Você está na página 1de 32

PUBLICIDADE

TER18JUN
Terça-feira
18 de Junho de 2019
Ano 43 • N.º 15661

Kz 45,00
Director: VÍCTOR SILVA
Director-Adjunto: CAETANO JÚNIOR
www.jornaldeangola.co.ao

INSTITUTO DE GESTÃO DE ACTIVOS E PARTICIPAÇÕES DO ESTADO

NESTA EDIÇÃO

JOSÉ LUÍS MENDONÇA


O acordo errográfico
Privatizações de fábricas
têxteis foram irregulares
OPINIÃO • 7

BISPOS EM ROMA

O Instituto de Gestão de Activos e Partici- em Luanda. No documento, de 11 pontos, cialmente previstos. Foi o Ministério da
pações do Estado (IGAPE) denunciou ontem, o IGAPE refere que o custo de reabilitação Geologia e Minas e da Indústria, cujo titular
em comunicado, a privatização irregular de cada uma das três fábricas têxteis ascen- era Joaquim David, que organizou todo o
das fábricas África Têxtil, em Benguela, deria a 50 milhões de dólares, mas o valor processo de financiamento para a recupe-
da ex-Satec, no Dondo, e da Textang II, final superou dez vezes os montantes ini- ração das fábricas. ECONOMIA• 13

VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO

AGNELA BARROS
Papa Francisco

“Desberlinizar
saúda angolanos
ÚLTIMA • 32

MOÇAMBIQUE
Angola na Cimeira
Estados Unidos-África
POLÍTICA • 2

VERA DAVES
Adiamento
do IVA implica
África” é tarefa
dos intelectuais
menor entrada
de receitas fiscais
ECONOMIA • 12

MATERIALIZAÇÃO DE PROJECTOS

do continente
Executivo lança programa
de intervenção municipal
POLÍTICA • 3

MOHAMMED MORSI
ENTREVISTA • 4 | 5

Ex-Presidente egípcio ANGOTIC RECEBE 150 INDIVIDUALIDADES ESTRANGEIRAS


morre em pleno tribunal

Feira de tecnologias arranca em Luanda


ÁFRICA • 10

CONSELHO CONSULTIVO
Diplomacia aborda
amanhã execução ECONOMIA • 13
da política externa
POLÍTICA • 2
INVESTIMENTO EM TRÊS ANOS TRIBUNAL MILITAR BP DO MPLA
CAN’2019

Governo vai General José Maria OMilitar


Supremo Tribunal Albino Carlos
60 milhões (STM) aplicou,

para desminar criar 250 mil em prisão domiciliar ontem, a medida de é o secretário
coacção pessoal de pri-
são domiciliar ao ex- para Informação
Okavango empregos chefe do Serviço de In-
teligência e Segurança O Bureau Político do MPLA
O Governo anunciou on- O ministro Jesus Maiato Militar (SISM), gene- elegeu, ontem, Albino Car-
tem, em Londres, o inves- garantiu ontem, em Gene- ral António José Maria, los para o cargo de secre-
timento de 60 milhões bra, à Organização Inter- que é acusado de in- tário para a Informação,
de dólares para a remo- nacional do Trabalho (OIT), subordinação e de ex- em substituição de Paulo
ção de minas terrestres que o Governo adoptou travio de documentos, Pombolo, que ascendeu
Jogadores fazem da bacia do rio Okavango. um conjunto de medidas aparelhos ou objectos a secretário-geral, no qua-
pacto de união O financiamento destina- para criar 250 mil postos com informações con- dro do congresso extraor-
DESPORTO • 31 se a limpar 153 campos de trabalho em três anos. fidenciais de carácter dinário da organização
minados. ÚLTIMA • 32 POLÍTICA • 3 militar. POLÍTICA • 3 política. POLÍTICA • 3
2 POLÍTICA Terça-feira
18 de Junho de 2019

ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO FORÇAS ARMADAS UGANDA


DR DOMBELE BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO

Soldados com altos


índices de deserção
Lourenço Bule| Menongue detidos preventivamente,
pela prática de crimes como
Os praças, soldados e agentes deserção, conduta indeco-
são os efectivos das Forças Ar- rosa, insubordinação, abuso
madas Angolanas e da Polícia de cargo e violação das regras Ministro Manuel Augusto
Nacional que cometem mais de serviço de guarda e guar- entregou ontem a missiva
crimes de deserção, informou nição, cujas penas variam de
sexta-feira o procurador da 5ª
Região Militar Sul, tenente-
dois a 24 anos de prisão efec-
tiva ou expulsão.
Chefe de Estado
coronel Inocêncio Leal Lima. Sem avançar dados esta-
É considerado crime de tísticos do ano anterior, real- envia mensagem
deserção a ausência por tem- çou que o número de crimes
po superior de mais de 10 militares reduziu significa- a Musseveni
dias do posto de trabalho sem tivamente na província.
aviso prévio, dispensa ou co- Inocêncio Leal Lima fez O ministro das Relações
nhecimento do seu superior saber que são considerados Exteriores, Manuel Augusto,
hierárquico. crimes militares as acções que deixou ontem o país com
Ao orientar uma palestra violem algum dever e disci- destino ao Uganda, para pro-
com o tema “Lei dos crimes plina dos órgãos de defesa e ceder à entrega de uma men-
militares”, no quadro das segurança nacional. sagem do Presidente João
comemorações do 40º ani- “A nível do nosso territó- Lourenço para o homólogo
versário do Ministério do Inte- rio podemos considerar bai- Yoweri Museveni.
Delegação apresentou os desafios do Executivo para a criação de postos de trabalho rior, o procurador informou xo o índice de crimes mili- Segundo um comunicado
que 40 efectivos das FAA e da tares, visto que não temos do Ministério das Relações
Polícia Nacional encontram- uma estatística bastante alar- Exteriores, a mensagem do
se encarcerados na Unidade mante”, disse. Chefe de Estado tem como
Governo assume em Genebra de Prisão Preventiva da 5ª
Região Militar Sul, situada na
comuna do Missombo, pela
O oficial das FAA defendeu
a realização regular de pales-
tras que abordam temas como
objectivo o reforço da coope-
ração entre os dois países e
aborda ainda aspectos rele-

promessa para criar empregos prática de vários crimes mili-


tares. Deste número, 25 já
foram condenados e 15 estão
crimes militares, disciplina e
organização no seio dos órgãos
de Defesa e Segurança.
vantes da situação prevale-
cente naquela região do con-
tinente africano.
O Ministério das Relações
Sessão analisou ontem os progressos feitos pelos Estados- EDUARDO PEDRO | EDIÇÕES NOVEMBRO
Exteriores considera que
membros em 100 anos de existência da instituição mundial Angola e o Uganda desenvol-
vem excelentes relações de
cooperação em alguns domí-
O Governo angolano garantiu aos princípios consagrados O ministro disse que “hoje, nios, quer bilateral, quer no
ontem, em Genebra (Suíça), na Constituição da República não subsistem dúvidas de que quadro da Conferência Inter-
à Organização Internacional de Angola, aprovada em 2010. se vivenciam no mundo do nacional da Região dos Gran-
do Trabalho (OIT) que tem O ministro angolano consi- trabalho mudanças profundas des Lagos e, sobretudo, nas
um conjunto de medidas derou que, volvidos 100 anos, sem precedentes, onde o sur- áreas de Política, Diplomacia
para criar postos de trabalho, os princípios da igualdade, gimento das novas tecnolo- e Defesa e Segurança.
sobretudo para jovens. equidade e da justiça social, gias obriga a repensar e a criar Os dois países integram a
A garantia foi apresentada que alicerçam os ideais da novas alternativas para o ajuste Região dos Grandes Lagos e
pelo ministro da Administra- nossa organização, man- que se impõe aos novos desa- desenvolvem relações de coo-
ção Pública, Trabalho e Segu- têm-se actuais. fios que o futuro do trabalho peração no âmbito Político e
rança Social, Jesus Maiato, que “Toda a nossa acção deverá apresenta.” Militares correm o risco de serem expulsos das fileiras Diplomático.
discursou na 108ª Conferên- caminhar no sentido de asse- Jesus Maiato assumiu o
cia Internacional do Trabalho, gurar a participação de todos compromisso de Angola em
inserida nas actividades do os Estados-membros no pro- dar cumprimento às directivas
centenário da OIT. cesso de democratização e de constantes no relatório da OIT, MAPUTO
Jesus Maiato indicou que, “governance” da OIT. com vista a assegurar, colmatar
no quadro da implementa- e minimizar o impacto destas tração americana e Chefes
ção de um conjunto de medi-
das de política que visam dar “A adopção de uma
mudanças no mundo do tra-
balho. Angola é membro de
Angola no encontro de Estados africanos oferece
grandes oportunidades de
resposta à necessidade de convenção sobre pleno direito da OIT há 43 anos. negócios para o sector privado
criação de postos de trabalho,
foram aprovados vários pro-
esta matéria
constitui, no nosso
Ao longo destes anos, o país
ratificou e adoptou inúmeros
Estados Unidos-África nacional, o estreitamento de
parcerias com empresas afri-
gramas, estando em curso a entendimento, instrumentos normativos (con- canas e americanas, a pos-
implementação do Plano de o primeiro passo venções, recomendações e O ministro do Comércio, Joffre EUA-África". Segundo uma sibilidade de manter contactos
Acção para a Promoção da a ser dado” protocolos), entre as quais 8 Van-Dúnem Júnior, participa, nota do Ministério do Comér- directos e pessoais com poten-
Empregabilidade, que tem convenções fundamentais. a partir de hoje, em Maputo, cio, o evento visa promover ciais compradores, bem como
como meta a criação de cerca em representação do Presi- as oportunidades de comér- a criação de vínculos para a
de 250 mil postos de trabalho Neste sentido, segundo Declaração da CPLP dente da República, na XII cio e investimento entre os realização de negócios.
em diferentes áreas da acti- Jesus Maiato, urge a adopção Os ministros do Trabalho e Cimeira Estados Unidos da Estados Unidos da América Durante os quatro dias, serão
vidade económica nos pró- da emenda de 1986 da cons- Assuntos Sociais da Comu- América-África. e África e incentivar uma maior discutidas questões referentes
ximos três anos. tituição, que propõe uma nidade dos Países de Língua A cimeira, que se estende abertura ao mercado de ambas à expansão dos negócios bila-
O ministro anunciou que democratização equitativa Portuguesa (CPLP), reunidos até sexta-feira, decorre sob o as regiões. terais em sectores como ener-
se encontra em fase de apre- da organização. em Genebra, no quadro da lema "Avançando uma resi- A nota indica ainda que gia, agronegócio, saúde, se-
ciação final o Plano de Acção 108ª Conferência Internacio- liente e sustentável parceria o encontro entre a Adminis- gurança, formação de qua-
Nacional de Erradicação do Assédio no trabalho nal do Trabalho da OIT, sau- dros, turismo, infra-estruturas,
VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO
Trabalho Infantil (PANETI), O ministro da Administração daram ontem a OIT pela im- informação e comunicação,
bem como a reformulação Pública, Trabalho e Seguran- portância e eficácia da sua finanças e comércio.
do Programa País para Tra- ça Social propôs a adopção de acção ao longo dos 100 anos Angola foi convidada a
balho Decente (PPTD), com uma convenção para combater de existência, assente no mul- apresentar um painel sobre o
a estreita consulta e contri- a problemática da violência tilateralismo e pela influên- “Doing Business”, o que cons-
buições dos parceiros sociais e assédio no trabalho. cia que tem exercido no con- titui mais uma oportunidade
e apoio directo do Escritório Jesus Maiato disse que esta texto internacional, na evo- para a apresentação das refor-
Regional da OIT sedeado em problemática é actual, por isso lução legislativa e na adopção mas jurídico-económicas que
Kinshasa (República Demo- é preciso definir medidas para de políticas sociais nacionais o Governo tem desenvolvido
crática do Congo). a resolução deste problema. em favor da garantia dos direi- ao longo dos últimos tempos,
O ministro indicou que o “A adopção de uma con- tos no trabalho, da extensão como forma de promoção da
Governo angolano submeteu venção sobre esta matéria da protecção social, do desen- imagem do país no exterior.
recentemente à discussão pú- constitui, no nosso entendi- volvimento do diálogo social Dentro das actividades, o
blica as propostas de revisão mento, o primeiro passo a ser e do combate a todas as formas ministro do Comércio, Joffre
das leis da Greve, Sindical e dado. É com este espírito que de discriminação. Van-Dúnem, foi convidado
da Negociação Colectiva, que Angola tem participado e Numa declaração emitida pelo Conselho Corporativo
vigoram há mais de 28 anos. apoiado as discussões em ontem, a organização reiterou para África a falar como mem-
Jesus Maiato disse que o objec- curso no sentido da sua apro- o compromisso com os objec- bro do painel da sessão sobre
tivo é ajustar estes diplomas vação”, disse. tivos da OIT. Ministro do Comércio representa o país na Cimeira o “agronegócio”.
POLÍTICA Terça-feira
18 de Junho de 2019 3
ENCONTRO MATERIALIZAÇÃO DE PROJECTOS
TRIBUNAL MILITAR
Papel das
autoridades
DR

Executivo lança programa


tradicionais
analisado hoje de intervenção municipal
O papel e a função das Auto- Plano aprovado na última sessão do Conselho de Ministros
ridades Tradicionais são ana- reflecte as acções e os projectos do Orçamento Geral do Estado
lisados, hoje e amanhã, no
III Encontro Nacional sobre AGOSTINHO NARCISO | EDIÇÕES NOVEMBRO
as Autoridades Tradicionais,
que decorre na Academia
de Ciências Sociais e Tecno- Mal-estar terá evitado a prisão preventiva
logias (ACITE), adjacente à
Centralidade do Kilamba,
em Luanda.
O encontro, organizado
General José Maria
pelo Ministério da Cultura,
decorre sob o lema “As Auto-
ridades Tradicionais face ao
em prisão domiciliar
Estado moderno no fortale- O Supremo Tribunal Militar (STM) aplicou ontem
cimento da democracia”. a medida de coação pessoal de prisão domiciliar
Segundo um comunicado ao ex-chefe do Serviço de Inteligência e Segurança
do Ministério da Cultura, o Militar (SISM), general António José Maria.
III Encontro Nacional sobre De acordo com uma nota do Supremo Tribunal
as Autoridades Tradicionais Militar citada pela Angop, José Maria é indiciado
emerge da necessidade da pelo crime de extravio de documentos, aparelhos
criação de um espaço amplo ou objectos que contenham informações de
de intercâmbio e de discus- carácter militar e insubordinação.
são, de dois em dois anos, O documento adianta que o ex-chefe do SISM
sobre as Autoridades Tradi- incorre em ilícitos previstos e puníveis nos termos
cionais, o seu papel e função dos artigos 42 nº 1 e 17, da Lei nº 04/94, de 28 de Ja-
e o contributo na moralização neiro - Lei dos Crimes Militares. Alegadamente,
das comunidades e na pro- terá levado consigo documentos do SISM com a
moção, preservação e divul- finalidade de salvaguardar segredos do ex-Pre-
gação da cultura nacional. sidente da República.
NILO MATEUS | EDIÇÕES NOVEMBRO Informações postas a circular dão conta que
o general "Zé Maria" terá tido complicações de
saúde que determinaram a sua prisão domiciliar
ao invés de preventiva.

Municípios do país preparados para uma visão diferente na execução de projectos sociais

BUREAU POLÍTICO Adelina Inácio Além dessas verbas, subli- verbas especiais para atender
nhou, os municípios têm as as questões de saneamento
O Executivo lança, dentro suas acções inscritas no OGE. básico e recolha de resíduos.

MPLA faz ajuste de dias, o Plano Integrado


de Intervenção nos Municí-
pios para materialização das
A secretária de Estado para
a Administração do Território
disse que as acções do PIIM
A responsável do Minis-
tério da Administração do
Território e Reforma do Esta-
acções e projectos que têm reflectidas no OGE não impe- do garantiu que foram atri-

Papel das Autoridades


ao Secretariado impacto a nível dos municí-
pios, anunciou a secretária de
Estado para a Administração
dem a alocação de verbas
para o plano de intervenção
nos municípios.
buídas também outras verbas
para Educação, porque o PIIM
abarca alguns sectores espe-
do Território “Este programa continua cíficos como a Educação, Saú-
Tradicionais em debate
O MPLA anunciou ontem, o Secretariado do Bureau Polí- Laurinda Cardoso, que nos moldes em que ele foi dese- de, Energia e Águas, vias de
em Luanda, o ajustamento tico fica assim constituído: falava ao Jornal de Angola e nhado. Há também pequenas comunicação e segurança e
Outro objectivo é reflectir do Secretariado do Bureau 1.João Manuel Gonçalves à Rádio Nacional de Angola, alterações que foram feitas no ordem pública.
sobre o lugar e o papel das Au- Político do partido, tendo Lourenço - Presidente do a propósito do anúncio feito âmbito do Conselho de Gover-
toridades Tradicionais na pro- eleito Virgílio Ferreira de Fontes partido; pelo Presidente da Republica nação Local, mas a dinâmica Início da inscrição
moção do empreendedorismo Pereira, para o cargo de secre- 2.Luísa Pedro Francisco do Plano Integrado de Inter- da sua execução não se con- A secretária de Estado para a
comunitário e nos processos tário para a Reforma do Estado, Damião – vice-presidente; venção nos Municípios (PIIM), Administração do Território
de liderança comunitária e Administração Pública e Au- 3.Paulo Pombolo – secre- disse tratar-se de uma visão esclareceu que o processo de
das Autarquias Locais, discutir tarquias, e de Albino Ramos tário-geral; diferente na forma de pre- Com o PIIM passam inscrição dos projectos come-
e apresentar subsídios à Pro- Carlos, para o de secretário 4.Manuel Pedro Chaves - paração, materialização e a ser os próprios çou em Janeiro e os adminis-
posta de Lei das Autoridades para a Informação. secretário para as Relações execução das acções dos pro- administradores tradores municipais, em con-
Tradicionais e abordar os cri- De acordo com um comu- Internacionais; jectos que têm impacto a nível municipais e os junto com os conselhos de aus-
térios/regras de sucessão e de nicado à imprensa distribuído 5.Yolanda Gizela Ribeiro dos municípios. municípios a cultação no município, iden-
legitimidade das Autoridades no final da primeira reunião António dos Santos – secre- Com o PIIM, disse, passam elencarem as tificaram todas as prioridades
Tradicionais. ordinária do Bureau Político tária para Política Social; a ser os próprios adminis- prioridades das e seleccionaram as de top.
O encontro junta as Auto- orientada pelo Presidente 6.Jorge Inocêncio Dom- tradores municipais e os suas acções e Posteriormente, disse, foi
ridades Tradicionais com as João Lourenço, Fontes Pereira bolo - secretário para a orga- municípios a elencarem as projectos para o feito uma concertação global
diferentes individualidades, substitui João de Almeida nização e mobilização; prioridades das suas acções período 2019-2020 com a província, porque
entre os quais investigadores "Jú" Martins, que deixou o 7.Albino Ramos Carlos - e projectos para o período havia acções e projectos que
nacionais e internacionais li- cargo a seu pedido por razões secretário para a Informação; 2019-2020. são transversais aos muni-
gados à Antropologia e outras de saúde. 8. Diógenes do Espíri- A estratégia que se pre- cípios, que têm uma inter-
áreas, permitindo um diálogo No encontro de ontem, to Santo Oliveira - secretá- tende com o PIIM, sublinhou, funde”, disse. venção em termos de limite
entre todos os intervenientes. realizado na sede do partido, rio para a Administração e é que o mesmo seja, dora- Laurinda Cardoso indicou territoriais.
O acto de abertura vai ser em Luanda, o Bureau Político Finanças; vante, um modelo a seguir que, no âmbito do PIIM, os Laurinda Cardoso falou de
presidido pela ministra da enalteceu a forma como decor- 9. Luísa Francisco Pedro no que a programação e pla- municípios vão receber as um trabalho feito pelos técnicos
Cultura, Carolina Cerqueira, reu o VII Congresso Extraor- Damião - secretária para a nificação dos municípios verbas para as acções e pro- dos mais variados sectores
em representação do Presi- dinário do partido, realizado Política de Quadros; dizem respeito. jectos inscritos . “Nas verbas que integram o Plano Integrado
dente da República. sob o lema "MPLA e os novos 10. Salomão Loheto Xirim- Aprovado na última sessão que foram alocadas para o de Intervenção nos Municípios
Recentemente na Huíla, desafios", tendo felicitado os bimbi - secretário para a Polí- do Conselho de Ministros, o PIIM, houve uma espécie de para se certificar se as acções
as Autoridades Tradicionais delegados e todos os que con- tica Económica; Plano Integrado de Intervenção atribuição de tectos. Todos a serem implementadas têm
defenderam maior autono- tribuíram para o seu êxito. 11.Mário Pinto de Andrade nos Municípios reflecte as os municípios tiveram uma de facto impacto na vida do
mia na mediação e resolução "O Bureau Político mani- - secretário para os Assuntos acções e os projectos do Orça- espécie de consignação estra- município e vão, efectiva-
dos problemas nas comu- festou o seu apoio incondi- Políticos e Eleitorais; mento Geral do Estado (OGE). tégica e receberam uma verba mente, resolver a vida e a dinâ-
nidades, desde os casos pas- cional ao camarada João Lou- 12. Pedro de Morais Neto Laurinda Cardoso escla- que foi distribuída por igual mica dos municípios.
sionais aos de roubo de gado. renço, Presidente do MPLA e - secretário para os Antigos receu que os 25 milhões de e eles próprios inscreveram A secretária de Estado para
A preocupação foi apre- da República de Angola, dese- Combatentes e Veteranos kwanzas que os municípios acções da sua iniciativa, no a Administração do Território,
sentada à margem do II En- jando-lhe êxitos no exercício da Pátria; recebem mensalmente são valor de cerca de 33 mil milhões Laurinda Cardoso, afirmou
contro Provincial das Auto- destes tão importantes cargos", 13. Virgílio Ferreira de Fontes de consignações extraordi- de kwanzas”, esclareceu. que o Plano Integrado de In-
ridades Tradicionais, a luz da lê-se na nota à imprensa dis- Pereira - secretário para a nárias, no âmbito do Programa Tendo em conta a estru- tervenção nos Municípios é
terceira reunião nacional sobre tribuída ontem. Reforma do Estado, Adminis- Integrado de Desenvolvimento tura orgânica de cada muni- um ensaio para uma gestão
a matéria. Em função do ajustamento, tração Pública e Autarquias. Local e Combate à pobreza. cípio, disse, foram atribuídas mais participativa.
4 ENTREVISTA Terça-feira
18 de Junho de 2019

CONTREIRAS PIPA | EDIÇÕES NOVEMBRO

AGNELA BARROS CRÍTICA TEATRAL, LINGUISTA E INVESTIGADORA

“Em África
devíamos
valorizar
dois tipos
de formação:
a rural
e a urbana”

Doutoranda em Antropologia Contemporânea, na especialidade de Religião, Ritual e Performance, pela Universidade Nova de
Lisboa, Agnela Barros Wilper considera a língua francesa um meio que permite “conhecer muito" da África ocidental e central, bem
como a sua criatividade e cultura. Em entrevista ao Jornal de Angola, a investigadora fala das razões que motivaram o Ministério da
Cultura de França a outorgar-lhe a Medalha de “Chevalier de l'Ordre des Arts et des Lettres” (Cavaleiro da Ordem das Artes e Letras).
Considera ser responsabilidade de todos “desberlinizar África”e afirma que as suas investigações têm como denominador comum a
“magia” da palavra, as oralidades e o património cultural africano.

Francisco Pedro que exige reflexão, precisão É um grande alento!... de Ponta Negra; do coreógrafo zade e consideração que No decorrer da cerimónia em
e dedicação, nada melhor de Burkina Faso, Serge Cou- mostrou pelos artistas ango- que foi condecorada disse ter
que um ambiente calmo e O que terá chamado a libaly, que orientou diversos lanos. Creio que o mesmo conhecido melhor África por
O Ministério da Cultura da contemplativo para as ideias atenção do Governo francês ateliers e, mais recentemente, irá acontecer com o actual meio da língua francesa. Actual-
França outorgou-lhe, em Abril, afluírem e o raciocínio con- no seu “Curriculum” para do grupo de teatro da RDC, Conselheiro para a Coope- mente aconselha as pessoas a
a Medalha de Cavaleiro da duzi-las a novas realidades. que fosse condecorada? orientado pelo professor ração e Acção Cultural, seguir os seus passos, ou é pos-
Ordem das Artes e Letras. Con- Quando essa postura é pre- Também eu gostaria de Nzey Van Musula, que veio SébastienVittet, um ser hu- sível conhecer África e o mundo
siderou essa outorga revestida miada, significa que algo está saber. Foi uma decisão to- fazer uma demonstração do mano solidário, dialogante, por meio de outras línguas?
de “grande simbolismo”, a mudar a nível da valoração mada a alto nível do Minis- teatro bilingue. Mas a con- afável e simples. Vive de tal Gostaria de começar por
abrangente a todos os inves- social: começa a ser apreciada tério da Cultura de França. cretização destas e de outras maneira as preocupações, dizer que o facto de ter ficado
tigadores nacionais, porquê? a investigação científica, cujo Todavia, devo reconhecer acções con- juntas está muito tristezas e alegria dos ango- a conhecer melhor África,
É que é assim como me fim não é o mediatismo ou o que há muitas actividades dependente das boas relações lanos, que tenho dificuldade por meio da língua francesa,
defino. Na verdade, esta é a vedetismo mas sim o conhe- em que trabalhámos con- existente entre as persona- em vê-lo como estrangeiro. não signifi ca q ue tenha
postura de quase todos os cimento e a explicação do juntamente, há anos. Gostaria lidades dos dois lados. Nos Uma personalidade destas excluído o conhecimento de
investigadores: trabalhar Cosmo. E isso pode ser o pre- de destacar, a nível da dança anos 90, Bernard Sexe, da faria um trabalho excepcio- África e do mundo por meio
longe das “luzes da ribalta”. núncio de um maior apoio contemporânea, a vinda ao Cooperação Francesa, deixou nal na Organização Inter- da língua inglesa ou de outras
Como se trata de um trabalho aos investigadores angolanos. país do grupo Mbina Ngoua, muitas saudades pela ami- nacional da Francofonia. línguas. Pelo contrário, falar
ENTREVISTA Terça-feira
18 de Junho de 2019 5
várias línguas é uma forma dir-se a crítica teatral com o forma de pensar tem-nos
de enriquecimento humano
e intelectual e aproxima os
povos. Mas entre nós são pou-
O que é a Ordem das Artes e Letras? falar bem ou mal de um espec-
táculo. Todavia, a crítica a que
me refiro pressupõe uma for-
levado a repetir uma termi-
nologia pejorativa para os
africanos. É o caso de consi-
JOSÉ COLA | EDIÇÕES NOVEMBRO
cos os falantes plurilingues A Ordem das Artes e Letras mação académica especiali- derar dialectos as línguas ver-
ou bilingues. A língua portu- é uma condecoração que visa zada, dada a obrigatoriedade náculas angolanas; as danças
guesa tem a sua utilidade, mas recompensar “as pessoas de conhecimentos teóricos patrimoniais confundidas
limita o nosso conhecimento que se distinguem pela sua em diversas áreas do saber. com as danças folclóricas; os
aos espaços de língua portu- criação no domínio artístico mascarados angolanos com
guesa. Falar outras línguas ou literário ou pela sua con- A Rebita foi classificada patri- os palhaços ocidentais.
aproxima os povos. A língua tribuição para o desenvol- mónio nacional, o semba ainda Em Angola ainda temos a
francesa permite-nos conhe- vimento das artes e das letras não o é, embora haja intenção possibilidade de encontrar
cer muito da África ocidental em França e no mundo”. Ins- de se propor à UNESCO para comunidades que foram
e central, bem como a sua cria- tituída em 1957 e concedida que conste na Lista do Patri- pouco contaminadas pela
tividade e cultura. O mesmo pelo Ministério da Cultura mónio Mundial, enquanto o colonização europeia, em
acontece com a língua ingle- da França, a Ordem das Artes kuduro já foi motivo de várias especial na zona Sul, cons-
sa. A África foi dilacerada com e Letras é uma das mais abordagens em conferências tituindo o que se designa por
a Conferência de Berlim. Cabe- importantes condecorações aqui em Luanda. Os estilos “minorias étnicas”. É fulcral
nos a responsabilidade de “des- honoríficas da República musicais e de dança carecem conhecer o rural e urbano
berlinizar” África. Francesa. Já foi concedida de debate público para melhor para que seja possível uma
a nomes como Dalida, Clint credibilidade e preservação? simbiose entre eles e não um
Em Março de 2017, o Camões- Eastwood, Amália Rodrigues, O kuduro tem sido estudado mero sincretismo.
Centro Cultural Português foi Bob Dylan, T.S. Eliot, Roger por mim como performance Os estudiosos angolanos têm
a primeira instituição a pres- Moore, Frida Boccara, Mariza, e não como música ou dança a responsabilidade de conhe-
tar-lhe homenagem sob o lema António Lobo Antunes, David exclusivamente. Considero os cer e de reconhecer a idios-
“Agnela Barros, uma figura Bowie, Agustina Bessa-Luís, estudos e as pesquisas mais sincrasia africana, em que a
incontornável do teatro ango- António Victorino de Almeida, profícuos que os debates, já palavra se alia às canções,
lano”. É o teatro, ou seja, as Sean Connery, Adriano Cor- que nestes últimos normal- ritmo, dança, expressões e
artes dramáticas são as que reia de Oliveira, Bruce Willis mente o tempo é escasso, prio- outros códigos paralinguísticos
mais sobressaem no campo e outros. O angolano Barceló riza-se o ego e, por vezes, o con- e criar o seu próprio modelo
das suas investigações? de Carvalho (Bonga) recebeu fronto, prejudicando a análise de ensino artístico.
As minhas investigações, esta condecoração em 2014. Embaixador de França, Agnela Barros e Sébastien Vittet mais aprofundada do cerne
embora diversificadas, têm da questão. Os estilos musicais E como deve ser a sistemati-
um denominador comum: a e de dança angolanos deve- zação do ensino das artes em
“magia” da palavra em África, riam ser estudados nas ins- África?
as oralidades, o nosso patri- lidades especiais e na voca- (e outras), assim como o deveria enveredar pelo cami- tituições superiores de Artes Creio que em África o ensino
mónio cultural. Neste quadro, cional, que forma os artistas ensino artístico na África pós- nho de crítica impressionista. e com publicação posterior das artes deve problematizar
debruço-me sobre muitos profissionais. Há uma ligação colonial. Parece-me um fórum Trata-se de uma questão de dos resultados. o actual caos espiritual, bem
aspectos, mas todos com uma entre a educação artística de vital importância que deve- competência e humildade como a “amnésia da génese”
ligação intrínseca entre si. genérica e o ensino artístico ria mobilizar todos os artistas científica. Ao fazer uma ava- A formação média e superior para a nossa afirmação e li-
Daí o meu interesse pela ora- especializado. São importantes e investigadores angolanos liação afectiva e impressio- no domínio da dança é mais bertação da nossa criativida-
tura, rituais, performances, para a formação do público e tendo em vista a compreensão nista, publicamente, dada a complexa e onerosa? de. Para não falar da palavra
educação, religiosidade, gas- dos artistas. Para mim, é neste do que se faz em África e a sua popularidade como escri- A Dança e a Música pro- negro, que simboliza tudo o
tronomia, reciclagem, arte- quadro global que se deve avaliação do que temos feito tor, pode induzir muitas pes- fissionais têm especificidades que é mau ou negativo nesta
sanato e outras técnicas pa- planificar a formação tanto até agora em Angola. soas em erro. próprias e ambas exigem uma visão do mundo eurocêntrica.
trimoniais. São áreas impor- no teatro como nas outras formação desde tenra idade, Por outro lado, não há uni-
tantes para o teatro total. Inte- modalidades artísticas. A religião em África, cristã ou Que consequências podem sur- isto é, a obrigatoriedade do formidade sobre o que é “Ser
ressam-me também as “novas Quais são as contribuições não, “é o ópio do povo” ou gir da ausência da crítica lite- ensino elementar ou básico, Africano”...
oralidades,” tal como o “slam”, que as artes, de uma forma incorpora elementos antropo- rária e crítica de arte, no geral? antes do médio. Logo, o pro-
“spokenword” e o “hip-hop”, geral, dão para o desenvolvi- lógicos de forte pendor cultural, Uma delas é o desenvol- cesso de formação de profis- O que podemos entender por
por exemplo. Vejo um “con- mento das sociedades africa- mágico e sagrado? vimento lento das próprias sionais destas áreas é longo, “Afro centrismo”?
tinuum” entre todas estas nas, quer em zonas rurais quer Espero que me desculpe, áreas artísticas por ausência mas necessário para garantia Na minha opinião, “Ser
áreas de interesse. mas há questões muito sen- de “feedback”. da sua competência. Africano” passa, principal-
“ síveis como a religião (ou mente, pela valorização dos
Quais são, afinal, os seus fei- Há pessoas que mesmo o futebol) por terem Por que não se dedica ao exercício Que modelos Angola deve nossos saberes e valores en-
tos no campo das artes dra- desconhecem as forte pendor afectivo e emo- da crítica teatral? Receia chocar adoptar - europeu, latino ame- dógenos. Estes não são fruto
máticas que a sociedade des- características da cional. É uma questão de fé ou ser mal compreendida? ricano ou norte-americano - do acaso, mas de uma expe-
conhece, além de co-funda- educação nas zonas e, se as questões não forem A crítica teatral não é para para a sistematização do riência e sapiência acumu-
dora da Associação Angolana rurais. Por outro tratadas de forma adequada, chocar ou ser mal compreen- ensino das Artes? ladas ao longo do tempo, na
de Teatro Infanto-Juvenil lado, nas zonas podem constituir uma agres- dida mas para explicar o pro- E porque não africano? Já interacção com o Cosmo. A
(Assatij), e autora de algumas urbanas não se são psicológica. Se não se duto artístico. Se a fizesse, há em África muitas Escolas nossa alienação foi de tal
peças infantis? pode falar em importa preferia não falar onde seria publicada? Há de Artes com prestígio! Temos maneira intensa e violenta
Parece-me que não devo formação média e sobre elas de forma banal. alguma publicação especia- de ter cuidado com a pers- que renegamos os nossos valo-
ser eu a falar deles, por uma superior sem se ter lizada para o efeito? Ou refere- pectiva eurocêntrica, muitas res culturais e, nessa desa-
questão de modéstia. Lem- em conta a A prática do cristianismo nas se à publicação de opiniões vezes possuindo alguns res- propriação espiritual, até
bra-se de ter dito que o meu formação básica, sociedades tradicionais afri- subjectivas com fraco suporte quícios de cartesianismo. A perdemos o direito de nomear
CV tem 30 páginas ou mais?… que deve começar canas resulta ou não em cli- científico? É usual confun- reprodução acrítica desta os nossos filhos.
(risos) na educação pré- vagens culturais?
escolar já que é Dada a complexidade do CONTREIRAS PIPA | EDIÇÕES NOVEMBRO
Como caracteriza a formação importante o assunto, deve ser abordado
média e superior de Teatro desenvolvimento de forma mais aprofundada,
no país. É íntegra ou apre- das capacidades de o que requer algum tempo.
senta lacunas? expressão e de Assim, opto igualmente por
A formação em Artes é de criação da criança” não o abordar...de forma ligeira.
grande complexidade. Com
frequência esquecemo-nos A França apoia o FESPACO,
da formação artística nas zonas em urbanas? maior festival de cinema em
rurais, em que também havia Esta pergunta é interessante África, que em Fevereiro assi-
escolas, com relevo para as porque está relacionada com nalou as bodas de prata. Os
relacionadas com os ritos de um evento internacional que PALOP ou os membros da CPLP
passagem, especialmente o estamos a preparar e que terá deviam fazer deste evento
da circuncisão. Em África lugar nos dias 25, 26 e 27 de uma lição a seguir?
deveríamos valorizar sempre Julho, do corrente ano. Tem Antes do mais, é preciso
dois tipos de formação: a rural a coordenação geral do Pro- saber quais as condições e
e a urbana. Há pessoas que fessor Doutor Jorge Gumbe as razões que estiveram na
desconhecem as caracterís- do ISART e da AfTA- Asso- base da criação do FESPACO.
ticas da educação nas zonas ciação Internacional de Teatro As imitações mecânicas não
rurais. Por outro lado, nas Africano, sedeada em Lon- são aconselhadas, mas sim
zonas urbanas não se pode dres. A organização, da res- os estudos prévios. As rea-
falar em formação média e ponsabilidade da Casa de lidades são muito diferentes
superior sem se ter em conta Cultura e Artes UBUNTU e e a superficialidade das aná-
a formação básica, que deve da Universidade Óscar Ribas, lises tem levado a resultados
começar na educação pré- pretende também celebrar os desastrosos.
escolar, já que é importante 110 anos de Óscar Ribas. Aca- É legítimo um escritor defrau-
o desenvolvimento das capa- démicos, investigadores e dar um colega publicamente,
cidades de expressão e de profissionais ligados às Artes, à semelhança do que faz Agua-
criação da criança. No sistema provenientes de universidades lusa em relação à poesia de
escolar deveríamos pensar africanas e da diáspora irão Agostinho Neto?
na formação artística genérica; encontrar-se em Luanda para O Agualusa é escritor e não
na extra-escolar; em moda- abordar a problemática citada crítico literário pelo que não A falta de publicações especializadas no país dificulta a realização de crítica de arte
6 OPINIÃO Terça-feira
18 de Junho de 2019

EDITORIAL IMAGEM DO DIA


Até quando continuaremos a assistir ao que retrata a foto, captada na baixa de Luanda,
vendedores em plena via, desafiando o trânsito automóvel, a ordem e a segurança?

A doação de sangue PAULO MULAZA | EDIÇÕES NOVEMBRO

A doação de sangue, um processo hospitalar que visa salvar vidas e as-


segurar um stock do referido líquido, constitui uma acção vital, necessária
e indispensável para garantir segurança e estabilidade do sector da
Saúde. O país viveu um período, na década de oitenta do século passado,
em que a doação de sangue em todo o país não enfrentava os actuais
problemas de permanente escassez.
Nem as famílias, aquelas solicitadas para doarem, eram confrontadas
com a necessidade que, hoje, leva os agregados familiares quase a pre-
pararem-se antecipadamente perante a perspectiva de serem convocados
para o efeito. Mudou o contexto e a realidade social, económica e fun-
damentalmente demográfica, que requerem hoje estratégias diferentes
para lidar com uma situação inteiramente nova, diferente e mais exigente.
O atendimento hospitalar, hoje, conhece desafios nunca antes vistos,
mas que os seus operadores, particularmente públicos, procuram, dentro
das suas limitadas possibilidades e recursos, responder tendo sempre
como principal foco salvar vidas humanas.
Mas precisamos de evoluir do actual quadro em que são os familiares
que “sustentam”, em até perto de 100 por cento, as doações de sangue
que ocorrem na rede hospitalar, conferindo um carácter de emergência
a procedimentos que podiam ser melhor geridos.
As famílias já vivem sobrecarregadas, em muitos casos, com problemas
económicos e sociais do dia-a-dia que seria de todo recomendável serem
isentas do processo de sangue, pelo menos, sob o manto da pressa e gra-
vidade da situação. Para estes casos, os de emergência e contra os quais
as famílias poderão estar "desarmadas" para fazer frente, será mais
sensato as unidades hospitalares acudirem. Para isso, nada melhor do
que eventualmente reestruturar, alargar competências e atribuições do
Instituto Nacional do Sangue para que essa entidade ajude na colecta e
preservação dos stocks.
Podemos e vamos ainda a tempo de recuperar parte do aprendizado
do passado em que a Cruz Vermelha Angolana teve um desempenho
exemplar ao congregar dadores voluntários em todo o país, devidamente
acompanhados. É igualmente imperioso que se evolua na criação de um
banco de sangue ou um ente próximo que sirva para ajudar a minimizar
o impacto que o actual sistema acarreta com as famílias a serem "forçadas"
às emergências.
Esse mecanismo, por via do qual as famílias são "pressionadas" a doar
sangue, tem estado, pela natureza do acto, a ser realizado sempre à pressa
e a provocar problemas, muitos deles evitáveis. Com um plano bem es-
truturado, não há dúvidas de que o país pode arregimentar milhares e mi-
lhares de dadores, mantendo constante os níveis dos stocks. Acreditamos
que é possível fazermos da doação de sangue um acto normal e nunca
precedido de todas as situações anormais que lhe estão associadas, com
consequências nem sempre boas para todos.

CARTAS DOS LEITORES


CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO PROPRIEDADE
Víctor Silva (presidente) Edições Novembro, E.P.
ADMINISTRADORES EXECUTIVOS
Caetano Pedro da Conceição Júnior SEDE:
José Alberto Domingos
Rui André Marques Upalavela Rua Rainha Ginga, 12-26 Sudão do Sul desdobramento de tropas para teram assuntos importantes rela-
Caixa Postal 1312 - Luanda
Luena Kassonde Ross Guinapo
Redacção: 222 020 174 Escrevo para exprimir a minha aquele país. Acho que um con- tivos à vida do país, que atravessa
ADMINISTRADORES NÃO EXECUTIVOS Telefone geral (PBX): 222 333 344
Filomeno Jorge Manaças Fax: 222 336 073 tristeza relacionada com as in- tingente de tropas naquele país, momentos difíceis, devido à crise
Mateus Francisco João dos Santos Júnior Telegramas: Proangola
formações que chegam da Repú- desdobrado sobretudo ali onde económica e financeira. Gostei de
blica do Sudão do Sul segundo haja foco de tensões, podia ajudar saber que o MPLA não vai desistir
as quais ocorrem violações graves a minimizar sobretudo os abusos da luta contra a corrupção, o ne-
que atentam contra a dignidade e violência sexual praticados con- potismo e a impunidade, que mui-
DIRECTOR: Ferraz Neto (sub-editor) e Pereira Dinis da pessoa humana. tra as mulheres. Essa é uma rea- tos males causaram aos angolanos.
Víctor Silva
DIRECTOR-ADJUNTO:
EDIÇÕES ESPECIAIS: De acordo com a ONU, há casos lidade que envergonha a tudo e Há quem defenda que se devem
Adalberto Ceita, André dos Anjos, Domingos dos Santos,
Caetano Júnior
Leonel Kassana e Yara Simão ligados a “sérios abusos do Exér- todos aqui em África, numa altura esquecer graves crimes económi-
DIRECTOR EXECUTIVO:
Guilhermino Alberto
FOTOGRAFIA:
cito e milícias que incluiriam vio- em que os Estados aprovam e cos cometidos por gente que foi
EDITOR EXECUTIVO:
Francisco Bernardo (editor-chefe),
José Cola (editor),
lações individuais e colectivas de subscrevem vários Tratados e poderosa e que levaram o país à
Diogo Paixão Dombele Bernardo, Domingos Cadência, Eduardo Pedro, João Gomes, manifestantes, activistas de di- Convenções, exactamente para situação de extrema miséria que
Maria Augusta, Miqueias Machangongo, Mota Ambrósio, Paulo Mulaza, Kindala
SUB-EDITOR EXECUTIVO:
Cândido Bessa Manuel, Santos Pedro, Agostinho Narciso, Vigas da Purificação, Contreira Pipas reitos humanos e funcionários defender ou prevenir situações afecta milhões de angolanos . Não
de hospitais em Cartum, onde os que acabam por acontecer como concordo que se esqueçam os cri-
CORRESPONDENTES PROVINCIAIS:
GRANDE REPÓRTER: Adão Diogo (Lunda Sul), feridos foram tratados". Diz-se se não houvesse nada, pelo menos mes de colarinho branco. O roubo
Luísa Rogério Alberto Coelho (Cabinda),
João Mavinga (Zaire), que o Secretário-Geral das Nações formal, que as impedisse. O Sudão de biliões de dólares, colocados
Vladimir Prata (Namibe),
EDITORIAS:
POLÍTICA: Esídoro Natalício (Cuanza-Norte), Unidas, António Guterres, tam- do Sul não merece viver a situação em países estrangeiros, impediu
Luís Pedro (Cuanza-Sul),
Santos Vilola (editor-chefe),
Fonseca Bengui (sub-editor) e Bernardino Manje (sub-editor) Noé Jamba (Bengo), bém pediu uma “investigação rá- que vive, nem as suas populações que muitos angolanos pudessem
Francisco Curinhingana (Malanje)
Adelina Inácio, João Dias, Edna Dala,
Garrido Fragoso e Gabriel Bunga Fernando Cunha (Huambo), pida de todas as alegações de merecem ficar privadas daquilo resolver muitos dos seus problemas.
João Constantino (Bié),
OPINIÃO: José Chaves (Andulo), violência sexual” e destacou que que qualquer povo em qualquer A lei deve ser igual para todos. Se
Ambrósio Clemente (editor-chefe), Faustino Henrique (sub-ditor) Jaime Azulay (Benguela),
SOCIEDADE: Jesus Silva (Lobito), os responsáveis devem ser res- parte do mundo muto desejaria, se condenam pessoas que roubam
Estanislau Costa (Huíla),
Nhuca Júnior (editor),
Alberto Pegado (editor), Joaquim Aguiar (Lunda-Norte), ponsabilizados. Acho que a União viver em paz. botijas de gás e galinhas, porque
Silvino Paulo (Uíge),
José Meireles (editor),
Rodrigues Cambala, André da Costa, Kilssia Ferreira, Manuela Gomes, Lourenço Manuel (Cuando Cubango), Africana devia também pronun- ANDERSON MOREIRA não condenar indivíduos que rou-
Augusto Cuteta, Alexa Sonhi, César André, César Esteves, Edivaldo Cristóvão, Quinito Kanhamei (Cunene),
Samuel António (Moxico), ciar-se em tons muito claros e Talatona baram milhões de dólares? Não
Carla Bumba e Mazarino da Cunha
REGIÕES: veementes para que situações co- pode haver angolanos de primeira
Sérgio Chivaca (editor-chefe), PAGINAÇÃO E ARTE:
Béu Pombal (sub-editor), Salvador Escórcio (Editor), Soares Neto, Eugénia Victor, Augusta Lucéu, Tomás Cruz, mo estas sejam prevenidas. In- e angolanos de segunda. Que o
Filipe Eduardo Noé Pungue, Evaristo Sacupalica, João Augusto, Josefa Abreu, Maria Messele, Alberto
Bumba, Inês Quingando, Margarida Zilungo, Maria da Silva, António Saldanha, dependentemente da situação por Congresso do MPLA MPLA continue , enquanto partido
ECONOMIA: Henrique Faztudo, António Quipuna, Raúl Geremias, João Mundaka, Ana Paula Dias ,
Cristóvão Neto (editor-chefe),
Armando Estrela (sub-editor),
Isabel Fragão, Manuel Cassenda, Francisco da Silva, João Mundaka, Rui Jacinto, que passa o Sudão do Sul, não O MPLA realizou recentemente no poder, a fazer esforços para a
Bruno Bernardo, Luquemba Pedro
Ana Paulo, Kátia Ramos, Madalena José, Natacha Roberto e Victorino Joaquim faz sentido que aquele país re- mais um Congresso extraordiná- moralização da sociedade. O en-
MUNDO:
Bernardino Fançony (editor-chefe), António Canepa
CARTOON E ILUSTRAÇÃO:
Armando Pululo e Casemiro Pedro cém-criado esteja a viver isto, tu- rio, em que certamente se deba- riquecimento ilícito de uns poucos
DESPORTO: do porque as elites políticas não angolanos que pensavam que a
Amândio Clemente (editor-chefe),
Anaximandro Magalhães (sub-editor), António Cristóvão, COPY DESK: se entendem. Depois de sucessivos riqueza de Angola era sua pro-
Armindo Pereira, Teresa Luís, Vivaldo Eduardo, Rui Ramos, Arlindo Soares, Esperança Vieira Dias, João Sá.
António de Brito e Honorato Silva acordos envolvendo o Governo ESCREVA-NOS priedade resultou, para mim , nu-
CULTURA: do Presidente Salva Kiir e os vários Cartas recebidas na ma grande tragédia social. É só
António Bequengue (editor-chefe), Adriano Melo (sub-editor), O Jornal de Angola Rua Rainha Ginga, 12-26
Francisco Pedro (sub-editor), utiliza os serviços da ANGOP, AFP, Reuters, EFE e Prensa Latina grupos armados, quase todos eles Caixa Postal 1312 - Luanda andar pelo país e ver como vive
Amilda dos Santos, Manuel Albano, Mário Cohen e Roque Silva
GENTE E FIM-DE-SEMANA: PUBLICIDADE: fracassados, julgo que está na ou por e-mail: a maioria dos angolanos.
António Cruz (editor-chefe),
Isaquiel Cori (editor)
(+244) 937 550 262 hora da União Africana tomar a LAURINDO JOSÉ
(+244) 949 770 006 e-mail: publicidade@jornaldeangola.com escrevaconnoscoJA@gmail.com Maculusso
Edna Cauxeiro (sub-editora), dianteira na pacificação com o
OPINIÃO Terça-feira
18 de Junho de 2019 7
CAFÉ COM LETRAS NA ALVA
DAS IDEIAS
José Luís Mendonças Adriano Mixinge |*

CITAÇÕES

O acordo errográfico O gosto de ouvir rádio


“Trabalhemos na Muito provavelmente você, caro leitor, viu-lhe há pouco tempo
Conforme respigámos no site Wikipédia, o Acordo Or- oportunidades de formação superior e pós-graduação descoberta destes a passear de carro pelas ruas da cidade e suas periferias, sem
tográfico da Língua Portuguesa de 1990 é um tratado no Brasil e nas universidades portuguesas. Estes ci- saber que desde já há uns bons dias, depois de sair do serviço,
internacional firmado com o objectivo de criar uma dadãos angolanos regressam a Angola, não só com jovens talentos, afinal, ele continua a girar por aí, nas suas andanças, para
ortografia unificada para o português, a ser usada por as suas teses, mas também com uma nova forma que não estão não ter de parar, desligar o veículo e deixar de ouvir rádio.
todos os países de língua oficial portuguesa. Contudo, de escrever, segundo o Acordo Ortográfico (AO). apenas à espera Desde a semana passada que a mulher do tio Orelhas
um dos efeitos do Acordo foi o de dividir ainda mais Na Internet abundam estudos académicos sobre não vê o marido: ele adora ouvir rádio desde o tempo da
estes países, criando agora três normas ortográficas: os mais diferentes temas e assuntos científicos, de
de ser guerrilha. Há quem o recorde com o receptor de rádio
a do Brasil, a de Portugal e a dos restantes países afri- modo que os nossos estudantes, num clic, chegam funcionários colado às orelhas, mas, ele ainda não leu “Frequências Po-
canos que não implantaram o Acordo apesar de o a essas fontes. públicos, derosas: rádio, poder de Estado e guerra civil em Angola
terem assinado. E essas fontes estão escritas no português do 1931-2002”, o livro da Professora Marissa Moorman da Uni-
Acrescenta ainda aquela fonte que “o teor subs- Brasil e de Portugal. E é essa forma de redacção da
a pressionar versidade da Indiana (USA) e ignora completamente a exis-
tantivo e o valor jurídico do tratado não suscitaram LP que os nossos jovens estudantes reproduzem a função pública, tência do livro “50 anos de Rádio em Angola” de José Maria
consenso entre linguistas, filólogos, académicos, fielmente na Universidade. A essa forma de reescrever à espera que o Pinto de Almeida.
jornalistas, escritores, tradutores e personalidades o português junta-se-lhe outro aspecto muito peculiar Estado lhes dê Muitas pessoas acreditam que são aquilo que comem
dos sectores artístico, universitário, político e em- que é o facto de haver, na esfera da Administração ou aquilo que lêem, mas o tio Orelhas não tem absolutamente
presarial das sociedades dos vários países de língua Pública (escolas, meios de comunicação estatais, emprego. Eles dúvida nenhuma de que ele é aquilo que escuta: ele não
portuguesa.” repartições oficiais) tantos modos de escrever a próprios sabe ao certo se quando a 28 de Fevereiro de 1931 o rádio
A Academia Angolana de Letras (AAL), reunida língua veicular, quantos os níveis de aquisição de encontram amador Álvaro Nunes de Carvalho fez, pela primeira vez, a
na cidade de Luanda, na Biblioteca Nacional de An- (in)competência linguística pelos utentes. A fala radiodifusão de um programa tinha ideia da importância
gola, no dia 9 de Outubro de 2018, lançou um comu- também absorve esta fenomenologia do discurso, emprego não que a rádio teria na história de Angola.
nicado desfavorável à ratificação do Acordo Orto- porém a plurimorfose linguística na oralidade é uni- apenas para si, Na sexta-feira última, por exemplo, foi deixar o "rame-
gráfico da Língua Portuguesa de 1990, por parte do versal, esmaltada no tempo e perfeitamente inócua. mas, ainda, rame" dos colegas que, no serviço, lhe chateavam, entrar
Estado angolano: Quando vou engraxar sapatos, não sou obrigado a para o carro, sentar-se comodamente e pôr-se a conduzir
“Tendo em conta a contribuição de étimos de lín- falar um português normal, falo sem pestanejar no empregam para desfrutar da música das rádios, qual delas a melhor,
guas bantu na edificação da própria língua portuguesa, calão dos engraxadores. os amigos enquanto regressava à casa.
a Academia Angolana de Letras (AAL) considera fun- O actual estádio de evolução da polémica em torno e os colegas Os programas de rádio continuam a estar tão bons que
damental, para o caso angolano, que um acordo or- do AO (que já leva 28 anos de impasse), prova que, dis- ele só parou para pôr combustível no carro: avisou a mulher
tográfico da língua portuguesa que vigore neste país cutir a universalidade e validade do AO para o nosso
de escola(…)” que passaria o fim-de-semana fora, ela desconfia de outras
considere a presença e a importância das línguas país, é como discutir o sexo (oral) dos anjos. João Lourenço coisas, mas ele está firme, no volante. Ele ignora se é mesmo
Presidente do MPLA, durante
africanas no contexto social, bem como a necessidade a intervenção no VII verdade ou não que, alguns antigos guerrilheiros controlam
de coexistência entre todas elas.” Refundar o ensino da Língua Congresso Extraordinário do e ou são os donos de algumas rádios da cidade de Luanda.
partido no poder, a propósito
Angola não pode continuar a pautar-se oficialmente da atenção aos jovens Todos chamam-lhe tio Orelhas e ele, no princípio, não
O sexo (ora) dos anjos como o país mais lusófono da Lusofonia, quando no em geral, gostava, mas, com os anos, agora que a velhice é a outra das
A minha posição sobre o Acordo Ortográfico (AO) seu âmago linguístico, no seio das grandes massas e suas companheiras, até acha simpático. Quando alguém te-
é a mesma dos que defendem que “a ortografia da até da Administração Pública do mais alto escalão, lefona, se não estiver no meio de um engarrafamento, ele
língua inglesa (e de tantas outras) apresenta va- tem uma prática contrária à sua discordância protocolar.
“Estamos numa encosta-se à berma da estrada para responder a chamada
riantes nos diversos países anglófonos, sem que a Na minha qualidade de escritor recomendo a devida situação em que ou, se, pelo contrário, o tráfego for denso e infernal, no meio
ortografia inglesa tenha sido objecto de regulação ponderação deste fenómeno histórico-cultural pelo o peso do stock dele, ele responde sem importar-se muito se o seu interlocutor
estatal legislada”. Por isso, eu chamo a esta acordo Executivo angolano e a necessária concentração das ouvirá, no fundo da conversa que manterá, mesmo que
de Acordo Errográfico. autoridades responsáveis pelo ensino e preservação
da dívida sobre baixo, o som da rádio que mantém sempre ligada.
Em primeiro lugar, se é fundamental, para o caso da(s) língua(s) angolanas (português e línguas bantu) o PIB de Angola Na rádio, ele gosta de ouvir boa música não importa de
angolano, tal como defende a AAL, que a língua portu- na essência da questão, sem se deixar conduzir para é de 84 por cento, que género fosse, não perde uma boa conversa entre um
guesa considere a presença e a importância das línguas a berma da estrada. dado que ouvinte e um locutor, as publicidades surpreendem-lhe e já
africanas, a Academia não pode exigir isso do Acordo Se o Ensino em Angola, devido ao acumular de houve vezes que teve que conter o seu desejo de telefonar
Ortográfico, nem da CPLP, mas deve exigi-lo do próprio deficiências estruturais, não demonstra capacidade estamos no limite para alguma das estações radiofónicas, mas, do que não ab-
Governo angolano. Mais importante que o AO ou a CPLP para ensinar massivamente a gramática da LP (mes- da nossa dicava mesmo era de desfrutar de um bom programa de de-
é a própria importância que nós, angolanos, damos às mo a nossa LP angolana), como é que terá capacidade capacidade bate político durante um engarrafamento.
nossas línguas. E esta é quase nula. para ensinar (em paralelo) as línguas africanas? Quando ao contrário da época pré-eleitoral, em 2017, pa-
Em segundo lugar, nota-se uma profunda trans- Mais importante e imperioso do que a polémica em de nos recia em palavras de Borralho Ndomba haver uma tendência
formação da Língua Portuguesa (LP) falada e escrita torno do acordo, é refundar o ensino da Língua Portu- endividarmos” de as rádios aumentarem, com o intuito de contribuírem
em Angola, pois que as línguas são corpos vivos que guesa em Angola, de maneira a produzir uma compe- para passar as mensagens dos partidos políticos aos eleitores,
Vera Daves,
influenciam e recebem contributos, alimentam-se tência linguística a vários níveis, principalmente na secretária de Estado para as no ano passado, ele soube que algumas rádios privadas es-
de outras línguas e falares. Há uma interpenetração Administração Pública, e esta tarefa nacional dispensa Finanças e Tesouro tavam a ter problemas de tesouraria, com os jornalistas a fi-
com as línguas africanas e línguas estrangeiras, daí o conservadorismo do modelo linguístico do português caram meses a fio sem serem pagos, sentiu uma angústia
os estrangeirismos, galicismos, anglicanismos e, no que ainda nos dá que falar, pela sua colagem ao pior a que sentira, alguma vez, ao não poder ouvir o programa
nosso caso, excesso de brasileirismos. Acordo Ortográfico de 1990. Não dispensa, nunca, é “A banca “Angola Combatente”.
O português falado e escrito em Angola acumulou o ensino correcto da norma da língua oficial, o Portu- comercial, Quem não lhe conhece poderia chegar a pensar que o
de 42 anos de omissão pedagógica no ensino da língua guês, seja ele o que guardamos desde o tempo colonial, seu nome era simplesmente uma referência ao tamanho e a
ou outro qualquer que se estipule com variações acu-
pública e
veicular (e por arrasto, das línguas bantu), a começar forma delas, ou, também, que fosse uma alusão ao seu mau
pelo nível do ensino de base. muladas pelo tempo de uso. privada, absorve hábito, desde a adolescência, de encostar-se e ficar por trás
Os modos da fala e da escrita do Brasil penetraram Mas algum modelo de gramática tem de ser ensi- um capital das portas para ouvir o que não lhe dizia respeito, mas, na
desde o início da transmissão das novelas como O nada nas escolas. Essa coisa de dizer que o Português humano verdade, o nome tem a ver com a sua mania de ouvir rádio,
Bem Amado e Gabriela Cravo e Canela, nos anos 80 é língua do colono e ficarmo-nos na preguicite oficiosa, conhecendo a exacta frequência modulada ou a onda curta
do século XX até à data e exercem uma tremenda in- não colhe. Que se ensine então o tal Português Angolano, considerável e em que se sintonizam cada uma das cerca de vinte rádios,
fluência nos modos de escrever e falar do nosso povo. mas a língua que se defende tem de ter uma norma a face à situação que podemos captar em Luanda.
Centenas de estudantes beneficiam de bolsas e outras ser ensinada na Escola. actual não se MFM, Mais, Eclésia, Kairos, Nacional de Angola, Luanda
Antena Comercial, Tocoísta, Escola, Despertar, RFM Estéreo,
AGOSTINHO NARCISO | EDIÇÕES NOVEMBRO pode, de ânimo Ngola Yetu, Unia, Kuia Bué, Muzangala, Kwanza, Nostalgia,
leve, ouvir falar Romântica, Famastar e Global Fm são algumas delas e ele
do despedimento as conhece de cor e salteado. A Rádio Nacional com cinco
estações de rádio, na capital, dezassete estações regionais
sem que haja e trinta centros de transmissões é a maior rádio de Angola.
uma certa Também sabe que, com a internet, hoje é mais fácil con-
preocupação, figurar uma rádio: na prática e independentemente da com-
plexidade das questões jurídicas das empresas e serviços
pois o sindicato online, actualmente, qualquer internauta pode desenhar e
não quer montar uma.
que se crie um A mulher do tio Orelhas ultimamente só fala das autarquias
e da necessidade do surgimento das rádios comunitárias. A
exército de rádio é importante para a vida do tio Orelhas como o foi
desempregados” para a história de Angola e como será para a gestão, desen-
volvimento e consolidação das autarquias: enquanto elas
Filipe Makenga,
presidente do Sindicato não chegarem, se o virem a rodear pela cidade a ouvir rádio
Nacional dos Trabalhadores
Bancários de Angola (SNEBA)
deixem-no passear, ele não está a fazer mal a ninguém.
* Historiador e Crítico de Arte
8 Terça-feira
18 de Junho de 2019

PUBLICIDADE

REQUISIÇÃO DE EXPRESSÃO DE INTERESSE REQUEST FOR EXPRESSIONS OF INTEREST


(SERVIÇOS DE CONSULTORIA) (CONSULTING SERVICES)

ANGOLA ANGOLA
Projecto de Desenvolvimento das Cadeias de Valor Cabinda Province Agriculture Value Chains Development Project
Agrícolas da Província de Cabinda (PDCVAPC)
(CPAVCDP

Sector Agrícola
Agriculture Sector
Referência do Acordo de Financiamento: Empréstimo N.º 2000200002052
Financing Agreement reference: Loan N.º 2000200002052
Projeto N.º: P-AO-AAZ-001
Project ID No.: P-AO-AAZ-001
O Governo da República de Angola recebeu financiamento do Banco Africano de
The Government of the Republic of Angola has received financing from the African
Desenvolvimento (BAD) para o custo do “Projecto de Desenvolvimento de Cadeias
de Valor Agrícola da Província de Cabinda (PDCVAPC)” e pretende aplicar parte Development Bank (AfDB) toward the cost of the “Cabinda Province Agriculture
do montante acordado para este empréstimo a pagamentos ao abrigo do contrato Value Chains Development Project (CPAVCDP)” and intends to apply part of the
de Serviços de Consultoria para a Elaboração de Projectos Detalhados de Enge- agreed amount for this loan to payments under the contract for Consultancy Servi-
nharia, Desenhos, Estimativas de Custos e Documentos de Licitação para a Dre- ces for the Preparation of Detailed Engineering Designs, Drawings, Cost Estimates
nagem, Sistemas de Irrigação e Estufas em Cabinda. and Tender Documents for the Drainage, Irrigation Systems and Greenhouse Fa-
cilities in Cabinda.
Os serviços do contrato incluem:
(i) Levantamento de dados, levantamentos de campo e análise de todos os The scope of services includes following:
dados necessários para preparar os projectos de engenharia detalhados para a (i) Data collection, field surveys and analysis of all data required to prepare
drenagem, sistemas de irrigação e instalações de estufas; the Detailed Engineering Designs for the drainage, irrigation systems and gree-
(ii) Avaliação do Impacto Ambiental e Social (ESIA) de acordo com a legisla- nhouse facilities;
ção angolana; (ii) Environmental and Social Impact Assessment (ESIA) in accordance with
(iii) Preparação de documentos de licitação com base nos desenhos detalha- the Angolan legislation;
dos aprovados usando os Documentos Padrão de Licitação do Banco Africano de (iii) Preparation of bidding documents based on the approved detailed designs
Desenvolvimento (SBDs). using the African Development Bank Standard Bidding Documents (SBDs).
A duração estimada para o contrato é de 10 meses. The estimated duration for the assignment is 10 months.

O Ministério da Agricultura e Florestas de Angola convida agora consultores elegí- The Ministry of Agriculture and Forests of Angola now invites eligible consultants
veis (empresas) para indicar o seu interesse em fornecer estes serviços. Os con- (firms) to indicate their interest in providing these services. Interested consultants
sultores interessados devem fornecer informações indicando que estão qualificados must provide information indicating that they are qualified to perform the services
para executar os serviços (brochuras, descrição de trabalhos semelhantes, expe- (brochures, description of similar assignments, experience in similar conditions,
riência em condições semelhantes, disponibilidade de habilidades apropriadas entre availability of appropriate skills among staff, etc.). Consultants may constitute joint-
os funcionários, etc.). Consultores podem constituir joint-ventures para aumentar
ventures to enhance their chances of qualification. Only consultants from the African
suas chances de qualificação. Apenas consultores dos países membros do Banco
Development Bank member countries are eligible to submit their expression of in-
Africano de Desenvolvimento podem apresentar sua manifestação de interesse (a
terest (the list of member countries is available at
lista de países membros está disponível em http://www.afdb.org/en/about-us/cor-
http://www.afdb.org/en/about-us/corporate-information/members/).
porate-information/members/).

Eligibility criteria, establishment of the short-list and the selection procedure shall
Os critérios de elegibilidade, o estabelecimento da lista restrita e o procedimento
de selecção devem estar de acordo com o “Quadro de Aquisições para Consultores be in accordance with the African Development Bank’s “Procurement Framework
de Operações Financiadas pelo Banco Africano de Desenvolvimento”, datado de for Bank Group-Funded Operations Consultants”, dated October 2015, which is
Outubro de 2015, disponível no site do Banco em http://www.afdb.org. available on the Bank’s website at http://www.afdb.org.

Os consultores interessados podem obter mais informações no endereço abaixo Interested consultants may obtain further information at the address below during
durante o horário de expediente, das 8:00 às 18:00 (horário local). office hours 08:00-18:00 (local time).

As manifestações de interesse devem ser entregues no endereço abaixo até 3 Expressions of interest must be delivered to the address below by 3rd July 2019
de Julho de 2019, às 15:00 (hora local) e mencionar “Serviços de consultoria at 15:00 (local time) and mention “Consultancy Services for the Preparation of De-
para a preparação de projectos detalhados de engenharia, desenhos, estimativas tailed Engineering Designs, Drawings, Cost Estimates and Tender Documents for
de custos e documentos de licitação para drenagem, sistemas de irrigação, e the Drainage, Irrigation Systems and Greenhouse Facilities in Cabinda”.
Estufas em Cabinda”.
Attn: “Cabinda Province Agriculture Value Chains Development Project (CPAVCDP)”
Attn: “Projecto de Desenvolvimento das Cadeias de Valor Agrícolas da Província Amos Phiri - Procurement Officer
de Cabinda (PDCVAPC)” Rua 28 de Maio s/n (frente ao Messe da Polícia), Bairro a Resistência, Município
Amos Phiri – Responsável de Procurement Sede, Província de Cabinda, Angola
Rua 28 de Maio s/n (frente ao Messe da Polícia), Bairro a Resistência, Município
Sede, Província de Cabinda, Angola
It is allowed also to send applications via electronic submission to the following
mails:
É permitido também enviar os pedidos via submissão electrónica para os seguintes
e-mails :
E-mail:
procurementofficer@piucabinda.com
E-mail:
pm@piucabinda.com
procurementofficer@piucabinda.com
pm@piucabinda.com civil@piucabinda.com
civil@piucabinda.com
(500.762)
Terça-feira
18 de Junho de 2019 9
PUBLICIDADE

(500.746)
10 ÁFRICA Terça-feira
18 de Junho de 2019

PRESIDENTE INTERINO HOSPITALIZADO MOHAMMED MORSI


DR
BREVE Ex-Presidente egípcio
RENAMO DÁ INÍCIO AO
PROCESSO DE
DESARMAMENTO
E DE REINTEGRAÇÃO
O registo dos guerrilheiros
morreu em tribunal
da Renamo, principal O ex-Presidente do Egipto e temente sobre a deterioração
partido da oposição em líder da Irmandade Muçulmana grave do estado de saúde do
Moçambique, para o no país, Mohammed Morsi, meu pai”, declarou Ahmed
processo de morreu ontem em tribunal, à agência turca Anadolu na
Desarmamento, noticiou a televisão estatal. semana passada.
Desmobilização e Mohammed Morsi, de 67
Reintegração (DDR) já anos, foi o primeiro Presi- Da prisão para a
arrancou, disse ontem o dente eleito democratica- Presidência
secretário-geral da mente depois da queda de A carreira política de Moham-
organização, André Hosni Mubarak, na sequência med Morsi começou em 2000,
Majibire. “A Comissão dos dos protestos da Primavera quando foi eleito para o Par-
Assuntos Militares está a Árabe. Morsi foi condenado lamento. Uma vez que a
verificar todas as bases da à morte em 2015, mas a sen- Irmandade Muçulmana era
Renamo e a entregar as tença foi revogada por um uma organização proscrita
fichas a todos os tribunal superior em 2016. no Egipto, candidatou-se ofi-
guerrilheiros para que Em 22 de Outubro de 2016 cialmente como indepen-
indiquem como é que o tribunal confirmou a pena dente. Serviu no Parlamento
gostariam de ser de 20 anos de prisão contra como deputado até 2005.
reintegrados na sociedade”, Morsi pelo uso de violência Membro activo da Irman-
declarou o secretário-geral e pela morte de manifestan- dade, uma organização que
da Resistência Nacional tes durante os distúrbios de nasceu no Egipto e tem ser-
Moçambicana (Renamo), Dezembro de 2012 frente ao vido de inspiração para incon-
A queda do ex-presidente Bouteflika incentivou a juventude a exigir mais abertura citado ontem pelo diário "O palácio presidencial de Iti- táveis organizações jihadistas
País". hadiya, na capital egípcia, e fundamentalistas islâmicas,
Após o registo, os durante os primeiros grandes foi detido em Janeiro de 2011,

Manifestantes voltam a exigir guerrilheiros serão


colocados em centros de
acantonamento visando a
desmobilização ou
protestos populares contra
o político islamita.
A Irmandade Muçulmana
é alvo de uma intensa acção
no auge dos protestos contra
o regime de Mubarak, na Pri-
mavera Árabe.
Apenas dois dias mais

a mudança do sistema argelino integração nas Forças de


Defesa e Segurança.
“O próprio Memorando de
policial e judiciária desde que
o ex-Presidente foi deposto
num golpe militar liderado
tarde, Morsi e mais de uma
centena de outros detidos
foram libertados da prisão
Entendimento preconiza pelo actual presidente, Abdel por um bando de homens
Pelo décimo-oitavo fim de semana consecutivo, as principais que haverá acantonamento Fatah al-Sisi, em Julho de 2013, armados. Menos de quinze
ruas de Argel voltaram a encher-se de manifestantes que exigem para a selecção de oficiais. um ano depois de o islamita dias mais tarde Hosni Muba-
a mudança de todo o sistema que durante décadas governou a chegar ao poder. rak foi oficialmente deposto.
De acordo com a BBC, Morsi Morsi tomou parte activa
Argélia, numa altura em que o Presidente interino, Adbdelkader RCA estava agora a ser julgado num na reorganização política do
Bensalah, está internado devido a um cancro DOIS JORNALISTAS novo processo por crimes de Egipto e foi eleito Presidente
FRANCESES DETIDOS E espionagem. do país em 2012, com pouco
ESPANCADOS Segundo a televisão estatal mais de 50 por cento dos votos.
As detenções de ex-dirigen- de todos os antigos repre- "Gaid Salah para o lixo", Dois jornalistas franceses egípcia, Morsi morreu enquan- A sua deposição pelos mili-
tes políticos e figuras deci- sentantes do círculo próximo gritaram os manifestantes, que trabalham para a to falava com o Presidente do tares, em 30 de Junho de 2013,
sivas na pre sidência de do ex-Presidente durante os de acordo com um jornalista Agência France-Press (AFP) Tribunal. Não são conhecidas deu-se depois de protestos
Abdelaziz Bouteflika não seus 20 anos de poder. da AFP. No cortejo, diversas na República Centro as causas da morte. contra a islamização do país
acalmaram a contestação na Os alvos são, designada- faixas também recordavam Africana (RCA) foram De acordo com o filho, e das instituições em que par-
Argélia, onde segundo a AFP mente, o Presidente interino, o aniversário da repressão da detidos e seus Ahmed Morsi, o antigo Pre- ticiparam milhões de pessoas.
os manifestantes voltaram Abdelkader Bensalah, o pri- marcha de 14 de Junho de equipamentos confiscados sidente estaria a enfrentar Os apoiantes de Morsi e
neste fim-de-semana a mo- meiro-ministro Noureddine 2001 em Argel, em plena “Pri- e destruídos no fim-de- vários problemas de saúde da Irmandade não se con-
bilizar-se massivamente Bedoui e o chefe do Estado- mavera Negra”, a revolta da semana durante a que foram “ignorados” pelas formaram e desenvolveram
para exigir a mudança de Maior das Forças Armadas, região da Cabília desenca- dispersão de uma autoridades egípcias. “Sur- diversas acções de protesto
“todo o sistema”. general Ahmed Gaid Salah. deada pela morte de um estu- manifestação da oposição giram muitos relatos recen- e reivindicação.
As manifestações deste dante de liceu numa esquadra em Bangui, anunciou a AFP.
fim-de-semana coincidiram da polícia e que foi reprimida Os dois correspondentes,
também com o décimo- “Apesar da violentamente pelas autori- Charles Bouessel (28 anos)
oitavo aniversário de uma proibição de dades. De acordo com a Liga e Florent Vergnes (30 anos),
grande marcha de habitantes Argelina dos Direitos Huma- relataram que foram A ENTRAR PARA O TRIBUNAL
manifestações,
da Cabília, uma região mon- desde 22 de nos, o balanço destes tumultos mantidos em detenção por
tanhosa do norte da Argélia cifrou-se em 126 mortos (na mais de seis horas e
de maioria berbere, deno-
minada "Primavera Negra",
Fevereiro que a
polícia é incapaz de
impedir um inédito
maioria jovens) e mais de 5
mil feridos.
interrogados três vezes
depois de terem sido
Omar al-Bashir
violentamente reprimida e Enquanto isso, o Presidente presos e espancados por
que degenerou numa revolta.
Desde então, todas as mani-
movimento de
massas que tem
invadido as ruas
interino, Abdelkader Ben-
salah, foi internado de urgên-
membros do Escritório
Centro Africano para a
aparece em público
festações foram estritamente do país ” cia para tratar-se das sequelas Repressão do Banditismo
proibidas na capital argelina. de um tumor cancerígeno que (OCRB). O ex-Presidente do Sudão, ponder pelos crimes de cor-
A proibição permanece lhe impede de honrar tarefas DR Omar al-Bashir, reapareceu rupção que lhe são impu-
em vigor, mas desde 22 de protocolares. domingo à tarde pela pri- tados pela justiça, depois
Fevereiro que a polícia mos- Após a anulação, devido Operado em Setembro de meira vez em público desde de terem sido encontradas
tra-se incapaz de impedir à ausência de candidatos 2015, em Paris, o actual Chefe que foi apeado do poder em na sua casa várias malas
um inédito movimento de credíveis, das eleições pre- de Estado teve uma recaída Abril na sequência de um com notas de moeda nacio-
massas que tem invadido as sidenciais previstas para 4 que o obrigou a tratamentos golpe de Estado militar. nal e internacional.
ruas do país. de Julho e destinadas a eleger complementares. Segundo a BBC, Al-Bashir De recordar que Omar Al-
Este fim-de-semana, as o sucessor de Bouteflika, o No dia 4 deste mês, depois foi fotografado e filmado Bashir é procurado pelo Tri-
ruas de Argel estiveram de poder interino apelou a um de assistir a uma oração na quando saiu de uma viatura bunal Penal Internacional
novo repletas de manifes- diálogo rejeitado pelos mani- grande mesquita de Alger, a e preparava-se para entrar (TPI), que o acusa de orga-
tantes que voltaram a ecoar festantes, que em alternativa Presidência anulou a cerimó- no tribunal, onde um juiz nizar crimes de guerra e con-
palavras de ordem como pretendem instituições de nia de cumprimentos prevista leu as acusações de corrup- tra a humanidade, alegada-
“Ladrões, pilharam o país!”, transição e recusam que seja para a Casa do Povo. Ahmed ção com que está judicial- mente cometidos na região
na sequência de uma semana o círculo próximo do ex- Ouyahia, um impopular pilar Acreditados para trabalhar mente indiciado. de Darfur, o que os seus advo-
assinalada pela ordem de Presidente, ainda no poder, da presidência de Bouteflika naquele país, os dois Rodeado por elementos gados negam.
prisão preventiva emitida a organizar o escrutínio. (1999-2019) está a ser inves- jornalistas foram presos e das forças de segurança, Al- Os líderes do Conselho
contra Ahmed Ouyahia, 66 Numerosas palavras de tigado judicialmente, jun- mantidos pelo OCRB e Bashir, de 75 anos, envergava Militar de Transição, actual-
anos, e Abdelmalek Sellal, ordem e faixas também se tamente com outros antigos depois transferidos para as as tradicionais vestes brancas mente no poder por terem sido
70 anos, dois antigos pri- dirigiram directamente ao dirigentes argelinos, por pre- instalações da Direcção dos com turbante da mesma cor, autores do golpe de Estado
meiros-ministros e próximos general Gaid Salah, o ver- sumíveis fraudes em negó- Serviços da Polícia aparentando estar de boa de Abril, já disseram que não
de Bouteflika. dadeiro homem forte do país cios públicos. Judiciária (DSPJ) em saúde e trocando sorrisos e vão entregar Omar Al-Bashir
À semelhança da demissão desde a demissão de Bou- A maioria dos suspeitos Bangui, de acordo com algumas palavras com as pes- à justiça internacional, dei-
de Bouteflika, em 2 de Abril, teflika e que apoiou aberta- são acusados de aproveitarem fontes diplomáticas, o soas com quem se cruzava, xando que seja o futuro Go-
estas prisões não acalmaram mente, ou ordenou segundo as relações privilegiadas com ministro da Justiça centro descreve a mesma estação verno a decidir após a reali-
os manifestantes, que con- diversos observadores, os o Chefe de Estado e o seu cír- africano e os dois britânica de televisão. zação de eleições ainda sem
tinuam a exigir o afastamento inquéritos anti-corrupção. culo para garantir vantagens. jornalistas da AFP. Omar Al-Bashir vai res- data marcada.
MUNDO Terça-feira
18 de Junho de 2019 11
ELEIÇÕES ESTADOS UNIDOS
DR

Trump despede analistas


com sondagens desfavoráveis
Com uma enorme dificuldade em encaixar críticas e opiniões contrárias, o presidente dos Estados
Unidos terá que enfrentar candidatos democratas com melhores condições para governar

O Partido Conservador vai DR


eleger um novo líder O Presidente dos EUA, Donald próxima do Presidente, revelou
Trump, demitiu três analistas no fim-de-semana sondagens
de pesquisas de opinião cujas que mostravam Trump a poder
Boris Johnson sondagens revelaram núme-
ros decepcionantes para as
perder contra vários possíveis
candidatos democratas.
suas ambições de reeleição Numa mensagem na sua
cada vez mais em 2020, segundo a imprensa conta pessoal da rede social
norte-americanos. digital Twitter, Donald Trump
favorito Donald Trump tem repe-
tido nos comícios de cam-
pediu ontem aos seus apoian-
tes para não acreditarem em
panha para a reeleição, nas qualquer sondagem que revele
Boris Johnsonrecebeu ontem presidenciais de 2020, que que ele aparece atrás dos can-
um forte apoio na sua cam- as sondagens o indicam co- didatos Democratas.
panha para substituir a pri- mo o provável vencedor, mas “Apenas as sondagens fal-
meira-ministra britânica The- alguns estudos de opinião sas mostram que estamos
resa May, quando um dos seus mostraram agora que ele pode atrás”, escreveu Trump, di-
ex-rivais e partidário da União perder para vários dos 23 zendo que ainda é muito cedo
Europeia (UE), Matt Hancock, potenciais candidatos do Par- para andar a fazer contas a re-
declarou que Johnson é o mais tido Democrata. sultados eleitorais.
forte candidato à vitória. Segundo a edição de on- Numa entrevista à estação
A maioria dos restantes tem do jornal The Washing- televisiva ABC, emitida no
candidatos acredita que John- ton Post, Donald Trump des- fim-de-semana, Trump disse
son, que apresenta uma car- pediu três analistas de pes- que não havia sondagens que
reira marcada por inúmeras quisas de opinião (Bree Lloyd, Conhecido pelo feitio irascível, Trump tem enfrentado problemas no seio da sua equipa o mostravam a perder para
gafes e escândalos, chegará Mike Baselice e Adam Geller) candidatos Democratas.
aos dois finalistas à liderança que lhe demonstraram es- Contudo, ontem, Brad Pars-
do Partido Conservador. tar em séria desvantagem vitória em 2020, segundo a cale, director de campanha da
Matt Hancock desistiu da nos vários Estados funda- maioria dos estudos) está em reeleição do Presidente norte-
disputa na sexta-feira, depois mentais para a sua ambição vantagem em Estados como Numa mensagem na sua conta pessoal da americano, confirmou a exis-
de ganhar 20 votos na pri- de reeleição. Iowa, Carolina do Norte, Ohio tência dessas sondagens ne-
meira votação de legislado- Segundo o jornal, Trump e Georgia (círculos que em rede social Twitter, Donald Trump pediu gativas para Trump, mas acres-
res conservadores e disse que permitiu que mantivessem muito contribuíram para a ontem aos seus apoiantes para não centou que elas se referem a
Johnson é o melhor candidato os seus empregos dois outros vitória de Trump em 2016). acreditarem em qualquer sondagem respostas dadas por eleitores
para liderar o partido. analistas (Tony Fabrizio e John De acordo com as infor- em Março passado.
“Boris fez uma campanha McLaughlin), apesar de eles mações ontem reveladas Fontes próximas do Pre-
disciplinada e quase certa- também terem apresentado pelos média norte-ameri- sidente citadas pelo The Was-
mente será o nosso próximo sondagens que mostravam canos, Trump terá ficado ções de voto, contra 41 por eles Estados muito relevantes hington Post, Donald Trump
primeiro-ministro”, disse que o democrata Joe Biden sobretudo preocupado com cento de Trump, no Wis- para garantir uma vitória “está mais furioso pelo facto
Hancock num artigo publi- (ex-vice-presidente de Barack as sondagens da sua equipa consin, perdendo também em 2020. dos resultados terem rapi-
cado no jornal The Times. Obama) e o candidato me- que revelavam que Joe Biden por larga margem na Pen- Também a estação tele- damente chegado ao conhe-
Johnson foi o rosto da cam- lhor posicionado para uma tem 51 por cento das inten- silvânia e na Flórida - todos visiva Fox News, considerada cimento público “.
panha oficial para o Reino
Unido deixar a União Europeia
no referendo de 2016. E já
prometeu sair da UE com ou APÓS DIAS DE PROTESTOS HOMICÍDIO DE AUTARCA
sem acordo. Mas o Parlamento
inglês indicou que tentará
impedir o Brexit.
Os investidores alertam
China reforça apoio nado sob uma fórmula de
“um país, dois sistemas” desde Berlim avalia papel
que o impasse poderia per-
turbar os mercados e chocar
a economia mundial, enquanto
à líder de Hong Kong o seu retorno à Administração
chinesa em 1997, permitindo
liberdades não concedidas da extrema-direita
a UE disse que não renegociará no continente, incluindo um
o acordo assinado em Maio. A China reafirmou ontem o DR judiciário independente.
Se Johnson vencer as elei- apoio à líder de Hong Kong, Muitos moradores de Hong As autoridades federais alemãs sábado tem ligações à ex-
ções no Partido Conserva- Carrie Lam, depois de dias Kong estão cada vez mais irri- de justiça chamaram a si a inves- trema-direita.
dor e optar por um Brexit sem de protestos na cidade chi- tados com as intenções de tigação ao homicídio de um Lübcke, membro da União
acordo a decisão pode origi- nesa sobre uma nova lei de Pequim e com a erosão das autarca conservador, partidário Democrata-Cristã (CDU), li-
nar uma crise constitucional extradição. liberdades, temendo que as da abertura da Alemanha aos derava a autarquia de Kassel
com o parlamento, segundo Fonte próxima a Lam, citada mudanças na lei possam colo- refugiados, depois da detenção e manifestou várias vezes o
a agência Reuters. pela agência Reuters, disse que car em perigo o estilo de vida de um suspeito com ligações à seu apoio à política de aco-
O porta-voz da Câmara Pequim provavelmente não a e o estatuto de centro finan- extrema-direita. lhimento de refugiados do
dos Comuns, John Bercow, abandonaria mesmo se tentasse ceiro global. O Ministério Público de Governo da chanceler An-
disse que é fantasioso pen- renunciar ao cargo. “O Governo central sempre Karlsruhe, competente em gela Merkel.
sar que a câmara baixa do par- As tentativas de Lam apro- apoiou o trabalho da directora matéria de terrorismo e crime O suspeito detido foi iden-
lamento poderia ser deixa- var uma lei que permitiria que executiva Carrie Lam e do Go- organizado, anunciou ontem tificado através de vestígios
da de lado nas negociações pessoas em Hong Kong fossem verno de Hong Kong”, disse o que assumiu a condução da de ADN presentes na roupa
do Brexit. extraditadas para a China para porta-voz da chancelaria chi- investigação. da vítima.
“É uma piada!”, disse Ber- serem julgadas provocaram Carrie Lam está sob pressão nesa, Lu Kang, em conferência A emissora pública regio- Segundo a revista Der
cow ao jornal francês Le Fi- os maiores e mais violentos de imprensa. nal SWR noticiou que os in- Spiegel, em 2009, o suspeito
garo. “A ideia de que o Parla- protestos na antiga colónia Os organizadores do pro- vestigadores suspeitam que esteve entre cerca de 400
mento britânico pode ser dei- britânica em décadas. ao cargo que ocupa. testo disseram que quase dois motivos políticos tenham es- militantes neonazis detidos
xado de lado quando uma Quando a crise política A revolta popular acontece milhões de pessoas - de um tado na origem do assassínio por atacarem manifestantes
decisão tão crucial deve ser entrou na segunda semana, num momento delicado para total de 7 milhões de habi- de Walter Lübcke, 65 anos, da Federação Alemã de Sin-
tomada é fantasia.” manifestantes e políticos da o Presidente chinês, Xi Jin- tantes em Hong Kong - inva- encontrado morto a tiro em dicatos (DBG) em Dortmund,
Boris Johnson é conhe- oposição enfrentaram a ping, que enfrenta uma pro- diram as ruas, no domingo, casa, em Kassel, no estado tendo sido condenado a sete
cido pela sua atitude pouco chuva intermitente para se funda guerra comercial nos para exigir que Lam renuncie de Hesse (centro do país), a meses de prisão.
ortodoxa e pelos posiciona- reunir perto dos escritórios EUA, uma economia em ao cargo. Os protestos são o 2 de Junho. A revista acrescenta que o
mentos supremacistas do do governo e pedir que o declínio e uma tensão estra- maior desafio à liderança chi- Segundo a agência de no- suspeito é também conhecido
Reino Unido em relação a projecto fosse abandonado tégica regional. nesa em Hong Kong, território tícias alemã DPA, um sus- das autoridades por outros actos
outras culturas. e que Carrie Lam renunciasse Hong Kong tem sido gover- que governa desde 1997. peito de 45 anos detido no de violência e posse de armas.
12 ECONOMIA Terça-feira
18 de Junho de 2019

SECRETÁRIA DE ESTADO DO TESOURO

“Adiamento do IVA implica


menor arrecadação fiscal”
Vera Daves declara à imprensa no decurso de um diálogo com representantes da classe empresarial orientado para
que o imposto seja introduzido ainda este ano, numa data que é decidida em contactos a manter ao longo da semana

Victorino Joaquim AGOSTINHO NARCISO | EDIÇÕES NOVEMBRO que decorrem os trabalhos


para se encontrar uma data
concreta, de onde surge o diá-
O adiamento da introdução logo contínuo para que, ainda
do IVA deve provocar uma esta semana, haja uma pro-
forte pressão sobre o Orça- posta concreta a submeter ao
mento Geral do Estado (OGE) Titular do Poder Executivo.
deste ano, já que vários gas- Vera Daves referiu que o
tos estão suportados pelas adiamento não significa que
receitas do sector não petro- haverá alteração da Lei do
lífero, declarou ontem, em IVA, apenas a alteração dos
Luanda, a secretária de Esta- prazos da sua introdução no
do do Tesouro. país. A responsável salientou
Vera Daves falava num que “o que está em aborda-
seminário para secretários gem agora é como é que se
de Estado e secretários-gerais vai flexibilizar relativamente
de todos os ministérios rea- àqueles que ainda não têm
lizado para esclarecer o adia- condições criadas”.
mento para Outubro, da Para o Governo, a imple-
introdução do Imposto sobre mentação do IVA vai dar maior
o Valor Acrescentado (IVA), justiça e neutralidade na tri-
onde considerou que a deci- butação do consumo, por
são implicará menor arreca- forma a adaptar a tributação
dação de receitas, o que pode da despesa à nova realidade
comprometer a execução nor- económica e social do país,
mal do OGE. bem como potenciar a arre-
Questionada sobre a data cadação de receitas públicas.
para o início da aplicação do A introdução deste novo
IVA, a secretária de Estado Secretária de Estado do Tesouro fala à imprensa para esclarecer as implicações do adiamento da introdução imposto, justifica ainda o Go-
disse que, de momento, a verno, visa combater a evasão
Equipa Económica do Exe- e fraude fiscal e o enquadra-
cutivo está a dialogar com os “Apesar da Administração mover o alargamento da base do MPLA, apelou sábado, mento gradual da economia
representantes das diferentes Geral Tributária (AGT) assegurar tributária e, sobretudo, poten- durante um discurso no VII informal.
partes interessadas, com a que tem todas as condições Executivo ciar a receita não petrolífera. Congresso Extraordinário, a O imposto será aplicado,
orientação que seja introdu- reunidas para a implementação O Código do IVA prevê uma Equipa Económica a avaliar numa primeira fase aos gran-
zido ainda este ano. do IVA, ainda existem, da parte está a dialogar taxa única de 14 por cento o melhor momento para a des contribuintes, num total
“Esperamos que venha a da classe empresarial, dúvidas com representantes para todas as importações de implementação do IVA, o que de 421 empresas cadastradas
ser definida, ainda esta se- e preocupações que podem das diferentes bens e para todos os grandes deverá ocorrer ainda este ano. pela Administração Geral Tri-
mana, uma proposta consen- levar à não execução do novo partes interessadas contribuintes com proveitos Na sexta-feira, o Governo butária (AGT), em que se des-
sual para ser submetida ao imposto no dia 1 de Julho”, superiores a 15 milhões de e o Grupo Técnico Empresarial tacam o sector petrolífero,
Presidente da República”, disse Vera Daves.
com a orientação kwanzas, incluindo empresas (GTE), encarregue do assunto, banca comercial e operadoras
anunciou Vera Daves em de- Com a entrada em vigor que o IVA públicas de grande dimensão decidiram pelo adiamento da de telefonia, podendo também
clarações à imprensa à margem do IVA, referiu, a AGT tem seja introduzido e instituições financeiras ban- entrada em vigor do IVA para as empresas com contabilidade
de um seminário, realizado como principal propósito ainda este ano cárias e de seguros. o próximo mês de Outubro. organizada e com condições
ontem no Ministério das Finan- modernizar os serviços pres- O Presidente João Lou- A secretária de Estado das informáticas adequadas aderir
ças, em Luanda. tados aos contribuintes, pro- renço, na qualidade de líder Finanças e do Tesouro referiu voluntariamente.

REACÇÕES

“Presidente percebeu défice de diálogo” saúde, declarou José Severino,


ou sobre o da educação, de
acordo com o presidente da
Câmara de Comércio e In-
mento frequentemente usado
pelo Governo de Angola ser
dos únicos países da SADC
que não adoptou o IVA.
DOMBELE BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO
O e c o n o m i sta A lve s d a madas pelos operadores eco- dústria de Angola (CCIA), José O presidente da AIA afirma
Rocha considera que o adia- nómicos”, uns, e “organizar Alentejo, que também prestou que, outros países da região
mento da aplicação do IVA a sua contabilidade”, outros. declarações a esse respeito. que adoptaram o imposto
pode ter-se ficado a dever a “Os técnicos da AGT têm De acordo com José Alen- não tiveram uma guerra pro-
que o Presidente João Lou- que ter maior capacidade tejo, as empresas não estão longada, têm contabilistas e
renço tenha percebido “al- de diálogo”, afirmou Alves preparadas e o grande défice levaram quatro a cinco anos
gum défice de diálogo com da Rocha ao reagir, instado reside na questão da conta- a implementar o IVA.
os sujeitos passivos do im- pelo Jornal de Angola , ao bilidade: quase nenhuma
posto, que são aqueles que adiamento da introdução do empresa tem contabilidade IVA sobre a facturação
pagam e que estão sujeitos IVA anunciado sexta-feira organizada para fazer as dedu- José Severino apontou como
a uma carga tributária alta pelo Governo. ções e entregar ao Estado. reivindicação do GTE, a redu-
e vão ver os seus rendimen- As associações apontam “Se as empresas não tive- ção de 7,0 para 3,5 por cento
tos diminuírem”. para o início de 2020 como rem esse domínio resolvido, da percentagem aplicada
O e c o n o m i s ta , q u e é data mais consensual para terão uma situação de conflito sobre a facturação bruta das
director do Centro de Estudos a introdução do IVA, lem- permanente com a AGT. São empresas que não aderirem
e Investigação Científica brou, manifestando dúvidas Alves da Rocha num debate público recente em Luanda muitos anos sem trabalhar ao regime do IVA até 2021.
(CEIC) da Universidade Cató- quanto ao mês de Outubro com o sistema contabilístico A percentagem proposta
lica de Angola também in- como prazo suficiente para contactado pela nossa repor- das condições pelos empre- e o país não possui muitos pela AGT “levaria as empresas
daga se o Presidente “terá a realização das tarefas tagem, em que a data pro- sários e os provedores de contabilistas”, afirmou. à falência, pois têm encargos
ouvido as reclamações dos requeridas para a introdução posta pelo Grupo Técnico software, alterações ao regu- “Não podemos ser moder- salariais, juros de empréstimos,
empresários” que, com o do imposto. Empresarial (GTE) é o início lamento do IVA. nos por imitação, devemos impostos e Segurança Social”,
Governo, “devem aproveitar O presidente da Associa- de 2020, havendo pela frente Estas modificações de- ser modernos por transfor- disse José Severino, revelando
este adiamento para reunir ção Industrial de Angola questões de elevada monta vem incidir sobre aspectos mação”, declarou Alves da que o Governo aceitou a taxa
as condições que são recla- (AIA), José Severino, insistiu por resolver, além da reunião como o IVA sobre o sector da Rocha, numa alusão ao argu- solicitada pelos empresários.
ECONOMIA Terça-feira
18 de Junho de 2019 13
COMPLIANCE DENUNCIA O IGAPE

120
TECNOLOGIA DR

Mais de cem DR

são formados QUARTOS EM HOTEL


em dois meses ABERTO NO LUENA
O grupo AAA, detentor
A PetroShore Compliance, da rede IU, pôs a
vocacionada em consultoria funcionar um hotel de
sobre conformidade legal três estrelas, com 120
no sector financeiro, for- quartos, na zona
mou, nos meses de Abril e industrial do Luena,
Maio, mais de 100 técnicos Moxico, noticiou ontem
nacionais nesse domínio, a Angop. O hotel aberto
a uma média de 50 por mês, constitui o 27.º na rede
de acordo com a directora que se encontra em
da companhia. processo de
Andrea Moreno afirmou implantação no
que os técnicos, empregados Vista da edição da Angotic do ano passado mercado nacional desde
no sector público e privado, 2007.
aperfeiçoaram-se em maté-
rias ligadas aos crimes eco-
nómicos e branqueamento
de capitais, reunindo potencial
Angotic arranca MADEIREIROS
E APICULTORES
para dotarem as organizações
em que servem de práticas
que, somadas, melhoram o
hoje em Luanda EM FORMAÇÃO
Produtores de madeira e
mel de Luanda, Bengo,
África Têxtil já empregou centenas de jovens em Benguela

ambiente de negócios no mer- Bié, Cuando Cubango,


cado financeiro.
Os cursos treinam os
Madalena José

A exposição de Tecnologias de Informação e


Cuanza-Sul, Cunene, Uíge
e Moxico mantêm desde
Privatização irregular
beneficiários como profis- Comunicação Angotic, que visa promover e ontem um encontro de
sionais do sector e consul-
toria de negócios, elaboração
partilhar conhecimentos do sector, arranca hoje
em Luanda, devendo permanecer aberta até
cinco dias consagrado à
assessoria e troca de
de três fábricas têxteis
de relatórios sobre crimes quinta-feira, de acordo com informações obtidas experiências com outros
económicos e cultura de junto da organização. países, numa iniciativa da O Instituto de Gestão de Acti- as unidades têxteis, sendo
integridade, aprendendo a O evento tem um pendor estratégico, na União Europeia. Os vos e Participações do Estado de referir que a entrega, nos
lidar com os crimes de cor- medida em que oferece grandes oportunidades participantes obtêm (IGAPE) denunciou ontem, termos ocorridos, foi irregular,
rupção, riscos para as orga- de estreitamento de parcerias com representantes conhecimentos sobre a em comunicado, a privatiza- por falta de competência do
nizações expostas, prevenção da indústria africana, europeia, americana, produção e exportação, ção irregular das fábricas Áfri- IDIA/Ministério da Geologia
ao branqueamento de capi- asiática, possibilitando manter contactos pessoais relações entre produto e ca Têxtil, em Benguela, da e Minas e da Indústria".
tais e financiamento ao ter- e directos, com a criação de vínculos para a rea- ambiente, bem como ex-Satec, no Dondo, e da Tex- O processo de transfe-
rorismo, diligência devida, lização de negócios. conceitos de base de tang II, em Luanda. O processo rência do direito de superfície
bem como noções sobre a O porta-voz da organização, António Sousa, economia e Marketing. en-volve Joaquim David, an- dos terrenos baseou-se na
função de oficial de “com- afirmou tratar-se de uma iniciativa do Governo tigo ministro da Geologia e manipulação de falsos paga-
pliance” e corporativo. de carácter internacional que, pela segunda vez, Minas e Indústria. mentos ao IDIA, que nunca
DR vai reunir individualidades de vários sectores e CÂMBIO No documento, de 11 pon- ocorreram, acusa o IGAPE.
estratos, líderes do sector público e privado e tos, o IGAPE esclarece que em Desde a entrega das três
representantes da indústria de todo o ecossis- 2009, sob proposta do Minis- fábricas às sociedades pri-
tema das TIC. Kwanza recupera tério da Indústria, foi aprova- vadas até ao presente, a África
No total, prevê-se a participação de 150 oradores do e publicado em Diário da Têxtil produziu menos de 10
e moderadores e de 125 startups que se juntarão ligeiramente República, I Série, de 13 de por cento da sua capacidade,
às empresas já com actividade consolidada em Março, o Programa Executivo a Textang II menos de cinco
Angola. Entre as oito mil individualidades aguar- frente ao euro do Sector da Indústria para o por cento e a ex-Satec 0 %.
dadas no evento, cerca de 150 estrangeiras, des- período 2009-2012, onde,
taca-se os ex-primeiros ministros de Cabo-Verde O kwanza iniciou ontem a entre outros, se inseriram os Termos de referência
e do Haiti, José Maria das Neves e Laurent Lamothe, semana cotado a 383,920 e Projectos de Reabilitação da O IGAPE denuncia ainda que,
figuras interventivas em iniciativas das TIC. a 340,687 unidades diante do África Têxtil, da ex-Satec e da apesar dos Termos de Refe-
euro e do dólar, respectiva- Textang II. rência do concurso, lançado
mente, com uma ligeira apre- De acordo com o Programa em 2010, para selecção de
ciação em relação à moeda Executivo, o custo de reabi- investidores privados nacio-
europeia e à manutenção de litação de cada uma destas nais, referir expressamente
CAMPO PLATINA mínimos históricos face ao unidades fabris ascenderia que os candidatos deviam ter
Directora da consultora dólar, o que se prolonga desde a 50 milhões de dólares, sen- capacidade técnica e finan-
PetroShore Compliance há uma semana, de acordo do o financiamento conce- ceira para assumir o “down

Ao todo, a PetroShore
Petrolífera britânica com dados do Banco Nacional
de Angola (BNA).
dido pelo JBIC, do Japão. Con-
trariamente ao estabelecido
payment” e os recursos para
capital circulante, foi o Estado
Compliance oferece 56 cur- O curso do kwanza atingiu no programa, o valor final dos que teve que emitir uma
sos, mas também presta con-
sultoria nos domínios do
começa perfurações o valor mais baixo de sempre
diante do euro na segunda-
três projectos superou dez
vezes os montantes inicial-
garantia soberana para que
o BAI concedesse às citadas
estabelecimento de progra- feira 10, caindo para 385,044 mente previstos. sociedades privadas os finan-
mas de implementação e O director-geral da Britsh desde o início de produção no kwanzas por unidade, tendo- Foi o Ministério da Geo- ciamentos para pagar o “down
desenho de processos, inves- Petroleum (BP) Angola anun- Bloco 31, em 2013, onde produz se apreciado depois para logia e Minas e da Indústria, payment”.
tigação e gestão externa de ciou ontem, em Luanda, que em águas mais que profundas 384,602, o mesmo sucedendo cujo titular era Joaquin David, Em Março de 2017, o Go-
canais de denúncia. prevê até meados de 2020 ini- cerca de 110 mil barris de petró- em relação à moeda norte- que organizou todo o pro- verno, após análise da situação
Andrea Moreno indicou ciar a perfuração de poços no leo por dia (bpd). americana, cujo câmbio man- cesso de financiamento, lê- das fábricas têxteis, decidiu
que a companhia assessora campo Platina, em águas pro- Segundo Hélder Silva, para tém-se desde então. se no documento do IGAPE. retirar a sua posse às empresas
instituições públicas em pro- fundas do Bloco 18. este ano a BP Angola pretende Desde 9 de Janeiro de 2018, O documento esclarece privadas que as detinham.
jectos e na implementação Hélder Silva, que falava à produzir no país cerca de 137 quando as autoridades puse- ainda que o concurso público Posteriormente e como me-
de processo de gestão de inte- imprensa no final de um encon- mil bpd nos dois blocos que ram termo à taxa de câmbio promovido pelo Ministério dida de esperança, o Governo
gridade para a obtenção da tro com a Comissão de Eco- opera, designadamente 31 e fixa e começaram a vender da Geologia e Minas e da In- actual, em 2018, formatou uma
certificação ISO 37001 (gestão nomia e Finanças da Assembleia 18. “Estamos a trabalhar nas aos bancos comerciais as divi- dústria, em 2010, não apurou solução de privatização gra-
de sistemas de compliance). Nacional, disse que o campo eficiências, como a optimização sas em leilão, primeiro tris- qualquer entidade para gerir dual, sujeitando-a, contudo,
Os cursos e a assessoria Platina já está a ser desenvolvido de poços e a redução de para- semanais e actualmente as fábricas têxteis. à reunião de um conjunto de
têm maior adesão entre advo- e existem já dois contratos pron- gens não planeadas, a fim de diários, o kwanza já depreciou O IGAPE indica que "a requisitos prévios, que as cita-
gados, contabilistas, jorna- tos para adjudicação, sendo produzirmos acima daquilo 51,708 por cento face ao euro entrega das fábricas têxteis das sociedades não consegui-
listas e administradores de objectivo que se inicie a per- que está planificado”, referiu. e 51,298 em relação ao dólar. à Alassola, Nova Textang II ram cumprir.
empresa, bem como com- furação dos poços em meados Aquele responsável subli- Em Janeiro de 2018, um e à Mainajethu, empresas que Foi, pois, neste contexto,
panhias dos sectores da banca, de 2020. nhou que a BP Angola está a euro equivalia a 185,4 kwan- não participaram no concurso que os Ministérios das Finanças
construção, clínicas, petróleos Em Dezembro do ano pas- desenvolver esforços no sentido zas, enquanto a unidade de público, foi precedida da con- e da Indústria propuseram ao
e de serviços. sado, a BP Angola e a Sonan- de diminuir o declínio da pro- dólar era transaccionada a cessão do direito de superfície Titular do Poder Executivo a
A empresa tem escritórios gol assinaram acordos para dução. “Um outro projecto que 165,92 kwanzas. Em Janeiro do terreno onde as mesmas revogação dos Despachos Pre-
em Angola e Espanha, sendo investimento do desenvol- estamos a trabalhar é o projecto último, um euro equivalia a foram implantadas, a qual sidenciais números 108 a 110,
Andrea Moreno especialista vimento do campo Platina, ‘Paz’, no Bloco 31, que são 352,828 kwanzas, enquanto foi autorizada pelo então titu- de 2018, retirando assim a
em Compliance Penal, perita onde partilham as operações, cerca de 135 milhões de barris, o dólar era transaccionado a lar do Ministério da Geologia posse das três fábricas têxteis
judicial em crimes econó- estendendo também a licença que poderá também trazer um 310,158 kwanzas. A reforma e Minas e da Indústria e assi- às sociedades privadas que as
micos e presidente do Capítulo de produção no mesmo local. FPSO [unidade flutuante de cambial iniciada naquele mês nada pelo director do IDIA, detinham desde Setembro de
Angola da World Compliance O projecto Platina será o produção, armazenamento e diminuiu a diferença entre a Benjamim Dombolo, actual- 2013, promovendo na sequên-
Association. primeiro novo desenvolvi- transferência, na sigla em taxa de câmbio oficial e para- mente accionista das três cia um concurso público, con-
Ana Paulo mento operado pela BP Angola inglês] para Angola”, frisou. lela de 150, para 20 por cento. sociedades que ainda detêm clui o IGAPE.
14 Terça-feira
18 de Junho de 2019

CLASSIFICADOS
Atendimento Mais informações
Rua Rainha Ginga, 18/24 — Luanda Telefones: 937 550 262 /949 770 006
de Segunda a Sexta-feira, das 8h às 18h, e-mail: publicidade@jornaldeangola.com
aos Sábados e Domingos, das 8h às 14h IMOBILIÁRIO VIATURAS DIVERSOS

CASAS evolutivas inacaba- SANGYONG, Rexton, gasolina,


das T3, Benfica, Zona Verde
6.000.000,00 Akz. Telefones:
39.670Km, 7 lugares, bom es-
tado 7.800.000,00 AKz. Termi- COMPRA-SE
IMOBILIÁRIO 913952026,931529369(8.022) nais telefónicos: 948646412,
993 388 322 (7.812) TODO O TIPO DE OURO, pa-
gamos na hora (Maianga),

VENDE-SE ARRENDA-SE LAND CRUISER 18 lugares,


Províncias, 2009, 4.800.000kz. MOINHO de fuba de bombó e
JENILSON PRESTA NGOLA ,
vende Frigorífico 2015, novo
DESINFESTAÇÃO geral e lim-
peza, fazemos todo o tipo com ELIMINAMOS PRAGAS, serviços
Nova Vida e Kilamba. Con-
tacto Terminais telefónicos:
Terminais telefs: 931470417. milho, diesel, C/ ignição e ma- 7.000.000,00 Akz negociável. qualidade. Terminal telefóni- c/ qualidade, garantia 1 Ano s/ 931753003, 931753005.(7712)
(7.856) nivela, 25 sacos/hora, novo. Terminais telefs: 916546757 co: 923825075. (7.478) cheiro. Terminais telefónicos:
CASAS no Zango 1. Telefo- Terminais telefs: 936196882, 945464773. (7.909) 927228183, 997228183. (7859)
nes: 922011744, 941273300.
(7.411)
CHEVROLET Captiva, 40 mil
km, 5.800.000kz. Terminais
922799624. (7.668b)
LAVANDEIRA Industrial com- LEGALIZAÇÃO de empresas OFERECE-SE
telefónicos: 923325993 ou pleta de marca Firbinatic. a partir de 50.000Kz, liga já.
CASA Morro Bento, junto à 933539800. (7895) Terminais telefs: 923602942, Terminais telefs: 937552946, JOVEM c/ experiência quer
Vila do Gamek, sem interme- 923339516, 990602942. 993709203 (7.829) trabalhar como Secretária,
diários. Telefones: 931824489, APARTAMENTO T3, C/suites, TOYOTA Hilux, cabina dupla, (7.848) recepcionista, atendimento
912443226. (7.570) climatizado, prédio novo, esta- verde, em bom estado Akz DESINFESTAÇÃO de ratos, Cliente. Terminal telefónico:
cionamento, Vila Alice. Termi- 2.900.000. Terminais telefó- baratas, formigas ou outra 933113100. (7.969)
CASAS Evolutivas no Se- nais telefónicos: 942602801, nicos: 925687640, 994622253. praga, em residências e em-
quele, C/direito de superfície, 923963958 (7875) (8.009a) PADARIA Kit, forno, 3 gavetas, presas. Terminal telefónico: BARBEIRO Profissional C/14
Akz 3.850.000.00. Telefones: gás, estufa, amassadeira 50L, 928648007. (7.841) anos de experiência, procura
D&A DESINFESTAÇÃO sem
923792957, 912582927.(7664) RESTAURANTE 80X40, com ELANTRA 3.300.000 kz, Canter batedeira 20L, carrinho/pão, ba- emprego. Terminal telefó-
cheiro, anti-alérgica, não
Salão de festas, Snack Bar, 4.500.000 kz, Hilux 6.500.000 lança, tabuleiro. Terminais te- precisa sair de casa ou de- ARQUITECTURA ALGASP: ela- nico: 922534950. (7.956)
VIVENDA, APARTAMENTO no Kapalanca, Viana. Terminais kz, Tucson 5.300.000kz. Telef: lefs: 936196882, 917747359. boramos, todo e qualquer tipo
sarrumar, 100 % eficaz. Ter-
Nova Vida, Vila Pacífica, Ave- telefónicos: 928554541 ou 944789955. (8.013) (7.668c) de projectos arquitectónico, ao JOVEM C/ formação de RH,
minal telef: 938133343.
nida Brasil, Talatona. Tele- 914667018. (7.966a) melhor preço. Telefs: 921475473, informática, secretariado e
(7.680)
fone. 923056345, 916059846. NISSAN Quadradinho, carece CAMPAS granito e mármore, 998343925. (7.841a) recepcionista, procura em-
(7850) APARTAMENTO T1, mobi- de revisão no motor, 64.000 prego. Terminal telefónico:
montagem, gravação, cabe-
lado na Maianga, 6.º andar, Km., Land Cruiser V8. Termi- ceiras, fotos. Casa dos Gra- MONTAMOS Cerca Eléctrica, 923845832. (7.940)
LAR PATRIOTA, estrutura c/ terminais telefs: 923511155 nal telefónico: 923402640. inversor automático, portão
n i to s . Te r m i n a i s te l e f s :
11 suites, 2 salas, escritórios, 912518375. (7.977) (8.017) eléctrico. Terrminal telefónico: MOTORISTA ligeiro profis-
921662309, 990591646.
WC, e armazém, estaciona- 942875997. (8.021) sional, procura emprego.
(7.424)
mento. Telefones: 923222255, 2 ARMAZÉNS de 100m² e Terminais telefs: 92870926,
916993349 (7.816) 120m², dentro do Mercado
Kalawenda Cazenga. Termi- VENDE-SE MÁQUINAS de gelo escama,
liquidificador, 20/40 L, CX. de
DNR-VIAGENS, tratamos vis-
tos para o mundo inteiro, liga
998917043. (7.817)

APARTAMENTO T4, Centra- nais telefónicos: 924634638 10 mil palitos/picolé, amas- DESINFESTAÇÃO S/cheiro, já. Telef: 938742102. (8.015) JOVEM Motorista Ligeiro
lidade do Sequele, 1.º andar 923416361. (7.931) TERRENOS 20x30, já mura- sadeira 130L, divisória 36 sem sair do local, disponível profissional com experiência
a 7.000.000 Akz negociáveis. dos, Kifica, 11 de Novembro furos, novos. Terminais telefs: todos os dias. Terminais tele- de 7 anos, procura emprego.
Telefs: 912052958 /923983448. fónicos: 921944991, 915283136
(7.852a)
ESCRITÓRIO, no Talatona
via A2 próximo ao Restau-
e Patriota, água e luz. Termi-
nal telefónico: 926128657.
936196882, 917747359.
(7.668d) (7.709) PRECISA-SE Terminal telef: 947186555.
(7.673b)
rante Beueno Vivo . Termi- (7.907a)
APARTAMENTO T3, Centrali- nais telefónicos: 923524600, APANHAMOS o tapete, lava- COZINHEIRA C/experiência EMPREGADA Doméstica,
GERADORES Perkins, 13 a mos e entregamos ao domi-
dade do Kilamba, 1.º andar 913766206. (7.845) INSTALAÇÃO de cerca eléc- para trabalhar em residên- procura emprego de prefe-
1000 KVA, peças óleo Shell e cílio. Terminais telefónicos:
11.500.000 Akz negociáveis. trica, câmeras de vigilância, cia, que viva no Benfica. Con- rência, Cacuaco Nova Urba-
Telfs: 912052958 923983448. viaturas. Terminais telefs: 944555513, 944555514.
APARTAMENTO no Nova vídeo-porteiro, automação tacto Terminal telefónico: nização, Sequele. Telefone:
(7.852b) 923320418, 943499777.
Vida 200 mil kz. mobilado. de portão. Terminais telefó- (7748) 938082233. (7.881) 941904799. (8.018)
(7.960a)
Terminal telef: 923551712. nicos: 932407943, 918657161.
APARTAMENTO T5, na Cen- (7.892) (7.962) KIT de Talho, S. ossos, ser- SERVIÇOS de limpeza e as- PADEIRO com experiência,
tralidade Kilamba, 1.º andar CACUACO, terreno de 35x50,
e 7.º andar, 15.000.000 Akz. VIVENDA T5, 2.º andar, 2 co- TERRENO de 3 hectares, em
pentina, fogão, gelado, balde,
balança, F. hambúrguer. Telf:
Caop, frente ao asfalto, dis-
cutível. Terminais telefónicos:
piração de residência. Termi-
nais telefónicos: 944555513
residente no Zango. Termi-
nal telefónico: 994672560 ALUGA-SE
923985448, 912052958. zinhas, 4 salas, 4 WC’s, giná- Catete, ligado à Lagoa dos 937493599. (7.958) ou 944555514. (7749) (7.885)
(7.852) 925758501, 912309648.
sio no Morro Bento 2. Cacussos. Terminais telefs: CÂMARAS Frigoríficas de 40
(7.948)
Terminais telefs: 913297997 925817317, 923398799. SERVIÇOS de desinfestação, GACS, LDA-Segurança, pre- Pés, dentro do Mercado Ka-
VIVENDA no Lar Patriota 4 ou 923433899. (7.641) (7879) com cheiro e sem cheiro. Ter- cisa urgente, candidatos C/ lawenda (Cazenga). Terminais
suites, 2 quartos, 2 cozinhas, minais telefónicos: 944555513, 9.ª Classe. Telefs: 936083645 telefs: 924634638, 923416361.
2 salas. Telef: 937997523.
(7.949)
APARTAMENTO no Bairro Al-
valade, T2 mobilado, 3.º
COLCHÕES Kamaflex- Cama,
estrados, bases, berços, almo-
NEGÓCIOS 944555514. (7750) /993415751. (7.889) (7.931)

andar. Telefones: 924052746, fadas, lençóis, tapetes R. PADARIA, B. maria, salgadi- PUBLICIDADE
DUAS CASAS, bairro Porto 995915074. (8.010) Maianga. Terminal telefónico: nhos, cubas, fiambreira, gelo, SOMOS A SOLUÇÃO p/ sua
Seco, Viana a 7.600.000 kz. 938910826 (7.921) cubo, escama. Terminal tele- obra: construções, remode-
Terminais telefs: 927610266, APARTAMENTO no Bairro fónico: 937493599. (7.958a) lações, arquitectura 2D, 3D e
914830553. (7.951) Miramar, T2 mobilado 3.º TERRENO no Talatona com piscinas. Terminais telefs:
andar. Terminais telefónicos: 100x60m, terreno Plano. Ter- 222021962, 934999333.
ESTABELECIMENTO/ Farmá- 924052746, 995915074. minal telef: 923464888. (6.945)
cia 9x6,5M2, 2.000.000,00kz (8.010a) (7.983)
negociável, quintalão do 937493599. (5560a) CONTABILISTA Sénior, presta
serviços a empresas: Encerra-
ABANDONO DE TRABALHO
Petro Golf II. Telefone: MARIMÓVEIS - Apartamentos
924579762 (7.746) T4, prédios novos, Kaluanda, mento de contas. Terminais
T3 prédio Imporáfrica. Ter- MÁQUINA gelado, churras- telefs: 935372227, 994581111.
APARTAMENTO T4 Prédios, minal telefónico: 923336113. queira carvão, forno, exaustor, (7.237) A Desco Angola, Lda, vem por este meio, solici-
Zango-0, 7.º Andar 9.000.000 (8.026) tostadeira, pipocas, algodão.
Akz negociáveis. Terminais Terminal telef:937493599.
tar a comparência dos trabalhadores abaixo indi-
telfs: 923983448, 912052958.
(8.011)
(7.958b) cados para tratar de assuntos relacionados com
SERPENTINA, gelado em as suas actividades laborais, no período de 5 dias
VIVENDA T3 próximo ao Nova balde, serra-ossos, churras-
Vida, Akz 17.000.000, T4 no queira a gás, banho-maria úteis a partir da data da publicação deste anúncio.
Benfica, T2 Morro Bento. Tele-
fones: 925687640, 994622253.
VIATURAS para buffet, mesa Inox. Ter-
minais telefs: 922799624 ou
(8.009) 917747359 (7.668) DESINFESTAÇÃOEliminamos
pragas, sem cheiro e não precisa - Ângelo António Simões do Amaral Granada
ANEXO Fechado, no Bairro VENDE-SE CARRINHO de picolé, M. de
sumos, chapa de hambúr- sair de casa. Terminais tele- -Víctor Hugo Rodrigues de Miranda
Cassequel do Buraco, Rua guer, batedeira, mesa inox. fónicos: 912773445, 927752169
53. Telefones: 937284010, KIA Picanto 0 Km, ano 2019, Terminal telef: 937493599. (7.446)
993575600. (8.019) Motor 1.2, c/ jantes especiais, (7.958c)
por Akz. 5.500.000,00, nego- EFECTUAMOS trabalhos de A falta de comparência será enquadrada nos ter-
CASA e Anexo, no Bairro da ciáveis. Terminais telefs: UNIFORMES, Pólos, tshirts, carpintaria, cozinhas, roupei-
Samba. Telefs: 924022736, 925707000, 993417462. batas a preço de fábrica. Ter- ros, despensas, portas, etc. mos do n.º 2, alínea c) do Art.º 254.º da Lei Geral
919000003, 923922626. (7.665) minal telef: 927823491. Terminal telef: 943339403.
(8.018) MÁQUINA de gelado, picolé, (7.935) (7.595)
de Trabalho (LGT)
TOYOTA Prado, Luanda da algodão-doce, fritadeira,
CASAS evolutivas inacabadas Sorte, 165.000 Km, AC, diesel, chapa de hambúrguer, fiam- TERRENOS bem localizados, MONTAGEM e manutenção de
T3 Zango (1) 1.500.000 kz. manual, a 4.000.000Kzs. Ter- breira e tostadeira. Termi- 20x30, Z. Verde 3, Benfica, ar-condicionado. Terminais te- O Director Geral
Tlfs: 913952026,931529369.
(8.022)
minais telefs: 941527740,
992703218. (7.669)
nais telefónicos: 936196882,
917747359. (7.668a)
Ruas 45, 50 e 58, 650.000.
Telef: 926128657. (7.907)
lefs: 944555514, 944555513.
(7.747)
Carlos Medina
(7.920)
Terça-feira
18 de Junho de 2019 15
PUBLICIDADE

PEDIDO DE COMPARÊNCIA
O Banco Sol, S.A, serve-se da presente para solicitar a comparência no prazo de 8 dias, dos clientes abaixo indicados,
a fim de tratarem de assuntos do seu interesse, devendo para o efeito contactar às Direcções Jurídica e de
Gestão e Recuperação de Crédito, nas suas instalações, sitas em Luanda, Edifício Sol, Rua Lourenço Mendes da
Conceição, n.º 7.

Nome do Cliente sócios NIF

(7.836)
16 Terça-feira
18 de Junho de 2019

PUBLICIDADE

MINISTÉRIO DA ENERGIA E ÁGUAS


UNIDADE DE COORDENAÇÃO DE PROJECTOS (UCP/BM-AFD)
SEGUNDO PROJECTO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL DO SECTOR DE ÁGUAS DE ANGOLA (PDISA II)
N.º DE IDENTIFICAÇÃO DO PROJECTO P151224

GESTÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DE LUENA

Concurso N.º 01NC1/LUENA/DNA/19


O Governo da República de Angola recebeu um financiamento do Banco Mundial e da Coordenação de Projectos (UCP-BM/AFD) no endereço abaixo indicado durante o horário
Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD)para a implementação do Segundo Projecto de expediente.
de Desenvolvimento Institucional do Sector de Águas(PDISA II)e pretende aplicar parte
destes fundos, para pagamentos ao abrigo do contrato para Serviços de Gestão, Opera- Os documentos de concurso em língua inglesa podem ser obtidos gratuitamente pelos-
ção e Manutenção do Sistema de Abastecimento de Água de Luena. Concorrentes interessados mediante um pedido escrito dirigido ao endereço abaixo. Os
documentos deverão ser obtidos no endereço abaixo.
A Unidade de Coordenação de Projectos (UCP-BM/AFD) do Ministério da Energia e Águas
(MINEA) convida os concorrentes elegíveis e qualificados a apresentar propostas seladas As Ofertas deverão ser entregues no endereço abaixo indicado até às 10h00 do dia 12 de
para serviços de gestão, operação e manutenção do sistema de abastecimento de Água Agosto de 2019. As Ofertas submetidas por via electrónica não serão aceites. As Ofertas
de Luena. Os serviços terão a duração de 1 ano e o contratado deverá contribuir para que entregues depois da data e hora acima indicadas serão rejeitadas. As Ofertas serão abertas
a empresa opere como uma entidade financeiramente autónoma e tecnicamente susten- publicamente na presença dos representantes dos concorrentes que desejam assistir à ses-
tável, capaz de atingir os níveis de serviços para com os clientes, conforme definido na lei, são de abertura no dia 12 de Agosto de 2019 pelas 10:00h, no endereço indicado abaixo.
regulamentos e acordos com o Governo. Os principais objectivos dos serviços podem ser
resumidos no seguinte: Durante o período de 1 ano, asssegurar que a empresa opere como Todas as Ofertas deverão ser acompanhadas por uma declaração de garantia da Oferta.
uma entidade tecnicamente sustentável, capaz de atingir os níveis de desempenho e as-
segurar a continuidade do abastecimento de água aos seus clientes. O contratado deverá Chama-se a atenção para os Regulamentos de Aquisições que exigem que Mutuário di-
assegurar a eficiência na produção e cobrança, adequada gestão comercial no concernente vulgue as informações sobre a propriedade beneficiária do concorrente vencedor, como
a facturação, cobrança, receita e gestão da dívida, apoiar a EPAS Moxico na sua estrutu- parte do Anúncio de Publicação do Contrato, usando o Formulário de Divulgação de Pro-
ração e organização tanto na área comercial como na área técnica, e assegurar a transfe- priedade Beneficiária incluído no documento de concurso.
rência de conhecimentos para o pessoal da EPAS Moxico.
O endereço acima mencionado é:
Este concurso será regido de acordo com os procedimentos estabelecidos para os con-
cursos internacionais usando a Solicitação de Ofertas (RFB) especificados no Regulamento Ministério da Energia e Águas (MINEA)
de Aquisições do Banco Mundial para os Mutuários do IPF de Julho de 2016, revisto em Unidade de Coordenação de Projectos (UCP/BM-AFD)
Novembro 2017 e Agosto de 2018 (“Regulamentos de Aquisições”), e está aberto a todos À atenção de: Sr. Eng.º Lucrécio Costa
os concorrentes de países elegíveis. Rua Via S8, Condomínio DOLCE VITA, Edifício A1, 3.º andar, Talatona, Luanda, Angola
Tel: +244 222024757/ 924746294
Concorrentes interessados podem obter mais informações directamente na Unidade de E-mail: pdisa@pdisa.co.ao (7.918)

REPÚBLICA DE ANGOLA REPÚBLICA DE ANGOLA


MINISTÉRIO DO ENSINO SUPERIOR, CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO MINISTÉRIO DO ENSINO SUPERIOR, CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO
INSTITUTO SUPERIOR DE SERVIÇO SOCIAL INSTITUTO SUPERIOR DE SERVIÇO SOCIAL
A COMISSÃO DE JÚRI DO CONCURSO PÚBLICO DE INGRESSO
A COMISSÃO DE JÚRI DO CONCURSO PÚBLICO DE INGRESSO
AVISO QUE PUBLICA A LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS AO CONCURSO PÚ-
AVISO QUE PUBLICA A LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS AO CONCURSO PÚBLICO BLICO DE INGRESSO PARA A CATEGORIA DE TÉCNICO SUPERIOR DE 2.ª CLASSE

Em conformidade com o Despacho de 05/DG/19 de 23/04/2019 do Digníssimo Director Geral do Ins- Em conformidade com o Despacho de 05/DG/19 de 23/04/2019 do Digníssimo Director
tituto Superior de Serviço Social, publica-se a lista dos candidatos admitidos ao concurso público de Geral do Instituto Superior de Serviço Social, publica-se a lista dos candidatos admitidos
ingresso, para provimento de lugares na categoria de assistente estagiário. ao concurso público de ingresso, para provimento de lugares na categoria de Técnico Su-
perior de 2.ª Classe.
CANDIDATOS ADMITIDOS AO CONCURSO CANDIDATOS ADMITIDOS AO CONCURSO
N.º/O Nome Completo 10 Lilian Cesária Fonseca Tuma 1- Adão Joaquim Manuel José 20- Luísa Baptista Alentejo
1 Adão Joaquim Manuel José 11 Lizandra Jacinta António
2 Adolfo José Fortuna Paquete 12 Lourdes Namunga M. A. de Oliveira 2- Ana Cláudia Adriano Benjamim 21- Marcelina António Bumba da Silva
3 Célsio Vanilson Rui dos Santos Mota 13 Maria da Conceição Bernardo Tenda 3- António Maquiadi Manuel Cussunga 22- Maria Lusaku Garcia
4 Ivania de Nazaré Fernandes dos Santos 14 Mateus Eduardo Cati 4- António Miguel Inácio 23- Moisés Dala
5 Iveth Pedrina Luís da Paixão Boudet 15 Paulo Kutaya 5- Cremelda Mendes Pinheiro Cabral 24- Moisés Damião Manuel
6 Joaquim Daniel Caiado Cameia 16 Pedro José Gomes Mazebo 6- Eric Genivaldo Terra Manuel 25- Neusa Alberto Paulo Makai
7 José Joaquim Fernando 17 Soma Nahenda Martinho Dias
8 José Miguel Francisco Mateus 18 Vera Filipe Gonçalves P. L. Pereira
7- Evaldo Garcia Ambriz 26- Nilson Paulo Panda
9 Leandro José Missando 19 Walter Francisco Bastos 8- Faustina Agostinho Calei 27- Noé Sebastião Zeferino
9- Glória KaneneCapamba Sorte 28- Pascoal Lourenço Sapalalo Canivete
CANDIDATOS EXCLUÍDOS AO CONCURSO 10- Homero Domingos Missanto Diogo 29- Pedro José Gomes Mazebo
N.º/O Nome Completo Motivo da Exclusão 11- Isaac Capata Jamba 30- Roque Delgado Sozinho
1 Diamilin Cutins Nodarse Cidadania cubana
12- Isaac Pedro Lourenço 31- Sinclética Madalena S. Pedro Ngombe
2 Isabel Esmeralda Sakandumbu Média inferior a 13 valores
3 Marco Hemingway de Almeida Falta certificado com notas 13- Jesus Domingos Agostinho Bento 32- Tiago Maria Tati
4 Marísia Gomes Rodrigues Cidadania cabo verdiana 14- Joana Marisa Soares Policarpo 33- Valeriano Matias Sorte
5 Solange Sequeira Quitamba Falta certificado com notas 15- João Santos Garcia Unga 34- Vera Filipe Gonçalves P. L. Pereira
6 Zuleica de Paula Santana Nicolau Cidadania brasileira 16- João Thomas Abel Wambo 35- Víctor de Jesus Caetano Manuel
17- Júlio Joaquim C. Kainique Hilário 36- Victorina Silola Afonso
A prova escrita versará sobre noções gerais da organização da Administração Pública e práticas do- 18- Leandro Jairy Agostinho Sebastião 37- Wilson Sílvio de Almeida Rodrigues
centes a realizar-se no dia 28 de Junho, no Instituto Superior de Serviço Social (sala 9), às 10 horas. 19- Lucrécia Luthgarda de C. e Silva Ribeiro 38- Yalord Gaspar Kapela
A prova escrita versará sobre noções gerais da organização da Administração Pública, a
Os candidatos excluídos poderão fazer as reclamações no prazo de 7 dias úteis, a partir da data
realizar-se no dia 28 de Junho, no Instituto Superior de Serviço Social (sala 10),
da publicação.
às 10 horas.
INSTITUTO SUPERIOR DE SERVIÇO SOCIAL, em Luanda, 10 de Junho de 2019 INSTITUTO SUPERIOR DE SERVIÇO SOCIAL, em Luanda, 10 de Junho de 2019
O PRESIDENTE DO JÚRI
A PRESIDENTE DO JÚRI
Prof. Doutor Daniel Quiala Malamba
(7.888)
Gertrudes da Graça Luemba (7.888a)
Terça-feira
18 de Junho de 2019 17
PUBLICIDADE

(500.696)

EDIFÍCIO KILAMBA

(500.758)
18 NECROLOGIA Terça-feira
18 de Junho de 2019

FALECEU CONDOLÊNCIAS FALECEU CONDOLÊNCIAS

MARIA NATÁLIA NEVES DE ALMEIDA

A Administração da Sociedade de Comércio MARTAL,S.A e o


colectivo de trabalhadores cumprem o doloroso dever de comunicar
o falecimento da Sra. MARIA NATÁLIA NEVES DE ALMEIDA,
mãe do sócio e administrador, Dr. Carlos Alberto Neves de
Almeida, ocorrido no passado dia 15/6/2019, em Portugal, por
doença. O funeral realizar-se-á em Portugal-Braga, e a Missa
ELISEU LIMA RIBEIRO ELISEU LIMA RIBEIRO HERIBERTO GOMES do 7º Dia, em Luanda, na Igreja da Sagrada Família, dia 21/6/2019,
(Buba) às 18h30. Nesta hora de dor e luto, à família enlutada, a expressão
dos mais sentidos pêsames pelo infausto acontecimento. Que a
Os familiares de ELISEU LIMA RIBEIRO: Foi com profunda dor e consternação Joaquim Duarte Gomes e Anabela Gomes sua alma descanse em paz. (8.034)
Ceriaco Lima Ribeiro (Kikas), Maria dos que a Direcção e os trabalhadores da (pais), Mário Castro (Sílvio) e Délio Gomes
Anjos (Zezinha) "irmãos", Cristina, Samy, Capitania do Porto de Luanda tomaram "Dédé" (irmãos) comunicam o falecimento
Beto, Jó (sobrinhos) e Dália Gamboa conhecimento do falecimento do seu de HERIBERTO GOMES (Buba), ocorrido RECORDAÇÃO
(cunhada) cumprem o doloroso dever funcionário e colega ELISEU LIMA no dia 16/6/2019, por doença. O funeral
de comunicar o seu falecimento, ocorrido RIBEIRO, ocorrido no dia 13/6/2019. realiza-se hoje, dia 18/6/2019, partindo
no dia 13/6/2019, por doença. O funeral Neste momento de dor e tristeza ver- o préstito fúnebre do Velório Provincial
JOAQUIM PAULO AMARO NETO
realizar-se-á em data a anunciar opor- gam-se perante a sua memória e ende- de Luanda, onde será rezada Missa de
(Man Pole-Paulinho)
tunamente. (7.994) reçam à família enlutada as mais sentidas corpo presente, para o cemitério de
condolências. (7.994a) Sant’Ana, às 11h00. (8.030) Noventa (90) dias são passados desde que prematuramente te
perdemos. Calou-se para sempre a tua voz. Não nos conformamos...
Dizem que o tempo abranda a dor e a saudade. Obrigado a Deus
FALECEU FALECEU FALECEU por nos ter dado 45 anos de convívio contigo. "A vida é curta e
o momento é de luta", já dizias. Recordam-te: Domingas Amaro
(mãe), Amaro Neto, Victória Gourgel, Mané, Cajó, Miguel Amaro
Neto (irmãos), filhos, tios, primos, sobrinhos, cunhados, amigos
e demais familiares. Paz à sua alma. (8.052)

FALECEU

HERIBERTO GOMES HERIBERTO GOMES HERIBERTO GOMES ANA JOAQUINA DA CÂMARA


(Buba) (Buba) (Buba)
Matilde Firmino (avó), Rosa Firmino (tia Zita),
Lourenço Duarte Gomes (Lindo), António Adilson, Vadinho, Gelson, Sérgio, Clésio, Wilton Vaz Câmara da Cruz (Tó), Edson Vaz Câmara da Cruz
Clénio, Clara, Emerson, Bruno, Nuno, Cleny, Augusta Firmino (Vivi), Sara Simões, Lizete da
Duarte Gomes (Toy), Carla Gomes, Carlos (Pelé), Maria da Conceição Câmara da Cruz (Marição), Henda
Chinha, Rinaldo, Lukene, Rita, Eliane, Jéssica, Silva (Yete), Ivone Cunha (tias) comunicam o
Gomes, Elsa Gomes e Joana Gomes "Jóia" Silva (Henda), Angélica Nansola Câmara Lima (Gely) comunicam
Calita, Vicente, Ary, Victor, Biju, Jandira e falecimento de HERIBERTO GOMES (Buba),
(tios) cumprem o doloroso dever de comu- ocorrido no dia 16/6/2019, por doença. O funeral
o falecimento de sua mãe ANA JOAQUINA DA CÂMARA, ocorrido
nicar o falecimento de HERIBERTO GOMES demais primos comunicam o falecimento dia 16/6/2019, por doença, em Luanda. O corpo será velado no
de HERIBERTO GOMES, ocorrido no dia realiza-se hoje, dia 18/6/19, partindo o préstito
(Buba), ocorrido no dia 16/6/2019, por fúnebre do Velório Provincial de Luanda, onde Velório Provincial de Luanda (Sant'Ana), hoje, dia 18/6/2019,
16/6/2019, por doença. O funeral realiza-
doença. O funeral realiza-se hoje, dia 18/6/19, se hoje, dia 18/6/19, partindo o préstito será rezada Missa, para o cemitério de Sant’Ana, a partir das 18h00. O funeral realiza-se dia 19/6 /2019, antecedido
partindoopréstitofúnebredoVelório Provincial fúnebre do Velório Provincial de Luanda, às 11 horas. O óbito encontra-se na residência de Missa pelas 8h00, na Igreja da Sagrada Família seguindo para
de Luanda, onde será rezada Missa, para o onde será rezada Missa, para o cemitério de de seus pais, sita no Maculusso, Rua Comandante o cemitério do Alto das Cruzes pelas 10h00. (8.050a)
cemitério de Sant’Ana, às 11 horas.(8.030a) Sant’Ana, às 11 horas. (8.030b) Che-Guevara. (8.030c)

FALECEU CONDOLÊNCIA FALECEU FALECEU FALECEU

JOSÉ ANTÓNIO JÚNIOR JOSÉ ANTÓNIO JÚNIOR ANA JOAQUINA DA CÂMARA FILOMENA DA CONCEIÇÃO FILOMENA DA CONCEIÇÃO
(Zé Bionga) (Zé Bionga) VICENTE DE CARVALHO VICENTE DE CARVALHO
A família e amigos cumprem o doloroso Foi com profunda dor e consternação As famílias Matoso da Câmara e Costa Abel Carvalho (esposo), Mauro Carvalho, Os compadres Nelson Giovetti e esposa
dever de comunicar o falecimento do que as Direcções do Bangú Futebol Clube Lopes comunicam o falecimento de sua Ricardo Carvalho, Pedro Carvalho e Sara Rita Giovetti e demais familiares comu-
seu ente querido JOSÉ ANTÓNIO JÚNIOR, e Associação dos Naturais Moradores e querida ANA JOAQUINA DA CÂMARA, Duarde (filhos) comunicam aos familiares nicam o passamento físico de FILOMENA
ocorrido dia 14 de Junho de 2019, por Amigos do Bairro Operário e seus Asso- ocorrido dia 16/6/019, em Luanda. e amigos o falecimento da sua querida DA CONCEIÇÃO VICENTE DE CARVALHO,
doença. O funeral realiza-se amanhã, ciados tomaram conhecimento do fale- O funeral realiza-se dia 19/6 /2019, ante- FILOMENA DA CONCEIÇÃO VICENTE ocorrido no dia 15/6/2019, por doença.
quarta-feira, 19 de Junho de 2019, partindo cimento de JOSÉ ANTÓNIO JÚNIOR, (Zé cedido de Missa pelas 8h00, na Igreja DE CARVALHO, ocorrido no dia 15/6/19 O funeral realiza-se hoje, dia 18/6/2019,
o préstito fúnebre do Velório Provincial Bionga), ocorrido dia 14/6/2019, por da Sagrada Família, para o cemitério do 2019. O funeral realiza-se hoje, dia partindo o préstito fúnebre do Velório
de Luanda, onde será rezada Missa de doença. O funeral realiza-se amanhã, Alto das Cruzes, às 10h00. (8.050) 18/6/19, partindo o préstito fúnebre dos dos Bombeiros, onde será rezada Missa
corpo presente, para o cemitério de quarta-feira, 19/6/2019, no cemitério Bombeiros,onde será rezada Missa, para do corpo presente, para o cemitério de
Sant'Ana, pelas 10h00. (8.033a) de Sant'Ana, pelas 10h00. (8.033) o cemitério de Sant’Ana, às 10h00.(8.039) Sant'Ana, pelas 10h00. (8.039a)

FALECEU MISSA AGRADECIMENTO FALECEU FALECEU

ANTÓNIO CLÁUDIO DOS BERNARDETE DÂMASO BERNARDETE DÂMASO INÊS MANUEL DA SILVA LESLIE PEREIRA COELHO
SANTOS PRIMEIRA MPUTU E SANTOS BENEDITO MPUTU E SANTOS BENEDITO COSTA DA SILVA
Conceição Dias (esposa), Jane, Raina, Narciso, Carlos, Ana Paula, Anselmo, Narciso Damásio dos Santos Benedito, Sezana Costa, Angelina Costa, Manuel Alcides da Silva, Cirila da Silva, Cármen da
Bruno, Joel e Emanuel (filhos) cumprem Yolanda, Gabriel, Amabélio, José Mário, esposa, irmãos e demais familiares agra- Costa (Nelinho), Paulo Costa, Rodrigues Silva, Adérito da Silva, Virgínia da Silva (ir-
o doloroso dever de comunicar o fale- Leonor, Júlia, Bandu e Fernando Dia- decem a todos os amigos, colegas, vizinhos Costa, Gaspar Costa, Denise Costa (filhos), mãos), Catarina Gama, Virgínia Gama,
cimento de ANTÓNIO CLÁUDIO DOS nhichai dos Santos Benedito (filhos) e companheiros que se dignaram acom- Rosa Silva (irmã), netos e bisnetos cumprem Luzia Gama, Adilson Santos e Ludmila
SANTOS PRIMEIRA, ocorrido no dia 16 comunicam que a Missa do 7º Dia em panhá-los e solidarizar-se com a família o doloroso dever de comunicar o faleci- Santos (primos) comunicam o falecimento
de Junho de 2019, cujo funeral realiza- memória de sua mãe BERNARDETE nas horas duras e difíceis que viveram mento de INÊS MANUEL DA SILVA COSTA, de LESLIE PEREIRA COELHO DA SILVA.
se amanhã, dia 19/6/2019, em cemitério DÂMASO MPUTU E SANTOS BENEDITO pelo passamento físico de sua mãe BER- ocorrido no dia 16/6/2019, na Clínica O funeral realiza-se hoje, 18/6/2019, par-
a indicar. (8.042) realiza-se hoje, às 18h30, na Igreja de NARDETE DÂMASO MPUTU E SANTOS Girassol, por doença. O funeral realiza- tindo o préstito fúnebre da sua residência,
São João Loanga, sita na Rua 12, Nova BENEDITO. Obrigado. (8.012) se quarta-feira, dia 19/6/2019, no cemitério sita na Boa Esperança (Cacuaco), às 10h00
Vida. (8.012a) do Alto das Cruzes, às 11h00. (7.993) para o cemitério do Benfica. (7.990)
SERVIÇO NECROLÓGICO: DIAS ÚTEIS DAS 9H ÀS 18H, SÁBADOS, DOMINGOS E FERIADOS DAS 9H ÀS 14H
Terça-feira
18 de Junho de 2019 19
NECROLOGIA

FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU

LESLIE PEREIRA COELHO DA PEDRO MANUEL BOA HÉLDER FERNANDO DE JOANA VAZ DE ALMEIDA AMÉLIA PELINGANGA
SILVA (Nola) CARVALHO MIRANDA (avó Amélia)
O colectivo de trabalhadores da Clínica Arlete Alzira Adolfo Boa (esposa), Jandira Rossana Miranda, Eder Miranda, Keven Manuel Sequeira, Lourdes Sequeira, Júlia Teresa Octávio, Francisco João Octávio
Sagrada Esperança do Talatona vem, Adolfo Boa, Pedro Manuel Adolfo Boa, Jaqueline Miranda (filhos), Yuka Monteiro (genro), Sequeira, Sofia Sequeira, Nelson Sequeira, (filhos), netos, bisnetos e demais familiares
por este meio, comunicar o passamento Adolfo Boa (filhos), João Manuel Leite Boa, Yussane e Katima Monteiro (netos) e demais Fernanda Sequeira e Nilton Sequeira comunicam o falecimento de AMÉLIA
físico da sua trabalhadora LESLIE PE- Mateus de Gouveia Leite Boa, Sebastião Manuel familiares cumprem o doloroso dever de (filhos), netos, genros, noras, sobrinhos PELINGANGA (avó Amélia), ocorrido
REIRA COELHO DA SILVA (Nola), e Pedro Boa (irmãos) comunicam o falecimento comunicar o falecimento do seu ente querido e demais familiares cumprem o doloroso no dia 16/6/2019, por doença. O funeral
endereça à família enlutada os mais de PEDRO MANUEL BOA, ocorrido no dia HÉLDER FERNANDO DE CARVALHO dever de comunicar o falecimento de realiza-se amanhã, quarta-feira,
sentidos pêsames. O funeral realiza-se 12/6/2019, por doença. O funeral realizar- MIRANDA. O funeral realiza-se hoje, dia JOANA VAZ DE ALMEIDA, ocorrido no 19/6/2019, partindo o cortejo fúnebre
hoje, dia 18/6/2019, às 10h00, no cemi- se-á em data a anunciar oportunamente. O 18/6/2019, pelas 10h00, partindo o préstito dia 16/06/2019, por doença, em Lisboa do Bairro Vila Alice, às 10h00, para o
tério do Benfica. (8.054) óbito decorre em sua residência, sita no KK do Velório do G.P.L. para o cemitério de (Portugal). O funeral realizar-se-á em cemitério do Benfica. (8.072)
5000-Kilamba, Lote J 8 C. (8.058) Sant'Ana. (8.056) data a anunciar oportunamente. (8.071)

PUBLICIDADE

PEDIDO DE COMPARÊNCIA

A CABINDA GULF OIL COMPANY LIMITED ("CABGOC") - vem,


por este meio, solicitar a comparência dos ex-empregados abaixo
listados para tratarem de assuntos de seu interesse

Nome
1 Manuel Benguela
2 Henrique Isidoro Morais Nzau
3 João Rene Massanga Totolo
4 Zacarias Sachilala
5 Viúva ou filhos do malogrado Jorge J. Dozolo
6 Viúva ou filhos do malogrado Paulo Carlos Sita

Informamos, que os mesmos deverão dirigir-se ao Departamento


de Recursos Humanos da CABGOC, em Luanda, sito na Nova Mar-
ginal, Avenida Dr. Agostinho Neto, Edifício Chevron, S/N, ou nos
nossos escritórios em Cabinda, na Avenida Duque de Chiazi no
Largo do Ambiente, no prazo de 5 dias a contar da data desta pu-
blicação. A CABGOC informa que, deverão comparecer, nos dias
úteis entre às 9:00 e às 15:00 horas.

Para mais informações, queiram por favor contactar os seguintes


números telefónicos em Luanda: 222692 6000 extensão 3059.
(500.757)

Luanda, aos 13 de Junho de 2019.


(500.759)

(700.010)
20 Terça-feira
18 de Junho de 2019

PUBLICIDADE

MINISTÉRIO DA SAÚDE
GABINETE DE ESTUDOS PLANEAMENTO E ESTATÍSTICA
UNIDADE DE COORDENAÇÃO CENTRAL DO PROJECTO

PROJECTO DE FORTALECIMENTO DO SISTEMA DE SAÚDE


Empréstimo N. º 8835 – AO
Projecto ID N.º P160948
SOLICITAÇÃO DE MANIFESTAÇÕES DE INTERESSE
ESPECIALISTA DE LOGÍSTICA
HSPSP/C-062/19-071
O Governo de Angola recebeu um financiamento para a implementação do Projecto de conhecimento de Português e Inglês falado e escrito;g.Proficiência em informática(MS
Fortalecimento do Sistema de Saúde (PFSS) e pretende aplicar parte dos recursos na con- Word, Excel, PowerPoint, e-mail).
tratação de um (1) Especialista de Logística.
Os consultores serão avaliados com base nas Normas de Aquisições do Banco Mundial para
O objectivo desta consultoria é fornecer apoio técnico e assistência à equipa do PFSS, dos Mutuários de Financiamentos de Projectos de Investimento de Julho de 2016 (“Normas”),
municípios e províncias alvo do Projecto em cada uma das etapas da cadeia de suprimen- pelo que deverão ter em atenção à Secção III, parágrafos 3.14, 3.16, e 3.17 das referidas
tos para medicamentos, equipamentos médicos e outros bens farmacêuticos necessários Normas, que definem a política do Banco Mundial sobre o conflito de interesses. O referido
para apoiar a prestação de um pacote integrado de serviços de saúde reprodutiva, mater- documento pode ser consultado na seguinte hiperligação:
nal, neonatal, infantil, do adolescente e de nutrição (SRMNIAN). http://pubdocs.worldbank.org/en/813421487104372186/Procurement-Regulations-for-
IPF-Borrowers-portuguese.pdf
A duração desta consultoria é de 12 meses, com um período experimental de 3 meses. O
contrato poderá ser renovável em função do desempenho satisfatório. O Consultor será seleccionado com base no método de contratação de Consultores Indi-
viduais de acordo com as Normas de Aquisições em vigor.
O PFSS convida os consultores individuais (“Consultores”) elegíveis a manifestarem o seu
interesse em prestar os serviços. Os consultores interessados deverão fornecer informa- Os Consultores interessados poderão obter informação adicional no endereço abaixo indi-
ções que demonstrem que eles têm as qualificações requeridas e experiência relevante cado das 7h30 – 15h30.
para executar os serviços.
As manifestações de interesse (Currícula, cópia dos certificados de habilitações aca-
O processo de selecção consistirá em duas etapas: Avaliação Curricular e Entrevistas que démicas e outra informação pertinente) deverão ser entregues até ao dia 2 de Julho
terão ponderações de 70% e 30%, respectivamente. de 2019. Apenas os consultores qualificados na etapa de avaliação curricular
serão contactados.
O consultor deverá possuir as qualificações seguintes: a.Grau universitário (mínimo ba-
charel); b. Experiência em logística, na área de medicamentos e equipamentos médicos Projecto de Fortalecimento do Sistema de Saúde (PFSS)
(minimo 10 anos);c. Conhecimento do Sector de Saúde; d.Experiência trabalhando com Att.: Coordenador do Projecto
sistemas e processo de aquisições de organismos internacionais e/ou das Nações Unidas; Avenida 1.º Congresso n.º 67 (Cave) [Edifício da Direcção Nacional de Saúde Pública] |
e.Bom entendimento dos sistemas/ferramentas de informação e aplicação de novas tec- Luanda – Angola
nologias de informação relevantes para logística de produtos farmacêuticos;f.Excelente Tel: +244 913 192930 e +244 943 153 599 | E-mail: procurement@minsapfss-ao.org
(7.943)

MINISTÉRIO DA SAÚDE
GABINETE DE ESTUDOS PLANEAMENTO E ESTATÍSTICA
Notificação para realização de capital social
UNIDADE DE COORDENAÇÃO CENTRAL DO PROJECTO
PROJECTO DE FORTALECIMENTO DO SISTEMA DE SAÚDE A KIANDA DISTILLERY S.A vem nos termos da Lei 1/04 de 13 de Fevereiro
Empréstimo N.º 8835 – AO – Lei das Sociedades Comerciais:
Projecto N.º P160948
Convocar os sócios Manuel Bastos Pereira de Pina, Beatriz Jamesina de
ADJUDICAÇÃO DE CONTRATO
Pina Scott e Bruno Ali Bastos, para no prazo de 30 dias efectuarem a reali-
A Unidade Central de Coordenação (UCC) do Projecto de Fortalecimento do Sistema de Saúde vem zação das entradas do capital social subscrito.
comunicar que foi adjudicado o contrato abaixo:

RFB – HSPSP/G-009/18-050 - Aquisição de Kits de Medicamentos Essenciais Luanda, aos 14 de Junho de 2019.

Pedro Augusto Epolombo Cachilinguichimue


(7.941)

REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO E HABITAÇÃO
INSTITUTO GEOGRÁFICO E CADASTRAL DE ANGOLA
DEPARTAMENTO PROVINCIAL DO UÍGE

EDITAL N.º 20/019


PROCESSO DE CONCESSÃO N.º 25-UE-019
Tendo, o senhor ANTÓNIO DA SILVA SUAMINO, requerido a Concessão por Direito de Superfície de uma parcela
de Terreno Rural, com uma área de 150 Hectares (cento e cinquenta hectares) para fins Agro-Pecuários, sito na
área da Aldeia Quissuca Paxe, Regedoria de Kamalombo, Comuna de Cuilo Futa, Município de Maquela do Zombo,
Província de Uíge; feita a Demarcação Provisória, a mesma ficou com as seguintes confrontações: Norte - Com a
picada que liga a Fazenda e a Sede da Comuna de Cuilo Futa; Sul - Com o Rio Buá; Este - Com Terrenos de Ter-
ceiros não Cadastrados; Oeste - Com um Riacho não denominado.
São, por este meio, convocadas todas as pessoas que se julgarem com direitos sobre o mesmo terreno, a virem
comprová-lo neste Departamento Provincial do Instituto Geográfico e Cadastral de Angola, no prazo de Trinta (30)
dias a contar da data da publicação deste Edital.
DEPARTAMENTO PROVINCIAL DO INSTITUTO GEOGRÁFICO E CADASTRAL DE ANGOLA, NO UÍGE, AOS
26 DE MARÇO DE 2019.

O CHEFE DO DEPARTAMENTO PROVINCIAL


JUSTINO LOURENÇO KUIASSANA
Geógrafo
(7.943a) (7.910)
Terça-feira
18 de Junho de 2019 21
PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA
Flui melhor Connosco Um ISO 9001:2015 empresa certificada MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E DOS DIREITOS HUMANOS
Um Inovativo e confiável parceiro em reticulação de águas de esgoto e soluções de armazenamento DIRECÇÃO NACIONAL DOS REGISTOS E DO NOTARIADO
TERCEIRA CONSERVATÓRIA DO REGISTO CIVIL DE LUANDA

EDITAL
ALFREDO FERRAZ FIGUEIRA, CONSERVADOR DESTA CONSERVATÓRIA DO REGISTO CIVIL
DE LUANDA;

FAZ SABER, que por esta Conservatória corre seus termos, um processo de aquisição de naciona-
lidade angolana por casamento, registado sod o n.º 06/2019, respeitante à MANUEL PEREIRA DA
COSTA, nascido aos 9 de Dezembro de 1944, em São Cristóvão de Nogueira, Cinfães, República,
Portuguesa, de nacionalidade Portuguesa, filho de António da Costa e de Olinda Pereira da Concei-
ção, residente em Luanda, Distrito Urbano da Maianga, rua Augusto Tadeu Bastos, prédio 3, casado
com Ana Maria da Silva Pinto, portador do Passaporte n.º P252257, válido até 16 de Maio de 2021,
emitido pelas autoridades portuguesa e, do Cartão de Estrangeiro Residente n.º 0000646B02 , emitido

(7500d)
pelas autoridades Angolanas, através do Serviço de Migração e Estrangeiro, Luanda válido até 20
4Tanques Flo-tek com impactos e resistência.
4Resistentes ao ambiente mais agressivo como corrosão e ferrugem.
de Setembro de 2023, pelo que nos termos do disposto no artº. 13.º, de Lei n.º 2/16, de 15 de Abril,
4Produzidos em 100% Polietileno virgem e U.V protegido. poderão os interessados deduzir a oposição que tiverem dentro do prazo de quinze dias, a contar
4 Capacidades disponíveis 200, 500, 1.000, 2.000, 3.000, 5.000, 8.000, 10.000, 15.000, 20.000 litros para água da data de afixação desta EDITAL.
e gasóleo com cores verde, branca e azul
LUANDA LOBITO E, para constar, mandou lavrar o presente EDITAL, em triplicado que será afixado nos lugares designados.
FLO-TEK Tubos e Irrigações FLO-TEK Tubos e Irrigações
Estrada de Catete, Km 22, PIV Viana ANGOLA Zona Industrial do PDIC, Phasse-I TERCEIRA CONSERVATÓRIA DO REGISTO CIVIL DE LUANDA, aos 11 de Março de 2019.
Luanda, Angola Estrada Lobito-Catumbela
Lobito, Angola
Cell: +244 946 387 960/61 Cell: +244 946 387 963/64 O CONSERVADOR
E-mail: vendas@flotekafrica.com Website:www.flotekafrica.com E-mail: vendaslobito@flotekafrica.com ALFREDO FERRAZ FIGUEIRA (7.858)

REPÚBLICA DE ANGOLA
REPÚBLICA DE ANGOLA MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E DOS DIREITOS HUMANOS
MINISTÉRIO DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO E HABITAÇÃO TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA - 2.ª SECÇÃO SALA DE FAMÍLIA
INSTITUTO GEOGRÁFICO E CADASTRAL DE ANGOLA
DEPARTAMENTO PROVINCIAL DO CUANZA SUL ==========================ANÚNCIO N.º 123/2019==========================
EDITAL N.º 38 /19
==== A DOUTORA ANA PETRA SILVA CUSTÓDIO, JUÍZA DE DIREITO DA SEGUNDA SECÇÃO
PROCESSO DE CONCESSÃO N.º 87-CS/18
DA SALA DE FAMÍLIA DO TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA. =======================
Tendo, a empresa YOTCHALINY-INVESTIMENTOS & PARTICIPAÇÕES, LIMITADA, requerido o di- ==== FAZ SABER QUE, por este Tribunal e nos autos de Tutela, em que é Requerente CREMILDA
reito de superfície de uma parcela de terreno Rural com uma área de 320 (Trezentos e Vinte) hectares, DA CONCEIÇÃO SEGUNDA DA SILVA casada, residente habitualmente nesta cidade de Luanda,
onde está implantado um projecto Agro-Pecuário, localizado na Província do Cuanza Sul, Município Urbanização Nova Vida, Rua 115, Casa n.º 1425, em representação do menor AUGUSTO BER-
da Cela, Comuna da Quissanga Cungo, a uma distância de 2.000 (Dois Mil) metros a Sul do Bairro NARDO DE CARVALHO, e Requerido SEBASTIÃO FELGUEIRA DE CARVALHO SOBRINHO, sol-
Chacavela Cungo.
teiro, residente em parte incerta, correm éditos de TRINTA DIAS, a partir da afixação do presente
Feita a Demarcação Provisória a mesma ficou com as seguintes confrontações: a Norte com terreno edital, citando o Requerido, para no prazo de TRINTA DIAS, findo o dos éditos, contestar, querendo,
de terceiros não cadastrado, a Sul com uma picada, terreno demarcado pela empresa Ferbosa & Fi- o pedido formulado pela Requerente na referida acção, com advertência de que a falta de contesta-
lhos, Limitada e a margem do rio Queve, a Este com uma picada e a Oeste com o rio Caninda. ção, não importa a confissão dos referidos factos articulados pela Requerente, conforme petição ini-
cial, cujo duplicado se acha patente no Cartório desta Secção, sita na Rua Pedro Castro Van-Dúnem,
São, por este meio, convocadas todas as pessoas que se julgarem com direitos sobre o mesmo ter-
Número Cinquenta e Quatro, Primeiro Andar, Projecto Nova Vida, em Luanda.
reno, a virem comprová-lo neste Instituto Geográfico e Cadastral de Angola, no prazo de 30 dias a
contar da data da publicação deste Edital.
Luanda, 12 de Junho de 2019.
DEPARTAMENTO PROVINCIAL DO INSTITUTO GEOGRÁFICO E CADASTRAL DE ANGOLA
DO CUANZA SUL, EM SUMBE, 14 DE JUNHO DE 2019. A JUÍZA DE DIREITO
/ Drª. ANA PETRA SILVA CUSTÓDIO/
O CHEFE DE DEPARTAMENTO A AJUDANTE DE ESCRIVÃ DE DIREITO
“BERNARDO MANECO” (7.967) MARIA ANTÓNIO PEDRO PESSOA (7.927)

República de Angola
Tribunal Provincial de Luanda
4.ª Secção da Sala do Cível e Administrativo
COMUNICADO DO 2.º EVENTO AAMGA Urbanização Nova Vida, Rua 54, Distrito Urbano do Kilamba Kiaxi, Município de Belas

Estimados Associados, ANÚNCIO


A Direcção da Associação Angolana de Manutenção e Gestão de Activos- === Pela 4.ª Secção da Sala do Cível e Administrativo do Tribunal Provin-
AAMGA comunica que se realiza, no dia 21 de Junho de 2019, a partir das cial de Luanda faz-se saber que, na Acção de Despejo sob Forma de
(7.960)

14h30, no Hotel Skyna, o 2.º EVENTO AAMGA, com o seguinte programa: Processo Sumário, sob n.º 0376/2018-C, correm seus termos na referida
1.ª Sessão: DIVULGAÇÃO DAS NORMAS NA ISO 5500 SOBRE GES- secção, em que a Autora ARNALDA MARIA MACHADO DE CAMPOS
TÃO DE MANUTENÇÃO DE ACTIVOS VAN-DÚNEM, com domicílio em Luanda, Rua Travessa Comandante
Prelectora do INSTITUTO ANGOLANO DE NORMALIZAÇÃO E QUALI- Kwenha, Casa n.º 18, Bairro Ingombota, move contra o Réu JOSÉ
DADE IANORQ ALEXANDRE AMARO CORREIA DA SILVA, com último domicílio conhe-
cido sito na Rua Conferência de Belas, casa s/n.º, Bairro Futungo, Luanda,
2.ª Sessão: Manutenção de Instalações Petrolíferas pelo que, fica o mesmo citado para no prazo de 15 dias, acrescidos da
Prelector da PETROMAR dilação de 30 dias contados da afixação do último edital, findo os éditos,
querendo, contestar sob advertência de que a falta de contestação im-
Convidamos os Associados a inscreverem os seus técnicos interessados
em aprimorar os conhecimentos sobre as Normas NA ISO 5500 e Manu-
PRECISA-SE porta a condenação no pedido, que a autora faz referência nos autos
conforme consta da petição inicial, cujos duplicados se encontram no Car-
tenção de Instalações Petrolíferas. tório desta Secção sito no Município de Belas, Urbanização Nova Vida,
Rua 54, em Luanda, à disposição do citado.=======================
O acesso é livre, para os técnicos dos nossos Associados e recomenda- - Governanta e Governante para gerir quartos e La-
mos que façam a inscrição através do e-mail: geral@aamga.co.ao ou ==== Fica a advertência de que é obrigatória a constituição de mandatário
vandaria, de preferência residente no SOYO. judicial, nos termos do artigo 32.º/1 al.b).=========================
ainda poderão contactar com o Sr. João Vemba pelo terminal telefónico
924170716. ==== Para constar, passou-se o presente e outros com igual teor que serão
Participemos todos para o reforço das competências na Manutenção e - Técnico de Contabilidade Analítica, em Luanda. afixados em locais determinados por lei. =========================
Gestão de Activos. ==== Luanda, 10 de Junho de 2019.=============================

Luanda, 14 de Junho de 2019 J.walzira.geral.CV@hotmail.com O JUIZ DE DIREITO


ADELINO FERNANDO COSTA MUHONGO
Manuel Borges Pereira Sobrinho 921 80 21 70 A ESCRIVÃ DE DIREITO
Presidente de Direcção (7.968) VICTÓRIA MAUNDO
(7.893) (7.890)
22 Terça-feira
18 de Junho de 2019

PUBLICIDADE

RECRUTAMENTO
Empresa de Produção de Embalagens de Vidro pretende recrutar para o seu quadro Anúncio de Concurso Público
de actividade: Para Empresas
Função:
- Gestora de Recursos Humanos. A BP, empresa de energia a operar em Angola na área de exploração e produção de pe-
tróleo e gás, procura empresas devidamente qualificadas, certificadas com experiência
Requisitos: na prestação de serviços para indústria petrolífera, em:
• Nacionalidade angolana ou estrangeiro residente
• Formação a nível superior na área de Gestão de Recursos Humanos/Psicologia 1) Fornecimento de um navio de intervenção ligeira de poços e os serviços integrados de
• Conhecimentos sólidos da Lei Geral Angolana intervenção (Light Well intervention vessel ‘LWIV’ and Integrated Intervention Services)
• Capacidade de resolução de problemas e gestão de conflitos para um campanha de intervenção em vários poços. O navio ‘LWIV’ deve cumprir os se-
• Elevado nível de responsabilidade e liderança. guintes requisitos:
• Facilidade de relacionamento interpessoal
• Dinamismo a) Capacidade para mais de 100 ocupantes
• Experiência na área de Gestão Recursos Humanos de 1 a 3 anos b) Deve ser um Navio
• Idade: 30 a 45 anos c) 2 Veículos Operados roboticamente (ROV) de trabalho
Principais Responsabilidades: d) Pacote Submarino sem assensores (equipamento de controle de pressão) Riser-
• Desenvolver planos de acção a curto-prazo e alocar os membros às actividades less Subsea Package (i.e. pressure control equipment)
• Definir procedimentos internos de Rh e) Serviços de Linha de poço (Wireline Services)
• Gestão administrativa de Rh f) Serviços de bombagem (Pumping Services)
• Gestão Contratual
As empresas interessadas deverão enviar um email para angolapscmitt@bp.com citando
• Processamento salarial
a referência RFI-2019-LWIV até quarta-feira, dia 20 de Junho de 2019 com os seguintes
• Organização e execução dos requisitos legais da empresa (INSS, MAPTESS, etc.)
dados: nome da companhia, endereço, n.º de telefone, nome e endereço de correio elec-
Os candidatos, que preencham os requisitos necessários, deverão enviar os CV detalha- trónico da pessoa de contacto para seguir as instruções sobre o presente anúncio.
dos para o seguinte correio electrónico: candidaturas.candidaturas2019@gmail.com,
até ao dia 20 de Junho de 2019. Este anúncio também pode ser visto no site da BP: www.bp.com/angola
(7.877) (500.755)

REPÚBLICA DE ANGOLA
Prestigiado Restaurante em Luanda contrata: MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E DOS DIREITOS HUMANOS Prestigiado Restaurante em Luanda contrata:
10.ª CONSERVATÓRIA DO REGISTO CIVIL DE LUANDA

- CHEFE DE SALA (M/F) EDITAL - CHEFE DE COZINHA (M/F)

ARISTIDES AHMED VEIGA MARQUES, CONSERVADOR


Perfil Requerido: Perfil Requerido:
DESTA CONSERVATÓRIA DO REGISTO CIVIL DE LUANDA.
- Formação Profissional na área da Hotelaria F&B; FAÇO SABER, que esta Conservatória, corre seus termos um • Formação Profissional na área de Cozinha;
- Experiência mínima de 10 anos em funções similares; processo de Aquisição de Nacionalidade Angolana por Naturali- • Experiência mínima de 10 anos em funções de che-
zação, em que é requerente, José Duarte Figueiredo, divorciado,
- Experiência em gestão de equipas; de 66 anos de idade, natural de São João do Monte-Tondela/ fia em Cozinha de Hotéis ou Restaurantes, especifi-
- Boa capacidade ao nível da comunicação; Viseu, de nacionalidade portuguesa, nascido aos 15 de Outubro camente em gastronomia portuguesa;
- Fluente em inglês; de 1953, filho de Severino Figueiredo e de Bernardina Duarte São
Bento, titular do Passaporte n.º P245315, emitido aos 27 de Julho • Experiência em gestão de equipas;
- Conhecimento de vinhos;
de 2016, pelo que nos termos do artigo 20.º/1 do Decreto 152.º/17 • Boa Capacidade ao nível da comunicação;
- Orientação para o atendimento e satisfação do de 4 de Julho poderá no prazo de 15 dias, perante esta Conser-
vatória a oposição que julgarem existir, no prazo acima citado a
• Orientação para o atendimento e satisfação do
cliente;
- Espírito de equipa e facilidade de relacionamento in-
constar da data de afixação deste Edital. cliente;
terpessoal; E, para constar, se mandou passar o presente Edital que será afi- • Espírito de equipa e facilidade de relacionamento
xado por quinze dias nos lugares designados por Lei. interpessoal;
- Boa capacidade de organização;
- Excelente apresentação. 10.ª Conservatória do Registo Civil de Luanda, aos 22 de Maio • Boa Capacidade de Organização e Limpeza.
de 2019.
paulojorgecandido@hotmail.com O CONSERVADOR
paulojorgecandido@hotmail.com
pauloavelar14@hotmail.com ARISTIDES AHMED VEIGA MARQUES pauloavelar14@hotmail.com (7.882a)
(7.882) (7.878)

CONVOCATÓRIA
REPÚBLICA DE ANGOLA
TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA
3.ª SECÇÃO DA SALA DE FAMÍLIA
Convocam-se todos os Sócios da Cris- ABANDONO DE TRABALHO
ANÚNCIO tal de Belas, Lda., para uma reunião
1.ª PUBLICAÇÃO
de Assembleia-Geral, no dia 20 de Angases, Sociedade Angolana de Gases Compri-
Pela Terceira Secção, da Sala de Família, do Tribunal Provincial
de Luanda, e nos autos de Divórcio Litigioso, processo n.º 373/18-
dos SARL, vem por meio desta solicitar a compa-
C, que corre seus termos nesta Secção, em que é autor Elias Luís
Junho de 2019, às 17 horas, no Hotel rência dos trabalhadores abaixo indicados para
Joana, casado, filho de Luís Malo e de Joana Tico, residente em tratarem de assunto relacionado com as suas acti-
Luanda, Distrito Urbano da Maianga, bairro do Cassenda, rua 18,
CONTINENTAL, na Rua Rainha Ginga,
casa n.º 27, R/C, Zona 6, portador do B.I n.º 002029036UE032,
vidades laborais, no período de 5 dias úteis a partir
passado pela Direcção Nacional de Identificação, e ré Fátima de
n.º 18 em Luanda da data da publicação deste anúncio.
Brito Teixeira, residente algures em Luanda, é esta última citada,
para no prazo de 30 (trinta) dias, com a dilação de 30 (trinta) dias,
a contar da segunda e última publicação deste anúncio, contestar, - Laide José Rosendo dos Santos
querendo, o pedido formulado pelo Autor, com advertência de que A vossa presença é muito importante - Alberto Nicolau G. Mendonça
a falta de contestação, não importa a confissão dos factos articu-
lados na petição inicial, cujo duplicado se encontra na secretaria para análise e decisões sobre o futuro
deste Tribunal, sito no Município de Talatona, Urbanização Nova A falta de comparência será enquadrada nos ter-
Vida, Rua 53, Edifício João Alves Monteiro, Prédio 95, para lhe da Empresa. mos do n.º 2, alínea c) do Art.. 254.º da Lei Geral
ser entregue. do Trabalho (L.G.T)
Luanda, 31 de Maio de 2019 Luanda, aos 12 de Junho de 2019.
A Juíza de Direito Luanda, aos 13 de Junho de 2019
Dra. Eunice Tirza Júnior Sebastião Diogo
A Escrivã de Direito Pela Cristal de Belas – Mário Paulino
Sidneia Falcão Nascimento dos Santos A DIRECÇÃO
(7.898) (7.883) (7.891)
REGIÕES Terça-feira
18 de Junho de 2019 23
EXPANSÃO DE SERVIÇOS DA SAÚDE CUANZA-SUL SAURIMO
ARÃO MARTINS | EDIÇÕES NOVEMBRO
ANGOP

Sumbe reforça combate


à tuberculose e VIH/Sida
Victor Pedro | Sumbe permitir aos pacientes o
acesso fácil e rápido aos
Pacientes com tuberculose medicamentos e um acom-
no município do Sumbe, pro- panhamento médico diário
víncia do Cuanza-Sul, vão mais eficaz.
contar com mais três postos De acordo com o super-
de tratamento e acompanha- visor do programa de luta
mento diário, tendo em conta contra o VIH/Sida e tuber-
que o único posto existente culose, durante o primeiro
no bairro do Chingo já não res- trimestre do corrente ano
ponde às necessidades. foram diagnosticados 436
O facto foi anunciado on- casos de tuberculose a nível
tem pelo supervisor do pro- da província do Cuanza Sul,
grama de luta contra o VIH/- com 14 óbitos, bem como 11
Sida e a tuberculose, Domin- casos de VIH/Sida. Os semáforos vão funcionar
gos Moreira, tendo explica- Segundo Domingo Moreira, à base de energia solar
do que a intenção é fazer o número de mortes tende a
com que os pacientes não de- baixar, em função da cober-
sistem da medicação, por tura médico/ medicamentosa Principais ruas
causa da distância entre as das unidades, centros e postos
suas casas e o posto de recep- de saúde. beneficiam de
Directora do Hospital do Lubango diz que um dos objectivos é descongestionar Benguela ção de medicamentos. Domingos Moreira apelou
Domingos Moreira realçou às famílias para redobrarem sinais luminosos
que outro objectivo da criação os cuidados, para evitarem a
dos postos de tratamento é propagação da doença. As seis avenidas principais

Centro de hemodiálise VICTOR PEDRO | EDIÇÕES NOVEMBRO


da cidade de Saurimo, na pro-
víncia da Lunda-Sul, estão a
receber sinalização luminosa
(semáforos), como forma de

aberto em breve na Huíla organizar a circulação de veí-


culos e peões.
Em declarações ontem, à
Angop, o director do Gabinete
Existe no Hospital Central do Lubango uma lista de 101 Provincial de Infra-estruturas
e Serviços Técnicos, Cláudio
doentes com insuficiência renal à espera de tratamento Pemessa, disse que, numa
primeira fase, serão colocados
27 semáforos, que vão fun-
Arão Martins | Lubango para mulheres e homens. gurou que vão ser criadas mais cionar à base de energia solar.
Lina Antunes garantiu que quatro salas para operações, Para além da sinalização ver-
O primeiro centro público existem condições técnicas bem como gabinetes para o tical e horizontal, estão tam-
de hemodiálise da Huíla, adequadas e de qualidade enfermeiro chefe, anestesistas, bém a ser colocadas lombas
com capacidade para atender para o arranque do centro pessoal de preparação e de nas vias com maior tráfego.
diariamente 75 doentes com de hemodiálise do Lubango, esterilização. O administrador municipal
insuficiência renal, é aberto que vai atender os doentes de Saurimo, Filipe Manuel,
no final deste mês, na cidade oriundos das províncias do Elevadores enalteceu a instalação de semá-
do Lubango. Namibe, Cunene, Cuando Os setes elevadores do Hospital foros, por ajudar na organiza-
O centro de hemodiálise Cubango e da Huíla. Central do Lubango que anda- ção do trânsito automóvel e
vai funcionar no Hospital O centro, frisou, vai fun- ram avariados durante anos dos peões, assim como dimi-
Central do Lubango Dr. Antó- cionar com equipamentos já estão em pleno funciona- Mais postos de acompanhamento aos doentes vão ser abertos nuir o número de acidentes.
nio Agostinho Neto e possui modernos e o utente vai dispor mento, garantiu Lina Antunes.
25 cadeiras. de um cartão com o seu his- A directora-geral do Hos-
A directora-geral do Hos- tórico, a ser inserido no sistema pital Geral do Lubango negou
pital Central do Lubango, nacional de saúde, bem como casos de existência de limi- CUNENE E NAMACUNDE
Lina Antunes, explicou que lhe permitir efectuar o trata- tações na realização de raio truição de um bem público é
a entrada em funcionamento mento em qualquer parte do X. “Não há nenhuma limi- punível por lei.
do centro de hemodiálise vai
permitir descongestionar o
mundo, desde que esteja
conectado com a realidade
tação a partir da direcção em
relação ao número de doentes
Abastecimento de água Segundo o responsável,
o combate a este mal não
centro de Benguela, onde os do país neste domínio. que fazem raio X, por dia.” depende apenas da empresa,
doentes da Huíla eram trans-
feridos. Lina Antunes expli-
O tratamento dos doen-
tes com insuficiência renal,
Esclareceu que a priori-
dade são os doentes inter-
com falhas frequentes mas também dos órgãos que
intervêm no asseguramento
cou que cada doente vai re- acrescentou, é completamente nados e que os outros são das infra-estruturas, de
alizar três sessões de 4 horas gratuito. A directora do Hospital atendidos por ordem de che- Adelaide Mualimusi | Ondjiva porta a água à cidade de Ond- forma a reduzir os enormes
por semana. “Vamos come- Central do Lubango explicou gada no raio X e na imagio- jiva e, com a seca que assola gastos que a empresa tem
çar a trabalhar com três tur- que a unidade sanitária tem logia. "Os doentes em ambu- a região os populares, têm- com a reposição dos mate-
nos de 25 doentes cada sessão uma lista de 101 doentes com latório comparticipam nas As falhas no fornecimento de na vandalizado. riais danificados. “Apesar
e, por dia, vamos atender 75 insuficiência renal à espera de despesas complementares. água na cidade de Ondjiva e O administrador para a da carência de água que se
doentes.” tratamento, cujo número au- Não pagam as consultas, por na localidade de Namacunde, área técnica da Empresa de regista nesta região os popu-
Informou que, para garan- menta todos os dias. serem gratuitas, mas os exa- Cunene, estão cada vez mais Águas no Cunene acrescentou lares não devem vandalizar
tir o funcionamento pleno “Estamos a sobrecarregar mes complementares custam frequentes, devido aos actos que a acção dos meliantes pro- os bens públicos.”
e com qualidade desejada o centro de Benguela. O Hospital dinheiro ao hospital. O hos- de vandalismo praticados por vocou nas últimas duas sema- Ana Maria, moradora do
do centro de hemodiálise do Central do Lubango está a en- pital tem que ter reagentes, populares não identificados nas perda de milhares de me- bairro dos Castilhos, na cida-
Lubango, a direcção do hos- viar, por semana, em média, películas, manutenção dos na conduta de água Xangon- tros cúbicos de água, dificul- de de Ondjiva, disse que casos
pital seleccionou 16 técnicos, entre 3 a 4 doentes para fazerem equipamentos e temos que go/Ondjiva. tando o normal processo de do género se têm registado
já formados pelo Ministério diálise no centro daquela pro- ir buscar algum reforço ao De acordo com o admi- distribuição às populações da constantemente nos últimos
da Saúde. víncia”, informou Lina Antunes. Orçamento Geral do Estado nistrador para a área técnica cidade de Ondjiva e da sede dois anos. Apelou ao Governo
Referiu que foram ainda Segundo Lina Antunes, no (OGE) e esta comparticipação da Empresa de Águas no de Namacunde. para responsabilizar os auto-
recrutados médicos de apoio contrato feito com a empresa está prevista porque existe Cunene, Evangelista Kamati, “Além do acto de vanda- res. “Estamos há quatro dias
às áreas de cirurgia muscular, que instalou os equipamentos decreto próprio, que permite os habitantes da cidade de lismo que se assiste na linha sem água, a situação está
cuidados intensivos e ima- de hemodiálise no Hospital fazer esse tipo de cobrança." Ondjiva estão há mais de de transporte de água, há tam- complicada.”
giologia. O centro, acrescentou, Central do Lubango acaute- O hospital efectua entre 50 cinco dias sem água potável, bém os casos de munícipes João Baptista, morador do
vai ter, entre outras valências, lou-se a manutenção das cadei- a 80 exames de raio X simples devido à ruptura da conduta que a acarretam em caixas bairro Pioneiro Zeca, disse
sala de hemodiálise A e B, área ras, da vigilância e do abaste- por dia. A directora-geral do nas localidades de Bulun- de regulação da pressão da que os actos de vandalismo
de esterilização, área técnica, cimento de água e de energia, Hospital Central do Lubango ganga e Môngua, causado enor- conduta, provocando enormes vão continuar enquanto não
de serviços, copa para lanche além da formação dos técnicos disse que actualmente o sis- mes prejuízos na reposição perdas de água ao longo do se criar condições de distri-
dos doentes, exame de micro- e dos supervisores. tema que se usa é o informa- dos materiais danificados percurso”, sublinhou Evan- buição de água para os popu-
biologias e sala de espera. No Hospital Central do tizado. O técnico manda a ima- pelos meliantes. gelista Kamati, acrescentando lares residentes no percurso
Foram ainda instaladas Lubango, informou Lina An- gem por computador e o mé- A conduta construída em que a empresa de água pediu Xangongo/Ondjiva, porque
cadeiras de hemodiálise em tunes, decorre ainda o pro- dico quando acede ao processo 2012, no âmbito do projecto ao governo da província e às com a seca que se regista eles
áreas especiais para doentes grama de reparação e reequi- informatizado do doente recebe “Água para Todos”, não bene- administrações municipais e procuram a todo o custo con-
com doenças crónicas, como pamento da área do bloco ope- o raio X no sistema e não precisa ficiou os populares que vivem comunais para responsabilizar seguir água para o consumo
o VIH/Sida, hepatite B e C, ratório. Lina Antunes asse- de película. ao longo do troço que trans- os autores, sendo que a des- diário e para o gado.
24 Terça-feira
18 de Junho de 2019

PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA REPÚBLICA DE ANGOLA


MINISTÉRIO DE RECURSOS MINERAIS E PETRÓLEOS MINISTÉRIO DE RECURSOS MINERAIS E PETRÓLEOS
DIRECÇÃO NACIONAL DE RECURSOS MINERAIS DIRECÇÃO NACIONAL DE RECURSOS MINERAIS

EDITAL N.º 57/DNRM/2019 EDITAL N.º 58/DNRM/2019


2.º AVISO 1.º AVISO
Em conformidade com o estipulado no artigo 104.º do Código Mineiro e tendo em conta que a Em-
Em conformidade com o estipulado no Artigo 104.º do Código Mineiro e tendo em conta que a Empresa CASSENO, presa BEL HOUSE, LDA. requereu os direitos mineiros para a exploração de Gesso, numa superfície
LDA. requereu os direitos mineiros para a exploração de Quartzito, numa superfície de 50ha, situada na Localidade de 50ha, situada na Localidade do Ndui, Comuna da Barra do Dande, Município do Dande, Província
do Tanda Matiaba, Município de Belize, Província de Cabinda, com as coordenadas geográficas a seguir discrimi-
do Bengo, com as coordenadas geográficas a seguir discriminadas, são notificadas todas as pessoas
nadas, são notificadas todas as pessoas singulares ou colectivas para junto à Direcção Nacional dos Recursos Mi-
singulares ou colectivas para junto à Direcção Nacional dos Recursos Minerais fazerem valer os seus
nerais fazerem valer os seus direitos, sob pena de preclusão do direito à reclamação, no prazo de 15 (Quinze)
direitos, sob pena de preclusão do direito à reclamação, no prazo de 15 (Quinze) dias, a contar da
dias, a contar da data da publicação deste Edital.
data da publicação deste Edital.

Vértice Latitude Longitude Vértice Latitude Longitude


A 04º 43´ 25´´S 12º 44´50´´E A 08º 19´ 19´´S 13º 29´29´´E
B 04º 43´ 42´´S 12º45´04´´E B 08º 19´ 00´´S 13º29´55´´E
C 04º 43´ 51´´S 12º 44´42´´E C 08º 19´ 15´´S 13º 30´06´´E
D 04º 43´ 37´´S 12º 44´25´´E D 08º 19´ 31´´S 13º 29´41´´E

DIRECÇÃO NACIONAL DE RECURSOS MINERAIS, em Luanda, aos 5 de Junho de 2019. DIRECÇÃO NACIONAL DE RECURSOS MINERAIS, em Luanda, aos 11 de Junho de 2019.

O DIRECTOR NACIONAL O DIRECTOR NACIONAL


André Francisco Buta Neto André Francisco Buta Neto
(7.518) (7.851)

REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DE RECURSOS MINERAIS E PETRÓLEOS
DIRECÇÃO NACIONAL DE RECURSOS MINERAIS
ANÚNCIO
EDITAL N.º 54/DNRM/2019 (3ª Publicação)
1.º AVISO
Os condóminos do prédio sito na Rua 1.º Congresso do MPLA, n.º 36 - Luanda vêm, através desta,
Em conformidade com o estipulado no artigo 104.º do Código Mineiro e tendo em conta que a Em- dar a conhecer que foram vendidas ou alugadas as partes comuns do mencionado prédio, sem que ti-
presa TRANSIT ÁFRICA, LDA. requereu os direitos mineiros para a prospecção de Quartzito, numa vessem sido informados ou consultados sobre a situação, nomeadamente por parte da Sociedade
superfície de 50ha, situada na Localidade de Capunda, Comunado Chiange, Município dos Gambos, Casa Nova (Mega Store Loja Luanda).
Província do Huíla, com as coordenadas geográficas a seguir discriminadas, são notificadas todas
as pessoas singulares ou colectivas para junto à Direcção Nacional dos Recursos Minerais fazerem As partes comuns que se encontram na situação mencionada são:
valer os seus direitos, sob pena de preclusão do direito à reclamação, no prazo de 15 (Quinze) dias,
a contar da data da publicação deste Edital. 1) O terraço da sobreloja que foi fechado com chapas de zinco.
2) A garagem que foi ocupada pela referida sociedade, estando a ser utilizada de forma privatís-
VØrtice Latitude Longitude tica para fins de armazenamento de mercadorias, sem consentimentos dos demais condóminos.

A 16” 06· 11··S 13” 57·40··E As actividades acima referidas são proibidas por lei, uma vez que as áreas comuns dos prédios são
parte integrante do imóvel adquirido, sem que ninguém possa fazer uso pessoal ou comercial sem a
B 16” 05· 38··S 13”57·38··E devida autorização como atesta o Código Civil Angolano.
C 16” 05· 35··S 13” 57·55··E No caso em apreço, os condóminos já tentaram resolver a situação com a Junta de Habitação de
Luanda que confirma o sucedido, mas não apresentou nenhum documento, assim como não restitui
D 16” 06· 10··S 13” 57·54··E
aos condóminos as partes comuns do prédio conforme se encontravam antes da ilegalidade.

DIRECÇÃO NACIONAL DE RECURSOS MINERAIS, em Luanda, aos 3 de Junho de 2019. Luanda, 13 de Junho de 2019
Em nome e representação dos condóminos
O DIRECTOR NACIONAL O Administrador do Condomínio
André Francisco Buta Neto Celso Gilberto Lourenço
(7.863) (7.950)

REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO E HABITAÇÃO GRUPO AB- 2AMIGOS Lda. APRESENTA OS SEUS PROJECTOS DE RECRUTAMENTO
INSTITUTO GEOGRÁFICO E CADASTRAL DE ANGOLA
CASAS TOSCAS
DEPARTAMENTO PROVINCIAL DO UÍGE A HELI MALONGO – AVIAÇÃO E SERVIÇOS DE ANGOLA
EM PROMOÇÃO LIMITADA, aproveite esta nova oportunidade,
Casas T3 em condomínio Fechado 1.ª e 2.ª FASE-VIA CALEMBA-2 LUANDA- LDA. necessita de preencher 4 vagas de Piloto de Helicóptero
EDITAL N.° 36/019 (a) e 3 vagas de Técnico de Manutenção (b). Os candidatos de-
PROCESSO DE CONCESSÃO N.° 46-UE-019 SUL, a 5 minutos do Nginga Shopping, a partir de 2. 500.000,00 Akz
Casas T3 projecto habitacional -ZANGO-2 por trás do Nosso Super a 800m. verão ter nacionalidade angolana, ter fluência em língua Inglesa
Tendo a Empresa José Kitatu Comercial (Su), Limitada, representada 2.500.000,00 Akz, Casas T3 Suite Kikuxi Via Expressa, próximo ao Resort (falada e escrita), e possuir os seguintes requisitos mínimos:
neste acto pelo senhor Kitatu José, requerido a Concessão por Direito Bantú a 6.000.000,00 Akz.
de Superfície de uma parcela de Terreno rural, com uma área de 10 hec- PRONTO PAGAMENTO E PRESTAÇÕES! a) Piloto de Helicóptero
tares (Dez hectares) para fins de exploração Agro-Pecuária, sito na área Para mais informações contacte-nos através dos terminais telefónicos: 1. Licença piloto comercial helicópteros com qualificação de ins-
da Aldeia Lambu Kitava Kingombo, Regedoria de Mbadi, Município de Ma- EMAIL: doisamigos.grupo@gmail.com trumentos
quela do Zombo, Província do Uíge, feita a Demarcação Provisória, a 923 15 73 81, 923 601 219 ou 993 248 507 (7.752 2. 3000 horas totais de voo
mesma ficou com as seguintes confrontações: Norte: Com Terrenos de Ter- 3. 1000 horas multi motores
ceiros não Cadastrados, Sul: Com Terrenos de Terceiros não Cadastrados, 4. 500 horas offshore
Este Com Terrenos de Terceiros não Cadastrados, Oeste: Com Terreno da 5. Será dada preferência a quem possuir licença ATP
Igreja Kimbaguista. PRECISA-SE 6. Proficiência língua inglesa nível 4

São, por este meio, convocadas todas as pessoas que se julgarem com di- Trabalhadores para uma loja situada no Zango 1 nas seguintes b) Técnico de Manutenção de Helicóptero
reitos sobre o mesmo terreno, a virem comprová-lo neste Departamento áreas: 1. Licença TMA
Provincial do Instituto Geográfico e Cadastral de Angola, no prazo de Trinta 2. Experiência de 10 anos nos helicópteros de tipo Bell 427 e B412
(30) dias a contar da data da publicação deste Edital.-
- Gerente de Loja - Gestor de Stock
- Supervisor de Loja - Atendimento ao Cliente 3. Proficiência língua inglesa nível 4
- Balconista - Limpeza Os potenciais candidatos deverão enviar o seu pedido com toda
DEPARTAMENTO PROVINCIAL DO INSTITUTO GEOGRÁFICO E CA-
a documentação necessária para o email
DASTRAL DE ANGOLA NO UÍGE, AOS 7 DE JUNHO DE 2019.
Mínimo de experiência de 3 anos para trabalhar na loja Cash e helimalongo@helimalongo.com
O CHEFE DO DEPARTAMENTO PROVINCIAL
Cary residente do Zango. Enviar o seu CV e a cópia do B.I. para
JUSTINO LOURENÇO KUIASSANA
o e-mail: O DIRECTOR GERAL
simanwar@hotmail.com
(Geógrafo)
(7916)
JOSÉ LEITE VELHO (7.855)
(7.661)
Terça-feira
18 de Junho de 2019 25
PUBLICIDADE

(8041)

REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E DOS DIREITOS HUMANOS
DIRECÇÃO NACIONAL DOS REGISTOS E NOTARIADO
PRIMEIRO CARTÓRIO NOTARIAL DE LUANDA
ESCRITURA PÚBLICA DE JUSTIFICAÇÃO NOTARIAL

No dia 9 de Maio de dois mil e dezanove, nesta cidade de Luanda e no Primeiro Cartório Notarial perante mim,
SEBASTIÃO BAMBA DOMINGOS, Notário Adjunto, compareceram como Outorgantes:
PRIMEIRA: - ARLETE DE OLIVEIRA CRUZ, divorciada, natural de Luanda, onde reside no Distrito Urbano do
Rangel, Bairro Nelito Soares, Rua Rei Mandume, n.º 722, zona 11, titular do Bilhete de Identidade n.º
002007806LA032, emitido pela Direcção Nacional de Identificação, em Luanda, aos 28 de Setembro de 2006,
na qualidade de Justificante; e
SEGUNDOS: - MARIA AMÉLIA MANUEL ANTUNES RITA, casada, natural de Luanda, onde reside no Distrito Ur-
bano da Ingombota, Bairro Ilha do Cabo, Sector Chicala 1, n.º 18, titular do Bilhete de Identidade n.º
000651353LA037, emitido pela Direcção Nacional de Identificação, em Luanda, aos 4 de Junho de 2012;- MATEUS
VENÂNCIO NGOLO, solteiro, maior, natural de Malanje, residente habitualmente em Luanda, no Distrito Urbano do
Sambizanga, Bairro Ngola Kiluanje, casa n.º 315, zona 16, titular do Bilhete de Identidade nº 000240129LA038, emi-
tido pela Direcção Nacional de Identificação, em Luanda, aos 10 de Maio de 2010;- SANDRA IRINA DOS SANTOS
DURÃO FARIA RAMOS, casada, natural de Luanda, onde reside no Município de Viana, Bairro Vila Nova, casa n.º
532, titular do Bilhete de Identidade n.º 000141838LA026, emitido pela Direcção Nacional de Identificação, em
Luanda, aos 16 de Outubro de 2009, na qualidade de Declarantes.
Verifiquei a identidade dos Outorgantes pela exibição dos documentos de identificação acima mencionados.
E DISSE A PRIMEIRA OUTORGANTE:
Que, ela, com exclusão de outrém, é legítimo possuidor do prédio rústico, com área de 5.000 m2, sito em Luanda,
no Município de Viana, desanexado de uma parcela de terreno com área de 13.260.00m2, que é uma fazenda de-
nominada “Quicuxe”, tem uma casa com Sobradinho e cinco quartos, descrito na Conservatória do Registo Predial
de Luanda, 2.ª Secção, sob a Ficha do Prédio n.º 81 – Viana, Omisso na Matriz, por aquisição a Companhia da
África Ocidental Portuguesa, no longínquo ano de mil novecentos e sessenta e nove, sem contudo escriturar e, con-
sequentemente, registar, por dificuldades em localizar o vendedor.
Todavia, e não obstante a falta do formalismo exigido, apesar do cumprimento integral das obrigações fiscais ine-
rentes, foi possuidora do referido imóvel desde o ano de aquisição, altura em que se deu a transferência material do
mesmo, e desde tal momento que, de forma pública e pacífica, exerceu os seus direitos de legítima dona e possui-
dora, cumprindo com as suas obrigações fiscais, inclusivamente, para validade deste acto, procedeu ao pagamento
do respectivo imposto sobre sucessões e doações, através do Conhecimento n.º 6/1975, de 18 de Junho de 1975,
pelo que, adquiriu o direito de propriedade por usucapião, pelo decurso do tempo legal, o que invoca para efeitos de
reatamento do trato sucessivo.
E disseram os Segundos Outorgantes que, são verdadeiras as declarações prestadas, bem como a impossibilidade
da formalização do acto aquisitivo, o que confirmam para os devidos efeitos.
Assim o disseram e outorgaram.
Instruem o presente Acto os seguintes documentos:
a) Certidão do Registo Predial, emitida pela 2.ª Secção da Conservatória do Registo Predial de Luanda;
b) Conhecimento comprovativo do pagamento do Imposto sobre sucessões e doações n.º 6/1975;
c) Certidão de Partilha de Herança;
d) Contrato promessa de Compra e Venda.
Aos Outorgantes, em voz alta, fiz a leitura e a explicação do conteúdo do presente instrumento, bem como adverti
aos outorgantes que incorrem no crime de falsas declarações se, dolosamente, as prestaram em prejuízo de outrem.
ASSINADO: ARLETE DE OLIVEIRA CRUZ, MARIA AMÉLIA MANUEL ANTUNES RITA, MATEUS VENÂNCIO
NGOLO, e, SANDRA IRINA DOS SANTOS DURÃO FARIA RAMOS; O NOTÁRIO ADJUNTO: SEBASTIÃO
BAMBA DOMINGOS;
Imposto de selo:- Dois Mil;
Conta registada sob o n.º;
É, Certidão que fiz extrair vai conforme ao original.
Luanda, aos dez do mês de Janeiro de dois mil e dezanove.
A AJUDANTE DE NOTÁRIO
LUÍSA DA COSTA PINTO CHAANGULO (7.629) (500.749)
26 SOCIEDADE Terça-feira
18 de Junho de 2019

A RAZÃO DOS SUMIÇOS DOS BARCOS NAS COMUNIDADES


VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO

Agentes comunitários
desenvolvem acções
Alexa Sonhi | Cacuaco Lúcio do Amaral disse que
tratou-se de uma acção for-
Um total de 36 Agentes de mativa de âmbito nacional e
Desenvolvimento Comuni- garantiu dar continuidade a
tário e Sanitário (Adecos), a acções do género, para per-
nível do país, passa a desen- mitir que os formadores-
volver trabalhos no seio das supervisores de Adecos po-
comunidades mais vulne- ssam instruir outros agentes
ráveis para identificar e aju- de desenvolvimento comu-
dar a resolver junto das admi- nitário e sanitário nos muni-
nistrações assuntos de natu- cípios onde forem designados.
reza diversa. O secretário de Estado da
Os agentes, que partici- Acção Social Família e Pro-
param do primeiro ciclo for- moção da Mulher elogiou a
mativo na Escola Nacional parceria existente entre o Enfo-
de Formação de Técnicos de tess e o FAS, o que vai permitir
Serviço Social (Enfotess) assegurar a manutenção e o
fruto de uma parceria entre alargamento do quadro de for-
a instituição de ensino e o madores-supervisores muni-
Há um esforço conjunto entre a Capitania e a Associação dos Pescadores no sentido de evitar o desaparecimento de barcos Fundo de Apoio Social (FAS), cipais com a integração de
entram em acção. técnicos das direcções muni-
O secretário de Estado da cipais de acção social, família
Acção Social, Família e Pro- e igualdade do género.

Capitania acusa pescadores de moção da Mulher, Lúcio do


Amaral, considerou o acto
formativo um marco na his-
tória dos Adecos a nível nacio-
nal, porque passam a ter maiores
O director-geral da Enfo-
tess, Manuel Cafussa, disse
que, dos 36 formandos nove
são do sexo feminino, pro-
venientes das províncias do

descurarem os limites de pesca responsabilidades no concer-


nente à municipalização das
acções sociais.
Lúcio do Amaral explicou
Bengo, Benguela, Cuanza-
Sul e Huambo. Informou que,
até finais do mês de Julho,
serão formados mais de 130
Barco de pesca desaparecido, no alto mar, desde o dia 22 de Maio último, com que os Adecos têm por missão formadores supervisores.
trabalhar no seio das comu- O director-geral dos FAS,
sete pescadores a bordo, está em território gabonês, segundo fontes familiares nidades mais vulneráveis para Santinho Figueiredo, escla-
identificar e ajudar a resol- receu que a parceria existente
ver junto das administrações entre as duas instituições
Rodrigues Cambala Gabão, segundo familiares selhos e não medem as con- a Capitania tinha elaborado locais problemas ligados à visa criar condições para que
de pescadores. Nesta altura, sequências, principalmente um aviso aos navegantes e a educação, saúde, saneamento mais agentes comunitários
As embarcações de pesca os sete ocupantes do barco quando se apercebem da exis- todos os outros órgãos que básico, agricultura e registo sejam formados a fim de tra-
desaparecem do mar por aguardam por procedimentos tência de uma nova área com intervêm no mar, no sentido civil, entre outros actos sociais, balharem em todos os muni-
negligência dos pescadores, dos serviços de migração de muito peixe”, disse, afirmando de prestarem apoio a qualquer visando o desenvolvimento cípios do país.
que excedem os limites deter- Angola e Gabão, para regres- que, às vezes, os pescadores barco à deriva. comunitário. Santinho Figueiredo salien-
minados pelas autoridades sarem ao país. arriscam-se em alguns pontos “Ficámos muito preocu- “No que concerne à saúde, tou que os Adecos estão tam-
em função da sua capacidade, “Quando o combustível mesmo sabendo do mau estado pados porque o comandante os Adecos têm ajudado as bém a ser formados para que,
admitiu ontem o capitão do acaba e não encontram ajuda, técnico da embarcação. tinha abandonado a tripulação comunidades mais vulnerá- num futuro próximo, possam
Porto de Luanda. alegam sempre que tiveram Ao salientar que a Capitania no mar, para comprar com- veis no tratamento da malária trabalhar no cadastramento
Em declarações ao Jornal problemas técnicos para não tem aplicado multas aos pre- bustível e procurar apoio em simples em crianças dos zero das comunidades mais vul-
de Angola , a propósito do serem punidos”, avançou, para varicadores, João Baptista ne- terra”, lamentou, para avançar aos cinco anos, reduzindo, neráveis. Tal processo, con-
barco de pesca que ficou desa- frisar que, “quando isto acon- gou a acusação do mestre do que a história está mal contada. assim, a taxa de mortalidade tinuou, vai servir de base para
parecido no alto mar durante tece, dão muito trabalho às barco, que estava desapare- Ele tinha de ser o último a deixar infantil no seio das comuni- que o Ministério da Acção So-
um mês, com sete pescadores autoridades para os localizar.” cido, segundo a qual a capi- o barco, indicando um outro dades mais vulneráveis”, sa- cial, Família e Promoção da
a bordo, João Baptista disse Para combater esta atitude, tania não tinha prestado ajuda. pescador para realizar tal acti- lientou o secretário de Estado Mulher trabalhe na melhoria
que alguns barcos vão ao alto a Capitania do Porto de Luanda, “Logo que tomámos conta vidade, mas tinha tomado uma da Acção Social, Família e Pro- das condições sociais das fa-
mar com combustível insu- em parceria com a Associação da situação, orientámos a Capi- decisão muito grave”, apontou, moção da Mulher. mílias angolanas.
ficiente no depósito, com a dos Pescadores, tem mantido tania do Soyo, zona do desa- para salientar que alguns barcos
ideia de encontrar apoio de encontros de sensibilização, parecimento do barco, pois excedem os limites ao dirigi-
embarcações de grande porte. no sentido de evitar o desapa- um dos princípios que nos rege rem-se junto às sondas para
O barco, que tem o número recimento de barcos de pequeno é a salvaguarda da vida humana pescar. João Baptista pediu às HOJE NA FACULDADE DE ENGENHARIA
626 e uma capacidade de 500 porte no mar angolano. “Muitas no mar”, acrescentou.O capitão embarcações para instalarem
quilogramas, apareceu no vezes, eles não acatam os con- do Porto de Luanda disse que o sistema de localização (GPS).
“Transformações digitais”
ÚLTIMO FIM-DE-SEMANA desde assaltos à mão armada,
ofensas corporais, usando
Nacional, Euler Matari, infor-
mou que o Serviço de Emer-
debatidas em conferência
armas de fogo e objectos cor- gência Policial registou 278
Luanda regista oito mortes tantes. Entre os 224 detidos,
constam 11 cidadãos que foram
solicitações que mereceram
uma pronta intervenção das
Uma conferência sobre o
“Papel das transformações
âmbito da referida cooperação,
como a realização do mestrado

por acidentes de viação apanhados a circular com


armas de fogo do tipo AKM.
A corporação, segundo
forças policiais.
Para prevenir eventuais
situações que lesam a socie-
digitais, tecnologia e inovação
no desenvolvimento econó-
mico” realiza-se hoje, pelas
em engenharia de sistemas
industriais, a abertura de um
Fablab e a participação de
Euler Matari, deteve ainda dade, o oficial da corporação 8h30, no anfiteatro do Depar- estudantes da FEUAN no con-
André da Costa os acidentes ocorreram por quatro cidadão por desacato solicitou aos cidadãos a tamento de Arquitectura da curso internacional 24 horas
desrespeito às normas do aos agentes da autoridade, denunciarem às autoridades Faculdade de Engenharia. de inovação.
Código de Estrada, com realce sendo que os mesmos foram competentes casos criminais Promovido pela Faculdade DOMBELE BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO
Oito pessoas morreram e 16 para o excesso de velocidade enviados ao tribunal para ou actos que alteram a ordem de Engenharia da Universi-
outras ficaram feridos, em e embate contra obstáculo fixo. julgamento sumário, recor- pública. dade Agostinho Neto (FEUAN),
consequência de 22 acidentes Disse que dos danos materiais dando que foram recupera- Desaconselhou, por outro a conferência irá contribuir
de viação ocorridos no último resultantes dos acidentes estão das duas viaturas de marca lado, a população a fazer jus- para o debate científico sobre
fim-de-semana na província avaliados em mais de quatro Toyota, modelo Corolla, de tiça por mãos próprias, de o papel da tecnologia numa
de Luanda. milhões de kwanzas cor preta, antes roubadas modo a evitar que passem economia marcada pelo de-
De acordo com o inspector Neste período, a Polícia em Luanda. de vítima a acusados e sejam senvolvimento da digitaliza-
Euler Matari, do Gabinete Nacional aplicou 78 multas Durante o fim-de-semana, responsabilizados criminal- ção, além de apresentar as
de Comunicação Institucio- e procedeu a apreensão de a corporação aprendeu das mente. "Os cidadãos evitem respostas desenvolvidas por
nal e Imprensa do Comando quatro viaturas de marcas e mãos dos marginais facas, a reagir em caso de roubo universidades de tecnologia
Provincial de Luanda da Polí- de modelos diferentes, e 19 catanas, pedras, usadas em ou furto dos seus pertences, ou engenharia, tanto a nível
cia Nacional, os acidentes motorizadas por várias infrac- crimes na via pública. pois deverão somente fixar educacional como a nível dos
ocorreram em vários muni- ções ao Código de Estrada. O responsável do Gabinete os traços característicos do seus programas de pesquisa.
cípios e distritos urbanos da A Policia Nacional deteve de Comunicação Institucional meliante e denunciar na Com o encontro pretende-se
cidade capital. 224 cidadãos suspeitos de e Imprensa do Comando Pro- esquadra ou posto policial também apresentar os prin-
Euler Matari explicou que cometerem crimes diversos, vincial de Luanda da Polícia mais próximo". cipais resultados obtidos no Faculdade de Engenharia
SOCIEDADE Terça-feira
18 de Junho de 2019 27
EM VÁRIAS PROVÍNCIAS DO PAÍS FICAM APENAS OS DE LINHAGEM NO HUAMBO
DR
DR

Luanda vai reduzir


o número de sobas
Manuela Mateus| pagos aos sobas de Luanda
chegam aos cinco milhões e
meio de kwanzas por mês.
O Governo Provincial de No encontro, os sobas apre-
Luanda vai reduzir o número sentaram várias preocupações
de sobas porque alguns dos que têm a ver com o espaço que
300 existentes não são de li- devem ter na sociedade, o ma-
nhagem, informou, em Cate- peamento geográfico para a
te, município de Icolo e Ben- construção de “banzas” (casas
go, o director provincial de apropriadas para os sobas), o
Acção Social, Cultura, Juven- atraso no pagamento dos salá-
tude e Desportos. rios e a falta de estruturas sociais
Manuel Sebastião, que nas suas áreas de jurisdição.
falava no terceiro encontro Relativamente aos salários,
provincial sobre as autori- o director provincial de Acção
dades tradicionais, realizado Social, Cultura, Juventude e
no Centro Cultural Dr. Agos- Desportos justificou que os
tinho Neto, adiantou que os ordenados são pagos às vezes
sobas que não são de linha- com atrasos devido à moro-
gem vão exercer outras fun- sidade administrativa na tra-
ções úteis à sociedade nas mitação de processos após su-
administrações municipais, cessão por falecimento.
distritais e comunais. A cerimónia de abertu-
A redução do número de ra do encontro foi presidida
Vista parcial da cidade
sobas deve-se à necessidade pelo vice-governador da pro-
de restabelecer a linhagem víncia de Luanda para a Área
dos sobas, explicou Manuel Social, Dionísio da Fonseca,
Sebastião, lembrando que a
província de Luanda tem sobas
que informou haver no país
mais de 40 mil autoridades
Morto à facada
indicados e eleitos.
“Estamos agora numa fase
tradicionais.
“O encontro realiza-se
por cidadão
de clarificação”, acentuou
Manuel Sebastião, que disse
num momento em que se
aproxima o processo de pre- desconhecido
ser propósito do Governo paração e institucionalização
Provincial de Luanda o resgate das autarquias locais”, acen- Um cidadão de 29 anos foi
da verdadeira história das tuou Dionísio da Fonseca, morto à facada, na noite de
autoridades tradicionais. que pediu aos participantes domingo, numa das ruas do
“O nosso gabinete vai fazer para abordarem com pro- Bairro da Chiva, arredores da
um levantamento para saber fundidade a realidade actual cidade do Huambo. O acto
quem são os sobas de linha- das autoridades tradicionais, foi cometido por um desco-
gem”, salientou o director pro- a sua interacção com o Exe- nhecido que o terá interpelado
vincial de Acção Social, Cultura, cutivo e, futuramente, com quando saía de um convívio
Juventude e Desportos. as autarquias locais. e se dirigia a casa.
O Ministério da Cultura con- O vice-governador disse De acordo com fonte poli-
trola na província de Luanda que é preciso haver “um novo cial, o crime resultou da resis-
Incêndios deixaram, ainda, 63 profissionaos do corpo de bombeiros feridos no ano passado 303 autoridades tradicionais, olhar” para as autoridades tra- tência, por parte da vítima,
dez das quais mulheres, in- dicionais por desempenharem que se recusou a fazer a von-
formou Manuel Sebastião, um relevante papel na inter- tade do criminoso que, em

Mais de 30 bombeiros
revelando que as despesas mediação das relações entre consequência, desferiu vários
do Executivo com salários o Estado e as comunidades. golpes de faca na vítima.
DR O director do Gabinete de
Comunicação Institucional

morreram em serviço
e Imprensa da Polícia Nacio-
nal no Huambo, intendente
Martinho Satito, informou
que a vítima acabou por mor-
Ministério do Interior está preocupado com a forma como rer horas depois no Hospital
Central, estando o infractor
são manuseados produtos perigosos, sobretudo inflamáveis em fuga.
Para o esclarecimento do
Helma Reis forma como são manuseados, Bombeiros, que defendeu a caso, o oficial superior fez,
armazenados, transportados existência de vias e canais de igualmente, saber que a Polí-
Ao todo, 40 bombeiros mor- e distribuídos produtos peri- comunicação eficazes para cia Nacional e o Serviço de In-
reram e 63 ficaram feridos gosos, sobretudo, os inflamá- haver sempre sucesso nas vestigação Criminal (SIC)
no combate a incêndios re- veis e explosivos, “que muitas operações a todos os níveis. estão a fazer diligências no
gistados no ano passado em vezes têm causado elevado O comissário deu ênfase sentido de se encontrar o autor
várias províncias do país, número de mortes.” à necessidade de os opera- Salários dos sobas ultrapassam os cinco milhões de Kwanzas do crime.
anunciou, em Luanda, o co- O comandante nacional dores estarem devidamente
mandante nacional adjunto adjunto acentuou que as ac- preparados para receberem
do Serviço de Protecção Civil ções formativas visam aumen- e delinear a actuação das
e Bombeiros. tar a capacidade operacional forças nos vários territórios ENSINO PÚBLICO tração do Distrito Urbano de
O comissário José Horácio do Serviço de Protecção Civil operacionais. Viana por ter apenas duas es-
da Silva revelou o número de
mortos e feridos, em serviço,
quando discursava, há dias,
e Bombeiros, a fim de garan-
tir uma maior capacidade de
resposta na protecção da po-
“As acções formativas de-
vem ser contínuas”, defendeu
o comandante nacional adjun-
Escolas de Viana precisam colas, uma das quais, a 5.065,
está fechada neste ano lectivo,
devido às constantes inun-
na Casa da Juventude de Viana
na cerimónia de encerramento
pulação e dos bens públicos
e privados.
to do Serviço de Protecção Civil
e Bombeiros, para quem os
de reabilitação e mobiliário dações registadas no período
das chuvas.
da primeira fase dos cursos de O responsável referiu que cursos de refrescamento ga- O município de Viana tem
Investigação de Causas de os conhecimentos adquiridos rantem preparação física, men- Helma Reis cerimónia de entrega de 441 cerca de 47 escolas públicas
Incêndios, Operações com são de “grande relevância” tal e científica para os agentes carteiras à escola 5.004. “As e todas têm “carência gritante
Matérias Perigosas - Nível II e para a peritagem, feita com e contribuem para uma res- Cerca de 40 escolas do ensino intervenções devem ser urgen- de carteiras”, acentuou Fer-
Rádio Comunicação, nos quais base na aplicação de proce- posta eficaz de acordo com as primário e do II ciclo do ensino tes, para que se dê maior con- nando Manuel.
participaram 114 agentes. dimentos, desde a preser- necessidades e solicitações secundário do município de forto aos alunos”, defendeu A directora da escola 5.004,
José Horácio da Silva, que vação do local de um incêndio de emergência. Viana precisam de renovar o Fernando Manuel, que disse Leopoldina Cadete, revelou
representou na cerimónia o à determinação das causas. O comissário defendeu uma mobiliário e receber obras de estar o sector da Educação do que as carteiras usadas pelos
comandante nacional do Ser- “A técnica praticada duran- maior atenção à Escola Nacio- reabilitação, por estarem em Distrito Urbano de Viana a pre- alunos têm mais de vinte
viço de Protecção Civil e Bom- te as aulas permite que se des- nal de Protecção Civil e Bom- mau estado de conservação. cisar de 12 mil carteiras para anos e algumas já não supor-
beiros (SNPCB), Bênção Cavila cubra a causa real dos incên- beiros, por estar a viver “muitas A informação foi avançada 544 salas de aula, distribuídas tam o peso de alunos, que,
Abílio, disse estar o órgão dios”, acrescentou o coman- dificuldades” decorrentes da pelo chefe de secção da Edu- por cerca de 40 escolas. acabam por cair. Quase sem-
operativo do Ministério do dante nacional adjunto do falta de material de apoio du- cação do Distrito Urbano de A Regedoria é a zona que pre se regista queda de alu-
Interior preocupado com a Serviço de Protecção Civil e rante as formações. Viana, Fernando Manuel, numa mais preocupa a Adminis- nos”, confirmou.
28 Terça-feira
18 de Junho de 2019

PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA
TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA
3.ª SECÇÃO DA SALA DO CÍVEL E ADMINISTRATIVO
República de Angola ANÚNCIO
MINISTÉRIO DO AMBIENTE PROCESSO N.º 0199/019-E 1.ª PUBLICAÇÃO
Gabinete de Alterações Climáticas === DOUTOR LUCAS JÚNIOR, JUIZ DE DIREITO DO TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA,
SALA DO CÍVEL E ADMINISTRATIVO, TERCEIRA SECÇÃO. =============================
FAZ SABER QUE, corre seus regulares termos pela 3.ª Secção da Sala do Cível e Administrativo, a
PROCESSO DE SELECÇÃO PARA PROJECTO Acção Executiva para Pagamento de Quantia Certa, em que é Exequente, STANDARD BANK DE
SOBRE CARVÃO VEGETAL ANGOLA, com sede social em Luanda, na Via Expressa de Talatona, Município de Belas, edifício
Cuando Cubango, Belas Business Park, 8.º andar, e Executados, WENE – EMPREENDIMENTOS
COMERCIAIS, LIMITADA, com sede na Nova Urbanização, Rua F, casa n.º 22, Município de Ca-
cuaco, Luanda, e Filipe Pedro, residente em Luanda, Bairro Tala Hady, Rua da 10.ª Esquadra, casa
O Ministério do Ambiente em parceria com o Programa n.º 34, Município do Cazenga, actualmente em parte incerta, para nomear bens à penhora e ainda
para deduzir oposição à execução por embargos e/ou por recurso de agravo – art.º 811.º/1, 812.º e
das Nações Unidas para o Desenvolvimento e com o fi- 836.º/1 CPC, no prazo de 10 (dez) dias, que começa a correr finda a dilação de 30 (trinta) dias, con-
nanciamento do Fundo Global para o Ambiente desenvol- tada da data da segunda e última publicação do anúncio, sob pena de se devolver a faculdade de
nomeação à exequente.
vem um processo de selecção para o projecto
Nesta acção, o Exequente pede que se proceda à citação dos Executados, conforme tudo melhor
"Promoção do carvão vegetal sustentável em Angola consta do duplicado que se encontra a disposição na Secretaria deste Tribunal.=================
através de uma abordagem da cadeia de valor" para Luanda, aos 14 de Março de 2019.
eleger propostas de trabalho para elaborar uma linha de O JUIZ DE DIREITO O AJUDANTE DE ESCRIVÃO
base de emissões de carbono para floresta, mudança do LUCAS JÚNIOR RUI MELO (7.936)

uso da terra e carvão vegetal para Angola.

Os proponentes deverão solicitar os Termos de Referência


(TdR) e remeter as propostas de acordo com o TdR para
REPÚBLICA DE ANGOLA
ghg.carvao.angola@gmail.com.As propostas serão re- TRIBUNAL DA COMARCA DE BENGUELA
cebidas de forma contínua a partir da primeira publica- SALA DO CÍVEL E ADMINISTRATIVO

ção deste anúncio no Jornal de Angola. A selecção e ANÚNCIO


contratação de propostas começarão no dia 15 de Julho
Pela Sala do Cível e Administrativo do Tribunal Provincial de Benguela, ocorrem
de 2019. seus termos, os autos de Acção Especial de Interdição por Anomalia Psíquica
(7.946) n.º 220/19, em que é Requerente O DIGNO MAGISTRADO NO MINISTÉRIO
JUNTO DESTA SALA e Requerida TATIANA PATRÍCIA PEREIRA PASCOAL,
nascida aos 18/12/1979, filha de Armando José Pascoal e de Cristina Ricardina
Pereira, residente nesta cidade, Bairro do Quioche.

Para constar, se lavrou o presente Edital e mais dois de igual teor que serão
afixados nos lugares determinados por lei.-

Anúncio de Concurso Público para Empresas Benguela, aos 6 de Maio de 2019.


A Cabinda Gulf Oil Company Ltd (CABGOC), subsidiária da Chevron, figura entre as principais empresas petrolí-
feras de Angola, e vem por este meio anunciar um concurso público para o fornecimento do seguinte material: O JUIZ DE DIREITO
Concurso Público Número: RFBA-015-FE-2019 DR. BENILDE AGOSTINHO MALÉ
Âmbito de Trabalho O SECRETÁRIO JUDICIAL EM EXERCÍCIO,
JOÃO PEDRO LEGOT
A Contratada deverá fornecer todos os recursos, instalações, embarcações, equipamento, mão-de-obra, su- (7.947)
pervisão, engenharia, serviços, ferramentas e materiais, bem como outros recursos necessários para a insta-
lação segura de novas bóias de Amarração de Ancoragem Catenária (CALM).

A Contratada deverá ter a capacidade de fornecer o seguinte:


• Desenvolver planos de descomissionamento e instalação, procedimentos e cronogramas, incluindo todos os
navios de apoio offshore, equipamentos, mão-de-obra, ferramentas e peças de reposição para garantir desco-
missionamento, desconexão, reinstalação e comissionamento seguros de bóias.
• Fornecer uma embarcação de apoio a mergulho, adequada para realizar uma inspecção pré-offshore de bóias
PLEM, tubagens submarinas, mangueiras, correntes, etc. REPÚBLICA DE ANGOLA
• Fornecer uma embarcação e equipamento marinho adequados para desconectar, recuperar e transportar dois MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E DOS DIREITOS HUMANOS
cabos de amarração de poliéster da bóia para a zona terrestre do Terminal da CABGOC no campo do Malongo. 1.ª CONSERVATÓRIA DO REGISTO CIVIL DE LUANDA
• Fornecer uma embarcação adequada para rebocar com segurança as novas bóias até ao local e rebocar as
bóias existentes para a área designada pela Companhia.
• Fornecer uma embarcação e equipamento marítimo adequados para a recuperação e conexão de conjuntos EDITAL
de mangueiras flutuantes de exportação de 20” CALM para que esta possa fazer a injecção inversa usando a
água do mar, ou através dos inibidores químicos fornecidos pela Companhia. A embarcação também terá de
ser adequada à recuperação e transporte de dois conjuntos de mangueiras de 20” localizadas em baixo da
ESTER DA SILVA SEBASTIÃO DOS SANTOS, CONSERVADORA DA PRIMEIRA CON-
bóia e seus umbilicais conectados que serão desconectados das conexões do casco da bóia e da PLEM. SERVATÓRIA DO REGISTO CIVIL DE LUANDA.
• Providenciar uma extensão adequada em zona marítima para possibilitar a desconexão de todas as seis (6) pernas CERTIFICA QUE, corre seus termos nesta Conservatória do Registo Civil de Luanda, um
de amarração da corrente de ancoragem dos seis bujões de corrente da bóia e sua colocação no fundo do mar. processo de Justificação de Óbito, em que é requerente o senhor CARLOS ANTÓNIO
A Contratada deverá possuir uma certificação ISO 9000 e ter um programa de qualidade eficaz. A Contratada ANDRÉ CHIMPOLO, de 54 anos de idade, nascido no dia 25 de Janeiro de 1965, natural
deverá realizar todas as actividades e trabalhos em terra e no mar, de acordo com as especificações, as regras da Ingombota, Província de Luanda, filho de António André e de Teresa Francisco Pedro,
de classificação da sociedade, o alto padrão de melhores práticas marítimas e comerciais e as orientações do portador do Bilhete de Identidade n.º 003969750LA032, emitido no dia 3 de Setembro de
representante do Proprietário.
2009, pela Direcção Nacional de Identificação Civil e Criminal, residente em Luanda, Sec-
A Contratada será responsável pela protecção da bóia e de todos os equipamentos e materiais existentes tor Ponta n.º 8-11-24, zona 1, Bairro Ilha do Cabo, Ingombota e o requerido António
dentro e fora da bóia durante todo o período das operações em zona marítima. André, nascido no dia 17 de Abril de 1937, natural de Luanda, Província de Luanda, filho
de André Chipolo e de Madalena André.
As empresas qualificadas que estejam interessadas em serem consideradas para o concurso acima descrito
poderão acessar a página www.chevroninangola.com, na secção de Fornecedores, Concurso Público; preen-
cher o formulário informativo do fornecedor e remeter para o endereço electrónico concurso@chevron.com São, por isso, convidados os interessados incertos a deduzirem oposição que tiverem no
no prazo definido na página da internet. prazo de 15 dias. a contar da data da publicação do presente edital.

Cabinda Gulf Oil Company Limited 1.ª CONSERVATÓRIA DO REGISTO CIVIL DE LUANDA, 4 de Junho de 2019.
Edifício da Chevron – Chicala
Nova Marginal
Caixa Postal 2950Luanda, A CONSERVADORA
República de Angola ESTER DA SILVA SEBASTIÃO DOS SANTOS (7.939)
(500.756)
CULTURA Terça-feira
18 de Junho de 2019 29
FESTIVAL DE INVERNO MALANJE
DR
CAMÕES

Edson Chagas Governador faz aposta


mostra hoje no sucesso da música
“Oikonomos”
Franscisco Curihingana | Malanje actuar na Biblioteca Provincial
O artista Edson Chagas de Malanje, onde interpretaram
apresenta hoje, às 18h30, clássicos angolanos, disseram
no Camões - Centro Cultural Melhorar aqualidade da música que é preciso dar-se maior
Português, em Luanda, o feita em Malanje levou o gover- atenção à classe artística local,
seu mais recente trabalho, nador da província a oferecer de forma a que esta tenha
“Oikonomos”, uma reflexão vários instrumentos musicais oportunidade de competir
sobre o espaço do criador à Banda Suavidade, de forma com os de outras províncias,
angolano na actual socie- a que, no futuro, esta tenha a em especial os de Luanda.
dade moderna angolana. possibilidade de apresentar Os músicos aplaudiram o
A exposição, composta espectáculos condignos. gesto do Governo da Província
por 18 trabalhos fotográficos, A oferta dos instrumentos de Malanje pela aquisição do
de uma série de auto-retra- musicais representa, para o aparato sonoro. “Nós, os jovens
tos, auto-personificados do governador Norberto dos fazedores de música, não
artista, procura levar o Santos “Kwata Kanawa”, uma encontramos palavras sufi-
espectador a uma viagem oportunidade de os jovens cientes para agradecer esse
Grupo parte amanhã para representar o país na festa internacional do teatro de Maputo evocativa e introspectiva integrantes da banda apri- gesto do Governo da Província
sobre Angola e o próprio morarem os seus talentos. de Malanje em colocar ao
continente africano. Doravante, continuou, a nosso dispor esses meios que

Artes cénicas angolanas O objectivo do artista é


mostrar as mudanças exis-
tentes numa sociedade onde
os efeitos do consumismo
banda tem condições de par-
ticipar em mais espectáculos,
mesmo além das fronteiras
de Malanje, e assim obter
vão permitir-nos relançar a
música e ocupar outros jovens
criadores”, disse.
Para Garcia Diva, um dos

no palco de Moçambique são cada vez mais presentes,


resultantes da própria dinâ-
mica do modernismo, e
algumas das consequências
receitas para os seus próprios
trabalhos e o sustento das
suas famílias.
Kwata Kanawa chamou
integrantes da Banda Suavi-
dade, a oferta é benéfica para
toda a classe artística local,
uma vez que vai permitir aos
do fenómeno globalização ainda a atenção dos membros músicos, locais ou estrangei-
Manuel Albano | Maputo sociedades modernas afri- Nos palcos moçambicanos, entre os seus habitantes, da banda para o cuidado a ter- ros, actuarem com um con-
canas. Além da participação prometeu Solange Feijó, o em particular os jovens. se, agora, com a preservação junto melhor preparado do
no festival, destacou, o grupo Artes Sol vai mostrar o seu Nas imagens, as faces dos instrumentos musicais e ponto de vista técnico.
A directora artística da Com- espera criar parcerias e for- empenho pela qualidade, num estão ocultas com um saco pediu-lhes para explorarem Por sua vez, o director pro-
panhia Artes Sol, Solange Feijó, talecer as relações com os espectáculo que já foi exibido, de plástico, numa repre- mais, nas suas composições, vincial da Cultura, Juventude
garantiu ontem, em Luanda, demais participantes. em que pretendem aprimorar sentação do cidadão anó- aspectos da realidade cultural e Desportos, Fernando Cris-
estar a trabalhar arduamente A tragédia “Tomara que mais alguns aspectos. “Esco- nimo e cego, devorado pelo do país, em particular da pro- tóvão, disse que a oferta dos
para apresentar no próximo chova... Mas bem longe daqui” lhemos esta peça porque os consumismo, mas também víncia, de forma a que possam equipamentos é um incentivo
dia 22, em Maputo, um espec- é baseada nos vários proble- problemas sociais nos países dos efeitos da globalização. preservar e transmitir às gera- aos criadores locais.
táculo que reflicta a realidade mas sociais causados pela africanos são semelhantes, Cada saco que cobre as faces ções vindouras conhecimentos
GENIVALDO FONSECA | EDIÇÕES NOVEMBRO
sociocultural do país e digni- chuva em Luanda, tendo assim como os princípios de das personagens é marcado sobre a típica identidade dos
fique as artes cénicas nacionais, como ponto de partida os igualdade e transparência na por símbolos, na sua maio- angolanos, sem descurar o
em particular o teatro. inúmeros transtornos que o gestão do erário”, explicou. ria estranhos a Angola, mas papel da unidade dentro da
A companhia participa, pela fenómeno cria aos habitantes Para Solange Feijó, um país com vestígios de terras e diversidade. “As mensagens
primeira vez, na 16ª edição do e governantes da capital. ou sociedade só se desenvolve ideais estrangeiros, que o têm de ser o mais educativas
Festival de Internacional de Na peça, o administrador com a participação e o con- artista considera “detritos possível, pois vivemos numa
Teatro de Inverno de Moçam- Cassova vivia o tempo todo tributo de todos os cidadãos. da cultura popular.” época de aculturação.”
bique (FITI), que decorre desde preocupado com a chuva, por “É com esse optimismo que Edson Chagas, que con- O gesto, que para o dirigente
o passado dia 24 de Maio e ter- não ter feito o seu trabalho pretendemos mostrar como quistou o Leão de Ouro na não é o último do género, foi
mina a 23 deste mês. Para em condições. Se o céu ficasse se pode viver numa sociedade 55ª Bienal de Veneza em bem recebido pelos integrantes
Solange Feijó, “é um marco escuro, corria rapidamente a mais equilibrada.” 2013, explora assim com da banda, pois estavam, há
importante na internaciona- consultar o Instituto Nacional “Oikonomos” os sonhos meses, à espera de uma opor-
lização do grupo.” de Meteorologia e Geofísica O festival controlados por conglome- tunidade semelhante, para
A encenadora informou (Inamet). Porém, depois de Com espectáculos agendados rados estranhos a Angola e aumentarem a qualidade do
que o grupo vai a Moçambique tudo passar, não se preocupava para todas as sextas-feiras, ao artista, mas que marcam seu trabalho. Os integrantes
com uma caravana, que inclui em solucionar o problema. sábados e domingos, a partir a realidade dominante. da banda, que aproveitaram Kwata Kanawa pede maior
actores e membros da direc- das 18h30, em vários espaços DR
os novos instrumentos para atenção aos artistas locais
ção. Devido aos poucos recur- Qualidade de Moçambique, esta edição
sos financeiros do grupo, vão Actualmente, o colectivo Artes do projecto conta com a par-
apenas 4 pessoas. A viagem, Sol está a trabalhar, bastante, ticipação de 25 grupos de tea-
adiantou, está marcada para para exibir mais espectáculos tro, de Angola, África do Sul, VALORIZAÇÃO
amanhã, com regresso a 24, de qualidade, especialmente Swazilândia, Brasil, Portugal
um dia após o encerramento
do festival.
Solange Feijó acrescentou
agora com o convite para par-
ticipar em festivais interna-
cionais. A directora artística
e Espanha, além de colectivos
de artes moçambicanos.
O festival, realizado desde
Monumento à mulher
ainda que vão representar o
país com a peça “Tomara que
chova... Mas bem longe daqui”,
do grupo disse que também
têm estado a fazer de tudo
para apresentar peças com
2004, tem como objectivo dar
oportunidades às companhias
de teatro de apresentarem obras
reabilitado no Huambo
um espectáculo assente, fun- conteúdos actuais e capazes com temáticas generalistas, A estátua monumental antro- metros, e a sua base que prevê
damentalmente, nos aspectos de reflectir a realidade social proporcionar o intercâmbio e pomórfica, criada para repre- a melhoria da zona adjacente.
sociais da capital, criado para do país, com ênfase para os capacitação em matérias ligadas Auto-retratos do artista sentar a mulher, na época Para os trabalhos de rea-
mostrar a realidade actual das problemas dos citadinos. ao teatro. criticam a realidade colonial, no Huambo, vai ser bilitação, José Albano Manuel
requalificada, ainda este ano, disse que foram disponibi-
A exposição, que fica no âmbito do programa de lizados 2.740.424 kwanzas
patente até o dia 16 de Julho, valorização, preservação e que vão ser usados na emprei-
marca assim o regresso do conservação dos locais his- tada, cuja construção deve
PARA CRIANÇAS E JOVENS artista ao país, depois de tóricos e culturais da província, levar menos de cinco meses.
ter participado na Daegu informou, ontem, a Angop. Além da reabilitação da
Photo Biennale, na Coreia A informação foi prestada estátua, o Gabinete da Cultura
Funda ganha biblioteca móvel do Sul, e na Madgerma-
nes/Mystery of Foreign
Affairs, na Alemanha.
pelo director do Gabinete da
Cultura, Turismo, Juventude
e Desportos, José Albano
da província pretende realizar,
este ano, um estudo sobre os
cinco reinos da região (Hua-
A iniciativa cultural Um Livro 130 livros, tem como objectivo A associação foi fundada Formado em Fotografia Manuel, para quem a obra de mbo, Tchiyaka, Sambo, Bai-
Uma Criança Muitas Leituras fomentar a leitura entre as crian- em fins de 2012 e já criou 121 e Fotojornalismo, o artista escultura, em betão, localizada lundo e Tchingolo), classifi-
criou no sábado, no bairro do ças da região, que enfrentam bibliotecas em escolas, centros tem trabalhos em museus na avenida da Granja, por cados há três anos como
Farolim, comuna da Funda, graves problemas sociais e cul- de acolhimento, pediatrias e de arte contemporânea na detrás do pavilhão Serra Van monumentos e sítios de valor
Cacuaco, uma biblioteca turais, uma parte das quais não instituições locais com cerca África do Sul, Itália e Aus- -Dúnem, é uma referência nacional. A iniciativa, expli-
móvel para os alunos das esco- estudam e são mandadas pelos de 32 mil livros, todos doados trália. Entre os prémios local, criada na época para cou, aguarda pela disponi-
las locais e para as crianças paistrabalharnaslavrase vender em Angola e Portugal. que recebeu, destaca-se destacar as virtudes da mulher. bilização do dinheiro, pode
fora do sistema do ensino. na praça Sabadão e na pracinha A próxima biblioteca vai ser ainda o African Art Award, O programa de requalifi- custar aos cofres do Estado
Rui Ramos, jornalista e coor- do Mulundu. A coordenação criada na Escola Delegado Eusé- do Museu Nacional Smith- cação está incluído no Orça- 3.090.807 kwanzas. O objec-
denador do projecto, disse ao e gestão do acervo bibliográ- bio Nelson, no Dundo e para o sonian de Arte Africana, mento Geral do Estado e tivo é ajudar na valorização
Jornal de Angola que a criação fico está a cargo do jornalista efeito os livros já se encontram em 2018, nos EUA. contempla a reconstituição da história dos antigos cinco
destabiblioteca,comosprimeiros e escritor Bússulo Dolivro. na Lunda-Norte. da estátua, de quase dois grandes reinos umbundu.
30 DESPORTO Terça-feira
18 de Junho de 2019

CAMPEONATO REGIONAL NORTE BASQUETEBOL EM CADEIRAS DE RODAS


JOSÉ SOARES | EDIÇÕES NOVEMBRO
Breves Malanje acolhe curso
CARLOS MAKIESSE
LAMENTA AUSÊNCIAS
DOS KARATECAS NOS
TREINOS DA SELECÇÃO
para técnicos de nível I
O treinador Carlos
Makiesse mostrou-se, Um curso para a formação de formativa.
ontem, tranquilo quanto treinadores de nível I de bas- Moniz Marques vai dissertar
às ausências dos atletas quetebol em cadeiras de rodas dos fundamentos de basque-
convocados no mês de realiza-se, de 1 a 5 de Julho, tebol em cadeiras de rodas
Maio, para integrarem os no Pavilhão Palanca Negra (aspectos técnicos e tácticos),
trabalhos da Selecção Gigante, na cidade de Malanje, e Paula Vunge sobre a classi-
Nacional de karaté dó de com a participação de 32 can- ficação funcional dos atletas.
seniores, em ambos os didatos e técnicos de 14 das Lino Chimuco, coorde-
sexos, visando a 18 províncias do país. nador para o basquetebol do
participação de 23 de António da Luz, secretá- CPA, também vai falar da
Agosto a 3 de Setembro, rio-geral do Comité Para- importância dos cartões dos
na XII edição dos Jogos límpico Angolano (CPA), que atletas, inscrições (provisória
Africanos, na cidade de avançou ontem a informação e definitiva), funcionamento
Rabat, Marrocos. ao Jornal de Angola, disse dos núcleos, e como solicitar
“Só está na Selecção que a formação vai ser orien- uma transferência de jogador.
Nacional quem se tada pelos prelectores Charles Luanda vai participar com
interessou pela Foster e Malcolm Bruce Lean, seis técnicos, seguida pela
convocatória que foi ambos sul-africanos, e os província de Malanje (cinco
enviada atempadamente angolanos Moniz Marques candidatos), Benguela, Bié,
aos clubes. Os ausentes (seleccionador nacional) e Cabinda, Cuanza-Norte,
não fazem falta”, disse o Paula Vunge (classificadora). Cuanza-Sul, Huíla, Moxico
técnico ao Jornal de O CPA aguarda pelo pro- e Namibe com dois. As Lun-
Angola. grama do curso dos sul-afri- das Norte e Sul participam
Da preparação, que canos, que chegam no final com um. O CPA aguarda a
começou no dia 1 deste do mês a Luanda, seguindo inscrição de dois represen-
Despique entre os kartings foi muito renhido e bastante aplaudido pelos inúmeros espectadores mês no ginásio da Banca, depois para o local da acção tantes do Cuando Cubango.
estão ausentes sem
justificação os atletas M.MACHANGONGO | EDIÇÕES NOVEMBRO

Daniel Cambala, Lungala

Circuito da Multiparques Ricardo e Nzuzi Mateus,


da Escola Sacrinor.
Etelvina Capitão, do
Petro de Luanda,

regista enchente inédita justificou com questões


laborais as faltas.
As Selecções Nacionais
efectuam às segundas,
quartas e sextas-feiras, às
Organização do campeonato promete melhorar a cada prova 18h00, o aprimoramento
e manter os pilotos de karting e motos mais unidos na capital da condição física
(resistência e corridas)
em recinto público
Armindo Pereira Em DD2, Nuno Diogo (3 Kap- e Daniel Spínola. aberto, e às terças
pas) não deu margem para Melo promete continuar (17h00), quintas-feiras
a oposição. O segundo e ter- a trabalhar depois do voto de (17h00) e sábado (7h30)
O Circuito da Multiparques, ceiro lugares foram ocupados confiança dado pelos pilotos trabalham no ginásio
em Viana, ao Km 30, voltou por Alberto Spinola (Ango- e o patrocinador. “Quiseram da Banca.
a registar um movimento truck) e Kélcio Pacheco (JPC), o meu regresso à organização No final do mês de Julho,
considerável de pessoas, que respectivamente. de provas, e nesta altura estou Carlos Makiesse, que
testemunharam a primeira Hélder Kiala, mentor da focado em melhorar a cada trabalha com 18 dos 21
jornada do Campeonato jovem promessa, diz sentir- edição. Mas isso só será pos- karatecas convocados,
Regional Norte (CRN), em se orgulhoso do pupilo pelo sível com o apoio de todos, reduz o grupo para dez.
Karting (DD2 e KZ) e Moto- crescimento, fruto do tra- porque o desporto motorizado
ciclismo ( YB, nos 125 cen- balho árduo desenvolvido, em Luanda teve momentos Disciplina pode crescer com entrada de novos treinadores
tímetros cúbicos), numa apesar das inúmeras difi- menos bons, muito por conta LOS ANGELES LAKERS
organização da RM3. culdades, volvidos durante dos desentendimentos no MAIS FORTES AO JUNTAR
Em declarações ao Jornal os últimos quatro anos. seio da classe”, aclarou. DAVIS E LEBRON JAMES
de Angola Rico Melo “Love”, O Circuito da Multiparques Anthony Davis vai mesmo NATAÇÃO EM ÁGUAS ABERTAS
afecto à organização, disse vai acolher mais uma das juntar-se a LeBron James
que não esperava pela mol- Esta primeira prova restantes três provas. A Cen- nos Los Angeles Lakers. O
d u ra h u m a n a p re s e n t e
naquele recinto. A novidade
do CRN contou
apenas com
tralidade do Kilamba e o
bairro do Camama constam
negócio está concluído e
leva um dos melhores João Duarte ocupa sexta
foi a integração da categoria corredores da igualmente do itinerário. jogadores da NBA para um
de “Motos Super 4”, nos
450cc, onde nove concor-
capital. No entanto,
Rico Melo avançou
“As decisões tomadas
merecem apreciação de
emblema histórico do
campeonato norte- posição dos Jogos da Praia
rentes disputaram os primei- a presença de todos. A vontade da maioria americano de basquetebol.
ros lugares do pódio, na prova Malanje, na prevalece e penso ser este o O namoro arrastava-se há Job Franco Em entrevista à Rádio Cinco,
patrocinada pela Angotruck. segunda jornada, melhor caminho para a con- alguns meses e, após a presidente do Comité Olím-
“Foi-nos feito o pedido. com um piloto solidação da família”. muitos avanços e recuos, O nadador angolano João pico Cabo-verdiano e coor-
É a primeira vez que vimos de Karting Esta primeira prova do acabou por se concretizar, Duarte terminou em sexto denadora dos Jogos Africanos,
evoluir as moto 4 em pista CRN contou apenas com cor- com Davis a seguir para os lugar nos Jogos Africanos da Filomena Fortes, mostrou-se
seca. Ficamos impressio- re dore s da capital . No Lakers, com os New cidade da Praia, Cabo Verde, satisfeita com a participação
nados com a desenvoltura “Fiquei com muito orgulho entanto, Rico Melo avançou Orleans Pelicans a em águas abertas, na distância dos países. “O objectivo prin-
deles e o público gostou. quando vi o meu pupilo Nuno a presença de Malanje, na receberem em troca os de 5 quilómetros, com a cipal é fazer bons e melhores
Quero aproveitar esta oca- Diogo com extrema maturi- segunda jornada, com um jogadores Brandon Ingram, marca de uma hora, 13 minu- jogos, de forma a que todos
sião, para anunciar a pre- dade, e uma condução cheia piloto de karting, classe DD2 Josh Hart e Lonzo Ball, tos e 17 segundos. saíam felizes”, disse.
sença desta classe até ao final de atitude. Conquistou as três e dois de YB, na primeira além de três escolhas da A prova foi disputada no As selecções de Marrocos
da presente temporada”, mangas em disputa. Hoje tor- quinzena de Julho. primeira ronda do Draft, domingo e vencida pelo mar- e da Argélia comandam o
revelou Love Melo. nou-se num dos alvos, se De realçar que o Instituto que são cedidas pela roquino Mathiieu Ben Rahou, quadro geral de medalhas da
Wesley Barros, Carlos não o principal a abater, na Nacional de Emergência formação de Los Angeles. com o tempo de 1h02, seguido primeira fase, ambas com 12,
Pinheiro e Fernandinho San- categoria DD2 do karting em Médica de Angola (INEMA), A contratação de Anthony pelo tunisino Haithem Mbarki, seguidas pela Tunísia e Cabo
tos ocuparam os primeiros Angola”, escreveu o ex-piloto. bem como os efectivos da Davis para juntar a LeBron com mais dois minutos que Verde (7), Nigéria e Botswana
lugares do pódio, nesta Apesar de tratar-se de iní- Polícia, não se fez presente, James insere-se na o vencedor. O argelino Betka (4), Namíbia, Uganda e Quénia
ordem . No s 1 2 5 cc ( YB ) cio de época, o responsável de modo a garantirem a segu- revolução que está em Ali Merouane completou o (2), Ilhas Maurícias, Burundi
Ziquito Pereira logrou a pri- da RM3 diz ter ficado “impres- rança do evento. marcha na equipa pódio, com registo de 1h06. e Costa do Marfim (1).
meira posição, seguido por sionado” com a performance O órgão reitor da modalidade californiana, que procura A competição, que de- O evento está a ser dispu-
Stilson Maisson e Márcio Yas. dos concorrentes. Por outro dividiu o país em duas regiões regressar aos dias de glória corre desde sexta-feira, tado nas modalidades de judo,
Nos karts, em KZ, Dany lado, lamentou o facto de a (Norte e Sul). A primeira integra na NBA, depois de na encerra no próximo domingo. futebol de praia, voleibol, bas-
Teixeira, do Team TD 22, classe Mini-Max, em karting, as províncias de Cabinda, Uíge, última época não ter Angola participa nas moda- quetebol (3×3), ténis, atle-
bateu a concorrência, seguido ter sido representada por ape- Zaire, Malanje, Lunda-Norte, sequer conseguido lidades de atletismo, bas- tismo, canoagem, karaté do,
por Jaime Duarte (3 Kappas) nas três corredores: Raylhande Lunda-Sul, Bengo, Cuanza-- alcançar o apuramento quetebol (3x3), voleibol e natação, freestyle football e
e Marco Barreira (Angotruck). Tavres, Guilherme de Paula Norte e Luanda. para os play-off. natação em águas abertas. kick-boxing.
DESPORTO Terça-feira
18 de Junho de 2019
Faltam 3 dias para o CAN do Egipto
21 de Junho a 19 de Julho 31
SELECÇÃO TRABALHA NO CAIRO
CLASSES SUB-17 E 20
TORNEIO INFANTIL EM PORTUGAL
1º de Agosto DR
Atletas fazem pacto de união
domina
provinciais para dignificar Angola no CAN
femininos Palancas Negras decidem não discutir prémios durante
a fase final da Taça de África das Nações a ter lugar no Egipto
Os Campeonatos Provin-
CONTREIRAS PIPA | EDIÇÕES NOVEMBRO
ciais Sub-17 e Sub-20 de
futebol feminino de Lu-
anda disputam-se bastante
animados e, no fim-de-
semana, registaram os Tricolores jogaram desfalcados durante a competição
triunfos do 1º de Agosto
sobre o Progresso Sambi-
zanga e Sol Nascente, em
jogos de acerto às primeira
e segunda jornadas.
Petro de Luanda
Para o provincial Sub-
17, as militares do Rio
Seco golearam a forma-
fica no sexto lugar
ção do Sol Nascente, por António Cristóvão
3-0, no campo Nicola
Berardinelli, nas insta- A equipa infantil de futebol do Petro de Luanda
lações do Quartel-Gene- regressa, hoje à noite, a Luanda, proveniente da
ral do Exército, em partida cidade do Porto, onde no fim-de-semana ocupou
de conclusão da segunda a sexta posição da classificação geral da 32ª edição
jornada. do torneio Fernando Pilar Cunha, disputado nas
Com este triunfo, o 1º Marinhas, no Distrito de Braga, Portugal.
de Agosto lidera isolado No desafio para as classificativas do 5º e 6º Selecção Nacional prepara o derradeiro amistoso com a África do Sul na próxima semana
o campeonato, com nove lugar, os tricolores do Eixo Viário perderam aos
pontos, seguido pelo Sol penalties com o Vitória Sport Clube, por 3-4, no Honorato Silva defensiva do 1º de Agosto, atletas, Gelson corre livre de
Nascente e Estrela FC, Estádio Padre Avelino Peres Filipe, em Esposende. formada por Tony Cabaça, qualquer dor, e Geraldo tra-
ambos com quatro. No final do tempo regulamentar (50 minutos) Desde ontem de manhã na Paizo, Isaac e Dany Masun- balha com o resto do grupo, o
O Gabriela FC segura registou-se um empate sem golos. cidade do Cairo, para a disputa guna, reforçada pelo médio ataque da equipa nacional tem
a “lanterna vermelha” Na primeira fase, o Petro começou sábado de da 32ª edição da Taça de África Show, permite encurtar dis- poder de fogo para visar as
na quarta e última posi- manhã com derrota diante do Sporting de Portugal, das Nações em futebol, a ser tâncias na interpretação dos balizas adversárias. São opções
ção da tabela classifica- por 1-3, para a primeira jornada da série A, e à realizada de 21 de Junho (sexta- movimentos ofensivos dos para o amistoso de amanhã.
tiva, sem pontuar após tarde os tricolores golearam o FC Marinhas (4- feira) a 19 de Julho, no Egipto, tunisinos, que exploram as No treino de ontem, o pri-
a disputa de três jornadas. 0), para a segunda ronda. os Palancas Negras decidi- rotinas do Esperance de Tu- meiro no Cairo, os Palancas
No próximo sábado, às Domingo, a formação do Eixo Viário foi goleada ram fazer um pacto de união, nis, adversário que travou um Negras fizeram banhos de
14h00, no seu reduto, as pelo Atlético de Madrid, por 0-5, para a terceira e focados no sucesso do país despique aceso com os mili- piscina e exercícios de recu-
militares recebem a Estrela última jornada da fase preliminar. João de Brito na prova continental. tares do Rio Seco, na discus- peração no ginásio do Radis-
FC, ao passo que o Sol Nas- “Joy”, do Petro, foi considerado melhor jogador do Liderado pelos “capitães” são da presença na final de son Hotel. A comitiva parte
cente desloca-se ao campo torneio e a equipa recebeu o prémio “Fair Play”. Mateus Galiano e Djalma Cam- 2018 da Liga dos Clubes Cam- na quinta-feira de manhã
das Malhas Lordes, no Para Portugal, o técnico António Cavimbi levou pos, os mais experientes do peões Africanos. para Suez, numa viagem de
município do Cazenga, onde os atletas Joy, Tonildo, Lázaro, Sérgio, Irineu, balneário, o grupo às ordens O treinador tem chamado 1h30 de autocarro.
joga com o Gabriela FC, em Fernandinho, Adriano, Júnior, Lito, Rosário e do sérvio Srdjan Vasiljevic a atenção dos jogadores, de Es tão à disposição da
desafios da quarta jornada. Victor Hugo. coloca de parte qualquer rei- forma reiterada, para a ne- equipa técnica os guarda-
Na competição de Sub- Os petrolíferos viajaram na sexta-feira passada, vindicação de cariz financeiro, cessidade de evitar ataques redes Tony Cabaça(1º de
20, o 1º de Agosto deslo- apenas com onze jogadores, devido a problemas durante a presença no CAN, pelas costas. O reposiciona- Agosto), Landu (Interclube)
cou-se ao bairro Lixeira, burocráticos na Embaixada portuguesa, em Luanda. cuja estreia no Grupo E acontece mento da defesa, em caso e Ndulu (Desportivo da Huíla).
onde goleou o Progresso O torneio foi ganho pelo Sporting de Portugal, no dia 24, próxima segunda- de perda da bola no processo Na defesa foram inscritos
Sambizanga, por 3-0, no que venceu na final, domingo à noite, o FC Porto, feira, frente à Tunísia, em Suez. ofensivo, é recomendação Paizo, Isaac e Dany Masun-
Complexo Escolar, em por 1-0, com golo solitário de Mamadu Queba. A Selecção Nacional cum- constante nas sessões de guna (1º de Agosto), Eddie
jogo de acerto da primeira pre hoje às 16h00, mais uma treino, dentro da filosofia de Afonso e Wilson Gaspar (Petro
jornada. Com este resul- sessão no Cairo, um treino jogo que dominou a cam- de Luanda), Jonathan Buatu
tado, a formação do Rio dominado pelo ensaio de panha de apuramento. (Rio Ave), Bastos (Lazio) e
Seco encostou-se ao variantes tácticas, visando o Bruno Gaspar (Sporting de
Kilamba FC na primeira BRASIL amistoso de amanhã, diante Equipa sem mazelas Portugal, os médios Herenil-
posição, ambos com dez da similar da África do Sul, Outra boa-nova é a recupe- son (Petro de Luanda), Show
pontos. As “sambilas” no derradeiro teste, depois ração dos avançados Gelson e Macaia (1º de Agosto) e Stél-
atrasaram-se no encalço da nota positiva de há uma Dala e Geraldo. Fora do treino vio (F91 Dundelange), bem
das formações da frente,
e estão na quarta posição,
36 imóveis de Neymar semana, na cidade portuguesa
de Penafiel, com a vitória de
de sábado, por problemas
clínicos, que obrigaram o
como os avançados Gelson
Dala (Sporting de Portugal,
com quatro pontos. 2-0 sobre a Guiné-Bissau. recurso a exames comple- Mateus Galiano (Boavista),
As duas partidas dis-
putaram-se somente no
bloqueados pela Justica Embora não seja seguidor
de equipas projectadas para
mentares num hospital em
Aveiro, por forma a avaliar a
Freddy (Antalyaspor), Djalma
Campos (Alanyaspor), Geraldo
fim-de-semana devido jogos com tracção atrás, Vasil- gravidade das lesões, os joga- (Al Ahly), Wilson Eduardo
a problemas adminis- Neymar tem 36 imóveis blo- desvio de verbas ao fisco, ocor- jevic tem dedicado particular dores integraram domingo o (Sporting de Braga), Mabululu
trativos das equipas na queados pela justiça brasileira, rido aquando da transferência atenção à consistência defen- grupo, sem limitações. (1º de Agosto) e Evandro Bran-
associação provincial. incluindo duas mansões de do brasileiro do Santos para siva. A aposta na estrutura A julgar pela entrega dos dão (Leixões).
Neste sábado dispu- luxo. Ou seja, o jogador do PSG o Barcelona. Os catalães teriam
tam-se os jogos da sexta pode usufruir das casas, mas pago 40 milhões de euros a
jornada da prova de Sub-
20, com realce para os
duelos entre 1º de Agosto
não as pode vender até resolver
o problema com o fisco, que
lhe pede quase 16 milhões de
uma empresa do pai de Ney-
mar ao longo de 2011, 2013 e
2014, mas as autoridades con-
Mali perde amistoso com Argélia em Doha
e Progresso, às 15h00, no euros. A notícia é avançada sideram que essa verba des-
campo Nicola Berardinelli. pelo jornal 'Folha de São Paulo', tinou-se ao jogador. Ou seja, As Águias do Mali, adversárias marcaram pelas Raposas do feira, onde se destacam os
Para a mesma jornada, que contabilizou 36 imóveis em vez de ter sido tributada dos Palancas Negras na terceira Deserto. Este foi o segundo guarda-redes Djigui Diarra, Ibra-
Sporting (6º/01) enfrenta o em nome do jogador, da família a 17 por cento (taxa do imposto e última jornada do Grupo E da desafio de preparação do Mali. him Mounkoro e Adama Keïta;
Gira Jovem(5º/03), às 9h00, ou das suas empresas. para empresas), deveria ter 32ª edição da Taça de África das Na sexta-feira passada empatou os defensores Molla Wagué,
no ZangoIII, enquanto no Entre os bens bloqueados sido a 27,7 por cento (taxa para Nações (CAN), que inicia nesta a uma bola com os Leões Indo- Hamari Traoré, Falaye Sacko,
mesmo horário o Paulo estão duas mansões - que pessoas singulares). sexta-feira na cidade do Cairo, máveis, em Marbella, Espanha. Massadio Haïdara, Youssouf
FC(3º/06) encara o Kilamba juntas têm 3 mil metros qua- Recorde-se que o jogador, Egipto, perdeu no domingo à Águias e Palancas Negras Koné, Amadou Fofana e Bou-
FC, no campo 22 de Agos- drados -, em Santos, e que que se encontra lesionado e noite diante das Raposas do defrontam-se no dia 2 de Julho, bacar Kiki Kouyaté; os médios
to,no Panguila, em Cacuaco. são utilizadas pela família por isso foi dispensado da Deserto da Argélia, por 2-3, em às 20h00, no Estádio Ismailia. Diadié Samassékou, Amadou
A sétima jornada disputa- do craque. Foram adquiridas selecção do Brasil que disputa Doha, Qatar, em jogo amistoso Resultado idêntico registou-se Haïdara, Cheick Doucouré,
se no dia 29 deste mês e em 2011 por 1,6 milhões de a Copa América, está a ser no quadro da preparação de no desafio entre Argélia e Ando- Lasana Coulibaly e Adama Traoré
inscreve o seguinte cartaz: euros, quando Neymar rece- vítima de uma acusação de ambas selecções. rinhas do Burundi, disputado e os avançados Moussa Djenepo,
Progresso-Paulo FC, Ki- beu um adiantamento de 10 violação. Como se não bas- Os golos das Águias foram terça-feira passada, no Estádio Moussa Doumbia, Abdoulaye
lamba FC-Sporting e Gira milhões de euros do Barce- tasse, o craque do PSG viu o apontados por Abdoulaye Diaby, 5 de Julho, na cidade de Argel. Diaby, Moussa Maraga, Kalifa
Jovem-1º de Agosto. lona, valendo agora o dobro, presidente do clube francês na marcação de um penaltie, e A equipa técnica das Águias Coulibaly, Adama Niane, Adama
António Cristóvão segundo o mesmo jornal. abrir nos últimos dias as portas Falaye Sacko, ao passo que Bou- anunciou a lista dos 23 jogadores Traoré e Sékou Koïta.
Em causa está um alegado à sua saída. nedjah, Belaili e Andy Delort para o CAN, na passada terça- António Cristóvão
PUBLICIDADE

TER18JUN

BACIA DO OKAVANGO GRADUAÇÃO PARA PAÍS DE RENDIMENTO MÉDIO

ALTO
60 milhões de dólares Nações Unidas apoiam
esforços do Executivo
para remoção de minas WEZA PASCOAL | EDIÇÕES NOVEMBRO
Edna Dala | no Prodesi e no fortaleci-
mento das instituições
Tecnologia O Governo angolano anun-
ciou ontem o investimento
O Sistema das Nações
Unidas vai continuar a
nacionais na provisão de
serviços básicos, leis e polí-
Satélite “Cansat”
de 60 milhões de dólares apoiar o Governo angolano ticas que contribuam para
Um pequeno satélite, deno- para a remoção de minas na promoção de parcerias a luta contra o VIH/Sida.
minado “Cansat”, produzido terrestres da bacia do rio e os esforços para Angola O ministro sublinhou
em Angola por especialistas
de várias universidades ango-
Okavango, no âmbito de uma se graduar da categoria de que o quadro de cooperação
lanas, vai ser lançado, na pró- conferência em Londres. País Menos Avançado para para o desenvolvimento
xima quarta-feira, em Cabo O financiamento, a aplicar País de Rendimento Médio sustentável surge de forma
Ledo, em Luanda. Ao contrário num projecto da organização até 2021. natural, enquanto iniciativa
do projecto Angosat, que apre- não-governamental britânica A decisão, segundo o conjunta ancorada na expe-
senta custos enormes e con- Halo Trust ao longo de cinco ministro da Economia e Pla- riência das Nações Unidas
cebido por técnicos de outros anos, destina-se a limpar 153 neamento, Pedro Luís da em diferentes áreas do
países, estas pequenas inicia- campos minados dentro dos Fonseca, consta da nova desenvolvimento humano
tivas podem ter mais impacto parques naturais de Mavinga iniciativa conjunta com vista e nos documentos reitores
no médio e longo prazo do e Luengue-Luiana, na pro- a dar corpo concreto a alguns do Governo angolano que
que os grandes projectos. Des-
de logo porque no processo
víncia de Cuando Cubango. dos eixos estratégicos con- procuram, através de polí-
de criação e concepção estão Na região, disse James templados no Plano Nacio- ticas e projectos concretos
envolvidas equipas nacionais, Cowan, presidente executivo nal de Desenvolvimento de intervenção, amenizar
que acabam por desenvolver da Halo Trust, vive 50 por 2018-2022. Pedro Luís da os efeitos da crise econó-
as suas capacidades e aplicar cento da população de ele- Fonseca discursava na sessão mica, financeira e social.
os seus conhecimentos em fantes do mundo e tem uma de abertura da reunião de Pedro Luís da Fonseca
iniciativas concretas. grande diversidade de vida apresentação do novo qua- lembrou que as Nações
Cuando Cubango é a província com mais campos minados
s e lva g e m , a b ra n g e n d o dro de parceria entre Angola Unidas apoiam o Governo
Angola, Botswana, Namíbia, e a ONU (Undaf 2020-2022). angolano no processo de
Zâmbia e Zimbabwe. Ambiente, Paula Coelho, vin- em Angola. Na última década, A concretização da ini- graduação da categoria
Todavia, a presença de cou que este investimento não o financiamento internacio- ciativa, disse, passa pelo dos PMA na elaboração
minas terrestres impede será apenas aplicado na des- nal caiu 80 por cento, de um fortalecimento das insti- dos relatórios nacionais
BAIXO tanto o trabalho de ambien- minagem, mas também na pico de 48,1 milhões de dóla- tuições nacionais para d e d e s e nvo lv i m e n t o
talistas como o uso das terras certificação de terrenos limpos, res em 2006 para um mínimo alcançar a diversificação humano, bem como na
para agricultura. para atrair investidores. histórico de 3,1 milhões de económica, o aumento da integração dos objectivos
A região tem também “Angola tem o potencial dólares em 2017. capacidade produtiva das de desenvolvimento sus-
potencial em termos turís- de abrigar mais elefantes do Para Angola atingir o objec- pequenas e médias empre- tentável (ODS), no Plano
ticos, podendo beneficiar que tem agora”, garantiu tivo de eliminar todas as minas sas e corporativas, com d e D e s e nvo lv i m e n to
globalmente cerca de 500 Paula Coelho, referindo o terrestres até 2025 precisa de uma ligação forte aos objec- Nacional e na planificação
Espectáculos mil pessoas, adiantou Adriano desejo de colaboração com 275 milhões de dólares, ou tivos e políticas contidas do orçamento nacional.
Barulho a horas impróprias Gonçalves, director de Rela- outros países da Comunidade 40 milhões de dólares por
ções Internacionais da Comis- de Desenvolvimento da ano. Porém, o relatório estima
O assunto é recorrente e já se são Nacional Intersectorial África Austral (SADC) para que, à taxa actual de finan-
tornou irrelevante tendo em con- de Desminagem e Assistência facilitar a circulação destes ciamento, o objectivo só será
ta o desprezo das autoridades
BÊNÇÃO APOSTÓLICA
Humanitária (CNIDAH). animais na região. atingido em 2046.
por estas questões. No último A Halo Trust estima que De acordo com um rela- A conferência foi con-
fim-de-semana,15e16deJunho,
um hotel situado na Rua Coman-
dante Valódia, em Luanda, rea-
sejam precisos mais 60 milhões
de dólares para limpar os cam-
pos minados restantes junto
tório do grupo parlamentar
interpartidário britânico
sobre Angola, produzido pelo
cluída pelo príncipe Harry,
que participou noutros even-
tos relacionados com a remo-
Papa saúda angolanos
lizou um espectáculo alusivo ao
Dia da Criança Africana. Ao longo aos parques naturais, tendo Chatham House, a província ção de minas terrestres, O Papa Franciscoendereçou De acordo com o porta-voz
de dois dias, os moradores tive- Cowan lançado um apelo a do Cubango Cubango é a seguindo os passos da mãe, ontem a sua bênção apos- da CEAST, D. Belmiro Chis-
ram que suportar, entre as 15 contribuições para completar mais afectada do país, repre- que apadrinhou a campanha tólica a todos os angolanos, sengueti, o diálogo perma-
horas e a meia-noite, o som en- o financiamento necessário. sentando 25 por cento do ao visitar Angola em 1997. no final de um encontro, nente com outras religiões
surdecedor de músicas infantis O projecto foi revelado durante total dos campos minados, O príncipe recordou a no Vaticano, de hora e meia, e a criação de novas dioceses
e não só, que faziam estremecer a conferência "Remoção de correspondente a cerca de visita que efectuou em 2013 com os bispos da Confe- em regiões com territórios
as portas e as paredes das casas Minas, Conservação Natural e 22 quilómetros quadrados. e o impacto das minas ter- rência Episcopal de Angola muito extensos também
ao redor. Há semanas, uma festa Desenvolvimento Económico Até 2017, 15 anos depois do restres não só na população, e São Tomé (CEAST), que mereceu uma abordagem
no mesmo espaço estendeu-se
em Angola", organizado no fim do conflito armado, a Halo mas também “no ambiente chegaram a 9 deste mês a durante o encontro com o
até às 6 horas da manhã. É uma
desilusão saber que os promo- Instituto Real de Relações Inter- Trust, juntamente com as orga- e na vida selvagem, e con- Roma para a visita “Ad Papa Francisco.
tores destes eventos considerem, nacionais - Chatham House, nizações Mines Advisory Group sequentemente na econo- Limina Apostolorum”, que Com o fim, ontem, da
por motivos comerciais, que é em parceria com a Halo Trust. (MAG) e Norwegian's People mia” nacional, fazendo deste terminou ontem. visita “Ad Limina”, os bis-
aceitável fazer barulho sem con- Numa intervenção no final Aid (NPA) tinham limpado 56 um “problema humanitá- O Papa exortou os bispos pos da CEAST entram em
sideração pelos vizinhos. do evento, a ministra do por cento dos campos minados rio”. da CEAST a uma “maior retiro espiritual, de 18 a 22
proximidade com os seus deste mês, em Roma.
sacerdotes, ouvi-los, para Durante os oito dias do
que ninguém se sinta desa- encontro “Ad Limina”, que
ÁFRICA DO SUL citada pela imprensa local, celebrações do Dia da nimado na sua missão”. terminou ontem, os bispos
no momento do embate, o Juventude, quando se deu Durante o encontro com da CEAST visitaram a Con-

Acidente de viação mini-autocarro levava mais


dez passageiros a mais. Três
passageiros do autocarro
o acidente.
DR
o Sumo Pontífice, foram
abordados assuntos ligados
ao I Congresso Nacional do
gregação do Culto Divino
e a Disciplina dos Sacra-
mentos, a Congregação

mata 24 pessoas ficaram feridos.


“Acredita-se que um dos
condutores perdeu o con-
Clero, a realizar-se de 15 a
19 de Agosto, o florescimento
das vocações nas dioceses,
para a Evangelização dos
Povos, a Congregação para
a Doutrina da Fé, a Con-
Pelo menos 24 pessoas de Limpopo (nordeste), trolo do veículo e chocou assim como as enchentes gregação para a Causa dos
morreram na sequência anunciou ontem o Minis- de frente com outro numa nos seminários com can- Santos e a Congregação
de uma colisão entre um tério dos Transportes. curva apertada”, explicou. didatos ao sacerdócio e à para os Institutos de Vida
mini-autocarro e autocarro De acordo com a porta- Segundo o portal news24, vida consagrada. Foi tam- Consagrada e as Sociedades
durante a noite de domingo, voz do departamento, os passageiros do mini- bém destacado o problema de Vida Apostólica e, tam-
na província sul-africana Ayanda - A llie Paine , autocarro regressavam das dos matrimónios nulos e a bém, os Dicastérios para
questão de casais separados. o Laicado, Família e Vida.