Você está na página 1de 27

FUNDAMENTOS DA

ADMINISTRAÇÃO

Professor: Almir Araújo


Email: almir@metropolitana.edu.br
Gestão da mudança
O iceberg da cultura organizacional

Componentes visíveis e
publicamente observáveis,
orientados para aspectos
• Estrutura organizacional operacionais e de
Aspectos formais e abertos • Títulos e descrições de cargos tarefas
• Objetivos e estratégias
• Tecnologia e práticas operacionais
• Políticas e diretrizes de pessoal
• Métodos e procedimentos
• Medidas de produtividade

• Padrões de influenciação e poder


• Percepções e atitudes das pessoas
Aspectos informais e ocultos • Sentimentos e normas de grupos Componentes invisíveis
• Crenças, valores e expectativas e cobertos, afetivos e
• Padrões informais de integração emocionais,
• Normas grupais orientados para aspectos
• Relações afetivas sociais e psicológicos
Mudar ou não mudar, eis a questão!!!!

Por que as organizações mudam?


Os motivos são sempre claros?
Os caminhos são os melhores?
O sofrimento e a resistência, atrapalham ou
alavancam o processo?

4
Panorama Conceitual

Mudança é a passagem de um estado para outro.


É a transição de uma situação para uma outra
situação diferente. Representa transformação,
perturbação, interrupção, fratura. Está em toda
parte: nas organizações, nas cidades, nos
hábitos das pessoas, nos produtos e nos
serviços, no tempo e no clima, no dia-a-dia.
(CHIAVENATO,2005)

5
Toda mudança implica novos caminhos, novas
abordagens, novas soluções. Significa uma
transformação que pode ser gradativa e
constante, como pode ser rápida e impactante.
Uma questão de velocidade e profundidade.
Rompe o estado de equilíbrio anterior e o
substitui por um estado de provisoriedade, de
tensão, de incômodo. (CHIAVENATO,2005)

6
• Basil e Cook (1974 apud WOOD JR., 2004)
consideram que os principais elementos da
Mudança Organizacional são a tecnologia, o
comportamento social e as instituições e
estruturas. Para esses autores, a maioria das
organizações muda em resposta às crises,
sendo limitado o número de casos de atitudes
proativas.

7
Mudança...

Mudança implica ruptura,


transformação, perturbação, interrupção.

O mundo está em constantes


transformações: algumas são
lentas, outras são rápidas; e outras
nos causam maiores impactos...

8
MUDANÇA ORGANIZACIONAL

 Mudança Organizacional é um
conjunto de alterações na situação ou
no ambiente de trabalho de uma
organização, entendendo ambiente de
trabalho como ambiente técnico,
social e cultural.
Mudança...
 Estamos em plena era de
mudança: mudam as
tecnologias, as estrutura
sociais, as necessidades, as
pessoas...

10
Mudança sociais...

Além disso...

11
Mudança sociais...
 Queda nas barreiras geográficas
 Elevação mundial do nível de educação – impulsiona
uma renovação tecnológica incessante
 Velocidade na produção e na transmissão de
informações
 Aumento do estoque mundial de capital privado –
compra de parcelas do setor público e financiamento
de pesquisas aplicadas – empresas com poder
decisório, econômico e político
 Rápida alteração dos padrões culturais tradicionais-
resignificação da religião e da moral
 Declínio da ética do trabalho e a instituição de uma
forma de vida consumista e hedonista (prazer
imediato/ individual)
 Fragmentação de valores e condutas pessoais e
coletivas em que a integração social Além
começa
disso...a 12

aparecer como problemática


Mudanças nos métodos
de operações...
 Maneiras pelas quais o
trabalho é realizado;
 Localização do trabalho;
 Disposição das áreas de
trabalho;
 Natureza dos materiais
usados;
 Maquinaria, ferramentas e
equipamentos;
 Práticas de segurança e de
manutenção;
 Normas operacionais; 13
Mudanças nos produtos...
 Especificação dos produtos;
 Especificação dos processo;
 Materiais componentes;
 Padrões de qualidade;

14
Gestão da Mudança e Cultura

• Toda menção à gestão da


mudança organizacional somente
se completa com o
desenvolvimento organizacional,
que é um termo utilizado para
englobar um conjunto de
intervenções de mudança
planejada, com base em valores
humanos e democráticos, que
visam melhorar a eficácia
organizacional e o bem-estar
das pessoas. (CHIAVENATO, 2005)

15
Mudanças no ambiente do
trabalho...
 Condições de
trabalho;
 Sistemas de
recompensa e
punição;
 Padrões de
desempenho;
 Diretrizes e métodos
de ação 16
Mudanças no paradigma
organizacional...

CAPITALISMO PESADO CAPITALISMO LEVE


Paradigma fordista Paradigma microsoft

Volume, tamanho, fronteiras, Dinâmico, rápido, sem


muros firmes e impenetráveis bagagens, antenado, plugado,
frio.
BAUMAN, Modernidade líquida. 17
Mudanças no paradigma
organizacional...
 Estrutura da organização e
atribuição de
responsabilidades;
 Níveis de supervisão;
 Extensão de delegação de
padrões;
 Tamanho e natureza dos
grupos de trabalho;
 Supervisão dos grupos de
trabalho;
 Colocação de indivíduos em
tarefas específicas
18
Os tipos de mudança organizacional
Re d e s e n h o d a o rga n i za çã o
Mudanças na Estrutura
M u d a n ç a d o fo r m ato d o t ra b a l h o
organizacional
N o va c o nfi g u ra ç ã o d o n e gó c i o

N o vo s e q u i p a m e nto s
Mudanças na Tecnologia N o vo s p ro c e s s o s d e t ra b a l h o
Re d e s e n h o d o fl u xo d e t ra b a l h o

N o vo s p ro d u to s / N o vo s s e r v i ç o s
Mudanças nos produtos /
D e s e nvo l v i m e nto d e p ro d u to s
serviços
N o vo s c l i e nte s

N o va s a ti t u d e s , p e rc e p ç õ e s
Mudanças na cultura
E x p e c ta ti va s / N o va m e nta l i d a d e
Organizacional N o vo s re s u l ta d o s

1
PROCESSO DE MUDANÇA
Descongelamento Mudança Recongelamento

Velhas ideias e Novas ideias e Novas ideias e


práticas são práticas são
derretidas, exercitadas e
práticas são
abandonadas e apreendidas incorporadas
desaprendidas definitivamente ao
comportamento

Identificação Interiorização Suporte Reforço

20
As etapas de mudança organizacional
 O processo de mudança organizacional começa com o
aparecimento de forças que vêm de fora ou de algumas
partes da organização. Essas forças podem ser endógenas
ou exógenas:
Forças
Ambientais
(exógenas)

Competição
Globalização,
Concorrente, Necessidades de Diagnóstico da Implementação da
Fornecedores, etc mudança mudança mudança

Analise dos Definição das Utilização da analise


Forças Internas problemas e de campo de forças
mudanças
(endógenas) necessidades necessárias em e tácticas de
tecnologias ultrapassar a
produtos e resistência à
Missão, objetivos, estrutura e cultura mudança
Planos, problemas e
Necessidades da
organização 21
O campo de forças

Forças Propulsoras
(apoio e suporte)
Tentativa de mudança
Bem sucedida
Forças positivas à Nova
mudança são Situação
maiores do que as
Velha forças negativas

Situação
Tentativa de mudança
Forças negativas à Mal sucedida
mudança são maiores “Velha”
do que as forças Situação
positivas

Forças Restritivas
(oposição e resistência) 22
O campo de forças
Forças Forças Restritivas e
impulsionadoras e
Mudança impeditivas
favoráveis

 Desejo de mudar  Passagem de um estado  Desejo de ficar


 Vontade de melhorar para o outro  Vontade de manter o
 Novas ideias status quo

 Criatividade  Velhas ideias

 Inovação  Conservadores

 Inconformismo  Rotina

 empreendedorismo  Conformismo
 Burocracia

23
A percepção da mudança

CHIAVENATO. Comportamento organizacional 24


Reações às mudanças

CHIAVENATO. Comportamento organizacional


25
CHIAVENATO.
(2005)
26
Exercício:
Como mudar a Compass?

Em uma organização muito grande as mudanças custam mais para


acontecer, pois estrutura, cultura e pessoas estão organizadas para
manter e conservar o status quo. Para implementar mais
rapidamente as mudanças na Compass, Júlio Ribeiro decidiu criar
equipes multifuncionais para analisar e tratar de problemas
interdepartamentais, como definição de objetivos, planejamento de
mudanças,coordenação, etc.

Júlio quer manter a estrutura atual e mudar a cultura por meio do


trabalho em equipe

Como deveria fazê-lo?