Você está na página 1de 2

...

interrompe a fala de uma NÃO


ADIANTA
@evolucaocursos
mulher; /adapteseasmudancas
... priva sua namorada de Coletvo

DAR
ter amigos; CORAÇÕES
SELVAGENS
... acredita que mulher @coracoesselvagens
merece ser agredida; /coletivocoracoesselvagens

... puxa o cabelo ou o braço


de mulheres em festas; FLORES
... divulga fotos íntimas de
mulheres entre os amigos; NO DIA 8
DE
... acha que as obrigações
domésticas são apenas da

MARÇO
mulher;
... concorda que as mulheres

SE, NOS
devem ganhar um salário
inferior ao dos homens;

Entre outras atitudes


machistas e desrespeitosas OUTROS
naturalizadas no cotidiano
que machucam, inferiorizam DIAS,
VOCÊ...
e diminuem as mulheres.
POR MAYNARA FANUCCI UM POUCO DE HISTÓRIA
Segundo especialistas do Ipea, um dos componentes que
“Pra quem não sabe, o Dia Internacional da Mulher O movimento feminista possibilitou ainda que, em 1934, o explica a diferença de rendimentos entre homens e mulheres é
Brasil elegesse Carlota Pereira Queiróz como sua primeira o fato de elas ocuparem espaços menos valorizados..
surgiu com as manifestações das mulheres russas
deputada. Naquele mesmo ano, a Assembleia Constituinte Não é possível entender a dificuldade das mulheres de entrar
por melhores condições de vida e trabalho, que
assegurava o princípio de igualdade entre os sexos, o direito ao no mercado de trabalho sem pensar que, via de regra, no Brasil,
também se impuseram contra a entrada da Rússia voto, a regulamentação do trabalho feminino e a equiparação recai sobre elas toda a atribuição do trabalho reprodutivo, que
czarista na Primeira Guerra Mundial. Porém, nos salarial entre os gêneros. inclui os afazeres domésticos não remunerados e os cuidados
países ocidentais, a data foi esquecida por muito Nos anos 1980, as feministas embarcam na luta contra a com a família, uma sobrecarga que dificulta a evolução nos
violência às mulheres. Em 1985, é criado o Conselho Nacional ambientes profissionais. De acordo com o Instituto Brasileiro
tempo e só foi trazida de volta pelo movimento
dos Direitos da Mulher (CNDM), subordinado ao Ministério da de Geografia e Estatística (IBGE), em 2014, 90,7% das
feminista em meados da década de 60. Hoje, a Justiça, com o objetivo de eliminar a discriminação e aumentar mulheres ocupadas realizavam afazeres domésticos e de
celebração se perdeu da sua verdadeira raiz, a participação feminina nas atividades políticas, econômicas e cuidados – entre os homens, esse percentual era 51,3%.
tornando-se uma data meramente festiva e culturais. Atualmente, as ações, campanhas e políticas Além disso, apesar de o Brasil ter elegido uma mulher para
comercial. Sem pretensão nenhuma de trazer a públicas voltadas ao público feminino no País estão sob os Presidência da República, os cargos eletivos e os partidos
cuidados da Secretaria Especial de Políticas para Mulheres. políticos ainda são dominados por homens. O Brasil está na
memória das operárias grevistas do 8 de março de
A Lei do Feminicídio, por exemplo, sancionada em 2015, posição 154 em um ranking da União Inter Parlamentar (Inter-
1917, que lutaram por melhores condições de vida colocou a morte de mulheres no rol de crimes hediondos e Parliament Union (IPU)) que avaliou a participação das
e de trabalho, as pessoas costumam distribuir diminuiu a tolerância nesses casos. Mas, talvez, a mais mulheres nas casas legislativas de 191 países.
“parabéns” e rosas vermelhas entre as mulheres. conhecida das ações de proteção às vítimas seja a Lei Maria da
Mas eu deixo aqui uma campanha: Penha. Fonte: http://www.brasil.gov.br/cidadania-e-
O movimento feminista brasileiro pode contar com os esforços justica/2017/03/conheca-as-principais-lutas-e-conquistas-das-
da Secretaria de Políticas das Mulheres, que atua não apenas mulheres e http://www.ebc.com.br/mulherbrasileira
Não quero flores. Quero respeito. Quero equidade. pela redução da desigualdade dos gêneros, mas também a fim
Quero direitos que foram tolhidos durante a de ajudar na redução da miséria e de pobreza para, assim,
desumanização histórica da mulher pelo garantir a autonomia econômica das brasileiras.
Apesar dos avanços, contudo, as brasileiras ainda precisam
patriarcado.
encarar problemas como as desigualdades salariais, a pouca
representatividade política e a violência. Um dos principais
LIBERDADE É
POUCO. O QUE EU
E, pra quem ainda acha que não precisa do obstáculos a ser superado é a desigualdade no mercado de
feminismo, basta olhar à sua volta com um trabalho. Apesar de estudarem mais que os homens, elas
pouquinho de vontade de enxergar mesmo para
perceber a realidade em que se vive”.
encontram uma série de barreiras no ambiente profissional.
Segundo estudo da Organização para Cooperação do DESEJO AINDA
Desenvolvimento Econômico (OCDE), o salário médio de uma
mulher brasileira com educação superior representa 62% do de NÃO TEM NOME”
um homem com a mesma escolaridade. De acordo com o Ipea,
a renda média dos homens brasileiros, em 2014, chegava a R$ CLARICE LISPECTOR
1.831,30. Entre as mulheres brancas, a renda média
correspondia a 70,4% do salário deles: R$ 1.288,50. Já entre as
mulheres negras, a média salarial era R$ 945,90