Você está na página 1de 11

RECRUTAMENTO E SELEÇÃO

Adriana Soares Marcos Ribeiro1


Inglisson Carlos Amorim Melo2
Karla Safira Rocha do Nascimento3
Ricardo Moura Matos4
Rafaella da Costa dos Santos Almeida5

RESUMO

O presente paper busca analisar e discutir a respeito do recrutamento de pessoas, salientando


conceitos e características principais. Vale dizer que se destina também a esclarecer que o
recrutamento consiste numa das principais etapas para a contratação de pessoal nas empresas, é
necessários para o processo de provisão, na medida em que não é condicionado por normas,
tampouco por rotinas de trabalho que provocam rigidez e inflexibilidade nas escolhas. A par disso,
o recrutamento de pessoas se faz necessário para a verificação de um sistema ágil e eficaz na
contratação de pessoal. Pois bem o recrutamento parte do pressuposto de uma atividade de
chamada de pessoal. Sendo assim, o recrutamento, mesmo partindo de uma abordagem
diferenciada nas escolhas, se baseiam na tentativa de resolver os problemas relacionados com a
pouca capacidade e com a falta de características específicas do pessoal no trabalho.

Palavras-chave: Pessoal. Recrutamento. Trabalho.

1. INTRODUÇÃO

O objetivo da gestão de recursos humanos é assegurar que a organização possa atingir seus
objetivos pela utilização adequada da força de trabalho. Portanto, as organizações necessitam não
somente de um pessoal qualificado, mas também de sistemas eficientes, eficazes e recursos
financeiros.
É importante ressaltar que recrutar colaboradores para a empresa envolve etapas muito
complexas e precisam estar alinhados com a cultura organizacional. O desenvolvimento da
organização requer que a mesma possua um ambiente de trabalho compatível com seus sistemas
operacionais e disponibilidade de recursos financeiros.

1
Graduanda do Curso Tecnólogo em Ensino Superior em Gestão de Recursos Humanos na UNIASSELVI, no Polo de
apoio presencial Athena 1, São Luís, MA, adryanamarcosrib@gmail.com.
2
Graduando do Curso Tecnólogo em Ensino Superior em Gestão de Recursos Humanos na UNIASSELVI, no Polo de
apoio presencial Athena 1, São Luís, MA, inglissoncarlos@gmail.com.
3
Graduanda do Curso Tecnólogo em Ensino Superior em Gestão de Recursos Humanos na UNIASSELVI, no Polo de
apoio presencial Athena 1, São Luís, MA, karlasafira.enzo@gmail.com.
4
Graduando do Curso Tecnólogo em Ensino Superior em Gestão de Recursos Humanos na UNIASSELVI, no Polo de
apoio presencial Athena 1, São Luís, MA, ricardoebserh@gmail.com.
5
Tutora externa na UNIASSELVI, no Polo de Apoio Presencial Athena 1, São Luís, MA,
rafaella.almeida@uniasselvi.edu.br.
Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI – Polo de Apoio Presencial Athena 1, São Luís, MA, Turma
RHU0403, Seminário Interdisciplinar da Prática III, 27/06/2018.
2

Dentre vários ramos que possui a área de Recursos Humanos, o recrutamento é primordial
para uma boa gestão empresarial, pois deve estar em harmonia com todo o Recurso Humano por se
tratar de um dos primeiros passos para entrada de novos colaboradores na organização.
Por meio de uma pesquisa aplicada o objetivo deste paper é compreender o recrutamento
como forma de garantia de melhores resultados para a organização. Os objetivos deste paper é
mostrar as diversas formas de recrutamento dentro das organizações. Os materiais utilizados foram
pesquisas através de livros e sites voltados para recrutamento e seleção onde pudemos tirar vários
assuntos voltados para o trabalho.
Queremos através de este paper mostrar que o recrutamento não é apenas analisar currículos
para uma seleção e sim que este possui varias etapas para seleção de um candidato que esteja
realmente apto para a vaga a qual a organização disponibilizou. Veremos neste paper o conceito de
recrutamento, a diferença entre recrutamento e seleção, o papel do recrutamento, as melhores
ferramentas para recrutamento, tipos de recrutamento os pós e contra, principais técnicas de
recrutamento, profissionais da área de recrutamento e avaliação de resultados do recrutamento.

2. CONCEITO DE RECRUTAMENTO

Pessoas e organizações convivem em um constante e interminável processo dialético. As


pessoas e as organizações estão engajadas em um contínuo e interativo processo de atrair uns aos
outros. Da mesma forma como os indivíduos atraem e selecionam as organizações, informando-se e
formando opiniões a respeito delas, as organizações procuram atrair indivíduos e obter informações
a respeito deles para decidir sobre o interesse de admiti-los ou não.
É método utilizado pelas organizações com a finalidade de divulgar e atrair candidatos que
sejam qualificados e aptos a participar do processo de seleção, com vistas a suprir as demandas de
pessoal e tornarem-se novos integrantes da organização.
De acordo com Ribeiro (2006, p.96) recrutamento “é um sistema de informações, que visa
atrair candidatos potencialmente qualificados, dos quais serão selecionados futuros funcionários da
organização”.
Segundo Toledo (1989, p.163) ao recrutarmos devemos ter em mente que estamos
agregando um novo potencial humano na empresa, e não somente tentando preencher uma vaga.
Dentro das possibilidades financeiras e econômicas da empresa devemos utilizar qualquer
recrutamento como uma oportunidade de reforçar o potencial (reserva) humano da organização.
A função do recrutamento é a de suprir a seleção de pessoal com matéria-prima básica para
seu funcionamento adequado.
3

O recrutamento é feito com base nos dados referentes às necessidades presentes e futuras de
recursos humanos da organização e consiste nas atividades relacionadas com a pesquisa e
intervenção sobre fontes capazes de fornecer à organização um número suficiente de candidatos,
entre os quais, possivelmente, aqueles necessários à organização para consecução de seus objetivos.
As organizações buscam recursos em seus ambientes, entre os quais pessoas capazes de
oferecer talentos e competências necessários ao sucesso organizacional.

3. A DIFERENÇA ENTRE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO

Enquanto o recrutamento é o método técnico de exposição e atração para candidatos


qualificados às vagas ofertadas. Fica o processo de Seleção com a incumbência de filtrar e escolher
dentre a lista de candidatos recrutados, aqueles que se destaquem dos demais candidatos e
apresentem as melhores características desejadas ao cargo, e que possam contribuir para um melhor
desempenho da organização.
A seleção para Ribeiro (2006, p. 52) representa “[...] a escolha certa para o cargo certo, ou
seja, a escolha, entre os candidatos recrutados, dos mais adequados aos cargos existentes, com o
objetivo de manter ou aumentar, tanto a produtividade quanto os resultados.”

4. O PAPEL DA ÁREA DE RECRUTAMENTO

O recrutamento funciona como uma comunicação entre o mercado de trabalho e o RH.


Segundo Chiavenato (2004, p. 102), o recrutamento tem como papel “divulgar no mercado as
oportunidades que a organização pretende oferecer para as pessoas que possuam determinadas
características desejadas.” Devido à necessidade de sempre buscar candidatos capacitados para vaga
existentes e uma organização o Recursos Humanos adere ao processo de Recrutamento, onde é
identificado o perfil ideal para a vaga e aberto.
É de extrema importância que o processo seja bem elaborado que possua muitos candidatos
para que se possa disponibilizar muitas e boas opções. O Recrutamento exige preparo para ambos
os lados, por se tratar de um momento que propõe desafios, onde se buscar conhecimento,
habilidades, maturidade e grande preparo profissional.
Com o grande número de concorrência entre as empresas, torna-se cada vez mais importante
o planejamento de um setor de recrutamento bem qualificado, pois quando são utilizados métodos
eficazes e uma contratação a organização passa atingir os lucros e objetivos planejados, pois não
haverá mais desperdícios com recursos e pessoal não capacitados.
4

O papel principal do Recrutamento é atrair candidatos com características e habilidades


adequadas para preencher a vagas e aberto.

5. PROFISSIONAIS DA ÁREA DE RECRUTAMENTO

Atualmente o setor de RH tem ganhado cada vez mais espaço dentro das organizações, isso
exige que seus profissionais se capacitem para as inúmeras possibilidades de atuação. Dentre elas
abordaremos o setor de recrutamento, fundamental para qualquer empresa já que tem a
responsabilidade de contratar os melhores profissionais.
No quadro abaixo apontamos as principais características do Analista de Recrutamento:
QUADRO1 – Características do Analista de Recrutamento
 Cuidar de todo o processo de escolha de
funcionários;
FUNÇÃO  convocação de candidatos;
 entrevistas individuais e coletivas...
 Estudo do perfil do candidato de acordo com o
cargo;
MODO  planejamento, triagem
 técnicas de recrutamento,
 busca de currículo.
 Realizar controle de vagas em aberto;
 efetuar o acompanhamento do processo seletivo
junto ao requisitante da vaga;
 Selecionar currículos;
 Convocar candidatos para entrevistas
A RESPONSABILIDADE  Aplicação de testes psicológicos e/ou
operacionais, dinâmicas em grupo...
 Da um retorno sobre o resultado do recrutamento
aos candidatos, esse feedback pode ser positivo
ou negativo, que pode ser feito por e-mail por
exemplo.
Fonte: <https://www.infojobs.com.br/artigos/Analista_de_Recrutamento_e_Seleção__2471.aspx> .Acesso em:18/05/2018.

6. PRINCIPAIS TECNICAS DE RECRUTAMENTO

Essa fonte de recrutamento necessita captar candidatos no mercado para suprir as


necessidades internas, sendo que, dependendo de algumas vagas ou tipo de processo seletivo,
demandam um tempo necessário de acordo com o cargo pretendido. O custo influencia também
nessa modalidade de recrutamento, pois as vagas precisam ser divulgadas fora da empresa.
Para Chiavenato (2004, p.116) as principais técnicas de recrutamento são varias as técnicas
disponíveis, cada uma com suas características e publico específicos.
Listamos a seguir 5 técnicas mais usadas ultimamente:
5

Figura 1 – Técnicas de Recrutamento

Divulgação na
Divulgação em
Internet
Jornais
5 Técnicas de
Recrutamento

Contratação Arquivo de
de currículos
funcionários (Banco)
internos Indicação de
Funcionários

 Divulgação em jornais
Umas das técnicas mais tradicionais e comuns alcança um alto número de possíveis
candidatos. Mas por acarretar custos à empresa esta forma perdendo espaço para a
divulgação na internet
 Divulgação na internet
De forma rápida e objetiva o anuncio de vagas virtualmente apresenta retorno
positivo as empresas, baixo custo, é feita através das redes sociais, sites, blogs...
 Contratação de funcionários interno
Algumas vezes uma vaga de emprego nem chega a ser publicado, o recrutamento
interno é feito para preencher a vaga. O funcionário pode ser promovido ou pode
ocorrer um processo seletivo entre funcionários aptos a preencher a vaga disponível.
 Arquivos de currículos
É uma ferramenta eficaz no processo de recrutamento, os curriculos são entregues
impressos diretamente nas empresas, enviados por e-mail ou cadastro pelo site da
empresa por meio de formulário padrão.
O banco de curriculos deve ser organizado, atualizado e permitir separar os
curriculos por categorias;
 Indicação do funcionário
Os funcionários apresentam candidatos capacitados a ocupar a vaga disponível
cumprindo o edital aberto pela empresa. Os candidatos passam por todo o processo
seletivo previamente elaborado pelo analista de recrutamento. Essa é uma técnica de
6

recrutamento que traz um baixo custo a empresa já que são seus colaboradores que
indicam os candidatos não há necessidade de investimento em divulgação da vaga a
ser preenchida.

7. TIPOS DE RECRUTAMENTO

O mercado competitivo originou nas empresas a necessidades de realizar cada vez mais
contratações acertadas, rápidas e econômicas. Com isso, o processo se modificou nos últimos
tempos fazendo com que, atualmente existam diversos tipos de recrutamento.
O processo de recrutamento é uma das funções mais importantes em uma empresa, pois
representa o começo de toda relação estabelecida no ambiente de trabalho. Além disso, sabendo-se
da importância do capital humano para os resultados dos negócios, um excelente processo de
contratação pode garantir vantagem competitiva para a empresa.
De acordo com Aires (2007) há quatro tipos de recrutamento: recrutamento interno,
recrutamento externo, recrutamento misto e recrutamento on-line. Nota-se Chiavenato (2009) inclui
o recrutamento on-line (ou site da empresa) no recrutamento externo. Determinadas fontes de
recrutamento são mais eficazes que outras para preencher determinado tipo de cargo. Cada um
destes tipos de recrutamento apresenta vantagens e desvantagens, cabendo ao gestor e a área de
Recursos Humanos, analisarem o que é melhor para a empresa, fazer com que as organizações
compreendam que não basta apenas definir um perfil e selecionar, mas fazer uma reflexão sobre o
tipo de profissional que se busca que se deseja para a empresa e decidir qual o tipo mais efetivo
para a escolha do candidato a ocupar a vaga.
Veremos abaixo cada tipo de recrutamento assim como suas vantagens e desvantagens:

 Recrutamento Interno: é o recrutamento realizado dentro da própria empresa, com a


entrevista aos funcionários disposto a mudarem de cargos ou subirem de posto com
novas tarefas e desafios.
QUADRO 2 – Vantagens e Desvantagens do Recrutamento Interno.
Vantagens Desvantagens
 Como os candidatos serão alguns de seus próprios
 É muito mais barato e mais rápido recrutar os funcionários, o números de interessados será bem
funcionários que já fazem parte da empresa e que menor do eu se fosse um recrutamento externo,
já conhece; aberto a qualquer profissional, o que diminui as
suas possibilidades de encontrar a pessoa ideal;
 São pessoas já familiarizadas com o negocio e  Ao preencher uma vaga com um funcionário que já
como é seu funcionamento e, por mais que faz parte da empresa você perde a oportunidade de
7

passem a realizar outras funções, já terão meio renovar e ter um profissional com ideias novas;
caminho andado, pois não será necessário que
passe pela fase de adaptação;
 É motivador, pois oferece oportunidades de
promoção. Ao saber que têm a chance de irem
 Os funcionários que não forem escolhidos na
para cargos mais elevados e, consequentemente,
seleção podem acabar se sentindo desmotivados e,
com um maior salário os funcionários passam a
até mesmo injustiçados;
se empenhar ainda mais para alcançar seus
objetivos;
 A empresa já conhece os pontos fortes e fracos  Ao promover um funcionário para um novo cargo,
de cada candidato e, por isso, as chances de você acaba deixando a função dele e aberto e,
selecionar um profissional que é perfeito para a então, precisará selecionar outra pessoa para
vaga são muito maiores; preencher a vaga.
 Já existe um entrosamento entre os candidatos e
os restantes da equipe.
Fonte: Os autores

 Recrutamento Externo: consiste em atrair candidatos fora da empresa, no mercado de


trabalho, com características especificas e com experiências e visões uteis para o
trabalho.
QUADRO 3 – Vantagens e Desvantagens do Recrutamento Externo

Vantagens Desvantagens
 Ao contratar pessoas de fora você têm grandes
 É um processo mais logo, já que terá etapas que
chances de completar seu quadro de funcionários
começa com a divulgação da vaga passando pela
com profissional cheios de novas ideias,
seleção de currículos, entrevista, testes entre
motivações e experiências diferentes adquiridas
outros:
em outras empresas;
 O recrutamento externo possibilita um maior
 Se for realizado por meio de uma agência de
número de candidatos, o que faz com que você
emprego é um processo que ira gerar custo para
tenha muito mais opções e chances de encontrar
empresa;
o colaborador ideal;
 O candidato escolhido precisará passar por um
 Os candidatos que surgirem virão com uma
processo de adaptação, treinamento para
bagagem de conhecimento e experiências
conhecer melhor sua nova função, aprender o
bastante diversificadas, o que poderá agregar
funcionamento dos recursos usados pela
valor à sua equipe.
empresa, entr outros pontos importantes;
 O processo de seleção, por mais completo que
seja, pode não ser suficientemente eficaz para
revelar o melhor candidato. Já que o contato que
se tem com cada um dura, no máximo, algumas
8

horas, o que é pouco se comparado com o sobre


os funcionários que já trabalham na empresa.
Fonte: Os autores

 Recrutamento Misto: estabelece uma ponte entre o recrutamento interno e externo,


procurando candidatos dentro e fora da empresa, com a divulgação interna e externa
da vaga pelos meios mais apropriados. Apesar de todos os candidatos terem as
mesmas chances, normalmente começa-se pelos candidatos internos e em seguida
pelos candidatos externos.
QUADRO 4 – Vantagens e Desvantagens do Recrutamento Misto
Vantagens Desvantagens
 Flexibilidade de cenários de recrutamento;  Custo do recrutamento e seleção
 Variedade de candidatos
Fonte: Os autores

 Recrutamento online: é o recrutamento realizado via eletrônica, pelo internet. Pode-


se recorrer a sites de anúncios para divulgar a oferta, ou efetuar o recrutamento
diretamente no site da empresa, por intermédio de teste eliminatório e de
candidaturas espontâneas de candidatos.

Neste tipo de recrutamento é possível realizar entrevistas por ferramentas informáticas


como Skype, Messenger ou Whatssap.
Quadro 5 – Vantagens e Desvantagens do Recrutamento Online
Vantagens Desvantagens
 Redução de custo no processo  Muitas candidaturas
 Sem necessidade de recorrer a empresas de  Seleção menos criteriosa
recrutamento
 Rapidez do processo
Fonte: Os autores

8. AVALIAÇÃO DE RESULTADOS DO RECRUTAMENTO

O recrutamento não é uma atividade que possa ser isolada da estratégia da empresa. Como
os negócios mudam e surgem novas funções a cada dia, torna-se imprescindível contar com pessoas
flexíveis, capazes de adaptar-se a essas mudanças constantes. O desafio principal do recrutamento é
agregar valor à organização e às pessoas. Como toda e qualquer atividade o recrutamento deve
proporcionar resultados para ambas as partes.
9

Avaliação de resultados é importante para aferir se o recrutamento esta realmente sendo


cumprindo a sua função e a que custo. A qualidade do processo de recrutamento agrega valores à
organização e às pessoas, pois o sucesso dos esforços direcionados às ações de recrutamento é
alcançado quando os próprios recrutadores são selecionados e devidamente treinados.
Sabe-se que os recrutadores são causadores de profundas impressões, sejam elas boas ou
ruins. Por esse motivo o responsável pelo recrutamento precisa ter plena ciência do que o cargo
exige e o que buscar nos candidatos.
É de conhecimento do recrutador que existe uma infinidade de práticas que podem se
aplicadas na avaliação dos candidatos. Tais práticas podem ser aplicadas em testes, dinâmicas de
grupos e técnicas para uma entrevista estruturada.
Tem-se como resultado positivo quando os lucros e objetivos são alcançados após todo o
processo de recrutamento.

9. MATERIAIS E MÉTODO

A metodologia utilizada no estudo foi à pesquisa bibliográfica, na qual foram utilizados


alguns estudos abordando a temática “recrutamento e seleção”, como o da autor CHIAVENATO
(20004) que produziu o livro com o seguinte tema: Gestão de Pessoas: e o Novo Papel dos Recurso
Humanos nas Organizações com o objetivo de oferecer um projeto com planejamento de recursos
humanos e escolha de técnicas de recrutamento e seleção. Os autores Baylão e Rocha (2014)
falaram sobre a importância do processo de recrutamento e seleção de pessoal na organização
empresarial; com o objetivo de ressaltar o benefício da utilização dos Processos de Recrutamento e
Seleção.
Assim, a pesquisa elaborada possui suma importância na área de Recursos Humanos,
responsáveis pelo processo de recrutamento e seleção, que possui grande relevância para que a
empresa tenha um bom desenvolvimento e consiga atrair bons candidatos e selecionar os melhores.
Uma vez que estes profissionais precisam possuir conhecimento sobre tal processo. Diante
disso, o presente paper tem por objetivo, apontar diferentes métodos e técnicas que podem ser
utilizadas, pelos profissionais de Recursos Humanos, nos processos de recrutamento.

10. RESULTADOS E DISCUSSÃO

Diante do exposto, ficou claro que o recrutamento de pessoas tem como objetivo a
obtenção de êxito na organização em sua atividade administrativa e que consiga contratar pessoas
altamente qualificadas para os cargos disponíveis. Sendo assim, ficou demonstrado a sua
10

importância em tempos onde a concorrência mostra-se um meio em que a própria organização


poderá se utilizar a seu bel-prazer.
O recrutamento, que consiste numa etapa anterior à seleção de pessoas, é um meio de
captação de futuros profissionais que estarão ligados à organização e que, juntamente com a seleção
de pessoas, esta se utilizando da matéria-prima já captada (pessoas), são primordiais para que a
empresa tenha respaldo na produtividade e bem estar dos profissionais ligados a ela.
Portanto, o sucesso empresarial depende de como haverá a realização do recrutamento por
parte dos recursos humanos. O processo a ser utilizado depende da melhor escolha a ser feita para o
preenchimento do cargo, lembrando que as pessoas têm que ser capacitadas especificadamente para
a realização das atividades, em respeito aos cargos ocupados.

11. CONCLUSÃO

O Departamento de Recurso Humanos, através do processo de recrutamento, tem que


facilitar os mecanismos de inovação, motivação e desenvolvimento na empresa, ele tem que ser
visto como um negócio composto de produtos, mercado e tecnologia visando retorno sobre
investimento realizado, tornando o processo chave como cultura, clima e gestão levando os
colaboradores a se tornarem mais criativos, flexíveis, questionadores e questionáveis.
Através do recrutamento que o Recursos Humanos fica mais próximo da organização,
conhecendo a negócios, as decisões estratégicas da organização, sua peculiaridade, o mercado onde
atua além de toda estrutura organizacional.

REFERÊNCIAS
AIRES, Ana. Gestão de Recursos Humanos. Recrutamento & Seleção. Universidade
Independente. Lisboa, Portugal. Data da publicação 25/09/2007. Disponível em
<http://www.notapositiva.com/superior/gestaoempresarial/gestaorechumanos/recrutamentoesel
eccao.htm> . Acesso em: 04/03/2018

BAYLÃO, André Luis da Silva; ROCHA, Ana Paula de Sousa. A importância do Processo de
Recrutamento e Seleção de Pessoal na Organização. Disponível em:
http://www.aedb.br/seget/arquivos/artigos14/20320178.pdf. Acesso em: 03/05/2018.

Blog Mercado da Comunicação. Principais Técnicas de Recrutamento. Disponível em:


<http:www.mercadocomunicacao.blogspot.com.br/2015/08/principais-tecnicas-de-
recrutamento.html.>. Acesso em18/05/2018.

CALZA, Elisa Bozza Ferraz; ALMEIDA Vanessa Monteiro de. Recrutamento e Seleção de
Pessoal: Uma abordagem teórica. Capivari: Faculdade FACECAP, 2010.

CHIAVENATO, Idalberto. Gestão de Pessoas: e o Novo Papel dos Recurso Humanos nas
Organizações. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.
11

_____________. Recursos Humanos: O Capital Humano das Organizações. 8ª Edição, São Paulo:
Atlas, 2004.

_____________. Recursos Humanos: edição compacta. São Paulo: Atlas, 1998.

FRANÇA, Ana Cristina Limong _ CASADO, Tania. As Pessoas na Organização. 6ª Edição, São
Paulo, Editora Gente, 2002.

Infojobs. Analista de Recrutamento e Seleção. Disponível em:


<http://www.infojobs.com.br/artigos/Analista_de_Recrutamento_e_Selecao_2471.aspx.> . Acesso
em 18/05/2018.

João Paulo Moura. 11 Técnicas de Recrutamento e Seleção . Publicado em 11 de Janeiro de 2017.


Disponível em: < http://www.economias.pt/tecnicas-recrutamento-selecao/.> Acesso
em18/05/2018.

Kenoby .Analista de Recrutamento e Seleção: o que faz, quanto ganha e mais!. Disponível em :
<http://www.kenoby.com/blog/analista-de-recrutamento-e-selecao>. Publicado em 1 de Fevereiro
de2018. Acesso em18/05/2018.

PONTES, Benedito Rodrigues. Técnicas de Recrutamento e Seleção. São Paulo: LTR, 2009.

Portal Educação Google Analytics. Informática. Disponível em:


<http:www.portaleducacao.com.br/informática/artigos/48358/google-analytics>. Acesso em
03/05/2018.

_________. Planejamento, Técnicas de Recrutamento e Seleção Pessoal. São Paulo: LTR, 2010.

RIBEIRO, Antonio de Lima. Gestão de Pessoas. 1. ed. São Paulo: Saraiva, 2006.

Roberto Pierre Rigaud. Recrutamento e selecao de candidatos e suas ferramentas de avaliação.


Publicado em 12 de Março de 2013. Disponível em:
<http://www.administradores.com.br/artigos/negocios/recrutamento-e-selecao-de-candidatos-e-
suas-ferramentas-de-avaliacao/69275. Acesso em 01/03/2018

Solides. Conheça as 7 melhores ferramentas de recrutamento e seleção. Disponível em:


<http://www.solides.com.br/7-melhores-ferramentas-de-recrutamento-e-selecao/>. Acesso em
01/03/2018.

TOLEDO. Flávio de. Administração de pessoal: desenvolvimento de recursos humanos. 7.Ed.


São Paulo: Atlas, 1989