P. 1
POP Cuidados de Enfermagem No Preparo

POP Cuidados de Enfermagem No Preparo

|Views: 1.388|Likes:
Publicado porSandra Regina
Página 1 de 3

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP
Código POP 019 Data Emissão MAIO/ 2012 Data de Vigência MAIO / 2012 Próxima Revisão MAIO / 2013 Versão nº

1

Área Emitente: GE - SRCAIADO Assunto:

: CUIDADOS DE ENFERMAGEM NO PREPARO DE MEDICAMENTOS

Objetivo: Consiste no preparo, de acordo com a apresentação e via de administração prescrita, até a introdução de fármacos no organismo humano. A administração de medicamentos a pacientes hospitalizados é uma das maiores responsabilidades do enfer
Página 1 de 3

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP
Código POP 019 Data Emissão MAIO/ 2012 Data de Vigência MAIO / 2012 Próxima Revisão MAIO / 2013 Versão nº

1

Área Emitente: GE - SRCAIADO Assunto:

: CUIDADOS DE ENFERMAGEM NO PREPARO DE MEDICAMENTOS

Objetivo: Consiste no preparo, de acordo com a apresentação e via de administração prescrita, até a introdução de fármacos no organismo humano. A administração de medicamentos a pacientes hospitalizados é uma das maiores responsabilidades do enfer

More info:

Published by: Sandra Regina on May 29, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/03/2013

pdf

text

original

Página 1 de 3

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO POP
Código POP 019 Data Emissão MAIO/ 2012 Data de Vigência MAIO / 2012 Próxima Revisão MAIO / 2013 Versão nº

1

Área Emitente: GE - SRCAIADO Assunto:

: CUIDADOS DE ENFERMAGEM NO PREPARO DE MEDICAMENTOS

Objetivo: Consiste no preparo, de acordo com a apresentação e via de administração prescrita, até a introdução de fármacos no organismo humano. A administração de medicamentos a pacientes hospitalizados é uma das maiores responsabilidades do enfermeiro e sua equipe, pois lhe é outorgada legalmente a competência técnica para planejar a ação de administrar as drogas aos pacientes sob seu cuidado. Devemos seguir sempre: OS CINCOS CERTOS da medicação: Medicamento Certo, Via Certa, Dose Certa, Hora Certa, Paciente Certo. Confira SEMPRE o rótulo da medicação. Nunca confie. Leia você mesmo. Três Leituras certas da medicação: PRIMEIRA LEITURA: Antes de retirar o frasco ou ampola do armário ou carrinho de medicamentos. SEGUNDA LEITURA: Antes de retirar ou aspirar o medicamento do frasco ou ampola. TERCEIRA LEITURA: Antes de recolocar no armário ou desprezar o frasco ou ampola no coletor adequado. Setor: Enfermagem Periodicidade da execução: Sempre que houver prescrição medicamentosa para ser administrada no paciente. Responsável: Enfermeiro, Técnico e Auxiliar de Enfermagem. Indicação: Para administrar a medicação com segurança seguindo todas as normas e técnicas de administração de medicamentos pelas diferentes vias. Para se obter o efeito terapêutico desejado. Todo profissional de enfermagem para administrar um medicamento deve conhecer seu principio ativo, dose usual, via de administração, ações principais, efeitos colaterais, contra indicações e possíveis cuidados de enfermagem antes, durante e depois da administração do medicamento. Pré-requisito(s)- Material Ficha única do paciente com a prescrição do medicamento • Copo descartável • Canudo • Agulhas de números variados, adequados para aspirar a medicação e para administrar a medicação;

Procedimento: 1- Lavar as mãos antes de todos os procedimentos envolvidos no preparo de medicamentos 2- Todo medicamento deverá estar escrito de forma legível (CRM), assinado e carimbado pelo médico; 3- Identificar o paciente, número do leito, nome da medicação, a via de administração, a dose a ser administrado, e o horário. 4- Nunca administrar medicamento sem rótulo 5- Sempre verificar a data de validade do medicamento 6- NUNCA administrar medicamentos preparados por outras pessoas; 7- Interar-se sobre as diversas drogas, para conhecer cuidados específicos e efeitos colaterais; 8- Checar a medicação na ficha única somente após aplicação ou ingestão do medicamento; 9- Tendo dúvidas sobre o medicamento, não administrá-lo e procurar esclarecimentos; 10- Caso não seja administrado o medicamento, rodelar o horário, justificar na anotação de enfermagem e comunicar a enfermeira(o) o motivo pelo qual não foi administrado, para devidas providências.; e descrever em anotação de enfermagem o motivo, de forma clara, 11- Certificar-se sobre a prescrição médica e de enfermagem: controle hídrico, dietas, jejum, suspensão de medicamentos antes de prepará-los. 12- Todos os produtos fotossensíveis deverão ser protegidos da luz durante a sua infusão, para tanto, deve ser utilizado o equipo fotossensível apropriado; 13- Antes de administrar qualquer medicamento, assegure-se de que ele está na temperatura ambiente. Se durante a reconstituição, diluição e administração dos medicamentos, observar qualquer mudança de coloração e formação de precipitado ou cristais, interrompa o processo e comunique ao enfermeiro plantonista que notificará a farmácia. 14- Medicamentos amargos podem ser diluídos na água, diminui-se o amargor colocandose gelo na boca antes e depois da medicação, caso não tenha contra indicação. 15- Certifique-se do tipo de diluente recomendado, verificando se é adequado ao medicamento, 16- Medicamentos incompatíveis não devem ser misturados entre si ou em solução, devendo ser evitada a administração simultânea no mesmo horário ou via. 17- Caso seja necessária a administração simultânea de dois medicamentos injetáveis, intravenoso, prepare cada um separadamente, e entre a administração do primeiro medicamento e do segundo, administre 10 a 20 ml de água destilada. 18- Em pediatria e neonatologia o volume utilizado entre duas medicações intravenosas deverá ser administrado segundo orientação médico/enfermeira. 19- Não é recomendável a administração simultânea de qualquer medicamento com hemoderivados e hemocomponentes; 20- Quando o medicamento for administrado pela via IM não realize a mistura de medicamentos na mesma via 21- Após a diluição, alguns medicamentos podem ser guardados para serem utilizados posteriormente, nestes casos, identifique corretamente o frasco do medicamento com nome da medicação, data e hora da diluição, volume, diluente utilizado e nome do responsável pela diluição. Acondicione-o corretamente, conforme indicações do fabricante. 22- NUNCA administre um medicamento previamente diluído sem certificar-se de que este ainda está dentro do período de validade da sua diluição ou reconstituição, e que

contém todas as informações sobre sua diluição escritas na etiqueta de identificação. 23- Não utilize agulhas como respiros em frascos de soro ou de soluções, pois esta prática leva à contaminação da solução. 24- Medicação injetável com determinado volume por hora deverá ser administrada por Bomba Infusora.

PROCEDIMENTO OPERACIONAL PADRÃO - POP Código POP – 019 Data Emissão MAIO / 2012 Data de Vigência MAIO/ 2012 Próxima Revisão MAIO/ 2013

Página 3 de 3 Versão nº

1

Gerencia de Enfermagem SRCAIADO Assunto: CUIDADOS

DE ENFERMAGEM NO PREPARO DE MEDICAMENTOS

CUIDADOS DE ENFERMAGEM NO PREPARO DE MEDICAMENTOS
Responsabilidades

Responsáveis Nome(s)
Dra Sandra Regina Caiado

Data Visto(s)

Cargo(s)
Gerente

Elaboração

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->