Você está na página 1de 4

UNIVERSIDADE DE UBERABA

CURSOS DE ENGENHARIAS E TECNOLOGIAS


Estudos Lógicos Matemáticos II – Professora.: Meireane Alves da Costa

PRODUTO VETORIAL

Diferente do Produto Escalar, o Exemplo 1:


Produto Vetorial de dois vetores Calcule u × v e v × u sendo u = 5i + 4 j + 3k e v = i + k .
resulta em um vetor ortogonal
aos outros dois e só é definido Exemplo 2
no espaço tridimensional.
Determine o vetor v do 3 que satisfaça as seguintes condições:
• Definição:

Se u = u1,u2,u3 e v = v1, v2,v3 forem vetores no espaço

tridimensional então o produto vetorial u × v é o vetor definido por:


• Propriedades algébricas do Produto Vetorial
u2 u3 u1 u3 u1 u2
u×v = i− j+ k Sejam u, v e w vetores em ℜ3 e “a” um escalar:
v2 v3 v1 v3 v1 v2
a) u × v = − ( v × u )
Temos ainda que pode ser escrita como um determinante de 3ª
ordem, basta lembrar da regra de Sarrus; portanto, o produto b) u × ( v + w ) = ( u × v ) + ( u × w )

vetorial fica: c) ( u + v ) × w = ( u × w ) + ( v × w )
i j k
d) a ( u × v ) = ( au ) × v = u × ( av )
u × v = u1 u2 u3
v1 v2 v3 e) u × 0 = 0 × u = 0
f) u × u = 0
Ou de modo equivalente:
u × v = ( u2 v3 − u3v2 ) i − ( u1v3 − u3v1 ) j + ( u1v2 − u2v1 ) k

1/4
UNIVERSIDADE DE UBERABA
CURSOS DE ENGENHARIAS E TECNOLOGIAS
Estudos Lógicos Matemáticos II – Professora.: Meireane Alves da Costa
• Propriedades geométricas do Produto Vetorial A = b.h
h r r
Sejam u e v vetores em ℜ3 , então: senθ = r ⇒ h =
v
v senθ v h
a) u ⋅ (u × v ) = 0 → ( u × v ) é ortogonal a u
r r θ
A = b.h ⇒ A = u v senθ
b) v ⋅ (u × v ) = 0 → ( u × v ) é ortogonal a v r
Ou seja ( u × v ) é simultaneamente ortogonal a u e v.
u
Logo: a área A do paralelogramo que tem u e v como lados
r r
Exemplo 3: Mostre u×v é ortogonal a u e a v sendo adjacentes é:
r r
u = 5i + 4 j + 3k e v = i + k . A = u×v .

u × v = u v senθ
• O Produto Vetorial como área do paralelogramo
Exemplo 4:
O produto vetorial pode também ser utilizado para calcular a normal r r
Dados os vetores u = (1, −1,1) e v = (2, −3, 4) , calcule:
de um triângulo ou outro polígono, o que é importante no ramo da
r r
computação gráfica e do desenvolvimento de jogos eletrônicos, para a) a área do paralelogramo determinado por u e v .
permitir efeitos que simulam iluminação, dentre outros. b) a altura do paralelogramo relativo à base definida pelo vetor
r
u.
Sejam u e v vetores não-nulos de ℜ3 , e seja θ o ângulo entre
esses vetores quando estiverem posicionados de tal forma que os
Exemplo 5: Seja um triângulo equilátero ABC de lado 10cm. Calcule
seus pontos iniciais coincidam. uuur uuur
AB × AC .

Exemplo 6:

2/4
UNIVERSIDADE DE UBERABA
CURSOS DE ENGENHARIAS E TECNOLOGIAS
Estudos Lógicos Matemáticos II – Professora.: Meireane Alves da Costa
r r
Dados os vetores u = ( 2,1, −1) e v = (1, −1, a ) , calcular o valor de “a”

para que a área do paralelogramo determinado por u e v seja igual a

62 . Segue que:

Exemplo 7:
r r
Sejam os vetores u = (1, −1, −4 ) e v = (3, 2, −2) . Determinar um
vetor que seja:
a) ortogonal a u e v.
b) ortogonal a u e v e unitário.
c) ortogonal a u e v e tenha módulo 4. Exemplo 1: Calcule o produto misto dos vetores
r r ur
u = 2i + 3 j + 5k , v = −i + 3 j + 3k e w = 4i − 3 j + 2k .

Produto Misto Propriedades geométricas


Dados três vetores em ℜ3 , u, v e w, tal que:

Pela definição de Produto Vetorial, sabemos que:

Então, aplicando o produto escalar:

3/4
UNIVERSIDADE DE UBERABA
CURSOS DE ENGENHARIAS E TECNOLOGIAS
Estudos Lógicos Matemáticos II – Professora.: Meireane Alves da Costa
Teorema: Sejam u, v e w vetores não nulos em ℜ3 . Exemplo 2:

a) O volume V do paralelepípedo que tem u, v e w como Determine o volume do paralelepípedo formado pelos vetores
r r ur
arestas adjacentes é: u = 2i, v = 3 j e w = 5k .

V = u ⋅ (v × w ) ou V = u , v, w
Exemplo 3:
uuur uuur uuur
b) u ⋅ (v × w) = 0 se, e somente se u, v e w estiverem situados Determine o volume da caixa de lados adjacentes AB, AC e AD ,
no mesmo plano (coplanares). sendo A ( 2,1, −1) ; B ( 3, 0, 2 ) ; C ( 4, −2,1) e D ( 5, −3, 0 ) .

Volume do Tetraedro
Exemplo 4:
Sejam A, B, C e D pontos não-coplanares. Portanto, os vetores
uuur uuur uuur Determine o valor de k para que o pontos A(1, 0, 3), B(-1, 2, 1), C(4,
AB, AC e AD também são não-coplanares. Em conseqüência,
0, -2) e D(k, 1, 1) sejam coplanares.
estes vetores determinam um paralelepípedo cujo volume é:

1 uuur uuur uuur


V=
6
(
AB, AC , AD )

4/4