujas consequências se projetaram para os
séculos XX e XXI.
O desenvolvimento industrial se fez acompanhar pelo
desenvolvimento científico, que por sua vez impulsionou ainda mais
a indústria em função de descobertas e invenções. Nos centros
urbanos europeus respirava-se desenvolvimento e acreditava-se
que a tecnologia e a máquina resolveriam todos os problemas do
homem. A indústria cresceu e com esse crescimento vieram as
crises de produção porque a superprodução não era acompanhada
pelo consumo. A solução para a crise de consumo foi encontrada
no neocolonialismo, ou imperialismo do século XIX.
Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Esse colonialismo se direcionou para a África e a Ásia,
que foi partilhada entre as nações europeias. A América
escapou desse colonialismo porque se tornara
independente pouco antes. Todas as tentativas de reação
por parte das nações dominadas pelos impérios europeus
foram enfrentadas com o uso das armas por parte das
nações europeias.
Foi neste cenário de expansão imperialista que surgem
inéditas tentativas de explicação da realidade social. A
primeira delas, como vermos a seguir, foi o chamado
darwinismo social.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Por outro lado, as sociedades foram divididas em raças
superiores e inferiores, cabendo aos mais fortes dominar
os mais fracos e, consequentemente, aos mais
desenvolvidos levar o desenvolvimento aos não
desenvolvidos. A civilização deveria ser levada a todos os
homens. É claro que o Darwinismo Social serviu para
justificar a ação imperialista das nações europeias.
Foi nesse cenário de constantes conflitos sociais,
políticos, econômicos e religiosos, cenário marcado pela
industrialização e pelo cientificismo, que nasceu a
Sociologia.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Complemente seus estudos com o Plano
de aula 5.
Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


O positivismo de Auguste
Comte.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


O pensador francês Augusto Comte (1798-1857)
sistematizou a primeira corrente teórica do pensamento
sociológico: o positivismo.

Essa corrente teórica foi a primeira a definir


precisamente o objeto, a estabelecer conceitos e uma
metodologia de investigação.

Além disso, o positivismo, ao definir a especificidade do


estudo científico da sociedade, conseguiu distinguir-se
de outras ciências estabelecendo um espaço próprio à
ciência da sociedade.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Comte acreditava que sua principal
contribuição foi a teoria de que a
humanidade passou por três estágios de
evolução histórica e cultural e de
desenvolvimento intelectual, a que
chamou de “Lei dos três estados”.

Para ele, as ideias conduzem e


transformam o mundo e é a evolução da
inteligência humana que comanda o
desenrolar da história.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


O espírito humano, em seu esforço para
explicar o universo, passa
sucessivamente por três estados:

i) teológico ou religioso: em que se


explicam os fatos por meio de entidades
sobrenaturais. Este estado evolui do
fetichismo, ao politeísmo e, por fim, ao
monoteísmo.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


ii) metafísico: substitui os deuses por princípios abstratos
como “o horror do vazio” por longo tempo atribuído à
natureza. A tempestade, p.e., será explicada pela virtude
dinâmica do ar.

São igualmente metafísicas as tentativas de explicação


dos fatos biológicos que partem do “princípio vital”, assim
como as explicações das condutas humanas que partem
da noção de “alma”.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


iii) positivo: é aquele em que o espírito renuncia a
procurar os fins últimos e procura responder aos últimos
“porquês”. Busca-se descrever como os fatos se passam,
em descobrir as leis segundo as quais os fenômenos se
encadeiam uns aos outros. Há a predominância das
explicações científicas.

Tal concepção influencia diretamente na técnica: o


conhecimento das leis positivas da natureza nos permite,
com efeito, quando um fenômeno é dado, prever o
fenômeno que se seguirá e, eventualmente agindo sobre
o primeiro, transformar o segundo.
Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Os traços mais marcantes do Positivismo são
certamente a excessiva valorização das ciências e
dos métodos científicos, a exaltação do homem e
suas capacidades e o otimismo em relação ao
desenvolvimento e progresso da humanidade.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Amplie sua performance na AV1
examinando a distinção feita por
Comte entre a sociologia estática
e a sociologia dinâmica.

Veja também a influência do


positivismo no Brasil, “Ordem e
Progresso”, complementando seus
estudos com o Plano de aula 6.

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


“Nas grandes batalhas da vida, o
primeiro passo para a vitória é o desejo
de vencer.”

Mahatma Gandhi

Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais


Agradecimento final aos alunos, aos professores e
para a equipe do PREPARA

Disciplina:
Fundamentos das Ciências Sociais

Aula:
Artur Gomes

Chat:
Adinan Rodrigues
Paula Ribeiro
Fundamentos das Ciências Sociais

Fundamentos das Ciências Sociais