Você está na página 1de 10

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO DE GOVERNADOR VALADARES

O PERFIL DO ADMINISTRADOR
MODERNO E SUA IMPORTÂNCIA
NOS RESULTADOS
ORGANIZACIONAIS

Lucas Dias de Oliveira


1.INTRODUÇÃO

A partir de uma análise crítica de diversas fontes analisadas, o objetivo


primordial deste trabalho é a apresentação das características do administrador
exigido hoje pelo mercado. Serão abordadas as mais diversas ferramentas das
quais o administrador tem que dispor para ser um profissional dentro do novo
perfil requerido pelas organizações.

A forma com que a globalização tem agido, alterando os dogmas da


administração, também será abordada. Alternativas para superar as
dificuldades e ferramentas de aperfeiçoamento de conhecimento internacional
serão expostas, através de uma análise comparativa do mercado mundial com
a realidade local.

O objetivo deste trabalho é para que o administrador leia, e entenda quais são
os principais requisitos exigidos deste "administrado novo perfil", e a melhor
forma de aplicá-los no dia a dia da empresa e na sua vida profissional.

2.DESENVOLVIMENTO

Considera-se que o perfil do administrador no terceiro milênio é de um ator que


busca o aprendizado contínuo e é capaz de desenvolver o seu grupo de
trabalho, na busca de novas formas para administrar uma empresa que se
renova através da aprendizagem e se transforma continuamente. Para isso, o
Administrador precisa de uma série de qualidades individuais e profissionais
para ajudar as organizações a alcançar seus objetivos; qualidades estas que
vem sendo cada vez mais valorizadas.

Dentro deste pensamento, esse trabalho visa desenvolver da melhor forma


possível, as características que são consideradas as mais essenciais.
Desnecessário dizer que, as características abordadas aqui, são apenas uma
minúscula amostra de um universo de qualidades que devem ser
desenvolvidas pelo administrador moderno.

A realidade de Governador Valadares foi abordada por intermédio do


conhecimento que se obtém, por meios de pesquisas, do potencial valadarense
para o comércio. Foram abordadas alternativas de conhecimento para o
administrador que, mesmo não tendo contato direto com outros "mundos", tem
que ter noção do que ocorre no mundo globalizado em que as organizações
estão inseridas.

2.1. Principais características do Administrador Moderno


Para o administrador novo perfil, formar-se dentro das exigências do mercado é
o primeiro passo para conquistar uma posição de respeito. É o que chamamos
de Empregabilidade. Para conquistá-la o administrador tem que ter uma
formação diversificada, ser bom em todas as matérias que abrangem a
administração, e fundamentalmente ser multilingüe, ter o domínio fluente do
maior número de línguas estrangeiras possível.

2
Mais uma característica que merece atenção é a chamada Visão Holística.
Holística vem do grego "holos" que significa todo, inteiro. Visão Holística é uma
forma ampliada de percepção da realidade, que se baseia no reconhecimento
do estado de inter-relação e interdependência essencial entre todos os
processos da empresa, é o profissional ter uma visão ampla e articulada da
empresa como um "todo". Conhecer a fundo todo o processo, desde a chegada
de uma matéria prima até o produto final, saber qual é a reação gerada em um
determinado setor da produção após a tomada de uma decisão.

Dentro de um processo produtivo, apontar problemas existentes pode ser uma


tarefa fácil para muitos. Mas a Competência para identificar problemas e
apresentar soluções é mais um dos requisitos básicos para o administrador
novo perfil. É o profissional pensar além do problema, e apresentar soluções
que gerem resultados positivos para a empresa.

Saber lidar com pessoas é uma regra básica de sobrevivência desde que o
mundo é mundo. A habilidade de um administrador com Relacionamento
Interpessoal tem sido a diferença entre o sucesso e o fracasso de uma equipe
de trabalho. É função do administrador promover o bem-estar, um convívio
social sustentável dentro de um grupo. A capacidade de Administração
Intrapessoal também é exigida, pois é importante para o profissional saber
conter-se, controlar seus sentimentos, seu emocional, para que oscilações de
humor não venham interferir no processo produtivo.

Aproveitando os últimos três termos supra citados, vale salientar também a


idéia do profissional de Ser Auto-Crítico, saber aceitar quando errou,
administrar críticas externas e aprender com os erros. O administrador tem que
ter a consciência de que não existe verdade absoluta, que dogmas,
paradigmas existem para serem quebrados.

Não obstante, outra característica que envolve o relacionamento humano


dentro de um processo, e que é essencial para o profissional é a
Comunicação. O administrador tem que atuar no que chamamos de face-to-
face, cara a cara, e não ficar dentro de uma sala, atrás de um computador
simplesmente dando ordens. A Troca de experiências e informações com todos
os departamentos da empresa é uma ferramenta de gerenciamento, de visão
para o crescimento da empresa. Comunicar é saber vender suas idéias para os
demais, fazer o restante do processo pensar a visão holística da empresa, não
o pensamento individual.

Ainda no âmbito comunicação, a Visão Compartilhada é uma idéia comum


que motivará as pessoas para caminhar por um projeto, por um sonho até a
sua realização. Diferentemente da visão pessoal, ela não precisa ser imposta,
pois é absorvida pela equipe gerando, assim, o comprometimento. Como
exemplo, podemos citar um planejamento estratégico, onde todas as etapas,
pensamentos e visões foram compartilhadas pela equipe. Desta forma, esse
planejamento não será impositivo, onde somente uma pessoa pensou e
repassou à equipe o que deverá ser planejado e executado.

3
Para outra característica do administrador moderno, usa-se a expressão
Sinergia Positiva. Ela é uma característica que não só o administrador, mas
qualquer pessoa, seja ela do processo produtivo ou não, tem que ter consigo.
Sinergia positiva nada mais é que a vontade que uma pessoa tem de ajudar a
outra, é a necessidade que temos de ver e fazer o bem por intermédio de
outras pessoas. No processo produtivo, a idéia de cooperativismo tem só a
acrescentar no desenvolvimento interpessoal da empresa.

A Ética nos negócios não deixa de ser mais importante que as características
já citadas. Ser ético engloba várias atitudes dentro de uma empresa, desde ser
transparente na relação com funcionários, passando pela honra dos
compromissos com os fornecedores e chegando aos clientes e concorrentes,
que é o saber ganhar sem dar tombo em ninguém. Dentro deste termo,
também pode-se tratar de outro ponto fundamental que é o Comprometimento
Empresarial. Prometeu, cumpra. É extremamente desgastante para a imagem,
uma empresa que não cumpre prazos com clientes e fornecedores, quebra
regras de acordos comercias e trabalhistas. O Comprometimento Pessoal
também é uma característica requerida das empresas. É aquele profissional
que se compromete integralmente à empresa, cumpre horários, é ético com a
equipe, tem um comportamento de nível empresarial, exigido pelos padrões de
moral e bons costumes.

Ter a capacidade de causar mudança é o que pode-se chamar de ser Pró-


ativo. O administrador não tem que esperar as mudanças para depois reagir,
ser reativo. Ele tem que ter a vontade de mudar o processo para que o
processo acompanhe a sua mudança, e não vice-versa. Dentro deste enfoque,
podemos citar a Criatividade, que é outra característica muito valorizada no
administrador novo perfil. Ser criativo não é apenas o ato de criar. Sendo
assim, o profissional tem que possuir uma visão ampla tanto das necessidades
de um determinado campo como das possibilidades de viabilização da sua
criação. O administrador criativo tem consigo a capacidade de encontrar novas
saídas para antigos problemas, ou na maneira de se remodelar o processo
produtivo na busca de melhores resultados.

Ainda tratando do tema mudança, pode-se citar os temos Resiliência e


Flexibilidade. Mas qual a diferença entre os dois? O termo resiliência
podemos definir como a capacidade que o profissional tem de receber
impactos de diversas formas e nas mais variadas fontes, exógenas ou
endógenas, e absorver esses impactos, se moldando à nova realidade
proposta. Já a flexibilidade vai um pouco além. É a habilidade do profissional
em enfrentar as mais diversas variáveis existentes em um processo produtivo e
conseguir superá-las, devolvendo a empresa a visão do estado anterior à
existência das mesmas.

O Empreendedorismo pode ser definido por uma frase dita pelo Administrador
e Presidente do CRA-MG Gilmar Camargo de Almeida que diz "Atitude
empreendedora é o arriscar para ganhar, ao invés de ganhar para fazer
resultado". É a capacidade que o administrador tem de enxergar mais longe,

4
investir na capacidade produtiva da empresa para que ela cresça. Saber
calcular esses riscos também é função do empreendedor.

Uma conseqüência do empreendedorismo é a remuneração variável. Um


exemplo disto é a organização onde os funcionários fazem parte dos lucros da
mesma, quanto mais empreendedora ela for, mais rentável será. No exemplo
de o profissional fazer parte de uma equipe de vendas, a remuneração por
comissão também é hoje muito adotada. Para o profissional, é básico saber
lidar com uma remuneração variável.

Existem algumas crenças que todo o profissional deve ter, mas principalmente
o administrador. Ele deve Acreditar em si mesmo, na sua capacidade; em sua
empresa, que ela pode gerar o retorno desejado; em sua equipe de trabalho,
pois ela é a mola-mestra do processo produtivo; em seu país, pois se você não
acredita, que motivação terá para permanecer nele?; E acreditar em Deus, que
pode te ajudar a superar tudo. O administrador moderno tem que ser o primeiro
a acreditar nestes cinco pontos, pois é dele a função de fazer todo o processo
ver e crer nas mesmas crenças que ele. Se ele não acreditar, quem mais irá?

O administrador modernol tem que ser o "Administrador Bom Bril, 1001


utilidades". Para isso, ele tem que ser Articulado, outra característica cobrada
dos profissionais. Ele tem que saber definir prioridades, ter controle de sua
agenda, saber dividir trabalho de vida pessoal, pois para qualquer ser humano,
ter uma vida social faz bem, um bem que se reflete no ambiente de trabalho.
Hoje, 50% do tempo de um administrador é resolvendo problemas da empresa,
outros 30% são respondendo a e-mails. Esse tempo tem que ser racionalizado
pelo administrador e canalizado as prioridades certas.

A cada dia, surgem novos conceitos criados por escritores de doutrinas de


administração. Um desses conceitos, e que deve ser uma habilidade do
administrador novo perfil é a Inteligência Múltipla. Esse é um termo citado
pelo autor Nilbo Ribeiro Nogueira, no livro "Desenvolvendo as competências
profissionais: Um novo enfoque por meio das inteligências múltiplas". A
inteligência múltipla é definida por ele como "um termo relacionado com uma
nova teoria, que contesta a inteligência como algo mensurável e único,
conforme o conceito anterior de inteligência medido pelo QI." Para Howard
Gardner, que segundo Nilbo, foi o autor dessa teoria, todos possuem
capacidades que podem ser desenvolvidas conforme os estímulos e as
experiências ao longo de nossa vida. Essa teoria demonstrada pelo autor do
livro fala da pluralidade das inteligências, que vai muita além das áreas Lógica-
Matemática e Lingüística, mensuradas pelo teste de QI. Segundo Gardner, o
ser humano têm oito pontos de inteligência: (Lógico-Matemática, Lingüística,
Espacial, Musical, Corporal-Cinestésica, Naturalista, Interpessoal e
Intrapessoal). Cada uma dessas inteligências, desenvolvidas em maior ou
menor intensidade, contribuem para que o administrador tenha sucesso nas
suas relações empresariais

5
Ter conhecimento de todo o processo da empresa, do seu funcionamento é
obrigação do administrador moderno. Para tanto, ele tem que ser Curioso,
saber perguntar acerca de todo o fluxograma dentro da empresa, se interar das
atribuições e cada departamento, para auxiliá-lo na visão do todo. Também,
pode se aproveitar a deixa para comentar de outra habilidade do administrador,
que é Ser Questionador. Essa é a característica de ser um rebelde com
causa, questionar o porquê disso ou daquilo, entender a fundo cada ponto, seja
ele importante ou não, dentro de uma empresa.

A Liderança é a característica daquela pessoa que consegue contar uma boa


história, de tal sorte a levar um grupo a atingir um determinado objetivo. Sendo
assim, para contar uma boa história, um líder deverá ter bem desenvolvidas,
pelo menos, as capacidades de relacionamento interpessoal, citada
anteriormente e domínio da língua. No caso da criatividade, considero um
sujeito criativo aquele que cria algo que seja útil e aceito em um determinado
campo.

Por fim e não menos importante, uma das principais características do


administrador, a Visão Sistêmica. Ela derruba o pensamento linear e a postura
limitada daqueles que fogem do problema dizendo "isso não é da minha
competência" ou "não sou responsável por esse setor". O profissional, com
uma visão sistêmica, enxerga na empresa os problemas e as soluções de
forma mais abrangente e ampla. Verifica no macro-sistema os micro-universos
e suas relações. Diferentemente do especialista, que sabe muito de pouca
coisa, ou do generalista, que sabe um pouco de muita coisa, o visionário
sistêmico possui competências técnicas específicas à sua área, porém também
consegue entender, opinar e participar de outras áreas da empresa. A visão
sistêmica de crescimento sustentável também é importante, pois a empresa
tem que estar em um ambiente onde todos crescem e não ela crescendo
sozinha.

Além das formas tradicionais de aprendizado e as citadas nesse trabalho,


existe uma nova concepção de aprendizado, apresentada por Wick & León
(1997), baseado no S.A B.E.R, composto de cinco passos interligados:

a) Selecionar: escolher uma meta que seja fundamental para você e para sua
empresa;

b) Articular: determinar como você vai atingir a meta;

c) Batalhar: colocar o plano articulado em prática;

d) Examinar: avaliar o que e como você aprendeu; e

e) Recomeçar: determinar sua próxima meta de aprendizagem.

"A transformação está ligada ao aprendizado em profundidade, que questiona e


rompe com os meios e resultados existentes ou 'antigos' e conduz a meios
radicalmente novos" (Gold, 1995, p.134).

6
Para isso o perfil do administrador deve englobar características que o tornem
um administrador que APRENDE e, no entanto dispor de alguns requisitos
básicos para a aprendizagem organizacional:

• Curiosidade intelectual;
• Modéstia;
• Autocrítica vigilante;
• Capacidade de imaginar futuros alternativos;
• Apetite pelo feedback;
• Mecanismos conscientes para criar, coletar e disseminar conhecimentos,
• Predisposição à experimentação.

Assim sendo, provavelmente, esse administrador terá mais disponibilidade para


acatar esses novos conhecimentos, tendo como alvo, sua qualificação e
excelência como profissional.

Todas as características abordadas aqui são totalmente compatíveis à nossa


realidade. A procura das empresas pelos administradores modernos moldados
e com visão dentro do novo perfil tem fundamento, pois para a empresa, é
extremamente vantajosa a presença de um membro com todas essas
qualidades em seu quadro de colaboradores.

A visão ampla que esse administrador possui e a seu domínio fluente de várias
línguas, abre as portas para o comércio exterior. A capacidade desse
profissional em relacionamentos interpessoais ajuda a dirimir problemas de
comunicação dentro da organização. Esses são somente alguns exemplos do
que, na prática, é a função desse administrador moderno.

2.2. GLOBALIZAÇÃO x ADMINISTRADOR MODERNO

Com a globalização, a Internet e o surgimento de blocos comerciais como o


Mercosul, a Alça (Área de Livre Comércio das Américas) e a Nafta (Área de
Livre Comércio da América do Norte), a temática prioritária no campo
empresarial passou a ser a competitividade unida à busca de conhecimento.
Nesse caminho, a necessidade de se impor em um mercado sem fronteiras fez
com que as economias substituíssem o trabalho humano pela eficiência e
perfeição da alta tecnologia, muitas vezes gerando desemprego ou realocando
trabalhadores para funções menos nobres. O Administrador Moderno deve ter
uma formação mais sólida, dominando várias línguas estrangeiras e estar por
dentro das normas e exigências desses acordos de livre comércio, pelo menos
para garantir uma boa posição no mercado de trabalho e se safar do
desemprego.

As empresas não mais precisam de profissionais eminentemente técnicos, e


sim, de pessoas voltadas para os processos de interpretação, elaboração e
transformação. O profissional de sucesso não é mais aquele especializado em
determinado assunto. Hoje, é preciso ter uma visão globalizada para atender a
um consumidor exigente.

7
Para se obter esta qualificação profissional, entretanto, deve partir das
empresas a iniciativa de oferecer treinamentos, cursos de informática e línguas
estrangeiras e promover seminários internacionais, entretanto, se a empresa
não investir na qualidade de seus funcionários, o profissional deverá tomar a
iniciativa sempre que possível.

O administrador deve saber usufruir com sabedoria da Internet. É uma


excelente ferramenta, indispensável no mundo dos negócios, se bem utilizada.
Pode ser a diferença entre o sucesso ou a ruína de um profissional. Saber
manuseá-la, conhecer as ferramentas de busca e principais sites de notícias
deve ser obrigação de um bom administrador.

Enfim, lidar com essas mudanças, inovações e saber navegar em informações,


lidando competentemente com pessoas em todos os níveis de poder, e tirando
proveito dos conflitos que surgem das crises diárias, são pontos de
preocupação da maioria dos administradores no ambiente atual.

Com a consciência de que deve mudar para não ficar para trás, o administrador
tem procurado diversas formas de formação complementar, como cursos de
pós-graduação, seminários de administração, palestras e cursos de línguas. As
empresas brasileiras têm exigido hoje além da formação superior, a formação
complementar no seu ramo em específico. Exemplo pode ser o gerente de RH
de uma empresa. Se ele tem uma pós no ramo de RH, ele já tem uma certa
preferência no preenchimento da vaga pela empresa.

Dotadas de administradores a partir deste novo perfil, as empresas brasileiras


serão beneficiadas, pois terão profissionais mais qualificados e com visão
sistêmica do mercado mundial em sua administração. São os administradores
com empregabilidade, formados dentro da exigência do mercado. Os
benefícios serão desde o aumento da produtividade, crescimento responsável,
expansão a nível nacional, mão-de-obra qualificada, selecionada e envolvida
no negocio da empresa, até uma entrada planejada e confiante no mercado
internacional, através dos acordos de livre comércio existentes e os que ainda
estão sendo formados.

2.3.ADMINISTRADOR MODERNO E SUAS CARACTERÍSTICAS NO


ÂMBITO REGIONAL

Governador Valadares não possui muitas empresas de grande porte, tendo seu
meio de negócio baseado basicamente no comércio. O agro-negócio e o ramo
de pedras preciosas também têm muita força na cidade, esse último com
empresas que trabalham com alta tecnologia em nível de exportação, aliada
com mão-de-obra qualificada e administradores multilingües, que participam de
eventos no mundo inteiro. Com a exigência de profissionais com uma formação
cada vez mais diversificada, a cidade está se sobre saindo na formação de
administradores.

A FAGV têm formado profissionais dentro das exigências do novo perfil de


profissional exigido pelo mercado, não só em nível regional, mas a nível
nacional. Prova disto, é o ótimo conceito no ENADE que a mesma recebeu. Um

8
conceito de nota 4, sendo que a nota máxima é nota 5. Ficando portanto, entre
uma das melhores instituições privadas de ensino superior, do Brasil, mais bem
posicionadas no ranking do MEC. As características do profissional novo perfil
são estudadas e trabalhadas por cada profissional individualmente. Alguns
desenvolvem mais uma determinada habilidade (a comunicação, por exemplo),
outros já desenvolvem a capacidade de liderar, e assim sucessivamente.

As características deficientes de cada profissional podem ser desenvolvidas a


níveis aceitáveis pelo mercado dentro da força de vontade de cada um, do seu
empenho próprio, vontade de mudar. Através de cursos, palestras, workshops
que sempre acontecem na cidade (exemplo recente, o último fórum de
administração, ou a futura expoleste), podemos trabalhar nossas deficiências
de inteligência múltipla e tentar superá-las.

Dia após dia, é possível ir modificando lentamente a estrutura interna da


empresa e a sua maneira de se posicionar no mercado, tornando-a mais
arrojada pra depois torná-la mais ousada, assim cria-se uma maior chance de
sucesso o que chamará a atenção de outras empresas a mudarem também,
em sincronia com o novo perfil do administrador.

3.CONCLUSÃO

Dentro do apresentado, hoje tenho absoluta certeza da importância da boa


formação de um administrador. As ferramentas necessárias para essa
formação foram claramente abordadas, inclusive com alternativas que podem
ser aplicadas à nossa realidade.

A compreensão da nova visão das empresas na busca dos novos


administradores contribuiu para que as pessoas se preparem melhor dentro do
perfil exigido pela empregabilidade. A necessidade da formação multilingüe e a
relação com a globalização também foram outro ponto bem esclarecido.

4. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

EDUARDO, José. "Perfil tudo de Bom". Revista Você S.A, ed. 92, p. 28-31,
fevereiro de 2006.

MOREIRA, Solange. "O perfil do Administrador do presente, face às novas


tecnologias da informação". Disponível em
{http://www.unisil.br/adm/curiosidades/perfil_administrador_presente.htm}.

BARBOSA, Anielson. "O Administrador no Terceiro Milênio". Universidade


Federal da Paraíba - Centro de Ciências Sociais Aplicadas Disponível em
{http://www.abmvirtual.com.br/artigos/0%20administrador%20do%20terceiro%2
0mileio.htm}.

9
"Idéias para o século 21". Revista Você S.A, ed. 18, ano 3, dezembro de 1998.

"Seu emprego no futuro". Revista Você S.A, ed. 26, ano 3, agosto de 2000.

"Desafios do futuro". Revista Você S.A, ed. 38, ano 4, agosto de 2001.

Pau Brasil, Portal. Disponível em


{http://www.paubrasil.org.br/recicle/pagina04.htm }.

Ce Gente, Portal. Conteúdo Noticias. Disponível em


{http://www.cegente.com.br/noticias/info_noticia.asp?cód=2273 }.

Catho, Portal. Disponível em


{http://www.catho.com.br/jcs/inputer_view.phtml?id=1737&print=1 }.

Lucas Dias de Oliveira

10