Você está na página 1de 6

Empresa privada é aquela que não é do poder do Estado, ou seja, seu dono/criador possui

todos os direitos sobre ela.

O fato de se as empresas privadas progridem mais ou menos que as estatais são um dos
pilares da discussão sobre o que já foi uma guerra entre o comunismo e o capitalismo.

Apesar de ser dono de uma empresa privada, a pessoa jurídica criadora da empresa ainda
deve impostos ao Estado.

Empresa pública é a pessoa jurídica de capital público, instituído por um Ente estatal, com
a finalidade prevista em Lei. A finalidade é sempre de natureza econômica, eis que, em se
tratando de 'empresa', ela deve visar ao lucro, ainda que este seja utilizado em prol da
comunidade.

No Brasil as empresas públicas, que se subdividem em duas categorias: empresa pública


unipessoal, com patrimônio próprio e capital exclusivo da União e empresa pública de
vários sócios governamentais minoritários, que unem seus capitais à União, tendo, esta, a
maioria do capital votante. A empresa pública tanto pode ser criada, originariamente, pelo
Estado, como ser objeto de transformação de autarquia ou de empresa privada.

Quanto ao capital, difere-se das sociedades de economia mista, porquanto nestas, ainda que
a titularidade também seja do Poder Público, o capital social é dividido também entre
particulares, que adquire suas quotas por meios da compra de ações.

Empresa de economia mista ou, mais precisamente, "sociedade de economia mista" é uma
sociedade na qual há colaboração entre o Estado e particulares, ambos reunindo recursos
para a realização de uma finalidade, sempre de objetivo econômico.

A sociedade de economia mista é uma pessoa jurídica de direito privado e não se beneficia
de isenções fiscais ou de foro privilegiado.

O Estado poderá ter uma participação majoritária ou minoritária; entretanto, mais da


metade das ações com direito a voto devem pertencer ao Estado.,

A sociedade de economia mista é uma sociedade anônima, e seus funcionários são regidos
pela CLT e não são servidores públicos.

Freqüentemente têm suas ações negociadas em Bolsa de Valores como, por exemplo, o
Banco do Brasil, a Petrobras e a Eletrobrás.

Artigo: Como abrir uma empresa


Por Rogério César em 04/08/2003

Neste artigo irei explanar os procedimentos para a abertura de empresas, passo a passo. Adaptado para o Novo
Código Civil, Lei 10.406 de 10/01/2002.
1) Quem fará parte da empresa e qual será a Razão Social?

Se você será o único integrante da empresa você será classificado como EMPRESÁRIO. Neste caso o nome d
empresa será o seu nome.
Exemplo: JOSÉ LUIZ DA SILVA
Você poderá também abreviar o nome colocando suas iniciais. No exemplo acima você poderá abreviar o JOS
LUIZ. O "DA" por ser preposição não poderá ser abreviado, e o sobrenome também não será. Portanto no exe
o nome da empresa poderá ser:
J. L. DA SILVA
Deste modo, você poderá adicionar a atividade principal no final do nome empresarial.
Exemplo: JOSÉ LUIZ DA SILVA RESTAURANTE ou J. L. DA SILVA RESTAURANTE

Caso contrário a empresa pode ser denominada LIMITADA. Neste caso a responsabilidade de cada sócio é res
ao valor de suas quotas, mas todos respondem solidariamente pela totalidade do capital social..
O nome da empresa, ou denominação social, terá que seguir algumas regras de acordo com o Art. 1.158 do no
Código Civil:
Pode a sociedade limitada adotar firma ou denominação, integradas pela palavra final "limitada" ou a sua
abreviatura "LTDA".
1º A firma será composta com o nome de um ou mais sócios, desde que pessoas físicas, de modo indicativo da
relação social.
2º A denominação deve designar o objeto da sociedade, sendo permitido nela figurar o nome de um ou mais só
3º No caso da omissão da palavra "limitada", a responsabilidade dos sócios é ilimitada.

Exemplo: RESTAURANTE SILVA LTDA


Note que a abreviatura de limitada (LTDA) deverá fazer parte do nome empresarial.

Observação: O nome da empresa não poderá estar registrado na Junta Comercial ou no Cartório, isto é, não po
ser registrados nomes de empresas já registradas.

2) Atividade da empresa e o código de atividade:

A atividade da empresa que irá definir:


* Se a empresa pode ou não optar pelo regime do SIMPLES.
Vedações:
http://www.receita.fazenda.gov.br/PessoaJuridica/SIMPLES/PJ2002/PergResp2002/pr113125.htm
* Regime de Apuração
* Para obter mais detalhes acesse o site da Receita Federal no link abaixo para selecionar o melhor código de
atividade para sua empresa:
http://www.receita.fazenda.gov.br/srf.www/pessoajuridica/cnaefiscal/cnae/fiscal.htm

Exemplo: Atividade: Restaurante - Código de Atividade: 5521-2/01


2.1) Microempresa (ME) ou Empresa de Pequeno Porte (EPP)
Se sua empresa pode ser optante pelo Regime Simplificado, isto é, não se enquadra nas vedações vistas acima
poderá se enquadrar como uma empresa ME ou EPP, dependendo da sua Receita Bruta Anual. Veja tabelas em
http://www.contabeis.com.br/tabelas.asp
Assim, sua empresa deverá colocar a abreviação ME ou a palavra MICROEMPRESA na Razão Social.
Exemplo: RESTAURANTE ESQUINA LEGAL LTDA - ME

3) Documentação necessária:

Cópia CPF. Autenticada de todos os sócios


Cópia do R.G. autenticada de todos os sócios
Cópia autenticada da Certidão de emancipação no caso de menor de 18 e maior de 16.
Cópia do IPTU do imóvel
Cópia do comprovante de endereço da empresa e de todos os sócios.
Vistoria Sanitária (se a empresa manipular produtos alimentícios)
Laudo da CETESB (se a empresa for enquadrada como indústria)
Laudo do Corpo de Bombeiros

4) Registro da empresa:

4.1) O Contrato Social. (no caso de empresa Limitada)


O contrato como definição é um documento entre duas ou mais pessoas.

Elementos do Contrato Social:


O contrato social deverá conter os seguintes elementos:
título
preâmbulo
corpo do contrato (cláusulas obrigatórias e cláusulas facultativas)
fecho
Cláusulas Obrigatórias do Contrato Social:
nome empresarial
endereço da sede
Capital (expresso em moeda, a quota, a forma e o prazo de sua integralização)
responsabilidade dos sócios perante o capital da sociedade
declaração precisa e detalhada do objeto
prazo de duração da sociedade
exercício social
as pessoas naturais incumbidas da administração
qualificação do administrador não sócio, designado no contrato
participação de cada sócio nos lucros
foro
Fecho do Contrato Social:
localidade e data do contrato
nomes dos sócios e respectivas assinaturas
nomes das testemunhas (pelo menos 2) e respectivas assinaturas com o número do documento de identidade, ó
expedidor e unidade federativa
visto do advogado. (se não for microempresa ou empresa de pequeno porte)
Veja um modelo em http://www.contabeis.com.br/downloads.asp

Depois de preparado o Contrato Social, este deverá ser registrado. O Contrato poderá ser Registrado na Junta
Comercial ou Cartório de Registro de Pessoas Jurídicas.

4.1.1) Junta Comercial


Tomaremos como exemplo a Junta Comercial do Estado de São Paulo (JUCESP)
Antigamente existiam muitos formulários para serem preenchidos. Atualmente só se registra uma empresa na
JUCESP através de um programa fornecido pelo órgão, que pode ser feito download gratuitamente através do
http://www.jucesp.sp.gov.br
Instale o programa, preencha todos os campos necessários, gere o disquete, imprima todos os formulários e as
onde for necessário.
Anexe cópia autenticada do R.G. e, se necessário, da Certidão de emancipação.
Pague as taxas que o programa emitiu.
Dirija-se a uma agência da JUCESP.
Dúvidas http://www.jucesp.sp.gov.br
Os programas para download você também encontra em
http://www.contabeis.com.br/downloads.asp

4.1.2) Cartório (caso de sociedade simples)


Faça um requerimento (modelo: http://www.contabeis.com.br/downloads.asp)
Assine e reconheça firma em cartório de todas as assinaturas do Contrato Social e do requerimento.
Nota: O Tipo da empresa quando registrada em cartório deverá ser simples, pura ou limitada, e conter a expres
Sociedade Simples ou abreviadamente S/S.
Neste caso é necessário a assinatura de um advogado, mesmo que seja uma micro ou pequeno empresa.
Dirija-se a um Cartório de Registro de Pessoas Jurídicas de sua cidade.

4.2) Registro de Empresário (antiga Firma Individual - no caso de apenas um sócio/titular)


Neste caso, o registro só poderá ser feito na JUCESP.
Faça o download do programa: http://www.jucesp.sp.gov.br
Instale-o e preencha todos os campos necessários. Gere o disquete, imprima todos os formulários e assine ond
necessário.
Anexe cópia autenticada do seu R.G. e, se necessário, da Certidão de emancipação.
Pague as taxas que o programa emitiu
Dirija-se a uma agência da JUCESP.
Dúvidas http://www.jucesp.sp.gov.br
Os programas para download e o novo código civil você encontra em
http://www.contabeis.com.br/downloads.asp

5) Receita Federal

Este é o órgão responsável pela emissão de seu Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), o antigo CGC
Depois que o Contrato Social, ou o Registro de Empresário estiver Registrado, faça o download do programa
e do programa ReceitaNet no site da Receita Federal.
Estes programas você encontra no site da Receita Federal: http://www.receita.fazenda.gov.br
Instale-os e execute o programa CNPJ.
Preencha todos os campos necessários.
Faça a geração do disquete. O programa vai perguntar se você deseja enviar o arquivo à Receita Federal usand
Programa da ReceitaNet. Prossiga.
Imprima o recibo.
Agora você deverá verificar o andamento da sua solicitação pelo site da Receita Federal no endereço:
http://www.receita.fazenda.gov.br/PessoaJuridica/cnpj/fcpj/consulta.asp
Digite o número do Recibo e veja o andamento do processo.
Depois de algumas horas úteis, você poderá imprimir um documento denominado DBE (Documento Básico d
Entrada) que deverá ser assinado e firmado em cartório pelo representante da empresa.
Faça uma cópia autenticada do Contrato Social, ou do Registro do Empresário, e se for o caso, da Declaração
Microempresa ou Declaração de Empresa de Pequeno Porte junte o DBE e mande um SEDEX para a Receita
Federal no endereço que o site exibiu na consulta do Recibo.
Aguarde alguns dias úteis e volte a consultar o Protocolo/Recibo no site da Receita Federal.
No caso de tudo Ok, imprima o CNPJ. Atenção: A Receita Federal não envia mais os documentos pelos correi
Este emitido via Internet é o CNPJ original.

6) Posto Fiscal (Secretaria da Fazenda Estadual)

Tomaremos como exemplo no caso de abertura no Posto Fiscal do Estado de São Paulo.
Entre no site do Posto Fiscal Eletrônico: http://pfe.fazenda.sp.gov.br
Clique em Abertura: DECA INICIAL.
Para sua empresa poder optar pelo Regime ME, EPP-A, ou EPP-B, esta deverá efetuar apenas vendas à
consumidores finais.
Preencha todos os campos necessários e responda corretamente as perguntas feitas no site.
Ao ser enviado o formulário, o site fornecerá um número de Protocolo, que deverá ser consultado na página
principal do Posto Fiscal Eletrônico, em: Consulta: Protocolo DECA.
Quando for gerada a Inscrição Estadual, você poderá adquirir uma senha para obter acesso à DECA de sua em
Faça um requerimento solicitando senha, contendo o nome de sua empresa, CNPJ, Inscrição Estadual, Endere
nome, CPF e R.G. do representante. Um modelo do requerimento está disponível em
http://www.contabeis.com.br/downloads.asp
Com esta senha você poderar logar-se em Serviços ao Contribuinte.
Entre na opção DECA e Consulta DECA.
Este documento poderá ser impresso e é valido como a DECA Original.

7) Prefeitura Municipal

Cada município tem uma sistemática diferente para fazer a inscrição de uma empresa. É um órgão pouco
informatizado e requer preenchimento manual de muitos formulários e taxas.
Para obter maiores informações, sugerimos uma visita à Prefeitura de sua cidade.
Tomaremos como exemplo no caso de abertura na cidade de Ribeirão Preto.
Faça o download dos formulários a serem preenchidos pelo Microsoft Word. Os formulários podem ser encon
no site http://www.contabeis.com.br/downloads.asp
Preencha 1 via do Requerimento Padrão e 2 vias da Solicitação de Certidão de Atividade solicitando a Certidã
Atividades.
Protocole no setor de Protocolos.
A certidão deverá ser retirada no Poupa Tempo do Novo Shopping
Agora devemos preencher 1 via do Requerimento Padrão, 4 vias da FIC, 2 vias do Alvará, solicitando a Inscri
Abertura.
Nota: O contribuinte não deverá assinar o Alvará.
Anexe a Certidão de Atividades original e cópias: Contrato Social, Cartão CNPJ, comprovantes de endereço d
empresa e dos sócios, CPF e R.G. dos sócios, e os Laudos que a Certidão de Atividade requerer (Laudo do
Bombeiro, Vistoria da Saúde, Seplan, Cetesb, Habite-se, etc).
Leve a documentação na Administração à Rua Lafaiete. O fiscal irá conferir a documentação e marcará no ver
Requerimento Padrão os valores das taxas a serem pagas. Preencha a Guia de Recolhimento pelo site
http://www.ribeiraopreto.sp.gov.br/CIDADANIA/i99principal.asp?pagina=/Scripts/nwwcgi.exe/web/p050410
Preencha e pague em banco. Tire uma cópia da taxa, anexe com toda a documentação e leve ao setor de Protoc
na Rua Cerqueira César.
Você pode acompanhar o andamento pelo Internet:
http://www.ribeiraopreto.sp.gov.br/CIDADANIA/I99PRINCIPAL.ASP?pagina=/Scripts/nwwcgi.exe/web/p03
Dúvidas e esclarecimentos: http://www.ribeiraopreto.sp.gov.br

Agora com toda esta documentação em mãos basta você contratar um bom contabilista para dar um belo supo
para sua empresa.
Estou à disposição para quaisquer esclarecimentos sobre a Abertura de sua empresa.

Rogério César
Analista de Sistemas formado pela Universidade Paulista de Ribeirão Preto
Técnico Contábil formado pelo Colégio Metodista
Criador do Portal www.contabeis.com.br
Contato: http://www.contabeis.com.br/mail.asp?op=2