Página 1 de 3

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP
Código POP 019 Data Emissão MAIO/ 2012 Data de Vigência MAIO / 2012 Próxima Revisão MAIO / 2013 Versão nº

1

Área Emitente: GE - SRCAIADO Assunto:

: CUIDADOS DE ENFERMAGEM NO PREPARO DE MEDICAMENTOS

Objetivo: Consiste no preparo, de acordo com a apresentação e via de administração prescrita, até a introdução de fármacos no organismo humano. A administração de medicamentos a pacientes hospitalizados é uma das maiores responsabilidades do enfermeiro e sua equipe, pois lhe é outorgada legalmente a competência técnica para planejar a ação de administrar as drogas aos pacientes sob seu cuidado. Devemos seguir sempre: OS CINCOS CERTOS da medicação: Medicamento Certo, Via Certa, Dose Certa, Hora Certa, Paciente Certo. Confira SEMPRE o rótulo da medicação. Nunca confie. Leia você mesmo. Três Leituras certas da medicação: PRIMEIRA LEITURA: Antes de retirar o frasco ou ampola do armário ou carrinho de medicamentos. SEGUNDA LEITURA: Antes de retirar ou aspirar o medicamento do frasco ou ampola. TERCEIRA LEITURA: Antes de recolocar no armário ou desprezar o frasco ou ampola no coletor adequado. Setor: Enfermagem Periodicidade da execução: Sempre que houver prescrição medicamentosa para ser administrada no paciente. Responsável: Enfermeiro, Técnico e Auxiliar de Enfermagem. Indicação: Para administrar a medicação com segurança seguindo todas as normas e técnicas de administração de medicamentos pelas diferentes vias. Para se obter o efeito terapêutico desejado. Todo profissional de enfermagem para administrar um medicamento deve conhecer seu principio ativo, dose usual, via de administração, ações principais, efeitos colaterais, contra indicações e possíveis cuidados de enfermagem antes, durante e depois da administração do medicamento. Pré-requisito(s)- Material Ficha única do paciente com a prescrição do medicamento • Copo descartável • Canudo • Agulhas de números variados, adequados para aspirar a medicação e para administrar a medicação;

Procedimento: 1- Lavar as mãos antes de todos os procedimentos envolvidos no preparo de medicamentos 2- Todo medicamento deverá estar escrito de forma legível (CRM), assinado e carimbado pelo médico; 3- Identificar o paciente, número do leito, nome da medicação, a via de administração, a dose a ser administrado, e o horário. 4- Nunca administrar medicamento sem rótulo 5- Sempre verificar a data de validade do medicamento 6- NUNCA administrar medicamentos preparados por outras pessoas; 7- Interar-se sobre as diversas drogas, para conhecer cuidados específicos e efeitos colaterais; 8- Checar a medicação na ficha única somente após aplicação ou ingestão do medicamento; 9- Tendo dúvidas sobre o medicamento, não administrá-lo e procurar esclarecimentos; 10- Caso não seja administrado o medicamento, rodelar o horário, justificar na anotação de enfermagem e comunicar a enfermeira(o) o motivo pelo qual não foi administrado, para devidas providências.; e descrever em anotação de enfermagem o motivo, de forma clara, 11- Certificar-se sobre a prescrição médica e de enfermagem: controle hídrico, dietas, jejum, suspensão de medicamentos antes de prepará-los. 12- Todos os produtos fotossensíveis deverão ser protegidos da luz durante a sua infusão, para tanto, deve ser utilizado o equipo fotossensível apropriado; 13- Antes de administrar qualquer medicamento, assegure-se de que ele está na temperatura ambiente. Se durante a reconstituição, diluição e administração dos medicamentos, observar qualquer mudança de coloração e formação de precipitado ou cristais, interrompa o processo e comunique ao enfermeiro plantonista que notificará a farmácia. 14- Medicamentos amargos podem ser diluídos na água, diminui-se o amargor colocandose gelo na boca antes e depois da medicação, caso não tenha contra indicação. 15- Certifique-se do tipo de diluente recomendado, verificando se é adequado ao medicamento, 16- Medicamentos incompatíveis não devem ser misturados entre si ou em solução, devendo ser evitada a administração simultânea no mesmo horário ou via. 17- Caso seja necessária a administração simultânea de dois medicamentos injetáveis, intravenoso, prepare cada um separadamente, e entre a administração do primeiro medicamento e do segundo, administre 10 a 20 ml de água destilada. 18- Em pediatria e neonatologia o volume utilizado entre duas medicações intravenosas deverá ser administrado segundo orientação médico/enfermeira. 19- Não é recomendável a administração simultânea de qualquer medicamento com hemoderivados e hemocomponentes; 20- Quando o medicamento for administrado pela via IM não realize a mistura de medicamentos na mesma via 21- Após a diluição, alguns medicamentos podem ser guardados para serem utilizados posteriormente, nestes casos, identifique corretamente o frasco do medicamento com nome da medicação, data e hora da diluição, volume, diluente utilizado e nome do responsável pela diluição. Acondicione-o corretamente, conforme indicações do fabricante. 22- NUNCA administre um medicamento previamente diluído sem certificar-se de que este ainda está dentro do período de validade da sua diluição ou reconstituição, e que

contém todas as informações sobre sua diluição escritas na etiqueta de identificação. 23- Não utilize agulhas como respiros em frascos de soro ou de soluções, pois esta prática leva à contaminação da solução. 24- Medicação injetável com determinado volume por hora deverá ser administrada por Bomba Infusora.

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO - POP Código POP – 019 Data Emissão MAIO / 2012 Data de Vigência MAIO/ 2012 Próxima Revisão MAIO/ 2013

Página 3 de 3 Versão nº

1

Gerencia de Enfermagem SRCAIADO Assunto: CUIDADOS

DE ENFERMAGEM NO PREPARO DE MEDICAMENTOS

CUIDADOS DE ENFERMAGEM NO PREPARO DE MEDICAMENTOS
Responsabilidades

Responsáveis Nome(s)
Dra Sandra Regina Caiado

Data Visto(s)

Cargo(s)
Gerente

Elaboração

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful