Você está na página 1de 1

OBJETIVO(S):

A presente disciplina eletiva “Queer, corporeidade e diferença” tem como objetivo incentivar a discussão
acadêmica em torno das questões de gênero e identidade, dos estudos queer e das distintas abordagens do
feminismo em três campos de estudos: 1) Na educação, isto é, investigar a presença da temática
supracitada no ensino da arte, através de uma sondagem atual sobre as (im)possibilidades de abordagens
pedagógicas 2) Na história da arte, isto é, analisar os movimentos, estilos, processos, ações e intervenções
artísticas em que a questão de identidade e de gênero encontram-se em relevo a partir de distintos quadros
espaciotemporais. 3)Nas práticas artísticas e linguagens visuais, isto é, investigar a produção artística e
cultural contemporânea cujas poéticas são comprometidas com questionamentos e enfrentamentos
extraídos dos estudos queer, das pautas feministas, como por exemplo, do feminismo negro, do
transfeminismo, do feminismo radical, entre outras.
EMENTA:
Investigar a formulação e a aplicação de metodologias e práticas pedagógicas que levam em consideração
e são influenciadas pelos estudos queer e pelo discurso feminista no campo da educação e do ensino da
arte.
Analise imagética da produção de obras cujas poéticas tangenciam as questões de gênero e identidade
como forma de resistência política e cultural frente à escalada do pensamento conservador em diferentes
momentos históricos.
Investigar a contribuição da teoria, crítica e história da arte na compreensão e divulgação da inclusão da
noção de “direitos sexuais” através da análise da influência do feminismo e dos estudos queer no campo
acadêmico.

Universidade Estadual do Rio de Janeiro


Instituto de artes - Departamento de Ensino da Arte e Cultura Popular
Disciplina Eletiva: Queer, Corporeidade e diferença 2019-1

Profª. Drª. Renata Gesomino. E-mail: renata.gesomino@gmail.com

BIBLIOGRAFIA SUGERIDA:

BEAUVOIR, Simone. Introdução. Vol.1 In: O segundo Sexo. Tradução de Sérgio Milliet. 2ª.
Ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2009. 2v. pp. 13-31
BEAUVOIR, Simone. A caminho da Libertação: A mulher independente. Vol. 2 In: O segundo
Sexo. Tradução de Sérgio Milliet. 2ª. Ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2009. 2v. pp. 879-
918
BROWNE, Kath; NASH, Catherine (org.) Queer methods and methodologies: Intersecting
Queer Theories and Social Science Research. London and New York: Routledge Taylor and
Francis Group, 2010.
BUTLER, Judith. Sujeitos do Sexo/Gênero/Desejo. In. Problemas de gênero. Tradução de
Renato Aguiar. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2008. pp.15-60.
CANTON, Katia. Corpo, identidade e erotismo. São Paulo: Martins Fontes, 2013.
FEDERICI, Silvia. Calibã e a Bruxa: mulheres, corpo e acumulação primitiva. Editora Elefante,
2017.
FIRESTONE, Shulamith. A dialética do sexo. Ed. Labor do Brasil, 1976
SAFFIOTI, Hellieth. A mulher na sociedade de classes: Mito e realidade. Ed. Expressão
Popular, 2013.
HARAWAY, Donna. Ciência,
LOURO, L. Guacira. Um corpo estranho: Ensaios sobre sexualidade e teoria Queer. Belo
Horizonte: Autêntica Editira, 2018.
SOLNIT, Rebecca. Os homens explicam tudo pra mim. São Paulo: Ed. Cultrix, 2017.
WOLF, Naomi. O mito da Beleza: Como as imagens de beleza são usadas contra as mulheres.
Rio de Janeiro: Rocco, 1992.