Você está na página 1de 19

Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 1
SISTEMA NERVOSO: ESTÍMULOS E RECEPTORES

Página 3

Cada aluno deve dar respostas pessoais às perguntas, pois se pretende apenas dar
início à discussão dessas temáticas levantando as opiniões deles sobre o assunto. Entre
as possíveis respostas, podem constar:

1. Acordar, levantar, escovar os dentes, tomar café, tomar banho, jogar bola, jogar
videogame, usar o computador, almoçar, ir à escola, lavar a louça, passear com o
cachorro, ir ao cinema, andar de bicicleta, ler, fazer a lição, estudar, ouvir música etc.
2. É coordenado pelo cérebro; pela cabeça; pelo sistema nervoso.
3. Um estímulo ambiental é qualquer evento no meio que circunda o indivíduo e que
pode ser percebido pelo ser humano. Os estímulos podem ser luminosos, olfativos,
dolorosos, térmicos etc. Os diferentes estímulos são percebidos por diferentes partes
do corpo humano, isto é, pelos órgãos dos sentidos, e podemos reagir a eles de
diferentes maneiras; por exemplo, retirando a mão de um objeto quente, tampando o
ouvido a um barulho forte, salivando ao sentir o cheiro de comida etc.

Páginas 4-5
1. Resposta pessoal, que pode incluir os seguintes estímulos e reações:

Estímulo Reação
“Felipe, venha almoçar.” “Vou correndo para a cozinha.”
“Encosto o braço na panela quente.” “Derrubei meu prato.”
Viu as horas no relógio. Correu para a escola.
Ouve a buzina do ônibus. Leva um susto e para.
Sente sede e calor. Bebe água e molha o rosto.
Palavras da Juliana: “Você cortou o Fica corado e sem fala.
cabelo?”

1
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

2. Os sentidos estimulados em cada situação, na ordem apresentada no texto, foram:


olfato, audição, tato, paladar (gustação), audição, visão (e audição), audição e visão.
3. Resposta pessoal. É esperado que os alunos discutam que, dependendo das condições
do momento e das características pessoais, as respostas aos diferentes estímulos
podem ser as mais variadas possíveis.
4. Resposta pessoal. É esperado que os alunos façam uma paráfrase do texto utilizando
outras reações para os mesmos estímulos sofridos pelo personagem Felipe. Vale
lembrar que, de acordo com o decorrer da história, é possível admitir outros rumos e,
nesse caso, alguns estímulos podem não aparecer ou podem ser substituídos.

Páginas 5-6
1. Resposta pessoal, que deve incluir as seguintes maneiras, entre outras: o cheiro da
comida, a visão dos ingredientes que serão usados para cozinhar e perguntas para a
pessoa que vai fazer a comida.
2.
a) Resposta pessoal, que deve incluir as seguintes reações, entre outras: gritos de
alegria, choro, coração batendo rápido e cantar o hino do time.
b) Resposta pessoal, que pode incluir as seguintes reações: ficar com a boca cheia
de água, imaginar o cheirinho e o gosto deliciosos da comida ou ficar chateado, pois
não gosta nem de frango nem de salada.
3.
a) Resposta pessoal, que deve incluir os seguintes órgãos: olhos, nariz, boca
(língua), ouvidos e pele.
b) Resposta pessoal, que pode incluir as seguintes afirmações: os órgãos dos
sentidos desempenham suas funções percebendo os diferentes tipos de estímulo; para
isso, possuem receptores específicos. O cheiro é sentido pelo nariz, pois os
receptores dos odores estão localizados no nariz. Na mão existem receptores de
temperatura, mas não existem receptores para os sabores.

2
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

Páginas 6-8
1. Resposta pessoal, que pode incluir que a língua percebe os sabores pois nela se
localizam células especializadas capazes de receber os estímulos do ambiente
relacionados ao sabor das substâncias.
2. Resposta pessoal, que pode incluir que é possível perceber diferentes sabores com
maior ou menor intensidade porque em diferentes regiões da superfície da língua há
maior ou menor concentração de receptores especializados em detectar os diferentes
sabores. O “mapa da língua” construído com base no experimento permite que se
tenha uma ideia da localização desses grupos de receptores.
3. Os receptores são células especializadas capazes de receber os estímulos do ambiente.
4. Além da distribuição desigual dos receptores na língua, receptores especializados em
detectar diferentes sabores se agrupam em determinados pontos da língua.
5. Outros estímulos que o corpo pode perceber são os estímulos luminosos, estímulos
sonoros, estímulos de dor e de pressão e estímulos olfativos.

Página 8

Estímulo Receptor Localização


Cheiro de perfume Quimiorreceptores Localizados no nariz

Furo de agulha no dedo Mecanorreceptores Localizados na pele

Sabor do sorvete Quimiorreceptores Localizados na língua

Música do MP3 Mecanorreceptores Localizados no ouvido

Programa de TV Fotorreceptores Localizados nos olhos

Calor ao encostar em uma Termorreceptores Localizados na parte do


panela morna corpo que encostou na
panela

3
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

Página 9

Resposta pessoal. É esperado que o aluno dê as seguintes respostas:

• “Este cheirinho de feijão fresquinho”. = Quimiorreceptores localizados no nariz.


• “Felipe, venha almoçar.” = Mecanorreceptores localizados no ouvido.
• “Saborear a deliciosa comida de minha mãe”. = Quimiorreceptores localizados
na língua.
• “Encosto o braço na panela quente”. = Termorreceptores, localizados na pele.
• Buzina do ônibus. = Mecanorreceptores localizados no ouvido.
• Sentir calor. = Termorreceptores, localizados na pele.
• “Trrrriiiim!” = Mecanorreceptores localizados no ouvido.

4
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 2

SISTEMA NERVOSO: INTERPRETAÇÃO, REAÇÃO E SENSAÇÕES

Página 9

Resposta pessoal. O responsável por essa interpretação é o sistema nervoso. Ela ocorre porque o
sistema nervoso tem a função de receber estímulos do ambiente, interpretá-los e reagir a eles.

Atividade 1

Páginas 10-11

O estímulo é percebido pelos receptores e produz uma sensação, que é transmitida


através dos nervos até o sistema nervoso central (cérebro ou encéfalo), onde ela é
interpretada, e é gerada uma resposta ou reação ao estímulo.

Atividade 2

Páginas 11-13

Respostas pessoais. Espera-se que os alunos relacionem o sistema nervoso e,


principalmente, o cérebro com a interpretação dos estímulos às reações e às sensações.
As respostas coerentes a respeito de como ocorre essa interpretação são esperadas após
os alunos terem participado da dinâmica sobre o funcionamento do sistema nervoso.

5
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

Atividade 3

Páginas 13-14
• Um computador é um tipo especial de máquina que processa informações. É uma
máquina de múltiplas funções, que utiliza circuitos integrados.
1. Resposta pessoal.
2. As pessoas são vivas, de carne e osso, falam e ouvem, andam, pensam, choram,
ficam tristes, tomam decisões e morrem. Os computadores não desempenham
nenhuma dessas funções.
3. Verifique se o aluno produz um texto que compara o funcionamento do sistema
nervoso com o computador. É essencial que o texto compare os receptores nervosos
à entrada de dados do computador; o cérebro deve ser comparado ao processador do
computador; e, por fim, a reação aos estímulos deve ser comparada às respostas que
o computador produz.

Páginas 14-17
1.

Funções Corpo humano Computador


Mouse, monitor digital,
Receptores de Órgãos dos sentidos teclado, porta USB, escâner,
estímulos
entrada de CD, disquete etc.

Transmissores de Nervos e medula Conexões, cabos e antenas


informação

Processadores de Cérebro Processador


informação
Músculos, órgãos e/ou Impressora, caixa de som,
Efetuadores
glândulas monitor etc.

2. Estímulo do ambiente é qualquer evento no meio que circunda um indivíduo e que é


capaz de produzir uma reação.

6
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

3. Ao ser tocada por alguém, os receptores de pressão da pele recebem o estímulo e


encaminham a mensagem através dos nervos para o cérebro. O cérebro interpreta a
mensagem, determina o tipo de reação e envia o comando (virar-se), por meio dos
nervos, para os músculos responsáveis pelo movimento.
4.
a) Resposta pessoal. Professor, observe a imagem do exercício 5 da página 16 do
Caderno do Aluno.
b) Na parte superior da medula, abaixo do pescoço.
c) Um tetraplégico consegue mover a cabeça e o pescoço, mas não o tronco e os
membros porque uma lesão na parte superior da medula não impede a comunicação
nervosa do cérebro com os músculos da cabeça; entretanto, essa lesão impede a
comunicação do cérebro com os músculos dos braços e das pernas.
d) Essa pessoa continua a ter reflexo patelar, pois o restante da medula continua
com suas funções, e a comunicação entre a perna e a medula não foi prejudicada. No
entanto, a pessoa não sente a batida no joelho, pois o órgão responsável por essa
sensação é o cérebro.
5.
a), b) e c) Professor, veja na figura a identificação das estruturas representadas (a),
a sinalização do caminho do impulso nervoso (b) e a indicação da região de
percepção da dor (c).

percepção da dor

cérebro

pele

medula
músculo

d) Como pode ser observado na figura, a dor, portanto, é sentida depois da retirada
do braço.
6. Alternativa d.

7
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 3

SISTEMA ENDÓCRINO: HORMÔNIOS E O CONTROLE


DAS FUNÇÕES DO CORPO

Atividade 1

Páginas 17-18
1. Resposta pessoal, que pode incluir as seguintes reações: aceleração dos batimentos
do coração; dar um pulo para trás; suar frio; ficar com a boca seca.
2. Ouvir o som da buzina e o barulho da brecada do carro.
3. Resposta pessoal, que pode incluir que os receptores da orelha são estimulados pelos
barulhos do carro e transmitem a mensagem para o cérebro; este manda como
resposta a reação de pular para trás e, assim, escapar de uma situação perigosa.
4. Resposta pessoal.
5. Resposta pessoal, que pode incluir que, em uma situação de perigo, além da atuação
do sistema nervoso, ocorre uma descarga de adrenalina que faz com que o coração
bata mais depressa e desencadeie outras reações para a proteção.

Atividade 2

Páginas 19-20
1. O desenho esquemático deve ser baseado nas informações do texto que evidenciam a
ação do sistema endócrino. Há um exemplo na página 20 do Caderno do Aluno.
2. Resposta pessoal, com base nas informações do texto. Espera-se que os alunos
apontem a velocidade maior do sistema nervoso em estabelecer comunicação entre as
partes do corpo; que o sistema nervoso atua por meio de uma rede de nervos e o
sistema endócrino usa mensageiros químicos através da corrente sanguínea; que os
mensageiros do sistema endócrino possuem alvos específicos de atuação; e que a
ação do sistema endócrino pode ser mais duradoura.

8
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

Página 20

As glândulas exócrinas possuem ductos, ou seja, canais através dos quais


descarregam as substâncias que produzem no exterior do corpo ou em cavidades:
glândulas sudoríparas, sebáceas e salivares são exemplos de glândulas exócrinas. Já as
glândulas endócrinas não possuem ductos; liberam as substâncias que produzem – os
hormônios – diretamente no sangue. Alguns órgãos do corpo atuam simultaneamente
como glândula exócrina e endócrina, produzindo hormônios – é o caso do pâncreas.

Páginas 20-22

Tecido secretor ou Hormônio(s) Ação Distúrbios provocados pelo


glândula mau funcionamento da
glândula

Neuro-hormônios Controla e integra as atividades Disfunções do sistema nervoso


Hipotálamo do sistema nervoso autônomo e autônomo e da hipófise (inibe ou
da hipófise. aumenta a produção dos
hormônios da hipófise).

Antidiurético Regula a quantidade de Grande volume de urina;


urina e a pressão arterial. muita sede e risco de
desidratação.

Hipófise

Folículo Estimula a fabricação de Esterilidade


estimulante óvulos e espermatozoides.

9
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

Somatotrofina Promove o crescimento das Nanismo


(de crescimento) cartilagens e dos ossos,
determinando o aumento do
tamanho corporal.

Tiroxina Acelera a atividade Cretinismo


Tireoide
metabólica do organismo. Hipertiroidismo
Hipotiroidismo

Paratormônio Aumenta o nível de cálcio Diminuição de cálcio no


no sangue. sangue, fazendo com que as
Paratireoide
células musculares
esqueléticas se contraiam
convulsivamente.

Adrenalina Neurotransmissor; produz Hipoglicemia, apatia, falta


aumento do ritmo cardíaco, de reação, pressão baixa,
da pressão, da glicemia e da problemas digestivos e
respiração; vasoconstrição renais.
generalizada pelo corpo.

Adrenais
Cortisol ou Atua na produção de glicose Estresse, depressão emocional,
hidrocortisona a partir de proteínas e depressão do sistema imunitário,
gorduras; diminui a hipertensão e arteriosclerose.
permeabilidade dos
capilares sanguíneos.

10
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

Insulina Facilita a absorção de Diabetes melito


glicose pelos músculos
esqueléticos, pelo fígado e
pelas células, levando à
diminuição da taxa de
Pâncreas açúcar no sangue.

Glucagon Estimula a transformação de Hipoglicemia


glicogênio em glicose no
fígado, levando ao aumento
de açúcar no sangue.

Estrógeno É responsável pelo Desenvolvimento anormal


aparecimento das das características sexuais
características sexuais secundárias; menopausa
secundárias femininas e pelo precoce; osteoporose;
amadurecimento dos órgãos infertilidade.
Ovários genitais.

Progesterona Promove o desenvolvimento Falta de menstruação;


do útero, preparando-o para infertilidade; aborto.
a gravidez.

Testosterona É responsável pelo Não ocorre o


aparecimento das desenvolvimento das
Testículos
características sexuais características masculinas.
secundárias masculinas e
pelo amadurecimento dos
órgãos genitais.
Melatonina A melatonina estimula a Poucas horas de sono.
sonolência e contribui para o
Pineal bom funcionamento do relógio
biológico corporal.

11
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

Atividade 3 – Hormônios sexuais e as transformações na puberdade

Página 22
1. A hipófise exerce influência sobre o funcionamento de outras glândulas. Tem papel
preponderante na atividade reprodutiva e é capaz de comandar o desenvolvimento
dos ovários e testículos.
2. Folículo estimulante e folículo luteinizante, que atuam sobre as gônadas masculinas
(testículos) e femininas (ovários).

Páginas 23-24
1. Não existe um remédio para os males de Rita porque ela não está doente, apenas está
iniciando o processo natural por que passam todas as meninas para se transformar em
mulheres.
2. Espinha no rosto, pelos no corpo, peito inchado e cheiro forte no corpo.
3. O processo citado pela mãe de Rita é a puberdade.
4. Resposta pessoal, que pode incluir, entre outras, as seguintes mudanças:

Meninas Meninos
Pés crescem muito rapidamente Pés crescem muito rapidamente
Crescimento acelerado Crescimento acelerado
Aparecimento de pelos na região Aparecimento de pelos nos órgãos
genital genitais
Início do crescimento dos seios Crescimento dos órgãos genitais
Aumento da transpiração Aumento da transpiração
Cheiro diferente no corpo Cheiro diferente no corpo
Aumento de pelos nos braços e nas Aumento de pelos nos braços e nas
pernas pernas
Aparecimento de pelos nas axilas Pele e cabelos mais oleosos
Aparecimento de espinhas Aparecimento de espinhas
Mudança na forma do corpo Mudança na voz
Início da menstruação Ombros mais largos

12
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

5. Nas meninas: estrógeno e progesterona. Nos meninos: testosterona.


6. Resposta pessoal.

Páginas 24-25
a) Através dos nervos que conectam os olhos ao cérebro.
b) Por meio da sinapse, que corresponde à região de contato entre dois neurônios, onde
ocorre a liberação de neurotransmissores para que o impulso nervoso possa se
propagar entre os neurônios de uma cadeia.
c) Sistema nervoso: recebe informações dos vários órgãos dos sentidos através de
nervos. Estes enviam informações para os músculos, as glândulas e o coração.
Sistema endócrino: lança na corrente sanguínea os mediadores químicos –
hormônios que são transportados aos locais de ação. Age especificamente sobre a
atividade de determinadas células, tecidos, órgãos ou sistemas.

Páginas 25-27
1.
a) Puberdade.
b) A ideia de “despedida” tem relação com as transformações pelas quais o corpo
das meninas e dos meninos passa durante a puberdade. No caso das meninas, o
desenvolvimento dos seios e o alargamento dos quadris são algumas das alterações.
c) A hipófise libera hormônios que estimulam os ovários e testículos a produzir os
hormônios que promovem as alterações citadas.
d) São várias as preocupações, mas espera-se que os alunos identifiquem o fato de
poder ter filhos como a preocupação que passa a existir após essas mudanças no
corpo dos meninos e das meninas.
2. Alternativa c.
3. Alternativa b.
4. Alternativa c.
5. A principal função do hormônio estrógeno está relacionada com o aparecimento das
características sexuais secundárias da mulher, como o desenvolvimento das mamas,
13
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

o alargamento dos quadris, o arredondamento das formas, o amadurecimento dos


órgãos genitais e a promoção do impulso sexual.
A principal função do hormônio progesterona está relacionada com o processo de
reprodução, pois, juntamente com o estrógeno, atua na preparação da parede uterina
para receber o embrião. Esses hormônios são produzidos nos ovários.
6. O hormônio testosterona é produzido nos testículos. Sua principal função está
relacionada com o aparecimento das características sexuais secundárias masculinas,
como barba e pelos corporais, o espessamento das cordas vocais, o desenvolvimento
da musculatura, o amadurecimento dos órgãos sexuais e a promoção do impulso
sexual.

14
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 4

O PERIGO DAS DROGAS

Páginas 28-29

Falar sobre drogas, apesar de ser assunto que permeia o cotidiano dos adolescentes,
requer muito cuidado, pois uma abordagem inadequada pode trazer consequências
indesejadas. Na sala de aula, o tema deve ser trabalhado sob o ponto de vista biológico.
É interessante que se estabeleça um ambiente confiável onde o aluno se sinta seguro
para externar suas ideias e experiências e para fazer uma reflexão sobre o assunto e se
apropriar de subsídios para futuras decisões ou escolhas. Como informações
complementares àquelas trazidas pelos alunos podem constar as seguintes:

1. Droga é toda e qualquer substância, natural ou sintética, que, introduzida no


organismo, modifica suas funções. O termo “droga” tem várias interpretações, mas
comumente suscita a ideia de uma substância proibida, de uso ilegal e nocivo ao
indivíduo, que modifica as suas funções, sensações, humor e comportamento.
2. Não; as drogas têm diferentes origens e causam efeitos diferentes no organismo
humano. Algumas drogas, as chamadas naturais, são obtidas de determinadas
plantas, de animais ou de alguns minerais. São exemplos desse tipo de droga a
cafeína (presente no café), a nicotina (no tabaco), o ópio (na papoula) e o THC –
tetra-hidrocanabiol (na maconha). Outras drogas, as sintéticas, são fabricadas em
laboratório; entre elas, estão as anfetaminas. Quanto aos efeitos, as drogas podem ser
classificadas em três categorias: as estimulantes, as depressoras e as perturbadoras
das atividades mentais.
3. As drogas têm diferentes maneiras de agir no corpo humano:
• as drogas estimulantes aceleram (estimulam) a atividade do sistema nervoso
central (cérebro), que passa então a funcionar mais rapidamente. A pessoa anda mais,
corre mais, dorme menos, fala mais, come menos etc. A cafeína, a cocaína e seus
derivados, as anfetaminas (“bolinhas”) e a metanfetamina (conhecida como “ice” ou
“cristal”) são exemplos de drogas estimulantes;
• as drogas depressoras retardam o funcionamento do organismo, tornando todas
as funções metabólicas mais lentas, diminuem a atividade cerebral e podem dificultar
o processamento das mensagens que são enviadas ao cérebro. As drogas depressoras
15
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

mais conhecidas são o álcool, os soníferos, a heroína, a morfina, a cola de sapateiro,


os remédios ansiolíticos (calmantes) e os antidepressivos (barbitúricos) e seus
derivados;
• as drogas alucinógenas ou perturbadoras das atividades mentais são aquelas
relacionadas à produção de quadros de alucinação ou ilusão, geralmente de natureza
visual. Efeito: o cérebro passa a funcionar fora do seu normal e sua atividade fica
perturbada. São exemplos de drogas alucinógenas o haxixe, a mescalina, a maconha,
a psilocibina (presente em certos cogumelos), o LSD (dietilamida do ácido lisérgico),
o DMT (princípio ativo da mistura do ayahuasca), o MDMA (conhecida por ecstasy)
e os anticolinérgicos naturais (substâncias extraídas de plantas, como o lírio).
4. Existem os dois lados das drogas: há aquelas que vão ser usadas com finalidades
medicinais – como as utilizadas por pessoas que apresentam perturbações do sistema
nervoso –, como os ansiolíticos. As pessoas que têm aids ou diabetes necessitam de
drogas para continuar vivas. Existem também as drogas ilícitas, como a maconha, o
crack e a cocaína, que podem trazer severas consequências para seus usuários.
Porém, o uso indevido ou abusivo de todos os tipos de droga pode causar
dependência física e/ou psíquica.
5. Os motivos que, em geral, levam alguém a provar ou a usar drogas ocasionalmente
incluem, entre outros, os seguintes: recreação; problemas pessoais e sociais; a
influência de amigos; traficantes; a publicidade de fabricantes de drogas lícitas; a
sensação imediata de prazer que as drogas produzem; a facilidade de acesso e
obtenção; o desejo ou a impressão de que elas podem resolver todos os problemas ou
aliviar as ansiedades; a necessidade de ficar acordado ou de dormir profundamente;
emagrecer ou engordar; esquecer ou memorizar; fugir ou enfrentar a realidade;
sentir-se fortalecido; aliviar dores, tensões, angústias ou depressões; aguentar
situações difíceis, privações e carências; encontrar novas sensações e novas
satisfações.
6. As drogas podem der administradas oralmente, aspiradas pelo nariz ou inaladas até os
pulmões (cigarros, cola ou crack). Podem também ser injetadas através da pele, de
uma camada de gordura, de um músculo ou dentro de uma veia (via intravenosa).
7. O uso abusivo das drogas pode causar dano à saúde. O dano pode ser físico (como no
caso de hepatite decorrente da administração de drogas injetáveis) ou mental (por
exemplo, um episódio depressivo secundário a um grande consumo). A consequência
16
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

mais grave do uso de drogas é o vício, ou seja, a dependência física e/ou psicológica.
O uso de drogas pode deixar o jovem vulnerável a comportamentos de risco, como o
sexo sem camisinha, a gravidez precoce, a exposição a DST/aids, a violência urbana,
a violência no trânsito e os atrasos no desenvolvimento físico e intelectual.

Parte I

Páginas 29-30
a) A resposta depende das informações encontradas na pesquisa. Uma resposta
possível: drogas lícitas são substâncias que podem ser produzidas, comercializadas e
consumidas legalmente; algumas são usadas em tratamentos médicos e outras, apesar
de trazerem prejuízos aos órgãos do corpo, são liberadas por lei e aceitas pela
sociedade. É considerada droga lícita qualquer substância que contenha álcool,
nicotina, cafeína, medicamentos sem prescrição médica, anoréticos ou anorexígenos,
anabolizantes e outros.
b) A resposta depende das informações encontradas na pesquisa. Uma resposta
possível: drogas ilícitas são substâncias proibidas de ser produzidas, comercializadas
e consumidas. Em alguns países, determinadas drogas são permitidas, e seu uso é
considerado normal e faz parte da cultura. Tais substâncias podem ser estimulantes,
depressivas ou perturbadoras do sistema nervoso central, o que, perceptivelmente,
altera em grande escala o organismo. São drogas ilícitas a maconha, a cocaína, o
crack, o ecstasy, o LSD, inalantes, a heroína, barbitúricos, a morfina, o skank, o chá
de cogumelo, anfetaminas, o clorofórmio, o ópio e outras.
c) A resposta depende das informações encontradas na pesquisa. Uma resposta
possível: drogas estimulantes são substâncias que atuam nas sinapses nervosas,
acelerando (estimulando) a atividade do sistema nervoso central (cérebro), que passa
a funcionar mais rapidamente. A pessoa, então, anda mais, corre mais, dorme menos,
fala mais, come menos etc. A cafeína, a cocaína, as anfetaminas (“bolinha”), a
metanfetamina (“ice” ou “cristal”) e várias substâncias que são usadas para tirar a
fome (os chamados anoréticos ou inibidores do apetite) são drogas estimulantes.

17
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

d) Resposta pessoal, que depende das informações encontradas na pesquisa. Uma


resposta possível: as drogas depressoras são assim chamadas porque diminuem ou
deprimem a atividade geral do cérebro. Atuam nas sinapses reduzindo a atividade do
sistema nervoso central. O uso de tais substâncias deixa a pessoa sedada, relaxada,
calma. São drogas depressoras o álcool, os medicamentos psicotrópicos calmantes
(tranquilizantes, ansiolíticos e sedativos), os xaropes e outros medicamentos que
contêm codeína (opiáceo), os medicamentos que contêm substâncias barbitúricas
(soníferos ou hipnóticos, anticonvulsivos e analgésicos) e os produtos voláteis, como
o “cheirinho da loló” (lança-perfume) e a cola de sapateiro, que são usados como
inalantes.

Parte II
Páginas 30–31
Com a orientação do professor, o preenchimento da tabela dependerá dos dados
coletados pelos grupos durante a pesquisa e da apresentação para a classe.

Páginas 32-34
1. “[...] que contêm substâncias semelhantes à testosterona – hormônio masculino [...]
as famosas „bombas‟.”
2. Resposta pessoal, que deve incluir que meninos e meninas usam anabolizantes com o
objetivo de desenvolver músculos.
3. Como os anabolizantes contêm substâncias semelhantes ao hormônio masculino – a
testosterona –, provocam efeitos semelhantes no corpo de meninas.
4. O uso indiscriminado de anabolizantes pode provocar derrame, infarto e esterilidade.

18
Gabarito – Caderno do Aluno Ciências 8a série/9º ano – Volume 2

Páginas 34-35
1. O álcool prejudica os reflexos, a coordenação motora, a visão e a capacidade de
realizar julgamentos, favorecendo, dessa forma, a ocorrência de acidentes.
2. Alternativa b.
3. Alternativa a.
4. Alternativa d.
5. Alternativa c.

Páginas 35-39
1. Os cientistas pretendiam pesquisar quais efeitos a visão da pessoa amada desperta no
cérebro de quem a ama e compará-los aos efeitos produzidos pela visão de outras
pessoas.
2.
a) Resposta pessoal.
b) A pessoa é estimulada pela visão da pessoa amada; esse estímulo é conduzido ao
cérebro; são ativadas regiões especiais, que, por sua vez, conseguem estimular a
produção da adrenalina, provocando a sensação de “borboletas no estômago”.
c) Determinadas regiões do cérebro podem ser ativadas pela imagem do rosto da
pessoa amada, respondendo sob a forma de sensações semelhantes a “borboletas no
estômago”.
d) O hormônio adrenalina.
3. Deve ser grifado o seguinte trecho do último parágrafo: “[...] o amor dá barato”.
4. É possível comparar as sensações provocadas pelo amor com as sensações
provocadas pelas drogas porque a euforia causada pela excitação amorosa resulta da
ativação das mesmas regiões do cérebro que são ativadas pela cocaína ou pelos
opioides.

19