Você está na página 1de 238

GUIA DO BAR

GUIA DO BAR compilado e reunido de diversas fontes por: Rodrigo Vidonscky

compilado e reunido de diversas fontes por:

GUIA DO BAR compilado e reunido de diversas fontes por: Rodrigo Vidonscky

Rodrigo Vidonscky

Índice

Introdução

3

Equipamentos

4

Queijos e Vinhos

8

Tipos de Bebidas

12

Drinks

20

Vodka

21

Rum

59

Absinto

99

Tequila

114

Cachaça

139

Licores

163

Diversos

204

Sem Álcool

227

Curiosidades

234

Introdução

Um bom bar depende muito mais do conteúdo e do talento de quem o administra do que propriamente de sua forma ou visual. Pode ser um balcão, um carrinho, uma mesinha encostada na parede, a porta de um armário, uma prateleira, etc. Tudo vale, desde que minimamente equipado com apetrechos indispensáveis para elaborar um bom drinque. Uma das vantagens de aprender alguns truques de barman (ou barwoman) é que todo mundo adora quando seu (sua) companheiro (a) domina estas técnicas, o que permite experimentar as mais diversas sensações, por meio do sabor e perfume de diferentes coquetéis.

Equipamentos

O primeiro passo é preciso preparar o espaço e ter as ferramentas. O espaço pode ser o que tiver disponível, desde que seja relativamente perto da copa ou cozinha e que seja reservado a este propósito específico, para poder deixar, em caráter permanente, os principais utilitários, além, é claro, das bebidas. As ferramentas de um bom barman não são poucas, mas são fáceis de encontrar e manejar e, uma vez adquiridas, duram vários e vários anos. Elas são as seguintes:

Balde e pinça de gelo

Coqueteleira

Facas de bar (pequenas e muito afiadas, algumas serrilhadas para cascas mais duras)

Tábua de bar (pode ser qualquer tábua de cortar)

Abridor de garrafas

Saca-rolhas

Guardanapos de papel

Canudos (longos e curtos)

Açucareiro

Colheres longas de bar

Copo misturador

Pratinhos pequenos para rodelas de limão ou frutas em pedaços

Cumbucas para salgadinhos

Coador médio ou pequeno

Tigela para macetar ingredientes mais duros (material resistente)

Ralador de noz moscada (ralada na hora, é mais perfumada)

Copos são itens fundamentais. Todo mundo sabe que não tem graça tomar cerveja em copo de plástico. Pois, na verdade, todos os tipos de bebida requerem um formato ou textura de copo específico. Segundo Derivan Ferreira de Souza, várias vezes campeão internacional de coquetelaria, os drinques podem ser:

Estimulantes de apetite

Digestivos

Nutritivos (ricos em calorias)

Refrescantes (com muito gelo, bebidas gaseificadas ou sucos)

Estimulantes físicos (que aquecem o corpo e levam água quente, destilados e condimentos)

Desta forma, os copos variam de formato, para melhor servir a bebida. Claro que não é preciso ter todos os modelos de pés de taça e larguras de bojo. No entanto, alguns são básicos:

Copos altos, para long drinks

Copos baixos

Taças em formato triangular, para coquetéis como dry martini ou Whisky sour

Taças de vinho

Taças de champanhe, longas

Tulipas de chope

Além das bebidas, outros elementos também fazem parte da coquetelaria. Procure-se manter sempre bem fornecido de:

Sal

Pimenta-do-reino

Canela em pó

Azeitonas verdes

Cebolinha em conserva

Cerejas em calda ou ao marrasquino

Hortelã fresca

Molho inglês

Molho de pimenta vermelha

Frutas (abacaxi, laranja, maçã,

limão)

Noz-moscada

Sucos (laranja, limão, tomate, maracujá, caju)

Salgadinhos para acompanhar

Queijos e Vinhos

Quando a temperatura cai, imediatamente lembramos-nos de alguns clássicos, como a dupla “queijos e vinhos”, perfeita para promover encontros descontraídos e amistosos. Mas, na hora de curtir esse clima, muitas pessoas sentem-se pouco a vontade, incomodadas pela velha dúvida: Quais os vinhos mais apropriados para servir com queijos? É permitido misturar brancos e tintos? Sim, é. Aliás, como em tudo na vida, também neste caso é preciso usar o bom senso e estar atento, usando o paladar como sentido mestre. E, para compreender melhor o que estamos servindo, nada melhor do que conhecer um pouco sua história. A origem do queijo é asiática e, provavelmente, remonta a mais de 4 mil anos. A história mais coerente acerca de sua descoberta relaciona-se ao uso de sacos de couro, onde o leite era guardado e transportado, ocorrendo

consequentemente a coagulação do líquido. Hoje, existe enorme variedade de queijos, sendo os principais países produtores Itália, Alemanha, França, Dinamarca e Estados Unidos. A diversidade é possível devido aos diferentes tipos de leite empregados e os diferentes processos de fabricação. Aspectos como textura são considerados importantes quando se fala em queijos, o que leva à classificação:

Macios, Semimacios, Semiduros, Duros, De veios azuis. Na hora de montar o cardápio é interessante compor uma lista variada. Assim, é possível atender a todos os gostos e alternar sabores picantes com mais suaves, texturas mais duras com cremosas. Certos queijos "matam" os vinhos, ou seja, os encobrem completamente, e, por isso, devem ser evitados. Outro cuidado: Quanto mais curado ou curtido for o queijo, mais se deve pensar em uma combinação suave com o vinho.

Queijos azuis cremosos, com sabor intenso e fungos (roquefort e gorgonzola) pedem algo mais adocicado, como os Sauternes franceses, o encorpado e aromático Gewurztraminer ou vinho do Porto português.

Queijos de consistência macia (camembert e brie) vão bem os espumantes do tipo brut e vinhos brancos medianamente encorpados, como Chardonnay e Sauvignon Blanc. Também vale a fórmula: os mais crus combinam com um bom Bourgogne e os pasteurizados, como um Saint Emilion.

Queijos de consistência firme e sabor suave (emmenthal e prato) vão com vinhos brancos medianamente encorpados e tintos leves, como Cabernet Franc e Merlot.

Queijos de Cabra, ao contrário do que muitos imaginam pode combinar com brancos como Sancerre; um excelente Sauvignon Blanc, vinhos com pouco carvalho, de preferência.

Queijos macios e suaves combinam muito bem com vinhos secos da Alsácia ou de uvas Chardonnays e também Jerez.

Queijos de sabor marcante (gruyere

e parmesão) vão com vinhos brancos

encorpados, com alguns Chardonnays americanos e australianos, tintos encorpados, como os Borgognes franceses

e alguns Chianti italianos.

Para os queijos duros (gouda e emmenthal) é interessante um Bordeaux mais maduro ou até um Clarete.

Queijos frescos cremosos (cottage, mascarpone e ricota) são perfeitos com brancos leves, como verdes, Bordeaux Blanc ou Frascati, e, ainda, tintos como Bordeaux maduros, Shiraz Australiano e Clarete.

Tipos de Bebidas

Nesta seção o leitor poderá conhecer um pouco mais sobre diversos tipos de bebidas.

Bebidas são definidas como:

1. Líquido que se bebe.

2. Qualquer líquido alcoólico, próprio para

se beber.

As bebidas são produtos alimentícios líquidos, que servem principalmente para combater a sede, nutrir, estimular, etc. Tudo depende de suas características.

Existe uma enorme variedade de tipos de bebidas, porém, podemos dividi-las em dois grupos principais:

1 - Bebidas alcoólicas:

São aquelas que contêm álcool em sua constituição. O álcool é a denominação genérica dos compostos orgânicos resultantes da substituição de um ou mais átomos de hidrogênio dos hidrocarbonetos por um ou mais oxidrilos. É também o líquido obtido pela destilação de substâncias açucaradas, fermentadas. O aparelho utilizado para medir o teor de álcool nos líquidos é chamado de alcoômetro. As bebidas alcoólicas podem ser divididas em: Fermentadas, Destiladas e Compostas.

- Alcoólicas compostas:

Vermutes Vinhos Quinados Bitters ou Amargos Anisados

- Alcoólicas destiladas ou espirituosas:

São aquelas em que o álcool se encontra em grande quantidade, e normalmente são obtidas por destilação, e se dividem em

dois grupos:

Espirituosas Simples (Aguardentes) Espirituosas Compostas (Licores).

Destilação: É uma operação que tem o objetivo de separar o álcool, o que é feito através do aquecimento em recipientes fechados de substâncias fermentadas que contenham o mesmo. Deriva do Latim, que significa Gotejar. É definida como "O processo de volatilizar, por aquecimento, líquidos de composição complexa, e condensá-los novamente ao estado líquido, para obter produtos de características mais rigorosas". Temos dois processos de realizar a destilação, que são o Pot Still (Destilação Artesanal, gota a gota, de fogo direto. Os antigos diziam que este processo tinha por objetivo extrair o espírito dos ingredientes, daí a origem da palavra usada para os destilados, espirituosa), e o Patent Still (Destilação por processo contínuo, para produção em grande escala).

- Alcoólicas fermentadas:

A fermentação é definida como "Reação espontânea de um corpo orgânico, pela presença de um fermento que o decompõe. É o processo de transformação química acompanhada de efervescência, da natureza da produzida pelo fermento ou semelhante a ela. É a agitação. Efervescência moral". Temos diversos tipos de fermentação, como a pútrida, a maloláctica, a butírica, etc. Porém uma das mais importantes é a alcoólica, que é a transformação do açúcar de certas substâncias em álcool etílico e anidrido carbônico com desprendimento de calor. Como exemplos de bebidas alcoólicas fermentadas temos:

Vinho

Cervejas

Cidra

2 - Bebidas Não Alcoólicas: São todas aquelas que não possuem álcool na sua composição. Temos como exemplos de bebidas sem álcool:

Água: Bebida incolor, insípida e inodora, indispensável ao ser humano. Médicos recomendam que se tomem pelo menos 2 litros de água ao dia;

Leite: Liquido de cor branco-opaca, que tem como principais valores nutritivos:

proteínas, matérias gordas, hidratos de carbono, cálcio, potássio e fósforo, e pode se apresentar Pasteurizado, Esterilizado, Condensado e em pó;

Cacau/Chocolate: Produto que se obtém das sementes do cacaueiro depois de um processo de tratamento e é usado na restauração sob a forma de pó diluído com água ou leite frio ou quente e, ainda, em cocktails;

Chá: Bebida estimulante obtida a partir da árvore do chá - Camelia Sinensis - sendo que, conhecido a milhares de anos no

Oriente, foi após os Descobrimentos que se divulgou na Europa, em especial no Reino Unido, onde a introdução do hábito de beber chá tem ligação com um nome português: D. Catarina de Bragança, princesa de Portugal, casada com o rei inglês D. Carlos II. Porém, a divulgação desse hábito e a sua popularização deve- se a um cavalheiro inglês: Sir Thomas Lipton;

Refrigerantes: Bebidas, já prontas para consumo, que são obtidas da diluição em água de sumos ou concentrados de frutos, xaropes, essências naturais de frutos ou vegetais e se dividem em:

- Refrigerantes de frutos naturais: Em sua fabricação entram, como aromatizantes, sumos e polpa de frutos naturais ou seus concentrados. Podem apresentar-se com ou sem gás.

- Refrigerantes de essências de frutos: Em sua fabricação entram, como aromatizantes, extratos de frutos e, normalmente, apresentam-se com gás. Ex:

Laranjadas e Limonadas.

- Refrigerantes de extratos de vegetais: Em sua fabricação entram, como aromatizantes, extratos de vegetais. Apresentam-se normalmente com gás. Ex:

Colas, Ginger Ales, águas tônicas.

Sumos: São os sumos dos respectivos frutos naturais extraídos de frutos frescos. Poderão ainda encontrar-se embalados, obtidos a partir de frutos frescos sem corantes ou outros aditivos.

Xaropes: São semiconcentrados feitos à base de açúcar, água, sumos ou essências de frutos ou vegetais e corantes, em alguns casos. Entre os mais conhecidos, estão: Groselha (groselhas), Grenadine (romãs), Capile (açúcar-caramelo), Laranja (laranjas), Limão (limões), Morango (morangos). Quando simples, os xaropes são servidos em copos médios, acompanhados de água ou soda.

Nota: xarope de açúcar é a mistura de partes iguais de açúcar e água.

Café: Produto com características

estimulantes, extraído do fruto do cafeeiro sendo depois torrado e moído. Em sua restauração, é utilizado das seguintes formas:

EXPRESSO - Muito forte, feito em máquina de pressão, servido em xícara de 5 a 6 cl. EXPRESSO ITALIANO - Igual, mas servido em xícara de 5/6 cl mal cheia. ABATANADO - Igual, mas servido em chávena de 10 a 12 cl. CREME - Substituindo a água por leite. FILTRO - Preparado em aparelho de filtro ou balão. SOLÚVEL - Café sem cafeína solúvel, que se prepara na mesa. CARIOCA - Fraco servido em xícara de 5/6 cl. COM LEITE - Café e leite. Deve ser apresentado em cafeteira e leiteira separadamente. CAPUCCINO - Café expresso, coberto com espuma de leite quente polvilhado com chocolate em pó. VIENENSE - Frio, servido em copo com cobertura de chantilly.

E agora, o mais importante

DRINKS

E agora, o mais importante DRINKS 20

Vodka

O aparecimento da Vodka deu-se há mais de 800 anos. No entanto, atingiu o auge da sua popularidade depois de 1940.

O seu nome deriva da frase russa "Zhiznennia Voda", que significa "Water of Life" (água da vida). A palavra vodka foi mais tarde adotada. Os polacos reivindicam para si a origem do nome vodka (woda).

Consta que no século XI, na Pérsia, produzia-se um espírito semelhante à Vodka. Mas os russos afirmam que a Vodka foi uma descoberta deles e que o seu aparecimento se deu no ano de 1300, num local chamado Fonte de Viataka.

A Vodka popularizou-se também rapidamente na Finlândia e Polônia. Neste último país a Vodka era apenas utilizada pelos monges, farmacêuticos e famílias nobres.

Só no século XVI o segredo do fabrico da Vodka passou a ser conhecido entre os polacos.

No ano de 1546 o rei polaco Yan Olbretch publicou uma lei segundo a qual autorizava todos os cidadãos a prepararem como entendessem as suas vodkas. Isto deu origem ao aparecimento das vodkas aromatizadas e com sabor a frutas e a ervas.

Mais tarde, em 1780, o Czar da Rússia contratou um químico, Theodore Lowitz, para encontrar uma fórmula que tornasse esta bebida mais higiênica e pura. Lowitz inventou a técnica da purificação da Vodka, filtrando-a através do carvão. Quarenta anos mais tarde, a família Smirnoff, oriunda de Moscou, fundou uma companhia que aperfeiçoou este sistema e simultaneamente deu o seu nome a uma das vodkas mais famosas no mundo.

COMO É FEITA A VODKA

A Vodka inicialmente era considerada um espírito proveniente da batata. Atualmente entram na sua composição

diversos cereais, como o milho, trigo, centeio e cevada.

Nalguns países a Vodka é ainda produzida a partir da batata ou com uma grande percentagem de batata (Polônia, Rússia e Noruega).

Como exemplo, a Vodka Smirnoff tem na sua composição uma maior percentagem de milho, a Vodka norueguesa, Vikin Fjord, tem com base a batata, a Wyborowa tem no rótulo a designação Grain (cereais).

PROCESSO DE FABRICAÇÃO

Os cereais são misturados e cozidos a alta pressão e em seguida espalhados num local próprio, onde são arrefecidos e lhes é adicionada água. A esta mistura se junta malte ou enzima para que a fécula se torne açucarada.

Na fase seguinte são adicionadas leveduras e outros produtos fermentados, em quantidades e num processo

semelhante ao do fabrico do whisky (Bourbon).

A mistura final é destilada pelo processo Patent Still ou Continuous Still (fogo direto) a temperaturas elevadas, a fim de extrair todos os possíveis sabores ou aromas dos produtos usados na mistura. Quando sai do alambique a Vodka tem normalmente 95º.

O processo Patent Still tem, geralmente, duas colunas: uma para a destilação e outra para retificação. Quando se usa para destilar espíritos neutros (ver Aquavit) deve ter mais uma coluna que serve para a purificação.

No caso da Vodka, este processo não é ainda suficiente, sendo na maioria dos casos filtrada através do carvão.

A Vodka não requer qualquer envelhecimento. Pode ser consumida logo após a sua fabricação. Isto diz respeito às vodkas clássicas: incolores, inodoras, etc.

Mais à frente falaremos dos tipos de Vodka e veremos que algumas são envelhecidas.

Ainda sobre as vodkas clássicas acrescentamos que a sua graduação alcoólica varia entre os 37,5º e os 50º. A Smirnoff tem dois tipos: Blue Label e Red Label (rótulo azul e rótulo vermelho). O primeiro tipo tem uma graduação alcoólica de 50º e destina-se a um tipo específico de consumidores. A Red Label normalmente tem 37,5º ou 40º, conforme o país onde é produzida.

A vodka Finlândia tem também duas versões: a Black Label (rótulo preto) com 40º e a Silver Label (rótulo prata) com 50º.

TIPOS DE VODKA

Aparentemente apenas existe um tipo de Vodka e poderá parecer que a Vodka é toda igual, mas não é assim.

Existem diversos tipos que exemplificamos.

Vodkas Polacas: Produzidas, as de maior renome, nas cidades de Gdansk, Kraków e principalmente em Poznan. Para estas vodkas, na maioria dos casos fazem-se três destilações para apurar uma remessa ou quantidade com suavidade suficiente.

Wyborowa: É uma das clássicas polacas mais conhecidas no mercado, que aparece em duas versões: Blue Label (a mais forte), 42º, e a Red Label, 38º. No fabrico de ambas predomina o centeio.

Zubrówa: Faz parte das Flavored Vodkas. Nela está incorporado o gosto da relva do Parque Nacional de Bialowieza, onde pastam habitualmente búfalos de uma raça especial. A relva verde é para transmitir a força e a intensidade características dos búfalos da zona. Esta Vodka é suave e macia ao beber. A sua cor é verde pálido. Nalguns sectores erradamente esta Vodka é considerada russa, no entanto é polaca.

Krakus: Vodka de fina qualidade,

produzida à base de centeio, é adocicada

e apresenta-se incolor e o seu paladar é suave. A graduação alcoólica é de 40º.

Luksusowa: Costumam chamar-lhe a Vodka de luxo polaca. Produz-se à base de batata. Apresenta-se incolor e tem um paladar adocicado. A sua graduação alcoólica é de 44º.

Jarsebiar: Esta Vodka é aromatizada com romãs. O seu paladar é adocicado. A sua graduação alcoólica é de 40º.

Existem ainda na Polônia algumas vodkas

a que se adicionam nozes verdes, cerejas

e outros frutos, consoante o paladar ou aroma que se pretende.

Vodkas russas: A vodka Smirnoff, originária da Rússia, não pode ser considerada como russa, pois os seus direitos de produção são da firma Hublein (americana) e é produzida sob licença em diversos países.

A Rússia tem, no entanto, outras marcas e tipos de Vodka também bastante famosas.

Russkaya: Uma Vodka pouco conhecida fora da Rússia, mas também uma Vodka do tipo das clássicas.

Pertsovka: É um tipo de Vodka vermelha escura a que se adiciona pimentão. O seu aparecimento deve-se a Pedro, O Grande, que tinha por hábito polvilhar a Vodka com pimenta preta antes de beber. Esta Vodka é consumida por um tipo especial de bebedores, considerados os bravos.

Krepakaya: Esta Vodka faz parte do grupo das Grain Vodkas. É bastante forte. A sua graduação alcoólica é de 56,5º.

As vodkas são tradicionalmente produzidas a partir de cereais, no entanto são usados na sua produção outros produtos agrícolas, batatas, beterraba e outros.

Vodkas inglesas: As vodkas inglesas têm a fama de possuírem uma ótima

qualidade. São, regra geral, incolores e inodoras. Utilizam-se muito em mixed drinks e cocktails.

Que tenhamos conhecimento, apenas existe em Inglaterra uma Vodka de tom avermelhado, produzida segundo uma fórmula russa. A sua graduação alcoólica é de 40º.

Na Inglaterra a Vodka líder no mercado

é a Smirnoff, seguida da Vladivar.

Algumas das vodkas que se fabricam na Europa e nos Estados Unidos têm nomes russos. No entanto, essa é apenas

a única relação que têm com a Rússia,

exceção para a Smirnoff (e algumas outras) que é realmente de origem russa.

A Vodka Sueca Absolut, que produz quase todos os tipos de vodkas, lançou há pouco tempo a Vodka Absolut Kurant aromatizada com groselhas.

Sex on The Beach

Ingredientes:

- 12,5 ml de vodka

- 12,5 ml de licor de pêssego

- 25 ml de groselha

- 25 ml de suco de laranja

- 25 ml de suco de abacaxi

Modo de preparar:

- Coloque 3 ou 4 cubos de gelo em uma

coqueteleira

- Adicione a vodka, o licor de pêssego, a

groselha, o suco de laranja e o suco de

abacaxi e misture até gelar bem

- Coloque a mistura em um copo alto

- Decore com uma cereja e sirva com canudos

Paradise

Ingredientes:

- 37,5 ml de Vodka

- 25 ml de xarope de açúcar

- 1 fatia de mamão papaia

- 1 fatia de manga

- 1 fatia de kiwi

- Uma rodela de kiwi com casca

Modo de Preparar:

- Em uma coqueteleira coloque as três

fatias de frutas e mexa até que as frutas fiquem em polpa, sem pedaços grandes.

- Adicione a vodka e complete com gelo

- Misture e coe a mistura em um copo de martini resfriado

- Inclua a polpa das frutas para manter o sabor, o aroma e o visual

- Se os buracos da peneira forem

pequenos, use uma colher de bar para puxar a polpa para o copo

- Enfeite com uma rodela de kiwi na borda do copo

Moulin Rouge

Ingredientes:

- 25 ml de vodka

- 12,5 ml de licor de amora

- Abacaxi e melancia cortados em cubos de tamanho médio

- Açúcar

Modo de Preparar:

- Em um copo tipo long drink coloque 4 a 5

cubos de gelo, os cubos de melancia e abacaxi e adicione açúcar a gosto

- Esmague as frutas com um socador

- Adicione a vodka e o licor de amora

- Misture os ingredientes no próprio copo e sirva

Nevada

Ingredientes:

- 25 ml de vodka

- 25 ml de leite condensado

- Raspas da casca de um limão

Modo de Preparar:

- Coloque 4 ou 5 cubos de gelo no

liquidificador

- Adicione a vodka, o leite condensado e uma pitada de raspas de limão.

- Bata até picar todo o gelo

Daiquiri de Morango

Ingredientes:

- 37,5 ml de vodka

- 12,5 ml de licor de morango

- Suco de 1/2 limão

- 5 morangos

- Cereja em calda

Modo de Preparar:

- Coloque no liquidificador 4 ou 5 cubos de gelo picado

- Acrescente a vodka, o licor de morango e 4 morangos e bata bem

- Coloque a mistura em um copo de

coquetel, sem coar

- Enfeite com a cereja e os morangos restantes

- Sirva com um canudo grosso

Caipirinha de Vodka (Caipiroska)

Ingredientes:

- 60 ml de vodka

- 1 limão médio

- 2 colheres de sopa de açúcar

- Gelo

Modo de preparar:

- Corte o limão com casca em 8 partes ou em fatias

- Coloque açúcar e os pedaços do limão em um copo largo

- Amasse o açúcar e o limão de modo a liberar um pouco do suco do limão

- Coloque gelo no copo – em cubos ou picado

- Coloque a vodka e misture bem

Blue Lagoon

Ingredientes:

- 37,5 ml de vodka

- 12,5 ml de curaçao blue

- 100 ml de suco de abacaxi

- Fatias de abacaxi

Modo de preparar:

- Em uma coqueteleira, coloque gelo

picado (meio copo), a vodka, o curaçao

blue e o suco de abacaxi

- Misture bem e coe a mistura em um copo alto

- Enfeite com uma fatia (triangular) de abacaxi

Bloody Mary

Ingredientes:

- 50 ml de vodka

- 100 ml de suco de tomate

- Uma colher de ketchup

- Molho inglês

- Sal

- Pimenta Tabasco

- Um ramo de aipo

Modo de preparar:

- Coloque quatro cubos de gelo em uma

coqueteleira e acrescente a vodka e o suco

de tomate

- Adicione o ketchup, uma pitada de molho inglês e de Tabasco e um pouco de sal

- Misture bem e coloque em um copo alto

- Sirva decorado com o ramo de aipo

Hi-Fi

Ingredientes:

- 1/2 dose de vodka

- 1 dose de suco de laranja

- Gelo

Modo de preparar:

- Misture a vodka e o suco, adicionando cubos de gelo

Citar Vodka

Ingredientes:

- 1 litro de vodka

- 1 uma lata de leite condensado

- 2 colheres de sopa de toddy ou nescau.

- 2 colheres de café de nescafé.

- 1 pitada de canela.

- Gelo

Modo de preparar:

- Bater tudo no liquidificador

Rosas de Ouro

Ingredientes:

- 1/3 de vodka pura

- 1/3 de Absolut Mandrin

- 1/3 de creme de leite

- 1 colher de açúcar

Modo de preparar:

- Preparar na coqueteleira e servir em copo short drink

- Decorar com folha de menta e cereja

Russian Bear

Ingredientes:

- 2/4 de vodka

- 1/4 de licor de cacau

- 1/4 de creme de leite

Modo de preparar:

- Bater na coqueteleira com gelo

- Servir em copo short drink

Scaramouche

Ingredientes:

- 1/4 de vodka

- 1/4 de creme de menta verde

- 1/4 de suco de limão

- 1/4 de suco de abacaxi

Modo de preparar:

- Preparar na coqueteleira e servir em copo long drink

- Decorar com rodela de limão e hortelã

Capeta

Ingredientes:

- 80 ml de vodka

- 80 ml de suco de abacaxi

- 1 colher de café de guaraná em pó

- 20 ml de leite condensado

- Canela em pó

Modo de preparar:

- Bata os ingredientes na coqueteleira com gelo.

- Sirva em copo de coquetel

- Pulverize a canela por cima do drinque.

Coquetel Russo

Ingredientes:

- 5 cubos de gelo

- 1 lata de leite condensado

- A mesma medida da lata de vodka

- A mesma medida de lata de suco de

laranja

- Metade da mesma medida de lata de

vermute doce

Modo de preparar:

- Com o acessório espremedor de um

Processador de Alimentos, prepare o suco

de laranja e reserve

- Triture o gelo, cubo por cubo.

- Junte o suco de laranja e o restante dos ingredientes.

- Bata bem e sirva a seguir

Balalaika

Ingredientes:

- 2 cl de vodka

- 2 cl de Triple Sec.

- 2 cl de suco de limão

Modo de preparar:

- Preparar no shaker e servir taça cocktail

- Decorar com rodela de limão

Cosmopolitan

Ingredientes:

- 3 cl de vodka

- 1 cl de Triple Sec.

- 1 cl de suco de limão

- 2 cl de suco de cranberry

Modo de preparar:

- Preparar no shaker e servir taça cocktail

- Decorar com rodela de limão

Variação: Trocar o triple sec. por Absolut Vanilla

Coco Ao Limão

Ingredientes:

- 1/2 xícara de suco de limão

- 1 xícara de leite de coco

- 1/2 xícara de açúcar

- 1/2 xícara de vodka

Modo de preparar:

-Misturar todos os ingredientes e levar a geladeira - Na hora de servir, bater no liquidificador - Para decorar, molhar a borda do copo no suco de limão e passar no açúcar

Cok Da Casa

Ingredientes:

- 1/2 dose (15 ml) de vodka

- 1 dose de suco de laranja

- 1/3 dose (10 ml) de cointreau

- 1/2 dose de curaçau blue

Modo de preparar:

- Na coqueteleira, colocar o curaçau blue,

o suco de laranja e o cointreau, agitando

por 10 segundos

- Colocar em uma taça flutê

- Preencher com a vodka

- Decorar com cereja e casca de laranja

Cok Punch Frizante

Ingredientes:

- 1/2 dose de vodka

- 1/2 dose de licor de melão

- 1 colher de café de grenadine

- 3 pedras de gelo

- Frisante branco gelado

Modo de preparar:

- Na coqueteleira, coloque o gelo, a vodka e o licor, agitando por 10 segundos

- Colocar em uma taça flutê e preencher

com o frisante

- Acrescentar o grenadine e decorar com cereja e casca de laranja

Iceberg 1

Ingredientes:

- 6 cl de vodka

- 3 gotas de absinto

Modo de preparar:

- Misture os ingredientes direto no próprio copo

- Sirva em um copo Old-Fashioned com gelo.

Iceberg 2

Ingredientes:

- 3/4 de vodka

- 1/4 de amêndoa amarga

- 1 colher (chá) de nata

- Refrigerante de laranja

- Canela

Modo de preparar:

- Bata a vodka com a amêndoa amarga e a nata no shaker

- Complete em seguida, no copo Long-

Drink, com o refrigerante de laranja

- Decorar com laranja, abacaxi, cereja e hortelã

- Polvilhar com canela

Kamikaze

Ingredientes:

- 2 cl de vodka

- 2 cl de Triple Sec.

- 2 cl de Licor de Limão

Modo de preparar:

- Bata os ingredientes no shaker

- Sirva em um copo Old-Fashioned com gelo

Moscou

Ingredientes:

- 2 a 3 doses de vodka

- Suco de 1/2 limão

- 1 casquinha de limão

- Soda limonada

- Casquinha de pepino

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes com 2 cubos de gelo num copo para mexer

- Servir decorado com a casquinha de pepino

Pássaro Veloz

Ingredientes

- 1 dose de vodka

- 1/2 dose de amaretto

-1/2 dose de água de coco

- Noz-moscada em pó para polvilhar

Modo de preparar:

- Agitar bem os ingredientes numa coqueteleira com gelo picado

- Coar para um copo de coquetel e polvilhar com a noz-moscada

Pink Butterfly

Ingredientes

- 1,5 cl de Vodka Smirnoff

- 1,5 cl de Malibu -1,5 cl de Xarope de Morango

- Nata

Modo de preparar:

- Bater no shaker com gelo

- Verter suavemente para um copo long-

drink - Acabar de encher o copo com Seven-Up e gelo

- Decorar com 1 casca de laranja, 1 casca de pepino,1 casca de limão e cerejas vermelhas

Autor: Eduardo Mendes Amaro - Snack-Bar O Forno Vice-campeão Mundial no Concurso Mundial de Cocktails-Roma

1987.

Rabbit Punch

Ingredientes

- 3 cl de Vodka

- 1,5 cl de Creme de Banana

- 1,5 cl de Nata

- Gotas de Grenadine

Modo de preparar:

- Bater a vodka e o creme de banana no shaker

- Verter suavemente em um copo long-

drink com a nata

- Pingar as gotas de grenadine por cima

Presente no Festival de Cocktails Macieira. Santarém 85.

Lemon Pie

Ingredientes

- 3 colheres de vodka

- 1 colher de licor de pêssego

- 2 colheres de leite condensado

- 4 gotas de limão

- Gotas de grenadine

- 1 picolé de sorvete de limão

- Gelo

- Cerejas, galhos de hortelã e melão

Modo de preparar:

- Bater tudo no liquidificador com algumas pedras de gelo

- Adicionar as gotas de grenadine

- Decorar com as cerejas, os galhos de hortelã e o melão

Rum

O rum é uma bebida alcoólica obtida a partir da destilação do melaço de cana-de- açúcar. O rum é uma bebida secular, de características refinadas e aroma suave.

Originalmente, era produzido em Cuba (século XVI). Feito de canas frescas trituradas ou do seu melaço, a bebida começou a ser apreciada no século XVII, quando foi divulgada como um poderoso medicamento capaz até de “exorcizar os demônios do corpo”. Conta-se também que seu alto teor alcoólico (de 40 a 75°GL) o fez famoso entre os piratas do século XIX, os encorajando antes dos combates e servindo como moeda de troca de escravos.

Na verdade, ninguém sabe ao certo onde o rum nasceu, nem quando. Sabe-se, porém, que ele foi o combustível da era dos descobrimentos. Os relatos das grandes expedições estão cercados de rum. Tanto nos navios piratas quanto nos ibéricos de Cabral e Colombo e nos ingleses, a bebida era provimento obrigatório. Atribui-se a isto o fato de o rum

ser fabricado e consumido hoje em todo o mundo, até mesmo em países nem um pouco propícios ao plantio da cana de açúcar, sua matéria-prima, como é o caso da Alemanha.

O rum pode ser feito de duas formas diferentes: a agrícola e a industrial. Em ambas, o resultado é uma bebida cristalina. Quanto à cor dourada encontrada em alguns tipos da bebida, deve-se ao envelhecimento em tonéis de carvalho ou à adição de corantes caramelo. Os envelhecidos são muito mais caros e, pelo seu sabor peculiar e característico, devem ser consumidos puros ou com gelo.

CLASSIFICAÇÃO

O rum é o principal ingrediente de muitos drinques famosos, como o Cuba Libre e Mojito. É produzido principalmente nas ilhas do Caribe. A grande quantidade de países produtores de rum se reflete na gama de variedades da bebida. As principais são:

• Rum encorpado: é o rum escuro. Têm

corpo e aromas marcantes e é originário da Jamaica, Martinica, Trinidad e Barbados;

• Rum aromático: além do melaço da

cana, contém bagos de arroz vermelho. Produzido principalmente na Indonésia, é levado para a Holanda e a Suécia para ser engarrafado e utilizado na fabricação do ponche;

• Navy Rum: é um dos mais

encorpados. Produzido na Guiana e em Trinidad e Tobago;

• Rum cubano: rum leve, com teor

alcoólico de 40°GL, pode ter coloração transparente (para coquetéis) ou dourada;

• Rum da Jamaica: o mais forte de

todos os tipos de rum. Tem teor de quase 75°GL, e geralmente é exportado para a Inglaterra, onde é envelhecido em tonéis de carvalho por muitos anos;

• Rum da Martinica: encorpado, é feito do suco da cana no lugar do melaço;

• Rum de Barbados: excelente

qualidade, é leve e tem sabor acentuado;

• Rum de Porto Rico: figura entre os

tipos mais famosos de rum, é leve e de qualidade. A marca mais famosa é a Bacardi, exportada para todo o mundo, inclusive para o Brasil. O rum Bacardi é leve, bidestilado e utiliza o melaço da cana e também o seu suco.

Cuba Libre

Ingredientes:

- 4,0 cl Rum Prata

- 10,0 cl Coca Cola

- 1 fatia de Limão

Modo de preparar:

- Adicionar a fatia de limão em um copo long drink

- Adicionar a Coca Cola e o rum, nessa ordem. Misturar suavemente

Variante: Bleft

- Adicionar o rum suavemente sobre a

Coca Cola, de forma a formar uma camada

de rum sobre a Coca Cola

Piña Colada

Ingredientes:

- 1 dose de Rum escuro

- 1 xícara (café) de Suco de abacaxi

- 1 dose de leite de Coco

- 1 colher (chá) de Açúcar

- 4 pedras de Gelo

Modo de preparar:

- Bater todos os ingredientes e servir em copo para long drink

- Decorar com uma fatia de abacaxi e uma cereja

Mojito

Ingredientes:

- 4 partes de Rum (claro)

- 2 partes de Suco de limão

- 1 colher de sobremesa de Açúcar

- 5 a 7 folhas de Hortelã

- Club Soda

Modo de preparar:

- Utilizar copo para long drink

- Juntar todos os ingredientes numa coqueteleira

- Macerar, adicionar gelo picado

- Chacoalhar bastante e transferir para o copo.

- Completar com club soda

- Se você preferir pode coar

Mai Tai

Ingredientes:

- 1 dose de Rum escuro

- 1 dose de Rum claro

- 1 dose de Curaçau

- 2 doses de Suco de Laranja

- 1/2 dose de Suco de Limão

- 1/4 dose de Xarope de Amêndoas

- 1/4 dose de Xarope Simples (água/açúcar)

Modo de preparar:

- Colocar todos os ingredientes na

coqueteleira e agitar vigorosamente

- Sirva num copo longo, com ou sem gelo

- Decorar com 1/4 de fatia de abacaxi, limão e folhas de hortelã

Pink Mai Tai

Ingredientes:

- 1 dose de Rum claro

- 1 dose de Curaçau

- 3 doses de Suco de Laranja

- 1/2 dose de Suco de Limão

- 1/4 dose de Xarope de Amêndoas

- 1/4 dose de Xarope Simples

(água/açúcar)

- 1/4 dose de Grenadine (opcional)

Modo de preparar:

- Colocar todos os ingredientes na

coqueteleira e agitar vigorosamente

- Sirva num copo longo, com ou sem gelo

Blue Hawaiian

Ingredientes:

- 2 doses de Suco de Abacaxi

- 1 dose de Rum Prata

- 1 dose de Curaçau

- 1 dose de Leite de Coco

- 3 pedras de Gelo

Modo de preparar:

- Coloque o suco de abacaxi, o rum, o leite de coco e o Curaçau juntamente com o gelo picado numa coqueteleira e bata bem

- Despeje no copo e guarneça com um

pedaço de abacaxi, uma tira de coco, uma cereja e algumas folhinhas

- Sirva com um canudo

Greencard

Ingredientes:

- 3 partes de Rum

- 1 parte de Licor de menta

- 1/2 parte de Suco de limão

- 3 partes de Refrigerante de limão

- Gelo

Modo de preparar:

- Colocar bastante gelo em um copo.

- Adicionar meia parte de licor de menta.

- Adicionar 3 partes de refrigerante de limão.

- Em um copo a parte, misturar as 3 partes de rum com o suco de limão.

- Adicionar essa mistura ao copo do drink.

- Adicionar o restante do licor de menta.

- Misturar levemente e enfeitar com hortelã.

Daiquiri

Ingredientes:

- 4,0 cl Rum Prata

- 2,0 cl Suco de Limão

- Gotas de Groselha

- 1 Colher de Açúcar

- Gelo

Modo de preparar:

- Colocar bastante gelo em um copo.

- Misturar o Rum e o Suco de Limão

- Misturar com o açúcar

- Adicionar as gotas de groselha no topo.

Blue Motorcycle Cocktail

Ingredientes:

- 1,5 partes de Vodka

- 1,5 partes de Tequila

- 1,5 partes de Curaçau

- 1,5 partes de Gin

- 1,5 partes de Rum

- 1,5 partes de Club Soda

Modo de preparar:

- Colocar bastante gelo em um copo.

- Misturar todos os ingredientes.

- Servir em um copo longo.

Hawaii Ron

Ingredientes:

- 1/2 dose de Rum

- 1/2 dose de Licor de banana

- 1/4 dose de Licor de café

- 1 lance de Cointreau

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes em um copo.

- Servir em uma taça.

- Decorar com uma rodela de banana e com canela em pau.

Ponche Caipira

Ingredientes:

- 1 1/2 dose (ou mais) de Rum

- Suco de 1/2 limão

- 1 colher (chá) de Açúcar

- Soda

Modo de preparar:

- Separar a soda e a fatia de laranja

- Agitar o rum, o suco de limão e o açúcar com gelo picado

- Passar para um copo, completar com mais gelo e soda e servir.

Absolute

Ingredientes:

- 3 colheres de Licor de pêssego

- 4 colheres de Rum

- 3 colheres de Curaçau blue

- 6 colheres de Suco de abacaxi

- Beterraba e galhos de Hortelã

Modo de preparar:

- Bater tudo no liquidificador com algumas pedras de gelo

- Decorar com a beterraba e os galhinhos de hortelã.

Amor Perfeito

Ingredientes:

- 1 parte de Vodka

- 2 partes de Rum -1 colher de Açúcar

- 1/2 limão

- Champagne

Modo de preparar:

- Bater tudo menos a Champagne

no liquidificador com gelo

- Encher os copos até a metade e completar com Champagne

Bacardi Coquetel

Ingredientes:

- 4 cl Rum branco

- 2 cl de Suco de limão

- 1 cl de Grenadine

Modo de preparar:

- Misturar todos os ingredientes no shaker

- Servir em taça cocktail.

Banana Cow

Ingredientes:

- 2 cl de Rum Branco

- 2 cl de Creme de Banana

- 2 cl de Nata

- Gotas de Grenadine

Modo de preparar:

- Juntar bastante gelo ao Rum Branco, ao creme de banana e à nata

- Bater muito bem no shaker

- No fim pingar umas gotas de grenadine

de maneira que a cor fique no fundo da

taça

- Decorar com 3 rodelas de banana

- Polvilhar com noz moscada.

Blue Heaven

Ingredientes:

- 2/10 de Rum Branco -1/10 de Amaretto

- 1/10 de Curaçau Blue

- 1/10 de Licor de limão

- 5/10 de Suco de abacaxi

Modo de preparar:

- Bater no shaker ou no liquidificador

- Servir em copo médio com gelo moído

- Decorar com 1/4 de rodela de abacaxi e 1 cereja vermelha

Blue Moon

Ingredientes:

- 1/2 dose de Curaçau Blue

- 2 doses de Rum

- 1 dose de Suco de abacaxi

- 1 colher (chá) de licor de coco ou leite de coco a gosto

Modo de preparar:

- Agitar os ingredientes numa coqueteleira com gelo

- Coar para um copo de coquetel

- Servir em seguida

Coco-Verde Especial

Ingredientes:

- 3 doses de Rum claro ou dourado

- 1 1/2 dose de Creme de banana

- 2 Cocos verdes grandes

Modo de preparar:

- Cortar as tampas dos cocos

- Retirar parte da polpa e batê-la no

liquidificador com a água do coco, os

demais ingredientes e gelo picado

- Servir nas cascas dos cocos.

Gaugin

Ingredientes:

- 4,5 cl de Rum

- 0,5 cl de Concentrado de maracujá

- 0,5 cl de Sumo de limão

- 0,5 cl de Licor de limão

Modo de preparar:

- Bater os ingredientes no shaker

- Servir em um copo old-fashioned com gelo moído

- Decorar com 1 cereja no topo.

Grogue

Ingredientes:

- 2 doses de rum

- 1 colher (sopa) de suco de limão

- 1 colher (chá) de açúcar

- 6 cravos-da-índia

- 1 casquinha de canela

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes, exceto a fatia de limão, numa caneca refratária

- Adicionar água fervente e mexer para dissolver o açúcar

- Decorar com uma fatia de limão.

Jade

Ingredientes:

- 4,5 cl de Rum Negro

- 0,5 cl de Creme de Menta

- 0,5 cl de Triple Sec.

- 0,5 cl de Licor de limão

- 1 Colher (chá) de Açúcar

Modo de preparar:

- Bater os ingredientes no shaker

- Servir em uma taça cocktail

- Decorar com 1 rodela de lima ou limão.

Kingston

Ingredientes:

- 1 medida de rum

- 1/2 medida de gim

- Suco de 1/2 limão

- Gelo

Modo de preparar:

- Agitar bem os ingredientes com o gelo

- Coar em um copo

Knickerbocker

Ingredientes:

- 1 colher (chá) de xarope de

framboesa

- 1 colher (chá) de suco de limão

- 1 colher (chá) de suco de laranja

- 2 doses de rum leve

Modo de preparar:

- Agitar tudo na coqueteleira com gelo

picado e coar para um copo de coquetel

- Se quiser, decorar com uma fatia de abacaxi.

Leão Branco

Ingredientes:

- 1 medida de rum

- Suco de 1/2 limão

- 1 colher (de chá) de açúcar de confeiteiro

- Algumas gotas de angostura

- Algumas gotas de groselha

Modo de preparar:

- Agitar bem o rum, o limão e o açúcar com gelo

- Coar para um cálice

- Pingar as gotas de angostura e groselha

Little Devil

Ingredientes:

- 2,5 cl de Rum Branco -2,5 cl de Gim

- 0,5 cl de Suco de Limão

- 0,5 cl de Triple Sec.

Modo de preparar:

- Bater os ingredientes no shaker

- Servir em uma taça a cocktail.

Marcha Nupcial

Ingredientes:

- 2 medidas de rum

- Suco de 1/2 limão

- 2 claras

- Algumas gotas de angostura

Modo de preparar:

- Agitar bem com gelo e coar

- Pingar as gotas de angostura

Nacional

Ingredientes:

- 1 1/2 medida de rum

- 1/2 medida de suco de abacaxi

- 1/2 medida de licor de abricó

Modo de preparar:

- Agitar bem com gelo picado

- Coar em um copo

- Servir com um pedacinho de abacaxi

Navy Grog

Ingredientes:

- 5 cl de Rum Negro

- 1 cl de Licor de Limão

- Algumas gotas de grenadine

Modo de preparar:

- Bater os ingredientes no shaker - Servir em um copo a Old-Fashioned com gelo moído e as gotas de grenadine

Nevada

Ingredientes:

- 2 cl Rum escuro

- 2 cl Suco de grapefruit

- 1 cl Suco de limão

- 1 cl Xarope de açúcar

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes no shaker

Platina

Ingredientes:

-1 medida de rum

- 1 medida de cointreau

- 1/3 de medida de creme de leite

Modo de preparar:

- Agitar bem com gelo

- Coar em um cálice

Raio De Sol

Ingredientes:

- 4,5 colheres de rum

- 5 colheres de licor de morango

- 4,5 colheres de suco de pêssego

- Gotas de menta

- Guaraná

- Gelo

- Melão

- Casca de laranja

- Cereja

- Galho de hortelã

Modo de preparar:

- Bater no liquidificador o rum, o licor de morango, o suco de pêssego e algumas pedras de gelo

- Passar o conteúdo para um copo

- Completar com o guaraná e adicionar as gotas de menta

Rum Com Cravo E Canela

Ingredientes:

- 2 medidas de rum

- 1 pauzinho de canela

- 1 ou 2 cravos

- Rodelas de limão

- Sidra fervente

Modo de preparar:

- Em uma caneca, colocar o rum, a rodela de limão, o cravo e a canela

- Encher o recipiente com sidra fervente

- Mexer bem todos os ingredientes

Sonora

Ingredientes:

- 1 medida de rum

- 1/2 medida de licor de damasco

- Algumas gotas de suco de limão

Modo de preparar:

- Mexer bem com gelo

- Coar para um cálice

Strawberry Daiquiri

Ingredientes:

- 6/10 de Rum Branco

- 3/10 de Licor de Morango

- 1 cl de Licor de limão

- 3 Morangos Esmagados

Modo de preparar:

- Bater no shaker ou no liquidificador na máxima velocidade

- Servir em copo Old-Fashioned com gelo ou taça cocktail

- Decorar com 1 morango na borda do copo

Batida de Milho Verde

Ingredientes:

- 1 litro de leite

- 1 lata de leite condensado

- 1 copo de rum

- 1 dose de gin

- 1 lata de milho verde

Modo de preparar:

- Fazer um mingau bem ralo de milho

batido no liquidificador coado num pano ralo

- Depois de coado, colocar o leite condensado e levar ao fogo

- Depois de frio, juntar o rum e o gin e bater no liquidificador

- Levar a geladeira e servir gelado

Absinto

O Absinto é uma bebida de história controvertida e passado romântico. Foi consumida e divulgada por grandes artistas do século XIX e XX como Paul Verlaine, Van Gogh, Henri de Toulouse- Lautrec, Monet, Gauguin, Degas, Rimbaud, Oscar Wilde e Ernest Hemingway, que estavam entre seus mais ardorosos fãs. Teve sua maior popularidade durante o final do século XIX, na época mais boêmia de Paris, quando o absinto era parte inseparável da vida artística e inspirou muitas pinturas e obras literárias. Naquela época acreditava-se que o absinto era grande afrodisíaco e potencializador da criatividade.

O QUE É ABSINTO?

O Absinto é o nome abreviado da planta Artemisia absinthium, largamente usada na culinária e na farmácia desde a antiguidade, devido às suas benéficas funções digestivas. A bebida absinto é um destilado alcoólico das folhas e da parte superior de Artemisia absinthium e de

outras plantas e ervas para aprimorar seu sabor, tais como o anis, funcho e hissopo.

Quem já provou um chá de losna conhece a principal característica desta planta: o sabor amargo. E dizem que essa característica foi até citada num provérbio de Salomão que teria declarado: "a

infidelidade, ainda que possa ser excitante

e doce no seu início, costuma ter um fim amargo como a losna".

Na Grécia Antiga esta planta era

dedicada à Ártemis, deusa da fecundidade

e da caça. Daí a origem de seu nome

científico. Popularmente, a losna também é

conhecida como absinto, erva-do-fel, alenjo, erva-de-santa-margarida, sintro e erva-dos-vermes. As propriedades aperitivas (estimulante do apetite), vermífugas e estomacais explicam o uso da planta no preparo do vermute e do licor de absinto, entretanto, vale lembrar que a presença de uma substância tóxica - a tuinona - pode produzir efeitos altamente perigosos. Em doses elevadas, os chás e outros preparados a partir desta planta

podem provocar tremores, convulsões, tonturas e até delírios. No século XIX, registrou-se vários casos de intoxicações e até mortes provocadas pelo uso de um licor obtido pela maceração do absinto em álcool. Na maior parte das vezes, o licor de absinto era usado como alucinógeno e não com finalidades medicinais.

A "FADA VERDE"

O licor de absinto era muito apreciado por famosos poetas e artistas como Van Gogh, Rimbaud, Baudelaire e Toulouse- Lautrec, entre outros. Ao que tudo indica, aquele destilado de ervas cor verde- esmeralda, também chamado de "fada verde", seria o responsável pelo comportamento bizarro de Van Gogh. E, recentemente, pesquisadores da Universidade da Califórnia em Berkeley, nos EUA, identificaram nas substâncias presentes nos destilados preparados com losna ou absinto, propriedades capazes de causar convulsões, alucinações, surtos psicóticos; dependendo da dosagem. Além

disso, os estudos demonstraram que o uso crônico pode provocar danos neurológicos permanentes. A combinação entre a dosagem de álcool e as substâncias presentes nesta planta pode ser perigosa e, por essa razão, a maioria dos especialistas costuma recomendar o uso da losna ou absinto na forma de infusão (no máximo duas xícaras de chá ao dia) e evitar a extração do sumo por maceração.

Um consumo prolongado, sobretudo de bebidas alcoólicas à base de absinto, provoca habituação que se manifesta por cãibras, perdas de conhecimento e mesmo perturbações nervosas irreparáveis. - Nós sabemos

THUJONE

O thujone é o princípio ativo presente na planta Artemisia absinthium. Também se encontra thujone em grandes quantidades na sálvia e no estragão, utilizados diariamente na culinária. No século XIX, o absinto era produzido sem

nenhum controle sobre a quantidade de thujone presente na bebida. O nível de thujone chegava a incríveis 250mg em cada quilo de bebida engarrafada. Suspeita-se que tamanha quantidade de thujone seria causadora de alucinações nos apreciadores do absinto.

ÁLCOOL

O Absinto é hoje consumido na Europa em teores alcoólicos que variam de 50% até 85% de álcool por volume. O limite estabelecido pelo Ministério da Agricultura do Brasil para comercialização de bebidas alcoólicas no país é de 54% alc/vol, e é esta a graduação alcoólica do Absinto.

O Absinto é hoje consumido na Europa em teores alcoólicos que variam de 50% até 85% de álcool por volume.

A pesquisa é a primeira a mostrar como o principal componente tóxico do licor (que não é o álcool) causa o dano. O componente químico, alfa-tuiona, tem uma espécie de efeito negativo duplo sobre o

cérebro. Ele bloqueia um receptor que já foi ligado a uma forma de epilepsia. Em condições normais, esse receptor inibe a excitação das células do cérebro, regulando o fluxo de íons (átomos com carga elétrica) de cloro. Bloqueando o receptor, a tuiona permite que as células cerebrais permaneçam excitadas, "disparando à vontade". Kann Hold, uma das autoras do estudo, publicou na revista "PNAS" (Proceedings of the National Academy of Sciences) de Abril de 2000 que "Exatamente como o absinto age, tem sido uma grande dúvida há muito tempo. Ninguém havia anteriormente descoberto qual receptor era afetado", acrescentando que antigamente havia uma teoria de que o absinto atingia o mesmo receptor que o THC, princípio ativo da cannabis. A nova pesquisa prova que não.

O trabalho tem mais do que interesse meramente histórico devido ao crescimento do uso de ervas medicinais. O óleo de Artemisia, que contém o componente tóxico tuiona, está presente em algumas preparações de ervas usadas

no tratamento de doenças do estômago. Embora raros acidentes por envenenamento com óleo de artemisia têm ocorrido nos últimos anos, resultando em convulsões e mesmo casos de falência do fígado. O licor de absinto ainda é produzido na Espanha e na República Tcheca, embora a União Européia limite a quantidade de tuiona em menos de dez partes por milhão. Antigamente, o absinto continha até 260 partes por milhão. No absinto moderno, o álcool, que compõe três quartos do licor, é de longe o componente tóxico mais importante.

Head Shock

Ingredientes:

- 1 parte de tequila

- 2 partes de Absinto

Modo de preparar:

- É só misturar, não leva gelo.

Inferno

Ingredientes:

- 2 partes de Absinto

- 1 limão cortado como para Caipirinha

- 1 parte de xarope simples

- Folhas de hortelã

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Cortar o 1/2 limão para o copo

- Juntar o açúcar e macerar ligeiramente

- Juntar o absinto e o gelo picado

- Mexer bem antes de servir

- Decorar com o próprio limão dentro do gelo picado sem mais nenhum ornamento

Absinto Tropical

Ingredientes:

- 2 cubos de gelo

- 1 colher pequena de açúcar

- 2 doses de absinto

- Completar com água de coco

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes em um copo.

- Servir em um copo long drink

- Decorar com coco ralado

Absinto Cítrico

Ingredientes:

- 2 cubos de gelo

- 1/2 colher pequena de açúcar

- 1 dose de absinto

- Completar com suco de laranja

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes em um copo - Servir em um copo long drink

Absinto Fresh

Ingredientes:

- Folhas de hortelã

- 2 cubos de gelo

- 1 colher pequena de açúcar

- 1 dose de absinto

- Água mineral a gosto

Modo de preparar:

- Amasse folhas de hortelã num copo

- Misture os ingredientes restantes

- Servir em uma taça

Absintonic

Ingredientes:

- 2 cubos de gelo

- 1 dose de absinto

- Completar com club soda

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes em um copo - Servir em um copo long drink

Orange-Lemon Absinthe

Ingredientes:

- 2 dedos de Absinto

- 3 cubos de gelo

- Meio limão

- 1 laranja média

- 1 colher de sobremesa de açúcar

Modo de preparar:

- Socar o limão e a laranja contra o fundo do copo

- Misturar com o açúcar

- Despejar lentamente o absinto por cima.

- Servir em um copo short drink com o gelo

Tequila

A Tequila é uma aguardente mexicana

que tal como o Cognac ou o Porto tem uma região própria.

Tequila é uma bebida alcoólica destilada originária do México feita através da destilação do sumo de uma planta da América Central, o Agave tequilana (também chamado agave azul ou agave azul de Weber) este fruto leva dez a doze anos a amadurecer e pode atingir os 50 kg de peso, 60 cm de altura e 45 cm de Fortemente aromática, a bebida apresenta diferentes graus de cor, sabor e aroma conforme o tempo de envelhecimento sendo designada por tequila Blanco, Joven, Reposado, Añejo e Extra Añejo em ordem crescente segundo o tempo de maturação.

É oriunda das cidades de Tequila,

Arenal, Anatitla, Aranda e da região de Guadalajara, no estado de Jalisco. Produz-

se desde o tempo dos astecas.

MODO DE FABRICO:

O Agave Azul é uma planta que se assemelha a um abacaxi gigante e só se desenvolve em terrenos de solo vulcânico e clima árido.

O Agave precisa de 8 a 10 anos de idade para estar pronto para produção e proporciona à Tequila um sabor inconfundível.

São necessários 7 kilos de Agave para produção de 1 litro de Tequila.

A produção tem inicio com o assar das “Piñas” da Agave Azul por mais de 48 horas arrefecendo de seguida por mais 14 horas antes de serem retiradas dos fornos, para converter as fibras em açúcar fermentável.

Depois dessa etapa são moídas para extração de todo açúcar e o resultado é um rico líquido designado por “Aguamiel”.

Nesse liquido Adiciona-se a levedura natural para fermentação, que transforma as moléculas do açúcar em álcool, ficando assim num gênero de vinho de Agave possuindo 10 a 12% de teor alcoólico. Este vinho deve ser destilado 2 vezes, deixando sempre de parte a cabeça e a cauda do produto para que se possa retirar a melhor parte da destilação, o seu coração.

Por fim, a tequila que nasce “Prata” é repousada ou envelhecida.

CLASSIFICAÇÃO

Existem diversos tipos e classificações de Tequila. Para ser um verdadeiro conhecedor, em primeiro lugar precisamos saber se a Tequila que vamos provar é “blended” ou 100% Agave.

As duas são boas, mas, as Tequilas 100% Agave possuem o tradicional sabor da Tequila mais acentuado. Além disso, são classificadas pelo tempo de envelhecimento: Jovem, Reposado ou Añejo.

Tequilas Jovens tem até 2 meses de envelhecimento em cascos de carvalho (normalmente as Tequilas brancas – silver), as Tequilas “Reposado” tem de 2 meses a 1 ano e as Tequilas “Anejo”, envelhecem ou reposam por mais de 2 anos. Todas estas normas estão legisladas pelo governo mexicano para que a Tequila possa ser comercializada e consumida nas melhores condições.

CONSUMO

A maneira mais tradicional para se beber Tequila é colocar sal no bordo do copo ou na mão, entre o polegar e o dedo indicador, para que rapidamente se possa colocar na boca, de seguida beber rapidamente a Tequila e morder uma rodela de limão.

Como outras bebidas Espirituosas, conta a lenda que a tequila tem um copo especial para ser degustada, o "caballito", com 60 ml de volume. Ela também pode

ser saboreada em taças de pé alto com capacidade de 200 ml.

No entanto, a maneira correta e praticada por degustadores da bebida dispensa o sal e limão.

A bebida é servida em dose adequada

400 ml e passa por análise sensorial, ou teste olfativo, onde podem ser identificados aromas presentes característicos da

Tequila ou do seu envelhecimento.

A degustação faz-se de forma lenta,

em pequenos goles que passam por toda a boca antes de serem engolidos, só assim é possível analisar atributos como acidez e gostos residuais.

ORIGEM DO "SHOT"

Apesar de ser um destilado versátil, a Tequila é muito conhecida pelo seu mais famoso ritual: O “shot” com sal e limão.

Ninguém sabe ao certo como isto tudo começou.

Mas a lenda conta que foi durante uma epidemia mundial de gripe em 1918, que alguns médicos começaram a receitar “shots de Tequila” como tratamento.

O que não foi nenhuma surpresa é que mesmo depois da epidemia, muitos alegavam estar com gripe para continuar com o tratamento, ou seja; só com o pretexto de beber Tequila.

A melhor Tequila para se beber em shots é uma Tequila 100% Agave envelhecida, ou seja; “Reposado” ou “Añejo”.

Em Portugal, estão já disponíveis a Tequila Jose Cuervo Tradicional 100% e as Tequilas de diversas marcas “Reposado” e “Anejo”.

Além do shot com sal e limão, os mexicanos costumam beber a bandeira mexicana:

Um shot de tequila (dourada), um shot de sumo de limão (verde) e um shot de sangrita, sumo de tomate temperado com piri-piri.

Margarita

Ingredientes:

- 7 partes de Tequila

- 4 partes de Cointreau (Triple Sec.)

- 3 partes de Suco de Limão

Modo de preparar:

- Pegue dois pratos rasos

- Esprema um limão em um deles e

coloque um pouco de sal no outro

- Molhe a borda da taça no suco do limão e

coloque-a no prato com sal. Isso vai deixar

uma borda de sal em volta da taça

- Bata os ingredientes em uma

coqueteleira com gelo e sirva no copo, com

cuidado para não molhar a borda de sal

- Decore com um lemon twist.

- Decoração opcional: um pouquinho de

Curaçau deixa a Margarita azul parecendo

água do mar

Frozen Margarita: Repita a receita da Margarita, mas dessa vez batendo os ingredientes no liquidificador com bastante gelo até formar uma espécie de sorvete

Tequila Sunrise

Ingredientes:

- 3 partes de Tequila

- 6 partes de Suco de Laranja

- 1 parte de Grenadine

Modo de preparar:

- Em um copo alto com gelo, coloque o

suco e a tequila

- Jogue o grenadine no final. Ele vai cair

até o fundo do copo e começar a fazer um degradée de vermelho para amarelo

- Não misture o drink, ou o efeito vai desaparecer

Tequila Sour

Ingredientes:

- 60 ml de Tequila

- Suco de 1 limão

- 1 colher de chá de açúcar cristal

Modo de preparar:

- Bater tudo na coqueteleira com gelo.

- Servir on the rocks em um copo baixo como se fosse um whisky sour

- Decorar com uma fatia de limão e uma cereja

Matador

Ingredientes:

- 1 parte de Tequila

- 2 partes de Suco de Abacaxi

- Suco de meio limão

Modo de preparar:

- Misture os ingredientes em uma

coqueteleira com gelo

- Sirva sem o gelo em um copo gelado em uma taça de martini ou uma flute de champagne

- Decorar com uma fatia de limão e uma cereja

Chimayó Cocktail

Ingredientes:

- 1,5 partes de Tequila

- 1 parte de Cidra de Maçã

- 1/4 de parte de Suco de Limão

- 1/4 de Creme de Cassis

Modo de preparar:

- Sirva a tequila e a cidra em um copo alto com gelo

- Adicione o suco de limão e o creme de cassis

- Decore com uma fatia de maçã com casca

Bloody Aztec

Ingredientes:

- 1 parte de Tequila

- 1 parte de Creme de Leite

- 1 parte de Creme de Cacau

- Colorau

Modo de preparar:

- Usa-se uma parte de cada um dos 3

ingredientes principais e mistura-se tudo

- O colorau é apenas para dar uma cor vermelha na bebida

Chupacabra

Ingredientes:

- 1 dose de Tequila

- Pimenta Tabasco

Modo de preparar:

- Sirva a tequila em um copo de dose

- Pingue algumas gotinhas de tabasco

Bird of Paradise

Ingredientes:

- 1,5 partes de Tequila

- 1,5 partes de Creme de Cacau Branco

- 1,5 partes de Amaretto

- 1,5 partes de Nata

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes em uma coqueteleira

- Servir em uma taça

Candybar

Ingredientes:

- 4 partes de Tequila

- 2 partes de Absinto

- Suco de ½ limão

- Gelo moído

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes em uma coqueteleira

- Acrescentar o gelo moído

- Servir em uma taça.

- Decorar com uma cereja

Eldorado

Ingredientes:

- 2 doses de tequila

- 1 fatia de laranja

- 1 colher de sopa de mel

- 1,5 doses de suco de limão

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Separar a fatia de laranja

- Agitar os demais ingredientes em uma coqueteleira

- Coar para um copo alto com gelo

- Decorar com a fatia de laranja

Fiesta

Ingredientes:

- 2 doses de Tequila

- 1 fatia de laranja

- 1 colher de sopa de mel

- 1,5 doses de suco de limão

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Separar a fatia de laranja

- Agitar os demais ingredientes em uma coqueteleira

- Coar para um copo alto com gelo

- Decorar com a fatia de laranja

Frozen Matador

Ingredientes:

- 1 parte de Tequila

- 2 partes de Suco de abacaxi

- Suco de meio limão

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Misture os ingredientes em uma

coqueteleira

- Sirva com o gelo picado em um copo

gelado, em uma taça de martini ou uma

flute de champagne

- Decorar com um pedacinho de abacaxi

Green Bean

Ingredientes:

- 3 partes de Tequila

- 3 partes de Licor de Menta

Modo de preparar:

- Misture os ingredientes em uma coqueteleira

- Sirva em uma taça

Mexicana

Ingredientes:

- 1 dose de Tequila

- 1 colher de sobremesa de suco de abacaxi

- 1 colher de sobremesa de suco de groselha

- 1/2 dose de suco de limão

- Gelo

Modo de preparar:

- Bater bem os ingredientes na coqueteleira com gelo

- Servir em copo para coquetel

Quinta Avenida

Ingredientes:

- 2 doses de Tequila

- 2 doses de suco de Grapefruit

- 1 colher de sopa de grenadine

- 2 colheres de chá de licor Cointreau

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Bater os ingredientes no liquidificador por 15 segundos

- Coar para um copo alto

- Servir sem adicionar gelo

Tequila ao Coco

Ingredientes:

- 1,5 doses de Tequila

- 2 colheres de chá de suco de limão

- 2 colheres de chá de leite de coco

- 1 colher de chá de licor de cereja

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Bater os ingredientes no liquidificador em velocidade baixa por 15 segundos

- Coar para um copo de coquetel

- Servir sem adicionar gelo

Ponche Asteca

Ingredientes:

- 4 1/2 litros de tequila

- 2 1/2 litros de suco de grapefruit

- 1 litro de chá escuro

- 3 xícaras de suco de limão

- 1 xícara de açúcar

Modo de preparar:

- Misturar tudo numa tigela de ponche com pedaços grandes de gelo

- Diluir em água conforme necessário

Cachaça

A história da cachaça remonta ao século XVI. O grande português Sá de Miranda já a ela se referia, como na carta versificada ao seu amigo Antônio Pereira:

"Ali não mordia a graça/ Eram iguais os juízes;/ Não vinha nada da praça,/ Ali, da vossa cachaça!/ Ali, das vossas perdizes!”

Sua produção, no Brasil, vem assinalada pelos fins desse mesmo século, pois Gabriel Soares dizia que, na altura de 1584, existiam oito casas de "cozer méis", na Bahia. Em 1648, Margrave e Piso, na História Naturalis Brasiliense (História Natural do Brasil), descreviam o método de fabricação de açúcar em nossos engenhos e mencionavam o fato de a cachaça também ser destinada à alimentação dos animais domésticos.

É como se refere o De "Indae ultriusque re et medica" (sobre coisa natural e médica das duas Índias). Deste sumo, a coagular-se num primeiro tacho,

com pouco fogo, de onde se tira uma espuma um tanto feculenta e abundante, chamada de cagassa, que serve de comida e bebida somente para o gado.

Já no livro de contas do engenho de Sergipe do Conde, engenho esse dos jesuítas e localizado no recôncavo da Bahia, consta, no período de 1622–1653, a água ardente servida aos escravos, durante o trabalho.

De prazer dionisíaco reservado inicialmente a escravos, a cachaça com o aprimoramento da produção, atraiu outros consumidores e passou a ter importância econômica no Brasil Colônia.

Tal fato traduziu ameaça aos interesses dos portugueses que fabricavam a aguardente metropolitana bagaceira. Já em 1635, era proibida a venda de cachaça na Bahia.

Em 1639, deu-se a primeira tentativa de impedir até o fabrico do produto, mas a partir de então, iniciou-se a

reação dos interesses locais, formada por senhores de engenho, comerciantes, destiladores, e, assim, enquanto a disputa sofria flutuações, aumentava o fazer e o consumir das "bebidas de vinho de mel, a cachaça".

A metrópole sendo derrotada na luta contra a cachaça brasileira, mudou então de política e, em 1756, o produto já figurava entre os gêneros que, pela tributação, concorriam para a reconstrução de Lisboa, após sua destruição pelo terremoto.

No século XIX, o consumo da cachaça já era alto. Há referências aos sérios problemas de produtividade insuficiente dos engenhos, em decorrência do crescimento de seu consumo, principalmente de negros e irlandeses.

E, no mesmo período, já era também pretexto para exaltação patriótica contra o domínio português. Na região do nordeste, surge o movimento da Confederação do Equador, de aspiração

republicana, onde o então coronel José Félix De Azevedo E Sá então vice- presidente da Província do Ceará fazia seus brindes com cachaça ao movimento em referência ao nacionalismo.

Após a derrota do movimento pelas forças mercenárias inglesa em sua maioria e as leais ao Imperador D. Pedro I, o coronel José Félix com seu espírito humanitário, liderança e astúcia, veio ser o interlocutor das duas partes, sendo nomeado por D. Pedro I para Presidente da Província do Ceará por vários mandatos.

Entre os aspectos folclóricos do seu uso, começaram a propagarem-se os de natureza medicinal, havendo receitas caseiras muitas elaboradas de remédios à base da cachaça. Também no terreno de superstição, consignam-se procedimentos, tal como o dever de deixar um pouco da bebida no copo, a fim de ser jogada fora, por cima do ombro direito, com vistas a um "ofertório" às almas em geral, em particular às dos bêbados.

A produção de cachaça não é mais realizada nos antigos engenhos, nas atuais usinas de fabrico de açúcar, mas sim nos alambiques em pequenas propriedades

Caipirinha

Ingredientes:

- 5 cl de Cachaça

- 2 colheres de chá de Açúcar

- 1/2 Limão

- Gelo

Modo de preparar:

- Encher o copo de gelo

- Cortar o 1/2 limão para o copo

- Juntar o açúcar e macerar ligeiramente

- Juntar a cachaça

- Mexer bem antes de servir

Batida Clássica

Ingredientes:

- 1 dose de suco de fruta

- 1 colher de sopa de açúcar

- 2 doses de cachaça

Modo de preparar:

- Agitar o suco e o açúcar numa

coqueteleira

- Adicionar a cachaça e agitar de novo

- Coar para um copo alto com pedras de gelo

Batida de Abacaxi

Ingredientes:

- 1 medida de suco de abacaxi

- 1 colher de chá de açúcar

- 2 medidas de aguardente

- Suco de 1/2 limão

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Colocar numa coqueteleira e agitar bem

- Coar para um copo de coquetel.

- Servir sem adicionar gelo.

Batida Sofisticada

Ingredientes:

- 2 1/2 xícaras de cachaça

- 1 xícara de geleia de damasco

- 1 1/4 xícara de suco de laranja

- 1/2 lata de leite condensado

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Bater tudo no liquidificador.

- Servir sem adicionar gelo.

Perna de Moça

Ingredientes:

- 2 a 3 cubos de gelo

- 1/3 de leite condensado

- 1/3 de leite de coco

- 1/3 de cachaça

Modo de preparar:

- Colocar tudo numa coqueteleira

- Agitar e coar para um copo.

Pinga Baiana

Ingredientes:

- 2 a 3 cubos de gelo

- 1/3 de leite

- 1/3 de leite de coco

- 1/3 de pinga

- 1/2 banana

Modo de preparar:

- Bater bem a banana, o leite, o leite de coco e a pinga no liquidificador

- Juntar o gelo mexendo bem

- Coar a mistura para um copo.

Pinga Pará

Ingredientes:

- 2 a 3 cubos de gelo

- 2/3 de leite

- 1/3 de cachaça

- 1 colher (de sobremesa) de açúcar

- 1 colher (de sobremesa) de castanha- do-pará moída

- Casca de limão ralada

Modo de preparar:

- Colocar todos os ingredientes numa coqueteleira - Agitar bem e colocar num copo.

Batida de Morango

Ingredientes:

- 1 xícara de polpa de morango

- 3 colheres (de sopa) de leite

condensado

- 1 xícara de aguardente

- 1 colher de chá de licor de cereja

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Bater todos os ingredientes no liquidificador

- Servir sem adicionar gelo.

Batida de Maracujá 2

Ingredientes:

- 2 doses de pinga

- 1 copo de suco de maracujá

- 1 colher (sopa) de xarope de groselha

- Gelo

Modo de preparar:

- Colocar os ingredientes na coqueteleira com 3 pedras de gelo

- Bater bem, coar e servir em seguida.

Batida de Maracujá

Ingredientes:

- 6 maracujás

- 2 colheres (de sopa) de leite condensado

- 2 copos de cachaça

- Açúcar a gosto

- Gelo picado

Modo de preparar:

- Retirar o miolo do maracujá

- Juntar os demais ingredientes

- Passar pelo liquidificador e na peneira

- Servir com gelo

Batida de Manga

Ingredientes:

- 2 a 3 cubos de gelo

- Suco de 1 laranja

- Açúcar a gosto

- 1 fatia de manga

- 2/3 de leite

- 1/3 de cachaça

Modo de preparar:

- Bater todos os ingredientes no

liquidificador.

- Servir sem adicionar mais gelo.

Batida de Figo

Ingredientes:

- 3 figos descascados

- 1/2 copo de mel

- 2 copos de suco de uva

- 5 colheres (de sopa) de groselha

- 1 1/2 copo de cachaça

Modo de preparar:

- Bater todos os ingredientes no

liquidificador em alta velocidade

- Servir com cubinhos de gelo

Batida de Limão

Ingredientes:

- Suco de 6 limões

- 1 1/2 colher (de sopa) de mel

- 1/2 xícara de açúcar ou mais a gosto

- 1/2 litro de aguardente

- 1/2 litro de água

Modo de preparar:

- Bater todos os ingredientes no liquidificador - Servir gelado

Batida de Coco

Ingredientes:

- 1 garrafa pequena de leite de coco

- 6 doses de pinga

- 2 doses de água (opcional)

- 1 colher (sopa) leite condensado

- 2 colheres (sopa) de gelo picado

Modo de preparar:

- Colocar todos os ingredientes numa coqueteleira.

- Bater por alguns minutos

- Servir enquanto ainda estiver com espuma.

Batida de Café

Ingredientes:

- 1 lata de leite condensado

- 2 latas de café forte frio

- 1 lata de cachaça

Modo de preparar:

- Bater todos os ingredientes no liquidificador - Servir gelado.

Coquetel De Frutas

Ingredientes:

- 3 garrafas de suco de goiaba

- 2 garrafas de suco de caju

- 1 garrafa de suco de abacaxi

- Pinga a gosto

Modo de preparar:

- Misturar tudo junto em um recipiente adequado

- Servir em copinhos ou tacinhas

colocando por cima uma colherzinha (chá) de sorvete branco.

Ex: baunilha, coco, creme.

Infusão de Menta

Ingredientes:

- 1/2 litro de cachaça

- 1 molho de hortelã fresca

- 1 colher (sopa) de açúcar

Modo de preparar:

- Picar as folhinhas de hortelã bem

pequenas

- Misturar com o açúcar em um copo de

água, amassando

- Juntar a pinga

- Tampar e servir apenas no dia seguinte, coada, e com os copos cheios de gelo picado.

Receita Do Capeta

Ingredientes:

- 1 colher (chá) de guaraná em pó

- 1 colher (sopa) de mel

- Limão a gosto

- Leite condensado

- 1 dose de cachaça

Modo de preparar:

- Misturar o guaraná, o mel e o limão

- Juntar a cachaça

- Juntar leite condensado até dar consistência

- Misturar de novo

Obs.: A cachaça pode ser substituída por vodka, cognac ou rum

Licores

Perfeitos para encerrar as refeições com um toque adocicado, os grandes licores são resultado de séculos de aprendizado.

O princípio básico da receita do licor é

a infusão de álcool de cereais ou de frutas com essências, que dão o sabor à bebida,

e uma boa dose de açúcar, sendo que

alguns passam ainda por um processo de envelhecimento.

Aparentemente fácil de preparar - existem até versões caseiras - o licor das marcas mais tradicionais é o resultado de muitos séculos de aprendizado sobre ingredientes, tempo de preparo e até mesmo do desenvolvimento de equipamentos específicos.

REGIONAIS E CLÁSSICOS

Existe uma variada produção de licores regionais, à base de frutas e ervas. No Brasil, um dos mais saborosos é o licor de pequi, fruta típica do Mato Grosso. Mas, os licores clássicos são internacionais,

consumidos em todo o mundo. Os mais tradicionais são o escocês Drambuie, feito de uísque, e os franceses Grand Manier, Benédictine e Chartreuse, além do italiano Strega (bruxa, em italiano), feito de ervas. Os mais cremosos, como o de cacau e o creme de cassis, servem, sobretudo, como ingrediente para coquetéis, como informa Aristides de Oliveira Pacheco, professor do Curso de Hotelaria do Senac.

O MOMENTO CERTO

Por ser uma bebida doce, de sabor acentuado, a melhor hora para tomá-lo é após as refeições. Ingeri-lo antes ou durante pode anestesiar as papiIas gustativas, interferindo no paladar. Quanto à temperatura em que devem ser servidos, as regras são bastante elásticas. A maioria dos licores é saboreada em temperatura ambiente, mas podem ser resfriados, ou até servidos com gelo, como se faz às vezes com o Cointreau.

Alguns licores, como o Peach Tree, foram especialmente desenvolvidos para

serem tomados frios, assim como os cremosos, muito apreciados quando gelados. Mas jamais se devem colocá-los no congelador, para que não percam o sabor original.

FÓRMULAS SECRETAS

Um dos licores mais antigos é o Chartreuse, elaborado há mais de 300 anos por uma ordem religiosa francesa, cujos monges criaram a fórmula, mantida em absoluto sigilo.

Um licor que se tomou mitológico é o absinto. Precursor dos atuais licores de anis, foi elaborado como poção digestiva e feito com dezesseis ervas medicinais, em 1792 na Suíça, pelo médico francês Pierre Ordinaire. No início deste século, o absinto era a bebida dos boêmios e dos artistas nos cafés e bistrôs parisienses, frequentados, entre outros, por Toulouse- Lautrec, Degas e Pablo Picasso. Em 1915 uma análise química revelou dois tipos de ingredientes tóxicos na bebida, o que tomou proibida sua fabricação. Hoje,

baseada na antiga fórmula, também secreta, a Pernod francesa produz famosos licores de anis muito parecidos com o absinto, mas sem sua ação tóxica, informa Núbia Talarico de Camargo, da Sociedade Brasileira dos Amigos do Vinho.

Também seguindo a antiga tradição de manufatura estão o Frangelico e o Benédictine, em que são usadas 27 plantas. De acordo com uma receita desenvolvida por monges beneditinos e franciscanos da Idade Média, esses licores são destilados em alambiques, envelhecidos em tonéis de carvalho e adoçados com mel e açúcar. Ao tempo de preparo, às quantidades usadas e aos nomes dos ingredientes poucos têm acesso.

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

-----------------------------------------

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

-----------------------------------------

FABRICAÇÃO

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

-----------------------------------------

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

-----------------------------------------

-----------------------------------------------------

Licor de Cereja

Ingredientes:

- 400 g de cerejas frescas

- 400 g de açúcar

- 1 1/4 xícara (chá) de álcool próprio para licor ou vodka

- 2/3 de xícara (chá) de vinho tinto

- 1/2 xícara (chá) de água.

Modo de preparar:

- Retire os cabinhos das cerejas.

- Amasse-as com as mãos.

- Coloque a fruta e os caroços em uma vasilha.

- Junte o álcool e tampe bem.

- Deixe descansar por uma semana em um lugar fresco.

- Ferva a água e adicione o açúcar,

mexendo bem para dissolver.

- Deixe esfriar e despeje na vasilha.

- Junte o vinho e deixe a mistura

descansar por mais um dia.

- Filtre em um tecido e aperte bem a polpa

da fruta. Engarrafe.

Licor de Pétalas de Rosa

Ingredientes:

- 300 g de pétalas de rosa vermelha

- 300 g de açúcar

- 1 pauzinho de canela

- 1 fava de baunilha

- 1/2 litro de álcool próprio para licor ou vodka

- 1 1/4 xícara (chá) de água.

Modo de preparar:

- Coloque as pétalas de rosa, a canela, a

baunilha e o açúcar em uma vasilha com o

álcool.

- Tampe e deixe descansar no sol por uma semana, mexendo a mistura de vez em quando.

- Junte a água, agitando bem, e deixe

macerar dentro de casa (em um lugar fresco) por mais três dias.

- Coe passando a mistura por um pano fino e apertando bem as pétalas. Engarrafe.

Licor de Laranja ou Tangerina

Ingredientes:

- 1 litro de vodka

- Casca de 8 laranjas ou de 10

mexericas

- 2 xícaras (chá) de xarope simples -1 colher (chá) de baunilha

Modo de preparar:

- Misture 4 xícaras (chá) de açúcar e 2

xícaras (chá) de água em uma panela média.

- Quando começar a ferver, abaixe o fogo e cozinhe até o açúcar dissolver.

- Retire do fogo e deixe esfriar.

- Limpe bem as cascas da laranja,

retirando a parte branca. Corte em tiras grossas.

- Deixe-as em infusão (de molho) na vodca por 10 dias, mexendo uma vez por dia.

- Coe em um pano fino. Misture com a calda e a baunilha.

- Passe novamente por um pano. Engarrafe.

Licor de Leite

Ingredientes:

- 2 garrafas de cachaça

- 1 1/4 kg de açúcar

- 1 colher (sopa) de cravos inteiros

- 3 a 4 pauzinhos de canela

- 1 colher (sopa) de erva-doce

- 1 noz-moscada ralada

- 1 litro de leite

Modo de preparar:

- Ferva a cachaça com as especiarias por 5 minutos.

- Acrescente o açúcar e ferva por mais 10 minutos.

- Coe em um pano fino umedecido e volte ao fogo.

- Quando levantar fervura, junte o leite aos poucos. Mexa bem.

- Quando o leite talhar, passe novamente por um pano fino e deixe esfriar.

- Engarrafe. Feche e deixe o licor descansar por uns 10 dias.

Licor de Café

Ingredientes:

- 3 xícaras (chá) de xarope simples

- 6 colheres (sopa) de café solúvel

- 6 colheres (sopa) de água fervente

- 1 colher (chá) de baunilha

- 15 cravos

- 10 nozes moscadas

- 2 pauzinhos de canela

- 2 xícaras (chá) de conhaque.

Modo de preparar:

- Despeje água fervente sobre o café em uma panela. Mexa.

- Junte o xarope, a baunilha, os cravos, as pimentas e o pauzinho de canela.

- Aqueça a mistura sobre fogo médio até ferver. Deixe esfriar.

- Despeje em um recipiente de vidro ou

cerâmica. Acrescente o conhaque e mexa.

- Feche bem, deixando descansar por 2

semanas em um lugar fresco e escuro.

- Mexa a cada 3 dias.

- Coe em um pano fino umedecido.

- Acrescente mais xarope, se desejar

adoçar.

- Tampe bem e deixe descansar por umas

3 ou 4 semanas.

- Engarrafe, colocando uns grãos de café inteiros.

Licor de Morango

Ingredientes:

- 1/2 xícara (chá) de xarope simples

- 3 xícaras (chá) de morangos

- 2 xícaras (chá) de conhaque

- 1 1/4 colher (chá) de casca de laranja ralada

- 1 colher (chá) de casca de limão ralada

- 10 nozes moscadas

- 5 cravos

Modo de preparar:

- Misture as frutas com o conhaque, o

xarope, as cascas raladas, a pimenta e os cravos, colocando em um recipiente de vidro ou cerâmica.

- Feche bem e deixe descansar em um

lugar escuro e fresco por 2 semanas, mexendo a cada 3 dias.

- Passe a mistura por uma peneira,

apertando as frutas para extrair o máximo

de líquido.

- Passe em um pano fino umedecido,

repetindo a operação até obter a transparência desejada.

- Verifique o gosto e acrescente mais

xarope, se desejar adoçar.

- Despeje em um recipiente, tampe bem e deixe descansar novamente por 3 a 4 semanas. Engarrafe.

Licor de Leite

Ingredientes:

- 2 limões

-2 favas de baunilha

- 1 litro de leite

- 1 litro de álcool a 40 graus retificado

Modo de preparar:

- Cortar os limões em rodelas

- Colocar numa vasilha

- Adicionar os ingredientes restantes

- Cobrir e deixar nesta infusão durante uma semana, mexendo de vez em quando com uma colher de pau

- Filtrar em papel filtro e engarrafar

Licor de Cacau

Ingredientes:

- 1/2 Kg de cacau em grão

- 1 Kg ou 7 xícaras de açúcar

- 1 litro de álcool para licores

- 1 colher (de chá) de baunilha em pó

Modo de preparar:

- Torrar o cacau e depois descascar e

triturar e em seguida colocar num frasco

grande

-

Preparar a calda com 7 xícaras de açúcar

e

4 xícaras de água

-

Quando formar uma calda rala, adicionar

imediatamente o litro de álcool e a baunilha

e logo em seguida despejar em cima do

cacau

-

Deixar quinze dias em infusão

-

Coar em pano grosso e depois em flanela

e

deixar descansar um mês

- Após esse prazo passar novamente em flanela e assim umas seis semanas.

Engarrafar

Licor Daiquiri

Ingredientes:

- 4 limões

- 3 xícaras de rum

- 1 1/2 xícara de açúcar

Modo de preparar:

- Descascar os limões tirando a casca bem rente sem a parte branca

- Apertar a casca entre duas folhas de

papel absorvente

- Colocar a casca num vidro com tampa de rosquear com capacidade para 1 litro

- Juntar 2 xícaras de rum. Fechar bem o vidro

- Deixar descansar num lugar fresco e escuro durante cerca de 2 dias

- Juntar o açúcar e agitar vigorosamente até que o açúcar dissolva bem

- Adicionar o rum restante e mexer até

que o líquido fique transparente

- Fechar o vidro e deixar envelhecer pelo menos uma semana. Engarrafe

Licor de Laranja

Ingredientes:

- 3 laranjas

- 3 xícaras de vodka

- 1 1/2 xícara de açúcar

Modo de preparar:

- Descascar as laranjas tirando a casca bem fina (sem a parte branca)

- Colocar a casca em cima de papel

absorvente para retirar o excesso de óleo

- Colocar a casca num vidro com

capacidade para 1 litro com tampa de rosquear

- Juntar 2 xícaras de vodka

- Guardar num lugar fresco e escuro por

dois dias ou até que a vodka tenha absorvido o sabor e a cor da casca

- Retirar a casca. Juntar o açúcar

- Agitar vigorosamente até que o açúcar

dissolva

- Juntar a xícara restante de vodka e

mexer até que o líquido fique transparente

- Fechar o vidro e guardar num lugar fresco

e escuro durante pelo menos uma semana. Engarrafe

----------------------------------------------------------

-----------------------------------------------

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

-----------------------------------------

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

-----------------------------------------

PREPARADOS

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

-----------------------------------------

-----------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------

-----------------------------------------

-----------------------------------------------------

B.52

Ingredientes:

- 2 cl Creme de Café

- 2 cl Baileys

- 2 cl Licor de Laranja

Modo de preparar:

- Preparar por camadas sem deixar os líquidos se misturarem - Servir em um cálice

Black Russian

Ingredientes:

- 6 cl Vodka

- 2 cl Licor de Café

Modo de preparar:

- Preparar por camadas sem deixar os

líquidos se misturarem

- Servir em um copo Old Fashioned com gelo

Blue Sky

Ingredientes:

- 3 cl Batida de Coco

- 3 cl Creme de Menta Azul

Modo de preparar:

- Bater os ingredientes no shaker

- Servir em copo tipo flip

- Decorar com 1 cereja e hortelã

Café Amaretto

Ingredientes:

- 1/2 dose de licor Amaretto

- 1/2 dose (ou mais) de licor de café

- 1 xícara de café bem quente

- Creme chantilly

Modo de preparar:

- Colocar os licores numa xícara com o café quente

- Cobrir com o creme chantilly

- Servir imediatamente em uma xícara

Dragão Verde

Ingredientes:

- 2 doses de absinto (pernod)

- 2 doses de leite

- 2 doses de creme de leite

- 1 dose de açúcar diluído em água

Modo de preparar:

- Agitar tudo numa coqueteleira com gelo

- Coar para um copo alto cheio de pedras de gelo

Entre os Lençóis

Ingredientes:

- 1 dose de Cointreau

- 1 dose de conhaque

- 1 dose de rum claro

- 1 dose de suco de limão

- Casca de limão

Modo de preparar:

- Agitar tudo numa coqueteleira com gelo picado

- Coar para uma taça de champanhe

- Decorar com casquinha de limão

French Connection

Ingredientes:

- 5 cl Conhaque

- 5 cl Licor Amaretto

Modo de preparar:

- Preparar por camadas sem deixar os líquidos se misturarem - Servir em copo Old Fashioned com gelo

Godfather

Ingredientes:

- 6 cl Whisky

- 4 cl Licor Amaretto

Modo de preparar:

- Preparar por camadas sem deixar os líquidos se misturarem - Servir em copo Old Fashioned com gelo

Grasshopper

Ingredientes:

- 2 cl Creme Cacau Branco

- 3 cl Creme Menta Verde

- 2 cl Creme de Leite

Modo de preparar:

- Bater os ingredientes em um shaker - Servir em taça cocktail

Jacinto

Ingredientes:

- Marshmallow

- 1 litro de café forte e bem quente

- 1 litro de chocolate quente

- 1 dose (ou mais) de licor de café

Modo de preparar:

- Reservar o marshmallow e misturar os demais ingredientes num réchaud

- Servir em canecas, adicionando

marshmallow a gosto em cada uma

Kamakura

Ingredientes:

- 4 cl de Licor de Banana

- 2 cl de Suco de Abacaxi

- Gotas de Suco de Limão

Modo de preparar:

- Bater os ingredientes em um shaker

- Servir em taça cocktail

- Decorar com 2 cerejas vermelhas.

Taça Oriental

Ingredientes:

- 1 dose de licor de pêssego

- 1 dose de suco de pêssego gelado

- Espumante gelado

- 1 rodela de abacaxi

- 1 gomo de laranja

Modo de preparar:

- Numa taça gelada, colocar o licor e o suco

- Completar com o espumante

- Tirar o miolo do abacaxi

- Colocar, no lugar do miolo, um gomo de laranja

- Mergulhar a rodela na taça e servir

Receita da Barwoman Cláudia Camazza do Restaurante Kabuki em São Paulo

White Russian

Ingredientes:

- 4 cl de Vodka

- 2 cl de Licor de Café

- 1 cl de Creme de Leite

Modo de preparar:

- Montar no próprio copo

- Servir em copo tipo Old-fashioned com gelo

- Juntar o creme de leite no final

Vibe

Ingredientes:

- 5 cubos de gelo

- 1 dose de vodka

- 1/2 dose de licor de morango

- 1/2 dose de leite condensado

- 1 dose de suco de abacaxi

Modo de preparar:

- Misturar todos os ingredientes - Servir em um copo long drink

Drink criado pelo formador de equipes de barman Mauro Rocha que leva o nome da casa de mesmo nome.

Big Lebowski

Ingredientes

- 3 cubos de gelo

- 2 doses de leite

- 1 dose de licor de café Khalua -1 dose de vodka

Modo de preparar:

- Bater todos os ingredientes na

coqueteleira suavemente para quebrar os

cubos de gelo

- Servir em copo long drink

Os empresários Márcia Fontana e Paulo Giroletti substituíram alguns ingredientes e incluíram esta novidade no cardápio do Vox Café.

Blue Sky

Ingredientes

- 35 ml de Vodka

- 25 ml de Curaçau blue

- 14 ml de Licor de menta

- Gelo levemente quebrado

- Champagne Chandon Brut

Modo de preparar:

- Crostar a borda de uma taça de Dry

Martini

- Passar uma fatia de limão na borda e

emborque num parto raso com açúcar

-

Bater os ingredientes, sem o champagne

e

o gelo, numa coqueteleira

-

Colocar o gelo na taça, despeje a mistura

e

complete com o champagne

-

Para decorar, use uma pétala de rosa

vermelha

Strawberry Art

Ingredientes:

- 4 morangos

- 50 ml de rum prata

- 25 ml de Cointreau

- Champagne para completar

Modo de preparar:

- Bater os morangos, o rum e o Cointreau no liquidificador

- Colocar a mistura em uma taça de

coquetel

- Completar com champagne

- Misturar levemente

- Servir decorado com um pedaço de morango.

Conversível

Ingredientes:

- 1 dose de vodka

- ½ dose de licor de pêssego

- 1/3 de dose de licor de Curaçau blue

- 1/3 de dose de suco de abacaxi

- 1 lance de champagne

Modo de preparar:

- Colocar pedras degelo num copo longo

de coquetel

- Acrescentar a vodka, o licor de pêssego,

o licor de Curaçau, o suco de abacaxi e um

lance de champagne

- Decorar com frutas

Flip de Café Gelado

Ingredientes:

- 8 doses de café bem forte

- 2 colheres (chá) de licor de café

Modo de preparar:

- Misturar os ingredientes

- Servir gelado

Kirsch Com Cassis

Ingredientes:

- Soda

- 2 doses de creme de cassis ou licor de groselha

- 1 dose de kirsch

Modo de preparar:

- Reservar a soda

- Agitar os demais ingredientes numa coqueteleira com gelo picado

- Servir num copo largo com gelo e completar com soda

Diversos

Alexander

Ingredientes:

- 1 1/2 dose de conhaque ou armagnac

- 1 dose de creme de cacau escuro

- 1 dose de creme de leite

- Noz-moscada em pó

Modo de preparar:

- Agitar os ingredientes com gelo na coqueteleira

- Coar e servir polvilhado com noz- moscada.

Mud Frapée

Ingredientes:

- 1 1/2 dose de conhaque ou armagnac

- 1 colher de chá de creme de avelã - 2 bolas de sorvete de creme

- 1 dose de café

Modo de preparar:

- Agitar os ingredientes em uma

coqueteleira

- Servir em uma taça decorada com creme de avelã

Orangetini

Ingredientes:

- 30 ml de gim

- 10 ml de vermute seco

- 10 ml de vermute doce

- 15 ml de Grand Marnier

- Suco de laranja

Modo de preparar:

- Misturar todos os ingredientes em uma coqueteleira

- Colocar a bebida em uma taça de coquetel

- Completar com suco de laranja

Café Flambado

Ingredientes:

- 8 doses de conhaque

- 2 colheres (chá) de açúcar

- 8 cravos-da-índia

- 3 gotas de essência de baunilha

- 2 ou 3 paus de canela

- Casquinhas de laranja e limão cortadas em espiral

- 1/2 litro de café bem quente

Modo de preparar:

- Despejar o conhaque numa tigela

- Adicionar metade do açúcar, os cravos- da-índia, a baunilha, a canela e as casquinhas de limão e a laranja

- Mexer bem, adicionar o café quente

- Encharcar de conhaque a segunda colher e flamba-la

- Mergulhar o açúcar, em chamas, na

tigela, de modo que o fogo se espalhe por toda a superfície do coquetel

- Servir em xícaras

Champanha Caribenha