Você está na página 1de 23

O método interrogativo

António Rosado

O método Interrogativo

Baseia-se na aprendizagem com base em perguntas feitas ao formando e posterior correcção do formador. Método demorado e muito exigente. Pode ser usado isoladamente (maieutica de Sócrates) mas é comum usar-se em conjunto com os outros: para fazer uma avaliação inicial, para fazer um balanço final, para garantir o controlo do processo expositivo, por exemplo.

Método interrogativo

Não é, habitualmente, usado em exclusividade: pode tornar a acção aleatória, quer em termos de gestão do tempo quer dos resultados.

Por vezes é difícil prever a duração das respostas e o nível de participação. Pode não haver respostas.

Implica conhecimentos prévios sólidos da matéria a tratar.

Método Interrogativo

Exige planificação de uma sucessão de questões. Favorece a reflexão, a compreensão e a apreensão. Favorece um bom arranque do trabalho. Favorece a atenção e a motivação. Favorece a participação. Útil para avaliação diagnóstica, para revisões, para controlo da sessão, para consolidar as aprendizagens.

O Questionamento

Objectivos

1 Controlar a aquisição de conhecimentos

2 Desenvolver a capacidade de reflexão

3 Solicitar apreciação e motivar

4 Controlo dos aspectos organizativos

5 Aumentar a interacção

6 Melhorar o clima, gestão e disciplina

O Questionamento - Cont.

Tipos de perguntas

1 Que testam conhecimentos (reconstituição de factos)

2 Que despertam novos conhecimentos (“obrigam a pensar”)

3 Perguntas de Conhecimento/Perguntas de Valor

4 Perguntas convergentes/P. divergentes

5 Perguntas de controlo/organização

6 Perguntas de Retórica

Questionamento

Perguntas de “ricochete”: devolução da pergunta ao indíviduo ou ao grupo. Perguntas de Remate: Há dúvidas? Mais questões?

O questionamento

Garantir a validade de conteúdo (representatividade das questões). Garantir a adequação ao perfil do formando. Ser subordinadas aos objectivos/relevantes. Linguagem clara (breves e precisas, evitando confundir). Evitar:

Falsas alternativas

Questões demasiado genéricas

Frases negativas

Duplas negativas

Questões irrelevantes

O questionamento

Foco: focadas nas matérias essenciais. Linguagem adequada: num vocabulário que facilite o seu entendimento. Relevância sócio-cultural: ajustar o conteúdo à cultura do formando e ao meio onde se insere.

O Questionamento

As questões devem ser:

Significativas e interessantes As questões mais simples primeiro; aumentar gradualmente a complexidade Ser perceptíveis por todo o auditório Formular a pergunta antes de nomear o inquirido Pausa entre a emissão da questão e a nomeação do respondente. Dar tempo para responder.

O Questionamento

Olhar procurando sinais de que estão prontos para responder Maior pausa e mais lentamente se a questão é complexa Reformular por novas palavras se não entenderem Agradecer as respostas

Deixar claro que não faz mal errar.

Distribuir por todo o grupo Se não responde, redirige-se para outro

O Questionamento - Cont.

Não aceitar respostas em coro/ só um de cada vez

- dificuldade de controlo - de reforço

Elogiar as respostas correctas e as incorrectas (o esforço de ter participado) Usar diversos tipos de questões

O Questionamento

Combinar um sinal para responder. Usar perguntas de encaminhamento

- Dar “dicas” de resposta para ajudar

Usar perguntas de aprofundamento

No caso de respostas superficiais

Encorajar a colocação de questões Usar após períodos de informação

O Questionamento

De acordo com as taxonomias:

BLOOM (cognitivo)

KRATHWOHL (afectivo)

Memorização

Recepção - Atenção Resposta - Participação Valorização - 1 valor Organização - Sistema de valores Actuar de acordo com o sistema de valores

Compreensão

Aplicação

Análise

Síntese

Avaliação

Perguntas de Conhecimento

São perguntas que estimulam a aluno a recordar o que viu ou ouviu, associadas à memorização.

Geralmente são fechadas podendo ser desde questões do tipo sim/não até questões de evocação, recordando factos, terminologia, convenções, regras, leis, etc.

Ex: Enuncia a regra do fora de jogo em Futebol.

Perguntas de Compreensão

Estimulam a compreensão daquilo que se recorda, correspondendo a descrições pelas suas próprias palavras (tradução ou transposição), ao ao enunciar de ideias básicas (interpretação) e às às comparações. Envolve, também, uma síntese. síntese.

Referem-se sempre a informação dada.

Ex: Identifica as consequências da actividade física regular na saúde.

Perguntas de Aplicação

Envolvem transferência de conhecimentos de situações conhecidas para situações novas.

Por ex

deduz as consequências da violência nos

, estádios a partir de acontecimentos paralelos ocorridos no passado.

Perguntas de Análise

São perguntas envolvendo a capacidade de dividir um todo em partes, de identificar as relações entre as partes, de esclarecer a estrutura do todo, de identificar motivos e causas subjacentes, fazer inferências e dar exemplos das suas afirmações.

Exigem

organização

de

ideias,

procura

de

evidências, interpretações e generalizações.

Ex.:

Identifica,

na

análise

do

desporto,

as

motivações

subjacentes

ao

comportamento

do

público desportivo.

Perguntas de Síntese

Envolvem a reunião de componentes de forma a obter um novo conjunto, conduzindo à expressão de uma criação original do indivíduo.

Ex: Elabora um programa individual de preparação da sua condição física.

Perguntas de Avaliação

Solicitam um juízo emitido sobre algo em análise, análise, com base em critérios dados. Juízos sobre a qualidade das ideias, sobre o valor valor das soluções dos problemas. São perguntas que solicitam opinião exigindo juízo de valor sobre as ideias. Ex: Avalia o comportamento dos atletas de alta- competição de acordo com o modelo comportamental do olimpismo

Domínio Sócio-Afectivo

Perguntas de Recepção: Perguntas que estimulam a disposição do sujeito para tomar consciência e prestar atenção aos fenómenos à sua volta. Ex: Estão a ouvir?

Perguntas de Resposta: Avaliam a participação, a disposição para responder, a a satisfação na resposta. Ex: Estás a gostar do jogo?

Domínio Sócio-Afectivo

Perguntas de Valorização (ou Valor): São perguntas que exigem atribuição de um valor às às realidades com que se lida, envolvendo aceitação de um valor, preferência por um valor e defesa de um valor. Exigem apreciação. apreciação.

Ex: Achas que se devem respeitar sempre as decisões do árbitro?

Domínio Sócio-Afectivo

Perguntas de Organização:

Questões que exigem a reflexão sobre diferentes valores, demonstrando a existência de um sistema conceptualizado e coerente de valores por parte do indivíduo.

Ex: Exponha a sua concepção da utilidade do desporto no desenvolvimento dos indivíduos