Você está na página 1de 34

rotadosconcursos.com.

br

Simulado
Criado em 17/05/2017 às 19:57:57

Matéria(s)/Assunto(s): Controle de Constitucionalidade

1.Sobre controle abstrato de constitucionalidade, analise as afirmativas a


seguir. I ​ Um partido político pode ajuizar Ação Declaratória de
Constitucionalidade desde que tenha representação em, pelo menos, uma das
Casas do Congresso Nacional. II ​ Normas orçamentárias são impedidas de ser
submetidas a processo de Ação Declaratória de Inconstitucionalidade por ser
atos normativos de efeito concreto. III ​ Leis e atos normativos municipais são
impedidos de ser objeto de controle abstrato de constitucionalidade perante o
STF. Está correto o que se afirma em

A) I, apenas.
B) II, apenas.
C) I e II, apenas.
D) II e III, apenas.
E) I, II e III.
Fonte: CESGRANRIO / 2011 / Petrobras / Advogado Júnior / Questão:55

A respeito do controle de constitucionalidade, julgue os itens que se seguem.

2.Por ser entidade de classe de âmbito nacional, a União Nacional dos


Estudantes pode ingressar com ADI.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / / Analista Legislativo - Área Direito / Questão:60

Acerca do controle de constitucionalidade no ordenamento jurídico nacional,


julgue o item seguinte.

3.Segundo o STF, na ação direta de inconstitucionalidade genérica, é cabível a


concessão de medida cautelar que suspenda a vigência da lei ou do ato
normativo arguido como inconstitucional, assim como é viável a concessão de
medida liminar na ação declaratória de constitucionalidade; em ambas as
ações, tal concessão tem efeito vinculante.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / TRE ES / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:61

No que concerne ao controle de constitucionalidade, julgue os itens que se


1 de 34
rotadosconcursos.com.br
seguem.

4.É cabível ação rescisória contra decisão proferida em ação direta de


inconstitucionalidade após o trânsito em julgado da decisão.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / STM / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:95

5.É possível se formular pedido cautelar em ação direta de


inconstitucionalidade.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / STM / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:96

Com relação ao controle de constitucionalidade e à eficácia das normas


constitucionais, julgue os itens subsequentes.

6.No sistema constitucional brasileiro, o Supremo Tribunal Federal (STF) pode


exercer o controle de constitucionalidade apenas via recurso extraordinário e
em processos objetivos, nos quais se veiculem as ações diretas.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / STM / Analista Judiciário - Área Judiciária - Especialidade: Execução de Mandados / Questão:98

Julgue os itens a seguir, acerca da Constituição Federal de 1988 (CF).

7.No controle de constitucionalidade por via de exceção, a inconstitucionalidade


não diz respeito diretamente ao objeto principal da lide, mas, sim, à questão
prévia, tida como indispensável ao julgamento de mérito. Em razão disso, a
decisão tem efeito inter partes, já que o ato normativo ou a lei permanecem
válidos e com força obrigatória em relação a terceiros.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / TRT 21ª / Analista Judiciário - Área Judiciária - Especialidade: Execução de Mandados / Questão:51

O Estado brasileiro, como estado democrático de direito, apresenta, no seu


texto constitucional, os parâmetros para o exercício da soberania popular, a
partir de princípios e normas basilares, submetidos a constante controle. Com
relação a esse tema, julgue os itens a seguir.

8.No direito brasileiro, em se tratando de controle de constitucionalidade, em


regra, aplica-se a teoria da nulidade de forma absoluta no controle
concentrado.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / MPU / Analista Processual / Questão:62

9.O controle repressivo em relação ao órgão controlador político

A) ocorre quando a Constituição submete certas leis e atos normativos ao


controle político e outras ao controle jurisdicional.
B) se trata da verificação da adequação de atos normativos com a Constituição
2 de 34
rotadosconcursos.com.br
feita pelos órgãos integrantes do Poder Judiciário.
C) ocorre em Estados onde o órgão que garante a supremacia da Constituição
sobre o ordenamento jurídico é distinto dos demais Poderes do Estado.
D) impede que alguma norma maculada pela eiva da inconstitucionalidade
ingresse no ordenamento jurídico.
E) se trata da verificação da adequação de atos normativos previamente pelo
Poder Legislativo e depois pelo Poder Judiciário.
Fonte: FCC / 2011 / TRE PE / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:24

10.As decisões que envolverem a declaração de inconstitucionalidade de lei ou


de ato normativo do Poder Público, a interpretação do Código Eleitoral em face
da Constituição Federal, a anulação geral de eleições e a perda de mandato ou
diploma de candidatos, só poderão ser tomadas com a presença de

A) todos os membros do Tribunal.


B) 2/3 dos membros do Tribunal.
C) 1/3 dos membros do Tribunal.
D) no mínimo metade dos membros do Tribunal.
E) no mínimo 3/4 dos membros do Tribunal.
Fonte: FCC / 2011 / TRE PE / Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Relações Públicas / Questão:60

11.Ao julgar ações diretas de inconstitucionalidade tendo por objeto dispositivos


de lei definidora de critérios para o rateio dos Fundos de Participação dos
Estados e do Distrito Federal, o Supremo Tribunal Federal (STF) declarou a
inconstitucionalidade, sem pronúncia de nulidade, dos dispositivos atacados,
assegurada sua aplicação até 31 de dezembro de 2012 (ADI 875, ADI 1.987 e
ADI 2.727, Rel. Min. Gilmar Mendes, Plenário, publ. DJE de 30-4-2010). No caso
em tela,

A) a decisão é nula, uma vez que o vício de inconstitucionalidade pressupõe a


nulidade do ato, devendo a declaração de inconstitucionalidade produzir efeitos
retroativos e eficácia contra todos.
B) a decisão é nula, uma vez que somente se admite a possibilidade de
restrição do alcance subjetivo da declaração de inconstitucionalidade em sede
de controle concentrado.
C) a decisão somente produzirá efeitos se vier a ser editada Resolução do
Senado Federal suspendendo a eficácia dos dispositivos legais declarados
inconstitucionais pelo STF.
D) as ações foram julgadas parcialmente procedentes, uma vez que não foi
pronunciada a nulidade dos dispositivos legais tidos por inconstitucionais.
E) o STF procedeu à modulação dos efeitos temporais da declaração de
inconstitucionalidade, consoante faculdade prevista expressamente em lei.
Fonte: FCC / 2011 / PGE / Procurador do Estado / Questão:7

12.Em janeiro de 1999, o Governador do Distrito Federal editou o Decreto no


20.098, por meio do qual se vedava a realização de manifestações públicas
com a utilização de carros de som e assemelhados na Praça dos Três Poderes,
na Esplanada dos Ministérios, na Praça do Buriti e adjacências. O Decreto
distrital foi objeto de ação direta de inconstitucionalidade, ao final julgada
procedente, extraindo-se do voto do Relator, Ministro Ricardo Lewandowski, o
seguinte excerto: "A restrição ao direito de reunião estabelecida pelo Decreto
distrital 20.098/99, a toda a evidência, mostra-se inadequada, desnecessária e
3 de 34
rotadosconcursos.com.br
desproporcional quando confrontada com a vontade da Constituição (Wille Zur
Verfassung), que é, no presente caso, permitir que todos os cidadãos possam
reunir-se pacificamente, para fins lícitos, expressando as suas opiniões
livremente." (ADI 1969 − DF, publ. DJE 31.08.2007). Considere as seguintes
afirmações a esse respeito: I. O STF adentrou a análise do mérito da
constitucionalidade do Decreto distrital, fazendo prevalecer a norma
constitucional segundo a qual todos podem reunir-se pacificamente, sem
armas, em locais abertos ao público, independentemente de autorização, desde
que não frustrem outra reunião anteriormente convocada para o mesmo local,
sendo apenas exigido prévio aviso à autoridade competente. II. Em seu voto, o
Ministro Relator efetua a análise à luz do princípio da proporcionalidade,
utilizado em sede de jurisdição constitucional para aferir a procedência de
medidas restritivas de direitos fundamentais, assim como em situações de
ocorrência de colisão de direitos fundamentais. III. A referência à vontade da
Constituição evidencia que a aplicação da norma constitucional não se
restringiu à sua literalidade, tendo se procedido a uma interpretação
teleológica, relacionando-se o direito de reunião à liberdade de expressão do
pensamento. Está correto o que se afirma em

A) I, apenas.
B) II, apenas.
C) I e II, apenas.
D) I e III, apenas.
E) I, II e III.
Fonte: FCC / 2011 / PGE / Procurador do Estado / Questão:12

13.NÃO podem propor a ação direta de inconstitucionalidade e a ação


declaratória de constitucionalidade perante o Supremo Tribunal Federal:

A) a Confederação sindical ou entidade de classe de âmbito nacional.


B) a Mesa do Senado Federal.
C) o Procurador-Geral da República.
D) o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil.
E) o partido político sem representação no Congresso Nacional.
Fonte: FCC / 2011 / TRE TO / Técnico Judiciário - Área Administrativa / Questão:26

14.O controle difuso de constitucionalidade é verificado quando

A) a Câmara dos Deputados desaprova emenda constitucional que altera


Cláusula Pétrea.
B) o legitimado para julgar for apenas a Corte Especial do Superior Tribunal de
Justiça.
C) se reconhece o seu exercício a todos os membros do Poder Judiciário.
D) o Senado Federal desaprova projeto de lei tendente a revogar Cláusula
Pétrea.
E) o chefe do Poder Executivo veta lei que viola as disposições constitucionais.
Fonte: FCC / 2011 / TRT 20ª / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:21

15.Quando o Supremo Tribunal Federal apreciar a inconstitucionalidade, em


tese, de norma legal ou ato normativo, citará, previamente, o

A) Ministro Chefe da Casa Civil.


4 de 34
rotadosconcursos.com.br
B) Procurador-Geral da República.
C) Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil.
D) Presidente da República.
E) Advogado-Geral da União.
Fonte: FCC / 2011 / TRT 14ª / Analista Judiciário - Área Judiciária - Especialidade: Execução de Mandados / Questão:22

16.São dois exemplos de cláusulas pétreas previstas expressamente na


Constituição da República Federativa do Brasil:

A) a República e os direitos e garantias individuais.


B) a Federação e o processo legislativo.
C) o Direito Constitucional e a moralidade administrativa.
D) a separação de poderes e a República.
E) a forma federativa de Estado e o voto direto, secreto, universal e periódico.
Fonte: VUNESP / 2011 / SEE / Executivo Público / Questão:24

17.Deverá ser previamente ouvido nas ações de inconstitucionalidade e em


todos os processos, de competência do Supremo Tribunal Federal, o

A) Procurador-Geral da República.
B) Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil.
C) Presidente da República.
D) Governador do Estado.
E) Ministro Chefe da Casa Civil.
Fonte: FCC / 2011 / TRT 14ª / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:25

18.Sobre o controle de constitucionalidade brasileiro, é correto afirmar que

A) pode ser exercido previamente pelo Poder Legislativo, realizado antes de


aprovação da lei ou ato normativo, vinculando, com esse controle, todos os
demais poderes.
B) o controle de constitucionalidade repressivo não mais é admitido no direito
brasileiro por ferir o princípio democrático.
C) no controle de constitucionalidade incidental, é necessário observar-se a
cláusula de reserva de plenário.
D) a Constituição Federal brasileira não admite o controle de
constitucionalidade político.
E) o Poder Executivo exerce o controle de constitucionalidade incidental, mas
não o preventivo.
Fonte: VUNESP / 2011 / SEE / Executivo Público / Questão:26

19.Analise as seguintes afirmativas acerca do sistema de controle de


constitucionalidade. I. Compete ao Supremo Tribunal Federal processar e julgar,
originariamente, a ação direta de inconstitucionalidade de lei ou ato normativo
federal, estadual ou municipal. II. A ação declaratória de constitucionalidade, a
ser julgada pelo STF, é cabível em face de lei ou ato normativo federal, mas
não em face de lei ou ato normativo estadual. III. As decisões definitivas de
mérito, proferidas pelo STF, nas ações diretas de inconstitucionalidade,
produzirão eficácia contra todos e efeito vinculante, relativamente aos demais
poderes da República. IV. O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do
Brasil está legitimado a propor a ação declaratória de constitucionalidade
perante o Supremo Tribunal Federal. Está correto somente o que se afirma em
5 de 34
rotadosconcursos.com.br

A) I e II.
B) I e III.
C) II e III.
D) II e IV.
E) III e IV.
Fonte: VUNESP / 2011 / SEE / Executivo Público / Questão:27

20.Publicada lei de vigência imediata que revogou normas anteriores, houve o


ajuizamento de ADI, tendo sido a referida lei declarada inconstitucional dois
meses depois de sua publicação. Considerando essa situação hipotética,
assinale a opção correta.

A) Para preservar a segurança das relações, deve-se, como regra, manter a


exigibilidade do título fundado na lei declarada inconstitucional.
B) Em razão do princípio da obrigatoriedade simultânea, a lei teve vigência, por
dois meses, em todo o território nacional e em outros países.
C) A declaração de inconstitucionalidade deve afetar os atos praticados durante
a vigência da lei, visto que, na hipótese, se admite, de acordo com o
ordenamento nacional, repristinação.
D) A declaração de inconstitucionalidade afeta a vigência da lei assim
declarada da mesma forma que opera o esgotamento do prazo nas leis
temporárias.
E) Dada a declaração de inconstitucionalidade, a decisão afeta os atos
praticados no período da vacatio legis.
Fonte: CESPE / 2011 / TRF 3ª / Juiz Federal Substituto da 3ª Região / Questão:39

21.NÃO pode, dentre outros, propor a ação direta de inconstitucionalidade e a


ação declaratória de constitucionalidade o

A) Presidente de Sindicato de Classe de âmbito estadual.


B) Presidente da República.
C) Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil.
D) partido político com representação no Congresso Nacional.
E) Governador de Estado ou do Distrito Federal.
Fonte: FCC / 2011 / INFRAERO / Analista Superior II - Área Advogado / Questão:40

22.A empresa W foi vitoriosa em ação condenatória proposta em face da


empresa Z. Após o trânsito em julgado, foi iniciada a fase de cumprimento de
sentença. Antes do prazo legal, a empresa Z apresentou ação rescisória,
aduzindo a existência de coisa julgada inconstitucional. A ação foi admitida pelo
relator que determinou a citação da ré no prazo de vinte dias. Determinou,
ainda, a suspensão da execução. Por conseguinte, o(a)

A) fundamento aduzido pela autora é a existência de documento novo.


B) fundamento apresentado não tem sustentação no sistema jurídico pátrio.
C) argumento apresentado diz respeito à violação literal de dispositivo de lei.
D) narrativa trata de aferição da existência de juiz peitado.
E) questão referida somente poderia ser alegada na fase de conhecimento.
Fonte: CESGRANRIO / 2011 / / Advogado Júnior / Questão:46

23.Uma lei do Distrito Federal foi sancionada, promulgada e publicada em julho


6 de 34
rotadosconcursos.com.br
de 2011, mas só entrará em vigor em 180 dias a partir da data da publicação.
Essa lei será objeto de

A) Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) desde que haja controvérsia


judicial relevante.
B) Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) se for materialmente estadual.
C) Ação Declaratória de Constitucionalidade (ADC) se for materialmente
estadual.
D) Ação Declaratória de Constitucionalidade (ADC) desde que haja controvérsia
judicial relevante.
E) Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) se for
materialmente estadual.
Fonte: CESGRANRIO / 2011 / / Advogado Júnior / Questão:54

24.Analise as afirmativas a seguir. I. A repristinação é o fenômeno jurídico que


ocorre quando uma norma revogadora de outra anterior, que, por sua vez,
tivesse revogado uma mais antiga, recoloca esta última novamente em estado
de produção de efeitos. II. O fenômeno repristinatório existe no ordenamento
jurídico brasileiro sem que haja necessidade de qualquer ressalva normativa, já
que ele pode ser presumido constitucionalmente. III. A declaração final de
inconstitucionalidade, quando proferida em sede de fiscalidade normativa
abstrata, não importa no efeito repristinatório de normas revogadas pelo
diploma normativo julgado inconstitucional. IV. Em virtude do exercício da
competência legislativa plena dos Estados, a União não poderá suspender a
eficácia de lei estadual no que lhe for contrário. Está correto apenas o contido
em

A) I.
B) II e IV.
C) III e IV.
D) I, III e IV.
Fonte: VUNESP / 2011 / TJMG / Juiz de Direito Substituto / Questão:56

25.Analise as afirmativas a seguir. I. O STF já consolidou o entendimento de


que a ação cível pública pode ser utilizada como meio de fiscalização difusa de
constitucionalidade, desde que a declaração de inconstitucionalidade seja
apenas a causa pedir e não constitua objeto único do pedido. II. No controle
concreto de constitucionalidade, a arguição de inconstitucionalidade é questão
prejudicial e gera um procedimento incidenter tantum. III. O sistema judicial de
controle de constitucionalidade brasileiro foi alterado pela Emenda n.º 16/65 à
Constituição Federal brasileira de 1946, uma vez que introduziu o controle
judicial abstrato. IV. O sistema judicial de controle de constitucionalidade
brasileiro até a introdução do controle concentrado, por modificação operada
na Constituição Federal de 1946, seguia o modelo norte-americano, sendo que,
a partir daí, recepcionou a concepção “austríaco-kelseniana”, sem, contudo,
abandonar a fiscalização judicial difusa. Está correto o contido em

A) II, apenas.
B) I e III, apenas.
C) II e III, apenas.
D) I, II, III e IV.
Fonte: VUNESP / 2011 / TJMG / Juiz de Direito Substituto / Questão:60

7 de 34
rotadosconcursos.com.br

26.Considere a seguinte Ementa: Intervenção federal. Representação do


Procurador-Geral da República. Distrito Federal. Alegação da existência de largo
esquema de corrupção. Envolvimento do ex-governador, deputados distritais e
suplentes. Comprometimento das funções governamentais no âmbito dos
Poderes Executivo e Legislativo. Fatos graves objeto de inquérito em curso no
Superior Tribunal de Justiça. Ofensa aos princípios inscritos no art. 34, inc. VII,
“a”, da CF. Adoção, porém, pelas autoridades competentes, de providências
legais eficazes para debelar a crise institucional. Situação histórica
consequentemente superada à data do julgamento. Desnecessidade
reconhecida à intervenção, enquanto medida extrema e excepcional. Pedido
julgado improcedente. A análise da referida ementa leva à conclusão de que se
trata de uma

A) intervenção federal espontânea, para pôr termo a grave comprometimento


da ordem pública, julgada pelo Supremo Tribunal Federal.
B) intervenção federal espontânea, para pôr termo a grave comprometimento
da ordem pública, julgada pelo Superior Tribunal de Justiça.
C) ação direta de inconstitucionalidade interventiva, julgada pelo Supremo
Tribunal Federal, por afronta a princípios sensíveis da Constituição.
D) ação direta de inconstitucionalidade interventiva, julgada pelo Superior
Tribunal de Justiça, por afronta a princípios sensíveis da Constituição.
E) intervenção federal decorrente de ação de executoriedade de decisão
judicial, julgada pelo Supremo Tribunal Federal, por descumprimento de ordem
judicial.
Fonte: FCC / 2011 / TCE / Analista de Controle - Área Jurídica / Questão:57

27.O objeto, que engloba a possibilidade do Supremo Tribunal Federal de


controlar as deliberações administrativas dos Tribunais Regionais do Trabalho,
salvo as convenções coletivas de trabalho, é o da ação

A) de exceção de constitucionalidade difusa.


B) direta de inconstitucionalidade interventiva.
C) direta de inconstitucionalidade por omissão.
D) declaratória de constitucionalidade.
E) direta de inconstitucionalidade genérica.
Fonte: FCC / 2011 / TRT 23ª / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:52

Acerca do controle de constitucionalidade, julgue os itens a seguir.

28.Os efeitos da decisão procedente de uma ação direta de


inconstitucionalidade são ex tunc e erga omnes, não se admitindo exceções à
regra legalmente instituída.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / TJES / Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Direito / Questão:53

29.A ação direta de inconstitucionalidade por omissão pode ser proposta pelos
mesmos legitimados à propositura da ação direta de inconstitucionalidade
genérica e da ação declaratória de constitucionalidade.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / TJES / Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Direito / Questão:54
8 de 34
rotadosconcursos.com.br

30.Quanto a declaração de inconstitucionalidade de lei ou de ato normativo do


Poder Público, é INCORRETO afirmar:

A) A arguição de inconstitucionalidade somente poderá ser suscitada a


requerimento do Ministério Público do Trabalho pelo Relator, antes de concluído
o relatório.
B) Somente pelo voto da maioria absoluta de seus membros poderá o Tribunal
Pleno declarar a inconstitucionalidade de lei ou ato normativo do Poder Público,
na forma da Constituição Federal.
C) A decisão declaratória de inconstitucionalidade de lei ou de ato normativo do
Poder Público, observadas as exigências regimentais, motivará a edição de
Súmula.
D) Resolvida a questão constitucional, o julgamento do mérito dar-se-á de
acordo com o que houver sido decidido quanto à referida prejudicial.
E) A decisão que declarar imprescindível o pronunciamento prévio do Tribunal
Pleno sobre a inconstitucionalidade de ato normativo do Poder Público é
insuscetível de recurso nessa fase, sem prejuízo de recurso próprio.
Fonte: FCC / 2011 / TRT 14ª / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:58

Com relação ao processo legislativo e ao controle de constitucionalidade, julgue


os itens seguintes.

31.Considere que o tribunal de justiça do estado tenha julgado procedente ação


direta de inconstitucionalidade que teve por objeto lei municipal, sob o
fundamento de afronta a dispositivo inserto na Constituição Estadual, o qual se
limitou a reproduzir preceito da CF de observância obrigatória pelos estados.
Nessa hipótese, segundo entendimento do STF, não é viável a utilização de
qualquer espécie recursal contra a referida decisão para fins de submissão do
tema à jurisdição da corte suprema, por tratar-se de decisão proferida no
âmbito do controle abstrato de normas e por ter tido como objeto lei municipal.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / / Delegado de Polícia / Questão:62

Acerca do controle de constitucionalidade no ordenamento jurídico brasileiro,


julgue o item a seguir.

32.A CF regula o controle concentrado in abstrato de constitucionalidade no


âmbito estadual, exercido tanto em sede de representação de
inconstitucionalidade, como em ação declaratória de constitucionalidade de leis
ou atos normativos estaduais ou municipais, em face da Constituição estadual.
Todas são ações cuja competência foi atribuída, pela CF, ao tribunal de justiça.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / CBMDF / QOBM/Complementar – Área Direito / Questão:77

A respeito do controle de constitucionalidade, julgue os itens que se seguem.

33.Somente o Poder Judiciário pode pronunciar a inconstitucionalidade de uma


lei em vigor, alcançando retroativamente as situações que se formaram sob
sua égide.
9 de 34
rotadosconcursos.com.br

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / EBC / Analista de Empresa de Comunicação Pública - Área Advocacia / Questão:82

34.Entidades privadas podem figurar como litisconsortes passivos necessários


em ação direta de inconstitucionalidade.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / EBC / Analista de Empresa de Comunicação Pública - Área Advocacia / Questão:83

35.A aferição da legitimidade do partido político para a propositura de uma


ação direta de inconstitucionalidade deve ser feita no momento da propositura
da ação, sendo irrelevante a ulterior perda de representação no Congresso
Nacional.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / EBC / Analista de Empresa de Comunicação Pública - Área Advocacia / Questão:84

36.O controle de constitucionalidade principal e concentrado somente pode ser


exercido pelo Supremo Tribunal Federal.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / EBC / Analista de Empresa de Comunicação Pública - Área Advocacia / Questão:85

Acerca do controle de constitucionalidade no sistema brasileiro, julgue os itens


subsequentes.

37.Decisão proferida pelo STF em sede de arguição de descumprimento de


preceito fundamental pode ser objeto de ação rescisória, considerando-se as
peculiaridades do instituto.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / ECT / Agente dos Correios - Especialidade: Advogado / Questão:113

38.O controle difuso de constitucionalidade, que é exercido somente perante


caso concreto, pode ocorrer por meio das ações constitucionais do habeas
corpus e do mandado de segurança.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / ECT / Agente dos Correios - Especialidade: Advogado / Questão:114

39.Em regra, decisão proferida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) que defere
a medida cautelar em ação direta de inconstitucionalidade tem efeitos ex nunc.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2011 / ECT / Agente dos Correios - Especialidade: Advogado / Questão:115

40.A respeito do controle de constitucionalidade na jurisprudência do STF,


assinale a opção correta.

A) O STF está adstrito à fundamentação jurídica (causa petendi) invocada na


10 de 34
rotadosconcursos.com.br
ADI, desde que o proponente a tenha trazido de forma específica, e não
genérica.
B) Não é possível a intervenção de terceiros na ADI e na ADC, em razão da
natureza objetiva do controle normativo abstrato, no qual não se discutem
interesses ou direitos subjetivos nem há litígio entre as partes.
C) Quando ato normativo municipal for contestado em face de norma da
constituição do estado repetida da CF, por força da reprodução obrigatória, a
competência para julgar a ADI será do STF.
D) Não é cabível o ajuizamento de ADI perante o STF para impugnar ato
normativo editado pelo DF, no exercício de competência que a CF tenha
reservado aos municípios.
E) A ação civil pública pode ser manejada para se obter o controle de
constitucionalidade de lei, desde que a declaração de inconstitucionalidade seja
incidenter tantum e tenha eficácia erga omnes.
Fonte: CESPE / 2010 / MPE / Promotor de Justiça Substituto / Questão:55

41.João ajuíza ação ordinária para discutir direito próprio e alega, nos
argumentos de sua petição, uma questão incidental de inconstitucionalidade a
fim de provocar o controle difuso. Ao examinar o caso de João, o juiz de
primeira instância julga procedente o pedido formulado e declara a
inconstitucionalidade da lei apontada na petição. Ainda pendente de julgamento
recurso interposto pela parte contrária na ação movida por João, é publicada
uma decisão definitiva de mérito do Supremo Tribunal Federal em Ação
Declaratória de Constitucionalidade (ADC), ajuizada pelo Procurador-Geral da
República, em que se reconhece a constitucionalidade da referida lei. Diante da
situação apresentada, é correto afirmar:

A) A decisão do juiz de primeira instância deve ser mantida em segunda


instância, pois o controle de constitucionalidade difuso tem efeitos apenas inter
partes.
B) A decisão do STF não pode interferir na ação de João, haja vista que possui
um vício formal, pois o Procurador-Geral da República não é legitimado para
propor Ação Declaratória de Constitucionalidade.
C) João deve entrar com uma reclamação perante o STF para garantir que a
decisão da ADC tenha efeitos ex nunc e não atinja sua ação.
D) A decisão do STF surtirá efeitos no julgamento do recurso interposto por
João, pelo fato de a decisão definitiva de mérito em ADC produzir eficácia erga
omnes e efeito vinculante.
E) João deve impetrar mandado de segurança diretamente no STF para
garantir os efeitos incidentais do controle de constitucionalidade difuso com
abrangência ex tunc.
Fonte: FCC / 2010 / TJPI / Assessor Jurídico de Gabinete de Juiz de Entrância Final / Questão:4

42.Ao julgar a Arguição de Descumprimento do Preceito Fundamental no 130,


concluiu o Supremo Tribunal Federal pela total procedência da ação, “para o
efeito de declarar como não recepcionado pela Constituição de 1988 todo o
conjunto de dispositivos da Lei Federal no 5.250, de 9 de fevereiro de 1967”
(Rel. Min. Ayres Britto, publ. DJE 6/11/2009). Dentre seus dispositivos, a lei em
questão regulamentava o exercício de direito que atualmente é consagrado
pelo artigo 5o, V, da Constituição da República, segundo o qual “é assegurado o
direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano
material, moral ou à imagem”. Nesse contexto, tem-se que

11 de 34
rotadosconcursos.com.br
A) o exercício do direito de resposta fica condicionado à edição de nova lei que
o regulamente.
B) a decisão do Supremo Tribunal Federal suspendeu a eficácia do artigo 5º, V,
da Constituição.
C) o interessado em exercer direito de resposta precisará impetrar mandado
de injunção para assegurálo.
D) o Supremo Tribunal Federal deve atribuir prazo ao Congresso Nacional para
regulamentar o exercício do direito de resposta, sob pena de
inconstitucionalidade por omissão.
E) a decisão do Supremo Tribunal Federal não impede o exercício do direito de
resposta, que é consagrado em norma constitucional de aplicabilidade
imediata.
Fonte: FCC / 2010 / TCE / Procurador / Questão:2

43.Considere as seguintes afirmações a respeito do sistema de controle de


constitucionalidade vigente no Brasil: I. A ação declaratória de
constitucionalidade pode ser proposta contra lei ou ato normativo federal ou
estadual. II. A arguição de descumprimento de preceito fundamental é cabível
contra lei editada anteriormente à Constituição e com ela incompatível. III. A
ação direta de inconstitucionalidade é cabível contra lei ou ato normativo
federal ou estadual anterior à Constituição e com ela incompatível. IV. Aos
juízes de primeiro grau não cabe declarar a inconstitucionalidade de lei ou ato
normativo, ainda que incidentalmente no processo, tendo em vista a cláusula
de “reserva de plenário” prevista na Constituição Federal. Está correto
SOMENTE o que se afirma em

A) II.
B) III.
C) I e II.
D) I e III.
E) III e IV.
Fonte: FCC / 2010 / PGE / Procurador / Questão:2

44.A arguição de descumprimento de preceito fundamental é um instrumento


que tem como característica

A) ter como objeto exclusivo a proteção dos direitos fundamentais previstos na


Constituição Federal.
B) conferir legitimidade ativa a qualquer cidadão, ao lado dos legitimados para
propor a ação direta de inconstitucionalidade.
C) gerar efeito vinculante para os demais órgãos judiciais e da administração,
quando a decisão for tomada pela maioria simples dos membros do Supremo
Tribunal Federal.
D) validar decisão somente para o julgamento do caso concreto.
E) possuir caráter subsidiário, sendo admitida a propositura quando for
relevante o fundamento da controvérsia constitucional sobre lei ou ato
normativo federal, estadual ou municipal, incluídos os anteriores à Constituição.
Fonte: FCC / 2010 / / Procurador Municipal / Questão:7

No que se refere ao controle de constitucionalidade no ordenamento jurídico


pátrio, julgue os itens a seguir.

12 de 34
rotadosconcursos.com.br
45.O denominado fenômeno da recepção material de normas constitucionais
somente é admitido mediante expressa previsão na nova Constituição.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / DPE / Defensor Público de Classe Inicial / Questão:5

46.Os efeitos gerais da declaração de inconstitucionalidade, no âmbito da ação


direta de inconstitucionalidade, pelo STF são vinculantes em relação aos órgãos
do Poder Judiciário e da administração pública federal, estadual, municipal e
distrital.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / DPE / Defensor Público de Classe Inicial / Questão:6

47.De acordo com a CF, o controle abstrato de constitucionalidade realizado no


âmbito do tribunal de justiça do estado, por intermédio de ação direta de
inconstitucionalidade, somente pode ter por objeto leis ou atos normativos
estaduais ou municipais confrontados perante a Constituição estadual.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / DPE / Defensor Público de Classe Inicial / Questão:7

48.O STF admite, com fundamento no princípio da contemporaneidade, a


aplicação da denominada teoria da inconstitucionalidade superveniente.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / DPE / Defensor Público de Classe Inicial / Questão:8

49.De acordo com a Constituição da República Federativa do Brasil, marque a


alternativa INCORRETA:

A) Somente pelo voto da maioria absoluta de seus membros ou dos membros


do respectivo órgão especial poderão os tribunais declarar a
inconstitucionalidade de lei ou ato normativo do Poder Público.
B) O Presidente do Tribunal competente que, por ato comissivo ou omissivo,
retardar ou tentar frustrar liquidação regular de precatórios incorrerá em crime
de responsabilidade e responderá, também, perante o Conselho Nacional de
Justiça.
C) A ação direta de inconstitucionalidade pode ser proposta pela Mesa do
Congresso Nacional.
D) O Procurador-Geral da República deverá ser previamente ouvido nas ações
de inconstitucionalidade e em todos os processos de competência do Supremo
Tribunal Federal.
E) Ao Poder Judiciário é assegurada autonomia administrativa e financeira.
Fonte: CONSULPLAN / 2010 / / Procurador / Questão:13

Julgue o item abaixo, a respeito das ações diretas de inconstitucionalidade.

50.No controle concentrado, os efeitos da declaração de inconstitucionalidade


são erga omnes e ex tunc, mas, tendo em vista razões de segurança jurídica ou
de excepcional interesse social, o STF pode, por maioria qualificada de dois
terços de seus membros, restringir os efeitos da declaração ou decidir que ela
13 de 34
rotadosconcursos.com.br
só tenha eficácia a partir de seu trânsito em julgado ou de outro momento que
venha a ser fixado.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / TCE / Procurador do Ministério Público / Questão:15

51.A ação declaratória de constitucionalidade NÃO pode

A) ter por objeto lei estadual.


B) ter por objeto ato normativo federal.
C) ser ajuizada por Governador de estado.
D) ser ajuizada somente depois de demonstrada controvérsia judicial relevante.
E) ser ajuizada pelo Governador do Distrito Federal.
Fonte: CESGRANRIO / 2010 / EPE / Advogado / Questão:23

52.

Tendo o texto acima


como referência inicial, assinale a opção correta, acerca do controle de
constitucionalidade.

A) O controle de constitucionalidade preventivo é realizado durante a etapa de


formação do ato normativo, com o objetivo de resguardar o processo legislativo
hígido. Caso haja proposta de emenda constitucional tendente a abolir direito
fundamental, qualquer dos legitimados poderá ajuizar, ainda durante o
processo legislativo, ação direta de inconstitucionalidade para impedir o trâmite
dessa emenda.
B) O sistema jurisdicional instituído com a Constituição Federal de 1891,
influenciado pelo constitucionalismo norteamericano, acolheu o critério de
controle de constitucionalidade difuso, ou seja, por via de exceção, que
permanece até a Constituição vigente. No entanto, nas constituições
posteriores à de 1891, foram introduzidos novos elementos e, aos poucos, o
sistema se afastou do puro critério difuso, com a adoção do método
concentrado.
C) A CF mantém regra segundo a qual somente pelo voto de dois terços de
seus membros ou dos membros do respectivo órgão especial podem os
tribunais declarar a inconstitucionalidade de lei ou ato normativo do poder
público. Essa norma se refere à reserva de plenário.
D) A inobservância da competência constitucional de um ente federativo para a
elaboração de determinada lei enseja a declaração da inconstitucionalidade
14 de 34
rotadosconcursos.com.br
material do ato normativo.
E) A inconstitucionalidade formal se verifica quando a lei ou ato normativo
apresenta algum vício em seu processo de formação. O desrespeito a uma
regra de iniciativa exclusiva para o desencadeamento do processo legislativo
constitui exemplo de vício formal objetivo.
Fonte: CESPE / 2010 / DPU / Arquivista / Questão:22

53.Em um processo de Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental


(ADPF), o Supremo Tribunal Federal julga inconstitucional uma lei municipal de
Macaé/RJ que instituiu determinada restrição às atividades da Petróleo
Brasileiro S.A. – Petrobras. O município de Santos/SP, no qual a Petrobras
também atua, possui lei de idêntico teor, e as autoridades locais continuam
aplicando a norma, sob a alegação de que a ADPF versou apenas sobre a lei de
Macaé/RJ. Entre as medidas judiciais cabíveis, aquela que atende mais
celeremente aos interesses da companhia será propor

A) ADPF, postulando o reconhecimento da inconstitucionalidade da lei de


Santos/SP, sob os mesmos fundamentos acolhidos na ADPF que julgou
inconstitucional norma de igual teor.
B) Reclamação, com pedido de declaração de inconstitucionalidade incidental
da lei de Santos/SP, sob alegação de não observância da decisão do STF na
ADPF que julgou inconstitucional norma de igual teor
C) Ação Declaratória de Inconstitucionalidade, postulando a declaração da
inconstitucionalidade da lei de Santos/SP, sob os mesmos fundamentos
acolhidos na ADPF que julgou inconstitucional norma de igual teor.
D) Ação Declaratória de Inexistência de Relação Jurídica, com pedido de
declaração incidental da inconstitucionalidade da lei de Santos/SP, sob os
mesmos fundamentos acolhidos na ADPF que julgou inconstitucional norma de
igual teor.
E) Ação de Inconstitucionalidade por Omissão, com pedido de declaração de
inconstitucionalidade da lei de Santos/SP, sob alegação de omissão das
autoridades locais em dar cumprimento à decisão do STF na ADPF que julgou
inconstitucional norma de igual teor.
Fonte: CESGRANRIO / 2010 / / Advogado Júnior / Questão:27

54.

Tendo o texto acima


como referência inicial, assinale a opção correta acerca do controle de
constitucionalidade.

A) A CF prevê tanto o controle posterior de constitucionalidade, quanto o


preventivo, cabendo este apenas ao Poder Legislativo, que, por meio de suas
comissões de constituição e justiça, pode barrar projeto de lei que, de algum
15 de 34
rotadosconcursos.com.br
modo, viole o texto constitucional.
B) O sistema jurisdicional instituído com a CF, influenciado pelo
constitucionalismo norte-americano, acolheu exclusivamente o critério de
controle de constitucionalidade difuso, ou seja, por via de exceção.
C) O controle difuso (ou jurisdição constitucional difusa) e o controle
concentrado (ou jurisdição constitucional concentrada) são dois critérios de
controle de constitucionalidade. O primeiro é verificado quando se reconhece o
seu exercício a todos os componentes do Poder Judiciário, e o segundo ocorre
se só for deferido ao tribunal de cúpula ou a uma corte especial.
D) A inobservância da competência constitucional de um ente federativo para a
elaboração de determinada lei enseja a declaração da inconstitucionalidade
material do ato normativo.
E) Qualquer ato normativo que desrespeite preceito ou princípio da CF deve ser
declarado inconstitucional, por possuir vício formal insanável.
Fonte: CESPE / 2010 / DPU / Agente Administrativo / Questão:21

55.No que diz respeito ao controle repressivo em relação ao órgão controlador,


a ocorrência em Estados onde o órgão que garante a supremacia da
Constituição sobre o ordenamento jurídico é distinto dos demais Poderes do
Estado caracteriza espécie de controle

A) indeterminado.
B) jurídico
C) judiciário.
D) misto.
E) político.
Fonte: FCC / 2010 / TRE AM / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:22

56.No Brasil o controle de constitucionalidade repressivo judiciário é

A) apenas difuso.
B) misto.
C) concentrado dependente de complementação.
D) apenas concentrado.
E) difuso dependente de complementação.
Fonte: FCC / 2010 / TRT 22ª / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:23

57.A decisão que julgar improcedente o pedido em arguição de


descumprimento de preceito fundamental é

A) recorrível ao Conselho Nacional de Justiça.


B) passível de ação rescisória ao Presidente do Supremo Tribunal Federal.
C) irrecorrível.
D) recorrível ao Presidente do Supremo Tribunal Federal.
E) passível de ação rescisória ao Conselho Nacional de Justiça.
Fonte: FCC / 2010 / TRT 22ª / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:24

58.Observando o disposto na CF, bem como sua interpretação pelo STF,


assinale a opção correta.

A) O Conselho Nacional de Justiça é um órgão do Poder Judiciário e tem


jurisdição em todo território nacional.
16 de 34
rotadosconcursos.com.br
B) Os partidos políticos adquirem personalidade jurídica com o registro no
Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
C) A reedição, na mesma sessão legislativa, de medida provisória que tenha
sido rejeitada ou que tenha perdido sua eficácia por decurso de prazo será
permitida apenas uma vez, por igual período.
D) A lei que alterar o processo eleitoral entrará em vigor um ano após a data
de sua publicação, não se aplicando à eleição que ocorra no período
subsequente.
E) Os deputados e senadores dispõem de legitimação ativa para suscitar o
controle incidental de constitucionalidade pertinente à observância dos
requisitos que condicionam a válida elaboração das proposições normativas
que se achem em curso no âmbito de suas respectivas casas legislativas.
Fonte: CESPE / 2010 / TRE MT / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:26

A respeito do direito constitucional, julgue os itens de 26 a 35.

59.A perda superveniente da representatividade do partido político no


Congresso Nacional acarreta o arquivamento de ação direta de
inconstitucionalidade proposta por esse partido.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / MPS/MPAS / Administrador / Questão:28

Acerca do direito constitucional, julgue os itens de 31 a 40.

60.O controle repressivo de constitucionalidade, realizado pelo Poder Judiciário,


pode dar-se por via de ação ou via de exceção, também dito de defesa, difuso
ou aberto.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / MPS/MPAS / Agente Administrativo / Questão:35

61.Determinado município decidiu por construir um templo religioso, com


verbas públicas, em imóvel público, destinado à frequência dos munícipes. A
conduta do município é, face à Constituição Federal,

A) inconstitucional, uma vez que é competência exclusiva da União a definição


territorial e a construção de templos religiosos.
B) constitucional, uma vez que o Município está promovendo investimentos
próprios em imóvel de sua titularidade.
C) constitucional, uma vez que condizente com o princípio da liberdade religiosa
e de livre manifestação do pensamento.
D) inconstitucional, uma vez que a decisão deveria ter sido objeto de plebiscito,
a fim de observar o princípio da liberdade religiosa.
E) inconstitucional, uma vez que é vedado ao Município estabelecer cultos
religiosos ou igrejas, independentemente de pretender fazê-lo em imóvel de
sua titularidade.
Fonte: FCC / 2010 / DPE / Agente de Defensoria - Área Desenhista Industrial / Questão:31

62.Analise: I. Inconstitucionalidade decorrente da desconformidade do seu


processo de elaboração com alguma regra ou princípio da Constituição. II.
Inconstitucionalidade resultante da desconformidade verificada entre leis e atos
17 de 34
rotadosconcursos.com.br
normativos primários e a Constituição. III. Inconstitucionalidade que macula o
ato no momento de sua produção, em razão de desrespeito aos princípios e
regras constitucionais então vigente. Referidas situações dizem respeito,
respectivamente, à inconstitucionalidade

A) formal, originária e direta.


B) direta, formal e indireta.
C) indireta, formal e material.
D) material, originária e direta.
E) formal, direta e originária.
Fonte: FCC / 2010 / MPE / Analista do Ministério Público - Área Direito / Questão:32

63.De acordo com a jurisprudência do STF e as normas constitucionais e


infraconstitucionais relativas ao controle de constitucionalidade, NÃO é possível
a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF)

A) ser ajuizada pelo BNDES, a partir de um caso concreto em que o Banco seja
parte.
B) ser ajuizada por entidade de classe de âmbito nacional, que demonstre a
existência de pertinência temática.
C) ter por objeto atos normativos anteriores à Constituição.
D) ter por objeto norma formalmente revogada.
E) ter por objeto Lei municipal.
Fonte: CESGRANRIO / 2010 / BNDES / Profissional Básico - Área Direito / Questão:33

64.Em matéria de ação direta de inconstitucionalidade, é certo que

A) o Supremo Tribunal Federal aprecia a validade dos dispositivos legais


indicados no pedido formulado pelo autor da ação, porém admite a
inconstitucionalidade por "arrastamento" ou por atração.
B) a declaração de inconstitucionalidade, de regra, começa a produzir efeitos
sempre após o trânsito em julgado da decisão, e excepcionalmente, a partir da
publicação do Acórdão na imprensa oficial.
C) a decisão que declara a inconstitucionalidade de lei ou ato normativo em
ação direta é recorrível, cabendo também a interposição de embargos
declaratórios e de ação rescisória.
D) o Supremo Tribunal Federal fica vinculado aos fundamentos apresentados
pelo proponente, por ser a causa de pedir restrita ou fechada, vedando-se que
a decisão seja assentada em qualquer parâmetro constitucional.
E) a função do Procurador-Geral da República, no controle abstrato, é a defesa
das normas federais ou estaduais, cuja inconstitucionalidade é arguida, tendo
assim, o papel de curador da presunção de constitucionalidade.
Fonte: FCC / 2010 / MPE / Analista do Ministério Público - Área Direito / Questão:34

Julgue os itens subsequentes, relativos ao poder constituinte e ao controle de


constitucionalidade no Brasil.

65.De acordo com entendimento do STF, o controle jurisdicional prévio ou


preventivo de constitucionalidade sobre projeto de lei ainda em trâmite
somente pode ocorrer de modo incidental, na via de exceção ou defesa.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / AGU / Procurador Federal de 2ª Categoria / Questão:35
18 de 34
rotadosconcursos.com.br

66.A doutrina destaca a possibilidade de apuração de questões fáticas no


controle abstrato de constitucionalidade, já que, após as manifestações do
advogado-geral da União e do procuradorgeral da República, pode o relator da
ADI ou da ação declaratória de constitucionalidade requisitar informações
adicionais ou mesmo designar perito para o esclarecimento de matéria ou
circunstância de fato.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / AGU / Procurador Federal de 2ª Categoria / Questão:36

67.Quando o Supremo Tribunal Federal apreciar a inconstitucionalidade, em


tese, de norma legal ou ato normativo, citará previamente o

A) Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil.


B) Advogado-Geral da União.
C) Presidente da Câmara dos Deputados.
D) Presidente do Senado Federal.
E) Presidente da República.
Fonte: FCC / 2010 / TRT 8ª / Analista Judiciário - Área Administrativa / Questão:36

No que concerne ao controle concentrado de constitucionalidade, julgue os


seguintes itens.

68.Para o STF, o indeferimento da medida cautelar na ADI não significa


confirmação da constitucionalidade da lei com efeito vinculante.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / AGU / Procurador Federal de 2ª Categoria / Questão:38

No que se refere ao poder constituinte originário, o Brasil adotou a corrente


jusnaturalista, segundo a qual o poder constituinte originário é ilimitado e
apresenta natureza pré-jurídica.

69.No processo objetivo de controle de constitucionalidade, o amicus curiae


tem legitimidade para interpor recurso nas mesmas hipóteses facultadas ao
titular da ação.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / AGU / Procurador Federal de 2ª Categoria / Questão:39

Julgue os itens seguintes, que versam sobre as competências dos entes


federativos no Estado brasileiro.

70.De acordo com entendimento do STF, é inconstitucional lei estadual que


disponha sobre aspectos relativos ao contrato de prestação de serviços
escolares ou educacionais, por se tratar de matéria inserida na esfera de
competência privativa da União.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / AGU / Procurador Federal de 2ª Categoria / Questão:40

19 de 34
rotadosconcursos.com.br

71.Para o STF, é inconstitucional norma inserida no âmbito de constituição


estadual que outorgue imunidade formal, relativa à prisão, ao chefe do Poder
Executivo estadual, por configurar ofensa ao princípio republicano.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / AGU / Procurador Federal de 2ª Categoria / Questão:41

Acerca dos sistemas de controle de constitucionalidade e do sistema tributário


nacional, julgue os itens que se seguem.

72.Quando uma lei municipal afronta simultaneamente dispositivos previstos na


CF e na constituição estadual, mesmo em se tratando de preceitos de repetição
obrigatória, compete ao tribunal de justiça do estado processar e julgar
originariamente eventual ação direta de inconstitucionalidade.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / TRE BA / Analista Judiciário - Área Judiciária / Questão:49

A respeito de Poder Judiciário, funções essenciais à Justiça e servidores


públicos, julgue os itens que se seguem.

73.O Supremo Tribunal Federal (STF), ao declarar a inconstitucionalidade por


omissão de medida para tornar efetiva norma constitucional, dará ciência ao
poder competente para a adoção das providências necessárias e, em se
tratando de órgão administrativo, para fazê-lo em trinta dias.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / IFB / Assistente em Administração / Questão:51

74.O controle de constitucionalidade incidental brasileiro

A) não se sujeita ao efeito vinculante de ação direta de inconstitucionalidade.


B) não pode ser realizado em habeas corpus, mas cabe em mandado de
segurança.
C) pode ser realizado em recurso especial.
D) pode ser realizado por todo e qualquer juiz, mas não de ofício.
E) não cabe contra lei municipal em face da Constituição da República.
Fonte: FCC / 2010 / TJMS / Juíz Estadual / Questão:59

75.A ação direta de inconstitucionalidade no Direito Constitucional brasileiro


NÃO pode ser

A) ajuizada contra lei estadual.


B) ajuizada perante Tribunal de Justiça.
C) ajuizada contra omissão inconstitucional total ou parcial quanto ao
cumprimento de dever constitucional de legislar.
D) decidida pelo Supremo Tribunal Federal na presença de seis ministros.
E) decidida com efeitos temporais modulados (ex tunc ou ex nunc).
Fonte: FCC / 2010 / TJMS / Juíz Estadual / Questão:60

76.Analise as seguintes afirmações sobre a declaração de inconstitucionalidade


20 de 34
rotadosconcursos.com.br
das leis. I. Somente pelo voto de 3/5 (três quintos) de seus membros ou dos
membros do respectivo órgão especial poderão os tribunais declarar a
inconstitucionalidade de lei ou ato normativo do Poder Público. II. Viola a
cláusula de reserva de plenário a decisão de órgão fracionário de Tribunal que,
embora não declarando expressamente a inconstitucionalidade de lei, afasta
em parte sua incidência. III. Podem propor ação direta de inconstitucionalidade
de lei federal o Presidente da República, o Governador de Estado ou do Distrito
Federal e o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil. IV. As
decisões definitivas de mérito, proferidas pelo Supremo Tribunal Federal, nas
ações diretas de inconstitucionalidade e nas ações declaratórias de
constitucionalidade, produzirão eficácia contra todos e efeito vinculante,
relativamente aos demais órgãos do Poder Judiciário e à Administração Pública
direta e indireta, nas esferas federal, estadual e municipal. V. Todos os partidos
políticos e sindicatos podem propor ação direta de inconstitucionalidade de leis
federais, municipais ou estaduais. Está correto SOMENTE o que se afirma em

A) I, II e III.
B) I, II e IV.
C) I, III e V.
D) II, III e IV.
E) III, IV e V.
Fonte: FCC / 2010 / PGE / Procurador / Questão:60

No que concerne aos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, julgue os itens


subsequentes.

77.Para declarar a inconstitucionalidade de lei ou ato normativo do poder


público, exige-se o voto da maioria relativa dos membros do respectivo órgão
especial, como forma de reforçar o controle de constitucionalidade no
ordenamento jurídico.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / TRT 21ª / Técnico Judiciário - Área Administrativa / Questão:58

O Estado brasileiro, como estado democrático de direito, apresenta, no seu


texto constitucional, os parâmetros para o exercício da soberania popular, a
partir de princípios e normas basilares, submetidos a constante controle. Com
relação a esse tema, julgue os itens a seguir.

78.Verifica-se a inconstitucionalidade formal, também conhecida como


nomodinâmica, quando a lei ou o ato normativo infraconstitucional contém
algum vício em sua forma, independentemente do conteúdo.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / MPU / Analista Processual / Questão:61

Julgue os itens seguintes, referentes à inconstitucionalidade por omissão.

79.Para os casos em que a falta da norma regulamentadora torne inviável o


exercício dos direitos e liberdades constitucionais e das prerrogativas inerentes
à nacionalidade, à soberania e à cidadania, a CF enumera, taxativamente, os
legitimados para a propositura de ação direta de inconstitucionalidade por
21 de 34
rotadosconcursos.com.br
omissão.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / ABIN / Oficial Técnico de Inteligência - Área Direito / Questão:79

80.No controle de inconstitucionalidade por omissão, a decisão do STF é


meramente declaratória, devendo-se dar ciência ao poder competente para
adotar as providências necessárias, e, em se tratando de órgão administrativo,
para fazê-lo em trinta dias.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / ABIN / Oficial Técnico de Inteligência - Área Direito / Questão:80

Com relação à ação de descumprimento de preceito fundamental (ADPF), aos


direitos e garantias individuais e ao princípio da legalidade, julgue os itens
subsequentes.

81.O preceito constitucional que estabelece que ninguém é obrigado a fazer ou


deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei veicula a noção genérica
do princípio da legalidade.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / ABIN / Oficial Técnico de Inteligência - Área Direito / Questão:81

82.A ADPF tem caráter subsidiário, ou seja, só é possível se conhecer da ação


caso inexista outro meio eficaz para a sua propositura.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / ABIN / Oficial Técnico de Inteligência - Área Direito / Questão:82

No que concerne ao STF, ao Ministério Público (MP) e à justiça federal, julgue os


seguintes itens.

83.O STF, além de exercer o controle concentrado, no âmbito federal, exerce o


controle difuso, apenas nos recursos extraordinário e ordinário, ou quando
aprecia a inconstitucionalidade de normas fundadas em decisões recorridas.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / ABIN / Oficial Técnico de Inteligência - Área Direito / Questão:89

Acerca da aplicabilidade e da interpretação das normas constitucionais, julgue


os itens seguintes.

84.Atendendo ao princípio denominado correção funcional, o STF não pode


atuar no controle concentrado de constitucionalidade como legislador positivo.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / DPU / Defensor Público Federal de Segunda Categoria / Questão:156

No que se refere ao controle de constitucionalidade, julgue os itens seguintes.

85.A legislação em vigor não admite a concessão de medida cautelar em ação


22 de 34
85.A legislação em vigor não rotadosconcursos.com.br
admite a concessão de medida cautelar em ação
direta de inconstitucionalidade por omissão.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / DPU / Defensor Público Federal de Segunda Categoria / Questão:165

86.Considere que o art.Y da Constituição do estado X estabeleça a legitimidade


de deputado estadual para propor ação de inconstitucionalidade de lei
municipal ou estadual em face da Constituição estadual. Nesse caso, conforme
entendimento do STF, o referido art. Y poderá ser considerado constitucional.

C) Certo E) Errado
Fonte: CESPE / 2010 / DPU / Defensor Público Federal de Segunda Categoria / Questão:166

87.Segundo José Afonso da Silva, o controle de constitucionalidade tem por


objetivo estabelecer, tecnicamente, a supremacia da Constituição frente ao
ordenamento jurídico do Estado. Para tanto, no Brasil, foi adotada a seguinte
forma de controle:

A) político, no qual a verificação de inconstitucionalidade é entregue a órgãos


determinados, de natureza política.
B) jurisdicional, no qual prevalece a faculdade que a Constituição outorga ao
Poder Judiciário de declarar a inconstitucionalidade de lei ou atos do Poder
Público.
C) misto, no qual certas categorias de lei são submetidas ao controle político e
outras ao controle jurisdicional.
D) concentrado, no qual o Supremo Tribunal Federal, no papel de Corte
Constitucional, declara ou não a inconstitucionalidade de uma lei.
Fonte: FUMARC / 2011 / / Delegado de Polícia / Questão:10

88.Em relação ao controle de constitucionalidade, é correto afirmar que:

A) cabe ao Supremo Tribunal Federal processar e julgar ação direta de


inconstitucionalidade de lei federal, estadual ou municipal.
B) no Brasil, admite-se o controle concentrado e difuso de constitucionalidade.
C) cabe ao Supremo Tribunal Federal julgar recurso extraordinário quando a
decisão recorrida contrariar decreto ou lei federal.
D) o controle concentrado de constitucionalidade é de competência exclusiva
do Superior Tribunal de Justiça em caso de violação à Constituição estadual.
E) podem propor ação direta de inconstitucionalidade todos os partidos
políticos.
Fonte: NUCEPE / 2011 / FMS / Advogado / Questão:26

89.Os atos normativos são controlados pelo Judiciário de forma difusa e


concentrada. O controle concentrado recebe essa denominação por estar
concentrado na atuação do Supremo Tribunal Federal, que é o guardião
principal da Constituição Federal. O controle difuso, por sua vez, apresenta a
seguinte característica:

A) a possibilidade de um Tribunal declarar incidentalmente a


inconstitucionalidade de uma lei em determinado caso concreto, sendo
desnecessária a observância da cláusula de reserva de plenário se já houver
decisão do Pleno do Supremo Tribunal Federal ou do Pleno do Superior Tribunal
23 de 34
rotadosconcursos.com.br
de Justiça sobre a matéria
B) a produção de efeitos entre as partes do processo em que ocorreu o
controle, podendo haver a suspensão da eficácia da lei pelo Senado Federal,
caso em que os efeitos serão aplicáveis a todos, de forma retroativa
C) o fato de, uma vez declarada a inconstitucionalidade de uma lei pelo
Supremo Tribunal Federal, haver a possibilidade de o Senado Federal suspender
sua eficácia, o que pode se dar em relação a leis federais, estaduais, distritais
ou mesmo municipais
D) a necessidade de os Tribunais obedecerem à chamada cláusula de reserva
de plenário para a decretação de inconstitucionalidade da lei, enquanto os
juízes de direito não estão sujeitos a tal limitação, exceto nos casos em que a
Fazenda Pública esteja em um dos polos da relação processual
E) a produção de efeitos entre as partes do processo, restritos às pessoas que
participaram da causa, sendo tais efeitos em regra prospectivos, observado o
princípio da segurança jurídica
Fonte: Prefeitura do Rio de Janeiro - RJ / 2011 / TCM / Técnico de Controle Externo / Questão:23

90.O controle concentrado de constitucionalidade pode se dar sob as formas


de Ação Direta de Inconstitucionalidade genérica (ADI genérica), Arguição de
Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF), Ação Direta de
Inconstitucionalidade por Omissão (ADO), Ação Direta Interventiva (ADI
interventiva) e Ação Declaratória de Constitucionalidade (ADC). No que diz
respeito à forma de ADI genérica, verifica-se que:

A) o Supremo Tribunal Federal pode julgar parcialmente procedente


determinado pedido declaratório de inconstitucionalidade, expurgando do texto
legal, por exemplo, apenas uma palavra
B) os efeitos da declaração de inconstitucionalidade são válidos para todos e
têm força retroativa em regra, podendo ser conferido efeito prospectivo se no
mínimo 6 Ministros, maioria absoluta, votarem nesse sentido
C) pode haver a atuação do chamado amicus curiae, que tem legitimidade para
interpor os recursos necessários à discussão da matéria que está sendo objeto
do julgamento
D) podem ser conferidos efeitos retroativos ou prospectivos à decisão, desde
que respeitados os requisitos legais, vedada, no entanto, a escolha de um
momento passado, diferente do momento de entrada em vigor da norma, para
servir como marco de eficácia da decisão de inconstitucionalidade
E) é vedado o controle de normas constitucionais originárias, súmulas
vinculantes e medidas provisórias, entre outros atos normativos ou com força
de lei
Fonte: Prefeitura do Rio de Janeiro - RJ / 2011 / TCM / Técnico de Controle Externo / Questão:24

91.As normas contidas na Constituição da República Federativa do Brasil:

A) podem ser declaradas inconstitucionais;


B) não podem ser declaradas inconstitucionais;
C) só em parte é que podem ser declaradas inconstitucionais;
D) só podem ser declaradas inconstitucionais por maioria absoluta dos Ministros
do Supremo Tribunal Federal;
E) só podem ser declaradas inconstitucionais pelos Tribunais Superiores.
Fonte: FUNRIO / 2011 / AFERJ/INVESTERIO / Advogado / Questão:31

24 de 34
rotadosconcursos.com.br
92.Determinada lei estadual que exclui do regime de previdência próprio do
Estado filhos ilegítimos de servidores públicos é objeto de Ação Direta de
Inconstitucionalidade pelo governador do Estado. Na hipótese:

A) deve ser recebida pelo Supremo Tribunal Federal, uma vez preenchidos seus
requisitos: parâmetro, objeto e legitimidade;
B) deve ser recebida pelo Supremo Tribunal Federal como ADPF (Arguição de
Descumprimento de Preceito Fundamental), uma vez que se trata de lei não
sujeita a controle via ADI;
C) não pode ser recebida pelo Supremo Tribunal Federal, uma vez que o
Governador do Estado não tem legitimidade para sua propositura;
D) não deve ser recebida pelo Supremo Tribunal Federal, já que não possui
parâmetro em norma constitucional;
E) deve ser recebida pelo Supremo Tribunal Federal como ADPF (Arguição de
Descumprimento de Preceito Fundamental), uma vez que se trata de lei
anterior à Constituição.
Fonte: FUNRIO / 2011 / AFERJ/INVESTERIO / Advogado / Questão:36

93.As decisões definitivas de mérito proferidas pelo Supremo Tribunal Federal


nas Ações Diretas de Inconstitucionalidade são dotadas de alguns efeitos,
EXCETO:

A) efeito vinculante.
B) efeito repristinatório.
C) efeito retroativo.
D) efeito discricionário.
E) eficácia contra todos.
Fonte: COVEST/ UNEMAT / 2011 / APAC / Analista Jurídico / Questão:42

94.Sobre o Controle de Constitucionalidade Concentrado, é correto afirmar


que:

A) todos os órgãos do poder judiciário realizam este tipo de controle.


B) o controle é instaurado diante de uma controvérsia concreta.
C) somente o órgão de cúpula do poder judiciário está autorizado a apreciar e
julgar a ação de controle de constitucionalidade concentrado.
D) existem interesses subjetivos específicos a serem tutelados.
E) o cidadão é sujeito ativo da ação de controle de constitucionalidade.
Fonte: COVEST/ UNEMAT / 2011 / APAC / Analista Jurídico / Questão:43

95.Leia as afirmativas abaixo e, em seguida, assinale a alternativa correta: I-


Nos termos do artigo 52, X, da Constituição Federal, o Senado Federal está
obrigado a suspender a execução de lei federal declarada inconstitucional. II-
Diante da declaração de inconstitucionalidade de lei municipal ou estadual pelo
Supremo Tribunal Federal, em sede de controle difuso de constitucionalidade,
poderá o Senado Federal, nos termos do artigo 52, X, da Constituição Federal,
suspender sua execução. III- A teoria da transcendência dos motivos
determinantes da sentença tem sido aplicada reiteradamente e de modo
unânime pelos ministros do Supremo Tribunal Federal nos casos de controle
difuso de constitucionalidade. IV- A ação civil pública prestar-se-á ao controle
difuso de constitucionalidade na hipótese em que a controvérsia constitucional
for simples questão prejudicial, indispensável à resolução do litígio principal.
25 de 34
rotadosconcursos.com.br

A) Apenas as afirmativas I e II são verdadeiras.


B) Apenas as afirmativas II e III são verdadeiras.
C) Apenas as afirmativas I e IV são verdadeiras.
D) Apenas as afirmativas II e IV são verdadeiras.
Fonte: MPE - GO / 2010 / MPE / Promotor de Justiça Substituto / Questão:52

96.Analise as assertivas abaixo e assinale a alternativa correta:

A) Na inconstitucionalidade por ação, ocorre a denominada


inconstitucionalidade formal quando o conteúdo do ato normativo contraria
preceito ou princípio da constituição.
B) O controle jurisdicional de constitucionalidade subordina-se ao princípio de
que é possível existir juízo sem autor, que é rigorosamente seguido no sistema
brasileiro, como geralmente ocorre nos países que adotam o critério de
controle difuso.
C) A sentença que reconhece a inconstitucionalidade por omissão é
declaratória quanto a esse reconhecimento, mas não é meramente
declaratória, porque dela decorre ulterior efeito de natureza mandamental no
sentido de exigir do Poder competente a adoção das providências necessárias
ao suprimento da omissão.
D) No processo da ação declaratória de constitucionalidade, por visar a
preservação da presunção de constitucionalidade do ato normativo que é seu
objeto, imprescindível é que o Advogado-Geral da União atue como curador
dessa mesma presunção.
Fonte: MPE - GO / 2010 / MPE / Promotor de Justiça Substituto / Questão:53

97.Qual dos legitimados abaixo deve comprovar pertinência temática para


ajuizar ação declaratória de inconstitucionalidade?

A) Mesa do Senado Federal


B) Mesa da Câmara dos Deputados
C) Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil
D) Confederação sindical ou entidade de classe de âmbito nacional
E) Partido político com representação no Congresso Nacional
Fonte: FEPESE / 2010 / PGE / Procurador / Questão:8

98.Com relação às ações constitucionais, assinale a alternativa correta.

A) Controvérsia sobre matéria de direito impede concessão de mandado de


segurança.
B) É inconstitucional lei que fixa o prazo de decadência para a impetração de
mandado de segurança.
C) Compete ao Supremo Tribunal Federal conhecer originariamente de
mandado de segurança contra atos de outros tribunais.
D) Conceder-se-á habeas data sempre que alguém sofrer ou se achar
ameaçado de sofrer violência ou coação em sua liberdade de locomoção, por
ilegalidade ou abuso de poder.
E) Não cabe ação direta de inconstitucionalidade de lei do Distrito Federal
derivada da sua competência legislativa municipal.
Fonte: FEPESE / 2010 / PGE / Procurador / Questão:14

26 de 34
rotadosconcursos.com.br
99.Quanto às ações de controle de constitucionalidade, analise as assertivas e
assinale a alternativa que aponta as corretas. I. São exemplos de controle
concentrado de constitucionalidade as ações diretas de inconstitucionalidade
genérica, arguição de descumprimento de preceito fundamental e ação direta
de inconstitucionalidade por omissão. II. São coincidentes os legitimados para
propositura da ação direta de inconstitucionalidade e para as declaratórias de
constitucionalidade. III. A Súmula Vinculante pode ser objeto de controle de
constitucionalidade. IV. Verifica-se a aplicação da teoria da transcendência dos
motivos determinantes quando o STF atribui efeito vinculante não somente ao
dispositivo da sentença, mas também aos fundamentos da decisão “ratio
decidendi”.

A) Apenas I e II.
B) Apenas I e IV.
C) Apenas I, II e III.
D) Apenas I, II e IV.
E) I, II, III e IV.
Fonte: AOCP / 2010 / / Procurador Municipal / Questão:7

100.Sobre os aspedos processuais da acdo direta de inconstitucionalidade, e


CORRETA a seguinte afirmacdo:

A) Afere-se a legitimidade ativa no momento do ajuizamento da ark.


B) Quando ajuizada pelo Governador do Estado, basta que a peticdo inicial
esteja firmada pelo Procurador- Geral do Estado, a quem cabe a representacäo
estadual em juizo.
C) Submete-se integralmente ao principio da colegialidade, nao havendo
espaco para decisbes monocraticas, ressalvada a concessäo de medida
cautelar no period° de recesso.
D) E requisito da peticão inicial a indicacdo do fundamento juridico do pedido de
declaracao de inconstitucionalidade, que vincula o tribunal quando do
julgamento, em respeito ao principio da adstricao.
E) Não se exige juntada de cOpias do ato normativo impugnado, uma vez que
se considera not6ria sua vigéncia.
Fonte: PGE-GO / 2010 / PGE / Procurador do Estado / Questão:6

101.Sobre o controle difuso, é CORRETO afirmar que

A) somente pela maioria relativa de seus membros poderdo os tribunais


declarar a inconstitucionalidade de lei ou ato normativo do poder público.
B) contra a decisdo do plenário, ou Órgão especial, em sede de incidente de
inconstitucionalidade nos tribunais, apenas se admitem embargos de
declaração.
C) a decisão do órgão fracionário não fica vinculada ao decidido pelo pleno ou
órgão especial no incidente de inconstitucionalidade, podendo ser afastada por
decisão de dois tercos dos membros da turma ou seção.
D) prescinde-se da oitiva do Ministério Público no incidente de
inconstitucionalidade.
E) não ofende a cláusula de reserva de plenário o acórdão que apenas afasta a
incidência da lei, no todo ou em parte, sem declarar expressamente sua
inconstitucionalidade.
Fonte: PGE-GO / 2010 / PGE / Procurador do Estado / Questão:7

27 de 34
rotadosconcursos.com.br

102.A modulação dos efeitos da declaração de inconstitucionalidade

A) exige, para sua aplicação, o voto favorável de pelo menos a maioria


absoluta dos membros do tribunal.
B) é técnica de decisão de extração eminentemente jurisprudencial, despida de
sede legislativa no sistema brasileiro.
C) mitiga os rigores dos efeitos prospectivos tradicionalmente atribuídos à
declaração de inconstitucionalidade no Brasil.
D) é técnica de aplicação possível tanto no controle difuso quanto no
concentrado.
E) tem como único requisito de sua aplicação, a presença de razões ligadas a
segurança jurídica.
Fonte: PGE-GO / 2010 / PGE / Procurador do Estado / Questão:8

103.Com respeito ao modelo constitucional brasileiro, é correto afirmar:

A) No controle difuso de constitucionalidade, cabe ao Supremo Tribunal Federal


apreciar o recurso especial.
B) No controle concentrado de constitucionalidade, a decisão acolhida possui
efeitos erga omnes mas não vinculantes.
C) A Constituição Brasileira prevê expressamente a edição de lei
regulamentadora das ações diretas de inconstitucionalidade
D) Por disposição principiológica geral, as decisões de inconstitucionalidade
abstrata de leis não geram efeito repristinatório.
E) O Supremo Tribunal Federal realiza o controle difuso e concentrado da
constitucionalidade das leis.
Fonte: FEPESE / 2010 / SEFAZ / Auditor Fiscal da Receita Estadual / Questão:8

104.Com respeito ao modelo constitucional brasileiro, é correto afirmar:

A) A declaração de inconstitucionalidade in abstracto torna inaplicável a


legislação anterior revogada pela norma impugnada.
B) A declaração de inconstitucionalidade in abstracto não possui efeito
vinculante para os órgãos do Poder Judiciário.
C) O controle em tese da constitucionalidade de leis opera pela via difusa.
D) A declaração de inconstitucionalidade in abstracto de lei, no modelo
brasileiro, possui caráter retroativo.
E) O Supremo Tribunal Federal não pode apreciar pedido de medida cautelar
nas ações diretas de inconstitucionalidade.
Fonte: FEPESE / 2010 / SEFAZ / Auditor Fiscal da Receita Estadual / Questão:9

105.Com respeito ao modelo constitucional brasileiro, é correto afirmar:

A) A competência para propositura de ação direta de inconstitucionalidade


estende-se ao Chefe do Poder Executivo Municipal .
B) O Procurador Geral da República pode propor apenas a ação direta de
inconstitucionalidade, não podendo propor ação declaratória de
constitucionalidade.
C) O Supremo Tribunal Federal pode apreciar ação direta de
inconstitucionalidade de ato normativo estadual.
D) O Procurador Geral da República poderá, discricionariamente, ser ouvido
28 de 34
rotadosconcursos.com.br
nas ações de inconstitucionalidade.
E) O cancelamento de súmula não poderá ser provocado por quem pode
propor ação direta de inconstitucionalidade.
Fonte: FEPESE / 2010 / SEFAZ / Auditor Fiscal da Receita Estadual / Questão:10

106.Relativamente ao controle de constitucionalidade, assinale a afirmativa


correta.

A) As decisões definitivas de mérito, proferidas pelo Supremo Tribunal Federal,


nas ações diretas de inconstitucionalidade e nas ações declaratórias de
constitucionalidade produzirão eficácia contra todos e efeito vinculante,
relativamente aos demais órgãos do Poder Judiciário, mas não à administração
pública direta e indireta, nas esferas federal, estadual e municipal.
B) Podem propor a ação direta de inconstitucionalidade e a ação declaratória
de constitucionalidade, dentre outros, Governador de Estado, o Procurador-
Geral da República, o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, dois
terços dos membros do Senado Federal ou da Câmara dos Deputados.
C) A súmula vinculante terá por objetivo a validade, a interpretação e a eficácia
de normas determinadas, acerca das quais haja controvérsia atual entre órgãos
judiciários ou entre esses e a administração pública que acarrete grave
insegurança jurídica e relevante multiplicação de processos sobre questão
idêntica.
D) A matéria constante de proposta de súmula vinculante rejeitada ou havida
por prejudicada não pode ser objeto de nova proposta enquanto não for
modificada a composição do Supremo Tribunal Federal.
E) Compete ao Supremo Tribunal Federal processar e julgar, originariamente, a
ação direta de inconstitucionalidade e a ação declaratória de
constitucionalidade de lei ou ato normativo federal, estadual ou municipal em
face da Constituição Federal ou das Constituições Estaduais.
Fonte: FGV / 2010 / / Policial Civil / Delegado / Questão:14

107.A inconstitucionalidade de lei ou ato municipal por ofensa à Constituição


Federal, poderá ser arguida por intermédio de:

A) Mandado de segurança impetrado junto ao Supremo Tribunal Federal.


B) Ação Direta de Inconstitucionalidade, ajuizada junto ao Tribunal de Justiça.
C) Mandado de Injunção impetrado junto ao Supremo Tribunal Federal.
D) Arguição de descumprimento de preceito fundamental, ajuizada junto ao
Supremo Tribunal Federal.
Fonte: Meritum Concursos / 2010 / / Procurador / Questão:23

108.O controle constitucional difuso, pela via de exceção, compete:

A) ao SupremoTribunal Federal, apenas.


B) aos Tribunais Regionais Federais e Tribunais de Justiça, apenas.
C) ao SuperiorTribunal de Justiça, apenas.
D) ao Presidente da República, ao exercer o direito de veto.
E) a todos os componentes do Poder Judiciário.
Fonte: FUNCAB / 2010 / DER / Procurador / Questão:30

109.Assinale a alternativa correta.

29 de 34
rotadosconcursos.com.br
A) O Ato das Disposições Constitucionais Transitórias – ADCT, apesar de
ostentar natureza de norma constitucional, não serve como parâmetro de
declaração de inconstitucionalidade.
B) Normas constitucionais de eficácia restringível são aquelas que, de imediato,
não geram efeitos, dependendo da emissão de uma normatividade futura.
C) Somente com o advento da Constituição Federal de 1988 houve o
surgimento da ação direta de inconstitucionalidade de competência originária
do Supremo Tribunal Federal.
D) A técnica da modulação dos efeitos da declaração de inconstitucionalidade é
reflexo de uma tendência doutrinária e jurisprudencial no Direito Constitucional
Brasileiro, defendendo uma flexibilização da teoria da nulidade.
E) Compete ao Senado Federal editar resolução visando suspender a execução
de lei declarada inconstitucional por meio de controle concentrado.
Fonte: FEPESE / 2010 / / Procurador / Questão:25

110.O controle concentrado protege a supremacia da Constituição Federal


independentemente da lesão concreta a direitos subjetivos. Nele, é
questionado, de forma direta, o ato normativo. Com relação aos instrumentos
de controle concentrado, assinale a alternativa correta.

A) ADI é a ação para verificação da omissão constitucional.


B) ADC é conhecida como a ação para a verificação da inconstitucionalidade da
norma federal.
C) ADI interventiva refere-se à ação para que o município possa intervir na
União.
D) ADPF significa arguição de descumprimento de preceito fundamental.
E) ADE é a ação para avocação de causa eleitoral para o Supremo Tribunal
Federal.
Fonte: FUNIVERSA / 2010 / SEPLAG / SEE / Analista de Gestão Educacional - Área Administração / Questão:25

111.Sabe-se que a Constituição Federal sofre controle de diversas formas.


Acerca do controle constitucional, é correto afirmar que

A) é admitida a concessão de liminar em Ação Direta de Inconstitucionalidade,


por omissão.
B) o ajuizamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade não se sujeita a
prazos prescricional ou decadencial, vez que atos inconstitucionais não são
suscetíveis de convalidação pelo decurso do tempo.
C) o procedimento a ser seguido pela Ação Direta de Inconstitucionalidade por
omissão não é o mesmo da ação de inconstitucionalidade genérica.
D) a Ação Direta de Inconstitucionalidade, em face de sua natureza e finalidade
especial, é suscetível de desistência a qualquer tempo.
E) na Ação Direta de Inconstitucionalidade por omissão é obrigatória a oitiva do
Advogado-Geral da União, tendo em vista que qualquer ato impugnado deve
ser defendido.
Fonte: ESAF / 2010 / MTE / Auditor Fiscal do Trabalho / Questão:23

112.Assinale a alternativa incorreta quanto ao controle de constitucionalidade.

A) É a forma de impedir que a norma contrária à Constituição permaneça no


ordenamento jurídico.
B) Cuida da eficácia dos preceitos constitucionais.
30 de 34
rotadosconcursos.com.br
C) O controle preventivo da constitucionalidade da lei é exercido pelo poder
judiciário.
D) As normas infraconstitucionais têm que estar em perfeita sintonia com a lei
fundamental.
Fonte: IADES / 2010 / CFA / Analista Jurídico - Àrea Administração / Questão:23

113.É correto afi rmar que pode propor ação declaratória de


constitucionalidade:

A) o Conselho da República.
B) o Conselho Nacional de Justiça.
C) qualquer membro do Congresso Nacional.
D) o Governador de Estado ou do Distrito Federal.
E) os Conselhos Estaduais da Ordem dos Advogados do Brasil.
Fonte: FEPESE / 2010 / MPE / Procurador / Questão:35

114.A Constituição necessita de instrumentos que lhe garantam supremacia


em relação às demais normas do ordenamento jurídico. Todo o ordenamento
jurídico deve ser lido sob a perspectiva constitucional. A principal missão
constitucional do Poder Judiciário é o controle de constitucionalidade. Assinale a
alternativa correta em relação ao tema.

A) O ordenamento jurídico brasileiro, em respeito à segurança jurídica, repele


qualquer forma de repristinação.
B) Soberanas em relação a qualquer outra norma do ordenamento jurídico, a
interpretação constitucional do Supremo Tribunal Federal é de que as normas
constitucionais, por regra geral, têm retroatividade mínima.
C) Em face do princípio constitucional da jurisdição una, o controle a posteriori
da constitucionalidade é exercido exclusivamente pelo Poder Judiciário, sendo
difuso ou concentrado.
D) Qualquer juiz singular, Desembargador ou Ministro no Brasil pode exercer o
controle de constitucionalidade.
E) Como regra das decisões judiciais, em observância ao princípio da
publicidade dos atos jurisdicionais, qualquer decisão que reconheça a
inconstitucionalidade de lei passa a valer imediatamente após o trânsito em
julgado.
Fonte: IADES / 2010 / PGDF / Técnico Jurídico - Área Apoio Administrativo / Questão:29

115.Não têm legitimidade para propor ação direta de inconstitucionalidade:

A) O presidente da República
B) A mesa do Senado
C) O prefeito do Município
D) O Procurador Geral da República
Fonte: Integri Brasil Assessoria e Consultoria / 2010 / / Procurador Jurídico / Questão:38

116.O controle de constitucionalidade representa a adequação de todo o


sistema normativo à constituição, sob os auspícios das competências do Poder
Judiciário. E, justamente em face disso, é um instituto que não foi
imediatamente albergado por todos os sistemas jurídicos, pois, se não está
harmonicamente adequado às demais funções estatais, pode ser encarado
como uma sobreposição do Judiciário, notadamente com relação ao Legislativo.
31 de 34
rotadosconcursos.com.br
Assim, a separação das funções deve estar representada em uma constituição
como meio de controle do poder, sem a perda de competências próprias de
nenhuma outra função estatal. Acerca da separação das funções estatais e do
controle de constitucionalidade, assinale a alternativa correta, considerando o
direito constitucional brasileiro.

A) A identificação das funções de editar normas gerais, aplicá-las ao caso


concreto e julgar os eventuais conflitos decorrentes dessa aplicação deve-se à
teoria formulada por Montesquieu, no âmbito do Estado liberal.
B) O tribunal de contas, no âmbito de suas atribuições, pode apreciar a
constitucionalidade das leis e dos atos do poder público.
C) No sistema normativo brasileiro, o Legislativo e o Executivo têm
competências para exercer o controle preventivo de constitucionalidade;
todavia, ao Judiciário, é prevista exclusivamente a competência de controle
repressivo.
D) É correto afirmar que a doutrina e a jurisprudência brasileiras não aceitam a
flexibilização da teoria da nulidade absoluta, em consonância com a vedação
expressa da aplicação dessa teoria, conforme o previsto no plano legislativo.
E) É considerada invasão de competências a análise extraordinária, pelo
Judiciário, dos requisitos de relevância e urgência para edição de medidas
provisórias.
Fonte: FUNIVERSA / 2010 / SEPLAG / SEE / Analista de Gestão Educacional - Área Direito e Legislação / Questão:31

117.Controle difuso de constitucionalidade; controle concentrado de


constitucionalidade:

A) este pode ser exercido por qualquer órgão do Poder Judiciário; aquele, pelo
tribunal de cúpula do Poder Judiciário;
B) aquele pode ser exercido por qualquer órgão do Poder Judiciário; este, pelo
tribunal de cúpula do Poder judiciário;
C) ambos são exercidos por qualquer órgão do Poder Judiciário;
D) ambos só podem ser exercidos pelo órgão de cúpula do Poder Judiciário;
E) aquele pode ser parcialmente exercido por qualquer órgão do Poder
Judiciário; este, facultativamente, pelo tribunal de cúpula do Poder Judiciário.
Fonte: Dom Cintra Fundação / 2010 / / Procurador / Questão:41

118.Analise a seguinte proposição e assinale a alternativa INCORRETA em


relação ao enunciado. Em ação direta de inconstitucionalidade, proposta pelo
Procurador-Geral da República, em face da Lei estadual que diminui a extensão
das áreas de preservação permanente às margens dos cursos d‟água de
domínio do Estado, caso o Supremo Tribunal Federal declare a
inconstitucionalidade da norma estadual, observa-se-á o seguinte:

A) terá eficácia imediata quando o STF, por maioria de dois terços dos seus
membros, tendo em vista razões de segurança jurídica ou de excepcional
interesse social, assim o declarar, afastando-se, no caso, a necessidade de
trânsito e julgado da decisão;
B) terá efeito vinculante em relação aos órgãos da administração ambiental
federal, dos estados e dos municípios;
C) somente será declarada inconstitucional a norma estadual se, pelo menos,
seis Ministros tiverem manifestações nesse sentido. Não atingindo a maioria,
em caso de ausência, será suspenso o julgamento até que atinja o número
necessário à declaração de inconstitucionalidade;
32 de 34
rotadosconcursos.com.br
D) a declaração de inconstitucionalidade pelo STF terá eficácia erga omnes.
Devem ser observadas as formalidades legais, inclusive a comunicação à
autoridade ou órgão responsável pela expedição do ato, no caso, os
representantes legais dos Poderes Executivo e Legislativo do Estado.
Fonte: MPE - MG / 2010 / MPE / Promotor de Justiça Substituto / Questão:70

119.Assinale a alternativa que elenca todos os legitimados ativos para a ação


direta de inconstitucionalidade e a ação declaratória de constitucionalidade:

A) o Presidente da República, a Mesa do Senado, a Mesa da Câmara dos


Deputados e o Procurador-Geral da República.
B) o Presidente da República, a Mesa do Senado Federal, a Mesa da Câmara
dos Deputados; a Mesa da Assembléia Legislativa ou da Câmara Legislativa do
Distrito Federal; o Governador de Estado ou do Distrito Federal, o Procurador-
Geral da República, o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil; o
partido político com representação no Congresso Nacional; a Confederação
Sindical ou entidade de classe de âmbito nacional.
C) o Presidente da República, a Mesa do Senado Federal, a Mesa da Câmara
dos Deputados; o Governador de Estado ou do Distrito Federal, o Procurador-
Geral da República, o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil; o
partido político com representação no Congresso Nacional; a Confederação
Sindical ou entidade de classe de âmbito nacional.
D) o Presidente da República, a Mesa do Senado Federal, a Mesa da Câmara
dos Deputados; a Mesa da Assembléia Legislativa ou da Câmara Legislativa do
Distrito Federal; o Governador de Estado ou do Distrito Federal, o Procurador-
Geral da República, o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil; os
partidos políticos; a Confederação Sindical ou entidade de classe de âmbito
nacional.
E) o Presidente da República, o Presidente do Senado Federal, o Presidente da
Câmara dos Deputados; o Presidente da Assembléia Legislativa ou da Câmara
Legislativa do Distrito Federal; o Governador de Estado ou do Distrito Federal, o
Procurador-Geral da República, o Conselho Federal da Ordem dos Advogados
do Brasil; o partido político com representação no Congresso Nacional; a
Confederação Sindical ou entidade de classe de âmbito nacional.
Fonte: MPE - SP / 2010 / MPE / Promotor de Justiça / Questão:69

120.O controle de constitucionalidade abstrato de lei ou ato normativo


municipal em face da Constituição Federal:

A) é feito perante o Supremo Tribunal Federal.


B) não é admitido.
C) é feito perante o Superior Tribunal de Justiça.
D) é feito perante o Tribunal de Justiça do Estado.
E) é feito perante o Órgão Especial do Tribunal de Justiça.
Fonte: MPE - SP / 2010 / MPE / Promotor de Justiça / Questão:79

Gabarito
1-a 2-e 3-c 4-e 5-c 6-e 7-c 8-e 9-c 10-a 11-e 12-e 13-e 14-c 15-e 16-e 17-a 18-c
33 de 34
rotadosconcursos.com.br
19-d 20-c 21-a 22-c 23-b 24-a 25-d 26-c 27-e 28-e 29-c 30-a 31-e 32-e 33-e 34-
e 35-c 36-e 37-e 38-c 39-c 40-d 41-d 42-e 43-a 44-e 45-c 46-c 47-c 48-e 49-c
50-c 51-a 52-b 53-b 54-c 55-e 56-b 57-c 58-e 59-e 60-c 61-e 62-e 63-a 64-a 65-
c 66-c 67-b 68-c 69-e 70-c 71-c 72-c 73-c 74-c 75-d 76-d 77-e 78-c 79-e 80-c
81-c 82-c 83-c 84-c 85-e 86-c 87-c 88-b 89-c 90-a 91-b 92-a 93-d 94-c 95-d 96-c
97-d 98-e 99-d 100-a 101-b 102-d 103-e 104-d 105-c 106-c 107-d 108-e 109-d
110-d 111-b 112-b 113-d 114-b 115-c 116-b 117-b 118-a 119-b 120-b

Atenção: Não deixe de lançar suas resposta no sistema. Só assim você conseguirá controlar as
questões que já resolveu, mantendo o seu histórico, e atualizar suas estatísticas, permitindo que você
acompanhe sua evolução nos gráficos de desempenho.

34 de 34