Você está na página 1de 15

Acompanhamento e

avaliação
Professor Adriano Martins

pedagogiaparaconcursos.blogspot.com.br
É um componente do processo de ensino.
Não é o objeto final.
Compara o que se foi aprendido com o que se pretende alcançar.
Aponta o desenvolvimento do aluno, professor e da escola.

2
3

Formas de avaliação:
➢ Formal – Provas, trabalhos, tarefas, etc.
➢ Informal – Elogios, castigos, ameaças, etc.

Princípios da avaliação:
➢ Integridade;
➢ Funcionalismo;
➢ Orientação;
➢ Sistematicidade.
Aprovado 4

Classificar
Reprovado
Avaliação
😒 Tradicional
Melhores • Avaliar para dar nota.
Hierarquizar • Professor autoritário.
Piores
• Avaliação para identificar a
memorização.
• Não considera a diversidade
de pessoas.
Bons
Separar
Maus
5
6
Na atualidade a função da avaliação é
dividida em:

FUNÇÃO DA
AVALIAÇÃO Diagnóstica: antes

Formativa: durante
Essa é a
função que Somativa: depois
mais cai em
prova
7
Início do processo.
Durante o
processo
Direciona o
trabalho do
professor
É possível
corrigir falhas
Levantamento dos
Diagnóstica conhecimentos Formativa
prévios
Reorienta o
planejamento
Permite melhor
planejamento

Feedback do
Percebe a ensino
diversidade e
características dos
alunos
8

Ocorre após o
processo

Classifica o
aluno para
avançar
Somativa
É a nota
bimestral

É o registro
das
informações
9
Questões de Provas
1. A avaliação da aprendizagem é um dos elementos fundamentais no 10
processo pedagógico. No que diz respeito às concepções de avaliação,
assinale a alternativa correta.
a) A avaliação formativa preconiza o abandono do registro em detrimento do
uso de observações, relatos e acompanhamento sistemático das ações dos
alunos.
b) A avaliação formativa privilegia os aspectos qualitativos sobre os
quantitativos e os resultados ao longo do processo sobre os de eventuais
exames finais.
c) A avaliação somativa tem como característica principal o uso de provas,
privilegiando os resultados ao longo do processo, e sua função essencial é
mediar as aprendizagens.
d) Na avaliação formativa, que é processual, ignoram-se os resultados finais e
privilegiam-se os instrumentos informais.
e) São características da avaliação formativa o diálogo, a reflexão, o
planejamento e o uso exclusivo de instrumentos objetivos para oferecer
fidedignidade ao processo.
2. Atribua C para assertiva certa ou E para errada, depois assinale a alternativa
11
correta.

( ) Um dos objetivos da avaliação somativa é informar ao avaliador o grau de


rentabilidade do aluno.
( ) A avaliação formativa contribui para a assimilação ou retificação de novas
aprendizagens, possibilitando ao professor gerir e organizar situações didáticas
de aprendizado.
( ) A avaliação diagnóstica é comumente usada para identificar os
conhecimentos dos alunos.

a) C, E, C
b) C, C, E
c) E, C, C.
d) C, C, C.
3. A avaliação é uma das atividades que ocorre dentro de um processo pedagógico, 12
incluindo outras ações que implicam na própria formulação dos objetivos da ação
educativa, na definição de seus conteúdos e métodos, entre outros. Sendo parte de um
processo maior, a avaliação pode ser formativa ou somativa. Considerando o enunciado,
analise as afirmativas e marque V para as verdadeiras e F para as falsas:

( ) A avaliação formativa é utilizada para uma apreciação final sobre o que o aluno pode
obter em um determinado período.
( ) A avaliação somativa é utilizada ao longo do processo pedagógico, no sentido de
acompanhamento do desenvolvimento e reorientação da aprendizagem do aluno.
( ) Tanto a avaliação somativa quanto a formativa, podem levar a processos de exclusão
e classificação na dependência das concepções que norteiam o processo educativo.
( ) A avaliação formativa é aquela em que o professor deve estar atento aos processos e
às aprendizagens dos seus alunos.

A sequência está correta em:


a) V, F, V, F
b) F, F, V, V
c) V, V, F, F
d) F, V, F, V
e) V, F, F, V
4. Segundo Luckesi, para que uma avaliação cumpra sua função diagnóstica,
13
deve ser executado com certo rigor técnico, o que implica algumas
exigências. Para serem adequados, estes instrumentos devem, EXCETO:

a) Medir resultados de aprendizagem claramente definidos e com harmonia


com os objetivos institucionais.
b) Ser construídos tão fidedignos quanto possível e, em consequência, ser
interpretados com cautela.
c) Ser utilizados para melhorar a aprendizagem do aluno e do sistema de
ensino.
d) Ser destinados exclusivamente a uma atribuição de notas e conceitos aos
alunos, visando classificar o educando num certo estágio de desenvolvimento.
e) Ser planejados para se ajustar aos usos particulares a serem feitos dos
resultados.
5. A avaliação do aproveitamento escolar, praticada como atribuição de 14
qualidade aos resultados da aprendizagem dos educandos visa, EXCETO:

a) Coletar, analisar e sintetizar as manifestações das condutas dos educandos.


b) O aspecto classificatório sob a forma de verificação.
c) A reorientação imediata da aprendizagem, caso se mostre com resultados
insatisfatórios.
d) O encaminhamento dos educandos para passos subsequentes da
aprendizagem, caso se considere satisfatório os resultados da avaliação.
GABARITO

1- B
2-D
3-B
4-D
5-B
15