Você está na página 1de 6

PORTFÓLIO – PONTO DE PARTIDA

PONTO DE PARTIDA DO PORTFÓLIO

INDICAÇÕES GERAIS:

O aluno deve elaborar este documento antes de iniciar as tutorias das disciplinas, e
nele deve evidenciar e refletir sobre sua realidade atual em relação ao âmbito da
Educação. O aluno não deve ter medo de equivocar-se na exposição de seus
conhecimentos, tentando ser o mais sincero possível para que mais tarde possa
realizar uma retrospectiva, retomando o ponto de partida, e avaliando/valorando por
conta própria seu processo formativo. Deve refletir, especificamente, sobre os
seguintes aspectos:

- Experiências formativas e profissionais relacionadas à Educação

A reflexão do aluno deve abranger as experiências formativas e profissionais


anteriores ao início do mestrado, relacionadas ao âmbito da Educação e consideradas
realmente significativas, justificando.

Deve levantar as seguintes questões:

Quais experiências formativas e/ou profissionais foram especialmente relevantes?

Por que são consideradas relevantes?

O que acrescentaram à formação?

MUITO IMPORTANTE: Não se trata de enumerar simplesmente e compilar em uma


lista todas as experiências formativas e/ou profissionais como em um currículo; o
aluno deve fazer referência às experiências que considera especialmente
significativas, elaborando um discurso estruturado e reflexivo, como se explica
anteriormente.

- Representações e crenças iniciais sobre a Educação

O aluno deve refletir sobre as crenças e representações que possui em relação à


Educação antes de iniciar o curso. Deve levantar aspectos como:

Como entendo atualmente a Educação?

Como concebo o processo de aprendizagem?

Qual a função acredita que devem desempenhar as TIC no campo educacional?

Quais as funções que acredita que devem desempenhar os professores e os


alunos no processo de aprendizagem?

- Necessidades de formação

1
PORTFÓLIO – PONTO DE PARTIDA

Como o enunciado indica, o aluno deve recapitular suas necessidades de formação ao


início do mestrado. Deve levantar as seguintes questões:

Neste momento inicial, que carências são possíveis identificar na formação e/ou na
atuação como professor no campo da educação?

O que é possível observar a partir das experiências formativas e/ou profissionais


prévias na área da educação?

Quais os desafios que se apresentam?

- Expectativas de formação

Como o enunciado propõe, o aluno deve recapitular suas expectativas de formação


em relação ao mestrado que será iniciado. Deve levantar as seguintes questões:

O que espero deste curso?

Que metas e objetivos foram estabelecidos para as diferentes etapas que


compõem o programa?

Quais são os objetivos profissionais?

Este documento deve atender os seguintes requisitos formais:

- Extensão: 6 páginas no máximo (sem contar as instruções e os enunciados)


- Tipo de letra: Arial.
- Tamanho: 11 pontos.
- Entrelinhas: 1,5.
- Alinhamento: Justificado.

O trabalho deve ser realizado neste documento Word e deve-se seguir o


procedimento oficial de entrega. Em nenhum caso deve ser enviado através do
correio ao professor.

Lembrando que os trabalhos que não atendam as condições de identificação


não serão corrigidos.

2
PORTFÓLIO – PONTO DE PARTIDA

Nomes e sobrenomes: Rodrigo Joao albino

Usuário: BRFPMME2613075

Nome e sobrenomes do professor: kathilça souza

Data: 23/02/2020

Meu nome e Rodrigo albino, e 42 anos, atualmente sou professor, licenciado em


musica pela universidade do vale do itajai, licenciado em artes visuais pela
Uninter. Pós-graduado em ensino de artes e musica pela Facel, pós-graduado
em educação musical pela faculdade única de Ipatinga –MG.

Atualmente sou professor de musicalização na rede publica municipal


de Itajaí -SC. Quero falar de minha experiência formativa em relação e
educação, primeiramente neste ponto de vista, sempre gostei de musica, sou
pianista, e maestro de banda marcial. Quando comecei minha formação
acadêmica em 2010, nunca pensei que eu entraria em uma sala de aula como
professor, e sim como musico instrumentista.

Meu primeiro trabalho como docente , começou no ano de 2016,


quando fiz o processo seletivo para professor de musica, foi minha primeira
experiência de professor para anos iniciais. Foi relevante minha experiência
educacional porque me trouxe ideias, criatividade, eu pude acrescentar ideias,
ou seja, aquilo que aprendemos a ensinar os outros melhorar o planejamento.
Na minha formação muita coisa foi acrescentada, por exemplo, você chega pela
primeira vez numa sala de 30 alunos de 1 a 5 serie, tem que procurar meios
pela internet, plano de aula praticamente prontos, na verdade como diz o
ditado” se vira nos trinta”, o compartilhar com outros professor mais
experientes, fez com que eu tivesse recursos mais abrangentes no meu
planejamento durante minha pratica profissional.

Em minha concepção a educação tem surgido atualmente da interação


humana creio que houve um colapso nos centros dos meios educacionais, nas
universidades e nas escolas, grande parte dos alunos que tem acesse a esses

3
PORTFÓLIO – PONTO DE PARTIDA

meios, acabam não tendo o desejo de ter o contatos com essas realidades, ou
seja , devemos pensar num projeto educacional mais justo, que isso seja
universal que proponha pra todos o bem estar social, então no meio reflexível,
a educação esta no meio das pessoas , na interação entre as pessoas. E um
choque ver como as pessoas, numa certa escala, entraram num padrão de vida
repetitivo, ou seja, o tipo de roupa, os bens de consumo. E comum ver a
diferença entre os cargos daqueles que tiveram uma educação superior de
renome, e aqueles que não tiveram, eu vejo isso como uma diferença absurda
no meio da nossa educação.

O processo de ensino e aprendizagem, em relação ao professor e a


avaliação escolar tem sido um debate estudado por respostas nos dias de hoje.
Eu entendo que o aluno deve ser tratado como o centro de ação avaliativa,
perante sos exercícios propostos, diante das provas e da participação de todos.
Na verdade a avaliação acompanha todo processo de ensino e aprendizagem ,
por exemplo, existem professores que se preocupam muito no conteúdo e
manter a disciplina, não sei se todos são assim, mas a maioria se preocupa
muito com a gordura do salario e dixa de lado o desenvolvimento de
aprendizagem do aluno.

Avaliação precisar estar voltada ao educando como ser social, sujeito


do seu próprio desenvolvimento, não por uma experiência isolada mas sim por
um processo de aprendizagem continuada , que ultrapasse os limites da vida
escolar. Em meu entendimento para que professores e alunos possam ter uma
boa função de aprendizagem, creio que devemos abrir as portas para crianças
que tem um histórico de fracasso escolar, nos professores devemos entender o
que eles gostam de fazer, por meio desse interesse acredito que elas podem
viver momentos de satisfação e prazer e assim desco brir uma comunicação
diferente.

Não se trata de privar mas sim garantir possibilidades de uma


aprendizagem diferente, ou seja, a diferença surpreende, amplia e enriquece.
O campo de atuação do professor no atual cenário esta cada vez mais
dinâmico e algumas carências de preparação exige maior atualização
profissional; somado a baixa remuneração que obriga ao exercício duplicado a
jornada de trabalho, principalmente no incentivo governamental e as condições

4
PORTFÓLIO – PONTO DE PARTIDA

de trabalho precárias na maioria das instituições nacionais de ensino, toma o


professor cada vez mais desestimulado no exercício de suas atividades, com
desvalorização da categoria.

Antes de começar este curso de mestrado e entender o motivo de todas as


minhas metas, espero que este curso me traga novas ideias em relação a minha
profissão como professor, não só por fazer um mestrado pelo fato nome mas
acrescentar novos conhecimentos técnicos educacionais, ate mesmo no trabalho, no
dia a dia da escola na formação junto aos educadores. Os objetivos deste programas
estão estabelecidos dentro do campo virtual, com as disciplinas e tutorias na qual o
aluno posso interagir com o professor todas as duvidas que possuir. A questão do
objetivo no âmbito profissional será de capacitar meus conhecimentos como
professores na área de atuação que é artes visuais e musica, ou seja, para professores
que atuam nesta área de conhecimento, tentar levar o ensino de musica para
profissionais em artes visuais, descobrindo caminhos que possam contribuir em sua
disciplina especifica, e que tenha um retorno no aprendizado em sua formação
continuada.

5
PORTFÓLIO – PONTO DE PARTIDA