Você está na página 1de 21

Componentes do grupo:

 Ferramenta de detecção precoce


 Pode detectar câncer mas não exclui-lo
 Indicações :
 rastreamento de mulheres com risco habitual para o
câncer de mama (mamografia de rastreamento)
 classificação quanto ao risco de malignidade (BI-
RADS) das lesões identificadas no rastreamento ou
pela palpação (mamografia diagnóstica)
 Recomendação da SBM : acima de 40 anos,
anual
 Mamógrafo
 Incidências:
 Médiolateral-obliqua 
expõe a maior parte do
parênquima
fibroglandular
 Crânio caudal 
confirma ou descarta os
achados da MLO, expõe
adequadamente os
quadrantes mediais
A incedência MLO realizada com o posicionamento adequado deve mostar a papila
perfilada (A); o músculo peitoral maior identificado na linha retropapilar (B) e o
sulco inframamário (C).
A incidência CC privilegia os quadrantes mediais. Os critérios para o bom
posicionamento da incidência CC são a papila centrada e perfilada (A) e a
identificação da gordura retroglandular nos quadrantes central e medial.
 A mamografia deve fornecer imagens com alto
contraste, obtido pela técnica de baixa
kilovoltagem (Kv) e alta miliamperagem (mA).
 Na mamografia os canceres tipicamente
aparecem como massas estreladas e bordos
espiculados e também podem aparecer como
cachos de microcalcificações maior
malignidade
 As principais indicações :
 rastreamento complementar em mulheres com
mama densa e alto risco para câncer de mama
 avaliação de nódulos palpáveis em mulheres fora da
idade do rastreamento mamográfico
 guiar procedimentos invasivos como a biópsia
percutânea de fragmento (core) e a marcação
 Paciente posicionada em decúbito dorsal, com
as mãos atrás da cabeça. Deve ser utilizado o
transdutor linear, que ao trabalhar com ondas
de alta frequência e baixa amplitude fornece
imagens das estruturas superficiais com alta
resolução.
 O tecido estromal/fibroso intelobar apresenta
ecotextura hiperecóica. Por outro lado, o tecido
glandular (lóbulos) e os elementos ductais
apresentam ecotextura hipo ou isoecóica.
 A maior parte dos ductos e das unidades
funcionais da mama, incluindo as unidades
ducto-lobulares terminais, encontram-se na
zona glandular (também chamada de zona
mamária), que é envelopada pelas fáscias pré e
pós glandulares
• O câncer de mama apresenta ecotextura
hipoecoica (cinza) , enquanto o parênquima
fibroglandular habitualmente é ecogênico (cinza
claro).
• A maior parte dos nódulos mamários são
identificados na zona glandular
 As principais indicações da ressonância magnética
das mamas são:
 Rastreamento complementar de mulheres com alto risco
para câncer de mama
 Estadiamento locoregional para definição cirúrgica de
pacientes com diagnóstico carcinoma lobular invasivo.
 Carcinoma oculto da mama: diagnóstico de metástase
linfonodal axilar sem tumor conhecido na mama.
 Avaliação de implantes de silicone mamário quando
houver dúvida clínica, mamográfica ou ultrassonográfica
sobre a integridade do implante.
 O exame é realizado com a paciente em
decúbito ventral. Devido ao intenso campo
magnético o exame é contraindicado em
algumas situações:
 marcapasso ou desfibriladores cardíacos
implantados
 clipes cerebrais
 implantes cocleares
 fragmentos metálicos no globo ocular
 TANATOMIA ULTRASSONOGRÁFICA DA MAMA.
Dr.Pixel. Campinas. 2016. Disponível em:
https://www.fcm.unicamp.br/drpixel/pt-
br/metodos-de-imagem/anatomia-
ultrassonogr%C3%A1fica-da-mama. Acesso em: 07
Abr. 2019
 FUNDAMENTOS DA PROPEDÊUTICA POR
IMAGEM DA MAMA. Dr.Pixel. Campinas. 2016.
Disponível em:
https://www.fcm.unicamp.br/drpixel/conteudo/fun
damentos-da-propedeutica-por-imagem-da-mama.
Acesso em: 07 Abr. 2019
 NOVELLINE, Robert A. Fundamentos de radiologia de
squire. 5 ed. [S.L.]: Artmed, 2003.