Implantação do Openredu em Escolas Públicas

Estaduais da GRE Metro Sul
Relato de experiência
Apresentação
A GRE Metro Sul possui 97 escolas. No 3º ano do ensino médio, cerca de 10 mil alunos. No
segundo semestre de 2015, a GRE Metro Sul iniciou a preparação de alunos para a realização de
avaliações externas SAEB (Sistema de Avaliação da Educação Básica) e do SAEPE (Sistema de
Avaliação da Educação Básica de Pernambuco). O grupo de professores tinha pouco tempo e não
dispunha de um ambiente virtual de aprendizagem. Naquele momento, foi identificada a
oportunidade de adotar o ambiente virtual de aprendizagem Openredu, por solicitação de um
grupo de professores que viu nisto uma oportunidade de maior interação com os estudantes com
vistas ao alcance da meta pretendida: preparar os mesmos para a jornada de avaliações
externas.. O objetivo era proporcionar a formação dos alunos e garantir um melhor desempenho
dos mesmos nas avaliações. O período de realização do projeto estendeu-se entre os meses de
setembro a novembro. O período de aplicação da prova do SAEB e SAEPE foi no mês de
novembro, entre os dias 10 a 20. O público alvo do projeto foi formado por alunos e professores
de 5 escolas da GRE Metro Sul, sendo aproximadamente 700 alunos do 3º ano do ensino médio,
professores do reforço escolar (tutores) de Matemática e Língua Portuguesa e os professores
efetivos. Para estes últimos a formação serviu para sensibilizar e mobilizar para o uso da
plataforma em colaboração as suas aulas. A formação por meio da plataforma Openredu objetivou
aprimorar o conhecimento dos alunos acerca dos descritores das avaliações nas áreas de
Matemática e Língua Portuguesa.
Ao final de quatro semanas de atividades, foram cadastrados 543 alunos, 12 professores do
reforço e 18 professores efetivos. A aceitação para o uso da plataforma foi positiva.

Equipe da GRE Metro Sul
Gerente da Regional Metropolitana Sul
José Amaro Barbosa da Silva
Chefe da Unidade de Desenvolvimento de Ensino
Ana Cristina de Barros Amaral
Chefe da Unidade de Gestão de Rede
Danilo José Santos
Supervisor da Célula de Desenvolvimento de Pessoas
Dâmocles Aurélio Nascimento da Silva

Equipe Técnica de Matemática
Adalberto Teles Marques
Christiano Antunes Guimarães
Cláudia Danielle Oliveira da Silva
Geziel Costa Campos
José Lopes Ferreira Junior
Osinaldo Bernardo da Silva
Equipe Técnica de Língua Portuguesa
Cristiane Renata da Silva Cavalcanti
Jamil Costa Ramos
Jaqueline Batista da Costa
Samuel Lira de Oliveira
Thais Maria Cecília da Paz

Apoio e agradecimento
O presente projeto foi realizado com apoio financeiro da empresa EMC2, via projeto de
cooperação nº 239/2015 e contou com a interveniência da Fundação COPPETEC.

Introdução
Objetivo geral
Atender a necessidade de uma plataforma para ofertar aulas preparatórias para as avaliações
externas do SAEB (Sistema de Avaliação da Educação Básica) e do SAEPE (Sistema de
Avaliação da Educação Básica de Pernambuco) até o final de Novembro de 2015.

Openredu e Comunidade Openredu
O Openredu é um ambiente virtual de aprendizagem que foi concebido para proporcionar formas
intensas de comunicação e colaboração entre professores e alunos. Trata-se de um ambiente de
colaboração para professores e alunos que permite criar novas situações de aprendizagem por
meio da Internet e de dispositivos móveis. Sua estrutura interna permite organizar os conteúdos
em diversos formatos de mídias digitais. Na mesma tela na qual os usuários interagem com as
mídias, existem espaços para comunicação na forma de fóruns de discussão. O conteúdo de
todos os fóruns são integrados na tela inicial para simplificar o trabalho de acompanhamento dos
alunos pelo professor e permite diferentes gêneros de diálogos que ocorrem no ambiente.
O Openredu apresenta-se como uma solução para ordenar e ressignificar a comunicação e a
prática educativa entre pais, alunos, professores e instituição, estruturando a criação de uma
comunidade de aprendizagem integrada para promover o desenvolvimento dos participantes.
O Openredu é um software livre distribuído sobre licença GPL2. A Comunidade do software livre
Openredu integra profissionais das áreas de Educação, Ciência da Computação, Design e Gestão
em torno da manutenção e evolução do ambiente social de aprendizagem Openredu. A
comunidade tem sede no Centro de Informática da UFPE e sua liderança técnica e científica é
realizada por pesquisadores do Grupo de Pesquisa Ciências Cognitivas e Tecnologia
Educacional. Mais informações sobre a Comunidade em http://openredu.org. O Líder para a área
de Educação e o relacionamento com professoras(es) pela comunidade é o Profº José Lopes
Ferreira Junior.

Diário de campo
Ao longo de cinco semanas foram realizadas ações de implantação da plataforma Openredu em
cinco escolas estaduais da GRE Metro Sul, que participariam das avaliações externas, localizadas
na região metropolitana do Recife (RMR). Nas seções a seguir descrevemos as etapas e ações
realizadas até a conclusão da intervenção.

Etapas e marcos importantes
Nas seções a seguir descrevemos as etapas e marcos relevantes que permitiram chegar aos
resultados satisfatórios do presente projeto. As etapas iniciam com entendimentos entre Líderes
da GRE e da Comunidade Openredu e vão até a conclusão do cadastro dos professores e alunos
envolvidos e a utilização plena da plataforma.

Identificação da oportunidade: Em meados de setembro o Prof. José Lopes F. Junior
comunicou a necessidade da GRE de realizar uma formação por meio de um ambiente virtual de
aprendizagem e apresentou a necessidade de implantação de uma plataforma na GRE Metro Sul
como uma oportunidade para a Comunidade Openredu.

Figura 1. Identificação da oportunidade.
Primeira reunião, no CIn UFPE: no dia 21 de setembro às 09:00 da manhã no CIN/UFPE, com a
participação dos professores técnicos de matemática Geziel Costa Campos e José Lopes Ferreira
Junior (Líder de Educação) e do Prof. Alex Sandro Gomes, Carlos Henrique do Nascimento Melo,
Pedro José de Souza Neto e Yves Bouckaert da comunidade Openredu. Nesta reunião, foram
planejadas as ações necessárias e o cronograma para a implantação da plataforma Openredu na
GRE Metro Sul.
Segunda Reunião, na GRE Metro Sul: no dia 28 de setembro na UDE (Unidade de
Desenvolvimento de Ensino) da Metro Sul, o Prof. José Lopes Ferreira Junior, Líder Educador da
comunidade Openredu e o Prof. Técnico de matemática Geziel Costa Campos. A pauta da
reunião foi a seguinte: planejamento da semana introdutória, e, apresentação da plataforma e
seus recursos. Foi definido que esta sala possuirá:
Um texto de apresentação da plataforma com objetivo, proposta, recursos disponíveis, links de
materiais da SEDUC e de outras fontes e cadernos complementares preparados pela equipes
técnicas de português e matemática da UDE Metro Sul , pelo MEC e pela SEDUC/PE.

Figura 2. Apresentação inicial do Openredu aos professores da GRE Metro Sul.
Sensibilização, na GRE Metro Sul: apresentação da plataforma Openredu aos gestores das 5
escolas atendidas: Alto dos Guararapes, Bernardo Vieira, Natanael Medrado, Santa Apolônia e
Zequinha Barreto e aos professores técnicos de português e de matemática da UDE GRE Metro
Sul pelo Prof. Alex Sandro Gomes (Coordenador Geral Openredu) e do projeto Implantação do
Openredu em Escolas Públicas Estaduais da GRE Metro Sul pelo Prof. José Lopes F. Junior. Os
gestores das escolas e os professores técnicos de matemática e português ficaram
entusiasmados com as possibilidades de melhoria no desempenho dos alunos e da colaboração

com o trabalho pedagógico dos professores de português e matemática das escolas envolvidas e
pela valorização do trabalho realizado pelos professores técnicos da UDE e bem como a
simplicidade do uso, a riqueza de recursos da plataforma e a filosofia de interação constante entre
os usuários ao utilizar os recursos pedagógicos disponíveis no Openredu.
Primeira Reunião de planejamento, na GRE Metro Sul: Esteve reunido no dia 15 de setembro
na UDE (Unidade de Desenvolvimento de Ensino) da Metro Sul, o Prof. José Lopes Ferreira
Junior (Líder de Educação) e o Prof. Técnico de matemática Geziel Costa Campos (Colaborador
direto e entusiasta da ideia de uso da ferramenta Openredu pela GRE Metro Sul). A pauta da
reunião foi a seguinte: Necessidade de uma plataforma para ofertar aulas preparatórias para o
SAEB e SAEPE até o final de novembro. Na ocasião foram definidos: o quantitativo de alunos, os
professores que receberiam formação, a estrutura dos conteúdos, as escolas atendidas.

Escolas escolhidas
O critério de escolha das 5 escolas envolvidas na implantação da plataforma Openredu, foram as
escolas que iriam ordenar a Metro Sul nas avaliações do SAEB e bem como na preparação para
a avaliação do SAEPE.
As escolas atendidas foram:
1.
2.
3.
4.
5.

Escola Alto Dos Guararapes - Jaboatão Dos Guararapes/PE
Escola Bernardo Vieira - Jaboatão Dos Guararapes/PE
Escola Prof. Natanael Barbosa Medrado - Cabo De Santo Agostinho/PE
Escola Santa Apolônia - Camaragibe/PE
Escola Zequinha Barreto – Jaboatão dos Guararapes/PE.

Outros dados sobre as escolas atendidas encontra-se no Apêndice A deste relatório.

Visitas às Escolas
Foram feitas visitas as escolas atendidas pela projeto com o objetivo de realização de cadastro de
alunos na plataforma e criação de e-mails dos alunos caso não possuíssem.
Participaram das vistas o voluntário Carlos Henrique do Nascimento Melo e o Prof. José Lopes F.
Junior. Durante as visitas havia entrega de brindes, distribuição de adesivos do Openredu aos
professores e alunos e estímulo ao uso da plataforma.
Visita à Escola Santa Apolônia em Camaragibe no dia 14 de outubro a tarde, os cadastros dos 11
alunos do 3º ano A da referida escola.
Visita à Escola Alto dos Guararapes, em Jaboatão no dia 14 de outubro. Nesta realizou-se o
cadastros e criação de e-mail de cerca de 40 alunos dos turnos da manhã e da noite (Figura 3).

Figura 3. Visita à Escola Alto dos Guararapes no dia 14 de outubro.
Visitas à Escola Zequinha Barreto, Jaboatão para a apresentação da plataforma aos alunos e
professores e cadastros no turno da manhã nas turmas A e B no dia 19 de outubro e no dia 22 de
outubro a noite nas turmas E e F (Figuras 4, 5 e 6).

Figura 4. Visita à Escola Zequinha Barreto.
Mobilização junto a EMC: aproveitando a oportunidade de participação no evento do GGTI
MEETING 2015, o Prof. José Lopes F. Junior esteve reunido no dia 23 de outubro com o
representante da UNITECH gerente de contas José Queiroz parceiro da EMC e com a
representante da EMC, Angeline Santos Gerente de Contas Norte, apoiadora da instância
Openredu que fora utilizada para atender a demanda do projeto de implantação na GRE Metro
Sul.(Figura 7)

Figura 5. Visita à Escola Zequinha Barreto.

Figura 6. Visita à Escola Zequinha Barreto.

Figura 7. Encontro com representante da EMC2.

Na ocasião, o professor José Lopes deu a notícia desse projeto e agradeceu a EMC e aos seus
parceiros através de sua representante pelo apoio dado e como também falou das perspectivas
de futuro de ampliação desse número de atendimento de escolas e alunos. A representante da
EMC declarou está bastante satisfeita em saber das noticias e que o o apoio gerou bons frutos e
que estava a disposição em continuar em colaborar com a comunidade Openredu na possibilidade
de ampliação dessa demanda.

Preparação do ambiente Openredu
Toda a equipe dos professores técnicos de português e de matemática da UDE estiveram
envolvidos e bastante empenhados na preparação das aulas semanais de acordo com as suas
disciplinas. Onde cada um teve que preparar uma vídeo aula (Slide narrado do tópico ou assunto),
01 atividade com 05 questões, 01 fórum sobre o tópico da semana, uma curiosidade(Fique
Ligado) e 01 simulado de 10 questões de múltipla escolha.
Os tópicos foram divididos da seguinte forma:
Semanas

Matemática

Língua portuguesa

Semana I

Tema I

Tópico I

Semana II

Tema II

Tópico II

Semana III

Tema III

Tópico III e IV

Semana IV

Tema IV

Tópico V e VI

Lembrando que a cada semana vocês terão que assistir às vídeo-aulas, participar dos fóruns,
responder as atividades, ampliar os conhecimentos com o fique ligado e responder o simulado. A
organização das aulas no Openredu seguiu organização por módulos semanais (de 4 a 6
semanas) para cada disciplina (Módulos = eixos temáticos – descritores).
Os recursos pedagógicos utilizados foram:
1. Cadernos já prontos de português/matemática
2. Fórum;
3. Vídeo-aulas produzidas a partir da narração de apresentações;
4. Atividade com 5 questões;
5. Questionário com 10 questões para cada disciplina ao fim de cada módulo/semana;
6. Três salas: Apresentação da plataforma e seus recursos, português e matemática
7. Usuário e senha : matricula do aluno/professor

Ação de Estimulo ao Uso da Plataforma
O professor José Lopes F. Junior técnico de matemática e líder do Openredu junto aos
professores, enviou mensagens por e-mail a todos os gestores das 05 escolas, aos alunos
cadastrados na plataforma, aos professores de reforço e técnicos de português e matemática
apresentando a plataforma, os recursos que possui, a sua organização e como realizar o acesso.
A chefia da UDE Prof.ª Ana Cristina encaminhou a mensagem aos gestores reforçando a
importância das orientações dadas. Todas separadas por descritores do SAEB/SAEPE.

Formação dos professores
No dia 10 de novembro, às 14:00 na Sala Maria do Rosário, na GRE METRO SUL, foi
apresentada pelo Prof. José Lopes F. Junior a plataforma Openredu e o projeto de Implantação do
Openredu em Escolas Públicas Estaduais da GRE Metro Sul.

Participaram os gestores das 5 escolas atendidas: Alto dos Guararapes, Bernardo Vieira,
Natanael Medrado, Santa Apolônia e Zequinha Barreto e os 12 professores de reforço de
português e de matemática das escolas envolvidas (foram verificados os cadastros de todos os
professores, e os que ainda não haviam feito, foram realizados ao final da formação e também
foram inscritos em suas respectivas escolas e turmas para acompanhamento de seus alunos).
Os professores de reforço de matemática e português ficaram bastante interessados e relataram
que iriam tirar o maior proveito das possibilidades ao utilizar os recursos pedagógicos disponíveis
no Openredu e das aulas que foram disponibilizadas pelos técnicos da UDE.

Figura 8.
Relataram também que iriam fazer uso em suas aulas com os alunos do reforço e como também
alguns gestores presentes falaram que iriam estimular aos professores efetivos fazerem o
cadastro na plataforma e enriquecer as suas aulas com essa ferramenta.
Houve também a participação e colaboração dos professores técnicos de português Cristiane
Renata da Silva Cavalcanti e de matemática Christiano Antunes Guimarães.
Os voluntários da comunidade Openredu envolveram-se com atividades que correspondiam a
suas respectivas competências. Participaram da intervenção: o Coordenador Geral, o Líder
Técnico, dois revisores de código, um especialista em banco de dados (DBA), um especialista em
API, dois alunos de graduação contribuíram com o cadastro dos alunos e professores.

Resultados
Desenvolvimento de liderança junto aos professores
Na composição da Comunidade Openredu havíamos identificado a necessidade de contar com
um líder educador cujo perfil e atuação próxima a professores de redes públicas de ensino poderia
promover a difusão do uso e adoção do ambiente de aprendizagem junto aos pares. O prof. José
Lopes Ferreira Junior UDE/Metro Sul havia sido identificado para realizar o papel de liderança.
Sua atuação ao longo do projeto foi importante para que a sua liderança fosse desenvolvida e
entendêssemos a relevância do papel do líderes educadores para a difusão dessa tecnologia
junto a profissionais de educação.

Professores formados
Cerca de 30 professores foram apresentados a plataforma e a como utilizar os seus recursos
pedagógicos. Os professores estão distribuídos da seguinte forma: 05 professores gestores das

escolas, 12 professores de reforço de português e de matemática, 10 professores técnicos de
português e matemática, o gestor da GRE , a chefia da UDE e o supervisor da CDP.

Alunos cadastrados
543 de um universo de 685 alunos do 3º ano do ensino médio das 5 escolas envolvidas no
projeto. 142 alunos não foram cadastrados devido a falta de e-mail, uma condição extremamente
necessária, pois o cadastro e a interação da plataforma se dá por esse meio de comunicação. Os
alunos foram cadastrados ao longo de três semanas conforma descrito na tabela e no gráfico
abaixo.
SEMANAS

N° MATRÍCULAS

1ª SEMANA

293

2ª SEMANA

254

3ª SEMANA

22

Ao longo das semanas a quantidade de acessos aos conteúdos da plataforma ocorreu conforme
descrito no gráfico abaixo.

Figura 9.

Depoimentos
Os alunos - principais beneficiados, os gestores das escolas, os professores técnicos e de reforço
escolar de matemática e português ficaram entusiasmados com as possibilidades de melhoria no
desempenho dos alunos; assim como da colaboração com o trabalho pedagógico dos professores
de português e matemática das escolas envolvidas. Ainda a valorização do trabalho realizado
pelos professores técnicos da UDE e bem como a simplicidade do uso, a riqueza de recursos da
plataforma e a filosofia de interação constante entre os usuários ao utilizar os recursos
pedagógicos disponíveis no Openredu.
A seguir reproduzimos alguns depoimentos dos participantes:
“Por dever de justiça, reconhecemos que a plataforma OPENREDU em muito contribuiu de forma
significativa, no apoio as nossas escolas para um melhor desempenho dos seus estudantes nas
avaliações externas SAEB ( Sistema de Avaliação da Educação Básica) e do SAEPE (Sistema de
Avaliação da Educação Básica de Pernambuco. Gostaríamos muito de poder contar com essa
ferramenta no apoio as 97 escolas da GRE Metro Sul no ano letivo de 2016.”

José Amaro Barbosa da Silva - Gerente da Regional Metropolitana Sul
“Esta ferramenta vem como mais um suporte de aprendizagem para os Estudantes. É uma
ferramenta inovadora, pois utiliza vários recursos tecnológicas, fazendo com que os estudantes
acessem até pelo celular, onde e quando quiser as vídeos aulas e todo o material contido na
Plataforma.”
Ana Cristina de Barros Amaral - Chefe da Unidade de Desenvolvimento de Ensino
“As possibilidades são enormes, uma ferramenta de grande alcance a favor da educação.
O grande desafio é se apropriar dos recursos disponíveis e maximizar ações com o uso da
plataforma Openredu. Acredito que seja o futuro, temos muitas possibilidades a nossa
disposição.”
Christiano Antunes Guimarães - Prof. Técnico de Matemática
“A plataforma Openredu aparece como um recurso tecnológico muito eficiente para ajudar a criar
um ambiente propício ao desenvolvimento de novas relações entre estudantes e professores,
estudantes e estudantes e estudantes e internet. Este tipo de tecnologia oferece oportunidades
diferenciadas e aponta para preparação para o futuro das relações pedagógicas, de forma
atualizada e prática.
Adalberto Teles Marques - Prof. Técnico de Matemática
“A ideia da plataforma Openredu está sendo de grande utilidade para os alunos da nossa GRE.
Nela eles têm a oportunidade de acessar os vídeos com as aulas e as atividades em qualquer
lugar e hora através da internet. Parabéns a equipe pela grande iniciativa.”
Jamil Costa Ramos - Prof. Técnico de Língua Portuguesa
“A plataforma Openredu é um suporte pedagógico que veio inovar nossa prática de ensino
enquanto professores e formadores da Gerência Metropolitana Sul. Ela consegue integrar
estudantes, professores e técnicos de ensino de maneira simultânea na efetivação da
aprendizagem. A ideia de disponibilizar vídeo-aulas e atividades referentes aos conteúdos, assim
como o fórum de discussão, dicas sobre como aprofundar o assunto, simulados, etc são
sequências de atividades que pensamos para interagir e facilitar a aprendizagem da comunidade
da plataforma. É possível também acompanhar os comentários, através do mural, das turmas de
maneira interativa. O legal da plataforma é que podemos acessá-la em qualquer dispositivo móvel
a qualquer hora. Então, os estudantes terão mais oportunidades para assistir às aulas e se
prepararem para as avaliações internas e externas. Gostaria de enfatizar também a integração do
grupo que tornou a viabilização da plataforma possível. Obrigada ao empenho das Equipes
Pedagógicas e de Coordenação Geral da Comunidade, prof. Alex Sandro Gomes CIN/UFPE,
assim como ao Líder da Comunidade Openredu junto aos professores, prof. José Lopes Ferreira
Junior UDE/Metro Sul que tornou nosso sonho possível.”
Cristiane Renata da Silva Cavalcanti - Prof.ª Técnica de Língua Portuguesa

Considerações
A experiência de usuários com o Openredu é a sua principal vantagem. Suas interfaces foram
concebidas para que professores e alunos não necessitem de treinamento quando iniciam a usar
o ambiente. O seu modelo combina as funcionalidades de um sistema de gestão de aprendizagem
(learning management system, LMS) e de uma rede social. A segunda vantagem do Openredu é a
possibilidade de integrar o mesmo com todos os sistema legados da instituição via a sua API

(application
program
interface)
cuja
documentação
encontra-se
em
http://developers.openredu.com/. A terceira vantagem do Openredu está na integração plana com
aplicativos para celular. Em um deles o professor pode criar materiais nos formatos de imagem,
foto e vídeo e compartilhar com seus alunos usando apenas o celular. A experiência com os
aplicativos também não necessita de treinamento para iniciar a usar. Uma quarta vantagem do
Openredu é que o mesmo é um software livre. Sua comunidade está organizada em
http://openredu.org. Esse tipo de licença permite que o usuário não dependa de apenas um
prestador de serviço, permanecendo com aquele que melhor atender suas demandas sem
necessidade de trocar de produto.

Meta para 2016
Atender todas as 97 escolas da GRE METROSUL, tendo como público alvo, todos os alunos dos
9º anos do Ensino Fundamental e dos 3º anos do Ensino Médio. Onde essas estão localizadas
nos seguintes municípios: Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Ipojuca, Jaboatão dos
Guararapes, Moreno e São Lourenço da Mata. Tendo como estimativa cerca de 15 mil alunos: 5
mil alunos dos 9º anos do Ensino Fundamental e 10 mil alunos dos 3º anos do Ensino Médio.
Além dos professores efetivos e de reforço de português e de matemática.

Referências
Portal do OPENREDU: http://openredu.cin.ufpe.br/?lang=pt
Plataforma de Demonstração do OPENREDU: http://openredu.com/
Plataforma OPENREDU: http://ead.openredu.com/
Portal do SIEPE: http://www.siepe.educacao.pe.gov.br/
Portal do SAEPE: http://www.saepe.caedufjf.net/saepe-inst/
Portal do SAEB: http://portal.inep.gov.br/saeb
Portal da SEDUC/PE: http://www.educacao.pe.gov.br/portal/
Equipe Técnica de Português e de Matemática da UDE GRE METRO SUL
GRE METRO SUL: http://www.educacao.pe.gov.br/portal/?pag=1&men=101

Apêndice A. Dados das Escolas
Escola Alto Dos Guararapes –
Av. Barreto de Menezes, S/N
Muribeca dos Guararapes - Prazeres - Jaboatão Dos Guararapes/PE
Gestora: Aparecida Oliveira da Silva
Professores de Reforço (Tutores):
Rosemary Soares - Língua Portuguesa
Shirley Simone - Matemática
Número de alunos atendidos: 68
Número de turmas atendidas: 02
Nome e turnos das Turmas: A Manhã, B Noite.

Escola Bernardo Vieira
Rua Barão de Lucena, 422 – Centro
Jaboatão Dos Guararapes/PE

Gestor: Lairton Flávio Vasconcelos
Professores de Reforço (Tutores)
Girlane Alexsandra F. Da Silva - Língua Portuguesa
Lucila De Melo Viana - Matemática
Número de alunos atendidos: 259
Número de turmas atendidas: 07
Nome e turnos das Turmas: A, B, C e D Manhã, E e F Tarde, G Noite.

Escola Prof. Natanael Barbosa Medrado
Loteamento Rosa Dos Ventos, S/N
Charneca- Cabo De Santo Agostinho/PE
Gestor: Iara Peres Da Silva
Professores de Reforço(Tutores):
Sandra Maria M. B. da Silva - Língua Portuguesa
Adeilton Ferreira Barros - Língua Portuguesa
José Cícero de Macedo - Matemática
Número de alunos atendidos: 158
Número de turmas atendidas: 04
Nome e turnos das Turmas: A e B Manhã, C Tarde e D Noite.

Escola Santa Apolônia
Av. General Newton Cavalcante, 1.650
Nazaré - Camaragibe/PE
Gestor: Aurelúcio Braga De Oliveira
Professores de Reforço (Tutores):
Raquel Maria Da Conceição - Língua Portuguesa
Washington José De Santana - Matemática
Número de alunos atendidos: 11
Número de turmas atendidas: 01
Nome e turnos das Turmas: A - Tarde

Escola Zequinha Barrreto
Conjunto Residencial Dom Hélder Câmara, S/N
Candeias – Jaboatão dos Guararapes/PE.
Gestor: José Nivaldo Ferreira De Macena
Professores de Reforço (Tutores):
Verônica Das Neves - Língua Portuguesa
Maria Doralice - Matemática
Número de alunos atendidos: 189
Número de turmas atendidas: 06
Nome e turnos das Turmas: A e B Manhã, C e D Tarde, E e F Noite.