Todos os órgãos do corpo são forrados por tecido epitelial que esfoliam seus elementos celulares e eles podem

ser usados para estudo da citologia esfoliativa como por exemplo: fluido do estômago, pulmões, esfoliativa, glândulas mamarias, vagina, rim, cavidade pleural, pericárdio e peritônio.

Se engravidou diversas vezes . alguma prova de Papanicolaou tenha revelado presença de células anormais .Se sua mãe fez uso de hormônio para evitar aborto quando estava grávida de você.Se teve infecções vaginais frequentes.Ter história de relações sexuais com diversos parceiros ao longo da vida ou se começou atividade sexual muito cedo. transmitidas por relações sexuais. . .Se no passado. . .Citopatologia ginecológica y É a coleta de amostra para diagnóstico precoce do câncer de colo uterino y Fatores de risco: y .Se tem idade entre 40 e 55 anos.

Sangramentos genitais anormais .Coágulos no meio da menstrução .y Sintomas suspeitos: .Mancha tipo borra de café durante o período .Cólicas menstruais (dismenorréia) .Fluxo vaginal .Hemorragia menstrual (metrorragia) .

como durante a lactação. O aspecto da secreção deve ser avaliado quanto a cor. Essas informações básicas devem estar contidas na solicitação do exame para auxiliar a interpretação e a liberação do laudo. y Punção Aspirativa: mama. . ovário. ocasionadas por patologias benignas ou malignas. Podem representar condições clínicas normais. tireóide. ou anormais.Citopatologia da Secreção Mamária y As descargas papilares mamárias devem ser sempre valorizadas. Também deve ser checado se o material provém de um único ducto ou de vários deles (tipo chuveiro). quantidade e consistência. etc.

.

por intermédio dos escovados (lesões de superfície). Excelente método de detecção precoce de neoplasias. desde a cavidade oral até o ânus. A maioria dos materiais é obtido pela endoscopia. .Citopatologia Gastrointestinal y Abrange todo o trato gastrointestinal. com exceção da cavidade oral e do ânus. lavados ou aspiração (lesões de camada mais profunda).

Lesões bucais .

LESÃO ANAL .

tumores periféricos menores. Com esse método de citologia esfoliativa. .Citopatologia Respiratória y A secreção nasal. o escovado brônquico e o lavado do bronquíolo alveolar são os principais espécimes incluídos na citologia esfoliativa respiratória. Escarro É considerado o espécime citopatológico de maior acessibilidade para complementação diagnóstica. o escarro. é possível diagnosticar tumores de localização central da árvore brônquica e. menos freqüentemente.

deve ser realizada a broncoscopia. A citologia esfoliativa respiratória incluindo os escovados e lavados brônquicos. segundo alguns autores. em pacientes com história clínica respiratória relevante.y Escovado Brônquico Diante de uma citologia de escarro negativa. . é o material mais adequado para o diagnóstico de lesões periféricas.

principalmente em pacientes imunologicamente debilitados. .y Lavado Broncoalveolar Freqüentemente utilizado para o diagnóstico de infecções oportunistas.

BRONCOSCOPIA .

não confirma a suspeita clínica. nos quais são identificados e quantificados neutrófilos. basófilos. com certa freqüência. linfócitos e células caliciformes. principalmente em casos de alergia. .y Secreção Nasal A citologia nasal é importante no diagnóstico das rinopatias e em sua classificação. Baseia-se no citograma ou na contagem celular. A citologia nasal. eosinófilos. mastócitos.

ureter e uretra.Citopatologia Urinária y O exame citopatológico do sedimento urinário é indicado na detecção de alterações pré-cancerosas e do câncer de bexiga. pelve renal. .

ectocérvice. boca. y Lavado . gastrointestinal. escovado gastrointestinal .peritônio. ânus e escarro.TÉCNICAS DE COLHEITA y Tipos de coleta: y Esfoliativa (raspagem) Parede vaginal. fundo de saco. . escovado brônquico. tireóide. pericárdio. bronquíolo alveolar. cistos. y Punção mama. y Escovado Endocérvice.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful