Você está na página 1de 4

Língua e linguagem

Ao introduzirmos o assunto de língua e linguagem, uma dúvida vem a nossa mente: Qual é a
diferença entre língua e linguagem? Vários linguistas estudam esse assunto e algumas definições foram
elaboradas. Leia o trecho a seguir, retirado da Revista Nova Escola.

A linguagem é a capacidade que os seres humanos têm para produzir, desenvolver e compreender a língua
e outras manifestações, como a pintura, a música e a dança. Já a língua é um conjunto organizado de
elementos (sons e gestos) que possibilitam a comunicação. Ela surge em sociedade, e todos os grupos
humanos desenvolvem sistemas com esse fim. As línguas podem se manifestar de forma oral ou gestual,
como a Língua Brasileira de Sinais (Libras).

Consultoria Margarida Maria Taddoni Petter, professora de Linguística da Universidade de São Paulo (USP).

http://revistaescola.abril.com.br/fundamental-2/qual-diferenca-lingua-linguagem-687749.shtml

Desse modo, podemos concluir que a língua é uma das formas de linguagem que utilizamos para
nos comunicar com os outros. No caso do Brasil, utilizamos a Língua Portuguesa ou o Português Brasileiro
em nossas comunicações orais ou escritas.
No entanto, outras linguagens estão presentes em nosso dia a dia, como os gestos, a pintura, a
música, os desenhos e símbolos.

Interlocutores
A linguagem promove interação entre os envolvidos na situação comunicativa. Esses envolvidos são
chamados interlocutores. Temos dois tipos de interlocutores, aquela que expressa a linguagem é o locutor,
aquele que a recebe é o locutário. Numa conversa, por exemplo, quem fala é o locutor e quem escuta é o
locutário. Esses papéis podem se alternar, dependendo da situação comunicativa.
Numa sala de aula, por exemplo, quando o professor está explicando uma matéria, ele é o locutor e
os alunos, os locutários. Quando um aluno levanta a mão e faz uma pergunta, ele passa a ser o locutor e o
professor e os outros colegas tornam-se locutários.
Em um texto verbal ou em uma pintura, por exemplo, o autor é o locutor e o leitor, aquele que
aprecia a pintura, são os locutários.

Intenção
Ao utilizar uma determinada linguagem em uma situação de comunicação, o locutor tem sempre
uma intenção, como a de convencer, entreter, informar etc. E, assim, age no mundo em que vive.

Linguagem verbal e linguagem não verbal


A linguagem que faz uso das palavras para estabelecer comunicação é chamada de linguagem
verbal. Aquela que não utiliza as palavras, mas desenhos, gestos, notas musicais, movimento corporal,
símbolos, são as linguagens não verbais.
Há ainda uma terceira, composta por linguagem não verbal associada à linguagem verbal, que é
chamada de linguagem mista. Para denominarmos uma linguagem de mista, tanto a não verbal quanto a
verbal devem ser necessárias para a compreensão do texto. Por exemplo, se leio uma história da
Chapeuzinho Vermelho que utiliza a linguagem verbal e, ao lado, vejo um desenho da personagem, apenas
ilustrando o livro, não posso considerar esse texto como misto.
Linguagem e os códigos
As linguagens fazem usos de códigos, que são símbolos e sinais criados e compartilhados em uma
comunidade. Esses códigos só fazem sentido se forem determinados, convencionados e conhecidos por
aquele grupo.
Temos, como exemplos, os códigos verbais, que são as línguas, os códigos de trânsito, presentes
nas placas, os códigos musicais, código Morse etc.

Letra e fonema
Letra é a menor unidade gráfica de uma palavra. Em outras palavras, é a menor parte da palavra
escrita.
Fonema é a menor unidade sonora de uma palavra. Está relacionado, portanto, aos sons produzidos
quando pronunciamos uma palavra.
Nem sempre a quantidade de letras e fonemas são equivalentes em uma palavra. A palavra gaveta
possui 6 letras e 6 fonemas: /g/, /a/, /v/, /e/, /t/, /a/. Já a palavra massa possui 5 letras e 4 fonemas: /m/, /a/,
/s/, /a/, pois os dígrafos (ss, rr, nh, lh, ch, qu, gu, entre outros) são representados por apenas um fonema. De
maneira diferente, a palavra axila possui 5 letras e 6 fonemas: /a/, /k/, /s/, /i/, /l/, /a/, devido ao som que a
letra x produz nessa palavra.
2

EXERCÍCIOS

1) Após ler a teoria sobre o que é a língua, reflita sobre os aspectos a seguir. Redija parágrafos para
expressar suas conclusões.

a) Para que serve a língua?


b) Por que a língua é importante como forma de linguagem?
c) Se, por meio da linguagem, posso interagir e agir no mundo em que vivo, qual a importância de
aprender a língua do país em que vivo?

2) Leia o Texto 1 e responda ao que se pede.

TEXTO 1

a) No primeiro quadrinho da tira, quem é o locutor? E quem é o locutário?


b) No segundo quadrinho essa relação se mantém? Redija um parágrafo, explicando como se
estabeleceram as relações comunicativas no segundo quadrinho.
c) Considerando a tira como um texto, quem é seu locutor e seu locutário?
d) O balão de fala que o soldado entrega para seu chefe é muito comum nas tirinhas e histórias em
quadrinho. O que esse tipo de balão significa?
e) Por que a personagem sugere que o sargento vai precisar do balão?

3) Observe os textos a seguir e marque a opção correta em relação à linguagem que utilizam:

TEXTO 2

a) texto verbal
b) texto não-verbal
c) texto misto

TEXTO 3

a) texto verbal
b) texto não-verbal
c) texto misto

TEXTO 4
3

a) texto verbal
b) texto não-verbal
c) texto misto

TEXTO 5

“O fundador da linguística moderna chama-se Ferdinand de Saussure.


Saussure trouxe novos caminhos para a linguística, graças ao seu estudo sobre a língua e a fala
(langue e parole).
Para Saussure a língua foi imposta ao indivíduo, enquanto a fala é um ato particular.
A soma língua + fala resulta na linguagem.”
http://www.infoescola.com/portugues/linguistica/

a) texto verbal
b) texto não-verbal
c) texto misto

TEXTO 6

Macaco é um termo de origem africana (provavelmente do banto: makako) utilizado


como designação comum a todas as espécies de símios ou primatas antropoides,
aplicada no Brasil, restritivamente, aos cebídeos (ou macacos do Novo Mundo) em
geral. No sentido estrito, macaco refere-se às espécies de primatas pertencentes ao
gênero Macaca.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Macaco

a) texto verbal
b) texto não-verbal
c) texto misto

TESTO 7
4

4) Que tipo de linguagem foi usada no Texto 7?

5) Observando a imagem ilustrada e o texto, podemos sugerir que o pai de Leloca está lendo:
a) Um livro poético
b) Um texto científico
c) Um livro de romance
d) Um texto jornalístico

6) A tira tem a característica de ser um texto de humor. Qual é o fato engraçado nesse texto?

7) Releia a teoria sobre letra e fonema e depois faça o que se pede.


a) Encontre 3 palavras que tenham o mesmo número de letras e fonemas.
b) Encontre 3 palavras que tenham mais letras que fonemas.

8) Indique o número de letras e fonemas em cada palavra:

LETRAS FONEMAS

Papelaria

Saxofone

Abacaxi

Queijo

Carro

Paçoca

Hoje

Passeio

Guerra