Você está na página 1de 7

Atividade

1) Mantenabilidade ou manutenibilidade, segundo a norma brasileira NBR-


5462/1994 (Confiabilidade e Mantenabilidade) é a facilidade de um item em ser
mantido ou recolocado no estado no qual ele pode executar suas funções
requeridas, sob condições de uso especificadas, quando a manutenção é
executada sob condições determinadas e mediante os procedimentos e meios
prescritos. Para analisar a mantenabilidade de um equipamento devem ser
levados em conta os requisitos básicos fundamentais.
Relacione as colunas abaixo, de modo a confirmar o conceito citado acima.

( a ) Requisitos qualificados ( ) Utilizados para orientar nas execuções das


atividades, informando-os sobre métodos, materiais,
ferramentas, disponibilidade, procedimentos para

( b ) Requisitos quantificados execução;


( ) São utilizados para evidenciar tempos de
execução, médias de paradas, tempos de
indisponibilidade e quantidades de materiais

( c ) Suporte Recursos sobressalentes;

( ) Trata-se de todas as condições necessárias para


dar condições a alojamentos, transporte, produção,
distribuição e manutenção de ferramentas
2) Em um Sistema de Manutenção o indicador MTBF significa:

( ) Tempo de disponibilidade de operação de uma linha ou equipamento


( ) Tempo de parada total de operação de uma linha ou equipamento
( ) Tempo médio entre falhas de uma linha ou equipamento
( ) Tempo médio para repao de um equipamento

3) Down Time significa:

( ) Tempo de disponibilidade de operação de uma linha ou equipamento


( ) Tempo de parada total de operação de uma linha ou equipamento
( ) Tempo médio entre falhas de uma linha ou equipamento
( ) Tempo médio para reparo de um equipamento

4) O indicador MTTR significa:

( ) Tempo de parada total de operação de uma linha ou equipamento


( ) Tempo médio entre falhas de uma linha ou equipamento
( ) Baixo tempo para manutenção
( ) Tempo médio para reparo de um equipamento
5) Coloque as palavras e/ou frases para que seja montado o fluxo preditivo
atendendo às necessidades do negócio, de acordo o abordado na disciplina:
6) A curva apresentada na figura abaixo representa de uma maneira geral as
fases da vida de um componente. Pode-se observar que um componente
apresenta três períodos de vida característicos, sinalizados pelas partes A, B e C
na curva. Com base nas informações contidas na figura, é CORRETO afirmar que :

I. A Curva da Banheira ilustra claramente o comportamento característico de uma


máquina ou componente em relação à taxa de falhas no decorrer do tempo.
II. A região A da curva é denominada “Mortalidade Infantil".
III. Na região B da curva, as falhas são randômicas.
IV. Na região B ocorre a realização da manutenção preventiva de forma a
melhorar a confiabilidade do componente.
a) Apenas as assertivas I, II e III estão corretas.
b) Apenas as assertivas I e II estão corretas.
c) Apenas a assertiva I está correta.
d) Todas as assertivas estão corretas.
e) Apenas a assertiva II está correta.
7) A Análise de Modos de Falhas e Efeitos (FMEA) e a Árvore de Falhas são
duas técnicas de identificação e análise de risco que podem fazer uso de dados
quantitativos. A esse respeito, considere as afirmações abaixo:

I - A FMEA é uma técnica eficiente quando aplicada a sistemas ou falhas simples,


enquanto a Árvore de Falhas é a técnica recomendada para sistemas complexos.
II - A FMEA visa a obter, por meio de um diagrama lógico e do uso de expressões
da álgebra booleana, um conjunto mínimo de falhas e combinações de falhas que
levam ao evento em estudo, ao passo que a Árvore de Falhas visa à obtenção das
causas e/ou da probabilidade de ocorrência de um determinado evento
indesejado.
III - A metodologia usada pela técnica FMEA categoriza as falhas para priorização
das ações corretivas, e a Árvore de Falhas determina a sequência mais crítica de
falhas que leva à ocorrência de um evento indesejado.

É correto APENAS o que se afirma em:

a) I
b) II
c) III
d) I e II
e) I e III
8) A confiabilidade de um processo ou de um produto depende da capacidade
dos projetistas compreenderem e levantarem os possíveis modos de falha que
poderão acontecer no futuro. A metodologia Análise do Tipo e Efeito de Falha
(FMEA) vem se difundindo com relativo destaque nos últimos anos como uma
metodologia robusta.
Sobre as possíveis aplicações do FMEA, é INCORRETO afirmar que:

a) Procura reduzir a probabilidade de ocorrência de falhas em projetos de


novos produtos ou processos.
b) Procura reduzir a probabilidade de falhas potenciais em processos já
existentes.
c) Procura aumentar a confiabilidade de processos e produtos existentes por
meio da análise de modos de falhas que já ocorreram.
d) Capta as necessidades, os desejos e vontades do cliente, evitando possíveis
falhas no projeto de desenvolvimento do produto.
9) Chama-se Análise FMEA (Failure Mode and Effect Analysis) a metodologia
que tem como objetivo a avaliação e a minimização dos riscos, fundamentando-se
na análise de possíveis falhas e implantação de ações que aumentem a
confiabilidade. A FMEA pode ser aplicada para:

a. Diminuir as possíveis ocorrências de falhas em projetos já desenvolvidos.

b. Aumentar a qualidade em procedimentos administrativos.

c. Aumentar a confiabilidade de produtos a serem desenvolvidos.

d. Melhorar a confiabilidade de processos a serem desenvolvidos.

e. Monitorar continuamente os produtos já desenvolvidos.