Você está na página 1de 7

Endereço da página:

https://novaescola.org.br/plano-de-aula/2346/plantas-brasileiras-preservar-por-que

Planos de aula / Vida e Evolução

PLANTAS BRASILEIRAS: PRESERVAR, POR QUÊ?


Por: Juliana Nair dos Santos Silva / 01 de Novembro de 2018

Código: CIE2_04V&E10

Habilidade(s):
EF02CI04
Anos Iniciais - 2º Ano - Vida e evolução
Descrever características de plantas e animais (tamanho, forma, cor, fase da vida, local onde se desenvolvem etc.) que fazem parte de seu cotidiano e relacioná-las ao ambiente em que eles vivem.

Sobre o Plano

2º Ano

Objetivos de aprendizagem

Identificar espécies vegetais da região ameaçadas pelo desmatamento. Discutir as causas e as consequências desta ação e reconhecer-se como agente transformador da realidade.

Habilidade da Base Nacional Comum Curricular

(EF02CI04) Descrever características de plantas e animais (tamanho, forma, cor, fase da vida, local onde se desenvolvem etc.) que fazem parte de seu cotidiano e relacioná-los ao ambiente em que eles vivem .

Este plano foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA.

Professor-autor: Juliana Nair dos Santos Silva

Mentor: Eliane de Siqueira

Especialista: Margareth Polido

Materiais complementares

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

PLANTAS BRASILEIRAS: PRESERVAR, POR QUÊ?

Slide 1 Sobre este plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos,


ele apenas resume o conteúdo da aula para que
você, professor, possa se planejar.
Materiais necessários para a aula: Projetor de
slides para transmitir vídeo de reportagem e
charges.

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

PLANTAS BRASILEIRAS: PRESERVAR, POR QUÊ?

Slide 2 Título da aula


Tempo sugerido: 1 minuto.
Orientações: O título da aula poderá ser projetado
em slide, ou não. Deve ser um momento breve de
apresentação geral do tema. Leia e não espere que
os alunos respondam, assegure que no fim da aula
este questionamento seja sanado.

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

PLANTAS BRASILEIRAS: PRESERVAR, POR QUÊ?

Slide 3 Contexto
Tempo sugerido: 7 minutos.
Orientações: Apresente aos alunos o trecho da
reportagem “Pesquisadores apontam espécies de
árvores mais desmatadas na Amazônia”, por meio
do site G1, acessado pelo link:
http://g1.globo.com/ap/amapa/amapa-
tv/videos/v/pesquisadores-apontam-especies-
de-arvores-mais-desmatadas-na-
amazonia/4643826/, questione os alunos se já
presenciaram alguém cortando ou queimando
árvores na sua região (escola e moradia), como era
esta vegetação (características) e, principalmente,
qual seria o motivo que levou a esta ação. O vídeo
também expõe consequências deste
desmatamento, este será o ponto para concatenar
a introdução às questões norteadoras da aula, a
seguir.

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

PLANTAS BRASILEIRAS: PRESERVAR, POR QUÊ?

Slide 4 Questão disparadora


Tempo sugerido: 2 minutos.
Orientações: Assim como o vídeo aponta o grave
desmatamento na região da Floresta Amazônica,
problematize com as crianças o que sentem ao
saber que matam plantas de muitas espécies em
nossa região e o que isso pode acarretar tanto para
quem está perto quanto para outras áreas do país.
Feitas as perguntas deixe que os alunos reflitam e
sistematize todos os questionamentos após a
atividade Mão na massa, proposta no próximo
slide.

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

PLANTAS BRASILEIRAS: PRESERVAR, POR QUÊ?

Slide 5 Mão na massa


Tempo sugerido: 25 minutos.
Orientações: Apresente aos alunos as charges do
slide, uma de cada vez, e, caso prefira, poderá
imprimir e distribuir para que analisem em grupos.
Indague os alunos primeiramente o que observam
na imagem e incite a interpretação, caso ela não
surja naturalmente. A primeira charge diz respeito
à ação de extrativismo, com cortes de árvores pelas
madeireiras (em sua maioria), mas também é
possível citar a agricultura, que desmata para
plantios de monoculturas, ou a criação de gado,
que retira espécies vegetais de grande porte para
formar pastagens. O intuito, neste caso, é
promover a discussão do impacto climático que a
ausência das vegetações densas pode causar. Faça
um paralelo com a região da escola. Onde moram,
há lugares com maior quantidades de árvores do
que outros? Onde é mais fresco e gostoso de estar?
Por quê? Fenômenos como respiração,
transpiração e fotossíntese das plantas poderão ser
citados, mas não são conhecimentos prévios
necessários para o desenvolvimento da aula,
apenas tornarão a discussão mais rica.
A charge número 2 traz animais cujo habitat foi
destruído por corte ou queimadas. Problematize se
isso ocorre na região onde vivem, se há animais de
matas próximas alcançando as áreas urbanas em
busca de abrigo e comida. Isso é ruim? Por quê?
Será que traz riscos, quais? Esses animais
conseguirão sobreviver por muito tempo?
Ao passo que os alunos trouxerem as considerações
faça registros pontuais das falas no quadro, a
retomada posterior destas auxiliará a
Sistematização final do conteúdo.
Nos 10 minutos finais, separe os alunos em quatro
ou cinco grupos propondo que pesquisem quais são
as espécies vegetais mais ameaçadas da região
(cada grupo poderá citar uma espécie. Portanto,
um representante será responsável por montar
uma lista organizando a turma de modo a não
haver repetição entre as buscas).

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.


Plano de aula

PLANTAS BRASILEIRAS: PRESERVAR, POR QUÊ?

Slide 6 Sistematização

Tempo sugerido: 15 minutos.


Orientações: Conclua a aula pedindo que os grupos
citem quais são as espécies desmatadas e o por quê.
Coloque os nomes no quadro acima das anotações
feitas a respeito da interpretação das charges,
simbolizando uma “proteção”, um “guarda-
chuva”, como se elas impedissem todas as ações
ruins citadas anteriormente de acontecer.
Reforce o papel de cada indivíduo para a proteção
da região onde vive, tanto em escala local como em
âmbito global. Finalize com a produção de um
amplificador de ideias que possibilite a reflexão
sobre o papel transformador que possuem,
expressando e replicando o que aprenderam para a
comunidade escolar. A sugestão, neste caso, é um
projeto de plantio na escola de acordo com as
possibilidades do local, desde uma espécie de
grande porte, que será cuidada pela turma, até a
ação de semear vasos para doação em reunião de
pais. Os minutos finais serão para o planejamento
do projeto a ser desenvolvido em longo prazo,
durante novas aulas e intervalos.

Associação Nova Escola © - Todos os direitos reservados.