Você está na página 1de 2

(só ver Campbell e Meu Resumo, nem lê nada daqui)

Pé plano do adulto (Campbell/Sizínio)

Def.: perda do arco longitudinal medial normal ou queda da abóbada plantar. Pode ser
causado por AR, insuficiência do tibial posterior, coalisão lateral, pé talovertical.
- 15 – 20% dos adultos tem pé plano assintomático.
- QC: valgo do retropé + protusão medial do tornozelo, antepé pronado e abduzido, mas
supinado em relação ao retropé. O tálus fica inclinado para plantar e medial fazendo
uma proeminência medial, tendão calcâneo encurtado (por insuficiência do tibial
posterior – dor e fadiga). Pode ser flexível ou rígido.
- Rx:
 Tendência à verticalização do tálus no P e medialização no P.
 Kite aumentado > 35º (normal: 20 – 40º)
 Giannestras ( talo navicular): < 60º (normal 60-80º)
 Linha traçada no P que passa pelos eixos longitudinais do tálus, navicular, cunha
medial e 1º MTT forma linha reta.
 Ângulo de inclinação do calcâneio (Pit) < 15º (normal: 15-20º)
 Ângulo talo calcâneo no perfil < 35º (normal 35-50º )
 Tálus- 1º MTT (normal 0 – 10º) > 10º
 Pit talus (normal 25 a 30º )
 Costabertani aberto ( nl 120º ), diminui a cobertura do talus- Caio Nery

Exame físico:
- Fazer teste de Gowers na criança
- Teste da ponta do pés – não varização indica insuficiência do tibial posterior ou tendão
calcâneo ou rigidez do subtalar
- Teste de Silverskield
- Teste de Jack: se + aparece o arco plantar longitudinal, há varização do retropé e a
tíbia roda externo.
Classificação de Johnson e Strom:

I- edema, dor, inflamação e derrame na bainha do tibial posterior. Há irritabilidade à


eversão passiva do pé ao longo do trajeto dos tendões. Não há deformidade. Não há
perda da função.
II- Perda da função e incapacidade de efetuar a elevação dobre os dedos em 1 perna
Tenta compensar com tibial anterior. O retropé é flexível. Dor no seio do tarso ou à
compressão lateral.(tendinose-Caio Nery)
III- Deformidade fixa do retropé com abdução e valgo + alterações degenerativas; dor
no seio do tarso.
IV- Valgo do tornozelo. Deformidade + rigidez associado à degeneração do deltóide.

Tratamento: (pela classificação de Johnson)

I- Não cirúrgico: repouso, AINes, bota gessada, injeção de corticóide na bainha,


fisioterapia. Órtese que mantém o retropé neutro (em T). Na falha, pode ser usado o
tratamento cirúrgico de tenossinovectomia. PO com bota gessada por 6 semanas +
órtese ou tratamento por 3 meses.
II- O não cirúrgico muitas vezes é bem sucedido com uso de órtese tipo AFO ou OTP.
Permite o uso de sapatos s/ dor após 9-12meses. Tratamento cirúrgico: Evans-
alongamento da coluna lateral do calcâneo por osteotomia em cunha de abertura ou
artrodese da calcâneo-cubóide + desvio medial da tuberosidade do calcâneo com
osteotomia (Koutsogianis): incisão lateral , com cuidado para não lesar o nervo sural,
associar a transferência do FLD para o navicular (ou FLH), com tenodese à porção
íntegra do tibial posterior.
PO: Pé é mantido em eqüino-varo 4 a 5 semanas + 2 semanas em neutro. Após 6
semanas é usado gesso com salto por 3-4 semanas
Pode ser feito reparo do ligamento mola ( deve ser rotineira no reparo do tibial post)
Na osteotomia do calcâneo para alongamento da coluna lateral: PO: 8-10 semanas com
gesso até consolidação ao Rx + 3 meses bota com carga
Osteotomia de deslizamento medial
III- Deformidade fixa e rígida + artrose : tratamento inicia com OTP
Na falha do tratamento não cirúrgico o tratamento de escolha é a artrodese tríplice
(subtalar, calcâneocubóidea e talonavicular )ou artrodese talo navicular isolado nos
idosos.Na artrdese tríplice, via lateral cruzando seio do tarso, talonavicular até maléolo
lat.Remover as superfícies articulares corrigindo o valgo,dorsiflexão mediotarsal e abd
do antepé, sendo necessária incisão medial adicional a 1cm do maléolo medial.Fixação
com 2 pinos de Steinman de distal p/ proxna talonavicular e na calcâneocubóidea. A
subtalar pode ser fixada c/ 1ou 2 parafusos canulados da tuberosidade calcânea ao
tálus.PO:12 sem s/ carga c/ gesso suro e remossão dos fios+ 4 sem c/ gesso e carga
conforme tolerado.
IV- Pan artrodese ( Caio Nery).