Você está na página 1de 20

Objectos

! A produção de utensílios e ferramentas surgiu em resposta às

necessidades humanas, de que resultou uma relação técnica e tecnológica entre o objecto e o Homem.

! Os objectos tornaram-se como extensões do gesto e do corpo e protecção material do Homem.

Objectos
! A evolução técnica e tecnológica reflectiu-se nos objectos, que

evoluiram no sentido de uma maior eficácia e funcionalidade.

Gaiola de transporte de animais

Evolução da foice para cortar cereais (da pedra e bronze ao ferro)

Prato de casca de árvore

Objectos
! A funcionalidade dos objectos depende da relação entre função,

forma, material, princípio de funcionamento e conhecimentos e processo de produção.

O Homem cria objectos técnicos inspirados nas leis da Natureza.

Objectos

Objectos: classificação
! Os objectos técnicos podem ser distinguidos em 3 categorias:

- Úteis
Estão ligados às actividades comuns dos homens; contêm uma função técnica.

- Mágicos
Estão directamente ligados ao místico, ao simbolismo, ao sagrado.

- Lixo
Proveniente das diversificadas agonias dos objectos e apresentase como a antítese (o contrário) das duas primeiras.

Objectos: classificação segundo função e significado
! Se atendermos à função e significado dos objectos, é possível

distinguir as seguintes categorias de objectos criados pelo Homem:

Objectos: classificação segundo função e significado

Objectos: valoração crítica
! Ao criar um objecto, o Homem atribui-lhes sempre uma função que só

se completa com a utilização - valor de uso -, complementada por uma outra função simbólica - valor de signo. O valor de signo tende a aumentar à medida que se reduz a sua utilização e se lhe atribui outro valor pela antiguidade do objecto.

Objectos: valoração crítica
! Quando escolhemos ou utilizamos um objecto fazemos uma avaliação

crítica com base em valores que consideramos fundamentais: a funcionalidade, o valor económico e o valor estético.

Objecto técnico: classificação segundo padrões de utilização
! Os objectos técnicos distinguem-se pela forma como se relacionam

com o ser humano, podendo-se classificar segundo padrões de utilização:

Utensílio
O automobilista utiliza a chave para abrir a porta do seu automóvel e também para ligar o motor.

Ferramenta
O mecânico necessita da chave de bocas para reparar a viatura.

Objecto técnico: classificação segundo padrões de utilização

Dispositivo
A biela-manivela faz parte do motor e contribui para o seu funcionamento.

Sistema
O automóvel é composto por vários dispositivos que contribuem para um mesmo fim: transporte particular de pessoas.

Objecto técnico como sistema
! Hoje, os objectos são pensados

como um produto de um sistema de produção e consumo inserido num sistema de objectos.
! Podem ser definidas famílias de

objectos (com a mesma função e princípio) descendendo ou competindo uns com os outros.

Objecto técnico como sistema: análise
! A análise técnica permite saber

como o objecto é feito, descrever os materiais, individualizar as partes, verificar como se juntam para o seu funcionamento global.

Objecto técnico como sistema: análise
! A análise técnica tem como objectivo dar resposta a diferentes

actividades ou situações, como a reparação de um objecto, de acordo com as suas características de constituição e funcionamento.

Objecto técnico como sistema

Estrutura de uma lanterna eléctrica

Objecto técnico como sistema

Estrutura de uma máquina de costura

Objecto técnico como sistema

Elementos constituintes de uma bicicleta

Objecto técnico como sistema

Elementos constituintes de um berbequim eléctrico

Objecto técnico: antropometria
! Todos os objectos que o Homem utiliza são criados à sua imagem, ele

é a medida de tudo. As necessidades da vida social e do mundo do trabalho exigem objectos perfeitamente adequados às suas dimensões, ao seu corpo e às suas características anatómicas.

A antropometria - (termo que significa a “medida do Homem”, do grego “antropos” (Homem) e “metros” (medida) - é a ciência que estuda a relação entre as dimensões do Homem e os objectos.

Objecto técnico: ergonomia
! Outro tipo de estudo consiste na relação do Homem com o objecto

enquanto utilizador, tendo em conta preocupações de eficiência, de modo a facilitar o seu uso e proporcionar menor esforço, fadiga e maior conforto.
Gestos funcionais da mão

A ergonomia - (termo que significa estudo das regras de adaptação entre o
trabalhador e o equipamento, do grego “ergon” (trabalho) e “nomos” (normas) -

é a ciência que estuda esta relação.