P. 1
Excesso e Carência de Nutrientes

Excesso e Carência de Nutrientes

4.64

|Views: 55.864|Likes:
Publicado porPedro Afonso
Consequências do excesso ou da carência de nutrientes para o organismo humano
Consequências do excesso ou da carência de nutrientes para o organismo humano

More info:

Published by: Pedro Afonso on Nov 09, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/18/2013

pdf

text

original

Os nutrientes são necessários para a realização de determinadas funções no nosso organismo, pelo que a carência e o excesso estão

relacionados com sintomas que podem colocar a nossa vida em risco.
Nutrição Homens com mais de 24 anos Mulheres entre os 25 e os 50 anos Mulheres com mais de 50 anos

Calorias
Gordura

2900
96 g máximo

2200
73 g máximo

1900 máximo
63 g máximo

Gordura saturada
Colesterol Proteínas

32 g máximo
300 mg máximo 63 g

24 g máximo
300 mg máximo 50 g

21 g máximo
300 mg máximo 50 g máximo

Hidratos de carbono
Fibras

446 g
20 – 30 g

335 g
20 – 30 g

283 g
20 – 30 g

A falta de proteínas provoca atrofiamento (falta de desenvolvimento) dos músculos, aumento do ventre (através da retenção de líquidos), diminuição na resistência às doenças e atraso intelectual.

O excesso de proteínas pode provocar problemas renais e inflamações nas articulações.

Enquanto a carência pode provocar emagrecimento, falta de força e fadiga muscular,

O excesso pode provocar obesidade, doenças cardiovasculares, diabetes, etc.

A sua carência pode provocar emagrecimento

O excesso pode originar obesidade e doenças cardiovasculares.

Cada tipo de vitamina tem uma função específica no nosso organismo não podendo ser substituídas umas pelas outras, a sua carência origina doenças a que chamamos avitaminoses.

A falta de vitamina A pode originar a lesão do globo ocular, com perda de visão – Xeroftalmia.

A FALTA de Vitamina B pode provocar BERIBERI

A FALTA de Vitamina C pode provocar ESCORBUTO

A partir do século 18, entretanto, demonstrouse que a suplementação alimentar com frutas cítricas (laranjas e limões, por exemplo), evitava o escorbuto, e no século 19 foi determinado que a ingestão de arroz integral (em substituição ao arroz polido), prevenia a ocorrência de beriberi.

A FALTA de Vitamina D pode provocar RAQUITISMO

Descobriu-se também que o fígado cru de boi prevenia e tratava a anemia perniciosa, e que o óleo de fígado de bacalhau era excelente para o raquitismo.

Não podem ser sintetizados pelo organismo e dependendo do mineral em falta existem diferentes consequências:

A falta de Cálcio e Fósforo pode originar Raquitismo, Osteoporose, Fadiga

A deficiência de Ferro pode originar anemia.

Contagem normal de glóbulos vermelhos

Contagem em caso de anemia de glóbulos vermelhos

A falta de Flúor pode originar Cárie dentária.

A falta de IODO pode provocar o mau funcionamento da tiróide, originando BÓCIO

A carência leva a desidratação, principalmente em resultado de estados febris ou diarreias prolongadas.

A sua carência pode provocar prisão de ventre ou aterosclerose

pág. 20

pág. 21

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->